Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

sábado, 13 de outubro de 2012

Love não marca pelo Fla desde a partida contra o Atlético-MG




As imagens de Flamengo x Cruzeiro - (Foto: Bruno de Lima)O atacante Vagner Love, do Flamengo, passou em branco mais uma vez. Dessa vez foi no empate contra o Cruzeiro, por 1 a 1, neste sábado, no Engenhão. O centroavante tem 11 gols no Brasileirão, três a menos do que os artilheiros Fred, Bruno Mineiro e Luis Fabiano.

- Não conseguimos nosso objetivo hoje, mas temos o jogo contra a Portuguesa, que temos que retomar a vitória. As bolas que nós tentamos fazer os gols não entraram, faltou um pouco mais de sorte. No gol do Liedson, eu achei que não foi impedimento, mas o juiz interpretou que sim, isso é um pouco de falta de sorte também e com tudo isso não saímos com a vitória daqui - disse.

O último gol de Artilheiro do Amor foi contra o Atlético-MG, na vitória rubro-negra, por 2 a 1, no dia 26 de setembo.

Vagner Love ganha 700mil/mês. Se tivesse feito pelo menos 10 gols dos 100 que perdeu, o Flamengo estaria entre os primeiros colocados.
 
 
 
 
 

Flamengo 1 x 1 Cruzeiro | Melhores Momentos - Brasileirão (13/10/2012)




Dorival repete lamentos: ‘Temos de sair dessa condição desconfortável


lamentos (Rafael Moraes / Agência o Globo)Dorival Júnior voltou a lamentar o fato de não conseguir repetir o time por conta de lesões, suspensões e convocações, e admitiu que o momento do time, na 15ª colocação, com 36 pontos, é delicado.

 É um momento difícil, temos de continuar o trabalho com intensidade, temos de sair dessa condição desconfortável sobremaneira. Nós vamos melhorar a equipe – prometeu Dorival Júnior.


O técnico citou o fato de não conseguir repetir o time.

- Acredito que a dificuldade enfrentada é pela rotatividade grande de jogadores para uma equipe que ainda não encontrou a regularidade. Isso trabalha contra, ainda mais tendo muitos jogos em sequência. Temos de lutar até o último instante para a recuperação completa. Estamos tendo de refazer uma equipe dentro da competição, a todo momento temos de alterar sem ter alcançado um padrão.

Dorival lamentou também o lance que originou o gol de empate do Cruzeiro, depois de um contra-ataque concluído por Everton, que se aproveitou do mau posicionamento da zaga para selar o placar de 1 a 1.

- Meio erro tem causado o gol do adversário – disse o treinador.

Fla perde Léo Moura, Wellington Silva e Adryan para duelo com a Lusa

O empate em 1 a 1 com o Cruzeiro na noite deste sábado, no Engenhão, fez o Flamengo ganhar um ponto - e perder três jogadores. Léo Moura deixou o campo com suspeita de estiramento no músculo posterior da coxa direita e já está vetado para a partida contra a Portuguesa, quarta-feira, em São Paulo. Wellington Silva e Adryan, ambos suspensos por terem levado o terceiro amarelo diante da equipe mineira, também estão fora.

 Mais uma vez, Dorival Júnior terá que mexer na equipe. O principal problema passa a ser lateral direita. O técnico terá que improvisar um jogador na posição. Luiz Antonio é uma das opções. Além disso, o treinador não contará com Gonzalez e Cáceres, que estão com as seleções do Chile e Paraguai.

Por outro lado, o treinador ganha três alternativas. O zagueiro Welinton, o volante Amaral e o meia Renato podem voltar a jogar. O trio cumpriu suspensão neste sábado.

Em 19 jogos no comando do Rubro-Negro, Dorival só repetiu o time uma vez.



Cleber Santana lamenta empate em casa e mira duelo contra a Lusa


pensando 
na frente (Luciano Belford / Agência Estado)O empate em 1 a 1 contra o Cruzeiro, neste sábado, no Engenhão, deixou o Flamengo na 14ª colocação, com 36 pontos, mas ainda com perigo de rebaixamento. Primeiro do Z-4, o Sport tem 27 pontos. Por esse motivo, apesar da boa atuação rubro-negra, o resultado não agradou. Para Cleber Santana, o time lutou bastante, mas a vitória não veio, e é por isso que os atletas já devem pensar na Portuguesa, confronto de quarta-feira, às 22h (de Brasília), no Canindé.

- É um resultado que a gente não esperava, porque a equipe vem lutando, tentando, jogando bem. Não podemos abaixar a cabeça. Não é bom, mas criamos oportunidades, tentamos. Vamos trabalhar nesses poucos dias para fazer outra grande partida contra a Portuguesa e conseguir vitória, jogando bem ou mal. O importante é chegar à pontuação já. Temos que ter atenção. Agora é descansar para a próxima partida - relatou o meia.


Flamengo_8-ultimas_rodadas (Foto: infoesporte)
Mesmo em dia chuvoso e em pleno feriado prolongado, os torcedores do Flamengo aproveitaram a promoção da diretoria, que prometeu promoção no preço dos ingressos até o final do Campeonato Brasileiro, e prestigiaram a equipe no Engenhão. Ao todo, foram 20.833 presentes.

