Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

sábado, 3 de março de 2012

Flamengo bateu o Vila Velha por 72 a 60 com grande atuação de Marcelinho Machado



O Flamengo tinha na memória a vitória massacrante sobre o Vila Velha no primeiro turno (62 pontos de vantagem), mas desta vez a história foi bem diferente. No ginásio Tartarugão, a equipe carioca só conseguiu deslanchar a partir do terceiro período, quando Marcelinho colocou o jogo nas costas. O ala terminou com 34 pontos, coadjuvado por Caio Torres, que adicionou 15 pontos e 11 rebotes.

No primeiro quarto, parecia que o Flamengo ia aplicar outro passeio. A vantagem de 21 a 14, no entanto, era ilusória. O time sofreu uma pane no segundo período, quando fez apenas sete pontos. Matheus Dalla acertou a mão nos arremessos, e o time da casa não só virou o jogo, como abriu certa vantagem na saída para o intervalo: 35 a 28.

O Fla voltou bem melhor para o terceiro período, com Marcelinho endiabrado. O ala passou a fazer uma cesta atrás da outra e teve até a chance de uma jogada de quatro pontos, mas errou o lance livre após acertar a bola de três. No último quarto, bastou controlar o ritmo para garantir a vitória e não perder de vista os líderes do campeonato.



Renato faz treino físico na praia e atrai fãs rubro-negros em Macaé


Trabalho em dois períodos para Renato neste sábado. Depois de treinar pela manhã com o grupo do Flamengo, no Moacyrzão, o meia rubro-negro realizou uma atividade física na parte da tarde. Sob orientação do preparador Ronaldo Torres, o camisa 11 se exercitou em um circuito armado na Praia dos Cavaleiros, em frente ao hotel que serve de concentração para o time em Macaé. Expulso contra o Boavista, ele não pega o Duque de Caxias, neste domingo, pela segunda rodada da Taça Rio. Camacho vai substituí-lo. As equipes se enfrentam às 18h30m (de Brasília)

A presença do jogador atraiu torcedores do Flamengo e curiosos. Renato se prepara para o jogo contra o Emelec, do Equador, pela Libertadores. O confronto será na quinta-feira, no Engenhão, pela segunda rodada do Grupo 2.

renato abreu flamengo   (Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem) 
 
Renato faz treino físico na Praia dos Cavaleiros, em Macaé. Ao fundo, torcedores do Flamengo e curiosos observam o jogador (Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem)
 
 
 

CBF manterá clássicos nas últimas rodadas do Brasileiro



A CBF manterá os clássicos marcados para as últimas rodadas de cada turno do Campeonato Brasileiro, informou neste sábado o jornal "O Globo". A medida, adotada em 2011, visou coibir as supostas "entregadas" nas rodadas finais, para atrapalhar a caminhada de um rival. A tabela do Brasileirão-2012 será divulgada nesta próxima semana pela entidade.

A tabela pode marcar também o clássico entre Fluminense e Flamengo para o dia 8 julho, um dia após a data que marcaria os 100 anos de história dos Fla-Flus. O pedido para que o clássico seja nesta data foi do Fluminense e a CBF deve aceitá-lo.

Ainda segundo o jornal, a Comissão Nacional de Arbitragem pretende disponibilizar no site oficial da CBF as súmulas oficiais dos jogos até no máximo uma hora depois do fim das partidas. O Campeonato Brasileiro começa no dia 19 de maio e vai até 2 de dezembro.



Volante de reposição



A fratura no pé de Aírton e o problema no tornozelo de Willians abriram brecha para o Flamengo procurar o volante Charles, ex-Cruzeiro, Santos e Lokomotiv de Moscou. A negociação tem o vice de finanças Michel Levy à frente. O jogador, de 27 anos, rescindiu contrato com o clube russo há dez dias e está à procura de clube. Na segunda-feira, o Rubro-Negro dará uma resposta à contra-proposta de Charles.

O vice de futebol Paulo Cesar Coutinho e a comissão técnica ainda não foram comunicados da tentativa. Na tarde de sexta-feira, Coutinho e Joel Santana tiveram uma reunião em Macaé e o técnico indicou quatro jogadores. Em comum, o fato de todos já terem sido comandados pelo treinador.

- São bons nomes. Se contratei o técnico tenho que confiar nas sugestões dele e dar moral. Sobre o Charles, apesar de ser um bom nome, nada foi falado. Não procede - explicou Coutinho, por telefone.

Joel Santana tem conversa com Welinton após treino em Macaé



Após o treino da manhã deste sábado, em Macaé, Joel Santana chamou Welinton para uma conversa. Foi um papo rápido no campo do Moacyrzão. Neste domingo, o Flamengo enfrenta o Duque de Caxias, pela segunda rodada da Taça Rio, às 18h30m (de Brasília). O zagueiro estará no banco de reservas. No lugar dele, entra Marcos González, que vai estrear. Joel optou por manter David Braz no setor. O chileno vai jogar pelo lado direito da defesa, e David continuará na esquerda. 

Welinton disputou nove partidas em 2012 e foi titular em todas. Apesar de ter se reapresentado visivelmente acima do peso para a pré-temporada, entrou em forma e fez boas partidas. Já David Braz virou titular depois que Alex Silva foi afastado do grupo, em 16 de janeiro, antes da viagem da delegação para a Bolívia para o primeiro jogo da Pré-Libertadores. Vanderlei Luxemburgo ainda era o treinador.

Na última atividade antes de enfrentar o Duque, Joel deu atenção especial ao posicionamento defensivo na bola aérea. O goleiro Felipe e os zagueiros González e David procuraram conversar para tentar acelarar o entrosamento.

Além da entrada do chileno, o Flamengo terá quatro mudanças. Galhardo substitui Léo Moura, que ainda se recupera de lesão no joelho direito, Muralha e Luiz Antonio ocupam os lugares de Airton e Willians, também machucados, e Camacho entra na posição de Renato, suspenso. A escalação da equipe: Felipe, Galhardo, Marcos González, David Braz e Junior Cesar; Muralha, Luiz Antonio, Camacho e Ronaldinho; Deivid e Vagner Love.

Welinton Joel santana flamengo (Foto: Richard Souza/Globoesporte.com) 
Welinton foi chamado por Joel Santana para uma conversa (Foto: Richard Souza/Globoesporte.com)
 
.

O vagabundo apareceu


Ronaldinho Gaúcho no rachão do Flamengo (Foto: Richard Souza / GLOBOESPORTE.COM)
Depois de ficar fora do treino de sexta-feira por conta de dores na perna direita, Ronaldinho trabalhou normalmente na manhã deste sábado, no Moacyrzão, em Macaé. O camisa 10 procurou se movimentar e fez alguns gols. O grupo do Flamengo realizou uma atividade técnica em campo reduzido sob forte calor. Willians, que se recupera de uma torção no tornozelo direito, ficou no hotel em tratamento. Ele está fora do jogo deste domingo, contra o Duque de Caxias, às 18h30m (de Brasília), pela segunda rodada da Taça Rio.

Durante o treino, Vagner Love, Ronaldinho, Deivid, González e David Braz tentaram conclusões a gol em jogadas de escanteio e faltas laterais. Muralha e Luiz Antonio ficaram na entrada da área esperando o rebote.

No gol, Felipe mostrou novo visual. O goleiro abandonou o moicano e agora está com a cabeça totalmente raspada.

Para o jogo deste domingo, além de Willians, Joel Santana não pode contar com Léo Moura e Airton, machucados, e Renato, suspenso. O time está definido para o confronto: Felipe, Galhardo, Marcos González, David Braz e Junior Cesar; Muralha, Luiz Antonio, Camacho e Ronaldinho; Deivid e Vagner Love.

Joel observou o treino ao lado dos preparadores físicos Ronaldo Torres e Marcelo Martorelli. A atividade foi comandada pelo auxiliar Maurício Albuquerque.



Flamengo tenta se entender na base do papo, inclusive em portunhol


Marcos Gonzalez  flamengo (Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem)
Depois que escalou Vagner Love pela primeira vez ao lado de Ronaldinho Gaúcho e Deivid, há um mês, Joel Santana disse que o entrosamento dos atacantes teve de começar na concentração, na base da conversa. Até então, nenhum treino havia sido realizado com o trio. O mesmo vale para outros setores do time. Em seis jogos desde que assumiu, o treinador não conseguiu repetir a escalação. Por opção ou necessidade, sempre teve de fazer mudanças.

