Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

sábado, 6 de agosto de 2011

Vanderlei Luxemburgo comenta a vitória do Flamengo sobre o Coritiba

Jogadores do Fla exaltam insistência da equipe

O lateral direito Léo Moura esbanjou otimismo após a vitória do Flamengo sobre o Coritiba, neste sábado à noite, no Engenhão. Léo elogiou o time por sua postura de nunca desistir de pressionar o Coxa, e disse que a equipe pode sair com o título se mantiver essa sequência até o fim do Campeonato.

- A equipe buscou a vitória o tempo todo, e foi merecidamente coroada no fim. Buscaremos o título até o final. A vitória nos dá moral, os que entram estão dando conta do recado. Vamos em busca de mais três pontos contra o Figueirense, porque se continuarmos nessa batida, dificilmente não seremos campeões - disse.

Já o meia Renato voltou a atacar o gramado do Engenhão, mas disse que o time foi guerreiro em insistir em atacar até o fim, e que foi recompensado:

- O time foi bem taticamente, atacando sempre. Não tem como jogar com qualidade nesse campo, mas fomos guerreiros e merecemos a vitória, Jael foi abençoado e fez o gol. Ficamos expostos, demos contra-ataque, mas merecemos. Buscamos o gol o tempo todo, foi uma vitória com a cara do Flamengo.




Muralha ou Luiz Philipe? Até Luxa se confunde com nome

O técnico Vanderlei Luxemburgo viveu uma situação inusitada pouco antes do começo de Flamengo x Coritiba, confronto que o Rubro-Negro venceu. Ao referir-se ao volante Muralha, que tem sido chamado pelo nome (Luiz Philipe) de maneira oficial pelo Flamengo, Luxa acabou o chamando mesmo pelo apelido.

Na camisa de número 31, correspondente ao jovem volante rubro-negro, está o nome "Luiz Philipe", como o jogador é tratado pelo clube, apesar do apelido. No entanto, Luxa se confundiu pouco antes do jogo ao tentar explicar a entrada do jogador no time titular.

- É, é que o Muralha... ih, até eu falei (risos). Tentei evitar, mas não deu, não dá mais - divertiu-se o técnico em entrevista ao SporTV.




Onde está o Ronaldinho? Camisa 10 é 'engolido' por dezenas de crianças

O time do Flamengo entra no gramado do Engenhão para enfrentar o Coritiba. Na saída do vestiário, o tradicional corredor de torcedores mirins do Mengão. Aos poucos, cada criança agarra na mão de um jogador para entrar no campo, mas a grande maioria ainda aguarda Ronaldinho Gaúcho, que vem quase por último na fila. E quando o camisa 10 aparece, é cercado por dezenas de meninos e meninas, que pulam em cima do craque, puxam a camisa e tornam difícil uma simples caminhada do capitão do time até o centro do gramado para saudar a torcida.

Ronaldinho crianças flamengo (Foto: Janir Junior / Globoesporte.com) 
Ronaldinho é cercado por crianças ao entrar em campo (Foto: Janir Junior / Globoesporte.com)
 
A cena faz lembrar os desenhos de Onde está Wally?, série de desenhos em que o leitor precisa encontrar o personagem de camisa de listras vermelha e branca. No caso do Flamengo, a pergunta é: onde está Ronaldinho Gaúcho?



Melhores momentos: Flamengo 1 x 0 Coritiba pela 15ª rodada do brasileirão 2011

Ronaldinho Gaúcho admite que é muito bom dormir na liderança

Jael agradece ao Ronaldinho pelo passe que garantiu a vitória do Flamengo sobre o Coritiba

Com gol de Jael, o ''cruel'' Fla vence e lidera o Brasileirão



Ficha técnica


Local: Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 6/8/2011 

Hora: 18h30min

Árbitro: Elmo Resende Cunha (GO)
Assistentes: Fabrício Vilarinho da Silva (GO) e Christian Passos Sorence (GO)

Renda e público:
R$ 748.510,00 / 24.814 pagantes / 29 mil presentes

Cartões amarelos:
Fla: Muralha, Ronaldinho Gaúcho
Coritiba: Jonas

Gol:   Jael, o ''cruel'' 44'/2ºT (1-1)


Flamengo: Felipe; Léo Moura, Welinton, David e Junior Cesar; Willians, Muralha (Bottinelli, intervalo), Renato, Thiago Neves (Diego Maurício, 36'/2ºT) e Ronaldinho; Deivid (Jael, 36'/2ºT). 
Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Coritiba: Edson Bastos; Jonas, Jéci, Emerson e Lucas Mendes (Eltinho, 32'/2ºT); Leandro Donizete, Léo Gago, Tcheco (Maranhão, 37'/2ºT) e Rafinha; Marcos Aurélio (Davi, 26'/2ºT) e Bill.
Técnico: Marcelo Oliveira.




Flamengo 1 x 0 Coritiba



2º tempo


44min



GOOOOOOOOOOOOOOOOLLL DO FLAMENGO!!!! Ronaldinho cruza da esquerda, na cabelça de Jael, que coloca a bola na rede.

Movimento é grande no Engenhão antes de Flamengo x Coritiba



A cerca de uma hora e meia para o jogo entre Flamengo x Coritiba, o movimento ao redor do Engenhão já é bastante intenso. Há a presença de muitas famílias, quase todas trajadas com as cores rubro-negras, para acompanhar a partida.

O trânsito na Avenida Suburbana, próxima à Ala Norte do estádio também já sofre retenções com a chegada dos torcedores. A boa fase do time, invicto no Brasileirão, tem feito o torcedor comparecer em bom número às últimas partidas no Engenhão.

David Braz faz alerta para duelo com Coritiba: ‘É um jogo traiçoeiro’


david braz flamengo (Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem)
David Braz marcou sua história no Flamengo ao marcar o primeiro gol da vitória de 2 a 1 sobre o Grêmio, em 2009, resultado que garantiu o título brasileiro para o Rubro-Negro. O zagueiro conhece bem o percurso até uma conquista nacional. Neste sábado, às 18h30m, no Engenhão, diante do Coritiba, o zagueiro formará dupla com Welinton. David deu a lição de como o time deve se portar jogando em casa e alertou para as dificuldades da partida com o Coxa.

- O maior segredo dos jogos em casa é ter paciência. Quando jogamos fora tem mais espaço, as equipes se abrem para atacar. Mas é difícil você ver isso no Engenhão. O Grêmio, por exemplo, ficou nos esperando o tempo todo em seu campo de defesa. A partida acaba se tornando quase que um jogo de xadrez. Mas nossa equipe está bem treinada pelo Vanderlei e consciente do que precisa fazer com a bola para achar os espaços. O Coritiba tem uma ótima equipe. Sabemos que será um jogo difícil, traiçoeiro. Vamos precisar ter atenção redobrada nesse jogo – declarou David Braz.

O zagueiro também destacou a importância da torcida para o Rubro-Negro manter a mesma pegada. A equipe vem de três vitórias diante do Santos (5 a 4), Grêmio (2 a 0) e Cruzeiro (1 a 0). O time ocupa a vice-liderança, com 30 pontos, um a menos do que o líder Corinthians, que tem um jogo a menos.

- Estamos com uma boa campanha e a nossa expectativa é que o Engenhão fique ainda mais cheio daqui para frente. Estive na trajetória do título de 2009, então sei bem do que o torcedor do Flamengo é capaz quando está em sintonia com o time.

Flamengo e Coritiba se enfrentam neste sábado, às 18h30m. 




