sábado, 26 de março de 2011

Titular, Galhardo diz: 'No Flamengo, você amadurece mais rápido'

galhardo  flamengo (Foto: Richard Souza/Globoesporte.com)
A pressão de jogar no Flamengo e as rápidas mudanças que fazem um dia o jogador não ser relacionado para uma partida e no outro aparecer como titular, além de todo o clima que envolve o clube, fizeram Galhardo amadurecer precocemente. Aos 19 anos, o jogador - que não estava sendo utilizado por conta de problemas contratuais - será titular no jogo deste domingo, contra o Madureira, às 16h, em Macaé.

- No Flamengo, você amadurece mais rápido. É preciso estar preparado para as horas boas e ruins. Tudo no clube acontece de repente. Uma hora você está com os juniores e logo é chamado para os profissionais. Eu não estava jogando e serei titular - afirmou o jogador, no Flamengo há oito anos.

Galhardo foi campeão sul-americano com a Seleção Brasileira sub-20 no início do ano. Ele não vinha sendo relacionado devido a problemas contratuais, mas recentemente ampliou o vínculo com o clube por mais cinco anos.

- A conquista com a Seleção no Sul-Americano deu uma bagagem boa. Estou pronto para enfrentar o Madureira. Espero que tudo corra bem.

O Flamengo vai a campo neste domingo com Felipe, Léo Moura, David, Welinton e Rodrigo Alvim; Maldonado, Lorran, Galhardo e Thiago Neves; Ronaldinho Gaúcho e Wanderley. 




Ronaldinho Gaúcho: estilo marrento no rachão do Flamengo

As gargalhadas podiam ser ouvidas de longe. Toques de calcanhar, de letra e passes para um lado com o rosto virado para o outro. Um golaço e uma pitada de malandragem ao pedir a bola para jogadores do time adversário. No fim, vitória do seu time no rachão e uma inovação na pose para a foto: foi lançado o estilo marrento, com jogadores de braços cruzados e mão no queixo. Ronaldinho Gaúcho foi "o cara" da pelada realizada na manhã deste sábado no Ninho do Urubu.

Time Flamengo (Foto: Janir Junior / Globoesporte.com) 
Time vencedor do rachão posa para fotos com "tipo marrento" (Foto: Janir Júnior / Globoesporte.com)

O clima foi de total descontração entre os jogadores. O time de Ronaldinho Gaúcho contou com Thiago Neves, o goleiro Felipe na linha, Wanderley, Renato, Jean, Marcelo Lomba, Bottinelli, Marquinhos, Rodrigo Alvim e Lorran. Com a bola rolando, Ronaldinho não parou de falar um segundo.

- Nem vou olhar, nem vou olhar - ironizou o jogador, quando marcou um gol de costas, com um toque de calcanhar que entrou por cobertura.

Ronaldinho deu dribles, gargalhou com os erros dos amigos e tabelou com Thiago Neves. Ele também perturbou os adversários e até companheiros de time, além de pedir a bola para jogadores da outra equipe quando eles estavam de costas para o camisa 10.

À beira do campo, a presidente Patrícia Amorim conversava com Vanderlei Luxemburgo e acompanhava a descontraída atividade que antecedeu o jogo deste domingo, contra o Madureira, às 16h, em Macaé.

- Dá em mim que eu resolvo - gritou inúmeras vezes Ronaldinho.

No fim, com a vitória, Ronaldinho e os jogadores posaram para fotos, como sempre faz o time vencedor do rachão. Mas com um estilo diferente.

- Não, não... Dessa vez é diferente. Tipo marrento - brincou o camisa 10, com braços cruzados, mão no queixo e fazendo pose.

Ronaldinho treino flamengo (Foto: Janir Junior / Globoesporte.com)Ronaldinho esbanja sorrisos durante treino no Ninho do Urubu (Foto: Janir Junior / Globoesporte.com)






.

Triste com Fla, Adriano revela que foi para o Timão por causa de Ronaldo

Adriano (Foto: Divulgação / Janir Júnior)
Depois de acertar com o Corinthians, Adriano falou pela primeira vez como jogador do Timão em entrevista ao jornal "Folha de São Paulo". Por telefone, o Imperador disse que ainda vai demorar quase dois meses para jogar por conta de uma cirurgia no ombro direito e confessou que a palavra de Ronaldo foi fundamental para que ele decidisse atuar no clube paulista.

- Três, quatro clubes me procuraram. Mas o Ronaldo me deu essa informação, do carinho que ele tem pelo Corinthians, que os torcedores têm por ele, e eu abri a porta mais para o Corinthians, porque eu quero fazer parte dessa família. Ele me falou muito da torcida, então isso já me empolgou muito. Eu sou louco para entrar no coração da torcida.

O atacante também admitiu que ficou chateado com o Flamengo, que não o quis neste retorno do Roma. Adriano chegou a falar publicamente que gostaria de voltar ao time da Gávea, e a presidente Patrícia Amorim, após consultar o técnico Vanderlei Luxemburgo, viu que ele não se encaixava no planejamento do clube neste momento.

- Chateado eu fiquei um pouco, mas tenho que viver minha vida, né? Eles poderiam muito bem ao menos conversar comigo, para ver o que eu queria, mas infelizmente não foi possível. Tenho que seguir minha vida, que é jogar futebol. Espero ser feliz no Corinthians e ficar até a Copa de 2014. Não quero mais sair do Brasil.

O Imperador também rompeu relações profissionais com o empresário Gilmar Rinaldi e passou a trabalhar com a 9ine, empresa de Ronaldo.

- Temos uma relação de amizade, mas agora eu resolvi minhas coisas sozinho - disse o jogador, sobre o rompimento com Gilmar.

Conhecido por gerar problemas fora de campo, Adriano não se importa de ter no contrato com o Corinthians cláusulas para que receba punições em caso de indisciplina ou pouco aproveitamento. Ele garantiu que está tranquilo e pronto para ser mais um guerreiro do Timão.

- Não me incomodo, de maneira nenhuma. As pessoas estão muito mal informadas sobre o que acontece. Eu saí da Roma sem arrumar nenhuma confusão lá, entendeu? Simplesmente vi que não tinha mais porque continuar, me machuquei três vezes, não dei sequência nos jogos, achei que era um sinal para voltar ao Brasil. Sempre dei a volta por cima. Conheço minha capacidade. Agora é esperar, trabalhar, treinar e recuperar a forma. O Corinthians não vai se arrepender, sou um jogador guerreiro. Não estou indo para criar problema, mas para fazer gols. O que as pessoas dizem a gente não escuta, para não atrapalhar.


Léo Moura e Willians chegam atrasados ao treino no Ninho

Leo Moura Flamengo (Foto: Igor Christ / Globoesporte.com)
O treino do Flamengo estava marcado para as 10h deste sábado no Ninho do Urubu, em Vargem Grande, mas o relógio e as obras que estão sendo realizadas na Estrada dos Bandeirantes, nos acessos próximos ao CT, jogaram contra Willians e Leonardo Moura.

Léo Moura chegou com quase uma hora de atraso e desceu para um dos campos do Ninho do Urubu quando todos já estavam no gramado disputando o tradicional rachão que acontece nas vésperas de jogos. O lateral-direito correu sozinho no gramado, poderá ser multado, mas viajou normalmente com a delegação para Macaé e está confirmado na partida deste domingo, contra o Madureira.

Willians chegou às 10h29m e ainda conseguiu sua vaga no rachão. Depois, fez um trabalho físico ao lado de Renato. Suspensos com três cartões amarelos, os dois estão fora da partida.

No início de março, Diego Maurício chegou atrasado a dois treinos e foi cortado do jogo contra o Olaria. Na época, Vanderlei Luxemburgo afirmou que o atacante recebeu multa pelo problema.

O Flamengo enfrenta o Madureira neste domingo, às 16h, em Macaé.




Desafio do Maracanã é demolir teto sem atrapalhar obra



A Secretaria de Obras do Rio e o consórcio que toca a obra do Maracanã estão elaborando o projeto executivo do estádio. O desafio é encontrar um modo de demolir o teto sem atrapalhar o que já foi feito até agora. As demolições internas estão previstas para terminar em maio.




