Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

sábado, 28 de fevereiro de 2009

Fla goleia em jogo-treino na Gávea

Os jogadores do Flamengo se reapresentaram neste sábado, na Gávea, e fizeram um jogo-treino com o Craque Sports. No fim, o Rubro-Negro goleou por 6 a 0, com gols de Everton Silva, Kleberson, Maxi, Everton, Obina e Paulo Sérgio. O técnico Cuca observou uma nova formação, com várias alterações em relação ao time que disputou a Taça Guanabara.

Na primeira etapa, a equipe titular teve: Bruno; Everton Silva, Fábio Luciano, Welinton e Juan; Airton (Kleberson), Toró, Ibson (Erick Flores) e Leo Moura; Zé Roberto e Josiel. Everton Silva e Kleberson marcaram e deixaram o placar 2 a 0.

Após o intervalo, Cuca fez muitas modificações, e o time atuou com: Marcelo Lomba; Fierro, Douglas, Thiago Sales e Egídio; Kleberson (Aírton), Erick Flores (Paulo Sérgio), Marcelinho Paraíba e Everton; Maxi e Obina. Maxi, Everton, Obina e Paulo Sérgio completaram o placar.

O amistoso serviu de preparação para a estreia do Flamengo na Copa do Brasil, quarta-feira, contra o Ivinhema-MS, em Campo Grande.

Promessa da base, Wellinton surpreende Cuca: ‘Ele está pronto’

A saída de Fábio Luciano da equipe titular não passou de um susto, mas outra surpresa do treinamento tático de quinta-feira se torna cada vez mais uma realidade na Gávea: Wellinton. Campeão sul-americano sub-20 com a seleção brasileira, o jovem de 19 anos tem enchido os olhos de Cuca nos treinamentos, e deve estrear entre os profissionais realmente contra o Ivinhema (MS), quarta-feira, pela Copa do Brasil. Nem que seja no decorrer do jogo.

Campeão sul-americano sub-20, Wellinton marcou Obina em seu primeiro treino como titular do Fla

- Não me preocupo com o Wellinton. É um menino pronto, está me surpreendendo. Esperamos até fazer essas mexidas durante o jogo para testar o pessoal contra o Ivinhema (MS).

O treinador reforçou que tem alternado a zaga com o jovem ao lado de Douglas e Fábio Luciano visando a estreia na Taça Rio, e avisou que pretende observar também outros valores da base rubro-negra.

- Esse exercício que a gente faz de posicionamento é pensando também no outro domingo (estreia na Taça Rio, contra a Cabofriense). Quero observar também o Lucas, dos juniores, isso faz parte do contexto. Ele foi muito bem na Copa São Paulo.

Cartão laranja é descartado pela Fifa

Tema mais polêmico da reunião da International Board (IFAB) neste sábado, na Irlanda do Norte, o cartão laranja foi vetado pelo comitê da Fifa. Assim, o futebol não terá a possibilidade de expulsão por apenas alguns minutos, como em esportes como o rúgbi.

A principal mudança autorizada pela IFAB foi a autorização de usar mais auxiliares nas partidas, após a experiência ter sido considerada positiva nas últimas eliminatórias da Eurocopa Sub-19, em outubro e novembro de 2008. O comitê da Fifa permitiu que os testes sejam feitos agora em ligas profissionais.

A regra do impedimento passará a ter no texto o que já era uma orientação. Se um jogador deixar o campo sem autorização do juiz, ele será considerado como se estivesse na linha do seu gol, podendo dar condição legal de jogo ao atacante, até que o jogo seja parado.

Sobre a permanência de treinadores na área técnica, a IFAB afirmou que os profissionais poderão ficar no local à beira do gramado sem precisar retornar ao banco se tiverem comportamento “responsável”.

O comitê, que conta com quatro representantes da Fifa e um de cada federação britânica (Inglesa, Escocesa, Irlandesa e Galesa), vetou ainda a ideia de aumentar o tempo de intervalo e decidiu que a proposta sobre o aumento do número de substituições na prorrogação seja discutida pela própria Fifa depois.

O que é a International Board

A International Board é a entidade que cuida das regras do futebol e suas mudanças. É formada por quatro integrantes da Fifa e um de cada uma das federações britânicas: Inglesa, Escocesa, Irlandesa e Galesa. Para que uma mudança seja aprovada, a proposta deve ter os quatro votos da Fifa, mais dois dos outros quatro integrantes.

A reunião inaugural da International Board foi realizada em 1886, 18 anos antes da fundação da Fifa. A cada ano, são realizados dois encontros. O primeiro, entre fevereiro e março, discute as regras do futebol. O segundo, entre setembro e outubro, trata apenas de questões internas.

Algumas mudanças nas regras nos últimos 20 anos:

1979: o árbitro tem de erguer o braço para indicar que a cobrança de falta é indireta.

1982: é instituída a punição por sobrepasso do goleiro.

1986: o cobrador do pênalti precisa ser identificado.

1988: as traves devem ser brancas.

1990: fim do impedimento em cobrança de lateral e para o caso de um jogador na mesma linha do atacante (desde que haja outro adversário à frente).

1992: é proibido o goleiro pegar uma bola recuada por um jogador do mesmo time.

1994: é permitida uma terceira substituição, desde que o jogador a entrar seja o goleiro reserva.

1995: passam a valer três substituições, seja o goleiro reserva ou não.

1997: o goleiro pode se movimentar para os lados no momento do pênalti.

2000: o goleiro só pode segurar a bola por seis segundos.

2002: a publicidade só pode estampar a camisa do jogador, ficando proibida em calção, meia ou chuteira.

2003: a publicidade volta a ser liberada.

2004: é permitido o jogo em grama artificial.

2005: qualquer parte do corpo, excluindo-se os braços, serve como parâmetro para decidir um impedimento.

2007: fica proibida a exibição de camisas com conteúdo político, religioso ou pessoal

Federação divulga dias e horários das partidas do segundo turno do Estadual

A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro divulgou em seu site oficial a tabela detalhada com dias e horários dos jogos da Taça Rio, o segundo turno do Campeonato Carioca - os mandos de campo já estavam definidos. Agora, as equipes de uma chave enfrentam as da outra, e o primeiro clássico acontece logo na segunda rodada: Botafogo e vasco se enfrentam no dia 12, quinta-feira, às 19h30m, no Engenhão.

O Grupo A é formado por Vasco, Fluminense, Madureira, Resende, Cabofriense, Duque de Caxias, Americano e Tigres. O Grupo B conta com Botafogo, Flamengo, Bangu, Macaé, Friburguense, Boavista, Volta Redonda e Mesquita.

Segundo a programação, as semifinais acontecerão nos dias 11 e 12 de abril, sábado e domingo de Semana Santa. A final está marcada para o dia 19. O campeão do returno estará automaticamente classificado para a final do Campeonato Carioca, mas se já tiver conquistado a Taça Guanabara será declarado automaticamente campeão estadual de 2009.

Se cada turno tiver um campeão diferente, a competição será decidida em dois jogos, marcados para os dias 26 de abril e 3 de maio, no Maracanã. Os horários das semifinais da Taça Rio e da decisão do Carioca ainda não estão definidos.

