sábado, 8 de setembro de 2012

Torcedores do Flamengo protestam contra jogadores dirigentes no Couto Pereira


Insatisfeita com os últimos resultados do Flamengo no Campeonato Brasileiro, a torcida rubro-negra protestou contra os dirigentes que estavam assistindo à partida da noite deste sábado, contra o Coritiba, em um camarote do Couto Pereira.

Dezenas de  torcedores participaram do protesto. Xingamentos contra os dirigentes e jogadores foram ouvidos a todo momento. Alguns torcedores chegaram a mostrar dinheiro como forma de protesto.

A polícia presente no estádio foi acionada para conter os manifestantes e cercar o camarote no qual os dirigentes do Flamengo se encontravam. Não houve relato de agressão física.

Este é o segundo jogo seguido que a torcida do Flamengo faz um protesto contra o time. Após o jogo contra a Ponte Preta, em Volta Redonda, um grupo de torcedores ameaçou os jogadores, os dirigentes e a imprensa no local.



Dorival Júnior: 'Eu me responsabilizo por todos os resultados'


coritiba 3 x 0 flamengo PESADELO Fla volta a apresentar falhas
e leva um baile do novo time
de Deivid, no Couto Pereira
 
cara a tapa (Richard Souza / Globoesporte.com)Três derrotas seguidas e cinco rodadas sem vencer no Campeonato Brasileiro. A crise chegou de vez ao Flamengo. Neste sábado, o time de Dorival Júnior foi superado pelo Coritiba, por 3 a 0, no Couto Pereira, pela 23ª rodada, e viu o cenário que já era ruim ficar pior. O Rubro-Negro não tem conseguido reagir na competição, e a cada jogo vê o Z-4 mais perto do que a zona de classificação para a Libertadores. A equipe travou nos 27 pontos e ocupa a 13ª posição - tem um jogo a menos. Caso o Santos vença o São Paulo neste domingo, o Flamengo perderá mais um posto na tabela.

Apesar do novo revés, o treinador viu um certo exagero no placar e conseguiu enxergar pontos positivos no desempenho do time, mas lamentou os erros da equipe.

- O time teve posse de bola, boa presença no ataque, transição muito bem definida, fez jogadas pelos flancos, mas erramos em momentos inoportunos. Quem observa o 3 a 0 não vê o que realmente aconteceu na partida. Estamos deixando a desejar, estamos errando em momentos importantes de definição.

Dorival, que ainda espera por pelos menos dois reforços, disse que não pode lamentar as carências da grupo e que só o trabalho vai tirar o time da situação difícil.

- Estamos aguardando. Eu me responsabilizo por todos os resultados. A diretoria está trabalhando, empenhada, não mede esforços, mas o momento para se contratar é horrível. Tenho que trabalhar com o grupo que está comigo, valorizar ao máximo esse jogadores, tirar o melhor de cada um. As dificuldades começaram contra o Sport (empate por 1 a 1 em casa), a partir daí não nos encontramos. Fizemos um jogo horrível contra o Inter (derrota por 4 a 1), não nos achamos contra a Ponte Preta (derrota por 1 a 0 em casa). Temos de ser realistas, nossa pontuação ficou bem abaixo do que precisamos. Acredito que só com trabalho você tira isso.

O próximo jogo do Flamengo será contra o Santos, quarta-feira que vem, na Vila Belmiro. A delegação volta ao Rio na manhã deste domingo, e os jogadores serão liberados. O grupo se reapresenta na tarde de segunda-feira.

Rio, 05 de agosto 2008





Jogadores do Fla definem caminho para reabilitação: trabalho

Após mais uma derrota no Campeonato Brasileiro, desta vez para o Coritiba, por 3 a 0, no Couto Pereira, os jogadores do Flamengo demonstraram bastante abatimento na saída do gramado.

Com o novo revés, os comandados de Dorival Júnior concordaram sobre o que tem que ser feito para essa má fase acabar. Welinton, que falhou no segundo gol do Coxa, destacou a qualidade da competição e determinou o caminho para as vitórias voltarem:

- A dificuldade vai ter no Brasileiro do começo até o final. A gente tem que trabalhar para reverter essa situação.

Ibson compartilhou da mesma ideia do companheiro, apesar de ter sido mais sucinto ao falar.

- Nao adianta ficar falando, agora é trabalhar - disparou o jogador.

Com a goleada sofrida, o Mengão continua com 27 pontos, na 13ª posição. Já o Coritiba subiu para a 15ª colocação, com 25 pontos, se afastando um pouco da zona de rebaixamento.

Felipe cobra atitude para Flamengo reagir: "Vamos ver quem é homem"

ba 3 x 0 flmengo PESADELO Fla volta a apresentar falhas
e




O discurso otimista do início de agosto se transformou em preocupação no começo de setembro. Após a derrota por 3 a 0 para o Coritiba na noite deste sábado, no Couto Pereira - o terceiro revés seguido do time no returno do Campeonato Brasileiro -, a proximidade com o Z-4 começa a incomodar os jogadores. O time está sete pontos à frente da zona da degola, mas o goleiro Felipe já prevê uma luta contra o rebaixamento.

- Complicado até falar nesse momento. São 16 jogos que faltam, nosso elenco é esse e vamos cair na realidade. Sair logo ali de trás, estamos pouco pontos à frente das equipes que estão brigando (para não cair). Não adianta achar culpados agora. Sabemos que é complicado falar com o torcedor nessa hora, mas se o torcedor abandonar o time, já era - declarou.

O goleiro reconheceu as dificuldades que o clube encontra para contratar jogadores e, ao lembrar da boa fase do time no início de agosto, pediu um voto de confiança para o elenco atual.

- (Reforços) Isso é mais com a diretoria, tem pessoas reponsáveis para isso. O Dorival já pediu reforços, a diretoria está brigando, mas enquanto eles não chegam temos que confiar nos que estão aqui. É o mesmo elenco que vinha bem há alguns jogos, mas teve essa queda brusca. A gente não sabe o que está acontecendo. Estamos envergonhados, tristes, o torcedor vai cobrar, mas a gente tem que ver quem é homem nessa hora.


Coritiba 3 x 0 Flamengo



Ficha técnica



Local: Couto Pereira, Curitiba (PR)

Data: 8/9/2012

Hora: 18h30 (de Brasília)



Gols: Coritiba: Lincoln, aos 17 minutos do primeiro tempo; Rafinha, aos 12 minutos do segundo tempo; Everton Ribeiro, aos 26 minutos do segundo tempo


Árbitro: Sandro Meira Ricci (PE-FIFA)
Auxiliares:  Altemir Hausmann (RS-FIFA) e Fabiano da Silva Ramires (ES)

Cartões amarelos
Coritiba: Lincoln, Gil, Deivid, Ruidiaz
Flamengo:  Magal

Público pagante: 12.033
Público total: 13.680
Renda: R$ 249,449

Coritiba:  Vanderlei; Ayrton, Bonfim (Lucas Castro), Demerson e Eltinho; Gil (Ruidiaz), Willian Farias, Lincoln (Robinho) e Everton Ribeiro; Rafinha e Deivid
Técnico: Marquinhos Santos

FlamengoFelipe; Léo Moura, Wellinton, Frauches e Magal; Muralha, Luiz Antônio (Adryan), Ibson e Bottinelli (Camacho); Negueba (Thomas) e Vagner Love
Técnico: Dorival Júnior





Coritiba 3 x 0 Flamengo

2º tempo

26min

Gol de Everton Ribeiro! Deivid dá um belo passe para Everton Rbeiro na área, de frente para o gol. O meia bate com força e não dá chances para Felipe.







