Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

sábado, 14 de julho de 2012

Flamengo renova contrato de licenciamento com a empresa Summit




O Flamengo renovou por 24 meses o contrato de licenciamento com a empresa Summit, responsável por colocar no mercado um mix de produtos voltados para promover o aumento do interesse da criança pela escola e pelas brincadeiras didáticas e educativas. E tudo com as cores e com o escudo do Mais Querido do Brasil. Os produtos podem ser encontrado nas melhores lojas do ramo, em todo o Brasil.



Baile Dançante agita a sede da Gávea



O Flamengo realizou o seu tradicional Baile Dançante na noite de sexta-feira (13.07), na sede da Gávea. O evento, que não acontecia há 3 anos, animou o Salão Nobre do clube, que recebeu centenas de pessoas. 

Os presentes se divertiram e dançaram ao som de Marco Vivian e banda, que apresentou um repertório eclético, para todos os gostos e idades. O frio que atingiu a Cidade Maravilhosa não foi suficiente para desanimar a pista, que esquentou com músicas sertanejas, forró, anos 60, internacionais, MPB e boleros.
 
 
 
 

Bruno é ‘demitido’ por enviar carta pra TV



Ex-goleiro não pode mais fazer faxina na cadeia e só sairá da cela para tomar banho de sol
 
Uma carta enviada pelo ex-goleiro Bruno Fernandes a um apresentador da TV Alterosa, afiliada do SBT em Minas Gerais, fez o atleta ser punido pela administração da penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, no mesmo estado, onde está detido há dois anos. Segundo a Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds), o jogador foi suspenso do trabalho de faxina que vinha realizando na pavilhão para tentar reduzir o tempo de cadeia.

O documento foi entregue por Bruno na quinta-feira pela manhã aos advogados Francisco Simim e Rui Pimenta. À tarde, a defesa do ex-goleiro levou a carta até o programa de TV. Em seu texto, Bruno faz referência a Deus, nega ligação com o desaparecimento de Eliza Samudio e diz que Bruninho, filho dele com a ex-amante, tem, sim, um pai.

"Te confesso, pelo ‘sangue cristão de Jesus', que nunca desejei, ordenei ou determinei a quem quer que seja o desaparecimento de Eliza Samudio! Inclusive, gostaria de acrescentar que o Bruninho tem, sim, um pai, aliás, sempre haverá esse compromisso perante a sociedade", escreveu o ex-jogador.

Em outro trecho da carta, Bruno diz que está pagando pelo crime que não cometeu e que seu "erro foi ter confiado em algumas pessoas". "Sei que estou pagando já há dois anos pelo um possível crime que não cometi, nem ordenei, e Deus é minha testemunha. O único erro da minha vida foi ter confiando em algumas pessoas", escreveu.

Caso será analisado
Segundo a secretaria, o goleiro vai passar na segunda-feira por uma Comissão Disciplinar do Complexo Prisional, órgão que analisará a suspensão ou fixará o prazo do recolhimento de Bruno a sua cela. O advogado Francisco Simin disse que vai recorrer caso a decisão na segunda seja negativa. "Bruno e nós (advogados) não fizemos nada de errado. Essa decisão da punição é injusta", frisou o defensor do goleiro.

A Seds ainda afirmou que vai notificar a Ordem dos Advogados (OAB-MG) sobre o caso. "Eles podem falar com quem quiser e vamos provar que estamos certo", desabafou Francisco Simim.

‘Foi a única forma de defesa do Bruno até hoje', diz advogado
 
A Seds informou que, a partir de agora, Bruno só poderá sair da sua cela para usufruir das duas horas diárias de banho de sol. No entanto, o ex-goleiro não ficará em cela individual.

Para o órgão, Bruno ‘cometeu um erro disciplinar ao ignorar as regras de segurança do Complexo Penitenciário Nelson Hungria e enviar, fora dos trâmites legais, uma carta ao público externo à unidade, por meio de seu advogado".

O texto da a carta não passou pelo crivo de departamento específico que registra as correspondências destinadas aos presos e aos familiares deles.

No entanto, para Francisco Simim, advogado do ex-goleiro, não houve infração, e a punição é uma arbitrariedade. "Não fizemos na ditadura. Somos advogados do Bruno e podemos levar a palavra do nosso cliente. Nada saiu da penitenciária escondido. Essa carta foi a única forma de defesa do Bruno até hoje", ressaltou Simim.


Flamengo fecha patrocínio para o calção



Depois de receber R$ 1 milhão para estampar o nome da Brasil Foodservice Group (BFG) no espaço principal do uniforme no Fla-Flu do centenário, o Flamengo acertou com a mesma empresa contrato de patrocínio por três meses. Desta vez, porém, a logomarca será estampada no calção, na perna esquerda, acima do número. Pelo acordo, o clube receberá R$ 300 mil por mês, num total de R$ 900 mil. A novidade já poderá ser vista no jogo contra o Bahia, domingo, em Salvador.

A intenção inicial era fechar por R$ 3 milhões até o fim do ano, mas, para isso, a proposta teria de passar pelo Conselho Deliberativo. Para agilizar a negociação, as partes decidiram acertar por apenas três meses e depois renovar o contrato, que passou pelo Conselho Diretor.

A BFG é uma holding do ramo alimentício que detém as marcas Porcão, Garcia & Rodrigues, Galeria Gourmet e Johnnie Pepper, todas com filiais no Rio de Janeiro. Em junho, ela firmou contrato de um ano com o vasco, no valor de R$ 4 milhões, para exibir a marca no lado direito do peito.



Renato: 'Não dá para esperar um chegar para resolvermos a situação'


A diretoria do Flamengo tem pouco tempo. No próximo dia 20, sexta-feira que vem, a janela de transferências internacionais vai ser fechada. A partir daí, as opções ficam restritas ao mercado nacional (na Série A, para jogadores com menos de sete jogos). Na sexta-feira, o diretor de futebol Zinho recebeu uma resposta negativa do Wolfsburg sobre a tentativa de contratar Diego. O meia era a aposta do dirigente para vestir a camisa 10, e o clube agora se vê obrigado a buscar outro nome para dar uma resposta aos torcedores.

Enquanto isso, o time enfrenta o Bahia, neste domingo, pela nona rodada do Brasileirão. Para Renato, o grupo não tem que se envolver no tema. Ele lembra que o grupo não pode ficar dependente da chegada de um reforço.

- Tem que confiar em quem está aqui hoje. Se tiver algum tipo de contratação, a diretoria vai tentar. Enquanto não consegue, a gente faz a nossa parte. Nós estamos aqui e temos que honrar a camisa do Flamengo. Se vier alguém, vai nos ajudar. Não dá para esperar um jogador chegar para resolvermos a nossa situação. Temos que procurar ganhar os jogos e levar o time para frente.

renato abreu flamengo treino (Foto: Alexandre Vidal / Fla Imagem) 
Renato pede apoio ao jovem Adryan: 'Não pode ficar tudo sobre ele' (Foto: Alexandre Vidal / Fla Imagem)
 
Contra o Bahia, o armador do Flamengo será Adryan. Com a suspensão de Darío Bottinelli pelo terceiro cartão amarelo, a chance surgiu para o jogador de 17 anos. Renato, no entanto, lembra que o meia não pode ser sobrecarregado.

- O Adryan tem que fazer o jogo dele, sabe do apoio que ele tem com o grupo, vai entrar com responsabilidade grande, mas não pode ficar tudo sobre ele. Ainda tem muito a crescer no elenco. Temos de dar apoio, ajudar de alguma forma dentro de campo. Mas isso não vai depender só dele, mas de todo o grupo.

No jogo contra o Fluminense, Joel abriu mão de um volante e lançou Bottinelli na criação. Agora, será a vez de Adryan. Renato aprova a formação mais ofensiva.