Confira os dias e horários dos jogos da Taça Rio:

1ª rodada

DATA JOGO HORÁRIO LOCAL
07/03 Boavista x Duque de Caxias 16h Elcyr Resende de Mendonça
07/03 Madureira x Bangu 16h Edson Passos
07/03 Flamengo x Cabofriense 18h15m Maracanã
08/03 Vasco x Friburguense 16h São Januário
08/03 Resende x Macaé 16h Estádio do Trabalhador
08/03 Volta Redonda x Americano 16h Raulino de Oliveira
08/03 Mesquita x Fluminense 16h Engenhão
08/03 Tigres x Botafogo 20h30m De Los Larios

2ª rodada

DATA JOGO HORÁRIO LOCAL
11/03 Macaé x Madureira 16h Arena Guanabara
11/03 Fluminense x Volta Redonda 19h30m Maracanã
11/03 Friburguense x Tigres 20h30m Eduardo Guinle
11/03 Duque de Caxias x Flamengo 21h50m Raulino de Oliveira
12/03 Bangu x Resende 16h Moça Bonita
12/03 Botafogo x Vasco 19h30m Engenhão
12/03 Americano x Mesquita 19h30m Godofredo Cruz
12/03 Cabofriense x Boavista 19h30m Alair Corrêa

3ª rodada

DATA JOGO HORÁRIO LOCAL
14/03 Flamengo x Tigres 16h Maracanã
14/03 Duque de Caxias x Friburguense 18h15m Marrentão
14/03 Volta Redonda x Madureira 20h30m Raulino de Oliveira
15/03 Boavista x Vasco 16h Elcyr Resende de Mendonça
15/03 Fluminense x Macaé 16h Maracanã
15/03 Mesquita x Resende 16h Nielsen Louzada
15/03 Cabofriense x Botafogo 18h30m Alair Corrêa
15/03 Americano x Bangu 18h30m Godofredo Cruz

4ª rodada

DATA JOGO HORÁRIO LOCAL
21/03 Bangu x Fluminense 16h Moça Bonita
21/03 Madureira x Mesquita 16h Edson Passos/Conselheiro Galvão
21/03 Macaé x Americano 16h Arena Guanabara
21/03 Flamengo x Mesquita 19h30m Maracanã
22/03 Tigres x Boavista 18h30m De Los Larios
22/03 Friburguense x Cabofriense 16h Eduardo Guinle
22/03 Botafogo x Duque de Caxias 16h Engenhão
22/03 Vasco x Flamengo 18h Maracanã

5ª rodada

DATA JOGO HORÁRIO LOCAL
25/03 Bangu x Cabofriense 16h Moça Bonita
25/03 Madureira x Flamengo 16h Edson Passos
25/03 Resende x Boavista 16h Estádio do Trabalhador
25/03 Macaé x Duque de Caxias 16h Arena Guanabara
25/03 Botafogo x Americano 19h30m Engenhão
25/03 Friburguense x Fluminense 19h30m Eduardo Guinle
25/03 Tigres x Volta Redonda 20h30m De Los Larios
25/03 Vasco x Mesquita 21h50m São Januário

6ª rodada

DATA JOGO HORÁRIO LOCAL
28/03 Mesquita x Tigres 16h Nielsen Louzada
28/03 Boavista x Madureira 16h Elcyr Resende de Mendonça
28/03 Duque de Caxias x Bangu 16h Marrentão
28/03 Flamengo x Resende 16h10m Engenhão
28/03 Volta Redonda x Vasco 18h15m Raulino de Oliveira
28/03 Americano x Friburguense 18h30m Godofredo Cruz
28/03 Cabofriense x Macaé 19h30m Alair Corrêa
28/03 Fluminense x Botafogo 20h30m Maracanã

7ª rodada

DATA JOGO HORÁRIO LOCAL
31/03 Duque de Caxias x Mesquita 16h Marrentão
31/03 Botafogo x Madureira 19h30m Engenhão
31/03 Cabofriense x Volta Redonda 20h30m Alair Corrêa
31/03 Macaé x Vasco 21h50m Maracanã
02/04 Bangu x Tigres 16h Moça Bonita
02/04 Americano x Flamengo 19h30m Godofredo Cruz
02/04 Friburguense x Resende 19h30m Eduardo Guinle
02/04 Fluminense x Boavista 21h50m Maracanã

8ª rodada

DATA JOGO HORÁRIO LOCAL
05/04 Vasco x Bangu 16h São Januário
05/04 Madureira x Friburguense 16h Edson Passos/Conselheiro Galvão
05/04 Resende x Botafogo 16h Edson Passos/Eduardo Guinle
05/04 Tigres x Macaé 16h De Los Larios
05/04 Flamengo x Fluminense 16h Maracanã
05/04 Volta Redonda x Duque de Caxias 16h Raulino de Oliveira
05/04 Boavista x Americano 16h Elcyr Resende de Mendonça
05/04 Mesquita x Cabofriense 16h Nielsen Louzada

Semifinais

DATA JOGO HORÁRIO LOCAL
11 ou 12/04 1º A ou 1º B x 2º B ou 2º A A definir Maracanã
11 ou 12/04 1º A ou 1º B x 2º B ou 2º A A definir Maracanã

Angelim aparece na Gávea e começa fisioterapia na coxa direita

Enquanto Cuca testa Wellinton, Thiago Sales e Douglas para a vaga de quarto zagueiro, o dono da posição deu nesta sexta-feira mais um passo para retornar ao time. Pela primeira vez desde que realizou uma cirurgia na coxa direita, no último dia 13, Ronaldo Angelim esteve na Gávea e deu início ao trabalho de fisioterapia.

Ainda com os pontos no local da operação, o zagueiro fez um trabalho leve na piscina. A expectativa é a de que retorne ao time dentro de quatro semanas.

- Começamos bem devagar o trabalho de recuperação. Tem que ter calma para poder fazer os movimentos normalmente – disse o jogador, que ainda tem dificuldades para levantar a perna direita.

Sem Ronaldo Angelim, o Flamengo encara o Ivinhema (MS), em Campo Grande, na próxima quarta-feira, pela estreia na Copa do Brasil.

Psicólogo diz que Obina está bem tranquilo

Nos últimos dias, o psicólogo do Flamengo, Paulo Ribeiro, passou parte dos dias conversando separadamente com Obina. Segundo Paulo, nenhum assunto específico foi abordado. Mas ele sentiu Obina bem mais tranquilo do que no começo da temporada.

– Ele já esteve mais ansioso. O Obina sabe que vai acabar com o jejum de gols e voltar a brilhar. Ele se conhece. Já é um jogador ansioso e qualquer ansiedade a mais atrapalha – disse Paulo, garantindo que os jogadores já esqueceram a derrota para o Resende.

– Digo sempre que o futebol é um dos poucos esportes que dá para se superar na semana seguinte. Esse é o espírito.

Flamengo massacra o Bira Lajeado e passa a ter o melhor aproveitamento

Após jogar as cinco primeiras partidas na estrada, o Flamengo já está deixando a torcida mal-acostumada no Rio de Janeiro. Na sexta-feira, o Rubro-Negro disputou sua segunda partida em casa no Novo Basquete Brasil. E atropelou de novo. A equipe do técnico Paulo Chupeta, que já tinha batido o líder Joinville na quarta, arrasou o Bira Lajeado. A vitória por 110 a 69 deixa os cariocas como o time de melhor aproveitamento do NBB, com apenas uma derrota.

