Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

sábado, 5 de dezembro de 2009

Parte dos ingressos do jogo Fla X Grêmio foi desviada para cambistas, diz polícia

Torcedores do Flamengo viveram esta semana momentos de tensão tentando ingresso para o jogo deste domingo (6). Muitos não conseguiram. Segundo a polícia, parte dos ingressos foi desviada para ser vendida por cambistas.

Fulvio Silva do Nascimento, gerente da BWA, empresa que confecciona e vende ingressos dentro do Maracanã, foi preso neste sábado (5). O irmão do gerente, Fagner do Nascimento, supervisor da empresa, e mais quatro funcionários também foram detidos.

De acordo com agentes, eles compravam entradas antes que elas chegassem às bilheterias e repassavam para cambistas com preço muito acima do valor real. Quatro cambistas também estão na cadeia, um deles é guarda municipal.

O grupo ainda vendia bilhetes de meia-entrada para qualquer torcedor, independentemente da idade, que passavam pelas roletas sem ser importunados.

Também havia o esquema chamado fura-fila. Bilheteiros e funcionários que costumam organizar a fila de venda de ingressos facilitavam a chegada dos cambistas aos guichês, que segundo as investigações, compravam, no mínimo, dez ingressos de cada vez.

Foi assim que cambistas agiram na quarta-feira (2), dia da venda dos últimos ingressos para o jogo de domingo (6) entre Flamengo e Grêmio. Nem precisaram passar noites na fila, nem precisaram enfrentar tumulto, correria e gás lacrimogêneo.

Para o jogo Flamengo e Grêmio foram postos à venda 76 mil ingressos. A polícia afirma que 20% foram desviados pela quadrilha, um total de 15,2 mil. Bilhetes que podem ter sido vendidos com ágio de até 500% e ter gerado um lucro de R$ 4,5 milhões, é o que revelaram as investigações.

Na operação da manhã desse sábado, os policiais estiveram no escritório da BWA no Maracanã, que teve que ser aberto por um chaveiro. Oito mil ingressos foram apreendidos.

“A gente acredita que esses ingressos estariam fazendo parte do esquema montado por essa empresa. Eles estariam retardando a venda desses ingressos para poder lucrar mais, quanto mais próximo do jogo, maior o preço do ingresso, obviamente maior o lucro”, explica o delegado Rodrigo Oliveira.

A empresa BWA e o Flamengo informaram que esses bilhetes estavam reservados para serem distribuídos entre crianças, idosos e deficientes, que, por lei, podem entrar de graça no estádio. No Maracanã, por exemplo, segundo a direção do clube, há duas catracas para receber esse público na hora da abertura dos portões. O Tribunal de Justiça determinou que a polícia devolva os ingressos e fiscalize a distribuição de graça no domingo (6).

A direção da BWA, que fica em São Paulo, informou que vai colaborar com as investigações da polícia. Os presos ainda estão prestando depoimento e a polícia não divulgou a defesa deles.


Torcida prepara montagem com bandeiras para domingo

Depois de montar o maior mosaico do mundo num estádio de futebol, a torcida do Flamengo prepara uma grande festa neste domingo, quando o Flamengo disputa em casa, contra o Grêmio, partida que vale o título do Campeonato Brasileiro 2009.

Milhares de torcedores serão convidados a participar da montagem de mosaicos com bandeiras desenvolvidas especialmente para a partida, numa ação que tem o apoio da Olympikus, marca esportiva oficial do Flamengo. A mensagem que será formada, surpresa, somente será conhecida na hora. A organização começa horas antes do jogo e envolve diversas torcidas organizadas.


Flamengo x Grêmio


Ficha técnica


Estádio: Maracanã, Rio de Janeiro ( RJ)

Data: 06/12/09

Hora: 17h


Árbitro: Héber Roberto Lopes (Fifa/PR)
Auxiliares: Alessandro de Matos (Fifa/BA) e Carlos Berkenbrock (Fifa/SC)

FLAMENGO: Bruno, Léo Moura, David, Ronaldo Angelim e Juan; Airton, Toró, Willians e Petkovic; Zé Roberto e Adriano. Técnico: Andrade.

Grêmio: Marcelo Grohe; Mário Fernandes, Leo, Thiego e Fábio Santos; Adilson, Túlio, Maylson e Lúcio; Douglas Costa e Róberson. Técnico: Marcelo Rospide

Léo Moura vai às lágrimas ao falar da sua história com a camisa do Flamengo

Em uma época em que a troca de clubes é cada vez mais constante, Leonardo Moura, que já foi uma espécie de andarilho do futebol, encontrou seu porto seguro no Flamengo. Contra o Grêmio domingo, no Maracanã, o lateral-direito de 31 anos vai completar 250 jogos pelo clube que defende há pouco mais de cinco anos.

Com lágrimas nos olhos, ele relembrou de tudo que já aconteceu desde a sua chegada à Gávea em junho de 2005, no dia dos namorados (12 de junho). A relação teve altos e baixos, mas ele já fez as juras de um casamento eterno.

- Quando completei 100 e 200 jogos foi super emocionante. Completar 250 em um time como o Flamengo não é fácil. A caminhada foi longa desde pequeno até aqui. Comecei na escolinha do Fla com 9 anos. Pinheiro, chefe da segurança do clube, me viu pequeno e hoje me vê disputando uma final. É um motivo de orgulho estar vestindo essa camisa. Não quero sair daqui, quero permanecer. Se puder ficar resto da minha vida, fico – disse o lateral-direito.

Pinheiro lembrou um pouco dos primeiros passos de Léo Moura na Gávea, que chegou a entrar em campo com Zico, no Maracanã, quando tinha 11 anos.

- O pai do Léo Moura era da Vila Kennedy (Zona Oeste do Rio) e um amigo nos apresentou. Ele pediu um teste para o filho, e colocamos ele no campo 2, na escolinha do Flamengo. Ele já jogava muita bola. Era raquítico, mas rasbicavas todo mundo, era enjoado. Já trouxe tanta gente para fazer teste, que nem esperava que um dia ele pudesse ser campeão brasileiro pelo Flamengo. Também lembro dele entrando em campo – relembra Pinheiro.

Com contrato até dezembro de 2011, o lateral pode ficar mais de sete anos no Flamengo. Confira abaixo os principais trechos da última entrevista coletiva de Léo Moura, neste sábado, na Granja Comary.

Como foi a semana de preparação para o jogo contra o Grêmio? Valeu a pena ter saído do Rio de Janeiro?

- Todos jogadores querem essa oportunidade de ser campeão. Nos preparamos nessa semana, e vamos ter vontade e determinação para sair com a vitória. Foi bom sair do Rio. Aqui nós fizemos nossas brincadeiras, nossos joguinhos, que servem para descontrair. Mas treinamos com seriedade. Estamos concentrados porque sabemos qual é esse momento. O time está preparado esperando apenas o início do jogo.

Como está a ansiedade? Vocês passaram muita coisa até chegar até aqui...

- Vai chegando a hora do jogo, e nós queremos que chegue logo. Acordei hoje querendo que já fosse domingo. Sofremos muito com isso, recebemos muita pancada, mas sabemos da capacidade desse grupo. Nós falamos muita coisa, um pouco do jogo, como demora, como será depois do jogo... Vamos respeitar o Grêmio, mas estamos dentro Maracanã e vamos fazer tudo para sair com o título na mão. Sabemos que vencendo o Brasileiro para todo mundo vai ser bom, ser especial... Para mim, vai ser um momento marcante aqui no Flamengo...

E o que passa na sua cabeça na véspera do jogo?

- Passa tudo. Em 92, estava atrás do gol em que o Júnior marcou o gol de falta contra o Botafogo. Lembrei com o Everton Silva (companheiro de quarto), que estava nas cadeiras em 92, e agora estou dentro de campo (lágrimas nos olhos). Quero escrever meu nome na história... Vamos buscar muitas coisas pela frente. Tem a Libertadores e nosso grupo tem condições... Já passei por tudo aqui, de rebaixamento à Libertadores... Aqui é minha segunda família... Passo a maior parte do meu tempo aqui, e esse grupo vai ficar marcado pelo resto da vida. Todo mundo espera o título... 17 anos não são 17 dias, muito tempo passou, recebemos cartas de apoio. É para ter pensamento positivo... Sou fanático por esse clube.