- Quando você tem um armador a mais, divide a responsabilidade, consegue não pensar num jogador apenas. O Bottinelli saiu por suspensão, é um jogador de experiência, ajudou muito. Vai entrar o Adryan, que tem mais velocidade, mas não tem experiência. Vai ganhar confiança e experiência com o tempo. Não posso dizer se fica melhor com A ou B. Vamos procurar fazer o máximo. A vitória fora de casa apagaria aquele empate em casa com o Inter (por 3 a 3, no Engenhão). Dá moral ganhar um jogo fora de casa.

Flamengo e Bahia se enfrentam às 16h (de Brasília), neste domingo, no estádio de Pituaçu.




Diego Maurício recebe proposta do Cluj, da Romênia

O atacante Diego Maurício pode estar de saída do Flamengo. Nesta semana, dirigentes do CFR Cluj, da Romênia, enviaram para o Rubro-Negro uma proposta pelo jogador. Cerca de R$ 5 milhões foram oferecidos por um contrato de empréstimo de um ano.

Em um contato inicial entre as partes, uma resposta positiva foi colocada na mesa pela negociação. Há a expectativa de que as conversas evoluam ao longo da semana. Iuliu Mureşan, presidente do Cluj, estaria disposto a viajar até o Brasil para fechar o negócio por Diego Maurício, lá conhecido como "Drogbinha". Esse seria o último reforço do Cluj para a temporada 2012-2013.

Não é a primeira vez que Diego Maurício recebe proposta para sair do Flamengo. Em 2011, o atacante rubro-negro recebeu uma proposta do Shakhtar Donestk, da Ucrânia, e do Valencia, da Espanha. Nas duas ocasiões, a diretoria do Flamengo acabou recusando e mantendo o jogador.


Campeões brasileiros de 92 festejam em pelada 20 anos do penta do Fla


Dia histórico no Maracanã: 19 de julho de 1992. Ao todo, 145 mil pessoas para a grande final. Com um elenco formado essencialmente por jogadores revelados nas categorias de base, o Flamengo superou o Botafogo e foi pentacampeão brasileiro. E o protagonista daquela conquista? Um vovô-garoto. Leovegildo Lins da Gama Junior. Naquele tempo, na “juventude” de seus 38 anos, o experiente Maestro levantava o troféu e escrevia mais uma vez seu nome na história do Rubro-Negro. Perto dos 20 anos após a conquista, muitas lembranças ainda vêm à tona. E foi com esse clima de celebração que os heróis do título se reuniram neste sábado para uma pelada no clube Cheirinho do Gol, no Recreio dos Bandeirantes, Zona Oeste do Rio.

– O grande motivo dessa comemoração é, justamente, para não deixar passar em branco. Até hoje, temos um laço de amizade muito forte – disse Junior, atual comentarista da TV Globo.

Em cada metro quadrado do Cheirinho do Gol, flamenguistas se surpreendiam com a presença e a chegada de seus ídolos 20 anos depois. Em meio às resenhas, cada jogador usava sua licença “poética” para tentar resgatar uma história mais interessante daquele dia inesquecivel. Os campeões Junior, Zinho, Marquinhos, Piá, Gilmar Rinaldi e Gelson Baresi marcaram presença na festa.

Pelada 20 Anos do Penta, Flamengo (Foto: Igor Castello Branco / Globoesporte.com) 
Em festa de 20 Anos do Penta, Gelson Baresi, Junior, Zinho, Gilmar, Marquinho e Piá se reencontram para bater bola em clube no Recreio (Foto: Igor Castello Branco / Globoesporte.com)
 
Espirituoso e sorridente como sempre, Junior era sempre requisitado para um forte abraço. Símbolo daquela conquista, o Maestro parecia voltar no tempo e fazia a alegria de quem estava a sua volta, falando sobre suas conquistas com a camisa do Flamengo. No futebol, o ídolo rubro-negro viveu momentos marcantes. Mas um em especial é inesquecível para o ex-jogador: a primeira partida da decisão. No dia 12 de julho, o Flamengo venceu o Botafogo por 3 a 0 no Maracanã e ficou a um passo do título, que veio uma semana depois, com um empate por 2 a 2.

- Não esperávamos ter feito aquele placar. Eu era o último remanescente daquela fase áurea do clube e estava com aquela garotada. Ali começou a história do Vovô-Garoto. Foi um momento único - disse o ex-lateral e meia, que já tinha sido campeão brasileiro em 1980, 1982 e 1983.

Na festa deste sábado, o público presente era de 100 pessoas. Com olhares atentos, aguardando a oportunidade de tirar uma foto com grandes nomes da história do clube, principalmente com Junior, um dos maiores laterais-esquerdos que o futebol conheceu. E também um meio-campo dos mais talentosos.

Em 1992, atuando como meia, liderou o Flamengo ao título nacional com 38 anos. A consagração do Vovô-Garoto e de jovens jogadores rubro-negros, como Marquinhos, Djalminha, Marcelinho, Nélio, Paulo Nunes, Júnior Baiano, Piá, junto dos mais experientes Zinho, Gaúcho, Gilmar e Gottardo, se deu com a conquista do Campeonato Brasileiro de 1992. Na época, o clube se tornou o maior vencedor da história da competição, com cinco títulos.

- A equipe ganhou força na competição. Embora houvesse atraso de salário, nosso time era muito unido. E tínhamos um foco: o título. O time do Botafogo, por exemplo, tinha muitos nomes. Mas nos fechamos. E fomos campeões. Participar dessa festa é motivo de muita alegria – relembrou Piá.

Na primeira fase da competição, o time da Gávea ficou apenas em quarto lugar, classificando-se para o Grupo 1 da fase seguinte com Santos, São Paulo e Vasco. Nessa etapa, ficou em primeiro lugar e garantiu a vaga para enfrentar o Botafogo, campeão do Grupo 2, na final do campeonato. Para Gelson Baresi, aquele título representou a essência do futebol.

- Por isso, o esporte é tão apaixonante. Nem sempre a equipe que tem os melhores nomes é a que vai ser campeã. O time do Flamengo de 1992 era muito bom, mas muitos ainda buscavam um lugar de destaque. O Junior era a única exceção. Voltar a jogar com esse pessoal hoje é motivo de muita satisfação.

Pelada 20 Anos do Penta, Flamengo, Zinho (Foto: Igor Castello Branco / Globoesporte.com) 
Zinho e Helvécio Pessoa, prepador físico do Fla em 1992 (Foto: Igor Castello Branco / Globoesporte.com)
 
Revelado no Flamengo, Zinho, um dos protagonistas daquela conquista, iniciou sua carreira em 1986, quando teve a oportunidade de atuar ao lado de Zico, Andrade e Leandro. Na opinião do atual diretor de futebol do Flamengo, o título nacional de 1992 foi mais importante em sua carreira do que o de 1987.

- Hoje, certamente, é um dia muito feliz para todos nós. O título de 92 abriu as portas da seleção brasileira para mim. E, por isso, dois anos depois, fui campeão do mundo com o Brasil. Em 1987, o sabor da conquista foi bem diferente. Nessa época, eu ainda era um menino. Estava começando. Em 1992, eu já era um jogador formado e uma das peças principais daquela equipe.
 
Neste sábado, o pagode e o churrasco ditavam o ritmo da festa. Ídolos de outras conquistas, Andrade, Adílio e Julio César, além do ex-presidente Márcio Braga, também foram prestigiar a comemoração.

- É muito bom saber que a geração de 80 serviu de inspiração para esse pessoal. Esses jogadores campeões, sem dúvida alguma, marcaram seus nomes da história do Flamengo. E merecem tudo de bom - finalizou Andrade.


Após treino na Gávea, jogadores da Seleção elogiam estrutura no Flamengo


treino da Seleção na Gávea (Foto: Mowa Press)
Ao som dos gritos de torcedores - e torcedoras - os jogadores da Seleção Brasileira Olímpica entraram em campo para o treino da manhã de sexta-feira na Gávea, sede do Flamengo, no Rio de Janeiro. Após a atividade que visa à preparação para os Jogos de Londres, Pato, Neymar e Ganso elogiaram o clima e a estrutura do CT rubro-negro.

- O clima é muito bom, gostoso para treinar. Ouvir as meninas gritando é muito bom (risos). Nos atenderam super bem. Agora, estou indo para a banheira que está quentinha me esperando - disse Ganso ao fim do treino, em entrevista à TV Fla.