Divulgados os árbitros para jogos de ida dos brasileiros na Sul-Americana



A Confederação Sul-Americana de Futebol divulgou nesta sexta-feira a relação de árbitros e assistentes para os quatro jogos de ida dos times brasileiros da Copa Sul-Americana. Os brasileiros Sandro Meira Ricci, Ricardo Marques, Paulo César de Oliveira e Leandro Vuaden serão os responsáveis pelas arbitragens das partidas. Confira a lista.


Quarta, 10/08
19h30m - Ceará x São Paulo - Presidente Vargas, em Fortaleza (CE)
Árbitro: Sandro Meira Ricci (Fifa DF)
Assistentes: Dibert Pedrosa Moisés (Fifa RJ) e Joia Rodrigo Pereira (RJ)

21h50m - Flamengo x Atlético-PR - Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Ricardo Marques (Fifa MG)
Assistentes: Altemir Hausmann (Fifa RS) e Erich Bandeira (Fifa PE)

21h50m - Atlético-MG x Botafogo - Ipatingão, em Ipatinga (MG)
Árbitro: Paulo César de Oliveira (Fifa SP)
Assistentes: Roberto Braatz (Fifa PR) e Carlos Berkenbronck (Fifa SC)

Quinta, 11/08
21h50m - vasco x Palmeiras - São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Leandro Vuaden (Fifa RS)
Assistentes: Altemir Hausmann (Fifa RS) e Erich Bandeira (Fifa PE)




Sucesso de gigantes leva a 'Brasileirão das multidões'

Não são apenas as torcidas de  Flamengo e Corinthians que se divertem com a boa campanha de seus times no Campeonato Brasileiro deste ano. Logo abaixo, de terceiro a quinto lugares na tabela, fãs de São Paulo, vasco e Palmeiras também fazem do Nacional o "mais popular" da história.

Sim, porque nunca – em 40 edições do Brasileirão – os cinco clubes de maior torcida do país ocuparam as cinco primeiras colocações. Para se ter uma ideia do que isso representa, os times somam quase 100 milhões de torcedores (95,3 milhões mais precisamente), de acordo com a última pesquisa LANCE!-Ibope, realizada em 2010. Ou 49,4% do total da população brasileira!





                                               (Pesquisa nacional em 2010 em milhões de torcedores)



Confira os públicos do Flamengo como mandante

Confira os públicos do Timão como mandante

Confira os públicos do São Paulo como mandante


Confira os públicos do Palmeiras como mandante

Confira os públicos do Vasco como mandante






O fator primeiro tempo: Fla quase nunca vai para o intervalo perdendo


Luxemburgo no treino do Flamengo (Foto: Alexandre Cassiano / Agência O Globo)
Um dos fatores que ajudam o Flamengo a manter sua invencibilidade neste Campeonato Brasileiro é o fato de o time, quase sempre, chegar ao vestiário no intervalo sem estar atrás no marcador. Dos 14 jogos que disputaram, em apenas duas oportunidades, contra Bahia e América-MG, os rubro-negros terminaram a primeira etapa em desvantagem. Se os números forem ampliados para os 41 confrontos da temporada, os cariocas só saíram derrotados no tempo inicial em mais outras duas oportunidades (Fluminense e Ceará). Vanderlei Luxemburgo diz entender que este tipo de situação é positiva no andamento de uma partida.

- Claro que é diferente, muda bastante, pois se chegarmos em desvantagem só teremos 45 minutos para virar. Mas, se isso acontecer, nós vamos ter que trabalhar para nos recuperarmos – afirmou.

Para que a história continue sendo escrita dessa maneira diante do Coritiba, outro fator preponderante para os bons resultados do time no ano é o apoio da torcida. O comandante Rubro-Negro afirmou que mesmo nos momentos mais difíceis ela jamais deixou de estar ao lado dos jogadores.

- Ela estando ao nosso lado somos mais fortes ainda. Esse ano não lembro da torcida contra a gente, mesmo tendo uns seis que gostam de gritar. Mas aí a gente retruca e fica tudo bem (risos) – completou.

Ao terminar de falar sobre o assunto, o treinador foi perguntado sobre a vigília feita por alguns torcedores a jogadores de futebol, tendo como exemplo, o ocorrido com os atacantes Fred e Rafael Moura, do Fluminense e a Ronaldinho Gaúcho. Enfático, Luxemburgo condenou este tipo de ação e foi além.
 
- Sou totalmente contrário, se fosse comigo eu iria à delegacia e faria um B.O. (Boletim de Ocorrência). Vivemos em um país muito complicado com algumas questões. Veja, por exemplo, alguns casos de homofobia (preconceito contra homossexuais) que existem por aí. O direito de um cidadão vai até onde começa o do outro. Essa é uma discussão um pouco mais ampla. Os clubes têm a possibilidade de usar o direito de imagem. Os contratos devem ser bem redigidos, mas o jogador não pode ser refém dessa situação dos torcedores. Torcida não tem que ir atrás de jogador – explicou.

Gramado do Engenhão
Palco da partida deste sábado contra o Coritiba, o gramado do Engenhão voltou a ser criticado pelo técnico Vanderlei Luxemburgo. Contudo, o treinador eximiu de qualquer tipo de culpa a diretoria alvinegra.

- Liberdade é um direito que você tem de externar no seu trabalho. A realidade é que o gramado está ruim, mas é claro que eles (a diretoria do Botafogo) não fazem de propósito. Eu sei que o engenheiro e o Maurício (Assumpção, presidente) não querem o campo ruim. A carga de responsabilidade foi toda para o Botafogo, ele foi responsabilizado por tudo, mas não pode ser assim. Sem o Maracanã, o Engenhão ficou responsável por quase todos os jogos. O Maurício faz um grande trabalho à frente ao clube.

Parabéns a Zagallo
O treinador aproveitou também para desejar felicidades ao ex-técnico Zagallo, que completa, na próxima terça-feira, 80 anos de idade.

- Zagallo é meu ídolo. Para mim, o melhor técnico do mundo, tem que se respeitado. Treinador e pessoa fantástica. Jantei com ele outro dia, ele não pagou, eu paguei (risos), mas é fantástico. Foi meu treinador, meu companheiro – elogiou.


'' Ano que vem trato bem os flamenguistas''




"..viu Patrícia Amorim, presidente daquele clube, o Flamengo... No ano que vem trato bem os flamenguistas porque é ano de eleição. Mas, neste, não trato." Eduardo Paes, prefeito do Rio e vascaíno, cumprimentando  a presidente do Mengão durante evento na cidade.


     
FORA  DO RIO, VAGABUNDO VASCOCÔ!!!







Conselho do Fla vai analisar logo patrocínios



O Conselho Deliberativo do Flamengo vai analisar logo os patrocínios que o clube está perto de fechar - com Procter & Gamble, Leader Magazine e Felicidade Urbana. O presidente do Conselho, Sylvio Capanema, diz que vai votar o tema mesmo sem saber como a diretoria usou o dinheiro do contrato com a Globo.





Lesionados, suspensos e pendurados para a 15ª rodada do Brasileirão





Willians espera que elogio de R10 sirva como passaporte para a Seleção


ronaldinho gaúcho willians flamengo (Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem)
Willians parecia não acreditar. Ele não ouviu as declarações, depois teve que ler para crer que era verdade. Em seguida, distribuiu abraços. E alimentou o seu maior sonho: chegar à Seleção Brasileira. Essas foram as reações do volante do Flamengo ao tomar conhecimento dos elogios de Ronaldinho Gaúcho, que nesta sexta-feira elegeu Neymar, do Santos, e Willians como os melhores jogadores do Campeonato Brasileiro.