- Temos o torcedor do nosso lado apoiando. A torcida não nos deixou, espero que a gente consiga um resultado melhor contra a Portuguesa - concluiu o jogador, que finalizou uma vez, cometeu duas faltas, recebeu duas e deu 36 passes, sendo 34 certos.






Jogadores do Fla reclamam de gol anulado: 'Custa caro', diz Liedson




O Flamengo esteve a centímetros da vitória contra o Cruzeiro, mas a arbitragem, comandada pelo gaúcho Anderson Daronco, viu impedimento de Liedson no segundo tempo e errou ao anular aquele que seria o gol da virada rubro-negra. Bruno Renan dava condições para o atacante do time carioca. Na saída de campo, insatisfeitos com o empate por 1 a 1 no Engenhão, os jogadores da equipe da casa lamentaram o lance.

Liedson, autor do gol do Flamengo no primeiro turno, desabafou contra a fase ruim de sua equipe. E remoeu o erro da arbitragem.
 
 - Está dando tudo errado. Errar é humano, mas esse erro nos custou caro, dois pontos - disse Liedson para a Rádio Globo(vascaína).

Vagner Love foi menos enfático. Mas também percebeu que o gol foi legal.

- Faltou um pouquinho de sorte. Não sei se o gol estava impedido, porque veio de trás. O bandeira interpretou mal - comentou.

Com o empate, o Flamengo foi a 36 pontos, na 14ª colocação. A equipe orientada por Dorival Júnior volta a campo na quarta-feira, contra a Portuguesa, no Canindé.





Com suspeita de estiramento, Léo Moura, ''o bichado'', já está fora do jogo de quarta



Substituído por Adryan no fim do primeiro tempo da partida deste sábado contra o Cruzeiro, no Engenhão, Léo Moura está com suspeita de estiramento muscular na coxa direita. De acordo com o médico do Flamengo José Luiz Runco, o jogador já está fora da partida da próxima quarta-feira contra a Portuguesa. A informação é do repórter Felipe Awi, do SporTV.

O time rubro-negro jogará contra a Portuguesa na próxima quarta, no Canindé, às 22h (de Brasília), pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro.


Flamengo 1 x 1 Cruzeiro



Ficha técnica



Local: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)

Data: 13/10/2012

Hora: 18h30h (de Brasília)

Gols
Flamengo: Liedson, aos 10min do primeiro tempo

Cruzeiro: Everton, aos 19min do primeiro tempo

Público: 15.922 pagantes    /   20.833 presentes
Renda: R$ 232.720,00

Árbitro: Anderson Daronico
Auxiliares: Bruno Boschilia e João Patricia de Araujo

Cartões amarelos: Wellington Silva, Cleber Santana, Adryan, Vagner Love, Ramon (Fla) e  Marcelo Oliveira, Leandro Guerreiro, Charles(Cru)

Flamengo: Felipe, Wellington Silva, Frauches, Renato Santos e Ramon; Aírton (Luiz Antônio), Ibson (Wellington Bruno), Leo Moura (Adryan) e Cleber Santana; Liedson e Vagner Love
Técnico: Dorival Júnior

Cruzeiro: Fabio, Ceará, Leo, Mateus e Everton (Diego Renan); Leandro Guerreiro, Marcelo Oliveira, Willian Magrão (Charles) e Montillo; Martinuccio (Elber) e Anselmo Ramon
Técnico: Celso Roth




Flamengo 1 x 1 cruzeiro

1º tempo

18min

GOL DE EVERTON! Martinuccio parte pela esquerda, cruza na área, e o lateral Everton cabeceia para as redes. A defesa do Flamengo deixou o jogador completamente livre.



Flamengo 1 x 0 Cruzeiro

1º tempo


10min

GOL DE LIEDSON! Após cruzamento de Ramon na área, Love escora de cabeça, e a bola chega para Liedson, que completa para as redes. A bola chegou a bater no braço do camisa 99 do Flamengo.





Ainda com dores nas costas, Adriano faz tratamento no Ninho do Urubu



Adriano voltou a sentir dores na região lombar e ficou mais um dia sem treinar, neste sábado. O atacante fez tratamento médico no Ninho do Urubu, e sua estreia no Flamengo segue sendo uma incógnita. Depois de deixar de treinar na quarta-feira por causa desse problema, o Imperador chegou a fazer uma atividade com bola na quinta-feira de manhã, mas na sexta voltou a ficar fora dos treinamentos.

Segundo o médico Marcelo Soares, a dor que Adriano começou a sentir na quarta-feira é parecida com a que o incomodou no início da semana passada. Na ocasião, o atacante queixou-se do problema ao sentar-se num carrinho de golfe.

- Foi na mesma região, a região lombar, mas do outro lado. Isso é normal. É reflexo dos exercícios. Ele ficou muito tempo parado e quando começa a voltar ao ritmo o corpo reclama - explicou o médico.



Moradores de Jambeiro vibram com presença de Xuxa em jogo de vôlei



Moradores de Jambeiro, cidade com 5.349 habitantes, localizada no Vale do Paraíba, interior de São Paulo, vibraram nesta quinta-feira, 11, com a presença da apresentadora Xuxa. Ela foi ao município para prestigiar a filha Sasha, de 14 anos, que defende o Flamengo na categoria Mirim em competição de vôlei. Xuxa torceu na arquibancada ao lado de Luciano Szafir, pai de Sasha.