Neymar acompanhou o companheiro de Santos e aprovou as instalações na Gávea, cujos vestiários passaram por uma reforma para receber a Seleção.

- É um carinho enorme. Estou muito feliz por ter sido tratado bem, apesar de ser de outra equipe. O vestiário está muito bom, vou para lá fazer companhia para ele (Ganso) - brincou o camisa 11.

Acostumado com as cores vermelha e preta do Milan, Pato disse que se sentiu em casa na Gávea.

- É uma estrutura maravilhosa, agora a gente só tem que fazer o nosso trabalho. O campo está muito bom, vestiário, tudo 100% do jeito que a gente gostaria e em condições para a gente treinar e trazer a medalha de ouro. A torcida gritando dá algo a mais - concluiu.

Nos Jogos de Londres, o Brasil estreia em 26 de julho contra o Egito, em Cardiff (País de Gales). Três dias depois, enfrenta a Bielorrússia, em Manchester. O último jogo da primeira fase é contra a Nova Zelândia, em Newcastle, em 1º de agosto. Se avançar em primeiro lugar, o time canarinho enfrentará nas quartas de final o segundo colocado do Grupo D, que tem Espanha, Japão, Honduras e Marrocos. Se ficar na segunda posição, a Seleção pegará o líder da chave D.



Acolhida rubro-negra: Fla se apronta para pegar o Bahia na casa do Vitória


O vermelho e o preto deixaram o ambiente familiar. Na véspera da partida contra o Bahia, o Flamengo realizou o último treino antes do confronto na casa do Vitória, o maior rival do Tricolor. Na manhã deste sábado, o grupo rubro-negro trabalhou no estádio Barradão. Os jogadores fizeram um trabalho leve, mas sob sol forte. Primeiro, disputaram um rachão. Em seguida, o técnico Joel Santana treinou a bola parada. Renato e Adryan revezavam nas cobranças para a área, e zagueiros e atacantes concluíam. Na última parte da atividade, Devid, Renato, Ibson e Adryan treinaram pênaltis.

adryan flamengo treino ninho do urubu (Foto: Richard Souza / Globoesporte.com) 
Titular, Adryan treinou também cobranças de faltas (Foto: Richard Souza / Globoesporte.com)

A escalação do Flamengo está definida desde a saída do time do Rio. Joel vai escalar o garoto Adryan, de 17 anos, entre os titulares. Ele e Mattheus, que tem 18, foram os mais assediados na chegada da equipe à Boa Terra. A torcida também compareceu ao treino. Cerca de 50 pessoas acompanharam o trabalho dos atletas à distância. No caminho do vestiário para o ônibus, os jogadores pararam para distribuir autógrafos e posar para fotos. O goleiro Felipe estava em casa. Ele foi revelado na base do Vitória e foi muito festejado pelos conterrâneos.

felipe flamengo treino  (Foto: Richard Souza / Globoesporte.com) 
Ex-Vitória, Felipe se sentiu em casa no treino deste sábado (Foto: Richard Souza / Globoesporte.com)

Joel vai mandar a campo o time com Paulo Victor, Luiz Antonio, Arthur Sanches, Marllon e Ramon; Airton, Ibson, Renato e Adryan; Deivid e Hernane.

Bahia e Flamengo jogam às 16h (de Brasília), no estádio Pituaçu.




Bruno Gissoni declara amor ao Flamengo


Foto: Fernando Azevedo / Fla ImagemO ator Bruno Gissoni é o mais novo sócio do Flamengo. O jovem, de 25 anos, que interpreta o personagem Iran, na novela Avenida Brasil, da Rede Globo, esteve na sede da Gávea na tarde desta sexta-feira, foi a secretaria do clube, fez carteirinha e agora já é sócio do clube.

"Sempre fui apaixonado pelo Flamengo. Vou aos jogos, acompanho e torço por todas as modalidades. Quero poder, de alguma forma, ajudar o clube. Sei que estão fazendo um bom trabalho, mas estou a disposição para o que for necessário", disse Bruno. 



Uma ausência e uma estreia: sem Love, Fla terá Ramon contra o Bahia


Joel treino flamengo (Foto: Maurício Val / VIPCOMM) Pela primeira vez nesta edição do Campeonato Brasileiro, o Flamengo não terá Vagner Love na linha de frente. O atacante recebeu o terceiro cartão amarelo no Fla-Flu da oitava rodada e vai cumprir suspensão contra o Bahia, neste domingo. As equipes se enfrentam no estádio Pituaçu, em Salvador, às 16h. Love é o goleador do time na temporada, com 15 gols. No Brasileirão, fez quatro, mas não marca há quatros partidas, o maior jejum dele com a camisa rubro-negra. Joel Santana lamenta a ausência do seu principal jogador e torce para que a opção por Hernane funcione.

- Love é um goleador, nosso ponto de referência. Ele fica melhor adaptado jogando de costas. É um jogador que além de saber jogar de costas tem que ter mobilidade para trabalhar com o jogador que ele chama. É uma perda enorme ficar sem um centroavante da competência dele. Mas um dia ia acontecer. Vou com o Hernane, ia treinar mais uma mexida, mas procurei não mexer tanto no último treinamento porque a coisa estava saindo do jeito que eu queria. Espero que dê certo.

A primeira vez sem Love será a primeira com Ramon. O lateral-esquerdo, de 24 anos, chegou na última quarta-feira e vai para o jogo. Ele foi contratado junto ao Corinthians por empréstimo de um ano e meio. Magal perde o posto na equipe titular. O camisa 6 deixou boa impressão nos primeiros dias de Flamengo e ouviu um recado de Joel.

- Ramon é agressivo, de um estilo moderno. Já tinha sido procurado há muito tempo, mas a gente não soltou. Espero muito dele, tem tudo para dar certo no Flamengo. Já chegou sabendo o que quer, que é uma proposta. Ele vem de três times grandes (Inter, vasco e Corinthians), está na hora de parar em um e dizer que aquele lugar é dele. Acho que ele tem qualidade e condições. Tecnicamente é muito bom, experiente, eu acho que tem tudo para ajudar. Imagina ter ele de um lado e o Léo (Moura) de outro. Com dois laterais de qualidade, você tem 30, 40% de encaixe.

A dupla só poderá estar junta na 11ª rodada, contra o Cruzeiro. Recuperado de uma lesão muscular, Léo Moura está em fase final de recuperação física e deve voltar na quarta-feira, contra o Corinthians, no Engenhão. Como pertence ao clube paulista, Ramon não poderá participar deste jogo.

O Flamengo vai enfrentar o Bahia com a seguinte escalação: Paulo Victor, Luiz Antonio, Arthur Sanches, Marllon e Ramon; Airton, Ibson, Renato e Adryan; Deivid e Hernane.







Experiência pesou para Deivid ganhar chance no Flamengo

Sem Vagner Love, suspenso com três cartões amarelos, Joel Santana optou por formar o ataque do Flamengo com Hernane e Deivid, domingo, contra o Bahia, em Pituaçu. E o que pesou na escolha do segundo para o técnico foi a experiência, mesmo sem saber se ele conseguirá aguentar toda a partida.

- Eu vou com Hernane e o Deivid, que é um jogador experiente. O time é esse aí. Não sei se o Deivid vai aguentar o tempo todo na Bahia. Deve estar muito quente, mas vamos ver - disse ao site oficial do Flamengo.

Com a entrada de Deivid, Diego Maurício, até então titular, irá para o banco de reservas.

O Flamengo deve ir a campo com: Paulo Victor, Luiz Antonio, Marllon, Arthur Sanches e Ramon; Aírton, Renato, Ibson e Adryan; Deivid e Hernane.


sexta-feira, 13 de julho de 2012

Seleção estreia vestiário da Gávea reformado para receber Neymar & cia.