- Nem sei quem me contou primeiro, mas só acreditei quando li as declarações. O Ronaldo é um cara espetacular, muito parceiro, e dentro de campo joga demais. Assim que vi que era verdade, fui logo falar com ele e agradecer a moral que me deu. Não é todo dia que se recebe um elogio como esse de um dos melhores jogadores de todos os tempos - retribuiu Willians.

Um dos destaques do Rubro-Negro, Willians volta ao time neste sábado no jogo com o Coritiba, às 18h30m, no Engenhão, depois de cumprir suspensão na vitória por 1 a 0 sobre o Cruzeiro. Orgulhoso em defender o vermelho e preto, o volante sonha com um tom amarelo.

- Espero que os elogios dele me aproximem ainda mais da Seleção Brasileira. Esse é meu sonho desde que me tornei jogador de futebol. Um dia vou realizar - afirmou o jogador, que nunca foi convocado para vestir a Amarelinha.

Com a chegada de Vanderlei Luxemburgo no Flamengo, Willians recebeu um curso intensivo para aprimorar os desarmes. Desde a conquista do Campeonato Brasileiro em 2009, o volante se transformou em peça fundamental do time.

Naquele ano, Willians era um dos jogadores mais próximos de Adriano. Agora, novamente o volante caiu nas graças de outro craque.


- O aprendizado com ele no grupo é muito grande. O Ronaldo é um cara de experiência monstra no futebol. Quero aprender cada dia mais com ele, que é admirado por todo o grupo - afirmou o jogador.

No fim do ano passado, Willians estava insatisfeito no Flamengo, e buscava maior valorização. Depois de uma reajuste salarial, o jogador prolongou seu contrato até 2015. Além da Seleção Brasileira, seu sonho é um dia jogar na Europa. Mas, por enquanto, sua realidade é o Flamengo.

- Estou muito feliz aqui no Flamengo, e esse elogio me alegrou muito. Estou ainda mais motivado para correr para o Ronaldo e pelo Flamengo.

Apelidado de Pitbull por Ronaldinho, Willians retribuiu os elogios.

- É só roubar a bola e entregar no pé do Ronaldo que ele resolve. Nunca vi ninguém fazer o que ele faz com a bola, ele pensa muito rápido. Ainda bem que veio para o Flamengo. É um craque a menos para marcar nesse campeonato.




Flamengo já é o melhor do ano no mundo!!!

   

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Iguinho faz primeiro treino com os profissionais do Fla

O atacante Iguinho, de 18 anos, fez seu primeiro treino pelos profissionais do Flamengo nesta sexta-feira. Ele participou da movimentação e vestiu a camisa de número 40. Iguinho foi campeão carioca juvenil pelo clube em 2010, e estava na equipe de juniores.

Com isso, sobe para seis o número de atletas promovidos pelo técnico Vanderlei Luxemburgo nos últimos dois meses. Os outros são João Vitor (volante), Digão (lateral), Rafinha (atacante), Adryan e Thomás (meias).





Torcida do Flamengo esgota mais da metade de ingressos para jogo de sábado

Dos 26 mil ingressos que foram colocados à venda para o duelo entre Flamengo e Coritiba, neste sábado, às 18h30, no Engenhão, 14.700 já foram esgotados pela torcida rubro-negra.

Não há mais bilhetes para o setor leste superior.

A carga disponibilizada não foi superior a 30 mil pelo fato de o setor sul está fechado e o setor norte ficar disponível para os torcedores do Coritiba.

A venda de bilhetes seguirá neste sábado das 9h às 13h nos postos de venda e de 9h até o intervalo do jogo no Engenhão.

Preços:
Setor Oeste Superior: R$ 40,00 inteira / R$ 20,00 meia
Setor Leste e Oeste Inferior: R$ 60,00 inteira / R$ 30,00 meia
Setor Norte (torcida do Coritiba): R$ 60,00 inteira / R$ 30,00 meia
O Setor Sul estará fechado.

Pontos de venda:
Bilheterias da Gávea (Praça N. S. Auxiliadora)
Bilheterias do São Cristóvão F.R
Bilheterias do Ginásio do Tijuca Tênis Clube
HSBC Arena - Av. Abelardo Bueno 3.401 - Barra da Tijuca.
Shopping Popular - Rua São João 75 - Niterói
Clube Nilopolitano – Estrada Expedicionário 91 -Nilópolis
Associação Atlético Volantes de Mesquita – Rua Maciel 157 – Juscelino Mesquita
Site da Ingresso Fácil (www.ingressofacil.com.br)

Para evitar insatisfação, Patricia procura R10 para falar sobre bichos


Patricia Amorim Ninho do Urubu (Foto: Janir Junior / Globoesporte.com)
O Flamengo está invicto no Campeonato Brasileiro, soma oito vitórias e seis empates. Mesmo com o time navegando em águas calmas, a presidente Patricia Amorim teve que assumir o comando para evitar que o barco saísse da rota. O motivo: depois de a cúpula de futebol ter apresentado uma proposta de pagamento de premiações por metas atingidas no Brasileirão, o departamento de finanças não considerou a ideia viável, mas não apresentou contraproposta. O grupo ficou contrariado mais com o descaso e a falta de uma resposta do que com o não-pagamento do estímulo financeiro. Para que o assunto não se transformasse em uma crise interna e atrapalhasse a boa campanha do Rubro-Negro, Patricia esteve no Ninho do Urubu no fim da tarde desta sexta-feira para conversar com Ronaldinho Gaúcho sobre o assunto. Como capitão da equipe, o camisa 10 defende os interesses do elenco.

- Conversei com o Ronaldo na quinta-feira pelo telefone, e fui ao CT para falar com ele. Não posso pagar algo que ainda não foi acertado. Estou diretamente envolvida nisso com jogadores e comissão técnica. Com um acordo, em uma semana pagaremos a premiação – garantiu Patricia Amorim.

Neste sábado, diante do Coritiba, às 18h30m, o time vai para a 15ª rodada do Brasileirão. E o grupo ainda não viu a cor do dinheiro das premiações. O assunto virou tema de debate entre os jogadores e o fato chegou ao conhecimento da presidente, que decidiu agir. Os próprios jogadores preferiram tratar o assunto diretamente com a madatária do que tentar resolver a situação falando com o diretor de futebol, Luiz Augusto Veloso, ou o vice de finanças, Michel Levy.

Patricia Amorim também se comprometeu a quitar luvas e direitos de imagem em atraso. Deivid é um dos jogadores que tem mais atrasados para serem acertados. O grupo também ainda tem a receber bichos pela Copa Libertadores de 2010, e pelo titulo do Campeonato Carioca.

Enquanto a presidente rubro-negra agiu, o vice-presidente de finanças, Michel Levy, foi procurado pela reportagem do GLOBOESPORTE.COM, mas não atendeu às ligações.


Luxa diminui invencibilidade do Fla: 'Sei que vamos perder alguma hora'



Luxemburgo treino Flamengo (Foto: Fabio Leme / Globoesporte.com)
Calejado no futebol, o técnico Vanderlei Luxemburgo prefere não se apegar às estatísticas favoráveis ao Flamengo neste Campeonato Brasileiro. Detentor de uma invencibilidade de 14 jogos e ataque mais positivo da competição, com 27 gols, o treinador diz acreditar que o futebol é disputado dentro de campo, jogo a jogo, e que o foco está somente no Coritiba, ficando as estatísticas apenas aos torcedores e imprensa. Ao ser perguntado sobre o ano de 1974, quando o Flamengo, em que atuava, perdeu uma invencibilidade de 14 jogos justamente diante do Coritiba, Luxemburgo foi firme.