- Está sendo complicado, não temos muito tempo para treinar, tem sido muito mais na base do papo. Agora teremos um esquema diferente, com Marcos González, Luiz Antonio, Muralha. Luiz e Muralha têm entrosamento desde a base. É sempre complicado em cada partida ter que mudar o elenco por conta de jogadores machucados, suspensos ou convocados. Mas outros podem entrar e dar conta do recado. Ninguém pode dizer que não está tendo chance. Todos têm de estar preparados para aproveitar. Temos três ou quatro lesionados. Vamos crer que os substitutos possam dar conta – disse o golerio Felipe.

Na derrota por 2 a 1 para o Boavista, quarta-feira passada, o técnico não contou com Léo Moura e Airton, machucados, e Ronaldinho e Marcos González, que serviam às seleções de Brasil e Chile em amistosos. Neste domingo, contra o Duque de Caxias, o atacante e o zagueiro estão à disposição, mas Willians, com torção grave no tornozelo direito, se juntou a Léo e Airton no departamento médico. Renato, suspenso, também está fora. Galhardo, Muralha, Luiz Antonio e Camacho serão os substitutos.

Joel vai lançar González no lugar de Welinton na zaga. Pelo menos foi o que ocorreu no coletivo desta sexta-feira. Felipe diz que tem procurado conversar com o chileno para acelerar o entrosamento no setor. Apesar de ter nascido no Brasil, o zagueiro foi para o Chile ainda criança e o máximo que consegue é falar num portunhol carregado.

- O pessoal da defesa já se conhece há muito tempo, só o Marcos (González) é novo mesmo. Vai ser no papo ali com ele e o David (Braz). Tem a questão do idioma, mas nos entendemos. Só quando o González, o Maldonado (chileno) e o Bottinelli (argentino) se juntam para conversar e não querem que a gente entenda, eles falam em espanhol e aceleram um pouco (risos). A gente conversa bastante, tenho conversado com o Marcos, alertado para que no domingo a gente erre menos do que nos últimos jogos. Ele é um jogador de qualidade, pega rápido. Não vai estar 100%, será o primeiro jogo dele. Vai ser na base do papo, da vontade deles.

A provável escalação do Flamengo contra o Duque: Felipe, Galhardo, Marcos González, David Braz e Junior Cesar; Muralha, Luiz Antonio, Camacho e Ronaldinho; Deivid e Vagner Love.

Ronaldinho não treinou nesta sexta. Ele reclamou de dores na perna direita, mas segundo o médico Márcio Tannure não é dúvida. O camisa 10 será reavaliado na manhã deste sábado, antes do treino.

Flamengo e Duque de Caxias vão se enfrentar no Moacyrzão, às 18h30m (de Brasília), pela segunda rodada da Taça Rio.


Comentarista espera que Maracanã eduque torcedor e teme novas obras

Entrega do Marcanã para a Fifa deve acontecer em fevereiro de 2013
A foto do jornal "O Globo" de sexta-feira, mostrando o andamento das obras do Maracanã, cuja data de entrega foi marcada para daqui a exatamente um ano, deixou os participantes do "Redação SporTV" ansiosos. As cadeiras ao redor do que será o novo gramado foram colocadas, dando ideia de como o torcedor ficará próximo ao campo. Mas, se para a Copa do Mundo de 2014 a reforma avança, o pós-Mundial preocupa Renato Maurício Prado. O comentarista teme que o estádio feche novamente para ser adaptado às Olimpíadas de 2016, como recentemente noticiou a "Folha de S.Paulo". 

- Existe muito zum-zum-zum de que o Maracanã depois da Copa do Mundo terá que ser fechado de novo para obras para as Olimpíadas. Aí se acontecer isso, é o fim do mundo. Para e fecha para balanço. Não é possível que essa obra atual não seja feita pensando na Olimpíada. Se tiver que fechar para fazer obra com dinheiro público, é um descalábrio - disse.

O comentarista também ficou curioso para saber como a torcida vai se comportar no novo estádio.

- O torcedor carioca não costuma ser muito educado. Será que vamos sentar finalmente nos lugares marcados? Seria um ganho espetacular. Será que sem fosso não invadiremos o campo? São questões que serão respondidas depois da Copa. Tomara que o novo Maracanã eduque o torcedor. Tomara que isso aconteça. Mas tenho uma certa dúvida - afirmou o jornalista.







Flamengo tenta mudança de zoaneamento de terreno para poder negociar



Após aprovar a cessão do Morro da Viúva para a REX construir no local um hotel 5 estrelas, o Flamengo começa a estudar o que fazer com um terreno em São Conrado, na zona sul. Antes de negociá-lo o clube precisa conseguir uma mudança de zoneamento, para que se possam construir prédios naquele local.

Decisão contra o Duque: ‘Sem vitória, semana será conturbada', diz Felipe


Felipe quer sossego. Sossego é sinônimo de vitória. E vitória é algo que o Flamengo não consegue há duas partidas. Contra vasco, na semifinal da Taça Guanabara, e Boavista, na primeira rodada da Taça Rio, perdeu. Além do Campeonato Carioca, o goleiro pensa na Libertadores. Na quinta-feira que vem, o time enfrenta o Emelec, do Equador, pelo Grupo 2. Antes, neste domingo, tem Duque de Caxias no estadual. Um jogo que aumentou de tamanho por conta da necessidade.

- Virou decisão, né? Sofremos duas derrotas que não esperávamos. Sem a vitória, a semana vai ficar conturbada, ainda mais sendo uma semana de Libertadores. Para nós é fundamental pelas pretensões no campeonato, porque vamos depender das próprias forças, e vamos ter uma semana mais tranquila até quinta-feira pensando na Libertadores.

paulo victor felipe flamengo (Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem) 
Felipe sorri junto ao reserva Paulo Victor em treino do Flamengo (Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem)

O camisa 1 reconhece que o time não tem jogado bem. O destempero da equipe na derrota para o Boavista também serviu de alerta. Perder a cabeça não ajudou.

- Não temos feito boas atuações, mas contra o Vasco criamos bastante. Na rodada passada foi complicado, perdemos um atleta da forma que foi, uma entrada violenta (Willians, machucado, saiu aos 37 do primeiro tempo). Se fosse da parte do Flamengo, o árbitro expulsaria. A partir dali a gente se preocupou muito mais com o árbitro do que com o jogo. No segundo lance, não teria que reclamar. O professor (Joel Santana) pediu calma, mas não dá para ter calma sofrendo um gol de mão. Poderíamos ter criado mais na partida. Poderíamos ter feito mais para sair pelo menos com um empate.

Felipe se refere ao gol da vitória por 2 a 1 do Boavista. Aos 11 minutos da etapa final, Paulo Rodrigues cobrou escanteio, Sheslon foi puxado por Galhardo e desviou a bola com a mão, enganando Felipe, que espalmou para a rede. O goleiro e o zagueiro David Braz reclamaram muito com o árbitro (assista ao vídeo).

Outra preocupação do goleiro é com o número de gols sofridos recentemente no estadual. Até o último jogo da fase de classificação da Taça Guanabara, o time não havia sido vazado. Contra Resende, Vasco e Boavista, levou cinco ao todo.

- Time grande não pode errar muito. Nos últimos jogos aconteceram erros que não vinham acontecendo. O nível de erro tem que ser muito baixo, a quantidade de erros foi grande. Tomamos um gol só no primeiro turno, mas nos dois últimos jogos foram quatro gols. Temos de voltar a ter atenção do início do ano para que lá na frente possamos fazer bons resultados.

Flamengo e Duque de Caxias vão jogar no estádio Cláudio Moacyr, em Macaé, às 18h30m (de Brasília). O Rubro-Negro realiza o último treino antes da partida na manhã deste sábado.


sexta-feira, 2 de março de 2012

Desfalques fazem Joel Santana acelerar entrada dos garotos

Joel Santana chegou ao Flamengo e as chances para os garotos do grupo passaram a ser dadas a conta-gotas. O técnico pediu paciência para não queimá-los e chegou a deixar Muralha, Luiz Antonio, Thomás e Lucas fora de algumas listas de convocados para os jogos. Aos poucos, o cenário começa a mudar. Muito por conta da necessidade. Contra o Boavista, na quarta-feira, Muralha ganhou a primeira oportunidade e virou titular depois que Airton sofreu uma fratura no pé esquerdo. Neste domingo, Luiz Antonio, que nem no banco ficou na última partida, será titular contra o Duque de Caxias. Willians, com uma torção grave no tornozelo direito, e Renato, suspenso, não jogam. Camacho, de 22 anos, treinou nesta sexta-feira como substituto do camisa 11.