Novos vestiários da Gávea (Foto: Felippe Costa / Globoesporte.com)
A diretoria do Flamengo aproveitou os treinos da seleção brasileira para reformar o vestiário principal da Gávea. Com auxílio financeiro da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), o clube finalizou os trabalhos e recebeu, na tarde desta sexta-feira, o time de Mano Menezes, que buscará o ouro inédito nas Olimpíadas de Londres.

Todos os armários foram modificados. Além disso, o vestiário ganhou quatro novas banheiras de hidromassagem, sendo que uma delas comporta até três pessoas. Os chuveiros também são todos novos.

A seleção brasileira volta a treinar na Gávea neste sábado. O time embarca para a Inglaterra na próxima segunda-feira.

Novos vestiários da Gávea (Foto: Felippe Costa / Globoesporte.com) 
As novas instalações do vestiário da Gávea (Foto: Felippe Costa / Globoesporte.com)

Novos vestiários da Gávea (Foto: Felippe Costa / Globoesporte.com) 
Vestiário passou por uma reforma geral (Foto: Felippe Costa / Globoesporte.com)

Novos vestiários da Gávea (Foto: Felippe Costa / Globoesporte.com) 
Vestiário tem novas banheiras de hidromassagem (Foto: Felippe Costa / Globoesporte.com)

Novinhos roubam a cena e causam euforia na chegada do Fla a Salvador


Saem Ronaldinho Gaúcho e Thiago Neves, entram Adryan e Mattheus. Há pouco mais de um ano, o Flamengo chegava a Salvador para enfrentar o Bahia e provocava euforia. Com seus dois principais jogadores, a delegação atraiu centenas de torcedores ao desembarque no Aeroporto Internacional Deputado Luís Eduardo Magalhães. Nesta sexta-feira, o Rubro-Negro retornou à capital baiana para um novo confronto com o Tricolor e novamente teve recepção calorosa. O público foi menor, cerca de 100 pessoas, mas muito acolhedor. Os garotos foram os que mais receberam carinho. Não fossem os seguranças, eles teriam demorado muito mais tempo para cruzar o saguão até o ônibus. Já dentro do veículo, Adryan, de 17 anos, e Mattheus, de 18, acenaram e posaram para fotos.

torcida no desembarque do Flamengo na Bahia (Foto: Richard Souza / Globoesporte.com) 
Torcida do Flamengo faz a festa no desembarque em Salvador (Foto: Richard Souza / Globoesporte.com)

Outros jogadores também foram muito festejados. Entre abraços, o volante Ibson, o goleiro Felipe, que é baiano, e o atacante Deivid pararam rapidamente para distribuir autógrafos. O técnico Joel Santana, que comandou o Bahia no ano passado e no início desta temporada, foi o único a falar com a imprensa. O desembarque ocorreu pouco antes das 18h. Do aeroporto, o ônibus com a equipe partiu direto para o hotel em que o time ficará concentrado, na Praia de Stella Maris.

Adryan e Mattheus no desembarque do Flamengo na Bahia (Foto: Richard Souza / Globoesporte.com) 
Adryan e Mattheus: garotos sentam-se lado a lado (Foto: Richard Souza / Globoesporte.com)

Na manhã deste sábado, Joel vai comandar o último treino. O grupo rubro-negro vai trabalhar no estádio Barradão, casa do Vitória.

Renato Abreu no desembarque do Flamengo na Bahia (Foto: Richard Souza / Globoesporte.com) 
Renato distribui autógrafos aos torcedores (Foto: Richard Souza / Globoesporte.com)

Flamengo e Bahia se enfrentam no domingo, às 16h (de Brasília), em Pituaçu, pela nona rodada do Brasileirão.





Registrado na CBF, Ramon estreará pelo Flamengo


Ramon - BID - Flamengo
O nome de Ramon já aparece no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF e já está regularizado para estrear pelo Flamengo na partida contra o Bahia, neste domingo, às 16h, no estádio do Pituaçu. O lateral-esquerdo esteve no time titular no treino tático de quinta-feira e no coletivo desta sexta-feira, mostrando disposição nas duas atividades.

O Flamengo conseguiu a contratação de Ramon por empréstimo até o fim de 2013. O contrato do jogador entrou em vigor no dia 10 de julho e só termina no dia 31 de dezembro do ano que vem. Jogador ocupará a vaga de Magal, muito criticado durante as partidas.




Patricia Amorim aproveita treino da Seleção na Gávea e 'tieta' Neymar

A presidente do Flamengo, Patrícia Amorim, deixou a rivalidade entre clubes de lado nesta sexta-feira e aproveitou o treino da Seleção na Gávea para apresentar os filhos Leonardo, Ricardo e Daniel ao craque Neymar: com ajuda da dirigente, as crianças pegaram um autógrafo do atacante em uma camisa do Santos.

Patrícia acompanhou o treino ao lado de Andrés Sanches, atual diretor de Seleções da CBF e ex-presidente do Corinthians. Após o término da atividade comandada por Mano Menezes, a dirigente também tirou fotos com alguns jogadores, como Alexandre Pato, e pediu assinaturas dos atletas na camisa da Seleção.

A equipe de Mano volta a treinar na Gávea na manhã de sábado. No mesmo dia, à tarde, a equipe trabalhará na Escola de Educação Física do Exército, na Urca. No domingo, o time volta a treinar na Urca. A delegação embarca na segunda para Londres para a disputa das Olimpíadas.

A estreia nos Jogos será dia 26 contra o Egito, em Cardiff, no País de Gales. Porém, a Seleção fará um amistoso antes, dia 20, contra a Grã-Bretanha, em Middlesbrough.

Patrícia Amorim com Neymar durante o treino da Seleção na Gávea (Foto: Felippe Costa / Globoesporte.com) 
Neymar autografa camisa do Santos para Patrícia Amorim e seus três filhos no gramado da Gávea após o treino da Seleção para as Olimpíadas (Foto: Felippe Costa / Globoesporte.com)
 
 
 

Após papo no café da manhã, Joel elogia Adriano: 'Vale a pena apostar'


A segunda cirurgia no tendão de Aquiles do pé esquerdo de Adriano completa três meses nesta sexta-feira. Na última terça, o Imperador fez um trabalho com bola no Ninho do Urubu e deu mais um passo na recuperação. Desde o início de junho, ele tem profissionais do Flamengo à disposição para acampanhá-lo no processo, que é coordenado pelo médico José Luiz Runco, e utiliza as instalações do CT. Não há vínculo entre as partes.

Adriano treino Flamengo (Foto: Cezar Loureiro / Agência O Globo) 
Adriano caminha no Ninho do Urubu, nesta sexta-feira (Foto: Cezar Loureiro / Agência O Globo)

Nesta sexta, Joel Santana encontrou o Imperador no Ninho. O treinador tem acompanhado o trabalho de Adriano de perto e tem gostado do que vê. Apesar de o atacante ainda não ter uma previsão para voltar a jogar, o técnico acredita que a iniciativa do clube é válida.

- Conversei com ele no café da manhã e estamos mostrando para ele a nossa esperança no trabalho dele. Ele está vindo fazer a programação estabelecida. Vamos torcer. É um ganho. Vale a pena apostar. Vale a pena – disse Joel.

Depois que Adriano faltou a algumas sessões de fisioterapia, o diretor de futebol Zinho chamou o jogador para uma conversa franca. Estabeleceu o dia 1º de agosto para que ele apresente uma evolução física. Segundo Runco, a recuperação tem ocorrido de maneira satisfatória, mas o atacante precisa manter o ritmo de trabalho e de comprometimento. Além de treinar no Ninho, o Imperador realiza treinos em academia. Nesta quinta-feira, ele trabalhou na praia. Sempre acompanhado de um profissional do Flamengo.




Empresário revela que rescisão de Juan com o Roma é iminente



juan roma (Foto: Reprodução/Facebook) De acordo com Michele Gerbino, empresário do zagueiro Juan, a saída do jogador revelado pelo Flamengo do Roma deve ser concretizada nos próximos dias. Em entrevista ao portal “Romanews”, o agente disse que a rescisão pode acontecer assim que a equipe voltar da pré-temporada que realiza no interior da Itália.