- Eu estou aqui pra ver a Xuxa, sou fã dela. É uma emoção muito grande. Ainda mais na nossa cidade, prestigiando a filha que é essa atleta exemplar - comemorou Marta Guimarães.

Em 2011 Xuxa já esteve em Jambeiro para prestigiar a mesma competição. Na opinião da cozinheira Monalisa Silva, a cidade criou uma relação íntima com a apresentadora.

Xuxa e Luciano Szafir Vôlei Jambeiro (Foto: Reprodução/ TV Vanguarda)
- A cidade é apaixonada pela Xuxa. Jambeiro já está íntima dela, sabe? Acho que ela se sente muito bem aqui assistindo aos jogos - comentou Monalisa.

- Já tirei uma foto com a Xuxa aqui e consegui um sorriso dela. Ela é demais - declarou a professora Rosângela Santana.

Xuxa e Sasha ainda não falaram à imprensa durante a competição, que segue até domingo em Jambeiro. A atleta Luiza Andrade, do Flamengo, falou sobre a entrega das jogadoras que são apaixonadas pelo esporte e que sonham em seguir com a profissão no futuro.

- É uma grande dedicação de todas nós. A gente dorme aqui no alojamento em Jambeiro e nas cidades onde vamos jogar as competições. É uma vida cansada, longe da família em alguns momentos, mas quem escolheu tem que ir até o final com certeza porque temos grandes sonhos no esporte - destacou a atleta e estudante, de 15 anos.


Irmãos Hypolito revelam ambição por medalha olímpica em 2016


Diego e da Daniele Hypolito londres 2012 olimpiadas (Foto: Lydia Gismondi / GLOBOESPORTE.COM)
O sobrenome Hypolito é referência no Brasil quando se trata de ginástica artística. Os irmãos Daniele e Diego, que defendem o Flamengo, figuram entre os principais nomes do esporte no País, com títulos nacionais e internacionais. Entretanto, falta a medalha mais importante para a dupla: a olímpica.

Mas apesar do fracasso nas últimas edições dos jogos olímpicos, eles ainda mantém o sonho da conquista e se mostram motivados para buscar o pódio no Rio de Janeiro, em 2016. Diego Hypolito já revelou a sua estratégia para estar bem nas Olimpíadas: evitar lesões.

- O grande objetivo é entrar no ciclo olímpico bem, com menos lesões. Logo que passou as Olimpíadas (de Londres) eu vim para São Paulo operar o ombro e o pé, que eu tinha que ter operado há algum tempo. Vou priorizar também um pouco a minha saúde. Se eu fizer isso, com certeza, vou chegar nas Olimpíadas do Rio de Janeiro inteiro. Esse é o objetivo. Chegar mais inteiro, com menos lesões.

Sobre as Olimpíadas anteriores que disputou, em Pequim e Londres, Diego acredita que o alto número de lesões pode ter prejudicado seu desempenho. Ele comentou que ter começado a temporada em ritmo forte não foi uma boa escolha.

- Os dois anos de Olimpíada, tanto em Pequim quanto em Londres, foram anos que eu operei muito. Esse ano operei três vezes, o ombro, joelho e pé. Estou tentando partir para esse próximo ciclo de uma forma diferente. Não vou pegar no primeiro ano e ir pra todas Copas do Mundo e Mundiais. Não quero ir super bem no primeiro ano, cair de rendimento nos seguintes e chegar nas Olimpíadas todo machucado.

Diego Hypolito publica foto direto de Hospital Samarinato (Foto: Reprodução/Twitter) 
Diego Hypolito após passar pela operação no pé (Foto: Reprodução/Twitter)

Já Daniele acredita que se ainda não ganhou uma medalha foi porque não chegou a hora. Ela disse que tem paciência para esperar o grande momento e colocou o destino nas mãos de Deus.

- Tem o momento certo pra tudo. De repente, se eu já tivesse ganho uma medalha, talvez já tivesse parado. Claro, falta a tão sonhada medalha olímpica que rezo todos os dias pra conquistar. Mas agradeço também por todas as coisas que acontecem. Acho que se não é Deus a gente também não é nada. Temos que acreditar. Tudo tem uma hora certa pra acontecer. Não basta você ter pressa, querer passar com a carroça na frente dos bois. Acho que quando Deus determina uma coisa ele sabe a hora que vai acontecer.

A ginasta espera ser um modelo para as pessoas. Aos 28 anos,  a atleta, que terá 31 anos durante os jogos olímpicos, que ser um exemplo de resistência para outros competidores.

-  Talvez Deus queira que eu continue para mostrar as pessoas que você pode ser resistente e ficar no esporte quantos anos você achar quer aguenta. Não aquela coisa que com 22 anos a pessoa já vai afastando o atleta do esporte. Eu estou conseguindo quebrar uma barreira diferente - ressaltou Daniele.

Bate-papo com no dia das crianças
Os dois ginastas estiveram em Santos, no litoral de São Paulo, na última sexta-feira, dia das crianças, e conversaram com jovens que foram até o Sesc-Santos. Daniele tentou passar para os pequenos a ideia de valorizar o esporte e mostrar que é possível construir uma vida sendo um atleta.