Fla tem investimento de mais de R$ 3 milhões na base

Lorran e Paulo Vitor em treino no Ninho do Urubu (Foto: Ricardo Ramos)

A base do Flamengo é representada, hoje, por cerca de um terço do atual grupo dirigido por Vanderlei Luxemburgo. Para o duelo contra o Madureira, neste domingo, pelo Campeonato Carioca, ao menos oito das 11 pratas da casa têm chance de serem relacionadas pelo treinador.

Em termos de investimento, significa dizer que o Rubro-Negro tem um time só de promessas orçado em R$ 3,3 milhões. O custo médio de um jogador que inicia na categoria pré-mirim e segue até o júnior do Flamengo é de aproximadamente R$ 300 mil.

Nesta temporada, Luxemburgo já utilizou seis atletas formados pelo clube entre os titulares, e depois de promover as estreias de João Vitor, Muralha e Negueba no profissional em 2011, ele lançará, no jogo do estádio Cláudio Moacyr, a mais nova aposta: o volante Lorran (foto).

O trabalho de integração entre a base e o grupo principal foi intensificado desde a chegada da comissão técnica do atual comandante rubro-negro, no fim do ano passado. As oportunidades aos jovens, porém, serão de maneira gradativa e compreendem o processo de ambientação dos jogadores no profissional do Flamengo.

– Vanderlei tem aproveitado bem os meninos e isso é uma motivação para eles. Mas sempre deixa claro nas preleções que os garotos estão emprestados ao profissional, e qualquer momento podem voltar aos juniores – explicou Carlos Brazil, diretor da base do Flamengo.

A aposta na retomada do investimento na formação de jogadores reflete nos gastos para manutenção dos cerca de 350 garotos do prémirim aos juniores. As despesas com a base saltaram de R$ 3 milhões para aproximadamente R$ 5 milhões.

– Sabemos que outros clubes que têm estrutura investem mais. Mas é um passo importante para fortalecemos a base – disse Brazil.


Globo articula liga chapa branca

Cartolas do Flamengo costuram a fundação de uma Liga Nacional de Clubes já para abril, com apoio da CBF para elaborar calendário da temporada de 2012. E para isso trabalham junto a mais 15 clubes para fazer a ideia vingar - a maioria que fechou ou está para fechar com a Rede Globo. 

As conversas estão em fase inicial e nenhum dos principais aspectos foi abordado. E a ameaça do Clube dos 13 recorrer à Justiça torna a tarefa ainda mais difícil.


Ponto de interrogação: lateral esquerda é a maior carência de Luxa


Egídio, Renato, Angelim e Rodrigo Alvim (Foto: Editoria de Arte/GLOBOESPORTE.COM)
Egídio, Renato e Ronaldo Angelim improvisados, e agora Rodrigo Alvim. O primeiro carrega o número 6 às costas, mas a numeração fixa não assegura a vaga de titular. Vanderlei Luxemburgo reconhece que a lateral esquerda do Flamengo é hoje um ponto de interrogação. Entre testes e improvisações, o técnico ainda não encontrou o dono da posição.

- Existe uma busca por um jogador que diga “a posição é minha”. Quem mostrar a cara, vai ficar. Não posso mentir. Vocês estão vendo a mesma coisa que eu.

Contra o Madureira, neste domingo, Alvim vai ganhar a primeira chance dele na temporada. O último jogo pelo clube ocorreu em 22 de setembro do ano passado, no empate por 2 a 2 com o Grêmio, pelo Campeonato Brasileiro. A opção de Luxa é por reforçar a marcação.

- Egídio e Alvim têm características diferentes. Alvim joga mais na linha de quatro, o time perde um pouco de apoio. O Egídio já joga mais com três zagueiros, era assim no Vitória, tem dificuldade maior de marcação.

Desde a saída de Juan, que foi para o São Paulo, o setor tornou-se o mais carente do plantel.

- A opção pelo Renato é uma questão de tática de jogo, de arriscar alguma coisa durante a partida. Você tem de correr o risco. Já joguei com o Angelim improvisado em jogo decisivo, contra o Botafogo (na semifinal da Taça Guanabara). Tenho tentado buscar alguma coisa. Vamos ver.

Flamengo e Madureira se enfrentam em Macaé, às 16h (de Brasília), pela quinta rodada da Taça Rio. O Rubro-Negro está em terceiro, com oito pontos, um a menos que Vasco e Boavista. Depois de dois empates sem gols (com Fluminense e Cabofriense), Luxemburgo reconhece que é preciso voltar a vencer.

- Os jogadores já deram a resposta para mim, disseram que foi muito ruim empatar com o Cabofriense e disseram que não podemos perder mais pontos. A nossa campanha é muito boa, mas estamos em terceiro lugar. Preocupa perder pontos para times pequenos novamente e temos que evitar isso.



...

Leonardo de Deus pede desligamento do Pinheiros e vai para o Flamengo


Leonardo de Deus (Foto: Divulgação)
Leonardo de Deus quebrou o silêncio e anunciou sua decisão de romper contrato com o clube Pinheiros. O nadador não cedeu à pressão imposta pelo clube paulista, que exigiu que os três nadadores do P.R.O. 2016 (Leo, Tales Cerdeira e Henrique Rodrigues) optassem em seguir em um dos dois lugares.

Em seu site pessoal, Leonardo publicou parte do comunicado enviado pelo atleta à direção do clube. O nadador, considerado uma das promessas da nova geração, afirmou ter tentado negociar com o presidente do Pinheiros, Antonio Moreno Neto, mas não teve sucesso.

- Considerando o seu silêncio e tudo que foi por mim exposto... e sendo assim declaro a V. Sa. que o contrato está encerrado - disse o nadador no comunicado.

Logo em seguida, Leonardo publicou em seu site mais uma novidade. Com uma foto com o escudo do Flamengo ao fundo, ele anunciou seu novo clube.


Souza faz golaço, Flamengo bate Lokomotiv e assegura o terceiro lugar

Não era a disputa do título, mas o Flamengo jogou para vencer e conseguiu. O time rubro-negro bateu o Lokomotiv-RUS na prorrogação por 5 a 4 (4 a 4 no tempo normal) e garantiu o terceiro lugar do Mundialito de Clubes, em São Paulo. O herói da partida foi o grandalhão Souza, que marcou um golaço no tempo extra após arrancada espetacular, e assegurou o lugar no pódio para os rubro-negros.

- O gol saiu na hora certa, quando estávamos precisando e com o time cansado em quadra. Dei uma arrancada na raça após roubada de bola, saí no contra-ataque e fiquei com o gol aberto para bater. Não deu para ficar com o título, mas o terceiro lugar está de bom tamanho - disse Souza.

Souza no jogo Flamengo x Lokomotiv (Foto: Igor Christ / Globoesporte.com) 
Souza foi o autor do gol da vitória do Flamengo (Foto: Deco Pires / Divulgação)

 

A disputa pelo terceiro lugar começou de forma equilibrada, com os times ajustando o posicionamento em quadra. O Flamengo arriscou primeiro, em finalização do artilheiro André, que tocou no travessão, aos seis minutos. Em seguida, o Lokomotiv encaixou um contra-ataque rápido e abriu o placar em linda bicicleta de Maci. Até a torcida rubro-negra aplaudiu o adversário.

Na saída de bola do segundo período, Souza acertou uma bomba no cantinho e deixou tudo igual na partida. A alegria rubro-negra, no entanto, durou pouco. Também na saída de bola, Leonov chutou no alto e tratou de desempatar: 2 a 1 Lokomotiv. Mas o Flamengo tinha o goleador do Mundialito em quadra. Aos quatro, André dominou pela direita, girou rápido e bateu rasteiro. A um minuto do fim da etapa, Leonov acertou um bonito chute de longe e fez o terceiro do time russo: 3 a 2.

Golaço do Flamengo

O Flamengo voltou para o terceiro período disposto a reagir na partida. Aos dois minutos, Anderson aproveitou rebote do goleiro e bateu de voleio para deixar tudo igual no placar novamente. Na sequência, Maci acertou um voleio espetacular, no meio do gol, e marcou o quarto do Lokomotiv: 4 a 3. A dois minutos do fim, Tavares bateu falta com precisão, no alto, e levou o jogo para a prorrogação. No tempo extra, brilhou a estrela de Souza, que arrancou pela direita e soltou uma bomba no ângulo: 5 a 4 para o Flamengo e terceiro lugar assegurado.