- Existe a possibilidade iminente da saída do Juan. Vamos ver nos próximos dias – afirmou Gerbino, lembrando que a delegação do Roma (incluindo Juan) retorna à capital na próxima terça-feira.

Segundo o empresário, duas propostas pelo jogador já foram feitas. Ele preferiu não revelar os clubes, mas especula-se que Internacional e Flamengo sejam os interessados. Corinthians também estaria de olho.

- Não posso dizer qual será o seu destino. Assim que acontecer a rescisão, será só questão de escolher o melhor para Juan – salientou Gerbino.

Aos 33 anos, Juan chegou ao Roma em 2007 depois de passar pelo Bayer Leverkusen, clube alemão que abriu as portas ao ex-zagueiro do Fla no futebol europeu em 2002.
 
 

'Coração passou no teste', diz Renato Abreu após pega de Stock com Ibson


Antes dos primeiros treinos para a sexta etapa da temporada 2012 da Stock Car, os pilotos Átila Abreu e Nonô Figueiredo deram algumas voltas pela pista de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro. Mas a dupla da equipe AMG não acelerou visando acertar seus carros para a prova, e sim para proporcionar uma experiência inesquecível aos jogadores Ibson e Renato Abreu, do Flamengo. De carona com os pilotos, os atletas sentiram a força do motor e das frenagens de um Stock, terminando a brincadeira com um “pega” entre os dois carros (assista no vídeo ao lado). Um teste e tanto para Renato, que foi submetido em março a uma cirurgia no coração, para corrigir uma arritmia. Para medir o grau de emoção, os dois instalaram um frequencímetro para aferir o número de batimentos cardíacos por minuto.

Stock Car - Átila Abreu veste a camisa do Flamengo presenteada pelo jogador Renato Abreu (Foto: Felipe Siqueira / GLOBOESPORTE.COM)
- Depois desse susto aí, dessa adrenalina emocionante, o coração passou no teste, né? Ano passado andei com o Thiago Camilo, foi uma adrenalina tremenda, mas não foi tanto quanto essa. Hoje foi diferente, foram dois carros disputando uma brincadeira legal e deu para sentir a adrenalina, um ultrapassando o outro, foi emocionante. Fizemos uma dupla legal, dos Abreu. Foi uma corrida legal, prazerosa – disse o jogador, que foi de carona no carro 51 do “xará” Átila Abreu.

Estreante no quesito velocidade, Ibson comparou a experiência num Stock à sua estreia pelo time rubro-negro no lendário estádio do Maracanã – atualmente em reformas para receber os jogos da Copa do Mundo de 2014 – e também no Engenhão, que foi palco do Fla x Flu centenário no último domingo, vencido pelo tricolor.

- É uma sensação muito boa. Para eu que sou fã de velocidade, foi muito gostoso, muito bacana. É igual quando a gente entra no Maracanã, no Engenhão lotado, dá aquele friozinho na barriga, mas depois que você entra, você se acostuma com aquilo. E é claro que essa aqui também vai ficar marcada, não vou esquecer nunca mais. Espero que eu possa fazer isso mais vezes – torce o camisa 7 do Flamengo.

Para os pilotos, a melhor parte da brincadeira foi a minicorrida. Após os dois darem voltas rápidas separadamente, os carros voltaram à pista andando lado a lado, terminando praticamente empatados na linha de chegada.

Stock Car - Ibson, jogador do Flamengo, dentro do carro de Nonô Figueiredo (Foto: Alexander Grünwald / GLOBOESPORTE.COM) 
Ibson, do Flamengo, dentro do carro de Nonô Figueiredo (Foto: Alexander Grünwald / GLOBOESPORTE.COM)
 
- Fizemos o que estamos acostumados a fazer. Pra eles deve ter sido uma experiência única. Não é só a velocidade, é todo contexto: estar dentro do carro, em uma pista, os carros muito próximos, freando muito próximos, e que entram na curva mais rápido do que eles estão acostumados. Tenho certeza que foi uma situação muito diferente de tudo que eles viveram até hoje – garante Nonô, o piloto com maior número de largadas do atual grid.

Craque nas pistas, Átila ressalta que o futebol não é exatamente o seu forte. O grandalhão, que frequentemente é confundido com um jogador de basquete, diz que aproveita a altura para se arriscar na defesa.

- Sou um “bom” zagueiro. Aquele zagueirão que é sempre o último a ser escolhido, sabe? Acho que sou melhor no volante, eu me garanto mais. Já a posição do Nonô é atrás da bola: aonde a bola vai, ele vai atrás – brinca o competidor, que ganhou uma camisa autografada pelos jogadores.

Stock Car - Átila Abreu e Nonô Figueiredo apostam uma minicorrida levando de carona os jogadores Renato Abreu e Ibson, do Flamengo (Foto: Felipe Siqueira / GLOBOESPORTE.COM) 
Átila e Nonô apostam uma corrida com os jogadores nos carros (Foto: Felipe Siqueira / GLOBOESPORTE.COM)
 
Quase tão alto quanto Átila Abreu (o que rendeu brincadeiras quanto às canelas de fora quando vestiu o macacão), Renato também está concentrado para mais um desafio no domingo. Enquanto os pilotos vão disputar a prova no Rio de Janeiro, com largada prevista para as 9h30 da manhã, os jogadores vão até Pituaçu para enfrentar o Bahia. A partida será às 16h.

- A intenção é dar uma arrancada que nem essa no Brasileiro também. Poder crescer cada vez mais na competição. A gente sabe da nossa capacidade, sabe que o grupo pode render. Para quem quer buscar o título, o topo da tabela. Temos um jogo importante fora de casa, o Bahia tem nosso respeito, mas vamos em busca da vitória lá – frisa o camisa 11 do time rubro-negro.


Disposto a jogar no Brasil, Riquelme vai dar coletiva de despedida no Boca


Riquelme Boca Juniors arquivo (Foto: Reuters) 
O Boca Juniors inicia na próxima segunda-feira a sua pré-temporada na Casa Amarilla, centro de treinamentos do clube. E com Riquelme. Mas, para tristeza da torcida xeneize, o camisa 10 não vai trabalhar com o restante do grupo, mas, sim, dar uma coletiva de despedida do clube.

Segundo a imprensa argentina, o veterano craque argentino, de 34 anos, pode até anunciar o seu destino, que, de acordo com o jornal “Olé”, seria um clube brasileiro. O jogador já recebeu várias propostas de clubes dos EUA, China e Oriente Médio, mas prefere atuar em algum time do país vizinho.

Os dirigentes do Boca Juniors veem com bons olhos a saída de Riquelme para um clube estrangeiro, por temer que ele reforçasse algum rival na Argentina. 

Segundo especulações na mídia portenha, Grêmio, Flamengo e Cruzeiro estariam interesssados no ex-camisa 10 xeneize.

A coisa maldita ''vasco'' é relacionado à palavra ‘vice’ na página do Google Maps

Chamado de “vice” pelos rivais, o vasco viu a gozação chegar ao Google Maps nesta semana. Ao digitar a palavra, o primeiro direcionamento leva o internauta para o endereço do estádio de São Januário no site. Isso porque no mapa, ao lado do nome do Club de Regatas Vasco da Gama – localizado no centro do gramado do galinheiro -, há a palavra “vice” escrita entre parênteses e com letras maiúsculas. Confira a reprodução.

Até as 12h30m desta sexta-feira, o Google não havia retirado a provocação do ar. Procurando por vasco, São Januário, pelo endereço do estádio ou por “vice”, qualquer internauta pode conferir a “brincadeira”.

Através do seu vice-presidente jurídico, Aníbal Rouxinol, a coisa maldita ''vasco'',  diz que vai levar o assunto à Justiça.

- Já fui avisado do ocorrido, vou analisar com calma, mas já adianto que se for comprovado, o vasco vai entrar com uma ação – afirmou Rouxinol.

Zinho confirma recusa do Wolfsburg a emprestar o meia Diego ao Flamengo


Zinho e Joel durante treino do Flamengo (Foto: Cezar Loureiro / Agencia O Globo) O Flamengo recebeu durante a manhã desta sexta-feira, de forma oficial, a resposta negativa do Wolfsburg à proposta de empréstimo do meia Diego.