- Tudo que a gente tem hoje, de poder ajudar a família, ter um apartamento, nossas coisas, foram construídos através da ginástica. Então, não podemos deixar de valorizar aquilo que a gente construiu por causa do nosso esporte.

Por outro lado, Diego quis mostrar que nada é impossível quando se acredita em algo. Ele destacou a origem simples e o esforço para superar obstáculos.

- Muitas vezes quando a criança está em casa, acha que tem muitas dificuldades, que não tem a possibilidade. Exatamente esse é o motivo estarmos aqui. Quando começamos éramos super pobres, de raízes muito humildes. Acreditamos nos nossos sonhos. Nossos pais nos ajudaram muito para que a gente pudesse conhecer o mundo afora, ter resultados. Não desistimos no primeiro obstáculo. Caiu? Levanta, de cabeça erguida, e parte para o próximo obstáculo. Esse é o exemplo que a criança tem que ter.

Daniele Diego Hypolito ginástica sesc santos (Foto: Reprodução / TV Tribuna) 
Daniele e Diego Hypolito conversam com crianças em Santos (Foto: Reprodução / TV Tribuna)

Invicto, Sport Recife vence Geração e é campeão brasileiro nas areias de AL


O Sport Recife sagrou-se campeão da primeira edição do Campeonato Brasileiro feminino. Na final, disputada neste sábado, o Leão da Ilha atropelou o Geração Sports por 3 a 1 e conquistou o título invicto nas areias da praia da Pajuçara, em Maceió (AL). O Flamengo ficou em terceiro lugar ao superar o AABB, do Rio Grande do Norte, com goleada: 5 a 2.

Lindinalva (Sport) e Fátima (AABB) foram as artilheiras do torneio, com oito gols cada. Letícia (Geração) foi eleita a melhor goleira e Lindinalva foi a melhor jogadora da competição. Bárbara (Geração) foi apontada como revelação na capital alagoana.



Welinton tem Dorival como escudo: 'Júnior Baiano estourou após sair'


Welinton costuma viver uma vida de extremos no Flamengo. De um lado, elogios e predileção de treinadores como Vanderlei Luxemburgo. De outro, a perseguição da torcida por conta de suas atuações. Revelado nas categorias de base, o defensor apareceu no time profissional em 2009, com o técnico Cuca, hoje no Atlético-MG. Com Andrade e Rogério Lourenço, chegou a ganhar algumas oportunidades, mas foi com Luxa, atualmente no Grêmio, que ficou com a vaga de titular. Após a saída dele e chegada de Joel Santana, perdeu espaço. E o jogador só foi renascer com Dorival Júnior. Contra o Corinthians, ficou no lugar de Frauches, que vinha tendo boas atuações. Welinton falhou ao perder o tempo de bola e não subir no lance que culminou no gol de Paulo André, o segundo do Timão.

Fora do duelo contra o Cruzeiro, neste sábado, às 18h30m (de Brasília), no Engenhão, por conta do terceiro cartão amarelo, ele dará novamente lugar ao companheiro Frauches. O atual comandante elogiou o jogador de 23 anos e o comparou ao zagueiro Júnior Baiano. Odiado por uns, amado por outros, deixou o Flamengo para defender as cores do São Paulo. Ele voltou ao Rubro-Negro em 1996, após passagem pelo Werder Bremen, mas nunca foi unanimidade para a exigente torcida, apesar de ter chegado até a seleção brasileira (jogou a Copa do Mundo de 1998).

- Muitos jogadores não se encontram em suas equipes, mas atravessam a rua e viram estrelas em outras. Ele tem velocidade, percepção, leitura de jogo. Errou em alguns momentos, mas tem qualidade na saída de bola. Tem perfil para ser um grande jogador. O Júnior Baiano estourou após sair daqui, assim como Djalminha, Marcelinho Carioca e Paulo Nunes. Eu gostaria que se encontrasse aqui, porque teria um grande jogador dentro do grupo - disse Dorival.

Montagem, Welinton e Junior Baiano (Foto: Editoria de Arte / Globoesporte.com) 
Welinton é comparado outra vez a Júnior Ba (Foto: Editoria de Arte / Globoesporte.com)

Welinton esteve perto de "atravessar a rua". Em junho, quase foi negociado por empréstimo para o Bahia. O clube baiano negou o interesse, Joel Santana disse desconhecer o possível acordo, e ele seguiu no Flamengo.

A era Luxemburgo foi quando Welinton teve mais oportunidades no clube. Ele foi defendido por Vanderlei inúmeras vezes. Assim como Dorival Júnior, o ex-comandante citou Júnior Baiano ao falar do jogador.

- Cismaram com o Welinton como cismaram com o Júnior Baiano. Não é permitido ao Welinton errar. Fico me perguntando: 'Será que eu sou burro?'. O Welinton tem todas as características de um bom zagueiro. Ele é rápido, tem habilidade e sobe bem na cabeça. O problema dele é na parte psicológica, vai chegar uma hora que vai conseguir mostar que é bom zagueiro. Aí ele vai acabar saindo, como foi o Júnior Baiano - relatou Luxa ao "Bem, Amigos!", do SporTV, em agosto de 2011, quando o defensor foi expulso em um clássico contra o vasco.

Enquanto não decola, Welinton segue trabalhando, sonhando com dias mais tranquilos pelo Flamengo. Quando Dorival Junior chegou, o zagueiro demonstrou o pensamento em relação à situação.