Em nota, clubes não reconhecem contrato firmado pelo Clube dos 13

Nove clubes publicaram neste sábado, em conjunto, uma nota afirmando que jamais deram ao Clube dos 13 poder para assinar contratos de cessão dos direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro para os anos de 2012 a 2014.

No comunicado, divulgado em jornais de todo país, Botafogo, Flamengo, vasco, Coritiba, Cruzeiro, Bahia, Vitória, Grêmio e Sport declaram também que o contrato assinado entre o Clube dos 13 e a RedeTV! não acarreta nenhuma obrigação a essas agremiações.

Na última quarta-feira, o Clube dos 13 anunciou a assinatura de contrato com a RedeTV! e disse ter assinatura de 15 clubes. Segundo o C-13, oito agremiações deram procurações em que cediam poderes à entidade para negociar os direitos de transmissão do Brasileiro de 2012 a 2014.

Confira abaixo, o comunicado na íntegra:
DECLARAÇÃO AO PÚBLICO

Os clubes Botafogo de Futebol e Regatas, Clube de Regatas do Flamengo, Clube de Regatas vasco da gama, Coritiba Foot Ball Club, Cruzeiro Esporte Clube, Esporte Clube Bahia, Esporte Clube Vitória, Grêmio Football Porto Alegrense e Sport Club do Recife comunicam à imprensa, ao mercado publicitário, às empresas de mídia televisiva e aos torcedores brasileiros que jamais outorgaram poder ao Clube dos Treze para assinar contratos de cessão de direitos de transmissão de seus jogos pelo Campeonato Brasileiro de Futebol, nas Temporadas de 2012, 2013 e 2014, motivo pelo qual declaram que o suposto contrato que teria sido assinado entre o Clube dos Treze e a Rede TV! não os obriga de forma alguma e, no que lhes respeita, não existe para todo e qualquer fim de direito.

Caso sejam ameaçados direitos dos clubes, serão tomadas todas as medidas judiciais cabíveis contra os responsáveis.

25 de março de 2011

Botafogo de Futebol e Regatas
Clube de Regatas do Flamengo
Clube de Regatas vasco da gama
Coritiba Foot Ball Club
Cruzeiro Esporte Clube
Esporte Clube Bahia
Esporte Clube Vitória
Grêmio Football Porto Alegrense
Sport Club do Recife
 

sexta-feira, 25 de março de 2011

Novo Basquete Brasil: Flamengo faz festa na volta à Gávea, mas Uberlândia vence


estevao flamengo x uberlandia (Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem)
Nas cores do clube, o piso brilhava de tão novo. O rubro tomava a área interna da linha de três, e o negro aparecia na cabeça do garrafão. Em volta da quadra, enormes painéis exaltavam os jogadores do elenco. E na arquibancada lateral os torcedores se espremiam, cantavam, gritavam. Foi nesse clima que o Flamengo voltou para casa, na noite de sexta-feira, reinaugurando o ginásio Hélio Maurício, na Gávea. Mas havia ali também um jogo do NBB. E do outro lado da quadra um valente Uberlândia colocou água no chope da festa. Sob o comando dos americanos Robby Collum e Robert Day, o time mineiro surpreendeu os donos da casa e roubou uma vitória por 90 a 88.

O resultado deixa o Uberlândia no quinto lugar, com esperanças de brigar por vaga no G-4, agora com 17 vitórias em 26 jogos. O Flamengo, que abriu a rodada como líder, perde a primeira posição para o Brasília, que contou com 33 pontos de Alex, e um duplo-duplo de 20 pontos e 14 rebotes de Guilherme Giovannoni para derrotar o Minas por 103 a 91 fora de casa.

No fim das contas, a reinauguração carioca viu uma noite de americanos. O cestinha foi Robby Collum, do Uberlândia, com 34 pontos, seguido pelos 17 de Robert Day. Do outro lado, o gringo do Fla, David Teague, fez 28. E nem a ajuda de Marcelinho Machado, com 24, foi capaz de garantir a vitória.

No ginásio com capacidade oficial para 800 torcedores – 200 a menos que o exigido pelo regulamento do NBB – teve gente que ficou do lado de fora. Os ingressos a R$ 10 (R$ 5 para quem vestisse a camisa do clube) se esgotaram, e houve até quem recebesse o dinheiro de volta por não conseguir entrar. Lá dentro, o clima era mesmo de open-house.

  flamengo x uberlandia quadra (Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem)Torcida do Fla lotou o ginásio Hélio Maurício em sua reinauguração (Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem)

O roteiro da festa começou de forma perfeita. A primeira cesta na casa reformada saiu das mãos que mais fizeram cestas para o Flamengo nos últimos anos. Marcelinho, da cabeça do garrafão, abriu o placar, bem de frente para seu painel gigante atrás da tabela. Com o ginásio cheirando a novo e o craque do time abrindo os trabalhos, foi fácil injetar euforia nos fãs. Mas do outro lado havia um time que briga por posições na tabela.

E o Uberlândia começou voando, sem cerimônia no quintal do adversário. No embalo dos americanos Day e Collum, o time visitante abriu 12 a 6. Não chegou a esfriar a torcida, mas evitou o clima de festa dentro das quatro linhas. Marcelinho e Bábby ainda tentavam manter o Fla no placar, mas o primeiro quarto foi dos mineiros: 28 a 23.

No segundo, Collum continuou inspirado, aproveitando brechas na marcação, e a vantagem chegou aos dez pontos. David Teague, Guto e Jefferson foram para o jogo, mas no ataque o time do argentino Gonzalo Garcia ainda cometia erros bobos. Com Marcelinho no banco, ficou difícil cortar a diferença para menos de sete. Só caiu para cinco nos segundos finais do primeiro tempo. E os visitantes, sem cerimônia, foram para o vestiário vencendo por 40 a 35.

Na volta do intervalo, foi outro Flamengo. O time da casa apertou a defesa, emplacou uma sequência de 11 a 4 e rapidamente virou o jogo. O placar ficou equilibrado. Nos últimos segundos do terceiro período, Átila Santos enterrou com fúria e fez explodir a torcida na arquibancada. Na virada para os dez minutos finais, o Rubro-Negro controlava o placar por apertados 64 a 62.

Com boa atuação, Átila incendiou os torcedores para o quarto final. A cada cesta, o caldeirão fervia. E quando o ex-vascaíno Valtinho subia ao ataque, as vaias tomavam o ginásio. A pressão não intimidou o Uberlândia, que trocava de liderança com o rival a todo momento. O herói dos mineiros era Collum, que seguia derrubando um arremesso atrás do outro. Teague respondia pelo Fla e mantinha o equilíbrio. A um minuto do fim, Collum, que já tinha acertado sete bolas de três, forçou uma mesmo marcado e errou feio – não deu nem aro.

Ainda assim Valtinho abriu quatro pontos a 30 segundos do fim, garantindo ao Uberlândia o conforto necessário para estragar a alegria do rival. Marcelinho ainda acertou uma de três, surpreendentemente livre. Mas não havia tempo para reação. Valtinho acertou dois lances livres e, na sequência, Marcelinho cobrou os seus. Perdendo por dois, errou o segundo de propósito e, na disputa de rebote, a arbitragem deu bola presa. A posse era do Fla, e faltavam dois segundos.

Jefferson recebeu passe de Hélio, girou e chuto de longe. A bola caprichosamente bateu no aro e saiu. Fim de papo. A festa rubro-negra ficou pela metade, apesar do apoio incondicional da torcida, que vibrou mesmo após a derrota. E os visitantes é que voltaram para casa rindo à toa.

Os jogos da 12ª rodada do returno do NBB:

24/03 (Quinta-feira)
Pinheiros 92 x 93 Limeira

25/03 (Sexta-feira)
Franca 76 x 71 Bauru
Flamengo 88 x 90 Uberlândia
Joinville 88 x 70 Vitória
Paulistano 87 x 86 São José
Assis 73 x 77 Araraquara
Minas 91 x 103 Brasília

..

Patricia Amorim reinaugura ginásio da Gávea




A presidente do Flamengo, Patricia Amorim, reinaugurou na noite desta sexta-feira, no Rio de Janeiro, o   ginásio da Gávea. A quadra reformada foi palco para o jogo entre Flamengo e Uberlândia, pela 27ª rodada do Novo Basquete Brasil, vencido pelo time visitante por 90 a 88. O Rubro-Negro precisou jogar na nova casa devido a um evento no Tijuca Tenis Clube e devivo aos preparativos para o show do Iron Maden na HSBC Arena. (Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem)

..