Nesta sexta, a torcida que foi ao Tijuca Tênis Clube viu o Flamengo passear em quadra. Marcelinho anotou 24 pontos e pegou nove rebotes para liderar a equipe da casa. Jefferson fez 18 pontos, e Baby contribuiu com 14. Pela equipe gaúcha, os cestinhas foram Ildes e Audrei, com 17 pontos cada.

Logo no primeiro quarto, o Flamengo já deixou claro que estava disposto a não dar sopa para o azar. O time da casa venceu a parcial por 32 a 16 e não olhou mais para trás. Nos dois períodos seguintes, a diferença no placar só aumentou – na virada para os últimos 10 minutos, já era de 41 pontos.

Os jogadores do Rubro-Negro relaxaram um pouco no último quarto, mas nem assim Lajeado conseguiu cortar o abismo no placar.

No domingo, às 11h, o Flamengo tem mais um compromisso no Rio, também no Tijuca. O adversário será o Bauru, em jogo adiado da sétima rodada.

Confira os resultados da nona rodada do NBB:

Limeira 88 x 85 Brasília
Paulistano 78 x 67 Cetaf Vila Velha
Pinheiros 83 x 75 Saldanha da Gama
Bauru 92 x 74 Franca
Assis 81 x 79 Araraquara
Flamengo 110 x 69 Bira Lajeado

O jogo entre Joinville e Minas foi adiado.

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Fábio Luciano elogia postura da diretoria

Na última semana, os jogadores ficaram na expectativa de ver parte dos salários atrasados em suas contas por causa do discurso da diretoria. O pagamento não saiu e ficou um clima de frustração. Para evitar nova expectativa, a diretoria resolveu trabalhar em silêncio e a nova postura agradou ao capitão Fábio Luciano.

Segundo o zagueiro, as conversas com Kléber Leite continuam constantes, mas não há qualquer prazo. Fábio disse que o esforço continua e que em breve os dois meses de atraso, dezembro e janeiro, estão próximos de ser quitados.

– Eles tomaram a decisão correta. Antes falava-se em datas e prazos que não puderam ser cumpridos. Agora não se fala nisso para não criar falsas expectativas. É melhor assim, trabalhar e chegar com o problema solucionado – afirmou.

A ideia da diretoria, sem anunciar oficialmente os prazos, é quitar pelo menos dezembro no início da próxima semana. A expectativa é a de que o contrato com a Petrobras seja finalmente assinado. Para que isso aconteça, é necessário regulamentar uma série de certidões. O valor do novo contrato é de pouco mais de R$ 14 milhões.

Por maior proteção e dinamismo, Leo Moura é confirmado como meia

Em má fase na lateral-direita, jogador dividirá com Ibson a responsabilidade de criar jogadas no meio-campo


Maior novidade do novo Flamengo, a entrada de Leonardo Moura no meio-campo pegou muitos rubro-negros de surpresa. Vaiado na lateral-direita, o jogador chegou a admitir que não está rendendo o esperado em 2009. Para Cuca, a nova função mudará esse panorama, além de deixar o setor mais arrumado.

- O Leo vai encorpar bem o nosso meio ao lado do Ibson, e temos dois volantes por trás para dar contenção maior e com qualidade na saída de bola. Temos que ter essa proteção e dinamismo.

Com a nova formação titular aprovada, Cuca comemorou também a semana produtiva dos jogadores reservas. O treinador garante que todos que ficarem no banco estão prontos para aproveitarem qualquer oportunidade.

- Kleberson treinou bem, assim como o Ercik, o Paulo Sérgio, o Maxi... Estou sentindo uma evolução desse pessoal, e isso é muito importante.

O Flamengo estreia na Copa do Brasil na próxima quarta-feira, em Campo Grande, contra o Ivinhema (MS).

Capitão confiante em absolvição: 'Vou usar como defesa a minha sinceridade'

Esclarecido o mal entendido, Fábio Luciano segue como titular do Flamengo. No entanto, essa certeza existe apenas para a estreia na Copa do Brasil contra o Ivinhema (MS), quarta-feira, em Campo Grande. Tudo isso porque o zagueiro pode ser forçado a desfalcar a equipe por até seis partidas, por conta da expulsão contra o Resende, na semifinal da Taça GB.

Denunciado pelo árbitro Felipe Gomes da Silva na súmula da partida, o jogador deve ser indiciado pelo Tribunal de Justiça Desportiva em breve.

- Estou esperando. Não quero ficar fora. Quero que seja só um jogo. Realmente falei um palavrão, mas pela situação. Estava muito longe. Se tivesse perto, seria uma ofensa, mas estava distante. Pela situação do jogo, cobrar cinco vezes o impedimento me deixou nervoso.

Fábio Luciano usa uma experiência recente para manter a confiança na absolvição. Segundo o jogador, falando a verdade ele terá percorrido boa parte do caminho para fugir da punição, assim como fez no Brasileirão de 2008.

- Vou usar como defesa minha sinceridade. Contra o Cruzeiro o Simon colocou muitos palavrões e ficou provado que não disse. Dessa vez não, vou falar realmente que falei um palavrão, mas não para ele. Se fosse para ele iria me dirigir a ele e falaria até outras coisas.

Caso o capitão seja punido, Cuca já vem treinando a dupla de zaga com Wellinton e Douglas para uma emergência. O treinador viu o relato da súmula e considerou exagerado.

- Vi a súmula, e a situação não se encaixa em ofensa a pessoal, mas como um desabafo. A gente precisando ganhar o jogo e por causa de 10cm o árbitro mandava repetir a cobrança. Hoje em dia todo mundo quer dar velocidade ao jogo.


Toró é poupado, mas não preocupa para a estréia na Copa do Brasil

Substituto de Willians na partida da próxima quarta-feira, contra o Ivinhema (MS), em Campo Grande, pela primeira fase da Copa do Brasil, Toró foi poupado do treino tático comandado por Cuca, nesta sexta-feira, na Gávea. O volante, que reclamou de dores musculares, deu apenas voltas no gramado, mas está confirmado na delegação que segue para o Mato Grosso do Sul na próxima segunda.

Durante a atividade, o treinador dividiu o elenco em dois grupos e fez trabalhos táticos de ataque e defesa. No sistema defensivo, duas formações foram testadas: a primeira com Éverton Silva, Fábio Luciano e Wellinton, depois com Douglas na vaga do capitão.

No setor ofensivo, a única surpresa foi a participação de Obina ao lado de Josiel em determinado período da atividade. No entanto, Zé Roberto e o camisa 9 devem formar o ataque titular.

Cartão laranja e outras novidades podem invadir o futebol neste ano

O jogador do seu time comete uma falta mais dura no adversário. O árbitro se aproxima dele e se prepara para mostrar o cartão. A partir deste ano, essa história poderá ter um final a mais. Além do amarelo e do vermelho, entra em cena o cartão laranja - que não apenas adverte nem expulsa definitivamente.