- A resposta foi negativa - limitou-se a dizer Zinho, por meio da assessoria de imprensa do Flamengo.

O jogador, de 27 anos, era o plano A de Zinho e Michel Levy, diretor de futebol e vice de finanças, respectivamente. A dupla elaborou uma engenharia financeira, suportou a pressão interna contrária ao negócio, mas não conseguiu convencer o clube do jogador.

No primeiro contato com o Wolfsburg, o Flamengo se comprometeu a pagar ao jogador R$ 500 mil de salário por um ano, num total de R$ 6 milhões. A pedido de Zinho, o vice de finanças rubro-negro viajou à Alemanha na semana passada para articular as tratativas. No encontro, surgiu uma nova possibilidade. A Volkswagen, acionista do clube alemão, arcaria com a outra metade do salário do meia e investiria R$ 7,5 milhões. Em contrapartida, estamparia sua marca no espaço nobre da camisa do Flamengo pelo período de um ano. Ao fim do contrato, uma nova negociação com a empresa discutiria valores para a prorrogação do vínculo.

Durante a tentativa do Flamengo de contratar Diego, o nome de Riquelme ganhou força nos bastidores. Nesta semana, o camisa 10 e seu empresário comunicaram ao Boca Juniors que ele não continuaria no clube e interromperia o contrato, que vai até 2014. Na Gávea, os que criticavam o custo da contratação de Diego eram os principais incentivadores do acerto com Riquelme. A direção ficou dividida, mas a preferência de Zinho prevaleceu.

Agora, após o "não" do Wolfsburg, o Fla pode ficar sem um reforço para a posição, a mais carente do grupo de Joel Santana. A janela de transferências internacionais vai ser fechada dentro de uma semana, no dia 20. Apesar de elogiar e reconhecer o telento de Riquelme, que tem 34 anos, Zinho acha que o argentino não se enquadra nas caracteríticas que o clube procura. A personalidade forte e o estilo contestador também preocupam.


Joel repete time em coletivo e confirma escalação contra o Bahia



Preparando o Flamengo para o jogo contra o Bahia, o técnico Joel Santana comandou um coletivo na manhã desta sexta-feira, no Ninho do Urubu, e deu indícios do time que começará jogando domingo, às 16h, em Pituaçu. O treinador repetiu a equipe que treinou nessa quinta-feira, com Ramon na lateral esquerda, Adryan no meio-campo e Deivid no ataque. A atividade foi aberta aos jornalistas cerca de uma hora após o início. Suspensos, Vagner Love e Bottinelli treinaram entre os reservas. Vetado, González não participou da movimentação. Hernane e Adryan marcaram para os titulares.

Mais tarde, na coletiva, Joel confirmou o Flamengo com: Paulo Victor, Luiz Antonio, Marllon, Arthur Sanches e Ramon; Airton, Ibson, Renato e Adryan; Deivid e Hernane. Assim, o jogo com o Bahia marcará o retorno de Deivid ao time após um mês.


Deivid treino Flamengo (Foto: Richard de Souza / globoesporte.com) 
Deivid volta a ser titular do Flamengo após um mês (Foto: Richard de Souza / globoesporte.com)

- Vou com Hernane na frente, Deivid um jogador que vai mais perto dele. O time é esse aí. Não sei se o Deivid vai aguentar o tempo todo, na Bahia é muito quente. Vamos ver o Ramon, que jogou lá no Recife também - disse o treinador, justificando a saída de Diego Maurício:

- Achei que ele não foi bem no Fla-Flu. Foi isso. Achei que podia render mais, ele tem condição de render muito mais. Optei pelo Deivid, que vem de trás bem, e coloquei junto do Adryan.

Bastante participativo, Joel falava com o grupo a todo momento durante o treino. O técnico reclamou com Deivid, chamado de "Lindo" pelo grupo, após um lance perdido, e com Luiz Antonio após falta em Vagner Love:

- Se fizer isso no jogo é pênalti.

Cáceres segue em preparação física visando o jogo contra o Corinthians, quarta-feira, no Engenhão. A partida pela décima rodada também pode marcar o retorno de Léo Moura, que, nesta sexta-feira, trabalhou no campo 2 do CT com outros jogadores que não participaram do coletivo.

Confirmado por Joel como titular, Ramon ainda vive a expectativa de ter seu nome publicado no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF até o fim desta sexta-feira. Caso contrário, ele não poderá ser escalado.

Adriano, que na quinta-feira treinou na praia, esteve no Ninho do Urubu nesta sexta-feira.





Marcelinho do Flamengo, comemora Olimpíada aos 37 anos: 'No estourar do cronômetro


 Aos 37 anos, 15 deles dedicados à seleção, ele terá a primeira chance de disputar as Olimpíadas. E não se trata de um esporte de pouca tradição no Brasil, mas sim do basquete. Um dos homens de confiança do técnico Rubén Magnano, o ala-armador Marcelinho Machado parecia um garoto quando falou "SporTV News" sobre a expectativa para chegar aos Jogos de Londres em busca de medalha.

- Estou muito feliz de poder jogar uma Olimpíada no estourar do cronômetro. Buscamos isso por muito tempo e agora chegamos com condições de brigar por medalha. Sabemos que o basquete brasileiro é muito vitorioso no passado e criou-se essa lacuna. Acho que é importante voltar de maneira positiva – disse, destacando a participação do técnico Rubén Magnano na classificação.

- Nesses últimos dois anos, com o Magnano, nossos treinamentos foram intensos. Na conquista da vaga, em 2011, ficamos dois meses treinando diariamente e deu resultado. Esse é o caminho. Para todos vai ser a primeira Olimpíada, estamos na mesma pegada.



Ala-armador da seleção Marcelinho Machado (Foto: Gaspar Nóbrega/Inovafoto/CBB)
A distância da família é a primeira dificuldade. Mas Marcelinho lembra que escolheu o basquete como profissão e, apesar da cobrança do filho, diminui a saudade com a ajuda da esposa.

- É muito difícil ficar longe, principalmente quando o filho é pequeno, que não entende. Fica um questionamento natural da criança, a saudade e a gente fica também, querendo estar junto. Mas nessa hora o que pesa mais é o que a gente se propõe a fazer, é minha profissão, quero estar entre os melhores. Minha esposa entende muito bem, sempre que pode leva o Gustavo aos treinamentos, vai nas competições. A distância diminui, por mais que o contato seja rápido.



Fla adia estreia, e Cáceres será preparado para pegar o Corinthians


caceres treina normalmente (Foto: Janir Junior / Globoesporte.com) A estreia de Victor Cáceres foi adiada pela comissão técnica do Flamengo. Como o jogador ficou 12 dias sem treinar, a equipe de Joel Santana optou por aproveitar o fim de semana para prepará-lo para o jogo da próxima quarta-feira, contra o Corinthians, no Engenhão, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro.

O volante paraguaio retornou de Assunção na quarta-feira passada depois de regularizar o visto de trabalho, fez um treino na academia na parte da tarde e começou uma preparação física para realizar o primeiro jogo. Ele ficará no Rio e não vai enfrentar o Bahia neste domingo, em Salvador, pela nona rodada. Nesta sexta-feira, vai treinar em dois períodos. O primeiro treino com bola do paraguaio será no sábado, dia em que ele vai trabalhar só em um turno, assim como no domingo. Na segunda-feira, fará um treino na parte da tarde.

- Cáceres está muito bem fisicamente. Treinou quinta em dois períodos, vai repetir o treinamento nesta sexta e no sábado começa a treinar com bola. É um jogador muito forte e me impressionou pela capacidade física – disse o preparador Ronaldo Torres.