Muralha leva puxão de orelha de Luxa

Luiz Philipe Muralha Flamengo Aeroporto copa juniores (Foto: Eduardo Peixoto / Globoesporte.com)
Uma dúvida jurídica e a decisão do treinador tiraram Muralha do jogo contra o Madureira, neste domingo, pela quinta rodada da Taça Rio. O volante do Flamengo disputaria a vaga de Willians, suspenso com três cartões amarelos. Vanderlei Luxemburgo, porém, optou por Lorran. O técnico, que prefere chamar Muralha de Luiz Phelipe, notou uma mudança de comportamento no jogador de 18 anos.

- Seria uma oportunidade boa para o Muralha. Muralha, não,  Luiz Phelipe. Ele estava há mais tempo que o Lorran, poderia estar jogando, mas jogou duas vezes pelos juniores e não foi bem. Houve uma mudança de comportamento. Ele deu uma tesoura na intermediária e foi expulso. Até por isso quis mudar o nome dele. Se ele faz isso no profissional, como Muralha, dá a ideia de jogador violento.

Apesar de ter sido expulso entre os juniores, Muralha tem contrato profissional. Como não sabe se ele teria de cumprir suspensão na Taça Rio, o Flamengo preferiu mantê-lo na base nesta semana. Segundo Luxemburgo, o episódio serve de lição.

- Ele esqueceu que o Willians estava aqui e tinha dois amarelos. É um ensinamento.

Muralha foi convocado para defender a Seleção Brasileira sub-18 que disputará um torneio em Barcelona, na Espanha. Além dele, Lorran e o goleiro César foram chamados. No começo de março, o jogador assinou contrato até o fim de 2015 (o anterior expirava em 2012). Ele participou de dois jogos na conquista da Taça Guanabara.

Flamengo e Madureira se enfrentam às 16h (de Brasília), em Macaé.



Ciente da cobrança, Patrícia pede voto de confiança: 'Adriano não é o Flamengo'



No dia em Adriano fechou com o Corinthians, a presidente do Flamengo, Patrícia Amorim, disse ter "certeza" que torcedores do clube vão cobrar mais o time e a diretoria por bons resultados a partir de agora. Mas pediu um voto de confiança à torcida diante da falta de interesse do Fla em contratar o atacante. E afirmou que "Adriano não é o Flamengo".

- A gente nunca agrada a todo mundo. A torcida vai cobrar um pouco mais, com certeza. Mas ela pode confiar que o nosso trabalho é muito organizado e muito sério. O Adriano não é o Flamengo. O Flamengo é maior do que qualquer jogador, de hoje ou de ontem. A gente está com o time formado. Se tivermos deficiência em alguma posição ao longo do tempo, vamos procurar suprir - disse antes da partida entre Flamengo e Uberlândia, pelo NBB (Novo Basquete Brasil), realizada na noite desta sexta-feira no ginásio da Gávea.

Patrícia reafirmou que Adriano "neste momento, não cabia no projeto" do clube.

- Nosso projeto para este ano foi para trazer Ronaldinho Gaúcho, Thiago Neves, Vander, Wanderley, Felipe. E claro, o Léo Moura, o Maldonado, todos eles. O Adriano saiu da Roma porque quis e, neste momento, ele não cabia no nosso projeto.



Lorran vai usar a camisa 26 do Fla

Lorran treino Flamengo (Foto: VIPCOMM)
“Mais um jovem jogador das categorias de base estreia no Flamengo: Lorran”. Fosse editor de algum jornal, esta seria a manchete de Vanderlei Luxemburgo para a página dedicada ao Rubro-Negro. Neste domingo, contra o Madureira, o técnico vai escalar o volante de 18 anos entre os titulares. Lorran será o substituto de Renato e vai usar a camisa 26. Após o coletivo desta sexta-feira, o segundo dele no time de cima, o garoto não fazia ideia de qual seria a numeração. Ao ser informado sobre a escolha do clube, aprovou.

- Eu não sabia. Gostei do número. Por mim poderia ser 50, 60, 80. Camisa é indiferente. Na base eu usava a 8 ou a 7. Eu quero é jogar.

Luxa enxerga em Lorran semelhanças com o estilo de jogo de Renato. Por isso o escolheu para substituir o camisa 11, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

- Ele é canhoto, sai para jogar, encaixa no lugar do Renato pelo lado esquerdo. Fico satisfeito de colocar os meninos para jogar. Sempre coloquei. Ele tem potencial. Se vai acontecer ou não, o tempo vai dizer. 

Lorran vai formar a trinca de volantes com Maldonado e Galhardo, que substitui o também suspenso Willians. Fla e Madureira se enfrentam às 16h (de Brasília), pela quinta rodada da Taça Rio. O Rubro-Negro tem oito pontos e está em terceiro no Grupo A. Vasco e Boavista têm nove.


Willians deseja sorte ao 'irmão' Adriano no Corinthians

Willians treino Flamengo (Foto: Maurício Val / VIPCOMM)
Em 2009, durante a caminhada para a conquista do título brasileiro, Willians tinha Adriano como um dos seus principais parceiros no Flamengo . Nesta sexta-feira, ao saber do desfecho da negociação do atacante com o Corinthians, o jogador rubro-negro desejou sorte ao seu "irmão".

- O Adriano foi como um irmão para mim em 2009. Até hoje, sempre falo muito com ele. Desejo tudo de bom, que ele se recupere do problema no ombro e faça um ótimo Campeonato Brasileiro. Tomara que ele consiga seguir bem na vida e que tudo corra bem – afirmou Willians.

Apesar da recusa da presidente Patrícia Amorim, de dirigentes rubro-negros e do técnico Vanderlei Luxemburgo em contratar o jogador, grande parte do elenco rubro-negro simpatiza com Adriano e gostaria de contar com o atacante no grupo. Na quinta-feira, Maldonado também desejou sorte ao Imperador.

- Acho que o Adriano tem muito para dar, até para a Seleção Brasileira. É um jogador de muita qualidade.

Suspenso por ter levado o terceiro cartão amarelo contra o Cabofriense, Willians não enfrentará o Madureira, domingo, em Macaé.

Angelim passa no teste de bafômetro, mas fica a pé. Por vontade própria

O zagueiro Ronaldo Angelim ficou a pé na noite da última quinta-feira após ter sido parado em uma blitz da "Lei Seca" na Barra da Tijuca, bairro da Zona Oeste do Rio. O jogador do Flamengo não pôde dirigir o seu carro não por ter sido proibido pelos fiscais. E sim por vontade própria.

Após sair da festa de aniversário do filho do atacante Deivid, Angelim foi parado na operação que tenta evitar que motoristas conduzam veículos sob o efeito de bebidas alcoolicas. O jogador do Fla, que não bebe, fez o teste do bafômetro, que não indicou álcool no organismo do atleta.

Mas o jogador acabou multado por estar sem a documentação do carro. Angelim dirigia o veículo munido de um boletim de ocorrência, que mostrava que os documentos haviam sido furtados em Juazeiro do Norte (Ceará).

Os fiscais consideraram que o zagueiro teria que pagar um multa e perder três pontos na carteira de motorista por estar sem o documento. Mas liberaram o jogador para prosseguir viagem.

Diante da multa, Angelim rejeitou a possibilidade e disse, que se havia sido multado por estar sem o documento, não poderia continuar dirigindo. E falou para os fiscais rebocarem o carro.


Luxemburgo é duro com Deivid: ‘Se ele se acomodar, aí vai embora daqui’

deivid treino flamengo (Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem)
Suave, leve, descontraído. Foram estas as definições de Vanderlei Luxemburgo para seu estado de espírito nesta sexta-feira. Durante entrevista coletiva no Ninho do Urubu, o treinador do Flamengo distribuiu sorrisos, fez piadas e respondeu a todas as perguntas pacientemente. Franziu a testa e recusou-se a falar de apenas um tema: Adriano.

- Já falei sobre esse assunto, ficou para trás.

O bom humor de Luxa, no entanto, não o permitiu deixar de ser duro. No dia em que o Corinthians recebeu o ''sim'' do Imperador, o técnico, que foi contra a volta de Adriano, mandou um recado ao seu camisa 9. Titular no início da temporada, Deivid virou reserva na final da Taça Guanabara. Vítima de uma lombalgia, acabou afastado dos treinos com o grupo por uma semana para se tratar e aproveitou para realizar um reforço muscular. Voltou a ser relacionado e entrou no decorrer do empate sem gols com o Cabofriense, domingo passado.