Muralha Luiz Antonio negueba flamengo (Foto: Richard Souza/Globoesporte.com) 
Luiz Antonio e Muralha (sem colete) treinaram como titulares nesta sexta (Foto: Richard Souza/Globoesporte.com)

Luiz Antonio chegou a ser titular com Joel em três partidas (contra Madureira, Nova Iguaçu e Resende). O volante de 20 anos, no entanto, não repetiu as boas atuações da temporada passada e perdeu espaço. Diante da nova chance, espera voltar a se firmar na equipe de cima.

- Estou bem, pronto para ajudar o Flamengo, o treinador. A lição que aprendi é que você tem de aproveitar as chances. Eu sei que em algumas partidas não fui muito bem. Errei algumas coisas, detalhes simples como o passe. Não gosto de errar isso, é o principal fundamento do jogador. Levo de lição para melhorar nos próximos jogos, procuro administrar isso bem.

Luiz vai ter Muralha, de 19 anos, como parceiro no meio-campo. O entrosamento, segundo ele, está em dia. Os dois jogaram muitas vezes juntos na base.

- Estamos entrosados, ficamos à vontade durante o jogo. Nem tem muito o que conversar. É consertar os mínimos detalhes e ir para o jogo.

Joel realizou um coletivo em Macaé, mas não contou com Ronaldinho. O atacante se queixou de dores na perna. A formação testada com um jogador a menos teve Felipe, Galhardo, Marcos González, David Braz e Junior Cesar; Muralha, Luiz Antonio e Camacho; Deivid e Love. O camisa 10, segundo o médico Márcio Tannure, não preocupa para o jogo.

Flamengo e Duque de Caxias vão jogar no Moacyrzão, às 18h30m (de Brasília), pela segunda rodada da Taça Rio.

Flamengo busca reabilitação no Novo Basquete Brasil


O Flamengo tem mais um desafio pelo NBB, nesse sábado (03.02), contra o Vila Velha, às 16h, no ginásio Tartarugão, em Vila Velha (ES). O Sportv transmite ao vivo. O Rubro-negro é o terceiro colocado na classificação geral, com 15 vitórias em 20 jogos. O time, no entanto, tem dois jogos a menos que os dois primeiros colocados, Pinheiros e São José, ambos com 17 vitórias em 22 jogos.

Já o adversário desse sábado, o Vila Velha, é o lanterna da competição com apenas um triunfo em 23 partidas disputadas.

O Flamengo vem de uma derrota para o São José, na última rodada, o que custou ao time a segunda colocação na tabela. Para o técnico Gonzalo Garcia, uma vitória sobre o Vila Velha será importante para dar confiança ao time para as últimas rodadas do torneio.

“O time vem de uma derrota em um jogo que não fomos bem nem na parte defensiva, nem na ofensiva. Precisamos ter o controle desses dois fundamentos e conseguir uma boa vitória para nos reabilitarmos na competição”, afirmou o treinador argentino.




Funcionária do Moacyrzão se declara e chora: ‘I love you, Love’


Eunice dos Santos é da equipe de limpeza do estádio Cláudio Moacyr, em Macaé, há um mês. Na tarde desta sexta-feira, aproveitou a passagem dos jogadores do Flamengo do campo para o vestiário após o treino e virou marcadora. Tietou um por um, até mesmo aqueles que nem conhecia. Pediu autógrafos, tirou fotos e teve a companhia de algumas colegas do trabalho. Mas ela queria mesmo era ver Vagner Love. Fez até um pequeno cartaz com uma declaração para o Artilheiro do Amor. Na folha branca, o recado escrito com caneta: ‘I love you, Love’. Quando encontrou o atacante e mostrou o texto, não segurou a emoção e chorou.

- Trabalho na limpeza do estádio há um mês. Gosto muito dele e de todos os jogadores, amo todos eles – disse, ainda com lágrimas nos olhos.

Love com Eunice (Foto: Richard de Souza / globoesporte.com) Eunice, funcionária do Moacyrzão, exibe recado a Vagner Love (Foto: Richard de Souza / Globoesporte.com)

Love foi atencioso. O recado também trazia um pedido em letras menores: ‘Me dá sua blusa’.

- Vou ver se arrumo, tá? – disse o camisa 99.

Eunice vai trabalhar no jogo de domingo. O Flamengo, que vem de duas derrotas seguidas no estadual (para vasco e Boavista), vai enfrentar o Duque de Caxias, às 18h30m (de Brasília), pela segunda rodada da Taça Rio.

- Na vitória e na derrota temos de ter orgulho de ser flamenguistas. Vou estar aqui no domingo. Pedi uma camisa para ele e vou cobrar (risos).

Love com Eunice (Foto: Richard de Souza / globoesporte.com) 
Love posa com Eunice e outras funcionárias do Moacyrzão (Foto: Richard de Souza / globoesporte.com)

Com dores na perna direita, Ronaldinho não treina em Macaé

Ronaldinho chegou nesta sexta-feira a Macaé, onde o Flamengo está concentrado para o jogo deste domingo, contra o Duque de Caxias, pela Taça Rio. O craque acompanhou a delegação até o estádio Moacyrzão, mas não participou da atividade comandada por Joel Santana. R10 levou uma pancada na perna direita durante o amistoso da Seleção Brasileira contra a Bósnia, na última terça, e está com dores no local.

Ronaldinho Gaúcho no hotel do Flamengo (Foto: Richard Souza / GLOBOESPORTE.COM) 
Ronaldinho no hotel do Flamengo em Macaé (Foto: Richard Souza / GLOBOESPORTE.COM)
<,br>
Enquanto os companheiros treinavam, Ronaldinho voltou ao hotel que hospeda o Flamengo e deu início a um trabalho de fisioterapia. O craque será reavaliado neste sábado, mas a tendência é de que ele não seja problema para a partida de domingo.

O médico Márcio Tannure confirmou que o problema de Ronaldinho não é sério.

- Não preocupa, ele reclamou de dor na tíbia (osso da canela). Foi mais por prevenção - disse o médico.

A bola rola para Duque de Caxias x Flamengo às 18h30m deste domingo, no estádio Moacyrzão, em Macaé.

Willians e Léo Moura evoluem, mas ainda são dúvidas contra o Emelec

 

ainda dúvidas (VIPCOMM)Em Macaé e no Rio, o departamento médico do Flamengo trabalha com intensidade para recuperar dois titulares de Joel Santana: Willians, que sofreu uma entorse no tornozelo direito na última quarta-feira, contra o Boavista, e Léo Moura, que machucou o joelho direito contra o vasco, na semifinal da Taça Guanabara. Ambos não jogam contra o Duque de Caxias, neste domingo, pela segunda rodada da Taça Rio. A intenção é deixá-los em condições de enfrentar o Emelec, do Equador. O jogo será na quinta, pela segunda rodada do Grupo 2 da Libertadores, no Engenhão.

O volante continua com a delegação no Norte Fluminense e faz tratamento com fisioterapia em período integral na concentração. Segundo o médico Márcio Tannure, ele apresenta melhora, mas ainda é cedo para dizer se vai enfrentar os equatorianos.

- Ele tem evoluído muito bem. Agora, vamos tratar e aguardar. Cada um reage de uma maneira diferente. Tem diminuído o edema, mas ainda está com dor. Estamos tratando em período integral, está na concentração direto em tratamento.

 Léo tem mais chances de estar em campo. O lateral-direito já voltou a treinar com bola, mas ainda precisa ganhar confiança. Na atividade de quinta-feira, no Ninho, em alguns momentos evitou passar e chutar com a perna direita. A lesão foi na parte externa do joelho.