- Não me lembro desse jogo não. Essa coisa de recorde, esse negócio não se repete, ganhou isso, ganhou aquilo, isso não interessa, o importante é conquistar nossos resultados e entendermos que o Coritiba é uma grande equipe, que faz muitos gols e que não chegou na final da Copa do Brasil pedindo por favor. Deixa o recorde para lá – afirmou.

Luxa também rejeitou o rótulo de o Flamengo ser o melhor time do Brasil no momento. Por causa do equilíbrio muito grande dentro do futebol brasileiro, o técnico diz entender que não existe um time a ser batido no Brasileirão.

- O futebol é muito cíclico. No início do campeonato, o grande time era o São Paulo que venceu as cinco primeiras, depois o Corinthians. Futebol brasileiro é muito parelho, em noventa minutos tudo muda – explicou.

Após importantes vitórias, fora de casa, contra Santos e Cruzeiro, a expectativa da torcida é de um resultado positivo diante dos paranaenses. Para não cair nesta armadilha, o comandante Rubro-Negro já tem um exemplo para ser seguido.

- Temos que nos preparar da mesma forma da partida contra o Grêmio quando vínhamos do jogo do Santos que foi falado mundialmente. Temos que jogar o próximo jogo. O Coritiba é uma equipe que joga em velocidade, no contra golpe, tem o Marcos Aurélio, que é muito rápido. Precisamos jogar, ter paciência e achar um espaço para fazer gol – completou.

O Flamengo recebe o Coritiba neste sábado, no Engenhão, às 18h30m.




Ronaldinho aponta os dois melhores do Brasileiro: 'Neymar... e Willians'


ronaldinho gaúcho willians flamengo (Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem)
Ronaldinho Gaúcho vem em boa fase, mas não se vê como principal jogador do futebol brasileiro no momento. Em entrevista à Rádio Tupi, o camisa 10 do Flamengo apontou Neymar como grande craque do país atualmente, mas entre os atacantes. Para R10, o volante Willians é destaque entre os atletas de característica defensiva.

- (Os melhores?) Neymar... e Willians. Na posição dele, nunca vi ninguém fazendo o que ele faz. Atacando, o Neymar, e defendendo, o Willians, assim como ele eu nunca tinha visto - disse Ronaldinho.

O craque abordou ainda diversos outros assuntos. Ronaldinho disse estar à disposição de Mano Menezes para voltar à Seleção Brasileira, garantiu se ver em condições de jogar em alto nível em 2014 e, por fim, voltou a elogiar Neymar: "Está pronto". Leia abaixo:

Futebol na Europa e no Brasil

- Depois de dez anos na Europa, vi que na França é um futebol mais de força. Na Espanha é um futebol mais leve. Na Itália também usam muita a força. A diferença do Brasil é que aqui é muito mais técnico, os times gostam de jogar bem. Lá eles visam muito mais o resultado do que jogar bem.

Contestações que ele e Messi sofrem quando jogam na América do Sul

- O que eu vi do Barcelona é que os jogadores lá se conhecem muito bem. Na Argentina os jogadores são jovens, cada um de um clube diferente. O entrosamento é diferente.

O que encontrou no Flamengo

- Eu me surpreendi muito com a torcida, com os companheiros. Sabia que era uma torcida grande, mas não imaginava que era tão grande e fanática assim. Sabia que o time era bom, mas não sabia que ia encontrar tanta qualidade como tem. Vejo uma equipe no caminho certo. São sete meses sem nenhuma derrota, temos uma mescla de jogadores jovens com outros de muito talento. Acho que até dezembro vamos estar prontos e brigando pelo título brasileiro.

Concorrentes

- São muitas equipes que podem brigar pelo título: Corinthians, Palmeiras,  Inter... Outras que não estão ali entre os primeiros, mas que a gente sabe que vão chegar, equipes de tradição.

Opinião sobre a seleção

- São jogadores jovens, talentosos, acredito que até a Copa do Mundo vão estar muito bem.

Neymar

- Está pronto. É um jogador que está até um certo tempo em um nível alto e, apesar da pouca idade, tem experiência. Está pronto para jogar em qualquer lugar do mundo. A gente jogou junto contra a Argentina, criamos uma amizade muito boa. É um jogador que vai fazer história dentro do futebol.

Volta à Seleção

- Estou à disposição. Meu objetivo é fazer o melhor no Flamengo e, se o treinador precisar de mim, estou à disposição.

Acredita que pode estar em forma em 2014?

- Acredito que sim, me sinto bem fisicamente, o momento é bom. Até a Copa falta muita coisa, mas acredito que até lá vou estar em um nível bom para ajudar o Brasil.

O que vai vir depois da carreira (treinador?)

- Ainda nem pensei nisso, ainda penso em jogar muitos anos, então nem parei para ver o que vou fazer depois. (Ser técnico) Não é algo que penso em fazer depois. Depois (quando aposentar), devo me dedicar à família, fazer alguma coisa com a música, que é algo que eu gosto muito.

Sobre parecer sempre feliz em campo

- Às vezes bate uma chateação quando não jogo bem, quando não conquisto um objetivo. Mas isso (o jeito feliz) vem naturalmente, pois faço o que mais amo.

Simplicidade com os companheiros e os funcionários

- Para mim é natural. Minha mãe trabalhou em cozinha de colégio, sempre vivia dentro de cozinha. O refeitório (por exemplo) me faz lembrar o meu passado, me sinto bem com o pessoal.

R10 cozinheiro

- Gosto de cozinhar, todo mundo diz que gosta do que eu faço, mas não sei... Gosto de fazer o que gosto de comer: feijão, arroz...

Come e não tem problema com a balança, né?

- Gosto de comer. Ainda bem que não (risos). Quando estou em atividade, não tem problema algum.


Luiz Antonio treina com bola, mas só volta ao time na quarta-feira

  

luis antonio flamengo (Foto: Fabio Leme / GLOBOESPORTE.COM)
O Flamengo terá mudanças no jogo deste sábado, contra o Coritiba, às 18h30m, no Engenhão. Ronaldo Angelim e Airton estão suspensos, pois receberam o terceiro cartão amarelo na última quarta-feira, contra o Cruzeiro. Na zaga, Welinton deve fazer dupla com David Braz. No meio, Willians volta e  Bottinelli deve ser mantido na equipe. Ausente nas duas últimas rodadas devido a dores  no ombro direito, Luiz Antonio treinou normalmente com bola nesta sexta-feira. Mas o volante só terá condição de jogo na próxima quarta, contra o Atlético-PR, pela Copa Sul-Americana.

Luiz Antonio foi um dos poucos jogadores que estiveram no campo. Os que enfrentaram o Cruzeiro fizeram apenas trabalho na academia. Uma das novidades no CT foi a presença do atacante Yguinho, que fez parte do grupo campeão da Copa São Paulo em janeiro.