- Tenho que continuar trabalhando para as vaias ficarem para trás e só ter aplausos e elogios - comentou, no fim de agosto, ao GLOBOESPORTE.COM.


Visando a recuperação, Fla aposta em Renato Santos e Cleber Santana


O Flamengo encara o Cruzeiro hoje, às 18h30, no Engenhão, tentando fugir do momento incômodo e da proximidade da zona de rebaixamento. Para isso, Dorival Júnior aposta suas fichas em Renato Santos e Cleber Santana, dois reforços que chegaram do Avaí com certa desconfiança e agora já são titulares.

Os dois poderiam até sentir o peso, já que trocaram um time que não brigava por nada na Segundona pelo Flamengo, mas já nas primeiras atuações mostraram personalidade e ganharam a confiança do treinador rubro-negro.

No caso de Cleber Santana, o time já se vê dependente das jogadas dele no meio de campo. O camisa 88 tem sido o único meia nos últimos jogos e, quando não vai bem, a equipe cria poucas chances de gol.

Empolgado com o bom começo no Flamengo, Cleber Santana lembra que não é a solução para todos os problemas do time, mas garante empenho para brigar por uma melhor posição no Campeonato Brasileiro.

- Não me considero nenhum salvador, mas podem ter certeza de que acredito que vamos dar a volta por cima. Temos atletas de qualidade em todos os setores, como o Felipe, Léo Moura, Renato, Vagner Love... E um técnico vitorioso - disse.

Companheiro de Renato Santos no Avaí, o meia acredita que o zagueiro foi uma contratação importante e, que aos poucos, vai acertar a defesa rubro-negra.

- Só tenho coisas boas para falar dele. É um profissional correto e trabalhador. Dentro de campo, vem se firmando cada vez mais nos treinos e teve uma boa estreia na quarta, apesar da derrota. Ele vai nos ajudar muito, certamente - avisou.

BATE-BOLA

Cleber Santana


Já esperava chegar com tanta responsabilidade, como o homem de criação do time?
Sempre gostei de desafios e jogar no Flamengo era um desejo pessoal e profissional meu desde que comecei minha carreira. Poder atuar por um clube que conta com esta torcida imensa e apaixonada é realmente gratificante.

O Flamengo ainda tem sonhos nesse Brasileiro?
O objetivo atual é somar o maior número de pontos possíveis nas próximas três partidas. Dando tudo certo, deixamos para trás qualquer assunto sobre rebaixamento e teremos mais seis rodadas para jogar. Vamos lutar pela melhor colocação até o fim.


Michel Levy volta a ganhar poder e aliados temem fracasso na eleição



Michel Levy - Flamengo (Foto: Bruno de Lima)A presença do vice de finanças, Michel Levy, no treino de sexta-feira evidenciou o rumo que Patricia Amorim pretende seguir para a disputa presidencial do Flamengo, em dezembro. Na berlinda por falhas nas contas de 2012 (ainda não explicadas) e da área de recursos humanos, Levy volta a ganhar prestígio e, inclusive, será o coordenador da campanha – ficará responsável por angariar recursos para serem usados no pleito rubro-negro.

Michel Levy passou a participar nos últimos meses com menos intensidade das decisões do Flamengo e a continuidade dele no conselho diretor estava ameaçada caso Patricia Amorim conseguisse se reeleger. Principalmente pelo desgaste com a base de aliados. Fernando Sihman, marido da presidente, chegou a cobrar Levy recentemente sobre erros financeiros.

Apesar disso, o poder do dirigente voltou a ficar inabalado e ele passará a centralizar novamente as principais decisões. Como a da escolha do vice-presidente de futebol, cargo vago desde a saída de Paulo Cesar Coutinho e que está sendo acumulado por Patricia Amorim.

A reaproximação de Michel Levy a dois meses da eleição pode fazer com que a mandatária perca ainda mais apoio de grupos políticos importantes para o cenário político e que ajudaria numa possível continuidade na administração do Fla. 

A continuidade do vice de finanças causou impacto negativo nos corredores da Gávea. Pessoas que participam da chapa temem pelo enfraquecimento do grupo.

O LANCENET! tentou entrar em contato com Michel Levy, mas o dirigente não atendeu às ligações.


Com foco no Brasileirão, Dorival não planeja 2013: ‘Quem fala é mentiroso’



Dorival Junior no treino do Flamengo (Foto: Ivo Gonzalez / Agencia O Globo) Na 15ª colocação, com 35 pontos, o Flamengo tem repetido o mesmo discurso nos últimos dias: foco na permanência na Série A. Depois da derrota para o Corinthians, por 3 a 2, na última rodada, Dorival Júnior sabe que vitória sobre o Cruzeiro, neste sábado, às 18h30m, no Engenhão, deixará o Rubro-Negro mais longe da zona da degola. O técnico só pensa no aqui e agora, diz que não tem como fazer projeções para 2013, mas faz críticas à falta de planejamento no país.

- Não posso pensar em 2013. Quem fala que planeja no Brasil é mentiroso. Isso é balela. Não existe planejamento no futebol brasileiro. Se você tem resultados, aí você planeja, mas dentro da sua cabeça só. Não acontece isso na prática, até porque na semana seguinte você não sabe se estará no mesmo local - opinou o técnico.