- Léo continua trabalhando dentro daquilo que a gente programou. Tem ido bem e a cada dia que passa tem se sentido melhor, mais confiante. Está evoluindo. Não veio para o jogo de domingo, mas trabalhamos com a expectativa do retorno dele na quinta-feira. Também é cedo para afirmar, mas estamos fazendo esse esforço. Ele tem mais chances que o Willians.

Galhardo tem sido o substituto de Léo Moura. No meio, Maldonado entrou no lugar de Willians contra o Boavista, mas não foi bem. Para o jogo contra o Duque, Joel testou Muralha e Luiz Antonio no treino fechado desta sexta-feira. Airton, machucado, só volta em dois meses. Renato vai cumprir suspensão. O técnico observou Camacho na posição.

Joel testa Marcos González, Luiz Antonio e Camacho entre os titulares



A portões fechados, o técnico Joel Santana comandou na tarde desta sexta-feira um treinamento no estádio Moacyrzão, em Macaé, onde no domingo o Flamengo encara o Duque de Caxias, pela Taça Rio. A aguardada estreia do zagueiro Marcos González deve mesmo acontecer. O chileno tomou o lugar de Welinton no time titular que disputou um coletivo (teve apenas nove atletas de cada lado).

Macos González flamengo (Foto: Richard Souza/Globoesporte.com) 
Marcos González  faz a marcação sobre Renato no treino desta sexta (Foto: Richard Souza/Globoesporte.com)

No meio, setor no qual Joel não pode contar com Airton, Willians (machucados) e Renato (suspenso), Muralha foi mantido. As novidades foram Luiz Antonio e Camacho. Bottinelli treinou entre os reservas.

Ronaldinho, que chegou nesta sexta-feira depois de voltar do amistoso da Seleção Brasileira com a Bósnia, não participou da atividade. Ainda não se sabe o motivo.

Muralha Luiz Antonio negueba flamengo (Foto: Richard Souza/Globoesporte.com) 
Muralha e Luiz Antonio (sem colete) treinaram entre os titulares (Foto: Richard Souza/Globoesporte.com)

Léo Moura, machucado, segue fora. Galhardo continua em seu lugar. Desta forma a provável equipe do Flamengo para domingo tem Felipe, Galhardo, González, David Braz e Junior Cesar; Muralha, Luiz Antonio, Camacho e Ronaldinho; Deivid e Vagner Love.

Os portões só foram abertos às 17h20m, quase duas horas após o início do treinamento. Quando os jornalistas entraram, os jogadores treinavam jogadas de cruzamento, enquanto o goleiro Felipe praticava reposição de bola junto com Vagner Love.

Camacho flamengo (Foto: Richard Souza/Globoesporte.com) 
Camacho deve assumir o lugar do suspenso Renato (Foto: Richard Souza/Globoesporte.com)

A bola rola para Duque de Caxias x Flamengo às 18h30m deste domingo, no estádio Moacyrzão, em Macaé.



Federação de Futebol do Rio planeja Estadual de MMA com os clubes


José Aldo Jr no Aterro do Flamengo (Foto: Adriano Albuquerque/SporTV.com)
A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) e a Confederação Brasileira de MMA firmaram um convênio com o objetivo de criar o Campeonato Carioca de MMA. A ideia é ter atletas que representem os quatro principais clubes da cidade (Flamengo, vasco, Fluminense e Botafogo) disputando o campeonato, que teria regras próprias e buscaria aproximar o MMA do futebol.

- O MMA está crescendo muito, e nós vamos mostrar aos times que há vantagens financeiras, novos torcedores para fidelizar, exposição de marca, possibilidade de criar novos produtos, novas propriedades de patrocínio, ou seja, ‘n’ alternativas - afirma Otavio de Melo, diretor de marketing da Ferj.

A Ferj e a CBMMA buscarão, agora, o contato com os clubes, para saber se haveria interesse na proposta. O Flamengo, que já patrocina o campeão dos pesos-pena do UFC, José Aldo, tem maiores chances de aceitar a assciação, mesmo que o seu atleta não possa participar da competição, por ter contrato com o Ultimate Fighting Championship. O Fluminense, por outro lado, teria se mostrado avesso à associação, preferindo estudar com mais calma a iniciativa.

- Hoje investimos em futebol e esportes olímpicos, até por estarmos em um ciclo olímpico, e podemos analisar a ideia, mas as nossas prioridades serão essas - pondera Idel Halfen, vice-presidente de marketing do Tricolor.


Lugar diferente, rotina de sempre: Joel fecha o treino em Macaé


Depois de perder para o Boavista, na quarta-feira, em Macaé, o Flamengo seguiu no Norte Fluminense, onde volta a jogar neste domingo, contra o Duque de Caxias. Apesar de estar longe de casa, o clube não mudou sua rotina. Como tem feito em quase todos os treinamentos desde que assumiu, o técnico Joel Santana fechou a parte inicial aos jornalistas. Por mais de uma hora, nada pôde ser visto pela imprensa e pelos torcedores que foram ao local.

flamengo treino macaé Torcedores e jornalistas  (Foto: Richard Souza/Globoesporte.com) 
Torcedores e jornalistas esperam para entrar no treino (Foto: Richard Souza/Globoesporte.com)

Ronaldinho Gaúcho e Marcos González, que estavam a serviço das seleções de Brasil e Chile, participaram da atividade. O zagueiro, por sinal, está apto para estrear domingo e pode ser lançado no time titular.

Joel não pode contar com o lateral Léo Moura, os volantes Airton e Willians, todos machucados, e Renato, suspenso. Galhardo segue na lateral direita. Surgem como opções no meio nomes como Maldonado, Luiz Antonio e Camacho. Com a volta de Ronaldinho, Bottinelli, em tese, iria para o banco, mas não é descartada sua utilização no time titular por conta dos múltiplos desfalques.

A bola rola para Duque de Caxias x Flamengo às 18h30m deste domingo, no Moacyrzão.


Zinho visita hotel do Fla em Macaé

Em Macaé para um reunião com a prefeitura, o ex-rubro-negro Zinho aproveitou para visitar o hotel que serve de concentração para o time do Flamengo. Hoje dirigente do Nova Iguaçu, o tetracampeão conversou com alguns jogadores, como Vagner Love e Deivid. Em seguida, ele bateu um papo com o técnico Joel Santana.

Pelo Flamengo, Zinho, revelado na base do clube, foi três vezes campeão carioca, bi do Brasileiro e ainda conquistou a Copa do Brasil.

Zinho com Deivid e Vagner Love no hotel do Flamengo (Foto: Richard Souza / GLOBOESPORTE.COM) 
Zinho conversa com Deivid e Vagner Love no hotel do Fla (Foto: Richard Souza / GLOBOESPORTE.COM)
 
 
 

Ingrid Guimarães grava programa na Gávea

Enquanto os titulares do Flamengo estão em Macaé, a atriz e apresentadora Ingrid Guimarães visitou a sede do clube na manhã desta sexta-feira. Na Gávea, a rubro-negra, que vestiu um short do Mengão, gravou uma chamada para o seu programa no GNT, “Homens Possíveis”.

O programa de Ingrid ainda terá a participação dos rubro-negros Thiago Lacerda e Guilherme Nogueira, diretor do Museu Flamengo. A edição vai ao ar na primeira semana de abril.

Ingrid Guimarães grava na Gávea (Foto: divulgação site oficial do flamengo) 
Ingrid Guimarães esteve na Gávea na manhã desta sexta-feira (Foto: divulgação site oficial do flamengo)
 
As informações são do site do Flamengo.


Presidente da Ferj deve tentar sufocar movimento de clubes




O presidente da Ferj, Rubens Lopes, deve tentar abortar o movimento dos clubes grandes para reduzir o número de equipes do Estadual do Rio, a partir de 2013. Lopes avalia que a mudança, especialmente por ser feita por uma iniciativa externa à Ferj, poderia ser ruim para seu poder dentro da entidade.




Muralha e Luiz Antonio devem ganhar nova chance de Joel Santana


Muralha e Luiz Antonio (Fotos: Agência Lance!)
O técnico Joel Santana terá que recorrer aos meninos para conseguir colocar o Flamengo no caminho certo. Sem Aírton e Willians lesionados, e Renato suspenso, o comandante rubro-negro se vê cada vez mais com opções escassas e efetivar os jovens Muralha e Luiz Antonio na equipe principal pode ser a solução.