Foto: o pequeno Leonardo Moura abraçado ao ídolo Zico em jogo do Flamengo no maracanã


E essa euforia do torcedor aqui na Granja Comary ao longo da semana?

– Nós sabíamos que mesmo saindo do Rio iríamos ter recepção calorosa aqui. Torcida do Flamengo é diferente em qualquer lugar do mundo. Sempre gostei de ter esse carinho da torcida. É momento único pra eles, tem de passar um pouco da nossa alegria, nossa confiança, e receber as palavras desses torcedores.

Houve cancelamento de treino por causa das fortes chuvas em Teresópolis. Todo cuidado é pouco nesse momento decisivo?

– Cautela, né? Acordamos com forte chuva. Foi bom para preservar o grupo, que já esta preparado. Já treinamos forte e estamos preparado para o jogo.

Você é devoto de algum santo? Fez alguma promessa em caso de título?

– Sou devoto de Nossa Senhora de Aparecida... Peço a Deus todos os dias que ele tire esse olho grande, tire a negatividade vinda de fora... Minha promessa é de fazer um grande jogo no domingo. Minha mãe é que fez promessa, mas nem sei o que é. Tenho até medo... Mas se ela falar que tem de andar a pé até São Paulo, eu vou porque vale a pena. Conquistar um Brasileiro pelo Fla não é para qualquer um.

Todo mundo tem falado sobre a importância do Andrade, que o grupo corre por ele... O que você pode falar sobre a importância dele para o grupo rubro-negro?

- Primeiro é a pessoa que ele é. Depois a história dentro do Flamengo. Ele recuperou minha alegria de jogar futebol. Fez que eu acreditasse que poderia jogar como lateral-direito e não só ala. Me fez acreditar que poderia dar volta por cima. Ninguém no grupo reclama, sabe que ele não está fazendo sacanagem, coloca quem está melhor momento. Isso nos transforma num grupo vencedor. Tanto que teve a arrancada e agora podemos coroar isso aí. Quem joga de ala é quase um ponta-direita, tem mais compromisso de atacar do que defender. Joguei assim quase quatro anos... Andrade colocou cabeça que eu e Juan poderíamos ser laterais e atacarmos com mais qualidade. A zaga passou a ficar mais sólida, e o time cresceu muito com essa mudança. Não quero citar nome de ninguém, mas muita coisa aconteceu aqui. E o Andrade veio de caráter limpo.


Dez suspeitos de fazerem parte de quadrilha que desviava ingressos são presos



A Polícia Civil do Rio apreendeu neste sábado aproximadamente 8 mil ingressos para o jogo Flamengo e Grêmio que seriam vendidos irregularmente por uma quadrilha. Segundo a direção do clube carioca, as entradas foram reservadas para menores de 12 anos e idosos com mais de 65 anos, que têm direito à gratuidade para a partida.


Durante a tarde, chegou a se cogitar a possibilidade dos bilhetes serem colocados à venda para o público. Mas a diretoria do Flamengo descartou a comercialização.

- A polícia apreendeu o que não sabia. Esses 8 mil ingressos são usados como acessos para gratuidades destinadas a crianças e idosos. Tudo já foi esclarecido ao delegado. Eu e o Delair (Dumbrosck, vice-presidente geral do Flamengo) estivemos com ele e explicamos que não são ingressos para venda comum. Mesmo assim, policiais vão acompanhar todo o acesso dessas pessoas ao estádio - afirmou Flávio Pereira, coordenador de arrecadação do Flamengo.

Pereira considerou que houve um mal entendido.

- Nós estamos cumprindo duas leis. A estadual, que diz que menor de 12 anos e maior de 60 não pagam, e a federal (Estatuto do Torcedor), que diz que todos têm que entrar no estádio com ingresso para cumprir o seguro-torcedor, cuja apólice é o próprio bilhete. Quem comprou os 8 mil ingressos foi o próprio Flamengo para cumprir a lei. Tanto que eles já foram devolvidos (pela polícia ao clube). Tudo não passou de um mal entendido e não haverá venda de qualquer outra carga nas bilheterias - garantiu.

Operação prende dez pessoas
Dez suspeitos de integrarem uma quadrilha que pretendia comercializar irregularmente os bilhetes foram presos neste sábado. Seis foram identificados pela polícia como empregados de uma firma especializada em confeccionar ingressos. Os outros quatro seriam cambistas. Todos serão indiciados por crime contra economia popular e formação de quadrilha. Os presos podem ser condenados a até cinco anos de prisão.

O montante de cerca de 8 mil ingressos foi apreendido em uma sala dentro do estádio do Maracanã (Zona Norte). A Polícia acreditava que eles seriam repassados para cambistas, que venderiam as entradas por preços abusivos.

A operação começou com a participação de 60 policiais, coordenados pela Delegacia de Defesa do Consumidor (Decom), com apoio da DRFA (especializados em roubo e furto de automovéis) e da Core, a coordenadoria de recursos especiais. As buscas foram feitas em endereços no Maracanã, Guadalupe (Zona Norte), Centro do Rio e nos municípios de São Gonçalo e Nova Iguaçu. Segundo a Polícia, o esquema montado pelos cambistas funcionaria há dez anos.

Rapidinhas do Mengão!

Sem "final", time de Adriano e Pet é campeão do rachão do Mengão

No treino matinal deste sábado, na Granja Comary, era para acontecer a “final” do rachão entre os jogadores rubro-negros. Como o treino recreativo foi cancelado por conta das fortes chuvas que castigaram Teresópolis, não houve a decisão, que era aguardada com ansiedade pelos jogadores.

- Que chuva hoje, não pára! Hoje (sexta) treino coletivo, muito bom, amanhã o rachão..É final também. kkk. Domingo se Deus quiser é NOIXX kkk. (sic).Vamos Mengão – escreveu David, no seu Twitter, na noite de sexta-feira.

Sem a “final”, o time de Adriano, Pet e Léo Moura sagrou-se campeão do torneio de rachão disputado ao longo do Brasileirão.

- Nós tínhamos uma vitória a mais e ganhamos. Não adianta nem reclamar. Se a chuva nos ajudou, eles têm de aguentar – brincou Léo Moura.

Basquete animado

O treino recreativo deu lugar a animados jogos de basquete, no ginásio da Granja Comary. Os jogadores foram divididos em três times e o lateral-esquerdo Juan foi um dos destaques.

- O basquete foi equilibrado. Cada time ganhou uma partida – disse Léo Moura.

Xerifão na área

Liberado dos treinos rubro-negros ao longo da semana para acompanhar a internação de sua mãe, Álvaro esteve na Granja Comary, neste sábado. O zagueiro, que não enfrentará o Grêmio, domingo, no Maracanã, por estar suspenso, participou das atividades com o restante do grupo e seguiu para o Rio de Janeiro junto com a delegação. Apenas o volante Maldonado, recuperando-se da cirurgia no joelho esquerdo, não esteve em Teresópolis, ao longo da semana.

Ônibus deixa a Granja

A delegação rubro-negra deixou a Granja Comary por volta das 13h20, após o almoço, sob a euforia de cerca de 20 torcedores rubro-negros Petkovic foi o último a entrar no ônibus, pois conversava com um amigo na parte de baixo do CT da CBF, em Teresópolis. O time seguiu para a concentração em um hotel na Barra da Tijuca.

Nos Emirados, Emerson sonha com hexa e gol em homenagem ao Flamengo

Ex-atacante do time da Gávea entrará em campo pelo Al-Ain pouco depois da partida do Rubro-Negro com o Grêmio: 'Meu coração está no Rio'

Fla encara engarrafamento na volta ao Rio

Depois de uma semana de treinos na Granja Comary, em Teresópolis, a delegação do Flamengo voltou para o Rio na tarde deste sábado. No entanto, o ônibus que transportava o Rubro-Negro teve problemas com o engarrafamento na estrada.

Além da chuva, do tempo ruim e do nevoeiro na estrada, o ônibus do Flamengo teve de parar em função das obras na estrada. Na ocasião, teve de esperar a abertura do sentido Teresópolis-Rio.