Sem projetar o futuro, Dorival vive um presente em que o time não consegue engatar sequência de três vitórias no Brasileirão. O máximo foram duas. Depois de derrotar Coritiba e Santos, na quarta e quinta rodadas, perdeu para o Grêmio na sexta. Depois de vencer Figueirense e Náutico, foi derrotado pelo Palmeiras, na 17ª. Por último, venceu Atlético-GO e Atlético-MG, mas sofreu revés no clássico com o Fluminense.

Na visão de Dorival Júnior, a incostância se deve aos desfalques, tanto por lesão, quanto por cartões e convocações para seleções. Prova disso é que, em 18 jogos no comando, ele só conseguiu repetir a escalação uma vez.

Para o jogo com o Cruzeiro, Dorival não terá Cáceres e González, nas seleções paraguaia e chilena, respectivamente. Welinton, Renato e Amaral cumprem suspensão automática por conta do terceiro amarelo. Já Ramon volta ao time depois de ficar dois jogos fora. Airton será titular após recuperação de uma lesão na coxa direita.

- Regularidade é sequência de vitórias. O Flamengo deixou de jogar bem? Não. Merecíamos as vitórias, jogamos um belo futebol em alguns jogos. Algumas equipes não estão jogando bem, mas conseguem seus resultados. As alterações que faço são em vista dos desfalques. Quantos jogadores perco a cada rodada? Fica impossível manter uma equipe - garantiu.

Além disso, o comandante rubro-negro fez críticas ao calendário do futebol brasileiro e à falta de uma pré-temporada mais longa. Para ele, muitas lesões são causadas pela falta de tempo para preparação dos jogadores e pela maratona de jogos.


Rapidinhas do Mengão!

 

Flamengo recorre a banco por salários

 

O vice de Finanças do Flamengo, Michel Levy, foi a Belo Horizonte na quinta-feira para tentar um empréstimo com o BMG para pagar os salários dos jogadores, atrasados há um mês. A conversa foi produtiva e o dinheiro pode sair na semana que vem. Caso a diretoria não consiga todo o valor desejado, deverá recorrer ao Bic Banco, que cobra juros mais altos. Empréstimos em fim de mandato devem passar pelo conselho do clube.


Opção

O presidente do Conselho Fiscal do Flamengo, Leonardo Ribeiro, aproveitou a ida da equipe a São Paulo no meio de semana e se reuniu com diretores da Vulcabrás, em Jundiaí. Ouviu que a empresa concorda em estender o contrato, que iria até o fim de 2013, por dois anos, mas só poderão enviar proposta depois da eleição.


Cuidado vasco


“Esse negócio de ficar pagando um salário só para evitar que acumule os três meses também caracteriza mora. E aí a Justiça Trabalhista autoriza a rescisão”

Gislaine Nunes, advogada trabalhista, que defende jogadores contra clubes desde os anos 90. Nunes é a advogada de Ronaldinho Gaúcho contra o Flamengo.

Fla-Adidas: está na hora?





Há meses se arrasta a novela que diz respeito ao fornecimento de material esportivo do Flamengo. Com proposta em mãos vinda da Adidas, dirigentes na Gávea parecem indecisos com relação à viabilidade da rescisão com a atual fornecedora, Olympikus.,

A proposta inicial, de R$ 350 milhões por dez anos, soava próxima aos valores da parceria vigente, e uma renovação com a Olympikus poderia render luvas e cifras semelhantes às oferecidas. Havia dúvidas com relação à capilaridade, capacidade de produção e distribuição da Adidas. Adicionalmente, a boa relação do Flamengo com a Olympikus era um bem intangível que fazia do contrato algo pelo qual se deveria zelar. Por fim, a proximidade das eleições na Gávea tornavam inconvenientes decisões desta magnitude. Por tudo isto, o Blog Teoria dos Jogos se posicionou contrário ao rompimento, meses atrás. Confirmando o prognóstico, o relacionamento azedou de forma aparentemente irreversível, não havendo o que fazer quanto ao despreparo da atual administração do clube.

Em compensação, a Adidas sinaliza com nova proposta que começa a tornar vantajosa a empreitada. O contrato contemplaria reajustes inflacionários anuais (cerca de 5%), luvas e ressarcimentos por quebra de contrato – elevando o montante a mais de R$ 460 milhões em dez anos. O contrato começaria nos prometidos R$ 35 milhões e terminaria em mais de R$ 55 milhões. Seguiriam incertezas, especialmente no tocante à multa cobrada pela Olympikus. Mas o fato é que os novos valores colocariam, sim, o rubro-negro no esquadrão de elite do fornecimento de material esportivo.

Segundo levantamento de Eduardo Esteves, do site MKT Esportivo, os maiores contratos do mundo no momento são:

1. Real Madrid/Adidas – € 38 milhões (até 2020)
2. FC Barcelona/Nike – € 33 milhões (até 2018)
3.Manchester United/Nike – € 31.5 milhões (até 2015)
4. Liverpool/Warrior – € 31.01 milhões (até 2015)
5. Chelsea/Adidas – € 24.8 milhões (até 2018)
6. Bayern de Munique/Adidas – € 20 milhões (até 2020)
7. Inter de Milão/Nike – € 18.1 (até 2019)
8. Manchester City/Nike – € 14.9 milhões (próxima temporada até 2019)
9. AC Milan/Adidas – € 14.88 milhões (até 2017)
10.Juventus/Nike – € 13.1 milhões       (até 2016)

Nota-se que todos, especialmente os da Adidas, são de longo prazo – demonstrando que os maiores clubes não se opõem a parcerias nestes moldes, até por existirem cláusulas de renegociação no caso de defasagem. Além disso, se considerarmos uma média anual de R$ 46 milhões (quase € 18 milhões), o Fla estaria próximo de gigantes como o Bayern de Munique, sétimo melhor contrato.