Bahia e Flamengo jogam às 16h, em Pituaçu. Na quarta, Flamengo e Corinthians vão se enfrentar às 21h50m, no Rio.


quinta-feira, 12 de julho de 2012

Globo antecipa renovação e clubes recebem bônus milionário

Em negociações há mais de duas semanas com os 12 principais clubes do Brasil, a TV Globo articulou a prorrogação do contrato de transmissão do Campeonato Brasileiro por mais dois anos. E a assinatura até 2017 renderá a cada um, à título de bonificação, R$ 30 milhões.

Os quatro do Rio de Janeiro, mais os quatro de São Paulo e o Atlético-MG já aceitaram a proposta e a previsão de recebimento das luvas é já para a próxima semana.

O Flamengo foi um dos últimos a acertar os detalhes de seu acordo na segunda-feira após uma reunião de um diretor da alta cúpula na sede da emissora.

As conversas tiveram início após assembleia da CBF realizada no dia 29 de junho na sede da instituição, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Marcelo Campos Pinto, diretor da Globo Esporte, estava presente no encontro.

Depois da reunião, enquanto José Maria Marin, presidente da CBF, e Marco Paulo Del Nero, vice, davam coletiva, o executivo se reuniu com o presidente do Internacional, Giovanni Luiggi. O primeiro contato com os demais presidentes de clubes sobre este assunto também aconteceu nesse mesmo dia.

A TV Globo também se já mexe nos bastidores, visando a renovação dos contratos dos Estaduais. Os contratos pela transmissão dos Campeonatos locais do Rio de Janeiro e São Paulo, por exemplo, terminam em 2015. A emissora teme o avanço da Fox sobre as competições nacionais. Essa intenção já foi, inclusive, tornada pública pelo presidente da empresa no Brasil recentemente.

Formatos

Clube dos 13

Até o ano passado, os contratos de transmissão do Campeonato Brasileiro eram intermediados pelo Clube dos 13. Depois de um longo processo no Cade, que resultou numa licitação fracassada do C13, os clubes passaram a negociar diretamente com a TV Globo. Na época, a Record chegou a fazer ofertas aos clubes, que alegaram know-how e visibilidade para os patrocinadores maior com a emissora carioca.

Direto

O primeiro a assinar com a Globo foi o Grêmio. Todos os contratos originais iam até 2015, um ano a mais do que costumava ser. Até 2011, os acordos eram por três anos. Além do prazo, a Globo também acabou com a divisão de cinco clubes que ganhavam mais - Flamengo, Corinthians, vasco, Palmeiras e São Paulo. Hoje, é o Flamengo quem recebe mais, seguido de perto pelo Corinthians.


Com dois dias de Flamengo, Ramon diz que está pronto para ser titular



Na quarta-feira Ramon foi apresentado pelo Flamengo, recebeu a camisa 6 e já foi a campo treinar. Emprestado até o fim de 2013 pelo Corinthians, o lateral-esquerdo diz que chegar à Gávea para ser titular e já se vê adaptado ao time de Joel Santana.

- Estou pronto, eu vinha jogando. Estou com uma condição física muito boa. Minha vontade é de jogar, ser titular (...) Estou preparado para assumir a camisa 6 e não sair mais. Estou muito feliz de ter vindo. Já me adaptei, o entrosamento não é 100%. Mas, a vontade e o querer jogar faz com que eu supere tudo isso - destacou Ramon no "Arena" desta quinta-feira.

Após se destacar pelo Vasco em 2009, Ramon esteve no Corinthians na última temporada. Mas, sem grandes oportunidades no time de Tite, resolveu aceitar a proposta do Flamengo.

- O Fábio Santos não deu brecha para que eu tivesse uma sequencia (...) Estou com 24 anos, não sou um jogador jovem e também não sou experiente, estou na fase em que eu preciso de rodagem para que eu possa mostrar meu futebol e alcançar os objetivos que eu tracei para a minha carreira - complementou.

Aproveitado regularmente pelo Corinthians, Ramon só precisa esperar sua situação se regularizar na CBF para poder estrear pelo Flamengo.

- Estou pronto (para jogar contra o Bahia). A minha vontade de jogar e ser titular depois de um ano, supera a falta de entrosamento.

 
ramon flamengo (Foto: Maurício Val/VIPCOMM) 
Ramon com a camisa 6 do Flamengo (Foto: Maurício Val/VIPCOMM)
 
 
 

Negociação de Juan está perto de ser finalizada



Juan - Roma (Foto: Massimo Cebrelli/Getty Images)A demorada negociação do Flamengo com o zagueiro Juan está bem perto de ser finalizada. O jogador recuou depois de fazer uma alta pedida e aceitou uma redução dos valores que havia exigido para encaminhar seu retorno ao Rubro-Negro. O próprio defensor ligou para dirigentes do Fla para retomar as conversas que avançaram nos últimos dias.

Enquanto negocia paralelamente com Diego, a cúpula de futebol nomeou o vice jurídico Rafael de Piro como o interlocutor na negociação. Ele é amigo de infância de Juan e, no ano passado, também participou das conversas para contratar o jogador. O LANCENET entrou em contato com Rafael de Piro e ele desconversou.

- Não estou sabendo disso. Na verdade eu estou em Porto Alegre - disse.

A diretoria trata a negociação sob sigilo porque pretende anunciar os acertos com Juan e Diego nos próximos dias.

Juan tem contrato com a Roma até 2013, mas sua saída do clube italiano não seria um empecilho para que ele voltasse ao Brasil. Na outra vez que o Flamengo fez contato o zagueiro, ele avisou que nesta janela de transferências seria mais fácil a liberação.


Camisa 10 do Botafogo, Seedorf já declarou torcida pelo Flamengo

Seedorf acabou de acertar com o Botafogo, mas sua relação com o Brasil é antiga. Casado com uma brasileira e fluente na língua portuguesa, ele já falava de sua paixão pelo país em 2009. No entanto, matéria publicada pelo GLOBOESPORTE.COM na ocasião mostra que o coração do holandês tinha cores bem diferente das alvinegras… 

- Conheço bem o Brasil, principalmente o Rio de Janeiro. Nunca disse que jogaria por um clube brasileiro, mas torço sim pelo Flamengo. Esse é o meu time no Brasil – declarou o jogador há três anos.



Confira a matéria de 2009 na íntegra


Seedorf declara seu amor ao Flamengo



Marcelo Benevides/aCalma torcedor rubro-negro. Esta não é uma notícia de uma provável transação envolvendo o Flamengo e o meia holandês, Clarence Seedorf. Em pleno vapor na pré-temporada de seu clube, o Milan, nos Estados Unidos, o craque revelou ter um clube de coração no Brasil. No entanto, deixou claro que isso não significa uma transferência no futuro.

- Conheço bem o Brasil, principalmente o Rio de Janeiro. Nunca disse que jogaria por um clube brasileiro, mas torço sim pelo Flamengo. Esse é o meu time no Brasil - declarou ele, sorridente.

Esbanjando simpatia, o jogador distribuiu autógrafos, mesmo na zona mista, e foi bem atencioso com a imprensa que cobria o treinamento do Milan, no Gillette Stadium, no último sábado. Os profissionais presentes ainda puderam optar por qual língua entrevistá-lo, já que Seedorf fala fluentemente italiano, espanhol, inglês e português, claro. Daí, sua paixão pelo Brasil.







TRE mantém mandato de Patricia Amorim


Na tarde de hoje, o TRE-RJ deciciu em julgamento manter o mandato de vereadora de Patricia Amorim, presidente do Flamengo. Amorim trocou o PSDB pelo PMDB no final de 2011 e o antigo partido moveu um processo contra ela requerendo o mandato, com base na lei de fidelidade partidária. Porém, hoje o TRE, por maioria, deu ganho de causa a Amorim. A presidente do Flamengo vai concorrer pela quarta vez este ano a uma cadeira na Câmara de Vereadores do Rio de Janeiro, dessa vez pelo PMDB.


No ‘susto’, Adryan sai da base e briga por vaga de titular do Flamengo


Faz tempo que torcedores do Flamengo querem ver Adryan no time titular. Principalmente depois das partidas contra Atlético-GO e Fluminense. A chance do garoto de 17 anos se aproxima e pode ocorrer no domingo, contra o Bahia, na nona rodada do Brasileirão. Com a suspensão de Darío Bottinelli, ele foi testado na equipe de cima nesta quinta-feira. Formou o meio-campo com Airton, Ibson e Renato. A expectativa para começar o jogo é só mais uma das surpresas que têm marcado este início entre os profissionais.