Neste domingo, o Flamengo encara o Grêmio no Maracanã e precisa de uma vitória para ser campeão brasileiro.

Grêmio decide não escalar Victor e Souza e pega o Flamengo com time misto

O Grêmio vai encarar o Flamengo, pela última rodada do Campeonato Brasileiro, com um time formado por apenas três atletas do time-base da equipe na competição. Nove jogadores estão fora da partida deste domingo no Maracanã: Victor, Réver, Rafael Marques, Fábio Rochemback, Souza, Tcheco, Perea, Jonas e Maxi López.

O Tricolor gaúcho vai enfrentar o Rubro-Negro com a seguinte formação: Marcelo Grohe; Mário Fernandes, Léo, Thiego e Fábio Santos; Adilson, Túlio, Maylson e Lúcio; Douglas Costa e Roberson.

Do grupo, apenas três foram titulares durante a maior parte do Brasileiro: Mário Fernandes, Fábio Santos e Adilson. Léo e Túlio foram para a reserva no decorrer da competição. E Maylson e Douglas Costa assumiram recentemente lugares entre os 11.

Dos ausentes, Rochemback é o único suspenso. Tcheco se despediu do clube no último fim de semana. Com exceção de Victor e Souza, os demais estão machucados. O goleiro e o meia foram sacados pela diretoria, que explicou a decisão de forma superficial.

- Isso é critério interno da direção. Os dois foram retirados e os demais estão no departamento médico - limitou-se a dizer o assessor do departamento de futebol, Alberto Guerra.

Victor está entre os melhores goleiros do campeonato. A preocupação dos dirigentes tricolores é preservar de uma possível falha o atleta, que tem figurado frequentemente na lista de convocados de Dunga para a seleção brasileira. O caso de Souza é diferente. O jogador disse, após a partida contra o Barueri, que nenhum atleta gostaria de ficar marcado por ajudar um rival.

Mesmo sem ter chances de conquistar a taça, o Grêmio está envolvido diretamente na disputa do título. Se vencer ou empatar com o Flamengo, o Tricolor abre possibilidades de título para Internacional, Palmeiras e São Paulo. Todas as partidas deste domingo serão às 17h. Se bater o Santo André, o Inter conquista a taça no caso do grande rival arrancar pelo menos um empate no Rio.

Matheus, Saimon, Bruno Collaço, Júlio César, Mithyuê, Alex e Bérgson completam a lista de relacionados.



FOTO: Maxi López dá autógrafo a 'flamenguista' na porta do Olímpico

Wesley Santos/AGENCIA ESTADO/AE

O argentino Maxi Lopez não vai enfrentar o Flamengo neste domingo, no Maracanã. O departamento médico do clube afirma que o atacante não tem condições de atuar. Mas o jogador não conseguiu escapar do clima da partida. Na manhã deste sábado, Lopez atendeu a um pedido de autógrafo de um torcedor com a camisa do Flamengo na porta do Olímpico.

Chuva em Teresópolis impede 'rachão' do Flamengo na véspera da decisão

O Flamengo teve de mudar a sua programação para este sábado, em Teresópolis, por conta das fortes chuvas que castigaram a cidade nas últimas 36h. Em vez de irem a campo e disputarem o tradicional rachão da véspera das partidas, os jogadores realizaram apenas um leve trabalho físico no ginásio da Granja Comary.

Os gramados do CT da CBF estão encharcados e, para não correr riscos de lesão, a comissão técnica decidiu alterar o planejamento. Inicialmente, o treino estava marcado para a tarde deste sábado. Mas ele foi antecipado para o período da manhã.

Os jogadores devem almoçar por volta das 12h e, em seguida, seguem para o Rio de Janeiro, onde se concentrarão em um hotel da Barra da Tijuca para o jogo contra o Grêmio, domingo, no Maracanã.

Na noite da última sexta-feira, a estrada Rio-Teresópolis ficou fechada por conta da incessante chuva. Houve queda de árvores e barreiras.


Grêmio é o segundo pior visitante, mas Fla não é um mandante tão bom assim

Rankings dos melhores mandantes e visitantes do Brasileirão

MANDANTES VISITANTES
1º Grêmio - 47 1º Cruzeiro - 29
2º Palmeiras - 40 2º Flamengo - 29
3º São Paulo - 39 3º Internacional - 25
4º Internacional - 37 4º Atlético-MG - 24
5º Vitória - 37 5º São Paulo - 23
6º Barueri - 37 6º Palmeiras - 22
7º Avaí - 36 7º Goiás - 21
8º Flamengo - 35 8º Santos - 19
9º Coritiba - 33 9º Avaí - 18
10º Goiás - 33 10º Corinthians - 17
11º Atlético-PR - 33 11º Botafogo - 16
12º Corinthians - 32 12º Fluminense - 15
13º Atlético-MG - 32 13º Atlético-PR - 14
14º Cruzeiro - 30 14º Santo André - 12
15º Santos - 30 15º Barueri - 12
16º Fluminense - 30 16º Coritiba - 11
17º Santo André - 29 17º Vitória - 10
18º Náutico - 28 18º Náutico - 10
19º Botafogo - 28 19º Grêmio - 8
20º Sport - 24 20º Sport - 7

Polícia tenta prender quadrilha que vendia ilegalmente ingressos para Fla x Grêmio


A Polícia Civil do Rio de Janeiro realiza neste sábado uma operação para prender uma quadrilha que estaria vendendo irregularmente ingressos para a partida entre Flamengo e Grêmio, que será realizada neste domingo no Maracanã, pela última rodada do Campeonato Brasileiro.

Policiais foram às ruas para cumprir 11 mandados de prisão nos bairros de Guadalupe, Santo Cristo e Maracanã (Zona Norte do Rio). E também nos municípios de Nova Iguaçu e São Gonçalo. Um guarda municipal foi preso acusado de participar da quadrilha.

Segundo a rádio CBN, estariam envolvidos funcionários de uma das três empresas responsáveis pela confecção dos bilhetes.

Pelo esquema, entradas seriam repassadas para cambistas antes de chegarem às bilheterias.

Os ingressos para a partida se esgotaram na manhã da última quarta-feira, quando foi vendido o último lote com cerca de 5 mil bilhetes. O montante havia sido destinado a torcedores do Grêmio, mas a diretoria do clube gaúcho devolveu as entradas.

Uma imensa fila se formou no Maracanã desde segunda-feira para a aquisição dos últimos bilhetes e houve conflitos entre policiais militares e torcedores. Para tentar conter o tumulto, PMs usaram balas de borracha, gás lacrimogênio e spray de pimenta. A carga inicial havia sido totalmente vendida na semana passada.

Juca Kfouri explica Copa União 1987

Experiente, Andrade confessa ansiedade

Andrade é um vencedor no futebol brasileiro. Pentacampeão da principal competição nacional, o experiente "Tromba" não esconde a ansiedade pela chegada do próximo domingo, data que pode ficar marcada pelo dia em que o Flamengo conquistou o histórico Hexacampeonato Brasileiro:

- A ansiedade aumenta, mas nada que venha atrapalhar. Cada vez mais, o domingo demora para chegar. Isso faz parte do ser humano. É importante saber administrar a ansiedade, não só eu, mas os jogadores mais velhos e mais novos - receitou Andrade.

Sobre a possibilidade de ser o primeiro negro a conquistar o Campeonato Brasileiro como treinador, Andrade comentou:

- É algo muito especial. Não existem técnicos negros na Série A e espero uma conquista para abrir a porta para outros. É uma oportunidade que não posso deixar passar. Infelizmente, muitos atletas também têm dificuldades de entrar no mercado por causa disso - disse.

A ansiedade da partida contra o Goiás também foi abordada pelo treinador, que considera importante o trabalho do psicólogo do Flamengo, Paulo Ribeiro, neste processo:

- No jogo contra o Goiás houve ansiedade e até um certo desequilíbrio. Estamos atentos para não acontecer isso neste jogo. O Paulo Ribeiro(psicólogo) está entrando em ação para bater um papo e administrar essa questão. Temos essa coisa fresca na memória do jogo com o Goiás. E no dia-a-dia eu venho pedindo calma e equilíbrio para decidir esse jogo. O time está pronto e preparado - encerrou.