Durante a atividade, bombeiros entraram no local. A movimentação causou estranheza, mas eles tentavam localizar um homem que caiu de parapente próximo ao Ninho. Um helicóptero chegou a pousar no gramado.

flamengo helicoptero treino (Foto: Janir Junior/Globoesporte.com) 
 
Helicóptero do Corpo de Bombeiros pousa num dos campos do Ninho (Foto: Janir Junior/Globoesporte.com)
 
 
 
 

Quem pode mais? Fla e Coxa em tira-teima dos melhores de 2011

O Flamengo é a equipe que menos perdeu na temporada no futebol brasileiro: só uma derrota. O Coritiba, por sua vez, chega ao mês de agosto com o melhor aproveitamento dos pontos disputados. Neste sábado, cariocas e paranaenses vão protagonizar o confronto das duas melhores equipes do país. Elas se enfrentam no Engenhão, às 18h30m, pela 15ª rodada do Brasileiro.


 
Fla tem 71,5% de aproveitamento no ano. Coxa apresente 75% (Foto: Agência Estado)

Vice-líder do nacional, com 30 pontos, um a menos que o Corinthians, o Rubro-Negro foi derrotado apenas uma vez em 41 partidas. Uma derrota marcante: 2 a 1 para o Ceará, no Engenhão, pelas quartas de final da Copa do Brasil. Com o 2 a 2 do jogo de volta, o time de Vanderlei Luxemburgo ficou pelo caminho. No Brasileirão, o Flamengo é o único invicto: oito vitórias e seis empates.

Na última quarta-feira, com o placar de 1 a 0 sobre o Cruzeiro, o time comandado por Vanderlei Luxemburgo tornou-se o primeiro da era dos pontos corridos a passar sem derrota pelos seus 14 primeiros jogos. Agora, corre atrás da maior série invicta desde 2003, que pertence a São Paulo (em 2008) e Atlético-PR (em 2004): 18 partidas sem perder durante o campeonato.

Na campanha geral, oMengão alcança um aproveitamento de 71,5%: 24 vitórias, 16 empates, uma derrota, 72 gols marcados e 32 sofridos. Os goleadores do Fla no ano são Ronaldinho, com 14 gols, Thiago Neves, com 13, e Deivid, com 12.

- Vencemos Santos, Grêmio, mas para mim ainda teremos muitas equipes difíceis pela frente. Tem que haver respeito e dedicação. Vimos o exemplo quando tropeçamos em casa no Ceará. O importante é manter a mesma pegada sabendo que o Coritiba também é um adversário difícil, faz uma boa temporada, não podemos bobear – disse o lateral-esquerdo Junior Cesar.

Coxa impressiona pelo aproveitamento 

Décimo colocado no Brasileirão, com 18 pontos, o Coritiba disputou 48 jogos este ano. De janeiro até agora, foram 34 vitórias, seis empates e oito derrotas. No nacional, tem até aqui cinco vitórias, três empates e seis derrotas. O Coxa tem o melhor ataque do futebol brasileiro com 110 gols marcados. Foram 62 na campanha do título paranaense, 23 no vice-campeonato da Copa do Brasil e 25 no Brasileiro. Bill, com 21 gols, Ânderson Aquino, com 17, e Davi, que fez 16, são os artilheiros da equipe na temporada. O aproveitamento até agora impressiona: 75% dos pontos conquistados.

Na história do Brasileirão, Flamengo e Coritiba jogaram 28 vezes. Foram 13 vitórias rubro-negras, cinco empates e dez vitórias do Coxa. Os cariocas marcaram 42 gols e os paranaenses 36. No retrospecto geral, foram 41 confrontos: 18 vitórias do Fla, 14 do Coritiba e nove empates. Nos gols marcados, nova vantagem carioca: 64 a 53.

Flamengo e Coritiba voltam a se enfrentar depois de quase dois anos. A última partida disputada entre as equipes foi realizada em 20 de setembro de 2009, pelo Brasileirão. O Rubro-Negro venceu por 3 a 0 no Maracanã, gols do já aposentado Petkovic, Adriano e Willians. Vale destacar que o Coritiba disputou a Série B do Brasileiro na temporada passada.

Campanha do Flamengo em 2011:
41 jogos
24 vitórias
16 empates
1 derrota
72 gols marcados
32 gols sofridos
Aproveitamento – 71,5%
Título: campeão carioca invicto
Artilheiro – Ronaldinho, 14 gols

Campanha do Coritiba em 2011:
48 jogos
34 vitórias
6 empates
8 derrotas
110 gols marcados
44 gols sofridos
Aproveitamento – 75%
Título: campeão paranaense
Artilheiro – Bill, com 21 gols



Patricia Amorim nega interesse em contratar Fred, diz comentarista

De acordo com a notícia sobre o suposto interesse do Flamengo na contratação do atacante Fred, do Fluminense, o comentarista do SporTV, Renato Maurício Prado, entrou em contato com a presidente do clube rubro-negro, Patricia Amorim, na noite de quinta-feira.

Via mensagem de celular, a dirigente afirmou, em resposta ao jornalista, que não existe a menor possibilidade de Fred ser contratado pelo Flamengo.

Renato Mauricio Prado lembrou que o atacante do Flu só tem seis jogos no atual Brasileirão, portanto, ainda pode se transferir para outro clube brasileiro da Primeira Divisão em 2011.
 
- Eu tive uma informação do André Rizek (apresentador do 'Redação'), que haveria o interesse do Flamengo. E como o Fred não jogou ontem, só tem seis jogos até agora. Teoricamente, ele pode se transferir para qualquer clube da Primeira Divisão ainda. Rolou esse boato que o Fred estaria indo para o Flamengo. Imediatamente mandei um mensagem de texto para Patricia Amorim, mas ontem (quinta-feira) ela não respondeu. Até fiquei preocupado, pois ela sempre responde as minhas mensagens. Mas hoje (sexta) pela manhã ela me respondeu, explicando que ontem já era tarde. Afirmou que não há menor possibilidade do Fred ir para o Flamengo. Não existe nada do Flamengo - disse no 'Redação SporTV', desta sexta-feira.

Depois da vitória do Fluminense por 2 a 0 sobre o Internacional, no Engenhão, o técnico Abel Braga revelou que vai conversar com o Fred nesta sexta, nas Laranjeiras, sobre o seu aproveitamento para a próxima partida, contra o América-MG, no domingo.




Thiago Neves segue gol de bicicleta: ‘Se o pneu estivesse mais cheinho…'

O torcedor do Flamengo deve lembrar da primeira vez que vibrou com um gol de Thiago Neves. Sobretudo porque foi contra o rival vasco, na Taça Guanabara, no fim de janeiro. Mas também pela beleza. Na vitória por 2 a 1, no Engenhão, Renato lançou o camisa 7 na entrada da área, ele dominou no peito, se livrou do goleiro Fernando Prass com um lindo chapéu e completou de coxa para a rede. De lá para cá, fez outros 12 e tornou-se o vice-artilheiro da equipe na temporada, um atrás de Ronaldinho. O meia disputou 34 jogos até agora.

Além dos lances que acertou, Thiago tem chamado a atenção pelas tentativas acrobáticas de marcar de bicicleta. No Brasileirão, foram três: contra São Paulo, Palmeiras e Cruzeiro. Esta última na quarta-feira passada, na vitória por 1 a 0.

- Se o pneu da bicicleta estivesse um pouco mais cheinho, acho que teria acertado. Meu pé passou raspando a bola. Quem sabe eu não tenho mais sorte numa próxima vez? – brincou.

Além das pedaladas, o jogador costuma arriscar voleios. Ele diz que são alternativas de conclusão de jogadas, mas reconhece que está em busca de um golaço digno de placa.