- Foi meio um susto que tomei, estava nos juniores, pronto para tirar férias de 20 dias, mas recebi a solicitação para treinar nos profissionais. O professor achou que deveria me colocar na concentração, aí logo vi que tinha o Fla-Flu, jogos importantes. Me pegou de surpresa, mas estou trabalhando para estar bem preparado. Gosto de ter oportunidades, independentemente da situação. Procuro sempre fazer o melhor para estar dentro de campo. A torcida sempre me apoiou, o pessoal do Flamengo. Quando tento alguma jogada em campo, os companheiros dão força para ir para cima.

Adryan no treino do Flamengo (Foto: Cezar Loureiro / Agência O Globo)Adryan conduz a bola no treino do Fla. Chance de ser titular
 
Em um momento em que a direção procura desesperadamente um novo camisa 10, alguém para jogar na mesma posição de Adryan, a promessa rubro-negra se coloca à disposição para ajudar. Ele diz que lida bem com a pressão.

- Sempre tem pressão, é muita grandiosidade no Flamengo, mas por outro lado as pessoas ficam mais próximas. E a maioria dá força. Tenho que estar confiante para me sair bem. Ainda não está bem definido se vou ser titular, mas estou trabalhando forte para que aconteça. Vamos esperar a definição. Sempre me preparo bem para ter uma sequência de jogos. É diferente fazer um treino com bola e estar jogando.

Contra o Fluminense, Adryan foi lançado na posição de atacante. Joel tirou Diego Maurício no intervalo e o escalou ao lado de Vagner Love. Antes, contra o Atlético-GO, o garoto também entrou na volta para o segundo tempo, mas na sua posição de origem. Segundo ele, não há preferência.

- Eu jogo de meia, de atacante, na posição que o professor definir. Estou aqui para ajudar o Flamengo. Não tenho posição fixa, me sinto confortável nas duas.

  A noite do domingo passado é que não foi confortável. Na derrota por 1 a 0 para o Fluminense, no jogo que marcou o centenário do clássico, Adryan deixou o gramado do Engenhão chateado com a chance de empate perdida numa cabeçada na pequena área.

- Quase nem dormi depois daquele gol perdido contra o Fluminense. Quando vi que a bola bateu no meu ombro e saiu, fiquei mal. Mas fui esquecendo ao longo da semana. Temos uma nova batalha e vamos ver se faço mais gols.

Em quatro partidas como profissional, Adryan fez dois gols: contra Bonsucesso e Atlético-GO.

No treino tático desta quinta-feira, Joel escalou o time com Paulo Victor, Luiz Antonio, Marllon, Arthur Sanches e Ramon; Airton, Ibson, Renato e Adryan; Deivid e Hernane. Bahia e Flamengo vão jogar em Pituaçu, às 16h (de Brasília).

Dia de piloto para Ibson e Renato






Após o treino do Flamengo nesta quinta-feira,  os volantes Ibson e Renato foram ao autódromo de Jacarepaguá dar uma volta pilotando um carro da Stock Car. O camisa 7 registrou o momento e postou em seu Instagram: “Fui…”. Pouco depois, Renato demonstrou toda a coragem para participar da brincadeira com os pilotos Nono Figueiredo e Atila Abreu.


Com cabelo à la William Barbio, filho de Love é atração em treino do Flamengo


Vagner Love levou o filho mais velho, Vagner Lovinho, ao treino desta quinta-feira, no Ninho do Urubu. De férias, o garoto arriscou chutes, brincou com outros jogadores, como o goleiro Paulo Victor, e arriscou até uma cavadinha para bater um pênalti. Mas não foi a habilidade do herdeiro de Love com a bola nos pés o que mais chamou a atenção dos presentes. Apesar de pequeno, o menino já mostra forte personalidade ao apresentar um visual black power, com estilo parecido ao do vascaíno William Barbio.







Deivid desabafa durante a coletiva: ‘Não estar feliz é um direito meu’


Deivid não está feliz. E deixou isso claro na entrevista coletiva que concedeu após o treino da manhã desta quinta-feira, no Ninho do Urubu. Mesmo depois de ter treinado entre os titulares, já que Vagner Love está suspenso, o atacante demonstrou insatisfação com o momento que vive no Flamengo. Ele não joga há mais de um mês, desde o dia 6 de junho. Num primeiro momento, ficou fora por sentir dores no tendão de Aquiles do pé direito. Já recuperado, foi preterido. Joel Santana não relacionou o camisa 9 para as três últimas partidas, contra Grêmio, Atlético-GO e Fluminense. Deivid não concordou, mas aceitou.

- Eu vinha numa sequência de bons jogos, contra Emelec, Lanús aqui, Vasco, depois saí do time por opção do treinador. Todo mundo sabe como é o futebol. Não houve nenhum tipo de conversa. Ele achou que o esquema tático não seria o ideal para me escalar. Não posso concordar, mas tenho que respeitar. Tenho mais seis meses de contrato com o Flamengo. Ele (Joel) é pago para comandar, eu sou pago para jogar. Você fica chateado por estar fora, mas tem que respeitar. Não estar feliz é um direito meu.

deivid muralha flamengo treino (Foto: Maurício Val / Vipcomm) 
Deivid: titular no treino desta quinta-feira no Ninho do Urubu (Foto: Maurício Val / Vipcomm)

Deivid considera boa a relação com Joel e diz que tenta entender as escolhas do treinador.

- Eu também entendo o lado do treinador. São só 11 jogadores, mais sete no banco, fora os que não são relacionados. Às vezes, para quem está jogando, o treinador é muito bom. Para quem está no banco, é um filho da p..., e para quem fica fora é um safado. Você tem que ver o lado dele. Como eu disse: não posso concordar, mas tenho que respeitar.

Além da gangorra entre o campo e o banco de reservas, Deivid é um credor do Flamengo. Ele não recebe os direitos de imagem há 24 meses. Segundo o GLOBOESPORTE.COM apurou, cada parcela seria num valor de R$ 340 mil - totalizando um débito de R$ 8,1 milhões. Porém, o clube alega que o total de cada parcela é de R$ 250 mil - o que reduziria a dívida para R$ 6 milhões. Em 30 de janeiro, o atacante entrou com uma ação na 37ª Vara Cível do Rio de Janeiro sob alegação de pendência no pagamento dos direitos de imagem, num total de R$ 6,46 milhões, e reivindicando uma indenização por dano material. Segundo ele, a dívida não foi abatida depois da ação.

- Não temos conversado sobre isso. É um direito meu, trabalhei. As coisas vão se acertar um dia. Claro que dinheiro é importante para todo mundo, todos nós temos despesas, obrigações. Mas eu estou conseguindo me virar, viver assim. Espero que as coisas se acertem para eu seguir minha vida.

Apesar de estar cotado para ser o substituto de Love contra o Bahia, domingo, pela nona rodada do Brasileirão, o camisa 9 lembra que eles não jogam na mesma posição.

- Muita gente acha que jogo de atacante de área, não me considero reserva do Love porque não sou jogador de área. Jogo assim para quebrar um galho. Hoje treinei como segundo atacante, mais solto, saindo mais da área. É mais uma oportunidade e espero ajudar o time a conseguir a vitória. A ideia de cumprir o contrato poderia mudar em caso de uma proposta interessante. Tudo depende, tenho que saber a minha situação no Flamengo, tenho mais seis meses de contrato. Tem que analisar se vai valer a pena ou não. É difícil falar que sim ou não, depende do projeto.

Além de Deivid,  o time titular durante o treino desta quinta-feira teve outras mudanças em relação ao que foi derrotado pelo Fluminense, no último domingo. Arthur Sanches, Ramon, Airton, Adryan e Hernane foram escalados nos lugares de González, Magal, Amaral, Bottinelli e Diego Maurício, respectivamente.