Coritiba 2 x 0 Flamengo

2º tempo

11min

Gol de Rafinha! Welinton falha na saída de bola e perde para Rafinha. O meia toca para Lincoln, que devolveu na medida para Rifinha ampliar o marcador. Felipe ainda tocou na bola, mas não evitou o gol.


Coritiba 1 x 0 Flamengo


1º tempo

16min






Titular contra o Coritiba, Muralha manda recado ao adversário


Muralha - Flamengo (Foto: Paulo Sérgio)Sem poder contar com Cáceres, convocado para a seleção do Paraguai, Dorival Júnior, técnico do Flamengo, já explicitou o substituto do volante para a partida diante do Coritiba, neste sábado, às 18h30, no Couto Pereira. Muralha, que ainda não havia sido escalado como titular neste Brasileirão, foi o escolhido fazer o papel do paraguaio.

O jovem jogador, que realizou apenas cinco partidas na competição, demonstrou confiança no time rubro-negro e mandou um recado para o adversário:

- O Dorival conversou com o grupo e falou da importância dessa vitória fora de casa. O jogo vai ser difícil, assim como foi o do Figueirense lá e vencemos por 2 a 0. O Coritiba tem jogadores rápidos , mas acho que o Flamengo também tem um bom time. Eles também vão ter que se preocupar com a gente.

Com 27 pontos, a equipe rubro-negra ocupa a 13ª colocação. Já o Coxa está no 16º lugar, uma posição acima da zona de rebaixamento, com 22 pontos conquistados.

‘Ponto de equilíbrio’ de Dorival, Renato volta ao grupo na segunda


Renato, Flamengo (Foto: Bernardo Monteiro / VIPCOMM )
A espera de Dorival Júnior está perto do fim. Nas duas últimas entrevitas coletivas que concedeu, o técnico do Flamengo lamentou muito a ausência de Renato. O meia teve de se afastar do time para passar por uma cirurgia no joelho direito, no dia 26 de agosto, e desde então o Rubro-Negro não venceu mais: empates com Botafogo e Sport e derrotas para Inter e Ponte Preta. A operação do camisa 11, realizada pelo médico José Luiz Runco, completa duas semanas neste domingo. A boa notícia para o técnico é que o jogador vai voltar a trabalhar com o grupo na tarde da próxima segunda-feira.

- O Renato não perdeu tanto condicionamento, a cirurgia dele foi mais simples. Ele já está fazendo a parte física, o reforço e o trabalho com bola. Segunda-feira ele volta a treinar com o grupo, termina a parte de preparação física com os demais e está liberado - disse o fisiologista Claudio Pavanelli.

Ainda não há uma data marcada para o retorno de Renato aos jogos, mas ele deve ocorrer no fim deste mês. Após a derrota para a Ponte Preta, quarta-feira passada, Dorival relacionou a queda de rendimento do time no Brasileirão ao desfalque. 

- Quem faz falta é o Renato, que vinha sendo o ponto de equilíbrio. Esse sim tem feito muita falta. Eu tinha uma equipe com o Renato executando uma função importantíssima para nós, e de repente a gente perdeu esse referencial. Um jogador que vinha dando equilíbrio, consistência, vinha fazendo uma transição de bola excelente, fazendo com que os nossos três atacantes jogassem (Love, Thomás e Negueba). De repente, perdemos essa condição. Com a saída do Renato, nós caímos um pouco de produção. Temos de reencontrar um jogador para essa função. Mattheus é um garoto que promete muito, ainda novo, estamos trabalhando para que ele melhore a intensidade, a sua participação ao longo das partidas. É natural que com os treinamentos ele adquira essa condição, mas ainda não é o ideal.

O camisa 11 entrou em campo pela última vez na partida contra o vasco. Até aquele momento, disputara 14 partidas no Brasileiro (cinco com Dorival) e fez quatro gols. Na ausência de Renato, Ibson tem sido o titular. O jogador, no entanto, ainda não empolga a torcida. Pelo contrário. Substituído no jogo contra a Ponte, deixou o campo do estádio Raulino de Oliveira sob muitas vaias.

Ibson vai ser novamente titular neste sábado. O Flamengo enfrenta o Coritiba, às 18h30m, no Couto Pereira, pela 23ª rodada. O time terá Felipe, Léo Moura, Welinton, Airton (Frauches) e Magal; Muralha, Ibson, Luiz Antonio e Bottinelli; Negueba e Vagner Love. O Rubro-Negro tem 27 pontos e está em 13º na classificação - tem um jogo a menos.


Adriano chega cedo, treina sob sol forte e ganha 1ª folga no domingo



O atacante Adriano chegou cedo para o treino programado para as 9h30 deste sábado, no Ninho do Urubu, e ficou quase 3h no CT. O Imperador trabalhou com bola, em campo reduzido, ao lado de outros atletas que não viajaram para a partida contra o Coritiba, como Ramon e Liedson. Na tarde deste sábado, ele fará atividade acompanhado por profissionais do Flamengo, mas em academia fora das dependências do clube. Se comparecer, será o quarto dia seguido de trabalho em dois períodos.

Estava programado, para a manhã deste domingo, um treino na praia, mas a assessoria do clube informou que o jogador terá folga, a primeira que recebe desde que voltou ao Flamengo. Adriano voltará a treinar no CT na segunda-feira à tarde e na terça-feira, em dois períodos. O trabalho na areia deverá ser compensado durante a semana. Ele deixou o Ninho do Urubu com motorista.

Adriano deixando o CT Flamengo (Foto: Vicente Seda / Globoesporte.com) 
Adriano deixa o CT com motorista após treinar sob sol forte (Foto: Vicente Seda / Globoesporte.com)
 
O jogador já teve duas faltas (nos dias 29 de agosto, quando deveria trabalhar em dois períodos, e no dia 3 de setembro) e, pelo contrato que assinou com o clube, uma terceira ausência sem justificativa poderá acarretar uma rescisão. Ele causou mal-estar na última vez que deixou de comparecer a um treinamento e passou o dia com amigos na comunidade na qual foi criado, a Vila Cruzeiro. O diretor de futebol Zinho chegou a mostrar preocupação e qualificou o ato de indisciplina como "péssimo" por ter sido após a goleada sofrida para o Internacional, em Porto Alegre.






Patricia Amorim pode não concorrer na eleição para presidente do Flamengo



Patricia Amorim (Foto: Paulo Sergio)A eleição para presidente do Flamengo só vai ocorrer em dezembro, mas o desenrolar dos fatos ao longo do ano tem reflexos que podem ser decisivos para o futuro nas urnas. A presidente Patricia Amorim é considerada favorita para ser reeleita, mas após inúmeros episódios desgastantes ela já cogita nem entrar como candidata, o que mudará completamente o cenário da eleição.

Patricia Amorim nunca confirmou que seria candidata à reeleição, mas deixou a possibilidade em aberto e a oposição sempre trabalhou como se fosse um fato. Há mais de um ano que a mandatária rubro-negra vem recebendo ataques dos opositores, não só no Flamengo, mas também de rivais políticos na Câmara dos Vereadores.

O último golpe conseguiu afetar as duas esferas. Em matéria publicada pela ESPN, Patricia Amorim foi acusada de colocar 25 pessoas ligadas ao Flamengo em seu gabinete.

Os aliados da presidente já lhe aconselharam há alguns meses para não concorrer e depois de tantas acusações ela começa a pensar na possibilidade de não homologar sua candidatura e apenas apoiar um aliado em dezembro.

Patricia Amorim realiza pesquisas na Gávea para saber como anda sua popularidade e já afirmou algumas vezes a pessoas mais próximas que só será candidata se a possibilidade de vencer for bem clara. Entretanto, ele não contava que os ataques da oposição pudessem afetar até mesmo sua vida política fora do Flamengo e esse pode ser o principal motivo para sua desistência.