A novidade, que excluiria o jogador da partida por alguns minutos, será votada neste sábado pela International Board, na Irlanda do Norte, em reunião a partir de 6h30m (de Brasília). Se for aprovada, será a primeira grande mudança nas regras do futebol depois de nove anos. Outras propostas serão votadas. O intervalo de 20 minutos, a quarta substituição em caso de prorrogação e o direito do treinador de permanecer na área técnica são outros destaques (confira no infográfico abaixo).

Leo Moura admite má fase, mas garante que no fim do ano será um dos melhores

Se reconhecer o erro é o primeiro passo para a correção, o torcedor do Flamengo pode acreditar em um Leo Moura mais produtivo a partir da estreia na Copa do Brasil, quarta-feira, contra o Ivinhema (MS), em Campo Grande. Vaiado nas últimas partidas, o lateral-direito admite que não vive um bom momento, mas mostra confiança de que a volta por cima acontecerá em breve.

- Esse ano ainda não rendi o que vinha rendendo no início dos outros anos. Tenho consciência e tranqüilidade que no final o meu nome vai estar entre os melhores laterais.

Entre os melhores laterais ou meias. Isso porque Cuca escalou o jogador como armador da equipe na nova formação. Everton Santos ocupa a lateral, função que Leo só exercerá defensivamente.

- Vamos ter que se adaptar ao novo esquema. Não estamos acostumados, mas não teremos dificuldades. O Juan passou por isso na seleção, eu também, vamos nos enquadrar a isso – garantiu.

A tendência é que o Flamengo encare o Ivinhema (MS) com Bruno, Éverton Silva, Fábio Luciano e Juan; Airton, Toró, Ibson e Leo Moura; Zé Roberto e Josiel.

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Flamengo tenta encostar nos líderes do NBB

Depois de derrotar o líder Joinville, em casa, o Flamengo faz a segunda partida diante de sua torcida contra o Univates/Bira, 27/02 às 21h, no ginásio do Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro.

O time carioca quer aproveitar o jogo em casa para se aproximar dos líderes do NBB. O rubro-negro está na quinta colocação, com 11 pontos, mas tem dois jogos a menos que o Joinville, por causa de sua participação na Liga Sul-Americana de Clubes.

Já o Univates/Bira vem em recuperação. Depois de perder seus cinco primeiros jogos no NBB, a equipe de Lajeado (RS) obteve duas vitórias consecutivas e subiu para o 13º lugar, com nove pontos.

Além de encarar o Univates/Bira, o Flamengo também entra em quadra no próximo domingo, às 11h, contra o GRSA/Bauru, em jogo remarcado válido pela sétima rodada do NBB.


Treino tático decifra detalhes do novo Fla

Se pela manhã, o coletivo com 12 jogadores em cada equipe e a ausência de Fabio Luciano entre os titulares deu o tom misterioso ao treinamento do Flamengo, na parte da tarde a atividade tática comandada por Cuca deu indícios de qual será a cara da equipe para o restante da temporada.

Em campo reduzido, o treinador mandou o gramado uma equipe com Éverton Silva, Juan, Toró, Airton (Kleberson), Ibson, Leo Moura, Zé Roberto e Josiel com a missão de criar jogadas ofensivas, marcar a saída de bola do adversário e impedir os contra-ataques. A única incógnita segue sendo a zaga. No entanto, a tendência é que Fábio Luciano e Douglas formem o setor na estreia da Copa do Brasil, diante do Ivinhema (MS), e Wellinton substitua o capitão na primeira rodada da Taça Rio, contra o Cabofriense. Airton, outro suspenso, daria lugar a Kleberson.

Com esta formação, o Mengão jogaria em um "falso" 4-4-2, assim como Cuca escalou o Botafogo durante um bom tempo, quando comandava a equipe de General Severiano. A diferença neste caso é a transformação de Éverton Silva em zagueiro pela direita, quando a equipe não tiver a posse de bola. Lá na cachorrada, essa variação acontecia do lado esquerdo.

Rapidinhas do Mengão!


Willians não enfrenta o Ivinhema (MS) na próxima quarta-feira pela Copa do Brasil
Com uma lesão na coxa direita, volante é vetado, e Toró entra em seu lugar

Árbitro explica expulsão de Fábio Luciano
Zagueiro do Flamengo teria dito palavrões ao árbitro após ter que repetir cobrança de impedimento pela terceira vez

Jade Barbosa encontra motivo para sorrir: está namorando pela primeira vez
Apesar de lesão grave, ginasta segue confiante em voltar às competições

Três em um, Everton Silva surge como curinga rubro-negro
Lateral-direito é escalado como titular e treina também na lateral-esquerda e na zaga

Everton Silva, do Fla, sonha jogar na Inter
Lateral-direito se espelha em Maicon, da Seleção, que atua pelo time italiano

No estilo ‘parece, mas não é’, Leo Moura comenta mudanças: ‘Nem vi isso aí’
Lateral-direito diz que treinamento desta quinta-feira teve função tática e não definiu alterações na equipe titular

Josiel aposta na matemática para dar conta do recado como titular
Atacante acredita que tem ido bem jogando apenas 20 minutos por jogo. Ele acha que as chances de gols tendem a aumentar atuando os 90

Fla completa dois meses de atrasados e Cuca diz: ‘Não quero nem saber disso’
Preocupado em recuperar a qualidade técnica da equipe, comandante garante que ‘amanhã ou depois’ tudo ficará resolvido

Mesmo ameaçado, Leonardo Moura recebe elogios de Cuca
Treinador não garante lateral-direito como titular, mas diz que se trata de uma peça importantíssima e um grande caráter

Bruno afirma: 'O ano ainda não acabou'
Goleiro diz que equipe tem potencial para dar a volta por cima no Carioca

Cuca promove cinco mudanças no time titular

O técnico Cuca disse que faria algumas mudanças no time titular do Flamengo mas o treinador radicalizou no treino tático desta quinta-feira pela manhã, na Gávea. O comandando rubro-negro promoveu cinco alterações na equipe. A mudança mais inesperada aconteceu no setor defensivo. O capitão da equipe Fábio Luciano treinou entre os reservas e a zaga foi formada por Douglas e o recém-promovido Welinton no lugar de Thiago Sales.

Cuca ainda promoveu outras mudanças significativas, como a saída de Marcelinho Paraíba da equipe e o posicionamento de Léo Moura no meio de campo. Além disso, Willians foi barrado no setor para a entrada de Toró. No ataque, ficou confirmada a entrada de Josiel no lugar de Obina.

Tanto os titulares quanto os reservas tiveram um jogador a mais na linha. Por isso, Léo Moura acredita que as alterações não são definitivas.

- Acho que ainda é cedo e que esse treino não define a equipe. Foi uma atividade para jogarmos agrupados, diminuir os espaços, aumentar a posse de bola e compatcar o time. Estávamos deixando a desejar nestes quesitos - disse o lateral-direito.

A equipe titular venceu o treino tático por 5 a 2, com dois gols de Ibson, dois de Josiel e um de Juan. O time teve um jogador a mais na linha e foi escalado com Bruno; Everton Silva, Douglas, Welinton e Juan; Aírton, Toró, Kleberson, Léo Moura e Ibson, Zé Roberto e Josiel.