Andrade não confirmou a escalação, mas afirmou que todos os jogadores já sabem o que fazer em campo, no domingo.

'Às vezes ficamos acordados até às 4h da manhã pensando', diz Toró sobre a 'final'

A ansiedade tem sido o pior inimigo do Flamengo nessa semana que antecede o jogo contra o Grêmio, domingo, no Maracanã. Toró admitiu que os jogadores vêm tendo dificuldades para dormir só pensando no duelo que pode garantir o título do Brasileirão.

Para passar o tempo, o grupo vem usando todos os acessórios possíveis: videogame, baralho, telefone...

- Não vemos a hora de chegar o jogo... Conversamos, jogamos carta, aí treina, come, e o tempo não passa... É um momento muito bom para todo mundo marcar seu nome na historia do Flamengo. São 17 anos que o clube não é campeão brasileiro. Conversamos até tarde, e é difícil dormir sem pensar no Grêmio. Às vezes ficamos até 3h, 4h da manhã pensando nisso... – disse Toró.

Entre as brincadeiras, a principal por enquanto tem sido o jogo de copas fora (quem fica com o maior números desse naipe perde). Quem é derrotado é obrigado a beber um copo de água mineral.

Nesta sexta-feira, porém, os jogadores não poderão dormir até mais tarde. É que o treino de sábado foi transferido para a manhã.


sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Rapidinhas do Mengão!


Álvaro surpreende e dará apoio de última hora ao elenco do Flamengo

O Flamengo terá o apoio de um guerreiro a partir de sábado. Liberado para acompanhar a mãe, que está internada na UTI, o zagueiro Álvaro chegará a Teresópolis no sábado para participar do rachão com os companheiros.

Ele está suspenso da “decisão” contra o Grêmio, mas mesmo assim ficará concentrado com o grupo até a hora da partida.

Pet otimista com a Sérvia

Petkovic gostou dos adversários da Sérvia na Primeira Fase da Copa do Mundo de 2010, na África do Sul.

- Bom grupo. Vejo boas possibilidades de a Sérvia passar para as oitavas – disse.

A seleção do país de Pet está na chave D, ao lado de Alemanha, Gana e Austrália.

Reis do Brasil

Toró deu entrevista coletiva com um boné escrito “Kings” (reis, em inglês).

- Espero que o Flamengo todo seja rei no domingo.

Visita gringa

Uma equipe de televisão de Portugal esteve no treino do Flamengo nesta sexta-feira, na Granja Comary. O repórter revelou que, um dos objetivos, era tentar falar com o volante Aírton, que interessa ao Benfica.

Prefeitura do Rio instala telões para Flamengo x Grêmio

O jogo entre Flamengo e Grêmio, domingo às 17h, no Maracanã, será transmitido ao vivo por duas emissoras de televisão aberta. Mas o torcedor que não comprou ingresso e se recusa a ficar em casa poderá assistir de graça, em três telões que a prefeitura vai instalar - no Piscinão de Ramos, na Praça Guilherme da Silveira, em Padre Miguel e em frente à quadra do Império Serrano, em Madureira, todos na Zona Norte. Além disso, centenas de bares e botequins com TV estão preparados para receber a multidão, antes, durante e depois da partida.

Outro telão, de 75m quadrados, será montado na Arena Olímpica HSBC, na Barra da Tijuca, Zona Oeste, onde o Flamengo enfrentará o Pinheiros, às 15h, pela Liga Nacional de Basquete. Depois de vibrar com cestas, rebotes e enterradas, os rubro-negros presentes no ginásio - o ingresso custa R$20 - assistirão ao jogo de futebol com o Grêmio, que poderá dar o título brasileiro ao clube carioca, o que não acontece desde 1992.

Desde a vitória por 2 a 0 sobre o Corinthians, domingo passado, que a torcida do Flamengo vive em estado de festa com a proximidade da conquista do título. Por toda cidade é possível observar pessoas nas ruas vestindo a camisa rubro-negra. Oficialmente, a diretoria não programou nenhuma festa. "Primeiro temos que vencer em campo. Depois, sim, vamos comemorar bastante, porque nossa torcida merece", disse o presidente Márcio Braga.

Nem todo rubro-negro pretende assistir ao jogo e comemorar a conquista - ou sofrer a desilusão do fracasso - no meio de uma multidão. É o caso do cantor e compositor Moacyr Luz. "Estou muito caseiro. Até gostaria de ir no Maracanã, mas não sou louco de ficar na fila e apanhar da polícia, como aconteceu", afirmou, acrescentando: "Estou otimista. O Grêmio não ganha do Flamengo há tempos e não será demérito se perder domingo."

Ex-presidente da Raça Rubro-Negra - maior torcida organizada do clube - e fundador da polêmica Fla-Madri - criada para secar o vasco na final do Mundial Interclubes de 1998 -, o empresário Cláudio Cruz estará presente no Maracanã. Depois, planeja um grande churrasco no Engenho Novo, em frente ao local onde a Raça foi fundada, em 1977.

Ao contrário de muitos rubro-negros, Cláudio Cruz não acredita em jogo fácil. "Chegar à liderança na última rodada foi um presente dos Deuses. Mas quem conhece futebol sabe que será complicado. Quem acha que o Flamengo pode fazer gol na hora que quiser está enganado. Basta lembrar do que aconteceu naquela decisão da Copa do Brasil de 2004 contra o Santo André."


Grêmio tem mais duas baixas para domingo

Mais dois titulares gremistas foram vetados apara a a partida diante do Flamengo, domingo, no Maracanã. Os zagueiros Réver e Rafael Marques, ambos com problemas médicos, não enfrentarão o líder do Campeonato Brasileiro.

A dupla de zagueiros se juntam a Renato, Jonas e Willian Magrão e Rochemback. A lista completa dos jogadores que viajarão ao Rio de Janeiro será divulgada apenas no sábado.

Ainda há a expectativa sobre o aproveitamento do goleiro Victor, do atacante Maxi López e o apoiador Souza.


O mais provável time do Grêmio no momento teria: Marcelo Grohe; Mário Fernandes, Wilian Thiego, Léo e Fábio Santos; Túlio, Adilson, Maylson e Douglas Costa; Róberson e Herrera.



Telão passará Fla e Grêmio após jogo do Rubro-Negro pelo NBB na Arena da Barra

A tarde de domingo está reservada para o Flamengo na Arena da Barra. O torcedor que foi assistir ao jogo da equipe contra o Pinheiros pelo Novo Basquete Brasil, às 13h, poderá continuar no ginásio até as 17h para torcer pelo time contra o Grêmio na partida que pode garantir o título do Campeonato Brasileiro de Futebol.

Ao final da partida, a Arena da Barra disponibilizará dois telões com imagem full HD para que os torcedores assistam ao jogo, que será realizado no Maracanã. Além disso, durante os intervalos, um DJ irá animar as arquibancadas até o início da partida.

Os ingressos custam R$20 (inteira) e R$10 (meia) e valem para os dois eventos. A venda será no próprio domingo, a partir das 10h, na bilheteria Arena.


No embalo rubro-negro

Por Marcio Braga, Publicado no Globo (pg 7- Opinião)

No embalo rubro-negro


MARCIO BRAGA

Os chineses, com sua sabedoria milenar, têm um ditado interessante: se o cavalo ganhou uma vez, é sorte. Duas, coincidência. Três, aposte neste cavalo.

Nos últimos três anos, o Flamengo alcançou a hegemonia do futebol no Rio de Janeiro, foi pentatricampeão, campeão da Copa do Brasil e tem apresentado desempenho consistente no Campeonato Brasileiro:

em 2007 chegamos em terceiro, com 61 pontos e 54% de aproveitamento;

em 2008 terminamos em quinto, tendo liderado a competição por dez rodadas e somando 64 pontos, com 56% de aproveitamento;

agora, em 2009, o Flamengo é líder na última rodada, com 57% de aproveitamento e 64 pontos, dependendo apenas de si mesmo para conquistar o hexacampeonato.

Sem dúvida há muito para comemorar e não só dentro de campo.