- O Deivid está emagrecendo, tem feito um trabalho forte, trabalho de complemento. Vai ter de correr atrás, justificar a contratação. Ele tem responsabilidade. Foi contratado como jogador de alto nível e tem de mostrar o que o faz estar aqui. Se ele se acomodar, aí eu não quero. Aí ele vai embora daqui. Se eu achar que está muito tranquilo, peço para ele mudar de clube. Não quero jogador nesse sentido. Foi contratado para ser um jogador importante da equipe, tem qualidade para isso, mas tem de mostrar qualidade. Tenho de observar, saber se ele vai estar contente, tranquilo, ou se vai se incomodar e buscar outro clube.

Deivid chegou à Gávea em agosto do ano passado, na gestão de Zico como diretor de futebol. O jogador teve 100% de seus diretos federativos e econômicos adquiridos pelo Flamengo e assinou contrato até dezembro de 2012. Em dez jogos neste ano, marcou quatro gols. O desempenho é melhor do que o alcançado em 2010 (foram 17), mas não o suficiente para mantê-lo entre os titulares. Com cinco gols, Wanderley virou a referência do setor ofensivo, só que também não é insubstituível.

- Wanderley está cavucando minhoca em barro duro para ver se acha uma para pescar - ilustrou Luxemburgo.

Sob análise, Wanderley será titular neste domingo, contra o Madureira, pela quinta rodada da Taça Rio. A partida será em Macaé, às 16h (de Brasília). A equipe está definida com Felipe, Léo Moura, Welinton, David e Rodrigo Alvim; Maldonado, Galhardo, Lorran, Thiago Neves e Ronaldinho Gaúcho; Wanderley.


Luxemburgo faz nova tentativa na lateral esquerda: Rodrigo Alvim

Um dia depois de escalar os jovens Lorran e Rafael Galhardo no primeiro coletivo da semana, o treinador do Flamengo, Vanderlei Luxemburgo, apresentou mais uma novidade na escalação do time titular no treino desta sexta. O técnico optou por Rodrigo Alvim na lateral-esquerda, com Egídio na equipe reserva.

Ainda sem ter atuado um minuto sequer na temporada 2011, Alvim deu duas assistências para gols de Thiago Neves e Wanderley no coletivo. O lateral havia entrado na parte final do treinamento de quinta.

A lateral esquerda tem sido um das principais dores de cabeça de Luxemburgo para montar o time em 2011. Sem Juan, que se transferiu para o São Paulo, Egídio iniciou o ano como titular. Mas não se firmou. O treinador chegou a improvisar o meia Renato e o zagueiro Ronaldo Angelim na posição. Mas também desistiu das alternativas nos últimos jogos.

Lorran e Rafael Galhardo voltaram a treinar entre os titulares e deverão ser confirmados para a partida contra o Madureira, no domingo, em Macaé. Nos coletivos de quinta e sexta, os dois jovens ocuparam as vagas de Willians e Renato, que estão suspensos com três cartões amarelos.

Fierro e Fernando, que poderiam ser opções para domingo, também não podem atuar. O primeiro foi convocado para defender a seleção chilena no amistoso contra Portugal, neste sábado, em Leiria. Já o segundo sente dores no músculo adutor da coxa direita e realizou apenas um treino físico nesta sexta.

Ao contrário do treinamento de quinta, quando a equipe reserva foi bem superior, o time titular teve bom desempenho nesta sexta, dominando amplamente a atividade, demonstrando grande disposição nas jogadas.



Retaliação aos aliados do Clube dos 13



A disputa pelos direitos de imagem dos Campeonatos Brasileiros de 2012 a 2014 (ou 2015, dependendo de quem negocia) já provoca consequências na competição deste ano.

A Globo tomou partido no racha do futebol brasileiro e cortou quase a metade dos jogos de TV aberta no primeiro turno do Brasileirão deste ano dos clubes que estão ao lado do Clube dos 13 – adversária dela na negociação dos direitos de TV dos Brasileiros de 2012 em diante.

Os Atléticos de Minas e do Paraná, o Internacional e o São Paulo, maiores aliados da turma de Fábio Koff,  tiveram 23 jogos exibidos na primeira metade do Brasileiro do ano passado e só terão 13 na competição deste ano, segundo dados oficiais publicados pela CBF.

Apesar de estar escrito na tabela que a escolha das partidas a serem exibidas é feita em conjunto pela CBF e pela emissora, o LANCE! apurou que a CBF apenas referenda o que a empresa de comunicação produz, sem nem sequer fazer uma análise aprofundada sobre as escolhas.

É por isso que acontecem aberrações. no primeiro turno deste ano, por exemplo, o Coritiba terá sete jogos em TV aberta e seu rival Atlético-PR, ligado a Fábio Koff, terá apenas um – menos até do que times como Atlético-GO e América-MG. Além disso, em 2010, o Coritiba nem estava na Série A.

Da mesma forma, Cruzeiro e Grêmio, pró-Globo, terão maior exibição do que seus respectivos rivais Atlético-MG e Internacional, que mantêm posição pró-C13.

O quarto maior prejudicado foi o São Paulo, que caiu de oito para cinco jogos exibidos.

Curiosamente, ao contrário do que até já foi publicado, o Corinthians não foi um grande beneficiado. O clube manteve os seus 14 jogos na TV aberta – primeiro lugar entre os 20 times – e ganhou apenas um jogo na TV fechada, muito menos importante. Quem teve aumento importante foi o Palmeiras, que passou de oito para 12 jogos, destronando o São Paulo como a segunda equipe mais exibida no estado.


Grade da TV pode ter impacto no pay per view

Além de retaliar os clubes que estão aliados ao Clube dos 13, a principal estratégia da Globo ao montar a grade de exibição de jogos foi aumentar a ênfase em times do eixo Rio-São Paulo.

Depois de Corinthians (14) e Palmeiras (12), os clubes com mais jogos a serem exibidos são a dupla Flamengo e vasco, com dez partidas cada. Em 2010, foram exibidas 9 jogos do primeiro e 7 do segundo.

Outro ponto em que haverá mudança é a definição do “jogo da rede”, aquele que é transmitido para estados não envolvidos nas partidas exibidas. Esses jogos têm papel importante na formação de torcedores e na venda de patrocínio. O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, sustenta que seu clube terá grande aumento dessas exibições.

A excessiva exposição de jogos pode, contudo, ter um efeito colateral negativo. Segundo especialistas, quanto mais jogos exibidos em TV aberta ou fechadas, menos incentivo existe para que os torcedores assinem os pacotes de pay per view. Como são os times de maior torcida que terão maior aumento de exposição, o aumento na venda de pacotes, que tem superado a marca de 20% ao ano, pode desacelerar.

Curiosamente, quem mais pode comprar pacotes serão os são-paulinos, “punidos” pela Globo porque seu clube ficou do outro lado.



Flamengo revogou procuração ao Clube dos 13


O Procurador Geral do Flamengo, Rafael de Piro, afirma que desconhece essa cláusula de contrato que o Clube dos 13 usou para assinar em nome do Rubro-Negro com a RedeTV!, anteontem. Afirma que o clube enviou uma revogação expressa da procuração do C13 no início do mês e que não há nenhuma violação no caso do Fla assinar com a TV Globo.





Thiago Neves diz que Fla tem obrigação de vencer o Madureira

thiago neves flamengo treino (Foto: Cezar Loureiro / O Globo)
Thiago Neves alerta: o Flamengo tem que vencer o Madureira, domingo, em Macaé, para subir na tabela e buscar a classificação para a semifinal da Taça Rio. Atualmente, o time ocupa a terceira colocação do Grupo A, com oito pontos, atrás de Boavista e Vasco, ambos com nove. O time cruz-maltino é líder pois tem melhor saldo de gols.

- Tivemos complicações nos últimos jogos. Nossa obrigação é vencer o Madureira para conseguirmos subir na tabela. São dois jogos sem vencer e sem fazer gols (contra Fluminense e Cabofriense). Mas domingo faremos uma boa partida – afirmou Thiago Neves, que volta ao time depois de ter cumprido suspensão contra o Cabofriense.