Torcida empurra, e Flamengo atropela o líder do NBB na estreia de Baby no Rio

O Flamengo não decepcionou sua torcida em sua estreia em casa no Novo Basquete Brasil (NBB). Com uma grande atuação do pivô Baby, o Rubro-Negro arrasou o Joinville por 105 a 83, na noite desta quarta-feira, no ginásio do Tijuca Tênis Clube.

Em seu primeiro jogo pelo Flamengo no Rio de Janeiro, Baby anotou um duplo-duplo, com 24 pontos e 11 rebotes, e ajudou a conter Shilton. O pivô do Joinville, melhor reboteiro da competição, pegou apenas seis sobras nesta quarta.

O cestinha da partida foi o ala-armador Marcelinho, também do Rubro-Negro, com 26 pontos. Pelo Joinville, o maior pontuador foi Jefferson, com 17. Todos seus acertos, no entanto, foram no primeiro set. Ele foi substituído e saiu mancando no começo do terceiro período.

- Às vezes, nem parecia que a gente estava jogando em casa. Não é o ginásio em que a gente treina, mas a torcida está de parabéns por ter apoiado o tempo inteiro. Foi importante para mim jogar aqui no Rio porque minha família veio. Minha esposa já estava reclamando porque estou no Flamengo há cinco meses e ela ainda não tinha visto nenhum jogo meu - brincou Baby, após o jogo.

O Flamengo/Petrobras volta à quadra do Tijuca na próxima sexta-feira (27/02), contra o Univates/Bira, de Lajeado, às 21h, com transmissão ao vivo do Sportv.

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Com apoio da diretoria, Cuca faz mistério sobre mudanças, mas confirma Josiel

Os nomes só serão anunciados no treino da manhã de quinta-feira, mas é fato que o Flamengo que entrará em campo na próxima quarta-feira, em Campo Grande, para encarar o Ivinhema (MS), pela Copa do Brasil, sofrerá mudanças em relação ao que foi eliminado na Taça GB pelo Resende. Cuca prefere manter o respeito aos jogadores que perderão suas vagas, só que não abre mão das substituições.

- Vou mexer no time em escala média. Já está na minha cabeça essa mudança tática e quem vai executá-la. Prefiro esperar. O profissional não vai saber que vai sair do time via mídia, mas pelo treinador.

O treinador garantiu que não encontrará resistência no clube para fazer as alterações que bem entender na equipe e garante que os testes físicos realizados ao longo da semana podem ser determinantes na disputa por um lugar entre os 11 titulares.

- Tive reuniões e tenho autonomia para fazer as alterações táticas necessárias. Peço paciência, mas o momento é de avaliação física em cima de cada jogador para podermos trabalhar de foram individual parte aeróbica e outras coisas. É bom para o grupo ficar homogêneo. É horrível estar eliminado, mas temos que tirar proveito e força dessa situação.

Apesar de tentar fazer mistério, Cuca revelou que um jogador em especial finalmente terá sua oportunidade: Josiel.

- Não gostaria de adiantar, mas se tornou notório para todos que ele vai jogar. O Obina segue sendo muito importante e vai nos ajudar. Mas o momento é do Josiel.

Willians não participa da avaliação física da parte da tarde

O volante Willians não participou da reavaliação física na tarde desta quarta-feira, na Gávea. Ele acusou fortes dores musculares na coxa direita e foi poupado pelo departamento médico. Willians será submetido a um exame de imagem para avaliar a gravidade da lesão.

Na última segunda, o jogador já não havia participado do treinamento por não ter conseguido chegar a tempo. Willians, inclusive, foi multado em 10% do seu salário. A multa será convertida em cestas básicas para uma instituição de caridade a ser definida pelo clube.

Fla não poderá priorizar nenhuma competição

A eliminação precoce na Taça Guanabara causou um rebuliço no planejamento traçado pelo Flamengo neste primeiro semestre. Inicialmente, o clube tinha a intenção de faturar o primeiro turno do Carioca para poder se dedicar exclusivamente à Copa do Brasil na mesma época da Taça Rio.

Como a meta imaginada antes da temporada não foi alcançada, o Flamengo terá a obrigação de conciliar as duas competições sem ter o direito de errar em nenhuma delas.

O Rubro-Negro estreará na Copa do Brasil na próxima quarta-feira, em Campo Grande, contra o Ivinhema (MS). O lateral-esquerdo Juan pretende usar bem o regulamento do torneio como receita para afastar a nuvem negra que vem rondando a Gávea nos últimos dias.

– Para alívio imediato, o que temos de conseguir é eliminar o jogo da volta da Copa do Brasil. Sabemos que será tudo mais difícil após a derrota na Taça Guanabara, mas vamos lutar pelos dois títulos – declarou.

Juan garante que entrega não vai faltar para que o Flamengo tenha êxito em ambas as frentes:

– Temos de ir até o nosso limite. A Taça Rio é muito mais difícil, porque trata-se da última chance de todos para chegar à final do Carioca. Espero que o time encaixe logo para podermos vencer as partidas.

O meia-atacante Zé Roberto tem ciência de que o Flamengo terá de dar o máximo em todos os jogos, independentemente da competição que pertençam. O camisa 10, por outro lado, ainda lamenta a derrota para o Resende na semifinal da Taça Guanabara, no último sábado.

– Pela qualidade do nosso elenco não podemos escolher nenhuma competição, temos de entrar para ganhar as duas. Nós gostaríamos de estar na final, porque sabemos que tínhamos condições. Sempre procuramos vencer tudo, mas, infelizmente, não deu. Agora temos a Taça Rio para vencer e continuar buscando o tri, sem esquecer a Copa do Brasil – disse Zé Roberto.

Preparo físico pode definir titulares do Fla

A reavaliação física do elenco rubro-negro acabou nesta quarta-feira. Foram três dias de intensos testes que, segundo a comissão técnica, serão decisivos na escalação do time para o restante da temporada. Centro de polêmica no início da semana, o preparador físico Riva Carli não quis nem saber das caras feias dos jogadores.

– Sei quando um quer e quando outro se esconde. Eu quero um elenco de atletas e não apenas de jogadores de futebol. Aqui vamos sempre buscar o alto nível. E vai jogar quem estiver assim. Não vou elogiar quem não mereça – afirmou o preparador, que rechaçou qualquer problema com Juan.

– Ele questionou no momento errado, mas não temos problemas. Gosto dele como atleta.

Riva não citou, mas deu a entender que jogadores como Jônatas e Toró ainda não estão no limite ideal. No entanto, ele elogiou a força de vontade mostrada por Obina.

– Ele terá essa preocupação sempre e, por isso, costuma treinar mais do que os outros – explicou.

Bruno 'quebra' promessa e corta o cabelo

Depois de cerca de dez meses, Bruno apareceu nesta quarta-feira, na Gávea, com o cabelo cortado.

O goleiro colocou um ponto final na promessa de ficar com os cabelos longos até que o Flamengo conquistasse um título importante, sem contar o Campeonato Carioca. Se tivesse mantido a “prenda”, o goleiro teria que manter as madeixas, no mínimo, até o mês de julho, quando acaba a Copa do Brasil.

O clube, por sinal, estreia na competição no próximo dia 4 de março, em Campo Grande, contra o Ivinhema (MS).


Rapidinhas do Mengão!