Uma coisa é certa: não cabe questionar o porquê dos valores ao Flamengo serem inferiores aos do topo (como Real Madrid ou Chelsea). Segundo matéria de terça-feira, as vendas dos europeus nos últimos cinco anos seriam superiores – ainda que nas boas fases o rubro-negro atinja quantidade semelhante. Além disto, parte do investimento das fornecedoras tem caráter de “patrocínio”, auferindo exposição e visibilidade bem maiores por meio de marcas globais. Finalmente, questões relacionadas ao custo-Brasil (como a carga tributária) muitas vezes fazem da operação brasileira menos lucrativa do que em países desenvolvidos.

Um grande abraço e saudações!




sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Fisiologista do Flamengo, sobre Adriano: 'Agora complicou'


Adriano - Flamengo (Foto: André Portugal)Após a divulgação de um vídeo pelo jornal "O Dia", no qual o atacante Adriano aparece na boate São Nunca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, no dia anterior ao que não foi ao treino alegando dores nas costas, o fisiologista do Flamengo, Claudio Pavanelli, disse ao LANCENET! que a situação do Imperador no Rubro-Negro ficou delicada.

– Fiquei sabendo nesta sexta pela manhã, mas ninguém do Flamengo comentou conosco sobre essa falta. Agora começa a complicar, mas vamos esperar para ver no que vai dar. No clube só houve uma conversa informal, nada oficial – adiantou Pavanelli.

Adriano saiu da boate por volta das 3h de quarta, no meio da apresentação de funk do MC Ticão. O empresário do músico, Diogo Santos, confirmou ao LNET! a presença do atacante rubro-negro no show.

– Adriano esteve no show do Ticão na quarta-feira, mas eu não esperava que ele fosse faltar ao treino no dia, ele estava tranquilo. Quando fiquei sabendo, eu me surpreendi. Ele tem de saber separar as coisas – afirmou.

Existe a expectativa de que o Flamengo se posicione sobre o assunto no início da próxima semana. Essa ausência seria contabilizada como a quarta desde que o Imperador assinou contrato com o clube e, assim, ele corre o risco de ser demitido.

Procurado pela reportagem do LNET!, o diretor de futebol do Flamengo, Zinho, não atendeu às ligações para comentar mais um deslize do jogador. Já a assessoria de imprensa da boate São Nunca recebeu a orientação de não confirmar a presença de Adriano no local.

AS FALTAS DE ADRIANO

Primeira falta
No dia 29 de agosto, Adriano teve a primeira falta desde que assinou contrato com o Flamengo. O atacante deveria treinar em período integral, mas não compareceu no Ninho à tarde.

Segunda falta
No dia 3 de setembro, Adriano faltou novamente. Na ocasião, o atacante foi visto por policiais da UPP na comunidade da Vila Cruzeiro.

Terceira falta
No dia 29 de setembro, Adriano faltou pela terceira vez, limite estabelecido em contrato. Na véspera, o atacante foi visto em uma boate na Barra da Tijuca.



Atletas de Flamengo e UFC posam juntos para foto em hotel do Rio


O hotel escolhido pelo Ultimate para abrigar seus lutadores durante o UFC Rio III é o mesmo que sempre recebe a delegação do Flamengo em dias de concentração na capital carioca. Neste sábado à noite, os lutadores Rodrigo Minotauro, Wagner Caldeirão e Fábio Maldonado encontraram no local os jogadores Ibson e Ramon e posaram para foto.

Rodrigo Minotauro, Wagner Caldeirão, Ibson, Ramon, Fabio Maldonado (Foto: Reprodução/ Twitter) 
Lutadores do Team Nogueira, como Rony Jason, Rodrigo Minotauro, Fábio Maldonado e Wagner Caldeirão, posam para foto ao lado de Ramon e Ibson em hotel na Barra da Tijuca (Foto: Reprodução/ Twitter)

 A delegação do Flamengo está concentrada porque o time enfrenta o Cruzeiro, neste sábado, no Rio de Janeiro. Esta será 30ª partida do clube no Brasileirão.

O UFC Rio III será disputado no próximo sábado com transmissão ao vivo do canal Combate a partir de 19h45m. O SPORTV.COM acompanha as lutas em Tempo Real.