Este desempenho desportivo está diretamente relacionado à gestão do clube, que conseguiu resgatar a credibilidade do Flamengo, equacionar o passivo, aumentar significativamente as receitas e, sobretudo, implantar princípios de governança corporativa para administrar o patrimônio da nação rubro-negra com seriedade e transparência.

Se fosse possível destacar somente três fatores para o sucesso deste time, não se poderia hesitar em apontar a efetivação do Andrade, o acordo com o Pet e o retorno do Adriano.

Estes três exemplos merecem uma análise mais profunda pois refletem o compromisso de administrar com responsabilidade e austeridade.

A efetivação do Andrade foi decisão difícil, que se provou acertada e representou uma grande economia aos cofres do clube, dando oportunidade de ascensão como técnico a uma estrela rubro-negra. Além de craque, o Flamengo também faz técnico em casa, vide Carlinhos.

O acordo que viabilizou a volta do Pet, resgatando um grande ídolo, que vem provando seu talento a cada jogo e, merecidamente, deve ser o craque do Brasileirão, nasceu de uma preocupação administrativa: melhorar o fluxo de caixa do clube, profundamente abalado por sucessivas penhoras, originadas em processos das gestões anteriores.

A contratação do Adriano, o Imperador, artilheiro do campeonato até o momento, só foi possível graças à Olympikus, que, em menos de seis meses, já vendeu cerca de 1 milhão de camisas contra 120 mil/ano do antigo fornecedor, inaugurou na Gávea a maior loja de um clube da América Latina e se prontificou a complementar o valor que o Flamengo podia pagar ao atleta.

Fica evidente a relação entre a administração do clube e seus resultados em campo, especialmente numa competição de regularidade como o Campeonato Brasileiro.

A administração, o time e a torcida jogam juntos e não é por acaso que o Flamengo tem quebrado todos os recordes de público e arrecadação nos últimos anos, representando um aumento brutal nas receitas de bilheteria, com mais de 1 milhão de torcedores por ano no Maracanã, cantando em coro: "Vamos Flamengo, vamos ser campeão..."

Relembrando as palavras do governador de Sergipe, o rubro-negro Marcelo Déda, em artigo publicado aqui no GLOBO (21/11), confessando que seu amor pelo Flamengo vem antes mesmo de compreender o que era futebol, no próximo domingo "o furacão rubro-negro voltará a mexer com os nossos sentimentos.

Não sei se conseguiremos o hexa, mas tenho certeza que o Flamengo já cumpriu uma grande missão: recuperou o prestígio e o respeito, devolveu a alegria à sua torcida e fez mais belo e competitivo um campeonato que parecia alérgico a emoções".

MARCIO BRAGA é presidente do Flamengo.


Campo encharcado encurta coletivo do Flamengo na Granja Comary

A chuva torrencial em Teresópolis atrapalhou o último treino do Flamengo na Granja Comary, nesta sexta-feira. Com o gramado pesado e repleto de poças, Andrade abreviou o coletivo.

Ao contrário da véspera, Andrade manteve Aírton no meio-campo e colocou David na zaga. Pela primeira vez na semana, Zé Roberto, livre do incômodo na coxa, participou da atividade e se destacou. O mesmo aconteceu com Petkovic.

Novamente com a chuteira cortada, Adriano teve a melhor chance após passe de Zé. Ele deu um “drible da vaca”, entrou na área e chutou por cima. Os titulares venceram por 1 a 0, gol de Everton. O apoiador entrou na parte final, na vaga de Toró.

- Andrade me chamou para conversar e fez algumas perguntas sobre como eu estava me sentindo para esta partida. Disse a verdade, que estou 110% pronto, e então ele me falou que conta comigo para este jogo contra o Grêmio. Espero que isso aconteça realmente. Estou muito feliz e ansioso para voltar a jogar pelo Flamengo – disse Everton, que está fora do time desde o dia 10 de outubro por causa de uma fratura no pé esquerdo.

O Flamengo treinou com: Bruno, Léo Moura, David, Ronaldo Angelim e Juan; Aírton, Toró, Willians e Petkovic; Zé Roberto e Adriano.


FOTO: Ibson faz uma visita ao treino do Flamengo na Granja Comary

Rodrigo Benchimol/GLOBOESPORTE.COM

O Flamengo teve um visitante ilustre na tarde desta sexta-feira, na Granja Comary. Mesmo debaixo de chuva, Ibson, atualmente no Spartak Moscou, veio dar um abraço nos antigos companheiros: 'Vim dar uma força para a rapaziada. Domingo, estarei no Maracanã contra o Grêmio torcendo pelo Flamengo', disse o volante.

Confira os oito grupos da Copa do Mundo de 2010


Seleção estreia contra a Coreia do Norte e ainda encara a Costa do Marfim no Grupo G


Adílio: "O time tem que ter a consciência de que é uma chance única. Tem que vencer"

Adílio de Oliveira Gonçalves, o Adílio, tem história no Flamengo. Ele é um dos heróis da conquista do Mundial. Em Tóquio, no dia 13 de dezembro de 1981, teve a alegria de marcar um dos três gols do triunfo sobre o Liverpool. Carioca, nascido 15 de maio de 1956, Adílio também sabe o que é ganhar Campeonato Brasileiro. Com o Manto Sagrado, ele ganhou três - o último deles em 1983, quando marcou o gol do título.

Estrela do último BBB movimenta Gávea: Priscila posa para fotos na loja Fla Concept

Uma das participantes da última edição do Big Brother Brasil, a sul mato-grossense Priscila Pires criou um certo alvoroço no início da tarde desta sexta, na Gávea. A modelo posou para o site Ego em frente à loja Fla Concept. Enquanto se deixava fotografar com fãs, a morena que foi capa da revista Playboy conversou com a reportagem do site oficial sobre o jogo deste domingo, no Maracanã, diante do Grêmio. "A minha expectativa é a de todo flamenguista. Que vença rápido e bem. Mas eu acho que vai ser um jogo tenso. Meu palpite é úma vitória por 3 a 1. Nosso Imperador vai deixar o dele".

Priscila diz ser uma torcedora "extremamente homem", que grita e fala sozinha. "Não gosto que fiquem falando comingo durante o jogo. Dou uma de que entendo o jogo, mas nem sempre sei o que está acontecendo. Fico nervosa. Meu coração vai sair pela boca e eu me arrepio toda". A morena já tem planos caso o Flamengo conquiste o título. "Se ganhar, quero comemorar junto com os amigos, num churrasco, com muito pagode e só dormir no outro dia".

Fla Concept - Inaugurada no dia 23 de novembro, a Fla Concept é a maior megaloja oficial de um clube de futebol na América Latina. Construída pela Olympikus em parceira com o Flamengo, a Fla Concept reserva espaço para conforto e atendimento à torc ida, com um lounge e tvs para o cliente assistir a momentos importantes do Mengão. Nas vitrines, os principais lançamentos de uniformes oficiais Olympikus para homens, mulheres e crianças. A decoração da megaloja inclui ainda exposição dos troféus do clube.

O atendimento na loja, que é aberta ao público, inclusive a quem não é sócio do clube, vai das 10h às 21h (segunda a sexta), das 10h às 20h (aos sábados) e das 9h às 16h (aos domingos). A loja fica na Sede do Clube de Regatas do Flamengo, na Av. Borges de Medeiros, 997 - Lagoa.


Emocionado, Emerson fala da iminência da conquista do Brasileirão pelo Fla

Parte integrante da campanha do Flamengo no Campeonato Brasileiro, Emerson trocou a equipe carioca pelo futebol árabe no meio da temporada após receber uma proposta financeiramente irrecusável. Hoje no Al-Ain, dos Emirados Árabes, o atacante – torcedor rubro-negro assumido – se emociona ao falar da possibilidade iminente do Fla conquistar o sexto título de campeão brasileiro neste domingo:

- Quando sai do Brasil, sai por motivos profissionais. Deixei de ser feliz para trazer felicidade para outras pessoas. Por um lado fico extremamente realizado, pois tenho algumas dúzias de amigos que gostam do Flamengo, é o meu clube do coração, estou muito feliz pelo momento, pela possibilidade enorme de ser campeão. Por outro lado fico triste por não estar ai, pois meu desejo desde o início era ficar, mas envolve família, envolve filhos, você não pode pensar em si mesmo. Vou ficar ligado aqui na TV, amanhã mesmo vou mandar mensagens para os companheiros – disse, com a voz marejada, à Rádio Brasil.