- Eu tento utilizar a bicicleta ou o voleio como recurso mesmo. Acontecem algumas situações no jogo em que acho melhor tentar esse tipo de lance para fazer o gol. Não faço de caso pensado, sai na hora mesmo. Mas se algum dia acontecer de eu marcar dessa forma, vou ficar feliz. É algo que pode te deixar marcado na história do estádio e na do clube.

Thiago terá nova chance neste sábado, contra o Coritiba, na 15ª rodada. A partida será no Engenhão, às 18h30m (de Brasília). O Flamengo tem 30 pontos (14 jogos) e é o vice-líder. O Corinthians tem 31 (13 jogos) e está em primeiro.



Patricia quitará débitos com atletas antes das rodadas de negociações


Patrícia Amorim flamengo (Foto: Fred Huber/Globoesporte.com)
A presidente do Flamengo, Patricia Amorim, voltou ao cargo depois de alguns dias de férias já com muito trabalho em cima da mesa do seu gabinete. Além da negociação com patrocinadores, a dirigente começará a quitar débitos com parte dos jogadores, referentes às parcelas de luvas e direitos de imagem. Deivid e Renato são alguns dos que têm atrasados para receber. A situação causava incômodo nas duas partes: departamento de futebol e diretoria.

Somente depois de pagar as dívidas, Patricia Amorim dará a cartada para tentar a contratação em definitivo de Thiago Neves, um de seus grandes desejos. A partir daí, também tratará de renovações e outras aquisições. A medida visa não causar nenhum tipo de desconforto nem desmerecimento com os outros jogadores.

- Temos coisas a pagar, como parcelas de luvas e direito de imagem de alguns jogadores. Primeiro, vamos equacionar isso. Quando terminarmos, acredito que em dois meses, vamos entrar na fase de renovações e aquisições, não só do Thiago. Em primeiro lugar, é preciso cumprir os compromissos assumidos - afirmou Patricia Amorim.

Para ficar em definitivo com Thiago Neves, o clube tem até novembro para desembolsar uma quantia em torno de R$ 18 milhões para o clube árabe Al-Hilal. Em entrevista à Rádio Globo, Léo Rabello, procurador do camisa 7, comentou a situação que já é de conhecimento do Flamengo.

- Temos um limite para o Flamengo resolver até novembro e exercer a prioridade de compra. Estamos num momento de começar a viabilizar isso. Vai prevalecer a vontade do clube e do jogador. Existem interessados, mas ele quer ficar.

Além de Thiago, outra situação que precisará ser resolvida depois de as dívidas antigas serem quitadas é a de Felipe. No contrato de empréstimo, válido até o fim do ano, havia uma cláusula que estipulava o valor de R$ 2 milhões - pagos a um grupo de investidores - se o depósito ocorresse até o dia 30 de junho.Com o prazo expirado, o clube terá de desembolsar R$ 3 milhões para ficar com o goleiro.

Renato também tem vínculo com o Rubro-Negro até o fim do ano. As conversas para renovação foram iniciadas, mas nada foi definido.

Patricia Amorim também já tem conhecimento das propostas de patrocínio. A Procter & Gamble está perto de ser confirmada oficialmente como a patrocinadora master da camisa rubro-negra. Leader Magazine e o site de compras Felicidade Urbana podem ocupar espaços como a barra e o ombro da camisa.



Melhores Momentos: Brasil 4 x 0 Panamá pelo Grupo E do Mundial Sub-20 de Futebol

Os gols de Brasil 4 x 0 Panamá pelo Grupo E do Mundial Sub-20 de Futebol

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Brasil vence Panamá, garante primeiro lugar no Sub-20


BRASIL 4 X 0 PANAMÁ


Ficha técnica


Local: Estádio Metropolitano, em Barranquilla (COL)

Árbitro: Mark Clattenburg (ING)

Cartões amarelos: Fernando (Brasil); Miller e Gomez (Panamá)

Gols: Henrique, aos 40 minutos, Philippe Coutinho, aos 45 minutos do primeiro tempo; Philippe Coutinho, aos sete minutos, Dudu, aos 43 minutos do segundo tempo.

Brasil: Gabriel, Danilo, Bruno Uvini, Romário e Gabriel Silva; Fernando (Dudu), Casemiro, Oscar e Philippe Coutinho (Negueba); Henrique e Willian (Galhardo).
Técnico: Ney Franco

Panamá: Mejía, Benítez, Cummings, Miller e Davis; Vargas (Flores), Vence, Alvarez e Cordero (Gomez); Hernández (Avila) e Waterman.
Técnico: Alfredo Poyatus



Junior Cesar se protege da luz dos refletores e enxerga boa fase no Fla


Diego Renan Cruzeiro Junior Cesar Flamengo (Foto: Ag. Estado)
Em campo, um gesto de Junior Cesar chama atenção toda vez que o jogador está prestes a receber passe pelo alto. Para não ser atrapalhado pela luz dos refletores, o lateral-esquerdo faz uma proteção com as mãos na frente dos olhos. Mas, ao conseguir ocupar a lacuna deixada por Juan, o novo dono da camisa 6 enxerga longe, diz que está em forma e até surpreso com a rápida adaptação.

- Lógico que surpreende (a sequência de boas atuações). Vivo um bom momento e logo me identifiquei com o Flamengo. Além disso, o Mello, nosso preparador físico, tem feito um excelente trabalho. Isso explica a forma como estou - declarou Junior Cesar.

Quando o jogador acertou com o Flamengo, ainda existia um ponto de interrogação de como seria o aproveitamento do lateral-esquerdo. Isso porque Junior Cesar ficou cinco meses afastado dos gramados depois de uma grave lesão no tendão de Aquiles do pé esquerdo sofrida em setembro, quando ainda defendia o São Paulo.

Na vitória por 1 a 0 sobre o Cruzeiro, Junior Cesar completou seu 12º jogo pelo Flamengo. A estreia aconteceu no dia 5 de junho, quando entrou no segundo tempo do empate por 1 a 1 com o Corinthians. Depois disso, o lateral-esquerdo engatou uma sequência de 11 partidas como titular.

- Assim como o time, tenho feito a minha parte. É importante fazer o dever de casa. Não pode existir relaxamento - destacou o jogador.

Sábado, a lição será diante do Coritiba, às 18h30m, no Engenhão. Junior Cesar acredita que o time ainda pode subir de produção.

- Sempre dá para melhorar. Todos sabem disso. Estamos com bom controle de bola e fazendo o nosso jogo. Agora, é importante descansar, pois o calendário não dá trégua e depois de amanhã já jogamos novamente.

Questionado sobre a mania de fazer uma proteção com as mãos para não ser atrapalhado pelos refletores, Junior Cesar riu:

- Atrapalha, né?! Dou meu jeito e todo mundo comenta o gesto (risos).

Contra o Cruzeiro, Junior Cesar errou apenas um dos 33 passes que deu na partida. Além disso, participou com duas roubadas de bola, uma finalização e muito fôlego.



Cercado por torcedores, Léo Moura garante que joga no sábado



No desembarque do Flamengo nesta quinta-feira, Léo Moura teve um pouco de dificuldade para evitar esbarrões. Cercado por fãs, o lateral-direito está com uma proteção na mão esquerda por conta de uma queda em cima do pulso que fez o jogador ter uma vertigem e desmaiar por alguns poucos segundos no jogo com o Cruzeiro. Mas, antes mesmo de ser reavaliado pelo médico Marcelo Soares, Léo tranquilizou os torcedores presentes ao aeroporto Santos Dumont que tinham apenas uma pergunta na ponta da língua: ‘Vai enfrentar o Coritiba?’.