Trabalho duro para acabar com as gordurinhas extras na Gávea
Riva Carli revela que quatro jogadores ainda estão acima do peso e diz que trabalho de reavaliação física já estava nos planos

Na teoria, mudança de esquema beneficia atacantes. Já na prática...
Josiel admite que 4-4-2 pode aproximar a equipe ofensivamente, mas lembra que na prática o time tem que render com qualquer esquema

Em compasso de espera, Josiel garante: ‘Posso mostrar ainda mais’
Artilheiro do Fla na temporada deve herdar vaga de Obina na estreia da Copa do Brasil, contra o Ivinhema (MS)

A semana passa e nada de bola na Gávea
Rubro-negros seguem trabalho de ‘pré-temporada’ com a realização de exames de sangue e testes físicos na Quarta-feira de Cinzas

Zé Roberto mira Copa do Brasil e Taça Rio e avisa: 'Não tem nada acabado
Rubro-negro encerra lamentações pela eliminação na Taça GB e traça novas metas para o Flamengo na temporada

Demora para 'se encontrar' deixa rubro-negros com dúvidas para 2009
Juan admite que time não consegue se encontrar em 2009, e situação faz com que ambiente na Gávea não fique tranquilo

Hoje tem Flamengo, Novo Basquete Brasil

Após conquistar a vice-liderança do grupo “A” da Liga Sul-Americana, Flamengo volta a focar NBB.

Nada de descanso para o atual Campeão Brasileiro de Basquete. Recém saído da disputa da primeira fase do grupo “A” da Liga Sul-Americanas de Clubes, na qual terminou na vice-liderança, o time do Flamengo/Petrobras volta o foco para as próximas partidas do Novo Basquete Brasil.

Confira os três próximos confrontos do Flamengo/Petrobras pelo NBB:

Dia 25/02 (quarta-feira), às 20h, no Tijuca: Flamengo/Petrobras x Ciser/Araldite/Univille/Joinville

Dia 27/02 (sexta-feira), às 21h, no Tijuca:Flamengo/Petrobras x Univates/Bira, com Transmissão ao vivo do Sportv 2

Dia 01/03 (domingo), às 11h, no Tijuca: Flamengo/Petrobras x GRSA/Itabom/Bauru.

terça-feira, 24 de fevereiro de 2009

O oba-oba impera na Gávea

Não é de hoje que o oba-oba reina entre o time do Flamengo. No ano passado, com Caio Jr, o time treinava em apenas um período por dia e, com a sequência de jogos às quartas e domingos, o técnico dispensava os atletas das atividades físicas para não desgastá-los. O time chegou até a ficar 1 mês sem treinos com bola.

Cuca e sua equipe parecem estar querendo mudar essa rotina e vem desagradando grande parte do elenco que chegou a pedir folga na segunda e terça de Carnaval. Esse pedido soa até como um desrespeito ao torcedor depois do "massacre" sofrido diante da sofrível equipe do Resende. Parece que o time não precisa treinar, que tudo está perfeito diante das "fantásticas" exibições na Taça GB.

Leonardo Moura, que virou empresário da mulher, a cantora Perlla, e tem acompanhado a artista em constantes shows noturnos, deixando de se cuidar fisicamente.

Marcelinho Paraíba, enquanto não receber, finge que joga.

Fabio Luciano, velho e acabado.

Obina, gordo e ridículo.

Zé Roberto, esqueceu o futebol em algum lugar.

Kleberson, parece uma barata tonta em campo.

Juan, só sabe reclamar.

Jonatas é um belo jogador, quando quer. Mas não está nem aí para nada. Não quer saber de se esforçar. Reclama de tudo e fica de cara feia. Acha que joga mais do que realmente joga.

A famosa frase do Vampeta quando se despediu do Flamengo serve perfeitamente para analisar o desempenho do time neste ano: "Eles fingem que pagam e a gente finge que joga".

Para quem ganha 80, 90, 100, 150, 200 mil ou mais deve ser muito sacrificante correr em volta do campo durante 40 minutos. E ainda mais treinar na segunda e na terça de Carnaval.

Posso estar errado, mas acredito que a "panelinha" para derrubar o Cuca já está formada e ganhando cada vez mais adeptos que acham que treino é bobagem. Como diria o Romário: "treinar pra quê?". A única diferença é que na hora H ele fazia o que dele se esperava.

Rapidinhas do Mengão!


Obediente, Zé Roberto avalia treinos físicos: ‘Não gostamos, mas é necessário’
Meia-atacante diz que eliminação na Taça GB deixou parte do elenco nervosa na reapresentação, mas que caso é página virada

Zé Roberto admite: 'Ninguém tem jogado bem'
Apoiador não se considera absoluto na equipe titular do Flamengo

Cuca explica maus resultados em decisões
Treinador acredita que depois do primeiro título tudo vai correr melhor

Cuca garante: 'Vou fazer de tudo pela Taça Rio'
Técnico tenta virar a página e pede que a torcida confie em seu trabalho

Cabeça de Jônatas teria sido pedida no Flamengo
Volante teve seu terceiro ato de indisciplina no clube no ano. Nesta segunda-feira, ele discutiu com o preparador físico

Paz e amor, Juan sepulta discussão: ‘Pedi desculpas e está tudo certo’

Bem-humorado, Juan levou na boa toda a polêmica envolvendo a discussão que teve com o preparador físico Riva Carli durante o treino de segunda-feira, na Gávea. Nesta terça, o lateral-esquerdo não poupou esforços na atividade desenvolvida pelo próprio Riva e revelou que a paz entre os dois já tinha sido selada no dia anterior.

- No mesmo dia conversei com o Riva, mostrei o meu lado, ele o dele, e não tem problema. É um cara que eu gosto. Pedi desculpas e está tudo certo.

O jogador se mostrou impressionado com a proporção que o caso tomou. Multado em 10% pela diretoria, Juan não negou que cometeu um erro, mas afirmou que a saída do treino antes do 40 minutos propostos para a corrida não foi por corpo mole.

- Exageraram. Foi um questionamento sobre o trabalho. Eu tinha jogado, era provável que não jogasse o jogo inteiro, o desgaste foi grande. Errei, não devia falar daquela maneira, mas é uma coisa normal do futebol. A gente conversa bastante. Muita gente acha que é migué (corpo mole), mas não é verdade. Tomou uma proporção maior pela fase que a gente está vivendo.

Eliminado na Taça GB, o Flamengo volta a jogar somente no próximo dia 4 de março, em Campo Grande, contra o Ivinhema (MS), pela primeira fase da Copa do Brasil.

Juan é multado em 10% dos salários

O dinheiro não bate na conta dos jogadores do Flamengo há algum tempo. No entanto, o atraso do pagamento do salários referente a dezembro e o vencimento do mês de janeiro nesta quarta-feira não impossibilitou a diretoria de punir Juan pelo desentendimento com o preparador físico Riva Carli na última segunda-feira.

Nesta terça, o departamento de futebol rubro-negro anunciou que o lateral-esquerdo foi multado em 10% de seus vencimentos, que serão revertidos em donativos para instituições de caridade.

O planejamento dos dirigentes é para quitar as dívidas com o elenco ainda esta semana ou, no mais tardar, no início da próxima. O clube trabalha em três frentes para arrecadar dinheiro e amenizar o caos financeiro que toma conta da Gávea em 2009.