Para levantar a taça, o Flamengo terá que vencer o Grêmio, no Maracanã. A torcida do clube gaúcho está enlouquecida, pedindo para que os jogadores do tricolor entreguem o jogo. Afinal, o Internacional também está na briga, e poderá ser o campeão caso vença o Santo André, no Beira-Rio, e o Fla perca. Para o Sheik, a partida deste domingo será uma pedreira:

- Vejo duas maneiras. A primeira é o lado do torcedor, a segunda, o lado do profissional. O torcedor do Grêmio quer que entregue, vi isso na internet. Não acredito que os atletas do Grêmio farão isso. Creio que o Flamengo terá um grande desafio pela frente, e o Grêmio será durão no Maracanã. O Flamengo tem que se impor, saber que tem 39 milhões de torcedores esperando por isso há 17 anos. Tenho certeza que o resultado será favorável e conseguiremos este título – concluiu.


Sossego? Gritos incessantes marcam a estada do Flamengo na Granja Comary

Em termos de silêncio, o Ninho do Urubu ganha de goleada da Granja Comary. Em vez do canto dos pássaros, os jogadores do Flamengo convivem com gritos histéricos ininterruptos durante todo o treino. A fuga do Rio de Janeiro para Teresópolis até se explica. Mas apenas por causa do controle da alimentação e do sono dos atletas. Durante o treino, o assédio se materializa em forma de gritaria descontrolada.

No treino de quinta-feira, o gerente de futebol Isaías Tinoco teve de intervir para que a maioria dos jogadores fosse até o alambrado atender os torcedores. A tendência é piorar, principalmente no treino deste sábado.

Isolados na Granja Comary, os jogadores se dividem entre os passatempos disponíveis: baralho, videogame, sinuca... Na última quarta-feira, após o treino, Adriano achou um espaço para fazer uma breve sauna.

Tudo à espera da partida de domingo, contra o Grêmio. Se vencer, no Maracanã, o Flamengo conquista o Campeonato Brasileiro pela sexta vez na história.

- Estou ansioso e nervoso para entrar em campo e tentar logo resolver. Tenho certeza que será um jogo difícil porque o Grêmio é uma grande equipe – disse Adriano.

'Eletrocardiograma' do Flamengo mostra a evolução da equipe nos pontos corridos

Clique no ano e confira abaixo, o gráfico detalhado das campanhas do Mengão:



Samba homenageia Pet às vésperas da partida tão esperada pelos rubro-negros

Jonas será preservado contra o Fla, e Réver e Rafael Marques são dúvidas

Escalar o time do Grêmio que vai enfrentar o Flamengo, domingo, no Maracanã, virou missão impossível. Além de toda a polêmica em função do interesse do Inter na partida, já que o Colorado depende do rival para ser campeão, a presença de alguns jogadores no departamento médico aumenta a dúvida. No entanto, na quinta-feira, o médico Felipe do Canto informou que o atacante Jonas será poupado. O volante Willian Magrão está na mesma situação. Ambos se recuperam de lesões sérias.

- Tanto ele (Jonas) como o Magrão, em função do período que ficaram parados, não têm condição ainda. Por isso achamos que não tem sentido expor um jogador agora, depois de tanto tempo parado – disse.

Sem Jonas e Magrão, sobe para quatro o número de ausências na convocação de Marcelo Rospide. O técnico também não conta com o meia Tcheco, que se despediu do clube no último fim de semana, e com o volante Fábio Rochemback, suspenso.

Na zaga, dois problemas. Réver, que sente dores na coxa esquerda, e Rafael Marques, com desconforto na virilha, estão em observação. O médico acredita que o treino desta sexta-feira dará a ideia exata da condição deles. Os atletas também podem ficar fora para evitar problemas mais sérios.

- Vamos fazer uma reunião com a comissão técnica. O quanto vale colocar o jogador assim? Se acharmos que eles podem jogar, vamos dizer ao treinador que estão à disposição. Eles sentem dores e treino é diferente da intensidade de jogo. É um risco – explicou.

Perea, com problema no tornozelo direit, Ricardo, que sente dores na virilha, e Renato, com dor lombar, também estão no departamento médico. Pela primeira vez na semana, os trabalhos no estádio Olímpico serão realizados com portões fechados.


Adriano dá a entender que fará último jogo pelo Fla, mas volta atrás e se corrige

Por um instante, Adriano deu a entender que a partida de domingo contra o Grêmio pode ser a última dele nesta passagem pelo Flamengo. Nesta quinta-feira, o Imperador teve um discurso confuso sobre os planos para 2010.

Primeiro, no fim de uma resposta sobre o Campeonato Brasileiro, soltou a frase:

- Se eu sair ou ficar, estarei muito feliz.

Questionado se falava em tom de despedida, consertou:

- Não foi isso que eu quis dizer. Vou pensar no fim do campeonato. Estou muito feliz ao lado dos meus amigos e da minha família e é isso que importa. Espero que eu possa ficar. Não acho que vai ser meu último jogo pelo Flamengo. Ainda é muito cedo para sair – disse.

O contrato dele termina em maio de 2010, mas há uma cláusula que o possibilita deixar o clube no fim do ano. Há diversas equipes europeias interessadas. Adriano ganha no Flamengo cerca de 40% do salário de Ronaldo no Corinthians. Segundo cálculos da diretoria rubro-negra, ele “rasgou” R$ 15 milhões por ano para deixar o Inter e jogar no Rio de Janeiro. Os dirigentes esperam o fim do Campeonato Brasileiro para conversar com o jogador e, quem sabe, reajustar o salário dele.

Contendo as lágrimas, Petkovic relembra 1992, o ano que foi sombrio para o sérvio

Mil novecentos e noventa e dois está gravado na memória de qualquer torcedor do Flamengo, e também traz lembranças profundas a Petkovic. Por razões diametralmente opostas. No ano em que o Rubro-Negro conquistou o pentacampeonato brasileiro, o sérvio, então com 20 anos, viveu uma das maiores decepções da sua vida.

Nesta quinta-feira, na Granja Comary, ele revelou o porquê e por pouco não chegou às lágrimas.

- Tive problemas na minha terra em 1992. Realizei o sonho da minha carreira, mas não joguei a Eurocopa. A Iugoslávia foi mandada embora, e eu tive uma decepção muito grande. É muito triste um embargo interferir no esporte. Ficamos invictos nas eliminatórias, mas a Dinamarca entrou no nosso lugar e acabou campeã – declarou.

Devastada por uma guerra civil, a Iugoslávia sofreu com o embargo comercial da ONU em 1992, e a seleção de futebol acabou afastada pela Fifa de todos os torneios. Craque do Estrela Vermelha, Pet assistiu à competição pela televisão e carrega a frustração até hoje.


quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Treino em Teresópolis

Adriano corta a chuteira, fica livre de incômodo e dá show em treino do Fla

O Imperador voltou, mas, para poder brilhar, precisou de uma gambiarra artesanal. Depois de treinar na quarta-feira e sentir um incômodo por causa da queimadura no pé esquerdo, o atacante do Flamengo apareceu nesta quinta com a chuteira cortada na parte de trás e uma fita isolante segurando as extremidades.

A medida deu mais do que certo. Livre do atrito que provocou a dor no dia anterior, Adriano treinou com bastante desenvoltura. Abriu o placar do coletivo após assistência de Juan, deu um passe "de colher" para Kleberson fazer um golaço e fechou o placar em bela cobrança de falta. No fim, saiu sorridente e atendeu pacientemente à multidão que o aguardava na grade da Granja Comary.

- Agora (com a chuteira cortada) ficou muito melhor. Ontem (quarta) incomodou um pouco – declarou o camisa 10 rubro-negro.

Assim como na semana anterior, ele deu entrevista de meias. No calcanhar esquerdo, uma mancha que se assemelhava a sangue. Porém, o jogador esclareceu.