O camisa 7 pede apoio da torcida para o time reencontrar o caminho das vitórias.

- É importante que o torcedor compareça e nos incentive.

O Flamengo duela com o Madureira, às 16h (de Brasília).


..

Lorran mostra habilidade e se destaca no time titular do Flamengo



'Resultados vão dizer se estamos certos', diz Veloso sobre Adriano

vanderlei luxemburgo e luiz augusto veloso no treino do flamengo (Foto: André Durão / Globoesporte.com)
O acerto verbal de Adriano com o Corinthians gerou reações diversas dos torcedores, a maioria contrária à decisão da diretoria do Flamengo e do técnico Vanderlei Luxemburgo, que decidiram não trazer o atacante de volta para o clube. O diretor-executivo de futebol do Rubro-Negro, Luiz Augusto Veloso, reiterou que o Imperador não se encaixava no projeto que o clube adotou, destacou que somente o tempo dirá se a decisão foi acertada e lembrou o caso de Luiz Felipe Scolari, que foi contra o clamor popular, deixou Romário fora da Copa do Mundo de 2002 e conquistou o título.

- Não tem jeito, é a vida (a reação de parte da torcida que era a favor de Adriano). Não tenho nada contra a pessoa, mas temos um projeto traçado. Os resultados vão mostrar se estamos certos. O Felipão, por exemplo. Quando ele não convocou o Romário para a Copa de 2002 viveu meses de crise e pressão. Ele achou que ele não devia ir, foi a opinião do Felipão. Acabou que ele foi campeão.

Comparar com a Seleção Brasileira, porém, dá brecha aos dois lados da moeda. O próprio treinador rubro-negro tem um exemplo inverso. Em 2000, Luxa também deu de ombros para o apelo popular, não convocou Romário para as Olimpíadas de Sydney e foi eliminado nas quartas de final por Camarões. A equipe, curiosamente, tinha Ronaldinho Gaúcho. No desembarque, o treinador foi hostilizado por torcedores aos gritos de "burro". Uma semana depois, o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, o demitiu.

A hostilidade ao treinador teve eco na internet. No perfil oficial do clube no Facebook, há centenas de comentários criticando a opção de Luxemburgo e Veloso e exigindo a volta de Adriano. Uma pequena minoria entende que as indisciplinas do Imperador foram suficientes para a porta fechada que encontrou.

Diante da pressão que se avizinha, a cúpula rubro-negra sabe da necessidade de reforçar o ataque. Vanderlei aposentou o esquema sem centroavante e escalou o xará Wanderley nos últimos dois jogos e no coletivo desta quinta. Mas há a necessidade de um goleador que faça a maior parte da torcida esquecer o Imperador. Vagner Love é o nome dos sonhos, só que o clube não fez proposta ao CSKA e tampouco ao jogador.
Veloso garante que a cúpula de futebol está atenta ao mercado, seja de atacante, lateral ou outras posições consideradas carentes.

- Temos sempre aspiração de ser protagonistas das competições que disputamos. Seguiremos nossa coerência. Mas tratamos a questão internamente, como nas negociações de Ronaldinho Gaúcho e Thiago Neves. Nosso objetivo é deixar o elenco sempre o mais competitivo.

Competitividade esta que só vale se for aliada ao bom comportamento. Luiz Augusto Veloso avisa que no Flamengo atual não há espaço para falta de profissionalismo.

- O Diego Maurício cometeu um pequeno deslize ao se atrasar em dois treinos, foi cortado de um jogo e entendeu. Mas há quanto tempo não se ouve falar de indisciplina no Flamengo?


quinta-feira, 24 de março de 2011

Capitão Léo quer Pet no time de futebol de 7

Leonardo Ribeiro - (Foto: Paulo Sergio)
Tímido nos últimos anos, o futebol de 7 começa a ganhar força. A modalidade, jogada jogada no campo society, ganhou a parceria dos quatro grandes clube do Rio de Janeiro e da Prefeitura. Com a proximidade do primeiro campeonato carioca, que começa no fim de semana, Leonardo Ribeiro, o Capitão Léo, em entrevista ao LANCENET!, falou sobre o planejamento do Flamengo na modalidade.

Empolgado, o atual presidente do conselho fiscal do Rubro-Negro sonha alto: quer o sérvio Petkovic no time do Flamengo.



Veja a exclusiva:

LANCENET!: Como surgiu o interesse do Fla pelo futebol de 7?Leonardo Ribeiro: Após a contratação do Ronaldinho Gaúcho, o Flamengo foi procurado por empresas interessadas em associar o nome da marca ao clube. Como o valor de patrocínio para o futebol é alto, em torno de 30 a 32 milhões, a criação de modalidades como o futebol de 7, beach soccer e futebol feminino serviu para permitir a parceira entre a instituição e as empresas que não podiam cobrir a cota.

LNET!: Você afirmou que a contratação de Ronaldinho Gaúcho foi o que motivou a criação destas novas modalidades. Haverá futuro nestes esportes após a saída do camisa 10?
L.R.
: Isto depende do retorno que elas vão dar ao clube. Me refiro aos ganhos com imagem, títulos, torcida e categorias de base. A possibilidade de afiliação do futebol de 7 à FIFA também é fator preponderante.

LNET!: De onde o Flamengo tirará o lucro no futebol de 7?
L.R.
: O valor acertado com a Locanty é de R$ 300 mil ao ano. Deste montante serão retiradas as despesas administrativas do time, como salários. Se houver uma arrecadação acima desta cifra, o Flamengo vai ter um lucro de 15%, à parte. Não há como o clube sair perdendo.

LNET!: O clube investirá em estrutura?
L.R.
: A intenção é recuperar o campo dois do clube, o "Flapel", e adaptá-lo para as regras de futebol de 7. Desta forma, a ideia é sediar uma rodada do Campeonato Carioca.

LNET!: Há o desejo de se contratar algum jogador de renome para fazer parte do time?
L.R.
: O desejo é trazer o Petkovic para jogar na equipe a partir do segundo semestre.


..

Willians assina com o Fla até 2015

Willians treino Flamengo (Foto: Maurício Val / VIPCOMM)
O vínculo de Willians com o Flamengo aumentou nesta quinta-feira. O contrato do volante foi ampliado de 2014 para 2015 e o jogador recebeu um aumento salarial. A diretoria rubro-negra se reuniu com o empresário do atleta, Sérgio Dias, para firmar o novo compromisso.

- Deu tudo certo e renovamos com o Willians até 2015 – informou o diretor de futebol Luiz Augusto Veloso.

Indicado pelo técnico Cuca, o volante chegou ao Rubro-Negro em 2009 e na pré-temporada conseguiu a vaga de titular. Participou do título carioca e conquistou a torcida pela facilidade nos desarmes e a raça. Mesmo com a saída do treinador responsável pela sua contratação, o volante manteve o prestígio e foi importante na conquista do hexacampeonato brasileiro. Ano passado, mesmo com o mau momento do Flamengo, chegou a ser cotado para a Seleção Brasileira.

Em 2011, Willians participou das 17 partidas disputadas pela equipe rubro-negra. No domingo, no entanto, ele será desfalque. Por conta do terceiro cartão amarelo, não vai enfrentar o Madureira, em Macaé, às 16h (de Brasília), pela quinta rodada da Taça Rio.


Flamengo enfrenta Uberlândia e reinaugura quadra da Gávea


No dia em que a quadra do ginásio Hélio Maurício será reinaugurada, o Flamengo terá um jogo chave no NBB (Novo Basquete Brasil). A equipe enfrenta o Uberlândia, nessa sexta-feira (25.03), às 20h, na Gávea, de olho na liderança isolada da competição. O Flamengo está no topo da tabela de classificação da competição, empatado com o Pinheiros, com 18 vitórias em 24 jogos (75% de aproveitamento). No confronto direto, primeiro critério de desempate, o time paulista leva a melhor, já que venceu as duas partidas (turno e returno).

O Uberlândia, por sua vez, é o sexto colocado com 16 vitórias em 25 partidas (64% de aproveitamento) e briga por uma vaga no G-4. Para assegurar liderança isolada, o time rubro-negro precisa vencer e torcer por uma derrota do Pinheiros, que nessa quinta-feira (24.03) enfrenta o Limeira.

No primeiro turno, em Uberlândia, o quinteto carioca foi derrotado por 89 x 68.