‘O momento não é de desespero. Isso só atrapalha’, pede Zé Roberto

Ao mesmo tempo em que a frustração com a eliminação na semifinal da Taça Guanabara está evidente na face dos jogadores do Flamengo esta semana, na Gávea a mobilização é para tentar “minimizar” a tragédia, levantar a cabeça e voltar o foco para a Copa do Brasil e a Taça Rio. Depois de Kleber Leite e Cuca demonstrarem paciência, foi a vez de Zé Roberto zelar pelo trabalho que já foi realizado.

- Não podemos nos levar pela emoção do torcedor. Ele tem que ser respeitado, porque incentiva e quer resultado. Isso é normal. Mas quem está no dia-a-dia sabe que não é por uma derrota que 40 dias de trabalho serão jogados fora. Perdemos quando não podíamos e estamos decepcionados. Só que não é momento de desespero. Isso só atrapalha.

No entanto, nem tudo seguirá intacto na Era Cuca. Conforme o próprio técnico avisou, o esquema tático será alterado e Zé Roberto projeta briga boa por posição.

- O grupo tem muitos jogadores. Todo mundo tem condição de jogar e tem que trabalhar. Os últimos jogos mostraram isso, temos que melhorar bastante. Desde o dia em que cheguei, falei que não tinha vaga garantida. Até pela qualidade do elenco. Quem tiver a oportunidade de jogar, tem que mostrar potencial. No banco temos jogadores com condições de ser titular.

'Jogos Olímpicos' decretam paz na Gávea

A insatisfação deu lugar a resignação e disposição nesta terça-feira de carnaval na Gávea. Depois dos protestos no dia anterior, o elenco do Flamengo mais uma vez fez apenas trabalhos físicos. O preparador Riva Carli se reuniu com os jogadores no centro do gramado, antes da atividade, para esclarecer qualquer tipo de problema e depois dividiu o grupo para uma reavaliação.

Como se fossem as Olimpíadas do Rubro-Negro, os atletas executaram um circuito sob a orientação dos preparadores físicos que continha exercícios similares a salto em altura, salto em distância, corrida com obstáculos, tiros de velocidade e, por fim, uma minimaratona.

Protagonista de uma discussão com Riva Carli na reapresentação do elenco rubro-negro, o lateral Juan desta vez não reclamou da carga de exercícios, muito menos alegou dores para abandonar as atividades

Psicólogo do Fla comenta situação do time: 'Temos que juntar os cacos'

Há 20 anos trabalhando no Flamengo, o psicólogo Paulo Ribeiro está preocupado com o ambiente e a atual situação da equipe rubro-negra. A eliminação da Taça Guanabara e os salários atrasados têm mexido com os nervos dos jogadores. No treino da última segunda-feira, Jônatas mostrou insatisfação, Juan discutiu com o preparador-físico Riva Carli, e Cuca teve conversas com jogadores como Ibson e Maxi. Sem esconder a apreensão com o "barril de pólvora" rubro-negro, Paulo Ribeiro afirma que é hora de se buscar tranquilidade.

- Estou um pouco triste pelo momento que o Flamengo vive. O momento em que as coisas não vão bem, é o momento para ter calma, tranquilidade. O futebol é muito bonito, pois te dá possibilidades de se recuperar. Esse calor que está acontecendo é oriundo da derrota na Taça Guanabara. Temos que ir com tudo no segundo turno. Na vida, há momentos em que a gente vive mais triste, mais estressado, mas em dois ou três dias estaremos recuperados e mais focados nos objetivos. Vou trabalhar individualmente com cada jogador e tentar aglutinar esse grupo. Temos que juntar os cacos - disse o psicólogo, em entrevista à Rádio Brasil.

Paulo Ribeiro também não esconde que o problema dos salários atrasados tem irritado bastante todo o elenco. Ele diz que é preciso paciência e cooperação de todos. Quanto à torcida, o psicólogo afirma que fica bastante incomodado com as vaias aos jogadores.

- Por diversas vezes trabalhei a cabeça de jogadores aqui no Flamengo por causa de salários atrasados. A nossa situação é pública e bem difícil, financeiramente falando. Mas se não fizermos nossa parte, não sairemos dessa situação. Acredito que o clube tenta fazer a parte dele, mas as dificuldades são grandes. A torcida também tem que jogar junto. As vaias são atitudes que não são condizentes com a torcida do Flamengo. É óbvio que existe insatisfação, mas os torcedores precisam estar do nosso lado nesse momento - completou.

Prestes a dobrar dívida com elenco, Fla aguarda solução ainda para esta semana

Cuca e o elenco descartaram qualquer relação entre o atraso dos salários e a derrota por 3 a 1 para o Resende, sábado, pela semifinal da Taça Guanabara. Mas para evitar que novamente a questão seja levantada, a diretoria do Flamengo corre atrás de dinheiro para colocar em dia suas obrigações com os jogadores.

Devendo o mês de dezembro, o clube duplicará seu débito nesta quarta-feira, quando vence também janeiro. No entanto, a expectativa é que uma solução seja encontrada ainda nesta semana.

- Neste reinício de semana, esperamos começar a sanar esse problema. O vice-presidente de finanças trabalha nesse sentido. Entre quinta e sexta-feira, esperamos dar uma ajeitada. No carnaval é difícil e até natural não conseguir entrar em contato com as pessoas – disse Kleber Leite.

Antes da semifinal da Taça Guanabara, o dirigente se mostrou otimista quanto ao pagamento de metade da dívida na última sexta-feira. A engenharia financeira planejada, entretanto, não deu certo, e apenas os funcionários, em virtude de uma ordem judicial, tiveram o débito abatido.

Fracasso faz técnico abrir os olhos: 'Nosso esquema de jogo é previsível'

Por quase dois anos, o esquema que privilegiava os avanços dos laterais Leo Moura e Juan e a proteção a zaga com três zagueiros e dois volantes foi sinônimo de sucesso no Flamengo. Campeão estadual e, principalmente, protagonista da arrancada que tirou o time da zona de rebaixamento do Brasileirão e o levou à Libertadores em 2007, a forma de jogar, porém, deve ter seu fim decretado em breve.

Irritado com as más atuações em 2009 e a eliminação na semifinal da Taça Guanabara, Cuca admitiu que está cada vez mais fácil para os adversários marcar o Flamengo, e prometeu novidades para a Copa do Brasil e a Taça Rio.

- Estamos com um esquema há muito tempo, e ele já se tornou previsível. Vamos ter tempo para trabalhar a parte tática e visar à Copa do Brasil e à Taça Rio. Tenho em mente e vou colocar isso em prática.

A surpresa de Cuca deverá ser vista pela primeira vez na partida contra o Ivinhema-MS, em Campo Grande, pela estreia na Copa do Brasil, dia 4 de março.

Júnior na Mangueira

O ex-jogador do Mengão e comentarista da TV Globo Júnior é um dos torcedores da Mangueira mais assumidos do mundo do esporte. Na madrugada desta terça, ele se vestiu com cores da escola de samba do Rio de Janeiro e desfilou no chão, à frente do carro que trouxe os componentes da Velha Guarda.