NOME PARA CANDIDATURA

Wallin Vasconcelos surgiu como um candidato forte e conta com apoios de Marcio Braga, Kleber Leite e Zico, mas sua candidatura dificilmente será homologada pois ele não tem cinco anos de vida associativa ininterrupta no Flamengo. Ele já cogita a possibilidade de não poder ser candidato e agora procura uma pessoa para o ser o nome forte de sua chapa.

Recentemente ele procurou José Carlos Dias (ex-vice de finanças na gestão de Marcio Braga) para ser essa pessoa, mas o convite foi recusado. Ele já havia negado algumas vezes a possibilidade de ser candidato nesta eleição e garante que sua grande batalha será na eleição de 2015.

Para homologar a candidatura a chapa deve ser composta por 200 conselheiros. Setembro promete ser corrido, já que os candidatos terão que estar com tudo em dia até o fim do mês.


Superdevedor: vasco na merda!!!


O vasco conseguiu suspender por 15 dias a execução judicial de uma dívida de R$ 5,6 milhões com a Receita Federal. No despacho o juiz alega que o clube já sofre tantas execuções da Receita – por atraso ou não repasse de impostos -, que mais uma poderia inviabilizar o clube. Por isso pediu levantamento da situação.


Panos limpos

Conselheiros de situação e oposição do vasco estão divididos sobre o balanço de 2011, que recebeu parecer unânime pela rejeição. Alguns de situação consideram que uma reprovação seria péssima para a imagem do clube. Outros apoiam porque o presidente do Conselho Fiscal, Helio Donin, também é de situação.










Fla anunciará até dia 14 sua nova roupa

O Flamengo deve definir na próxima segunda-feira o vencedor da disputa para fornecer uniformes para o clube no período 2015-25. O clube vai cobrar da Olympikus uma posição formal sobre qual é a real proposta financeira da empresa brasileira. A Adidas oferece R$ 350 milhões pelo período de 10 anos. Além do dinheiro, as empresas oferecem produtos e serviços, que são de formatos diferentes.





Estreia de Adriano contra o Galo é difícil, mas ainda não está descartada


Adriano treino Flamengo (Foto: André Durão / Globoesporte.com)
A estreia de Adriano com a camisa do Flamengo ainda é um ponto de interrogação. Na última terça-feira, o diretor de futebol do clube, Zinho, mostrou-se desanimado sobre a chance de ver o atacante em campo até o fim deste mês. O dirigente deixou escapar em entrevista coletiva que a previsão havia sido traçada por ele e pelos profissionais do clube. Na segunda, o Imperador havia faltado ao treino para passar o dia na Vila Cruzeiro, comunidade na qual foi criado. O camisa 10 faltara pela primeira vez dias antes, em 29 de agosto. Em sua apresentação, o Imperador apontou o dia 26 de setembro, data da realização do jogo adiado da 14ª rodada contra o Atlético-MG, como um bom momento. A participação contra o Galo, no entanto, é difícil, mas ainda não está descartada.

- Não posso afirmar nada sobre a questão da data. Fica difícil afirmar qualquer coisa. São muitas experiências de ver várias situações que antecipam e atrasam. Claro que é um atleta que todo mundo quer saber como está, quando estreia, mas fica difícil antecipar alguma coisa. São muitos fatores envolvidos. Tem condicionamento físico, técnico. Ele treinou no grupo (na manhã de sexta), treinou bem, e não significa que vai poder jogar semana que vem. Ele fez um treino com bola com os jogadores que sobraram do coletivo, fizeram um joguinho em campo reduzido, e ele participou cem por cento da atividade. E não é por isso que ele vai poder jogar – explicou o fisiologista Claudio Pavanelli.

Depois do dia 26, o último jogo do Flamengo em setembro será o Fla-Flu, dia 30, no Engenhão. Desde o dia em que Adriano acertou oficialmente sua volta ao Flamengo, em 22 de agosto, membros da equipe médica e de preparação física evitam determinar um prazo para o retorno tão aguardado pelos rubro-negros. No jogo contra o Galo, estarão do outro lado Ronaldinho Gaúcho, que deixou o Flamengo via ação judicial e foi o último a usar a camisa 10, e o técnico Cuca, desafeto do Imperador em 2009. Adriano evitou polêmica na apresentação, mas reconheceu que seria especial para o clube e para os torcedores.

- Seria interessante. Eu não estou aqui para confrontar ninguém. Mas acho que vai ser bom para o Flamengo. O Ronaldo é meu amigo, o Cuca foi meu treinador, não tenho nada a falar a respeito deles. Respeito o Cuca, o Ronaldinho. Seria uma data legal para estrear. O Flamengo se sentiria bem com essa data – disse o jogador.

A previsão é que Adriano comece a fazer todos os trabalhos com o grupo na segunda quinzena do mês. Desde a última quarta-feira ele faz treinos em dois períodos, o que também está previsto para este sábado. No domingo, ele vai trabalhar pela manhã. Diferentemente do que ocorreu no fim de semana passado, quando foi a Porto Alegre com a equipe, o jogador não acompanhou a delegação na viagem a Curitiba. O Flamengo enfrenta o Coritiba neste sábado, às 18h30m (de Brasília), no Couto Pereira.

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Com bomba e cavadinha, Adriano desperta a perna esquerda



Adriano trabalhou em dois períodos nesta sexta-feira, feriado de 7 de setembro. Pela manhã, no Ninho do Urubu. À tarde, numa academia da Barra da Tijuca. Na atividade realizada no CT, foram dois momentos. Primeiro, no campo 1, o Imperador correu junto com o grupo. Em seguida, no campo 2, fez um exercício de jogadas de ataque com Nixon contra jogadores de defesa. Os preparadores físicos também participaram. Adriano chutou várias vezes a gol, de perto e de longe, de esquerda e de direita, forte e colocado. O aproveitamento foi bom, e o atacante mostrou que a bomba da perna esquerda continua perigosa. Ele também arriscou cavadinhas e alguns dribles nos marcadores e no goleiro.

- Ele fez um joguinho em campo reduzido com os atletas que ficaram fora do coletivo e foi muito bem. Treinou muito bem mesmo – disse o fisiologista Claudio Pavanelli, por telefone, do Rio.

Neste sábado, Adriano vai trabalhar novamente em dois períodos no Ninho. No domingo, a atividade será pela manhã. O jogador ainda não tem previsão de estreia, mas a partir da segunda quinzena deste mês deve começar a participar de todos os trabalhos com o grupo.

Desde junho de 2010, há mais de dois anos, Adriano disputou apenas 16 jogos – oito pelo Roma e oito pelo Corinthians – e marcou dois gols, o último deles no dia 25 de fevereiro, há mais de seis meses. O tempo passou, o Imperador foi submetido a uma nova cirurgia no tendão de Aquiles do pé esquerdo, assinou contrato de produtividade até o fim do ano com o Flamengo e tenta retomar a boa forma física e técnica. Aos poucos, ele começa a intensificar os trabalhos no campo e com bola.




Carinho no ar e na terra: Fla chega a Curitiba para tentar afastar a crise


Um desejo de boa sorte nas alturas, e uma recepção carinhosa na terra. Do Rio a Curitiba, o Flamengo recebeu apoio de torcedores rubro-negros. Começou no embarque no Aeroporto Internacional Tom Jobim, onde torcedores que estavam no local procuraram alguns jogadores com pedidos de fotos. Durante o voo de cerca de 1h15m que levou a delegação à capital paranaense para o jogo contra o Coritiba, o piloto deixou uma mensagem aos atletas e membros da comissão técnica pouco antes de pousar.