- Vou jogar sábado, sem problemas – declarou o lateral-direito, que já sentia menos dor nesta quinta do que momentos depois da partida com o Cruzeiro.

Léo Moura com a mão imobilizada no desembarque do Flamengo (Foto: Janir Junior / Globoesporte.com) 
 
Léo Moura com a mão imobilizada no desembarque do Flamengo (Foto: Janir Junior / Globoesporte.com)

Diante do time mineiro, Léo Moura teve participação discreta, mas foi efetivo nos passes e iniciou a jogada do único gol da partida, com lançamento para Thiago Neves. O jogador deu 39 passes, sendo 35 certos e apenas quatro errados. Sofreu duas faltas, alçou uma bola na área e conseguiu três desarmes.

Léo Moura, porém, não fez nenhuma jogada de linha de fundo, e também não chutou a gol. Depois de se lesionar nos minutos finais, o lateral foi substituído pelo zagueiro Jean.

Nesta sexta-feira, ele fará uma avaliação no Ninho do Urubu apenas para confirmar a previsão que fez para os torcedores do aeroporto: ele enfrenta o Coritiba sábado, sem problemas.




Com medidas preventivas para evitar polêmicas, Fla desembarca no Rio

A delegação do Flamengo desembarcou na tarde desta quinta-feira, no Aeroporto Santos Dumont, com confiança em alta e precaução trazidas na bagagem depois da vitória por 1 a 0 sobre o Cruzeiro. Em decisão conjunta da cúpula de futebol e assessoria de imprensa do clube, apenas dois jogadores pré-escolhidos - Junior Cesar e Deivid - concederam entrevista coletiva.

A medida foi tomada por conta das polêmicas declarações de Thiago Neves depois do empate em 0 a 0 com o Palmeiras. Na ocasião, depois de chegar ao Rio, cercado por jornalistas, o camisa 7 confessou ter forçado o terceiro cartão amarelo junto com Ronaldinho Gaúcho para não enfrentar o Ceará, em partida que terminou empatada em 1 a 1. E também criticou o funcionamento do ataque.

Habitualmente, o jogador que quisesse poderia conceder entrevistas. Agora, com a nova medida, os assessores de imprensa monitoram as declarações para evitar problemas. Deivid, herói da vitória por 1 a 0 sobre o Cruzeiro, e Junior Cesar, que teve boa atuação, conversaram com a imprensa. Neste primeiro dia em que a medida foi implantada, os dois escolhidos demonstraram paciência para falar por todo o grupo.

Antes da mudança, acontecera apenas um desembarque depois da polêmica dos cartões. Após a histórica vitória por 5 a 4 sobre o Santos, todos os jogadores estavam liberados para conceder entrevistas no aeroporto.

Sorridente, Ronaldinho Gaúcho, como de costume, saiu cercado pelo séquito de seguranças. Deivid e Léo Moura foram os jogadores mais assediados, e atenderam pedidos de autógrafos e fotos. Atletas que costumam parar para dar declarações respeitaram as diretrizes dos assessores presentes ao aeroporto.

Enquanto isso, Thiago Neves desembarcou tranquilamente. Sozinho e já fora do aeroporto, caminhou sem ser incomodado até o carro.

O grupo se reapresentará nesta sexta-feira, às 15h30m, no Ninho do Urubu. Airton e Ronaldo Angelim cumprirão suspensão na partida de sábado diante do Coritiba, às 18h30m, no Engenhão. Welinton retorna à zaga. Willians também volta ao time e Bottinelli deverá ser mantido entre os titulares.



Angelim desabafa com fim do tabu: ‘Estava muito engasgado’

A lembrança estava bem viva na memória e incomodava. Das equipes que disputam a Séria A em 2011, o Cruzeiro era o clube que o Flamengo não derrotava havia mais tempo. Nos últimos sete jogos, sete derrotas. A última vitória fora conquistada em 12 de setembro de 2007, no Rio. Do grupo atual, apenas Léo Moura e Ronaldo Angelim participaram daquele confronto. Nesta quarta-feira, o Rubro-Negro derrubou o seu maior tabu. Na Arena do Jacaré, vitória por 1 a 0, gol de Deivid.

Léo e Angelim foram titulares. Depois do jogo, o zagueiro reconheceu que não estava nada satisfeito com o incômodo jejum.

- Estava muito engasgado com o Cruzeiro. Foram sete jogos e sete derrotas. É muita coisa. Foi uma vitória para quebrar o tabu e muito importante para a nossa sequência no campeonato – disse.

Em 2007, Léo Moura, Souza e Obina marcaram para o Fla. Guilherme fez o gol celeste.

- Eu estava naquele jogo. Foi 3 a 1 no Maracanã – lembrou o Magro de Aço.

Angelim não vai poder jogar no sábado, contra o Coritiba. Ele recebeu o terceiro cartão amarelo contra a Raposa e terá de cumprir suspensão. Welinton retorna da mesma punição e formará a dupla de zaga com David Braz.

O Flamengo é o vice-líder, com 30 pontos, um a menos que o líder Corinthians. O jogo contra o Coxa será às 18h30m (de Brasília), no Engenhão.


Antes da volta ao Rio, reservas do Fla fazem treino físico em Belo Horizonte

Após a vitória por 1 a 0 sobre o Cruzeiro, na noite dessa quarta-feira, na Arena do Jacaré, os titulares do Flamengo ganharam um merecido descanso na manhã desta quinta-feira. No entanto, os jogadores que não entraram em campo fizeram um treino físico comandado pelos preparadores do clube na academia do hotel onde a delegação se hospedou em Belo Horizonte.

A chegada do time rubro-negro ao Rio de Janeiro está prevista para as 15h desta quinta-feira. A reapresentação da equipe acontece somente às 15h30m desta sexta-feira, no Ninho do Urubu.

O próximo desafio do Flamengo no Brasileirão é contra o Coritiba, neste sábado, às 18h30m, no Engenhão.

jogadores reservas flamengo musculação (Foto: Alexandre Vidal / Fla Imagem) 
Reservas do Flamengo treinam na academia do hotel em Belo Horizonte (Foto: Alexandre Vidal / Fla Imagem)
 
 

Luxa vai priorizar jogadores versáteis na lista da Sul-Americana

Dentro de sete dias, o Flamengo começa a disputar a Copa Sul-Americana. Paralela ao Brasileiro, a primeira fase é a dos confrontos nacionais. O Mengão vai disputar uma vaga na etapa seguinte com o Atlético-PR. O confronto de ida está marcado para a próxima quarta-feira, às 21h50m (de Brasília), no Engenhão. O de volta ocorre duas semanas depois, dia 24, no mesmo horário, na Arena da Baixada.

Vanderlei Luxemburgo prefere não falar sobre o tema agora. Segundo o técnico, a competição entrará em pauta após o jogo contra o Coritiba, sábado, pela 15ª rodada do Brasileirão.

- Na segunda-feira vou começar a montar a equipe da Sul-Americana. Ainda temos mais um jogo do Campeonato Brasileiro e a partir daí vamos começar a passar para vocês. Visamos a formatação do elenco com jogadores versáteis, que jogam em mais de uma posição. Você tem 25, mas na realidade tem 32, 33 jogadores. Nosso problema agora é o Coritiba, que é um jogo em casa, e temos de buscar mais uma vitória para continuar a caminhada - disse o técnico, que tem de enviar a relação dos jogadores a Conmebol na própria segunda-feira, ou seja, 48 horas antes da estreia do time na competição.