- É pomada. Ainda dói, mas o momento é de superação, e domingo, seja de que forma for, estarei em campo – disse o jogador.

O Flamengo, com o Imperador, pode se sagrar hexacampeão brasileiro no próximo domingo. Para tal, precisa vencer o Grêmio, no Maracanã. A partida começa às 17h (de Brasília), pela 38ª e última rodada do Campeonato Brasileiro.

FOTO: torcedor rubro-negro vai ao Olímpico para pedir ajuda ao Grêmio

Richard Souza/GLOBOESPORTE.COM

Natural de Santa Catarina, filho de carioca e morador de Porto Alegre. Apesar da mistura, a influência do Rio de Janeiro falou mais alto na hora de escolher o time do coração. O universitário Rodrigo Aliano (terceiro da esq. para a dir.), de 20 anos, esteve no estádio Olímpico na tarde desta quinta-feira para pedir que o Tricolor não complique a vida do Flamengo, domingo, no Maracanã. O Rubro-Negro precisa vencer para ficar com o título do Brasileirão, e ele vai assistir ao duelo: "Meio a zero vale. O importante é ficar com o título", disse.

Fifa dará premiação recorde durante a Copa de 2010

ROBBEN ISLAND, África do Sul - A Fifa vai abrir o cofre para premiar as 32 seleções da Copa do Mundo de 2010 e clubes que tenham jogadores participando da competição. Serão US$ 420 milhões em premiações, segundo informou o secretário-geral, Jerome Valcke, depois de reunião do Comitê Executivo da entidade na histórica Robben Island. O total é 61% maior do que o que foi pago na Copa da Alemanha, em 2006 (US$ 261 milhões)

- Cada clube que tiver jogador na Copa receberá US$ 1,6 mil por dia por jogador. O dinheiro será pago 15 dias antes do começo da Copa, até o dia seguinte ao encerramento da participação daquele atleta no Mundial - informou Valcke, para acrescentar que o montante para os clubes será de US$ 40 milhões.

Só o campeão da Copa receberá US$ 30 milhões. O vice, US$ 25 milhões. Haverá premiação também para as seleções que ficarem em terceiro (US$ 21 milhões ) e quarto lugares (US$ 19 milhões ) , assim como por cada fase em que a equipe avançar no torneio.


Flamengo está perto de acordo para compra do CFZ

O Flamengo concretizará, nos próximos dias, a proposta de compra do CFZ, clube-empresa pertencente ao ex-jogador Zico. O documento final já está nas mãos do presidente Marcio Braga e o Galinho deverá assinar o acordo de compra quando vier ao Brasil para a realização de seu jogo festivo. Mesmo que Zico não possa vir, o mandatário do Flamengo já avisou que irá a Atenas para fechar a negociação.

Depois da assinatura do contrato, a questão será levada ao Conselho Deliberativo para que sejam feitas as adaptações estatutárias e o compromisso seja analisado. Como haverá eleição para presidente na segunda-feira e, depois, as para os Conselhos, essa análise só deverá ser feita no início de 2010.

Segundo Marcio Braga, o projeto de compra do CFZ foi todo acompanhado pelos advogados das duas partes, CFZ e Flamengo.

– O projeto da FGV está pronto. Recebi nesta terça-feira e levei para casa para ler. Se estiver de acordo e não faltar nada, e acho que não faltará, pegarei o avião e irei para Atenas para assinar, se ele não vier para o Brasil para as festas de fim de ano.Dependerá apenas do Conselho Deliberativo aprovar a alteração. Pedro Trengrouse (advogado da presidência) e Antônio Simões (advogado do Zico) acompanharam o processo pessoalmente. Tenho absoluta confiança nos dois – disse.

Para Marcio Braga, a compra do CFZ resolverá um dos maiores problemas do clube: a falta de um CT com estrutura para receber o time profissional. Com a compra do clube de Zico, o Ninho do Urubu ficaria apenas para as divisões de base.

– O CT é fundamental para o Flamengo. Para você realmente poder concorrer no mercado do futebol. A solução é botar o Zico para dentro. A proposta de comprar o CFZ já está pronta. Teremos um novo Flamengo sendo administrado por profissionais – explica o dirigente.

Pelo segundo dia na semana, Pet e Zé Roberto ficam fora de treino do Fla

Se na última semana Adriano foi a grande incógnita do Flamengo, nesta Petkovic, Zé Roberto e Ronaldo Angelim roubaram o papel do Imperador. Os dois primeiros ficaram fora do treino na tarde desta quinta-feira, na Granja Comary, e o último saiu na metade da atividade.

Zé foi rapidamente ao gramado e seguiu para a sala de musculação, onde pedalou na bicicleta ergométrica. Ele recupera-se de um pisão no pé esquerdo e de um leve incômodo na coxa. Pet fez um trabalho à parte ao lado do campo. No meio do treinamento, Angelim deu um carrinho defensivo e sentiu o abdômen. Ele foi substituído por David.

Sem os dois, Andrade comandou o primeiro coletivo da semana visando à partida de domingo, contra o Grêmio. Ele confirmou a tendência de recuar Aírton para a zaga no lugar de Álvaro, que está suspenso. Desta forma, Toró e Willians formam a dupla de volantes e abre espaço para Kleberson ou Fierro entrar no time. No ataque, recuperado de uma fratura no pé esquerdo, Everton jogou ao lado de Adriano.

O Flamengo treinou com: Bruno; Léo Moura, Aírton, Ronaldo Angelim (David) e Juan; Aírton, Toró, Kleberson e Fierro; Everton e Adriano.


Flamengo quitará dívidas do basquete em dezembro, diz vice de Esportes Olímpicos

Depois de duas derrotas consecutivas no Novo Basquete Brasil, o Flamengoreencontrou a vitória na última sexta-feira, contra o São José. Coincidência ou não, um dia antes do jogo, a diretoria do clube fez o pagamento do primeiro dos três salários atrasados dos jogadores e comissão técnica. Em nova gestão, os Esportes Olímpicos do Rubro-Negro acertaram os ponteiros com o Conselho de Administração e Fiscal e, através de apoios, promete regularizar as dívidas do basquete até o próximo dia 14.

No início de novembro, o capitão do time, Marcelinho, reclamou da falta de pagamento de salários e ameaçou fazer greve


- Pagamos o primeiro salário atrasado na quinta-feira. O segundo sairá na segunda-feira (7/12) e o terceiro deverá ser pago, no máximo, até o dia 14, véspera do vencimento de dezembro. Já para este mês, o Conselho Diretor aprovou uma linha de crédito direta, que vai regularizar a situação da modalidade. Ela já existia antes para os funcionários e atletas do clube, mas o basquete não estava incluído. Agora, está, então o benefício será repassado a eles também. O mais importante é que, daqui para frente, essa situação devedora não irá mais acontecer – afirmou o vice-presidente de Esportes Olímpicos, José Carlos Dias, que também prometeu pagar a premiação pelo título da Liga Sul-Americana de Clubes em dezembro. Já o pagamento pelo time ter sido campeão do NBB, ainda não tem data para ser quitado.

Ex-diretor de Finanças do Flamengo, Dias assumiu o cargo no último dia 23 de novembro, quando Carlos Eduardo Maia pediu demissão da função. O dirigente contou que teve reuniões com o presidente do Conselho de Administração, Michel Assef, e com o presidente do Conselho Fiscal, Leonardo Ribeiro, para viabilizar o acerto de contas com o basquete o quanto antes, e conseguiu uma liberação de verba vinda de apoios do clube.


- Sentamos e discutimos o que poderia ser feito rapidamente. Conseguimos um entendimento de que a situação financeira do basquete precisava ser resolvida e o melhor caminho foi a linha de crédito, que já era utilizada para outras áreas. Mas esse dinheiro nem está sendo usado ainda. O pagamento das dívidas foi feito através de acertos de apoios. Somente a partir do salário de dezembro (vencimento no dia 15), que iremos usar essa verba aprovada – disse Dias.