Love, Flamengo, Desembarque (Foto: Richard Souza / Globoesporte.com)Vagner Love posa para foto com fãs no desembarque em Curitiba (Foto: Richard Souza / Globoesporte.com)
 
- Quero aproveitar para desejar boa sorte ao time do Flamengo e dizer que confiamos nos jogadores e na comissão técnica. Vamos lá, Mengão – disse o piloto.

Na chegada ao aeroporto de Curitiba, poucos torcedores esperavam a delegação, mas quem foi recebê-los aproveitou a calmaria para conseguir fotos e autógrafos. O técnico Dorival Júnior, que treinou o Coritiba em 2008, o goleiro Felipe, o atacante Vagner Love e o lateral-direito Léo Moura foram os mais procurados. Todos pararam para atender os fãs.

O Flamengo precisa mesmo de boas vibrações para afastar a crise. Há quatro rodadas sem vencer, o time está apenas na 13ª posição na tabela do Brasileirão, com 27 pontos – tem um jogo a menos. A partida contra o Coxa será no Couto Pereira, às 18h30m (de Brasília), pela 23ª rodada. O time paranaense também não anda bem. Com 22 pontos, está em 16º, uma posição à frente da zona de rebaixamento.


Gol Hulk - Brasil 1 x 0 África do Sul | 07/09/2012 | Amistosos da Seleção 2012





Brasil 1 x 0 África do Sul


Ficha técnica
 

Data: 07 de setembro de 2012, sexta-feira

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)

Horário: 15h45 (de Brasília)

Renda: R$ 3.929.765,00
Público: 51.538 espectadores


Árbitro: Nestor Pitana (FIFA/Argentina)
Assistentes: Diego Bonfa e Gustavo Rossi (ambos FIFA/Argentina)

Cartões amarelos: Dedé, Hulk e Marcelo (Brasil), Chabangu, Khune, Dikgacoi e Gaxa (África do Sul).

Gol:  Hulk aos 29 minutos do segundo tempo

BRASIL: Diego Alves; Daniel Alves, Dedé, David Luiz e Marcelo (Alex Sandro); Rômulo (Paulinho), Ramires e Oscar; Lucas (Jonas), Leandro Damião (Hulk) e Neymar (Arouca)
Técnico: Mano Menezes

ÁFRICA DO SUL: Khune; Gaxa, Sangweni, Khumalu e Masenamela; Dikgacoi, Furman (Mahlangu), Tshabalala e Serero (Maluleka); Ndlovu (Benni Mccarthy depois Parker) e Chabangu (Letsholonyane).
Técnico: Gordon Igesund

Pouco tempo, muito trabalho: Dorival diz que sofre com intensa sequência


Dorival Junior, Flamengo (Foto: Mauricio Val / Vipcomm)
Os poucos cabelos escuros que restam ao grisalho Dorival Júnior correm sério risco de desaparecer no mês de setembro. Neste sábado, contra o Coritiba, no Paraná, o Flamengo inicia uma sequência de jogos no Campeonato Brasileiro que é considerada decisiva pelo treinador para determinar o rumo do time no segundo turno da competição. Depois, virão Santos, Grêmio, Atlético-GO, Atlético-MG e Fluminense. Metade desses adversários briga para fugir do rebaixamento, metade está na disputa pelo título.

- É o que nós colocamos para os jogadores, que este mês é o diferencial do campeonato, principalmente por essas oscilações que estamos apresentando. O que vai nos dizer o que será de nós no campeonato é essa sequência. Esperamos alcançar a melhor colocação possível, mas temos de ser realistas. Já estivemos um pouco mais próximos da parte de cima, agora estamos mais longe, mas esperamos voltar a nos aproximar – disse o técnico.

Depois de um início de trabalho animador, de evolução da equipe, Dorival tem enfrentado problemas para manter o grupo em crescimento. O técnico diz que os desfalques e o intervalo curto entre as partidas são os principais complicadores. O Rubro-Negro não vence há quatro rodadas, é apenas o 13º na tabela e tem 27 pontos – com um jogo a menos (enfrentará o Atlético-MG no dia 26, em jogo adiado da 14ª rodada).
 
- Nesse instante perdemos o Renato (lesão no joelho direito), além desses jogadores que saem para as seleções (González e Cáceres), a formação fica diferente de uma partida para a outra, além de uma ou outra suspensão. Isso acaba comprometendo a nossa equipe, que estava num processo de transição. Isso tem nos custado um encontro de equilíbrio mais rápido. Dentro do que observo, houve melhora no tempo que nós tivemos uma semana inteira para trabalhar. Nesse período os jogos em sequência nos tiram essa possibilidade, mas temos de conviver. Sabemos que a rodada seguinte passa a ser a mais importante depois daquilo que deixamos nas útimas três (empate com Sport e derrotas para Inter e Ponte Preta). Estou há quarenta dias no clube, estou começando a conhecer as características. Se tivéssemos a semana para trabalhar, estaríamos bem adiantados em relação a tudo isso. Esses jogos às quartas e aos domingos dificultam sobremaneira para que você possa corrigir e buscar uma melhora da equipe.

Contra o Coritiba, Dorival manterá o esquema 4-4-2 da derrota por 1 a 0 para a Ponte, mas vai fazer mudanças em todos os setores. Na zaga, sai Thiago Medeiros. Airton e Frauches disputam a vaga ao lado de Welinton, com mais chances para o primeiro. No meio, Amaral dá lugar a Muralha na função de primeiro volante. No ataque, Negueba vai substituir Liedson, que nem relacionado foi e ainda precisa melhorar o condicionamento físico. A escalação: Felipe, Léo Moura, Welinton, Airton (Frauches) e Magal; Muralha, Ibson, Luiz Antonio e Bottinelli; Negueba e Vagner Love.

- O esquema que estávamos usando (com dois pontas e um atacante) é o que sempre quis ter, mas estou sentindo que a equipe está encontrando dificuldades. Acredito nesse tipo de formação, mas tenho de encontrar os jogadores ideais.

Do jogo contra o Figueirense até o confronto com o Inter, Dorival apostou na formação com três atacantes, com Negueba aberto pela direita, Vagner Love centralizado, e Thomás na esquerda.


Bem-humorado, Adriano treina lances de ataque e pede mais no fim


Adriano e Vagner Love, Flamengo (Foto: Richard Souza / Globoesporte.com)
O feriado de 7 de setembro foi de trabalho para Adriano no Ninho do Urubu. O atacante deu sequência ao programa de recuperação física na manhã desta sexta-feira. Primeiro, no campo 1, o Imperador correu junto com o grupo que viaja esta tarde para Curitiba para enfrentar o Coritiba no sábado, pela 23ª rodada do Brasileirão. Em seguida, no campo 2, fez um exercício de jogadas de ataque com Nixon.

A dupla tabelava contra dois marcadores até concluir a gol. Adriano chutou bastante, de dentro e fora da área, e teve bom aproveitamento. Ao término da atividade, pediu mais.

Quando deixava o CT, o Imperador fez piada com os jornalistas, que só puderam entrar depois que o treino já havia acabado:

- Chegando atrasados, hein? Quero ver as manchetes, jornalistas chegam atrasados ao Ninho do Urubu - brincou o atacante, que tem nova sessão de treinamento marcada para a tarde.

No início da semana, Adriano estampou capas de sites e jornais por ter faltado ao treino marcado para a tarde de segunda-feira. O jogador, que já faltara uma vez desde sua volta ao clube, passou o dia na comunidade da Vila Cruzeiro, onde foi criado. Na terça-feira, pediu desculpas ao grupo e aos torcedores. Por contrato, o Flamengo tem direito de rescindir o vínculo com o Imperador em caso de uma terceira ausência.