O Flamengo é o vice-líder do Brasileiro, com 30 pontos. O Corinthians está em primeiro com um a mais. O vencedor da Sul-Americana estará automaticamente classificado para a Libertadores 2012, o que valoriza a disputa continental. Vanderlei cita alguns dos jogadores versáteis do grupo rubro-negro.

- O Renato joga como segundo ou terceiro homem de meio-campo. O Fierro é muito versátil, ele joga na lateral, de volante, como terceiro homem. O Darío (Bottinelli) também é assim.

Em situação difícil no nacional, o técnico Renato Gaúcho disse esta semana que pretende usar um time B na Sul-Americana, já que o objetivo principal é tirar o Atlético-PR da zona de rebaixamento.

- O Atlético vive uma situação difícil no Campeonato Brasileiro. Vou conversar com a diretoria. A minha intenção é usar duas equipes, porque quem muito quer nada tem – disse.

Atualmente, Luxa não pode contar com o goleiro César, o lateral-direito Rafael Galhardo e com o atacante Negueba. O trio está na Colômbia e disputa o Mundial sub-20 com a Seleção Brasileira. Se o time de Ney Franco for à final, eles só ficarão à disposição depois de 20 de agosto, ou seja, para o segundo jogo contra o Furacão, no Paraná.

O zagueiro Alex Silva não vai estar pronto para o primeiro jogo. Ele deve estrear no dia 14, contra o Figueirense, na 16ª rodada do Brasileirão. O mesmo ocorre com o volante Luiz Antonio, que se recupera de uma luxação no ombro direito e tem retorno previsto para depois do dia 20.

O plantel do Flamengo:

Goleiros: Felipe, Paulo Victor, Vinícius e César (Seleção sub-20)

Laterais: Léo Moura, Junior Cesar, Rodrigo Alvim, Galhardo (Seleção sub-20) e Digão

Zagueiros: Angelim, Welinton, David, Jean, Gustavo e Alex Silva (estreia a partir do dia 14)

Volantes: Willians, Airton, Luiz Antonio (volta estimada após o dia 20), Muralha, Lorran e João Vitor

Meias: Thiago Neves, Renato, Fierro, Bottinelli, Vander e Adryan

Atacantes: Ronaldinho, Deivid, Diego Maurício, Negueba (Seleção sub-20) e Jael





Ronaldinho, Renato, Angelim e Léo Moura: os pilares de Luxemburgo

À beira do campo, Vanderlei Luxemburgo berra, gesticula o tempo todo, mas também passa instruções ao pé do ouvido. Nos treinos e jogos, faz parte da rotina do treinador do Flamengo conversar em particular com quase todos os jogadores do grupo, especialmente com o quarteto formado por Ronaldinho, Renato, Ronaldo Angelim e Léo Moura. Na vitória por 1 a 0 sobre o Cruzeiro, por exemplo, os dois primeiros foram mais de uma vez ao banco de reservas para ouvir as orientações. É com o auxílio deles que o treinador posiciona a equipe, corrige erros e indica atalhos. Como jogam em setores diferentes, o técnico consegue atingir a equipe inteira.

MONTAGEM - Renato ronaldo angelim ronaldinho gaucho leo moura flamengo (Foto: agência Vipcomm) 

Renato, Angelim, Ronaldinho e Léo Moura são os homens de confiança de Luxa (Foto: agência Vipcomm)

- Ronaldo, Renato, Angelim e Léo Moura são os líderes do time em campo, são meus jogadores mais experientes. Passo as orientações para eles, que vão organizando da maneira que eu quero, vão seguindo as determinações. Isso é importante – frisou o treinador.

Jogador Jogos Títulos
Léo Moura 343 6
Angelim 275 6
Renato 191 3
Ronaldinho 31 1


Dos quatro, Léo Moura é o que tem mais partidas pelo clube: 343. Angelim vem logo depois, com 275. O zagueiro começou o campeonato no banco, mas recuperou a posição a partir da sexta rodada. Cada um deles conquistou seis títulos (quatro Cariocas, uma Copa do Brasil e um Brasileiro). No somatório das duas passagens, Renato tem 191 jogos. Ele também ganhou a Copa do Brasil e os estaduais de 2007 e 2011. Ronaldinho chegou nesta temporada, mas de cara ganhou a braçadeira de capitão, que pertencia ao camisa 2. Além disso, exerce a liderança pelo talento. É ele quem dita o ritmo das ações ofensivas da equipe.

- É bom saber que ele tem essa confiança. Ele passa isso para a gente. Além da experiência, podemos ajudar a melhorar o posicionamento em campo. Às vezes, ele quer passar algo para alguém distante e passa para mim e para outros companheiros. Nós sempre conversamos ants, durante e depois – explicou o camisa 11.

vanderlei luxemburgo flamengo cruzeiro (Foto: Alexandre Vidal / Fla Imagem)

Luxa recorre aos sinais. Para quem está fora, muitas vezes é difícil compreendê-los. Renato assegura que conhece todos.

- Esses gestos eu entendo. Conheço bem ele e pego na hora (risos).

O Flamengo é o vice-líder do Brasileirão, com 30 pontos (14 jogos), um a menos que o Corinthians (31 pontos, 13 jogos).  Neste sábado, o Rubro-Negro enfrenta o Coritiba, às 18h30m (de Brasília), no Engenhão.




Após trinca, jogadores veem Fla encorpado na briga pelo título

Conquistar 100% dos pontos em disputa contra Santos, Grêmio e Cruzeiro era algo que o Flamengo planejava, mas reconhecia que seria complicado. Difícil, mas não impossível. Em três partidas, duas delas fora de casa, o Rubro-Negro contabilizou nove pontos, consolidou-se no G-4 e manteve o líder Corinthians na mira. A vantagem do clube paulista é de apenas um ponto: 31 contra 30. O Timão, no entanto, tem um jogo a menos.

Além do resultado em números na tabela, os jogadores veem o grupo fortalecido. Não é para menos. Contra o Santos, chegaram à épica vitória por 5 a 4 na Vila Belmiro. Contra o Grêmio, 2 a 0, no Rio. Nesta quarta-feira, diante do Cruzeiro, um placar magro, só 1 a 0, mas consistente e de importância gigantesca.

- É um resultado importante, que mantém o nosso time na briga pela liderança. Uma vitória para encorpar a equipe, o grupo, e que dá mais confiança para continuarmos a disputa pelo campeonato – disse o atacante Deivid, autor de seis gols no Brasileirão.

Após a vitória sobre os mineiros, o goleiro Felipe falou em tom de desabafo. O camisa 1 lembrou ainda que é importante estar sempre bem perto do líder.

- Vencer essas três equipes é sinal de trabalho bem feito. Quando tivemos uma sequência de quatro empates lá atrás (Bahia, Corinthians, Atlético-PR e Botafogo), disseram que nosso time não prestava. Temos de fazer a nossa parte sem pensar no Corinthians. Quando eles vacilarem, vamos assumir a liderança.

Thiago Neves valoriza os bons resultados recentes, mas freia a empolgação.

- Dá moral para a o nosso time na competição porque não vencemos qualquer time. São times fortes, somamos nove pontos, mas não ganhamos nada. Temos de manter o bom nível para conquistarmos o título.

No próximo sábado, o Flamengo recebe o Coritiba, no Engenhão, às 18h30m (de Brasília).