"O Uberlândia é uma grande equipe,  que está lutando para ficar entre os quatro primeiros, então vai ser um jogo chave para o Flamengo. Eles têm um jogo muito bem distribuído, temos que ficar atentos", disse o técnico Gonzalo Garcia.

O armador Fred definiu a equipe do Uberlândia como "imprevisível".

"Eles contam com dois laterais bem ofensivos, que podem chutar a qualquer momento. Além disso, têm um dos melhores armadores do país, o Valtinho, em quem já me espelhei bastante", afirmou o rubro-negro.

Depois de enfrentar os mineiros, o Flamengo ainda terá mais três confrontos pela fase de classificação: Brasília, domingo (27.03), no Tijuca; São José, dia 01.04, em São José dos Campos; e Limeira, dia 04.03, em Limeira.

"Precisamos buscar a vitória n esses quatro jogos restantes, pois o Pinheiros está junto com a gente na  liderança e nosso objetivo é terminar a fase classificatória em primeiro lugar para levar vantagem nos playoffs", lembrou o ala/pivô Jefferson.
 
REINAUGURAÇÃO DA QUADRA

Antes da partida, a presidente do clube Patrícia Amorim cortará uma fita, simbolizando a reinauguração da quadra do Ginásio Hélio Maurício, na Gávea. A quadra recebeu um moderno piso flutuante, além de tabelas e placar novos.

Desde 2009, com a disputa do Estadual adulto, uma partida não era disputada no Ginásio Hélio Maurício, construído em 1990.

"Acho que os jogadores se sentem mais protegidos jogando em casa. Será muito bom para todos nós", acrescentou o técnico Gonzalo Garcia.

Cúpula corintiana está no Rio para assinar com Adriano

O Corinthians oferece um contrato de risco para Adriano. Inicialmente, tem validade até o fim do ano, com opção de renovação por mais um. Serão entre R$ 200 e R$ 300 mil fixos por mês, mais o valor de luvas e premiações por desempenho, que virá do Grupo Hypermarcas, o patrocinador principal. Tudo isso vem com uma condição: o atacante estará sujeito a pesadas multas se tiver casos de indisciplina, e o clube poderá rescindir o contrato sem qualquer custo.



...

Diretores do Fla comemoram ida de Adriano para o Corinthians

Diretores do Flamengo comemoram que Adriano está indo para o Corinthians. Dizem que só eles sabem o que tiveram de suportar do jogador no primeiro semestre de 2010. Não fazem críticas diretas a ele, mas afirmam que seu comportamento influencia todo o elenco e que o ambiente, agora bom, era muito diferente com ele.



..

Sonho de Lorran: titular em treino do Fla e elogio do ídolo Ronaldinho

A sala de entrevistas do Ninho do Urubu era território inexplorado. A camisa de treino sequer tem número e muito menos nome. Em campo, Michel Lorran Rodrigues Mota se apresenta. Esguio, canhoto, de passadas largas. Uma caneta em Darío Bottinelli no primeiro coletivo entre os profissionais chamou a atenção. Alguns passes errados indicaram nervosismo na estreia como titular num treino do Flamengo. Aos 18 anos, o garoto que saiu de Barra do Garças, no Mato Grosso, começa a tentar realizar aquele sonho de fazer sucesso num grande clube de futebol.

Lorran treino Flamengo (Foto: VIPCOMM)Lorran foi titular no primeiro coletivo disputado como profissional do Flamengo (Foto: VIPCOMM)

- É uma oportunidade única. Não sei se vou começar como titular (contra o Madureira), o professor Luxemburgo vai decidir, mas se ele optar por mim com certeza vou dar o máximo. É um sonho. Sempre foi um sonho jogar no Flamengo. Agora estou ao lado de Léo Moura, Thiago Neves, Ronaldinho.

O capitão, o craque do time, aprovou o desempenho de Lorran no coletivo. Após a atividade, Ronaldinho chamou o mais novo companheiro, fez sinal de positivo e o elogiou.

- Ele disse “boa, garoto, continue assim”. Disse que vai me orientar a fazer as coisas certas dentro do campo.

Em 2005, o garoto desembarcou no Rio de Janeiro para realizar testes nas quatro grandes equipes cariocas. Passou em todos. Em Belo Horizonte, foi observado no Atlético-MG e também foi aprovado. Na hora de escolher, optou pelo Fluminense. Segudo ele, pensou na estrutura. A transferência para o Flamengo se deu em junho de 2007. A realização de um desejo não só dele, mas de uma família inteira.

- Saí de casa com a missão de ajudar a família, passei dificuldades, mas isso faz parte da vida. Meu pai mexia com futebol na minha cidade, um cara do Rio me viu jogar uma pelada e fui fazer teste nos clubes.

Lorran, que tem este nome em homenagem ao meio-campista francês Lucien Laurent, autor do primeiro gol na história das Copas do Mundo, em 1930, no Uruguai, mudou de posição na chegada ao Fla. O meia virou volante, mas não perdeu as características ofensivas.

Em outubro de 2010, venceu o Carioca juvenil com o Flamengo. O Rubro-Negro não era campeão invicto na categoria desde 1980. Em 24 jogos, a equipe teve 21 vitórias e três empates (96 gols pró - melhor ataque - e 11 contra - defesa menos vazada). Capitão do time, Lorran se destacou com 16 gols na competição. Na temporada, foram 20. Depois de uma campanha ruim da equipe no Brasileiro Sub-20, foi titular e campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior, no início deste ano. Fez um gol.

- Tudo tem acontecido muito rápido. Estou no Flamengo há quatro anos, fui campeão carioca juvenil, campeão da Copa São Paulo, há dois dias estava nos juniores e hoje treinei entre os titulares.

Além de viver a expectativa de enfrentar o Madureira, domingo que vem, pela Taça Rio, o volante foi convocado para a Seleção Brasileira sub-18 que disputará um torneio em Barcelona, na Espanha. Novos planos a caminho.

- Foi uma outra coisa que me pegou de surpresa. Quero dar meu máximo lá para brigar por uma posição de titular, quero ir ao Mundial, em agosto, e mostrar dentro de campo que tenho condições de servir a Seleção.

Amor pelos pais tatuado nos braços

O pai, Cleomar (mais conhecido como Teté), é funcionário público. A mãe, Divina Magna, mora com ele no Rio. Nem sempre foi assim. Quando chegou à capital carioca com a bagagem cheia de vontade, Lorran não pôde contar com eles.

- Pegava de dinheiro emprestado, meus amigos, aqueles que vieram para cá comigo, me ajudavam enquanto ficaram por aqui. Mas só eu continuei. Às vezes, não contava as dificuldades para os meus pais para não preocupá-los. Perdi minha infância, mas com certeza vou recuperar na frente, dar o direito de meus filhos curtirem a infância deles.

Nos punhos, ele carrega os nomes dos pais. No braço esquerdo, a frase “Abençoado por Jesus Cristo”, em italiano.

- Sou muito religioso.

Lorran tem contrato com o Flamengo até o fim do ano que vem. O Rubro-Negro é dono de 85% dos direitos econômicos do jogador. O restante pertence à Traffic.

LORRAN
Nome: Michel Lorran Rodrigues Mota
Nascimento: 10/01/1993, Porto Alegre-RS
Altura: 1,82m
Peso: 72kg
Chegada ao Flamengo: 2007


C-13 só deve levar documentação de contrato ao Cade na próxima semana

O Clube dos 13 não conseguiu levar ao Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), nesta quinta-feira, a documentação da assinatura do contrato de cessão dos direitos de transmissão em TV aberta para o triênio de 2012 a 2014 com a Rede TV!. De acordo com a assessoria de imprensa do C-13, o problema foi de ordem burocrática - era preciso ter agendado previamente a visita ao Cade. A expectativa é que o encontro aconteça na próxima semana.

O objetivo do C-13 é enviar o contrato assinado para que o Cade verifique se está tudo dentro do acordo feito em outubro do ano passado. Na ocasião, C-13 e Rede Globo assinaram um "Termo de Cessação de Conduta" com o Cade para ajustar os itens da concorrência.

Para o C-13, o contrato firmado com a RedeTV! é extensivo a todos os 20 clubes que fazem parte da entidade. Porém, várias agremiações disseram que negociarão os direitos por conta própria.