Joel ainda amadurece a idéia, mas com três desfalques no meio de campo, o técnico deve apostar as fichas na dupla de volantes, o que deixaria o time com maior ofensividade devido ao vigor dos dois que costumam apoiar mais o ataque. Além de ser uma saída para o desafio, contra o Duque de Caxias, no domingo, os garotos são vistos como grandes promessas, que se destacaram nas divisões de base do clube.

Curiosamente, a situação dos jovens volantes se inverteu nos últimos dias. Enquanto Muralha há poucos jogos atrás sequer era relacionado, Luiz Antonio gozava de prestígio com o treinador, sendo o único jovem no time titular. Com atuações irregulares, ele acabou perdendo espaço. Na contramão do companheiro, Muralha ganhou chance na partida com o Boavista e não esconde o desejo de se firmar.

- Infelizmente ocorreu estas infelicidades com alguns companheiros, mas agora é o momento certo para ganhar espaço e mostrar que tenho condições de ajudar todo o grupo - afirmou o jogador ao LANCENET!.

Mais comedido, Luiz Antonio preferiu aguardar a palavra do chefe.


- O Joel ainda não falou comigo. Vamos esperar a sua decisão para ver o que vai acontecer - disse.

Bate-Bola

Muralha - Volante do Flamengo, em entrevista exclusiva ao LANCENET!

1) Você e o Luiz Antonio atuaram juntos nas divisões de base. O entrosamento ainda é bom?
A minha relação com o Luiz é a melhor possível. Apesar dele ser um pouco mais velho, jogamos juntos na base e possuímos um ótimo entrosamento. Somos amigos dentro e fora de campo.

2) O que você precisa para permanecer na equipe titular?
Acho que atuando em sequência vou acabar ganhando mais ritmo de jogo. Estou com um bom preparo e posso ser útil ao time.

3) Você pode atuar como primeiro e segundo volante. Qual a sua preferência?
Não tenho preferência, mas às vezes acho que como primeiro homem de meio de campo consigo distribuir melhor as jogadas e produzir mais para a equipe.


Após derrotas, Flamengo espera um Ronaldinho líder e decisivo


Ronaldinho Gaúcho no desembarque do Flamengo no Rio de Janeiro (Foto: Alexandre Cassiano / Agência O Globo)
Ronaldinho não foi bem no amistoso da Seleção Brasileira contra a Bósnia, terça-feira passada, na Suíça. A avaliação foi do técnico Mano Menezes, que trata o camisa 10 com um dos pilares da equipe que irá disputar a Copa do Mundo de 2014. No Flamengo, o atacante também não vive boa fase. Pouca inspiração, jogos discretos, críticas dos torcedores. Ainda assim, o retorno do jogador ao time é motivo de alento para o técnico Joel Santana e os companheiros. Depois de ficar fora da partida para o Boavista, na quarta-feira, ele volta à equipe e vai enfrentar o Duque de Caxias, domingo, em Macaé. O Rubro-Negro vem de duas derrotas no Carioca (para o vasco, na semifinal da Taça Guanabara, e para o Boavista) e precisa da vitória na segunda rodada para se recuperar na Taça Rio.

R10 chegou ao Norte Fluminense na manhã desta sexta e vai treinar com o grupo à tarde, no estádio Moacyrzão, local da partida.

- Ronaldinho é um jogador importante, nosso capitão, nosso líder. Faz falta pela liderança. É um jogador que a qualquer momento pode decidir – disse o lateral-esquerdo Junior Cesar.

Contra o Boavista, foi a primeira vez que Ronaldinho desfalcou o time nesta temporada. Em oito jogos em 2012, fez dois gols.

Joel não vai poder contar com quatro jogadores contra o Duque. Léo Moura, Airton e Willians estão machucados, e Renato vai cumprir suspensão.

- Perdemos jogadores experientes e importantes para jogos complicados. Domingo precisamos vencer. Mas o Flamengo tem um grupo, e o Joel tem dado oportunidades – comentou o camisa 6.

Flamengo e Duque de Caxias se enfrentam às 18h30m (de Brasília).



Ronaldinho e González chegam ao hotel do Flamengo em Macaé

Ronaldinho e Marcos González estão em Macaé. A dupla chegou ao hotel que hospeda a delegação do Flamengo na cidade do Norte Fluminense na manhã desta sexta-feira. Eles disputaram amistosos durante a semana e estão à disposição do técnico Joel Santana para a partida contra o Duque de Caxias, domingo.

Ronaldinho jogou pela Seleção Brasileira contra a Bósnia na terça-feira. Ele foi titular na vitória por 2 a 1, mas não teve boa atuação. Após o duelo, o técnico Mano Menezes reconheceu que o camisa 10 teve atuação abaixo esperado.

González, por sua vez, entrou em campo na noite de quarta-feira. O zagueiro, que não atuava em jogos oficiais desde dezembro, foi titular do Chile no empate por 1 a 1 com Gana. O amistoso foi realizado nos Estados Unidos.

Ex-La U, Marcos González chegou ao Flamengo em janeiro, mas por causa de problemas burocráticos não foi inscrito na Taça Guanabara e tampouco teve condições de jogo na estreia da Taça Libertadores contra o Lanús.


Clima de Libertadores, nervos de aço: Flamengo busca equilíbrio emocional


Joel Santana constatou: o Flamengo perdeu o controle emocional na derrota por 2 a 1 para o Boavista, quarta-feira, pela primeira rodada da Taça Rio. O treinador acha que o jogadores não conseguiram lidar com o estilo do adversário que, segundo ele, parou a partida com faltas e irritou os rubro-negros. O atletas concordam. Reconhecem que precisavam ter lidado melhor com o cenário que se apresentou. Às vésperas de dois jogos importantes pela Libertadores da América, o time procura o equilíbrio mental: clima de guerra, nervos de aço.

- Fizemos uma boa partida durante os primeiros 40 minutos, conseguimos o gol e tivemos a chance de ampliar. Foi uma dificuldade natural contra uma equipe de menor expressão. Eles jogam fechados, gastam o tempo e não conseguimos fazer o gol. As coisas foram acontecendo, o Willians saiu (machucado), tomamos os gols. Isso complicou muito. A gente sabe que vai acontecer isso (na Libertadores). Naquele momento, nos descontrolamos. Mas é uma situação que já passou. Temos um jogo no domingo (contra o Duque de Caxias, em Macaé), precisamos da vitória e vamos trabalhar para fazer uma grande partida – disse o lateral-esquerdo Junior Cesar.

Nem a experiência de alguns atletas do grupo funcionou. Renato, por exemplo, que assumiu a braçadeira de capitão na ausência de Ronaldinho e Léo Moura, foi expulso no fim do jogo ao se desentender com o goleiro Thiago. O meia disse que tentou defender Galhardo, que tentava pegar a bola das mãos do adversário para cobrar o escanteio mais rápido. Renato afirmou que por várias vezes tentou conversar com o árbitro Felipe Gomes da Silva, mas não conseguiu. Ele também teve uma discussão com o auxiliar Luiz Cláudio Regazone, depois de ter recebido cartão vermelho.

Outros jogadores do Flamengo também se irritaram muito com a arbitragem. Junior Cesar reconhece que o time perdeu o foco.

- Temos de tentar manter o equilíbrio emocional para que essa situação não se repita.

Love com Junior Cesar no treino do flamengo (Foto: Alexandre Vidal / Fla Imagem) 
Junior Cesar sorri junto a Love: lateral espera que time não repita erro (Foto: Alexandre Vidal / Fla Imagem)

Depois do jogo contra o Duque de Caxias, em Macaé, o Rubro-Negro vai enfrentar o Emelec, do Equador, pela segunda rodada do Grupo 2 da Libertadores. A partida será na quinta-feira que vem, no Engenhão, às 19h30m (de Brasília). No dia 11, tem Fla-Flu, pela terceira rodada da Taça Rio. Quatro dias depois, 15, será a vez de enfrentar o Olimpia, do Paraguai, também no Rio.

O vice de futebol, Paulo César Coutinho, acompanha a delegação em Macaé e reconhece que faltou equilíbrio ao grupo contra o Boavista.

- Foi um bom laboratório. Deu para treinar a nossa temperança. A gente não pode perder a calma, a paciência. O juiz motivou o problema, chega uma hora que você perde a cabeça. O juiz conduziu o jogo para aquilo.