Dorival fecha o treino, mas confirma time com Magal, Muralha e Negueba


Treino do Flamengo (Foto: Divulgação / Site oficial do Flamengo)
O técnico Dorival Júnior comandou na manhã desta sexta-feira um treinamento no Ninho do Urubu. A atividade foi completamente fechada para a imprensa. Os jogadores fizeram um trabalho físico num primeiro momento. Depois, houve treino tático, com ênfase para o posicionamento da defesa. Após a atividade, porém, Dorival não fez mistério e confirmou quase todo o time titular para o jogo deste sábado, contra o Coritiba, no Couto Pereira: Felipe, Léo Moura, Welinton, Frauches (Airton) e Magal; Muralha, Ibson, Luiz Antonio e Bottinelli; Negueba e Vagner Love.


O lateral-esquerdo Magal entra na vaga de Ramon, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. No jogo contra a Ponte Preta, Thiago Medeiros foi o companheiro de Welinton na zaga. Desta vez, Frauches e Airton brigam pela vaga. O primeiro volante, que foi Amaral na última quarta-feira, agora será Muralha.

Titular na partida contra a Ponte Preta, Liedson não vai viajar para a capital paranaense. O Levezinho não foi relacionado pelo técnico Dorival Júnior.  Negueba entra em seu lugar no time e Adryan, por sua vez, volta a figurar na lista de convocados após dois jogos fora.

- O time é basicamente o mesmo que jogou (contra a Ponte Preta), apenas fizemos uma alteração na zaga. Frauches ou Airton (ao lado de Welinton). No meio-campo temos a entrada do Muralha, junto com Luiz Antonio, Ibson e o Bottinelli. Negueba e Vagner Love. O Liedson nós estamos trabalhando naquela condição de que pelo menos neste início ele readquira suas melhores condições com apenas uma partida ao longo da semana para que não acabe sofrendo uma lesão - explicou Dorival Júnior.

O time embarca no fim da tarde desta sexta-feira rumo a Curitiba.

Patricia se reúne com Dorival e cúpula do futebol

Um dia depois de dizer que cobraria melhor desempenho da equipe, a presidente Patricia Amorim esteve no Ninho do Urubu. Após o treino, ela se reuniu com o técnico Dorival Junior, o diretor de futebol Zinho, o vice de futebol Paulo César Coutinho, o vice geral Helio Paulo Ferraz, e o vice de finanças, Michel Levy. O grupo conversou por um bom tempo no departamento de futebol.



'Se não abrir o olho, Flamengo vai levar susto', diz Caio Ribeiro


O Flamengo não consegue emendar uma sequência de vitórias. Dependente de Vagner Love, o time vai mal quando o centroavante não consegue transformar as oportunidades em gols. Depois da derrota para a Ponte Preta na última quarta-feira por 1 a 0, a torcida protestou dizendo que o time era “sem-vergonha”. Para Caio Ribeiro, o momento do Flamengo é ruim.

- O Flamengo tem que olhar mais para baixo do que para cima. O Flamengo é um time que tem deficiências graves, principalmente lá atrás (na defesa). Não é um time para cair, mas se não abrir o olho, vai passar susto - afirmou o comentarista no “Arena SporTV”.

Caio continuou com as críticas. Para ele, o time do Flamengo é limitado.

- Tem o Vagner Love, que é acima da média. E algumas peças que não estão rendendo, como o Ibson. O momento é ruim - enfatizou.

Para Alberto Helena Júnior, o problema é mais grave, é estrutural.

- O Flamengo precisa dar uma repaginada de lá em cima até embaixo - finalizou.


Dorival Junior, Flamengo x Ponte Preta (Foto: Fernando Azevedo / Fla Imagem) 
Dorival Júnior no jogo do Flamengo contra a Ponte Preta (Foto: Fernando Azevedo / Fla Imagem)
 
 
 

Dorival atinge número de partidas de Joel, mas Fla segue devendo


A reação do Flamengo no começo do trabalho de Dorival Júnior foi brecada e após o décimo jogo sob o comando do substituto de Joel Santana o time apresentou um aproveitamento inferior ao que tinha com antecessor. Desempenho que pode colocar até a qualidade do elenco em xeque.

Nesse período com o novo comandante, o Rubro-Negro conquistou apenas 40% dos 30 pontos disputados. Na Era Joel, por sua vez, a equipe atingiu um índice levemente superior, obtendo 45% de aproveitamento, nas 11 primeiras rodadas da competição.

Entre a troca no comando, o grupo praticamente não sofreu alterações e as únicas novidades em relação ao time de Joel no Brasileirão foram a entrada de Ramon na lateral e de Cáceres no meio.

Ambos os treinadores testaram esquemas distintos sem um camisa 10 – Ronaldinho deixou o clube após a segunda rodada – e também promoveram algumas revelações da base como Marllon, Adryan, Mattheus, Nixon e Fernandinho.

Até agora, Dorival Júnior utilizou 29 de 35 jogadores disponíveis no grupo e pediu reforços. Contratações que também eram aguardadas por Joel Santana, mas que ainda não foram concretizadas em função da carência do mercado oferecido pelas divisões inferiores do Brasileiro.

Realista, Dorival Júnior não estipula uma meta para o Flamengo até o fim do Brasileirão e pede tempo.

– Criou-se uma incerteza, mas só com o trabalho podemos mudar a situação. Estou passando pelos mesmos problemas do Joel, isso é normal. Mas é questão de tempo, trabalho e dedicação para mudarmos o rumo – comentou o treinador.

Aproveitamento dos técnicos no Campeonato Brasileiro 2012

Joel Santana
Jogos: 11
Vitórias: 4
Empates: 3
Derrotas: 4
Gols marcados: 15
Gols sofridos: 17
Aproveitamento: 45%
Esquema base: 4-5-1

Dorival Júnior
Jogos: 10
Vitórias: 3
Empates: 3
Derrotas: 4
Gols marcados: 8
Gols sofridos: 11
Aproveitamento: 40%
Esquema base: 4-3-3

Em dúvida sobre o futuro, Patricia prepara defesa para impeachment


Patrícia Amorim presidente do Flamengo (Foto: Alexandre Vidal / Fla Imagem)
Patricia Amorim se prepara para mais um desgaste interno na política do Flamengo. Conselheiros aliados à presidente e advogados do clube terminam de redigir o documento que irá confrontar o pedido de impeachment feito pela oposição em julho. A mandatária tem que apresentar sua defesa diante da comissão de inquérito até a próxima semana. Enquanto isso, Patricia segue em dúvida sobre seu futuro no clube. Nos últimos dias, a dirigente tem alimentado cada vez mais a ideia de não tentar a reeleição no pleito que será realizado em dezembro.

No argumento de defesa é preciso esclarecer todos os pontos questionados pela oposição. Internamente, Patricia Amorim não esconde seu incômodo com a situação.

No dia 25 de julho, o ex-presidente Marcio Braga anunciou a entrada com pedido de impeachment, em documento assinado por outros conselheiros influentes. O documento, elaborado por um renomado escritório de advocacia carioca, baseia-se no artigo 27 da Lei Pelé, que trata de gestão temerária, e foi entregue ao Conselho Deliberativo do Flamengo.

A argumentação para tirá-la do cargo - ou impedir que se candidate para tentar a reeleição - tem mais de 40 páginas e aponta, dentre outros pontos, a relação entre Flamengo e a empresa Locanty, a falta de patrocínio e os contratos do atacante Deivid e de Ronaldinho Gaúcho.

Um dos anexos do documento encaminhado ao Conselho terá a minuta do contrato entre Flamengo e Ronaldinho. Este é o maior foco de revolta do ex-presidente. Ele alega que há uma cláusula lesiva: se o Flamengo deixasse de pagar duas prestações teria de quitar o restante do contrato de forma integral, acrescido de uma multa de R$ 5 milhões.