Jônatas demonstra insatisfação no treino, e paciência de Cuca já não é a mesma

A trégua com Cuca estabelecida no início da temporada, que rendeu a Jônatas oportunidades no time do Flamengo durante a Taça Guanabara, parece estar estremecida. Após o vazamento da informação de que a dupla teria tido uma conversa séria no vestiário depois da partida contra o Boavista (empate em 2 a 2, no dia 11 de fevereiro), o volante até foi titular no empate em 1 a 1 no clássico contra o Botafogo, mas desde então alguns desencontros têm acontecido.

Na semana que antecedeu a semifinal da do primeiro turno do Campeonato Carioca, na fatídica eliminação diante do Resende, o jogador sentiu um desconforto muscular e foi poupado das atividades até quarta-feira. No dia seguinte, no entanto, se sentiu apto a trabalhar com os companheiros e questionou o fato de seguir ausente. O próprio vice de futebol, Kleber Leite, revelou o que chamou de falha de comunicação entre a comissão técnica e o departamento médico.

Nesta segunda-feira, Jônatas, assim como Juan, reclamou do trabalho físico proposto pelo preparador Riva Carli, e Cuca não demonstrou muita paciência ao comentar o caso.

- O Jônatas sempre questiona os trabalhos - limitou-se a responder, dando a entender que o volante começa a perder espaço.

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

Kleber Leite volta a criticar árbitro, mas diz que time foi 'tão pífio quanto'

As fortes críticas feitas ao árbitro Felipe Gomes da Silva no intervalo da derrota do Flamengo por 3 a 1 para o Resende, sábado, e que podem levá-lo ao tribunal não foram retiradas, mas Kleber Leite as dividiu com a equipe. O dirigente, que se reuniu com o elenco nesta segunda-feira, na Gávea, reforçou que a arbitragem não foi feliz na semifinal da Taça Guanabara, só que o Fla não pode vacilar tanto em momentos decisivos.

- Tivemos inegavelmente uma atuação muito ruim do árbitro da partida, debilidade momentânea, mas tão pífio quanto a arbitragem foi nosso time, e em um momento decisivo. No Flamengo, somos preparados para momentos decisivos.

Kleber Leite não quis revelar detalhes da conversa com os jogadores e pediu uma reflexão coletiva.

- É assunto de ordem interna. O teor é mais ou menos óbvio. É momento de fazer uma profunda reflexão. O que foi colocado foi no sentido de encontrar explicações, que cada um faça uma reflexão.

De "positivo" para o vice de futebol, somente o fato de a tragédia ter acontecido no começo da temporada e com tempo para ser revertida.

- Menos mal que tenha acontecido nesse início de ano. Vamos reunir forças. É preciso que o grupo esteja unido.

'Tem que trabalhar e não questionar nada', decreta Cuca

O técnico Cuca fez uma análise sobre o problema de ambiente que nesta segunda-feira foi evidenciado na Gávea. Os jogadores reclamaram do intenso trabalho físico e chegaram a discutir com preparador Riva Carli.

Cuca comentou a queixa de Juan e criticou duramente o volante Jônatas por mais um ato de indisciplina. Por conta da fase do Flamengo, o treinador acredita que o trabalho tem de ser prioridade.

- O questionamento do Juan foi em cima de quem jogou os 90 minutos ter de fazer o treinamento completo. Jônatas não jogou, mas fez o mesmo questionamento. Ele, aliás, sempre questiona os trabalhos. Mas todos temos que trabalhar. O momento não é de questionar absolutamente nada. Nos momentos adversos o que se tem de fazer é trabalhar - declarou.

Juan xinga preparador físico na Gávea

A segunda-feira de carnaval dos jogadores do Flamengo não teve espaço para folia e todos pegaram pesado no trabalho. A dureza na atividade física deixou a grande maioria descontente. O lateral-esquerdo Juan chegou a xingar o preparador físico Riva Carli ao saber que teria de correr no gramado durante 40 minutos. Isso depois de fazer musculação também por 40 minutos.

Riva Carli sugeriu aos jogadores que a atividade era para soltar a musculatura. Juan rebateu: "Quarenta minutos é para soltar? Não f...". Depois do xingamento, o lateral foi fazer seu exercícios visivelmente contrariado e depois de 20 minutos alegou sentir dores na perna direita, chamou o médico do clube e seguiu para o vestiário.

O clima na Gávea estava tão ruim que este não foi o único imbróglio. Chateado com a carga de trabalho, Jônatas também chegou a bater-boca com o preparador físico.

O vice de futebol do Flamengo, Kléber Leite, preferiu minimizar os casos de indisciplina enquanto estes não os fossem passados diretamente.

- Ainda não me passaram nenhum problema disciplinar. Não posso tomar atitude sem saber direitinho das coisas - disse.

Bloco da eliminação: cinzas chegam antes da quarta-feira à Gávea






















Ainda faltam dois dias para o fim do carnaval, mas o clima de fim de festa no Flamengo chegou antes mesmo da Quarta-feira de Cinzas. Na reapresentação do elenco, nesta segunda-feira, na Gávea, a frustração era evidente no rosto dos jogadores. Sem esboçarem um sorriso sequer, o grupo chegou para trabalhar e logo foi convocado para uma reunião com a cúpula do futebol e toda a comissão técnica.

Sentados no centro do gramado, os rubro-negros conversaram por cerca de 20 minutos. Os mais falantes foram o vice-presidente de futebol, Kleber Leite, e o técnico Cuca, que não descarta tirar a equipe do Rio de Janeiro até a estreia na Copa do Brasil, contra o Ivinhema (MS), em Campo Grande, no próximo dia 4 de março.

Depois do encontro, nada de bola. Dividido em dois, o grupo fez apenas trabalhos físicos no campo e na academia.

Cartão Laranja

O futebol italiano mostrou-se disposto a experimentar o uso do cartão laranja, que permitirá expulsar um jogador durante alguns minutos, conforme acontece em algumas outras modalidades esportivas.

A ideia foi criada por Pierluigi Collina, resposável pela arbitragem na Itália.

Flamengo já põe seu pensamento na Taça Rio

Após dar um vexame no sábado passado ao perder por 3 a 1 para o Resende, na semifinal da Taça Guanabara, os jogadores do Flamengo já mudaram seus pensamentos. Como já não dá mais para conquistar o primeiro turno do Estadual, não resta outra alternativa se não colocar o foco na Taça Rio.

- Vamos tomar muita pancada e é assim mesmo. É um time vencedor e que vai brigar muito na Taça Rio - disse o zagueiro Fábio Luciano.

A estréia do clube na Taça Rio será contra a Cabofriense, no Maracanã, daqui a dois fins de semana. Por causa da eliminação precoce da Taça Guanabara, a preparação do clube para a o segundo turno começou um dia antes do previsto e há até uma possibilidade de o Rubro-Negro se concentrar fora do Rio de Janeiro nesta semana.

Mesmo após a derrota para o Resende, os jogadores estão confiantes no título.

- O bom no Flamengo é que a gente quebra a cara e papai do céu ainda olha para a gente. A Taça Rio tá aí - afirmou o goleiro Bruno.

O recente histórico da Taça Rio não é favorável ao Flamengo. A última vez que o clube levantou o troféu da competição foi em 2000.