O grupo de Joel Santana vai treinar na cidade do Norte Fluminense até o dia do jogo. Nesta sexta-feira, a atividade será à tarde, no estádio Cláudio Moacyr. Ronaldinho Gaúcho e Marcos González são aguardados.


Ignorado nas ruas, Fabiano Oliveira admite deslizes: 'Agora dou valor'


Fabiano Oliveira vai completar 25 anos no dia 6 de março. Apesar da pouca idade, o menino de origem humilde, nascido em Seropédica, município do Rio, viveu o conto de fadas e os monstros típicos do futebol. Formado no Flamengo, o jogador foi tido como promessa, chegou à Seleção Brasileira sub-20, foi titular do Rubro-Negro, levou uma rasteira do deslumbramento, não conseguiu driblar as tentações, virou cigano do esporte e está de volta ao clube da Gávea. Apesar do olhar torto e julgamentos por parte da torcida, ele quer ficar.

O atacante viu seu pai abandonar a família quando ele tinha três anos. A mãe, Iracema, sempre trabalhou como empregada doméstica para sustentar os filhos. Fabiano Oliveira viu na bola a ponte de salvação, mas tropeçou no meio do caminho.

- Quando a gente é novo, surge muita coisa que não sabemos aproveitar, acabamos caindo em algumas tentações, cometemos deslizes - admitiu Fabiano Oliveira que, mais uma vez, retornou ao clube e até agora ainda não ouviu a palavra "empréstimo".

Fabiano Oliveira, atacante do Flamengo.  (Foto: janir Junior / globoesporte.com)Fabiano Oliveira tenta superar erros do passado e espera chance de Joel (Foto: Janir Jr. /Globoesporte.com)
Entre 2004 e 2006, Fabiano Oliveira disputou 49 jogos pelo Flamengo e fez apenas oito gols. Ao deixar o clube, ele passou por Goiás (2007), Nacional-POR (2008)  e defendeu dois clubes da Turquia, onde ficou por três anos e meio: Giresunspor e Boluspor.

- É raro encontrar alguém que me conhece, só onde eu moro mesmo que sabem que sou jogador - afirmou o atacante, que chegou a vestir a 9 do Rubro-Negro em alguns jogos.

Sua última partida com a camisa do Flamengo foi no dia 2 de dezembro de 2006, na vitória por 4 a 1 sobre o São Caetano. O último gol, que o jogador nem lembra, foi sobre o Paraná, no mesmo ano, quando o time venceu por 2 a 0.




quinta-feira, 1 de março de 2012

Vanderlei Luxemburgo confidencia a amigos que maior decepção no Flamengo foi R10

Vanderlei Luxemburgo, hoje técnico do Grêmio, confidenciou a amigos que sua maior decepção no Flamengo foi o comportamento de Ronaldinho Gaúcho. O treinador, que tem uma multa de R$ 4 milhões a receber do clube carioca, voltou a dizer que em breve revelará todos os detalhes de sua saída do Rubro-Negro.

Os desentendimentos entre o treinador e o craque começaram ainda na reta final do último Brasileiro. Luxa confidenciou a amigos que R10 não estaria correndo em campo por estar com parte dos salários atrasados.

Na pre-temporada rubro-negra em Londrina (PR), a crise estourou. Ronaldinho perdeu vários treinos no período da manhã por ficar dormindo na concentração. Luxemburgo reclamou de falta de comprometimento por parte do jogador com a presidente Patricia Amorim.

Houve ainda o episódio em que R10 teria sido visto com uma mulher na concentração. O técnico solicitou ao hotel as imagens das câmeras de segurança, e o craque acabou punido por andar pelos corredores em horário indevido. Mas, entre os dirigentes, começou ali o processo de 'fritura' do treinador.

Na Bolívia, enquanto treinava para a estreia na Libertadores diante do Potosí, Ronaldinho reclamou a amigos que o Vanderlei estaria tentando desgastar sua imagem com os torcedores, 'vazando' informações dos bastidores do clube. Antes do embarque, o jogador chegou a dar um ultimato perante os amigos: 'Não fico se ele (Luxa) não sair'.

Na volta aos treinos no Ninho do Urubu, entretanto, o clima parecia em parte amenizado. No dia 30 de janeiro, o craque chegou 16 minutos atrasado à atividade, mas se desculpou ao treinador com um beijo no rosto, antes de receber o colete de titular.

Depois disso, Luxa durou mais alguns dias no cargo. E ao sair, abriu o verbo contra as regalias que boa parte do elenco, Ronaldinho incluso, desfruta no clube:

- Tem que ser firme. O ano passado eu cedi. Jogador achando que pode fazer de tudo. Esse ano eu comuniquei a diretoria que seria difícil eu conviver com as mesmas coisas do ano passado. Aí, não seria desgaste com um jogador, mas com 20, 30. Porque os privilégios existiam. Eu mudei, se a diretoria não mudou, não é problema meu. Se a diretoria quer jogar o problema para debaixo do tapete, não é problema meu. Venci desta forma, com desgaste com os principais profissionais, mas sempre ganhei campeonatos importantes. E o atleta continuou da mesma forma que é - disse o treinador.



O desejo de Léo Moura: 'Espero que na Libertadores eu esteja de volta'


A assombração do ano passado não chega a rondar a cabeça de Léo Moura, mas o fantasma da lesão no joelho direito que prejudicou o jogador em 2011 voltou a assustar. Mesmo que agora a contusão não seja a mesma e as dores estejam mais concentradas na parte externa do local atingido, o problema afastou o lateral do jogo diante do Boavista e também da segunda rodada da Taça Rio, domingo, contra o Duque de Caxias em Macaé. O camisa 2 não quer correr riscos e direciona seus esforços para o importante duelo pela Libertadores. Na próxima quinta-feira, o Flamengo enfrentará o Emelec, no Engenhão.

- Fiz meu primeiro treino com bola, foi importante para movimentação, queria participar desse jogo, mas como estava muito em cima, não vou estar 100%. Espero que na quinta-feira, pela Libertadores, eu já esteja de volta para ajudar o Flamengo nessa caminhada importante – afirmou Léo Moura.

Na manhã desta quinta-feira, Léo Moura realizou seu primeiro treino com bola desde o choque com Fagner na semifinal da Taça Rio. Na partida, o lateral rubro-negro deixou o campo aos 34 minutos do segundo tempo para a entrada de Galhardo.

O jogador ainda não tem plena confiança nos movimentos, mas já deu mais um passo ao treinar com bola. Na atividade, ele arriscou alguns passes, correu, mas evitou movimentos bruscos com a perna direita.

Aos 33 anos, Léo Moura tem sido o destaque do Flamengo na atual temporada, com boas atuações e gols importantes na Libertadores, um sobre o Real Potosí, no Engenhão, e outro sobre o Lanús, na Argentina.

Médico não confirma volta contra Emelec

Léo Moura está sob cuidados médicos. E ainda não tem presença certa diante do Emelec.

- O Léo vem trabalhando, melhorou. Decidimos deixá-lo no Rio para tentarmos recuperação para o jogo de quinta - afirmou o médico Márcio Tannure.


Confira os resultados desta quinta pelo Campeonato Carioca



Taça Rio - 1ª rodada
 
Macaé 2 x 1 Duque de Caxias

Volta Redonda 3 x 0 Madureira


Americano 2 x 4 Botafogo




Joel recebe um DVD de novo zagueiro chileno Sebastian Roco



O vice-presidente de futebol do Flamengo, Paulo César Coutinho, enviou um dvd do zagueiro chileno Sebástian Roco, de 28 anos, para o técnico Joel Santana avaliar. O jogador, revelado no pequeno Unión San Felipe, está no Cobreloa. Ele mede 1,88m e teve passagem pela seleção chilena em 2007.  Recentemente, o Rubro-Negro contratou Marcos González, ex-La U, mas o jogador ainda não estreou. A dupla de zaga da equipe é formada por Welinton e David Braz.







Vice de futebol dispara contra árbitro: ‘Atuação mal-intencionada’


O vice de futebol do Flamengo, Paulo César Coutinho, confirmou na tarde desta quinta-feira que o clube vai pedir a exclusão do árbitro Felipe Gomes da Silva do quadro da Ferj e cobrar do jogador Tony, do Boavista, as despesas que tiver com o tratamento de Willians. O volante foi atingido pelo atleta do time da Região dos Lagos de forma dura, nesta quarta, na derrota por 2 a 1, em jogo válido pela primeira rodada da Taça Rio. Coutinho foi além. Para ele, o juiz foi mal-intencionado com o Rubro-Negro.