Em agosto, Patricia tentou demonstrar segurança diante do processo, apesar do desgaste que a ação causou nos bastidores:

- É um factoide, estratégia de uma oposição desesperada que sabe que internamente o trabalho está consolidado pela evolução patrimonial e esportiva que o clube teve. Não tenho qualquer tipo de receio, tudo será esclarecido no seu tempo.







Flamengo em crise: Léo Moura celebra marca de 400 jogos pelo Fla em churrascaria



O lateral Léo Moura festejou na noite desta quinta-feira a expressiva marca de 400 jogos com a camisa do Flamengo. O jogador recebeu amigos numa churrascaria do Rio de Janeiro. Entre os companheiros de elenco, marcaram presença Vagner Love, Mattheus, Muralha e Bottinelli.


leonardo moura flamengo evento (Foto: Divulgação) 
Léo Moura posa junto a Mattheus, Muralha, Bottinelli e Vagner Love (Foto: Divulgação)

Léo Moura completou 400 jogos pelo Flamengo no último domingo, contra o Internacional, em Porto Alegre. A partida desta quarta, contra a Ponte Preta, foi a 401ª do lateral pelo Rubro-Negro.

leonardo moura flamengo evento (Foto: Divulgação) 
O lateral era só sorrisos durante o evento (Foto: Divulgação)
 
 
 

quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Fla recebe proposta por Bottinelli, mas argentino não aceita sair



Bottinelli, Comemoração, Flamengo x Santos (Foto: Alexandre Vidal / Fla Imagem)
Titular do Flamengo na partida contra a Ponte Preta, nesta quarta-feira, o meia Darío Bottinelli se reuniu com o diretor de futebol do clube, Zinho, durante a semana e ouviu do dirigente que o Rubro-Negro recebeu uma proposta de uma equipe do Qatar para contratá-lo. O contato foi intermediado por um agente brasileiro e não passou pelo empresário do argentino, Jorge Dinatale. O Flamengo demonstrou interesse em fazer negócio, mas o jogador não aceitou sair. Ele quer cumprir o contrato, que termina em janeiro de 2013.

Nesta temporada, Botti se viu envolvido pelo Flamengo numa possível troca por empréstimo com o Cruzeiro pelo zagueiro uruguaio Victorino. O argentino, no entanto, não quis se transferir e vetou o acordo.

Darío chegou à Gávea no fim de 2010 depois de se destacar no Universidad Católica, do Chile. O ex-técnico Vanderlei Luxemburgo indicou o jogador e participou diretamente da contratação. Desde então, o argentino alterna altos e baixos e não consegue se firmar como titular. Foi assim com Luxa, com Joel Santana e agora com Dorival Júnior.

Em 2011, com Luxemburgo, Bottinelli disputou 44 partidas, sendo 26 como titular, e fez seis gols. Nesta temporada, foram 39 jogos, 19 deles desde o início, e cinco gols marcados. Procurado pela reportagem, o empresário do jogador preferiu não falar sobre o assunto. Disse apenas que ele cumprirá o contrato.


Flamengo e Flu abrem a sexta edição do Torneio Rio-São Paulo de Showbol


Fluminense vai abrir a sexta edição da competição, na próxima quarta-feira, às 18h, contra o Santos, na cidade de Casimiro de Abreu, no interior do Rio de Janeiro. Ambas as equipes fazem parte do Grupo A, que ainda conta com Flamengo e São Paulo  que fazem seu primeiro jogo, no mesmo dia, às 19h.

Já o Grupo B, que será disputado em São Paulo, nos dias 19,20 e 21 de outubro, conta com Corinthians,  Botafogo, Palmeiras e vasco. Com os títulos de 2007 e 2009, o Corinthians é a equipe que por mais vezes conquistou o Rio-São Paulo.

Classificam-se dois de cada grupo. O primeiro do grupo A enfrenta o segundo do Grupo B, enquanto o primeiro do grupo B enfrenta o segundo do Grupo A. Os vencedores dos confrontos fazem a final, no dia 28 de outubro.




Flamengo volta à Lagoa em busca de mais um título


Invicto na temporada 2012 e líder do Campeonato Estadual, com 322 pontos, o Flamengo volta à Lagoa Rodrigo de Freitas para a disputa da 36ª Regata a Remo da Escola Naval, no próximo domingo (09.09), a partir das 9h.

O Rubro-Negro, que será representado em oito das 15 provas, quer aproveitar a oportunidade para manter o ritmo de competições, obter o maior número de vitórias e assegurar o tetracampeonato consecutivo. No ano passado, o clube da Gávea disputou nove das 15 provas válidas e levou o título de tricampeão.

"Estamos em uma fase muito boa, em que todos estão correspondendo aos treinamentos. Acredito que temos boas chances de garantir bons resultados em mais essa regata", disse Marcos Amorim, técnico de remo do Flamengo. 

Confira as provas que o Flamengo está inscrito:

Quatro Com – Aspirante
Four Skiff Master D
Yole a Oito – Escola
Single Skiff Feminino – Junior A
Double Skiff – Infantil
Four Skiff – Aspirante
Double Skiff – Junior B
Oito Com - Aspirante
 
 

Flamengo estreia no NBB contra o Vila Velha


Foto: Fernando Azevedo / Fla ImagemO Flamengo conheceu, nessa quinta-feira (06.09), seu adversário na estreia do NBB 2012/2013. De acordo com a tabela divulgada pela Liga Nacional de Basquete, o Rubro-Negro vai enfrentar o Vila Velha na primeira rodada, marcada para o dia 24.11, no Ginásio Presidente João Goulart (Tartarugão), em Vila Velha (ES).

O time carioca fará seu primeiro jogo em casa somente na terceira rodada, dia 29.11, contra o São José, no Tijuca Tênis Clube. Nesta temporada, o NBB contará com número recorde de equipes: 18 no total. Palmeiras, Mogi das Cruzes, Suzano e Basquete Cearense são as novidades.

O Flamengo terá uma equipe renovada em ação. Dos jogadores que disputaram a edição passada do NBB, apenas Marcelinho, Caio Torres e Duda seguem no time. O clube contratou o ala Marquinhos, o ala/armador Vitor Benite, o ala/pivô Olivinha,os armadores Kojo e Gegê e o pivô Shilton, além do técnico José Neto.

"Nosso foco será na evolução gradativa da nossa equipe. O Vila Velha confirmou sua participação no torneio há pouco tempo, então não temos ainda muitas informações sobre a equipe. Mais do que a preocupação com o adversário, temos que nos preocupar com o nosso crescimento, já que temos uma equipe nova, com jogadores que ainda não estão acostumados a jogar juntos’, avaliou o técnico José Neto.
 
 

CBF informa alterações em datas e/ou horários de três jogos da Série A


A CBF divulgou em seu site oficial uma circular informando três alterações na tabela de jogos do Campeonato Brasileiro. Dois deles tiveram apenas seus horários mudados, ao passo que um terceiro teve dia e hora modificados, conforme descrito abaixo. Os locais seguem os que já haviam sido designados.

Coritiba x Santos: de sábado, 15/09, às 18h30m, para domingo, 16/09, às 16h, no Couto Pereira.
 
São Paulo x Portuguesa: de sábado, 15/09, às 21h, para sábado, 15/09, às 18h30m, no Morumbi.
 
Flamengo x Atlético-MG: de quarta-feira, 26/09, às 21h, para quarta-feira, 26/09, às 22h, no Engenhão.

As mudanças atendem a ajustes nas grades de programação da Tv Globo e do SporTV, informa a CBF.