Flamengo continua sem patrocinador para a temporada


Preocupado com o reflexo da crise fora de quadra no desempenho do Flamengo entre as quatro linhas, Dias ressaltou que a diretoria já está com “conversas adiantadas” com algumas empresas para fechar patrocínios para o time, porém, ainda não há nada efetivo. Presente na vitória da equipe no Campeonato Carioca, contra o Cabo Frio, nesta quarta-feira, o dirigente acredita que a iniciativa do clube de “participar mais do basquete” irá refletir na melhora da atuação do grupo. Somente no NBB, o Flamengo soma duas derrotas em cinco rodadas, rendimento negativo igualado ao demonstrado em toda a temporada regular da última edição, quando foi campeão.

- Ontem fui ao jogo e levei mais dois diretores. Estamos acompanhando de perto e o importante é passar essa tranquilidade para eles. Não sei se isso já está dando resultado, isso precisa ser perguntado para os jogadores, mas a reação tem que ser agora. Vamos conseguir – garante.

Adriano e Bruno gravam participação em documentário ao lado de Pet

Antes do treino do Flamengo começar, na tarde desta quinta-feira, em Teresópolis, Adriano e Bruno gravaram participação no documentário de Petkovic, “O Gringo”. O Imperador e o sérvio estavam vestidos com roupa de jogo, enquanto o goleiro estava com as de treino.

A gravação, realizada num dos campos da Granja Comary, foi interrompida com a proximidade do treino, a pedido do gerente de futebol Isaías Tinoco. No caminho para o campo onde estão sendo realizada as atividades rubro-negras, Pet e Adriano conversaram e tiraram fotos ao lados das goleiras e da comissão técnica da seleção brasileira feminina sub-17.

O documentário de Pet tem seu irmão, Boban, como produtor executivo e só será lançado em maio de 2010. O técnico Andrade já gravou sua participação no "O Gringo" na última semana.

Nste domingo, o Flamengo enfrenta o Grêmio, às 17h (de Brasília), no Maracanã, pela última rodada do Brasileirão 2009.

Rodrigo Benchimol/GLOBOESPORTE.COM

Adriano e Petkovic com jogadoras da seleção brasileira feminina sub-17

FOTO: Torcedor rubro-negro aparece com bandeira da LDU no treino do Fla

Rodrigo Benchimol/GLOBOESPORTE.COM

Se na última quarta-feira foram cerca de cem torcedores acompanhando o treino do Flamengo na Granja Comary, o número dobrou nesta quinta-feira. Um deles chamou a atenção. O estudante Bernardo Alencar, de 15 anos, estava com uma bandeira da LDU nas costas para provocar o Fluminense. 'É por causa da rivalidade. Vale sempre brincar. Faz parte', disse Bernardo.

Campanha 'Rumo a 1 milhão': 16.977 produtos vendidos em um dia

Falta pouco menos de 70.000 produtos para que Flamengo e Olympikus superem a meta de um milhão de peças vendidas. Na manhã de quarta-feira (03/12), a Vulcabras | azaleia - empresa que controla a marca Olympikus - divulgou mais um parcial de vendas para o varejo. Até agora são 932.101 peças oficiais com a marca do clube. Os números são relativos às vendas desde o dia primeiro de julho deste ano, quando a marca esportiva assumiu oficialmente o contrato de fornecimento do clube.

Lançada no dia 5 de novembro, a campanha "Rumo a um milhão" visa ultrapassar, até o final do ano, o patamar de um milhão de peças vendidas. A campanha foi divulgada inicialmente com um contador simulado na tela de abertura do site oficial do Flamengo, criado a partir de uma média estatística, conforme dados informados diariamente pela Vulcabras | azaleia.

A iniciativa é do departamento de Marketing do Flamengo e da Olympikus, em busca de um novo recorde na venda de material oficial de clubes no Brasil.


Fla esclarece e desmente boato


O C.R.Flamengo esclarece que os ingressos para assistir o jogo de basquete, domingo, no HSBC Arena, não permitem a entrada no Maracanã para o jogo de futebol Flamengo x Gremio.

Os torcedores poderão assistir pelo telão instalado na Arena, o jogo do Maracanã, ao término da partida de basquete.

Este boato está confundindo os torcedores do Flamengo.




Melhores do ano

O COB (Comitê Olímpico Brasileiro) divulgou a relação dos melhores atletas do ano de 2009, em suas respectivas modalidades.

Dois rubro-negros são figurinhas repetidas na 11ª edição do Prêmio Brasil Olímpico, que será realizada no dia 21 de dezembro, em cerimônia no Ginásio do Maracanãzinho, Rio de Janeiro.

E o melhor da festa fica por conta da população que elegerá o melhor atleta e a melhor atleta do ano por meio do voto popular através do link abaixo:

http://www.premiobrasilolimpico.com.br/conheca/conheca_atleta.asp

Diego Hypolito, que além de candidato ao Prêmio Brasil Olímpico 2009, foi apontado como o melhor atleta da Ginástica Artística pelo quarto ano consecutivo.

Outra rubro-negra que integra a relação dos melhores do ano por modalidade é a jogadora de polo aquático Marina Canetti. Filha de Antonio Canetti, técnico do C.R.Flamengo, e irmã de mais duas jogadoras de respeito (Cecília e Manuela), Marina foi considerada o grande destaque do polo aquático brasileiro nos anos de 2008 e 2009. Cria da Gávea e centro da seleção brasileira, a rubro-negra joga atualmente no Ethnikos, da Grécia.

Além dos 42 atletas escolhidos pelo Colégio Eleitoral, haverá também homenagens aos técnicos, que receberão os troféus de melhor em esportes individuais, melhor em esportes coletivos e melhor paraolímpico. Atletas das Olimpíadas Escolares / Universitárias também serão premiados. Além disso, será concedido o Troféu Adhemar Ferreira da Silva, oferecido à ex-atletas que simbolizam o legado do primeiro bicampeão olímpico brasileiro.


Perfil de Diego Hypolito, segundo o site do COB:

O atleta Diego Hypolito resolveu entrar para a ginástica artística, aos 7 anos, por influência de sua irmã, Daniele Hypolito. Em 2009 foi primeiro lugar no solo, na etapa da Copa do Mundo da Slovênia. Conquistou o ouro no solo e no salto na etapa da Copa do Mundo de Glasgow, na Escócia, e foi campeão no solo na etapa da Copa do Mundo em Moscou. No Mundial de Londres, chegou à final do solo e terminou na nona colocação. Em novembro, conquistou o tetracampeonato da Copa do Mundo na prova de solo.

Flamengo vai em busca de campanha mágica

À procura do título perfeito. Assim está o Flamengo nesta semana decisiva de Campeonato Brasileiro. Além da possível conquista do hexacampeonato, o Rubro-Negro poderá terminar a campanha com quase uma dezena de feitos marcantes na competição.

Enquanto Adriano briga palmo a palmo pela artilharia, a defesa flamenguista luta para ser a menos vazada da competição, depois de fazer um segundo turno quase impecável, principalmente após as contratações de Álvaro e Maldonado.

Além desses detalhes, o Flamengo é o clube que mais tem jogadores indicados para o prêmio dos melhores do Brasileirão, organizado pela CBF.Todas os setores do time estarão representados na cerimônia que será realizada no dia 7. Petkovic e Adriano estão cotados até mesmo para o principal troféu individual do evento, que é o de Craque do Brasileirão.

Outro fator relevante é a força da torcida rubro-negra. Dona do maior público da temporada no Brasil – 78.639 pagantes no empate por 0 a 0 contra o Goiás –, a massa do Flamengo poderá ultrapassar a do Atlético Mineiro em média.

Sobre o apoio vindo da arquibancada durante toda a campanha, o lateral-esquerdo Juan está ciente da responsabilidade de não decepcionar esses fiéis torcedores.

– É mais um incentivo para nós nos dedicarmos ainda mais. Temos de responder a todo esse sacrifício que eles fazem para ir aos jogos. O que as pessoas fazem por amor ao Flamengo impressiona – frisou.

Apesar da iminente possibilidade de sagrar-se campeão, o meia-atacante Zé Roberto, assim como fez Andrade na última quarta-feira, admitiu que o título não passava pela cabeça dos jogadores:

– Se eu dissesse que acreditava que disputaríamos o título, estaria mentindo. Teve uma época em que lutávamos para não cair. Fomos vencendo e chegando devagar.