- Não sei qual foi a intenção, não sei se tem raiva do Flamengo, mas foi muito mais do que incompetência. A atuação foi tendenciosa, mal-intencionada. Houve dolo ao Flamengo. O que aconteceu no jogo foi uma vergonha até para os árbitros que trabalham corretamente. Não nos contentamos com o afastamento, queremos a exclusão.



Paulo César Coutinho, vice de futebol (Foto: Richard Fausto de Souza / Globoesporte.com) 
Paulo César Coutinho, vice de futebol do Flamengo (Foto: Richard Fausto de Souza / Globoesporte.com)

O juiz será afastado por, pelo menos, duas semanas para passar por uma reciclagem na Comissão de Ensino da Federação de Futebol do Rio de Janeiro. Tony foi punido com cartão amarelo, e Willians teve de ser substituído com suspeita de fratura. Após exames, ficou constatada uma torção.

- Vamos avaliar o prejuízo que o clube vai ter com o tratamento do Willians para ter o ressarcimento. Não foi o erro de uma pessoa só, o árbitro tem seus auxiliares. A gente paga para que aqueles auxiliares fiquem na linha de fundo. Mas estão ali para quê? Para ver o jogo mais de perto?

Segundo o médico do Flamengo, Márcio Tannure, ainda não é possível dizer qual será o tempo de recuperação de Willians. Ele está em Macaé com a delegação e faz tratamento intensivo. O jogador está fora da partida contra o Duque de Caxias, domingo, também no Norte Fluminense, pela segunda rodada do returno.



Após derrota, Fla esfria a cabeça com treino na piscina


Após a derrota para o Boavista, os jogadores do Flamengo puderam esfriar a cabeça com um treino na piscina do Clube dos Empregados da Petrobrás, na Praia dos Cavaleiros, em Macaé. Para os que jogaram, a atividade foi mais leve. Os demais atletas fizeram um trabalho mais puxado, de força. A atividade foi monitorada pelos preparadores Ronaldo Torres e Marcelo Martorelli.

A presença dos rubro-negros animou os sócios do clube, que aproveitaram para tirar fotos e pedir autógrafos para os jogadores. Felipe, Vagner Love e Deivid foram os mais assediados.

treino do Flamengo em Macaé (Foto: Richard Fausto de Souza / Globoesporte.com) 
Em Macaé, jogadores do Flamengo treinam na piscina (Foto: Richard Fausto de Souza / Globoesporte.com)

Com dores no tornozelo direito, Willians, que sofreu uma entrada violenta no jogo dessa quarta, está fazendo tratamento no hotel que serve de concentração para o time. Apesar de estar fora do jogo, o volante segue se tratando em Macaé.

Nesta sexta-feira, o time do Flamengo treina no Cláudio Moacyr, local da partida de domingo. A atividade já contará com Ronaldinho e Marcos González, que vão se juntar ao elenco. Léo Moura segue fora do time e não irá para Macaé.

vagner love piscina flamengo (Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem) 
Love, Paulo Victor e Felipe posam debaixo d'água (Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem)
 
 

Rabello condena atuação de árbitro em Macaé: 'Pior foi aspecto disciplinar'

Presidente da Comissão de Arbitragem do Rio, Jorge Rabello, disse que não vai permitir erros de árbitros que deixem de coibir a violência nos jogos do Campeonato Carioca. Depois de afirmar que Felipe Gomes da Silva, juiz de Flamengo e Boavista, será afastado e terá de fazer um curso de reciclagem, Rabello foi duro nas análises sobre a atuação do árbitro do jogo de estreia do Rubro-Negro na Taça Rio, nesta quarta-feira à noite, em Macaé. A equipe da Região dos Lagos venceu por 2 a 1.

Além da polêmica no lance do segundo gol do Boavista, Rabello comentou a violência durante o confronto entre Flamengo x Boavista.

- Pior foi o aspecto disciplinar. O Felipe é um árbitro que tem potencial, jovem, é bem escalado na Série A do Brasileiro, mas nesse jogo não foi bem. A gente não passa a mão na cabeça. No Rio, não temos mais problema com carrinho, conseguimos estabelecer controle com isso. Teve o primeiro carrinho do lateral-esquerdo (Paulo Rodrigues) no Bottinelli, que só não acertou porque ele pulou, mas ele não marcou falta. Quando acontece isso, sinaliza que outros podem fazer também, o que culminou no pior lance, o do Tony no Willians, que era para cartão vermelho. Não adianta dizer que não viu, porque deu amarelo. Não vamos aturar esse tipo de coisa, seja qual for o árbitro – afirmou Jorge Rabello, em entrevista à Rádio Brasil.

O presidente da Comissão de Arbitragem também comentou sobre o segundo gol do Boavista. Aos 11 minutos da etapa final, Paulo Rodrigues cobrou escanteio, Sheslon foi puxado por Galhardo e desviou a bola com a mão, enganando Felipe, que espalmou para a rede. O goleiro e o zagueiro David Braz reclamaram muito com o árbitro:

- O toque de mão (de Sheslon) é perceptível em slow motion, foi preciso ver mais de uma vez. Mas ele errou nos dois momentos. Existe um puxão claro (de Galhardo), depois esse toque, que, no campo de jogo, é complicado de ver. Mas existiu, não tem como brigar com a imagem. Pela velocidade da bola, eles não têm replay, não têm certeza absoluta, por isso não marcaram, essa foi a explicação que deram. O árbitro está afastado, vai passar por um processo de reciclagem. Isso inclui semanas que chamaremos ele aqui, passaremos vídeos, diretrizes...

O Flamengo vai pedir a exclusão do juiz do quadro da Federação de Futebol do Rio. Na partida, o Rubro-Negro cometeu 12 faltas contra 24 do Boavista.

Árbitro explica expulsões e relata ofensas do preparador do Flamengo

O árbitro Felipe Gomes da Silva explicou na súmula do jogo entre Flamengo e Boavista, pela Taça Rio, as expulsões do goleiro Tiago e do meia Renato Abreu, além do técnico Alfredo Sampaio e do preparador físico Ronaldo Torres. Este, último, foi relatado por ter feito supostas ofensas ao trio de arbitragem na noite desta quarta-feira.

- Aos 45 do 2° tempo, foi expulso do banco de reservas o Sr. Ronaldo Torres, preparador físico do C.R. do Flamengo, que, segundo informações do assistente 01, Sr. Luiz Cláudio Regazone, proferiu as seguintes palavras para ele, ofendendo a equipe de arbitragem: "Vocês são todos ladrões! Safados!" - escreveu o árbitro.

Súmula Boa vista X Flamengo (Foto: Reprodução / Ferj) 
Relato da súmula de Felipe Gomes da Silva para a partida entre Fla x Boavista (Foto: Reprodução / Ferj)

Para as expulsões de Tiago e Renato nos últimos minutos da partida, Felipe Gomes da Silva relatou uma peitada e um empurrão do meia do Flamengo, que provocaram uma tentativa de tapa do goleiro.

- Aos 42 do 2° tempo, quando a bola estava fora de jogo, logo após o Sr. Tiago Schimidt Silveira (n° 01 do Boavista S.C.) segurar a bola tentando retardar uma cobrança de escanteio da equipe adversária, o Sr. Carlos Renato de Abreu (n° 11 do C.R. do Flamengo) partiu em sua direção dando-lhe uma peitada. Em ato contínuo, o Sr. Tiago Schimidt Silveira encarou o Sr. Carlos Renato de Abreu ficando ambos face a face. Nesse momento o jogador do C.R. do Flamengo já citado empurrou acintosamente com a mão esquerda o rosto do goleiro adversário que, imediatamente, tentou revidar com um tapa. Ressalto que este tapa não acerta o Sr. Renato. Após isso, a minha intervenção e de mais alguns jogadores de ambas equipes, separou os dois atletas citados anteriormente. Pelo exposto anteriormente, ambos os atletas foram expulsos diretamente: Sr. Tiago Schimidt Silveira e Sr. Carlos Renato de Abreu – escreveu.