Enquanto titulares fazem treino de recuperação, Adriano trabalha forte


Treino leve para os titulares do Flamengo, trabalho pesado para Adriano. O grupo rubro-negro se reapresentou na tarde desta quinta-feira, no Ninho do Urubu, após a derrota por 1 a 0 sobre a Ponte Preta, em Volta Redonda, pela 22ª rodada do Brasileirão. Os atletas que começaram a partida reaizaram uma atividade regenerativa no CT. Os demais treinaram finalizações e fundamentos no gramado principal e foram observados pelo técnico Dorival Júnior. Entre eles o lateral-esquerdo Magal, que será o substituto de Ramon, suspenso pelo terceiro amarelo, na próxima partida.

Enquanto isso, o Imperador se exercitou no campo 2 com o preparador físico Marcos Lima. Pela manhã, ele havia trabalho na caixa de areia, também no Ninho. Nesta semana, o camisa 10 começou a treinar mais no campo. Existe a expectativa de que consiga perder mais peso com esse avanço da programação.

Adriano treino Flamengo (Foto: André Durão / Globoesporte.com) 
Adriano trabalha com o preparador físico Marcos Lima (Foto: André Durão / Globoesporte.com)

Diferentemente do que ocorreu no fim de semana passado, quando o jogador viajou com a delegação a Porto Alegre, ele ficará no Rio para cumprir a programação. Nesta sexta, dia da viagem do time para Curitiba, e no sábado, dia da partida contra o Coritiba, fará treinos em dois períodos novamente. No domingo, o trabalho será pela manhã.

Adriano ainda não tem previsão de estreia. A falta da última segunda-feira, quando deixou de ir ao CT e passou o dia na Vila Cruzeiro, fez o diretor de futebol Zinho desanimar quanto à possibilidade de tê-lo em campo no fim do mês. Dentro de duas semanas, ele deve estar integrado ao grupo. A partir daí, fará as mesmas atividades dos companheiros.

Patricia garante punições a Adriano: 'Realidade é o que está escrito'


Adriano flamengo apresentação patricia amorim (Foto: Alexandre Vidal / Fla Imagem)
As duas faltas de Adriano em seis dias preocupam a direção do Flamengo, que estuda a melhor maneira de lidar com a situação. O Imperador, ídolo na conquista do título brasileiro de 2009 e agora com vínculo por produtividade no clube, foi a público pedir desculpas na terça-feira. Desde então, manteve à risca a programação e deve ser integrado ao grupo de jogadores em duas semanas. Mas os deslizes não foram esquecidos. A presidente Patricia Amorim garantiu que o jogador ainda será punido e assegurou as cláusulas do contrato, que prevê rescisão em caso de mais uma advertência.

- O contrato é bem claro e de fácil entendimento. Qualquer infração haverá punição. O Flamengo deu toda a chance, todo o espaço, sabia dos riscos, sabe dos riscos, mas a realidade é o que está escrito. Pode ser o jogador que for, o presidente que for, o técnico que for, o Flamengo tem que ser preservado como instituição séria que é, e assim será – declarou a presidente, antes de criticar brevemente as últimas atuações do Flamengo no Brasileirão.

- Vai mudar, tem que mudar. O time já jogou melhor. Nós vamos cobrar.

A um mês das inscrições das chapas para as eleições presidenciais do Flamengo, Patricia ainda não confirmou se vai tentar a reeleição para mais três anos à frente do clube. Com o prazo se extinguindo, ela diz que não depende só dela, mas se mostra animada e diz que a decisão sairá em breve.

- Estamos chegando neste momento. As conversas estão acontecendo, estou bastante segura do caminho, mas não tenho a decisão porque é uma decisão colegiada. Ninguém é candidato por si próprio. O Flamengo tem que estar acima do interesse pessoal.




Para jornalista, problema do Fla é a criação: 'Love faria o dobro no Bota'


Depois da derrota para a Ponte Preta por 1 a 0, em Volta Redonda, o jornalista da TV Globo Sidney Garambone acredita que o Flamengo sofre com a falta de criatividade no seu meio de campo. Como exemplo, citou o rival Botafogo e crê que o atacante Vagner Love renderia mais se atuasse no Alvinegro.

- O Flamengo tem dois problemas sérios. O Flamengo não cria, só corre. Quando você corre e não cria, acaba correndo atrás do adversário. Os jogadores estão se entregando. Fazendo uma mistura maluca, imagina o Vagner Love no Botafogo. Teria o dobro dos gols, porque o Botafogo cria bons lances - afirmou o jornalista, no "Redação SporTV" desta quinta.

Com dez gols, Love é um dos artilheiros do Brasileirão, empatado com Fred, do Fluminense, e Luis Fabiano, do São Paulo. Para Sidney Garambone, o Flamengo tem campanha irregular porque não encontrou a sua equipe ideal já no returno da Série A.

- Acho alarmante que um time do tamanho do Flamengo esteja em formação na 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. Não pode. O Dorival coloca o Negueba, tira, coloca o Adryan, o Luiz Antônio vai para a lateral... O Flamengo teve uma dispersão administrativa, de planejamento, e agora o projeto é não cair.

O comentarista do SporTV Dani Monti concorda que a equipe rubro-negra não está pronta e crê que o elenco precisa de reforços.

- O Flamengo tem várias falhas. O meio de campo não consegue armar as jogadas. A defesa é fraca. O único jogador de ponta é o Vágner Love. Atrás dele, não há grandes jogadores, capazes de desequilibrar um jogo. O Dorival já demonstrou durante a sua carreira que é um bom treinador, mas encontra problemas sérios.

O próximo desafio do Flamengo será no sábado, contra o Coritiba, no Couto Pereira. Com 27 pontos, o Rubro-Negro ocupa apenas a 13ª posição do Brasileirão.

Flamengo x Ponte Preta, Vagner Love (Foto: Fernando Azevedo / Fla Imagem) 
Vagner Love seria artilheiro isolado no Botafogo, crê Garambone (Foto: Fernando Azevedo / Fla Imagem)
 
 
 
 

Em reunião, grandes do Rio debatem organizadas e venda de bebidas


Dirigentes dos quatro grandes clubes do Rio de Janeiro se reuniram nesta quinta-feira para apresentar sugestões na tentativa de solucionar o problema de violência entre as torcidas organizadas do estado. O documento será assinado por representantes de Botafogo, Flamengo, Fluminense e Vasco e será entregue para o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ) no início da próxima semana, antes de ser divulgado para a imprensa. Esta foi a segunda reunião, já que no começo da semana o assunto também foi tema de debate entre os dirigentes, no TJ.

O presidente da Ferj, Rubens Lopes, afirmou que os clubes não são contra a presença das organizadas nos estádios, mas medidas serão tomadas para coibir os atos de vandalismo que têm ocorrido ultimamente.

- Em primeiro lugar, ninguém é contra torcida organizada, mas ela deve fazer parte do espetáculo, e não ameaçar o espetáculo. Este documento será dividido em três partes: educativas, preventivas e repressivas. Na próxima semana vamos encaminhar para o presidente do Tribunal de Justiça - disse Rubinho.

Reuniao de clubes na Ferj,  Anibal Rouxinol, Cadu Moura, Rubens Lopes, Mauricio Assumpcao e Patricia Amorim (Foto: Vicente Seda / Globoesporte.com) 
Representantes dos quatro grandes se reúnem na Ferj (Foto: Vicente Seda / Globoesporte.com)

Para o presidente do Botafogo, Maurício Assumpção, a distribuição de ingressos ou facilitação de compra por preços mais baixos para as torcidas organizadas deve ser normatizada, mas é necessário um cadastramento dos torcedores que, na visão do dirigente, deve ser realizado pelo poder público.

- Esse tema já está sendo tratado há bastante tempo, não é novo. Tem que ser discutido um cadastramento destes torcedores e tem que ser feito pelo poder público. Não são os clubes que têm que fazer isso. A torcida tem CNPJ, então os integrantes podem ser responsabilizados. A gente sabe que precisa normatizar essa situação, mas isso passa obrigatoriamente por esse cadastramento. Acho que, com a entrada do Tribunal de Justiça nesse tema, as coisas podem evoluir - afirmou o mandatário.