O C-13 também alega que tem a assinatura de 15 dos 20 clubes no contrato firmado com a RedeTV!. A explicação é que oito clubes teriam cedido procurações ao C-13 dando poderes para negociar os direitos de transmissão do Brasileiro de 2012 a 2014 em troca de empréstimo bancário: Botafogo, Flamengo, Coritiba, Cruzeiro, Grêmio, Sport, Vitória e Vasco. Já São Paulo, Atlético-MG, Atlético-PR, Portuguesa, Inter, Guarani e Bahia apoiariam o C-13, garante a entidade.

Segundo o diretor executivo do C-13 Ataíde Gil Guerreiro, somente cinco clubes não teriam, dessa forma, assinado contrato com a RedeTV!: Corinthians, Fluminense, Santos, Palmeiras e Goiás. Por outro lado, nove clubes já anunciaram oficialmente que fecharam com a Rede Globo: Santos, Corinthians, Vasco, Grêmio, Cruzeiro, Goiás, Coritiba, Sport e Vitória.



Luxemburgo escala Lorran e Galhardo entre titulares no coletivo

Vanderlei Luxemburgo antecipou que ia mexer bem no time e surpreendeu no treino realizado na tarde desta quinta-feira no Ninho do Urubu, em Vargem Grande. O técnico escalou Lorran e Galhardo entre os titulares no primeiro coletivo da semana. Sem Renato e Willians, que não enfrentarão o Madureira, domingo, em Macaé, por terem levado o terceiro cartão amarelo, a equipe começou a atividade com Felipe, Léo Moura, Welinton, David Braz e Egídio; Maldonado, Galhardo, Lorran, Ronaldinho Gaúcho e Thiago Neves; Wanderley.

As suspensões dos dois titulares não são os únicos problemas do treinador. As opções no banco estão mais restritas porque Fierro está com a seleção chilena, Fernando se machucou e Muralha tem um problema burocrático. Ele foi expulso na vitória por 2 a 0 sobre o Cabofriense, no torneio de juniores, mas como tem contrato profissional há a dúvida se ele precisa cumprir suspensão no time principal.

Durante a atividade, Luxemburgo, Ronaldinho Gaúcho e outros jogadores incentivaram os novatos. Galhardo, 19 anos, não vinha sendo nem relacionado nos últimos jogos do Flamengo por causa de um problema contratual. Recentemente, o compromisso dele foi renovado por mais cinco anos.

Campeão da Copa São Paulo de Juniores, Lorran, 18, foi convocado para a Seleção Brasileira Sub-18, treinou na quarta-feira com o time principal, e nesta quinta já estava entre os titulares.

Pressão dos reservas

Durante o coletivo, Galhardo arriscou um chute de fora da área. A bola desviou na zaga e Paulo Vítor não evitou o gol. Ronaldinho Gaúcho elogiou o companheiro.

- Boa, Galhardo.

Depois, Lorran deu uma caneta em Bottinelli. Foi a vez de Luxemburgo incentivar.

- Boa, meu filho.

No fim do coletivo, Luxemburgo testou Rodrigo Alvim no lugar de Egídio.

Apesar das escolhas de Vanderlei, o time reserva se impôs na atividade. Diego Maurício, Deivid e Negueba incomodaram, e Felipe fez pelo menos três defesas que impediram a derrota. Os titulares teve dificuldade na troca de passes e só saiu do campo defensivo nos contragolpes.

Em terceiro lugar no Grupo A com oito pontos em quatro rodadas, o Flamengo duela com o Madureira, domingo, às 16h, em Macaé.


Fla puxa o 'Bonde do Mengão sem freio' para comemorar vaga

Foi só o baixinho Gil bater para fora a cobrança de pênalti do Seattle Sounders-EUA para os jogadores do Flamengo comemorarem a classificação para as semifinais do Mundialito de Futebol de Areia com o 'Bonde do Mengão sem freio'. Inspirados nos craques rubro-negros do gramado, os atletas fizeram a festa com a torcida na arena montada na Represa de Guarapiranga, em São Paulo, após o triunfo por 5 a 4 nas penalidades (2 a 2 no tempo normal).

- O time do campo comemora assim, então resolvemos fazer igual aqui na areia. A torcida gosta e resolvemos trazer essa festa para dentro da quadra - contou o defensor Anderson.

Flamengo Futebol de areia (Foto: Agência Estado)Jogadores do Flamengo fazem a coregrafia do 'Bonde do Mengão sem freio' (Foto: Agência Estado)

Autor de dois gols na partida, Anderson destacou a garra da equipe, que conseguiu levar a partida para os pênaltis com um gol no terceiro período.

- O André vinha fazendo os gols, mas hoje tive a felicidade de marcar dois. Divido esse trabalho com meus companheiros. Fui feliz, principalmente no segundo gol, quando a bola pegou na minha canela - disse.

O técnico Andrey Valério, que precisou dar uma bronca no time durante o intervalo do segundo período, alertou que o Flamengo não pode cometer as mesmas falhas de marcação nas semifinais.

- Fica a lição e o aprendizado. Os jogadores brasileiros são os melhores do mundo no futebol de areia, mas precisam evoluir psicologicamente. Estávamos na frente, mas ficamos nervosos, recuamos e permitimos a virada. O Seattle valorizou muito a nossa vitória. Contra Corinthians ou Vasco, teremos que melhorar - enfatizou.


Flamengo vence o Seattle nos pênaltis e garante vaga nas semifinais

Debaixo de sol forte na arena montada na Represa de Guarapinga (SP), o Flamengo precisou suar a camisa para bater o Seattle Sounders-EUA por 5 a 4 nos pênaltis (2 a 2 no tempo normal e na prorrogação), pelas quartas de final do Mundialito de Futebol de Areia. O Rubro-Negro largou na frente, sofreu a virada, mas reagiu no terceiro período e arrancou o empate de forma emocionante. Na comemoração, os jogadores eufóricos fizeram o bonde sem freio. Agora, o time carioca enfrenta nas semis quem passar do confronto brasileiro entre Corinthians e Vasco. As duas equipes entram em quadra às 16h45m.

- Foi sofrido. Sabíamos que o Seattle iria fazer jogo duro, pois eles marcam muito bem. Saímos na frente, mas nos desconcentramos e deixamos o time deles virar. No final, fomos felizes e conseguimos vencer nos pênaltis. Aquele golzinho no terceiro período foi muito importante e tive sorte, pois a bola pegou na minha canela - confessou Anderson, autor dos dois gols do Flamengo na partida.

Flamengo Futebol de areia (Foto: Agência Estado) 
Time do Flamengo comemora a classificação com o bonde sem freio (Foto: Agência Estado)

O Flamengo começou atacando e abriu o placar logo no primeiro minuto. Após chute cruzado de Souza pela direita, Anderson completou de cabeça no canto: 1 a 0. O Seattle não sentiu o golpe e passou a pressionar em busca do empate. A três minutos do fim, Anderson deu bobeada na saída de bola e Frank bateu cruzado no cantinho para deixar tudo igual. A menos de um minuto para o final do período, Ali Karim, que havia acabado de entrar, acertou uma bomba do meio da quadra e tratou de desempatar: 2 a 1 para o time americano.

No intervalo, o técnico Andrey Valério reclamou bastante com os jogadores do Flamengo. A bronca do comandante rubro-negro não deu muito certo. O time voltou nervoso e errando passes bobos. O Seattle, por sua vez, seguiu no ataque e o goleiro Diego teve trabalho ao defender finalizações dos baixinhos Plata e Franck. Artilheiro do Mundialito, o atacante André só apareceu quando tentou uma bicicleta, que passou rente à trave.

No terceiro período, o Flamengo voltou mais ligado e empatou o jogo logo aos dois minutos. Anderson carregou a bola pelo lado esquerdo e chutou forte no canto, à meia altura, para fazer 2 a 2. O time carioca permaneceu no ataque, mas quase levou o gol em chute de Franck que acertou a trave. Com o empate no tempo normal, o jogo foi para a prorrogação.

No tempo extra, os dois times abusaram das chances perdidas e a decisão ficou mesmo para os pênaltis. Nas cobranças, André, Anderson, Duda, Souza e Matias marcaram para o Flamengo e Ali Karim, Farberoff, Morales e Cati fizeram para o Seattle. Na quinta tentativa, Gil bateu para fora e o Rubro-Negro se classificou.

Flamengo 10 títulos nacionais

Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!