A arbitragem de Felipe Gomes da Silva está sendo questionada pelo Flamengo, que vai pedir a exclusão do árbitro do quadro da Federação de Futebol do Rio de Janeiro. De acordo com a entrevista do presidente da Comissão de Arbitragem da Ferj, Jorge Rabello, à Rádio Brasil, o árbitro será afastado por período indeterminado, quando passará por uma reciclagem na Comissão de Ensino da Ferj.


Cáceres diz que recusou pré-contrato do Fla, mas deixa futuro em aberto


victor caceres libertad (Foto: AFP)
Um dos nomes na pauta de reforços do Flamengo, Victor Cáceres confirmou que foi procurado pelo Rubro-Negro para que assinasse um pré-contrato. Mas o volante afirmou que ainda não existe nenhum tipo de acerto e que só decidirá seu futuro depois do término do seu vínculo com o Libertad, em junho.

- Não tenho nada acertado com ninguém ainda, pois tenho contrato com o Libertad. Pela lei, sei que poderia ter assinado um pré-contrato, mas não farei isso até junho. Houve um momento em que o Flamengo ofereceu um pré-contrato, mas eu disse não, pois ainda tenho vínculo com o Libertad – declarou Cáceres, em entrevista à rádio Paraguaia 730 AM.

A ideia inicial do Flamengo era contratar Cáceres em janeiro. O jogador havia concordado até mesmo em reduzir o salário oferecido pelo Rubro-Negro de R$ 110 mil para R$ 90 mil e sugeriu que a diferença de R$ 20 mil/mês nos quatro anos de contrato (R$ 960 mil) fosse usada para pagar parte da liberação dele com o Libertad. Mesmo com a oferta, não houve acordo entre os clubes, e o final feliz ficou para junho.

- O Flamengo tem interesse no jogador, e o jogador tem interesse em jogar pelo Flamengo. Mas isso vai ficar para o meio do ano, até porque ele está disputando a Libertadores pelo Libertad, e temos uma boa relação com o clube paraguaio. Não é algo para agora - afirmou o vice de futebol do Flamengo, Paulo César Coutinho, na semana passada.

O jogador, porém, teve uma conversa com o vice-presidente do Libertad, Carlos Guggiari, e deixou claro que deve deixar o Libertad:

- Quando terminar o contrato, se não houver acordo, posso ir para outro clube - completou o jogador.

Renato Maurício Prado: 'Com essa velharia, Flamengo não vai dar caldo'


 
 
Mais do que o erro de arbitragem que validou o gol irregular na derrota do Flamengo para o Boavista por 2 a 1, na quarta-feira, o que mais incomodou Renato Maurício Prado na estreia do Rubro-Negro na Taça Rio foi a escalação do que ele chamou de "velharia". Agora, com as contusões de Aíton e Willians, e a suspensão de Renato Abreu, o comentarista espera que os jogadores mais jovens finalmente entrem no time.

- O mínimo que se espera é que o Joel coloque os garotos para jogar. Ontem, entrou o Muralha. Tem que entrar o Camacho, o Luis Antônio. Tem que colocar os garotos para jogar. Porque com essa velharia que está aí, nem com Vanderlei, nem com Joel, vai dar caldo - disse Renato Maurício Prado no "Redação SporTV" desta quinta-feira.

O pênalti cometido por Maldonado, que originou o primeiro gol do Boavista, foi um exemplo do atual momento do volante, na opinião do comentarista:

- É um jogador que não tem mais a menor condição de ser profissional. Já está absolutamente superado. Não tem velocidade. Fez um pênalti trouxa, infantil. Ele foi um excelente volante, da seleção chilena e em outros clubes, mas depois da segunda operação perdeu velocidade.

Sobre o lance que originou o gol do Boavista, Renato Maurício Prado disse que a arbitragem errou ao não marcar pênalti de Galhardo em Sheslon, que desviou a bola com a mão. Criticou Joel por ter tirado Botinelli e ter colocado Negueba, quando deveria ter sacado um volante.

- Ele entra com esse bando de volantes. Na hora em que está perdendo, pelo menos tem que avançar. Aí, não. Tira o Botinelli e coloca o Negueba. Aí, não vai dar certo. O Flamengo teve tempo de sobra para reagir, mas não jogou nada - disse.


Fla pede exclusão de juiz e exige que Tony pague o tratamento de Willians



Indignado com a arbitragem de Felipe Gomes da Silva na derrota por 2 a 1 para o Boavista, nesta quarta-feira, pela Taça Rio, o Flamengo vai pedir a exclusão do juiz do quadro da Federação de Futebol do Rio. De acordo com o vice-presidente de relações internacionais do clube, Walter Oaquim, o diretor-jurídico Michel Assef Filho será contatado nesta quinta para tomar as providências cabíveis.

Segundo o site do jornal "Extra", o juiz será afastado por, pelo menos, duas semanas para passar por uma reciclagem na Comissão de Ensino da Federação de Futebol do Rio de Janeiro. A principal queixa rubro-negra: a falta dura de Tony sobre Willians ainda no primeiro tempo. O jogador do Boavista foi punido com cartão amarelo, e o volante teve de ser substituído com suspeita de fratura. Após exames, ficou constatada uma torção.

- Vamos pedir a exclusão desse árbitro do quadro da Federação, porque o que ele fez ontem foi criminoso. Grande dolo ao Flamengo. Não estamos nem reclamando do gol de mão, mas da entrada violenta que o Willians sofreu na frente dele e que nada foi feito. Se o Willians tiver que ter qualquer custo médico, vamos cobrar do Boavista e do Tony para que paguem o tratamento.

Oaquim se refere ao segundo gol da equipe da Região dos Lagos. Aos 11 minutos da etapa final, Paulo Rodrigues cobrou escanteio, Sheslon foi puxado por Galhardo e desviou a bola com a mão, enganando Felipe, que espalmou para a rede. O goleiro e o zagueiro David Braz reclamaram muito com o árbitro.

Michel Assef Filho já viu as imagens da partida e diz que cabe representação.

- A arbitragem foi muito mal. Entendo que cabe representação, pois o árbitro perdeu o controle da partida. Por isso aconteceu o que aconteceu. Foi em razão dessa péssima atuação dele - disse Assef Filho.

O diretor-jurídico também disse que aguarda uma posição do TJD/RJ sobre Tony, do Boavista.

- Há uma previsão no CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva) que estabelece que quando um atleta é lesionado, o adversário que o lesionou, se for punido, só pode voltar a jogar quando o Willians, ou seja, o lesionado, começar a treinar com bola. Vou acompanhar a procuradoria para ver o que vão fazer nesse caso ou vou atuar.

Segundo o médico do Flamengo, Márcio Tannure, ainda não é possível dizer qual será o tempo de recuperação de Willians. Ele está em Macaé com a delegação e faz tratamento intensivo. O jogador está fora da partida contra o Duque de Caxias, domingo, também no Norte Fluminense, pela segunda rodada do returno.


Léo Moura treina com cautela e segue fora contra o Duque de Caxias


Léo Moura treina com bola no ninho  (Foto: Janir Júnior / Globoesporte.com)
Na manhã desta quinta-feira, Léo Moura calçou as chuteiras e participou de uma movimentação com bola ao lado de jogadores que não estão em Macaé, casos de Kleberson, Rodrigo Alvim, Rômulo, entre outros, no Ninho do Urubu. Apesar de ter apresentado boa mobilidade e dado alguns passes com a perna direita, o jogador ainda não se sente plenamente confiante quando tem que fazer o giro com o peso do corpo apoiado no joelho.

Com isso, Léo Moura, que sofreu um choque com Fagner na semifinal da Taça Guanabara diante do vasco, não viajará para Macaé nesta sexta-feira e está fora do jogo de domingo contra o Duque de Caxias, pela segunda rodada da Taça Rio. Galhardo, que substituiu o jogador na derrota por 2 a 1 para o Boavista na noite desta quarta-feira, será mantido como titular.

Durante o treino no Ninho do Urubu, o jogador evitou as divididas, preferiu usar a perna esquerda em alguns toques de bola e demonstrou não estar 100% confiante. Depois da atividade, ele fez sessão de aplicação de gelo no joelho direito. As dores são localizadas principalmente na parte externa da região.