Questionada sobre as atitudes que o Flamengo poderia tomar em relação à Torcida Jovem, banida recentemente dos estádios pela morte do vascaíno Diego Moura, no dia 19 de agosto, a presidente Patrícia Amorim disse que o clube não é polícia e considerou apenas um ato isolado o assassinato do torcedor.

Painel na sede da Ferj (Foto: Vicente Seda / Globoesporte.com)
- Se forem identificados integrantes de alguma torcida, podemos ver com a liderança da torcida alguma forma de cobrar uma punição a este integrante, mas aos clubes cabe o futebol. São coisas isoladas, não temos poder de polícia, nem de julgar - declarou.

Já o diretor de arenas do Fluminense, Cadu Moura, que representou o clube na reunião, comentou a acusação sofrida de ingressos de cortesia que eram vendidos. Ele explicou que o pedido de rastreamento partiu da diretoria do Tricolor.

- Fomos intimados na segunda-feira sobre o rastreamento, e essa identificação dos ingressos partiu da própria diretoria. O clube está à disposição para colaborar com as investigações - garantiu Cadu.

Assumpção é favorável à volta da venda de bebidas no estádio

Outro ponto colocado em questão pelo presidente Maurício Assumpção foi a proibição de venda de bebidas alcoólicas dentro dos estádios. De acordo com ele, isso tem causado tumulto na entrada, pois o público fica do lado de fora para beber e entra faltando poucos minutos para o início da partida.

- Há questões que estão acima dos clubes e da federação. Hoje, o grande problema do estádio é o entorno, inclusive pela proibição de bebida dentro do estádio. Na Inglaterra é o contrário. Aqui você tem um público de 20 mil pessoas, e grande parte dentro do estádio (apenas) nos 20 minutos antes do jogo, o que gera tumulto. E tumulto só privilegia o bandido. Hoje você tem aglomerações nas ruas de acesso, são ruas fechadas por conta de bares a céu aberto, pessoas que abrem a janela de casa e vendem cerveja e churrasquinho, porque no estádio não pode. O cara sabe que lá dentro não vai ter, então o que ele faz? Bebe, bebe, bebe e, faltando dez minutos para entrar, olha para o relógio e bebe mais - finalizou.



Loco pode ser punido pelo STJD por beijo em escudo do Botafogo


O beijo de Loco Abreu no escudo do Botafogo, na partida entre Figueirense e Flamengo, no dia 8 de agosto, pode render mais do que provocações. O jogador foi denunciado pela Procuradoria do STJD e pode pegar até seis jogos de suspensão. O uruguaio será julgado na próxima terça, pela Segunda Comissão Disciplinar, às 18h.

Loco Abreu responderá por “provocar o público durante partida”, conforme o artigo 258-A do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD). A pena no caso de condenação é de suspensão de duas a seis partidas. Como não chegou a ser expulso, a punição mínima já faz o jogador desfalcar seu time. Hoje, Loco Abreu está a serviço da seleção do Uruguai, para amistosos.

A denúncia partiu do advogado do Flamengo, Marco Aurélio Asseff, que lembrou aos auditores que o atacante uruguaio (emprestado pelo Botafogo ao clube catarinense) beijou o escudo do Alvinegro carioca para provocar os rubro-negros. Após a partida, Loco Abreu se defendeu alegando que apenas respondeu provocações.

Após analisar as imagens da partida entre Figueirense e Flamengo, pela 15ª rodada do Campenato Brasileiro, a Procuradoria destacou que, aos 46 minutos do segundo tempo, o atacante fez 'gestos provocativos direcionados à torcida do Flamengo'. Por esta razão, ficou deicido pela ação da denúncia contra o atacante uruguaio.



Felipe vive pior fase desde que retornou à titularidade no Flamengo


Felipe - Flamengo x Vasco (Foto: Alexandre Loureiro)O goleiro Felipe vive a sua pior fase desde que retornou à titularidade no Flamengo. Nos últimos três jogos, foram seis gols sofridos e apenas um ponto conquistado pela equipe. Após a derrota para a Ponte Preta, na noite da última quarta-feira, o dono da camisa 1 preferiu sair do gramado calado e não comentou o resultado.

Uma explicação não encontrada por Felipe foi revelada pelo técnico Dorival Júnior. Antes do jogo contra a Macaca, o Flamengo foi goleado pelo Internacional e, segundo o comandante rubro-negro, isso gerou insegurança para os jogadores dentro das quatro linhas.

- É natural que a equipe sinta, a derrota para o Internacional gerou uma certa insegurança para poder jogar contra a Ponte Preta - resumiu o treinador.

O Flamengo volta a campo contra o Coritiba neste sábado, às 18h30, no Couto Pereira.


Sem descanso: Adriano trabalha na areia pela manhã e vai treinar à tarde

 
jornada
dupla (Cezar Loureiro / Agência O Globo)A carga de treinos de Adriano está mais intensa a partir desta semana. Assim como na quarta-feira, o Imperador tem treinos marcados para os dois períodos desta quinta. Pela manhã, ele foi ao Ninho do Urubu para realizar um trabalho na caixa de areia. À tarde, está prevista uma atividade no campo, às 15h, mesmo horário da reapresentação dos jogadores após a derrota por 1 a 0 para a Ponte Preta. Os trabalhos na areia minimizam o impacto no tendão de Aquiles do pé esquerdo, que já foi operado duas vezes. A última cirurgia ocorreu em 13 de abril.

Diferentemente do que ocorreu no fim de semana passado, quando o jogador viajou com a delegação a Porto Alegre, ele ficará no Rio para cumprir a programação. Na sexta, dia da viagem do time para Curitiba, e no sábado, dia da partida contra o Coritiba, fará treinos em dois períodos novamente. No domingo, o trabalho será pela manhã.

Adriano ainda não tem previsão de estreia. A falta da última segunda-feira, quando deixou de ir ao CT e passou o dia na Vila Cruzeiro, fez o diretor de futebol do clube, Zinho, desanimar sobre a possibilidade de tê-lo em campo no fim do mês. Dentro de duas semanas, ele deve estar integrado ao grupo. A partir daí, fará as mesmas atividades dos companheiros.

Nesta semana, o camisa 10 começou a treinar mais no campo. Existe a expectativa de que ele consiga perder mais peso com esse avanço da programação.



quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Jogadores do Fla são hostilizados na saída do Raulino de Oliveira


 A insatisfação da torcida do Flamengo com o time não parou no apito final da derrota por 1 a 0 para a Ponte Preta, nesta quarta-feira, em Volta Redonda, pela 22ª rodada do Brasileirão. Alguns jogadores que deixaram o Estádio Raulino de Oliveira de carro foram hostilizados por um grupo que aguardava a saída dos veículos. Havia membros de torcidas organizadas à espera dos atletas. Os seguranças do clube estavam no local e não houve qualquer tipo de agressão física.

A derrota para a Ponte Preta aumentou uma série ruim da equipe rubro-negra, que não vence há quatro partidas. No fim do jogo, os jogadores ouviram gritos de “time sem vergonha” enquanto deixavam o gramado. O volante Ibson, substituído no segundo tempo, foi muito vaiado ao dar lugar ao atacante Nixon. Alguns atletas preferiram evitar as entrevistas.

O Flamengo tem 27 pontos e está em 13ª colocação na tabela. No sábado, o time enfrenta o Coritiba, no Couto Pereira. Nesta quinta-feira, o grupo volta a treinar às 15h (de Brasília), no Ninho do Urubu.

Flamengo 10 títulos nacionais

Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!