UFC 153 (UFC Rio III)
13 de outubro de 2012, no Rio de Janeiro

CARD PRINCIPAL
Anderson Silva x Stephan Bonnar
Rodrigo Minotauro x Dave Herman
Glover Teixeira x Fábio Maldonado
Jon Fitch x Erick Silva
Wagner Caldeirão x Phil Davis
Demian Maia x Rick Story

CARD PRELIMINAR
Rony Jason x Sam Sicilia
Gleison Tibau x Francisco Massaranduba
Diego Brandão x Joey Gambino
Serginho Moraes x Renée Forte
Luiz "Banha" Cané x Chris Camozzi
Cristiano Marcello x Reza Madadi



Ferj pode inchar Carioca-2013 e pôr turno extra antes de definir campeão



HOME Rubens Lopes (Foto: Paulo Sérgio)O Carioca pode ganhar ainda mais datas de jogos a partir de 2013. Caso a proposta enviada pelo clubes pequenos do Rio seja aprovada no Conselho Arbitral da Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj), um terceiro pode ser implantado e seria formado com os quatro clubes de maior pontuação na competição. Com isso, os campeões dos dois primeiros turnos não terão lugar garantido na decisão do Estadual. 

- Achei a proposta excelente, porque vai premiar quem tiver mais regularidade e acabar com a distorção que teve neste ano, por exemplo, quando Fluminense e Botafogo, que tinham menos pontos que o Flamengo, decidiram o campeonato - afirmou o presidente do Madureira, Elias Duba, ao LANCENET!.

Com o popssível novo formato - que pode sofrer alterações no arbitral da Ferj, previsto para a última semana de outubro - os campeões da Taça Guanabara e da Taça Rio já terão vaga garantida na semifinal da competição, que será completada com dois de saírem do terceiro turno, do qual não participarão.

- É uma tentativa de aumentar o número de clássicos - completou Duba.

E para comportar a maior quantidade de jogos no mesmo espaço de tempo?

- Vamos ter que diminuir o intervalo entre as partidas, colocando mais jogos no meio de semana - disse Jânio Moraes, presidente do Nova Iguaçu.

Em entrevista à Rádio Tupi, o presidente Rubens Lopes ainda disse que a finalíssima do Carioca - a ser disputada em dois jogos - não terá diferença de saldo de gols.

- Nas duas partidas finais, independentemente dos resultados, haverá outra partida na qual, se empatar em pontos ganhos, a decisão vai para os pênaltis. Isso impede o esvaziamento do segundo jogo como neste ano, quando o Fluminense fez 4 a 1 no primeiro jogo contra o Botafogo e esvaziou o outro jogo - afirmou Rubens Lopes.

O novo formato do Carioca lembra o que acontece no Campeonato Catarinense. Lá, mesmo que o time conquiste os dois turnos, ele disputa uma final contra o de melhor pontuação. Neste ano, o Figueirense pagou o preço e foi vice-campeão, faturando os turnos iniciais.



Gigante da colina é a pu.. qu. pa... !!!


Fla entra com efeito suspensivo para evitar perda de mando de campo



Flamengo e Atlético-GO perderam um mando de campo cada por causa dos rojões atirados no gramado do Serra Dourada durante a última partida entre os dois clubes pelo Campeonato Brasileiro (vitória do Rubro-Negro por 2 a 1). Na quinta-feira, a CBF divulgou que no dia 21 de outubro, em vez de encarar o São Paulo no Engenhão, como estava previsto, o time carioca terá de jogar no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. O clube, porém, entrou com pedido de efeito suspensivo.

- O Flamengo não pode ser punido por um problema que aconteceu em uma partida em que não tinha o mando de campo. Entendemos que a multa é cabível, mas não a perda do mando de campo. O clube já entrou com o pedido de efeito suspensivo, e esperamos uma resposta positiva do Tribunal. O Engenhão tem capacidade para 40 mil pessoas, em Volta Redonda, é de 15 mil. Não estamos afrontando a decisão, apenas mostramos que não podemos ser prejudicados pela atitude de um torcedor - afirmou o vice-presidente de relações exteriores, Walter Oaquim.

Na partida entre Flamengo e Atlético-GO, foram atirados dois rojões em campo, ambos vindos da torcida do time carioca. Os clubes também foram multados: R$ 10 mil para os goianos, R$ 20 mil para os cariocas.

Os dois clubes foram denunciados com base no artigo 213 do CBJD (deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir: lançamento de objetos no campo ou local da disputa do evento desportivo).

O pedido de efeito suspensivo será julgado em breve pelo Pleno do Tribunal.




Vagner Love não joga a toalha pela artilharia do Brasileirão e seca rivais


Vagner Love, treino do Flamengo (Foto: Mauricio Val / Vipcomm)A concorrência está acirrada, mas Vagner Love não desiste: quer brigar pela artilharia do Campeonato Brasileiro. Com 11 gols, o atacante do Flamengo não marca desde a vitória por 2 a 1 sobre o Atlético-MG, no dia 26 de setembro. De lá para cá, foram três jogos em branco, justamente quando seus concorrentes no páreo dos goleadores arrancaram. Agora, Luis Fabiano - do São Paulo -, Bruno Mineiro - da Poruguesa - e Fred - do Fluminense - abriram três tentos de dianteira em relação ao rubro-negro, que tenta deslanchar na reta final da competição.

- Está difícil para mim agora, mas ainda acredito que posso ser artilheiro. Ainda temos nove jogos. Quem sabe não faço um gol por rodada? Vou secar o Fred, o Luis Fabiano e o Bruno Mineiro também (risos). Ainda dá - disse Vagner Love, depois de participar do programa Arena SporTV.
.
O atacante, porém, terá de ser muito mais efetivo para retornar com forças à briga pela artilharia. Apesar de ter menos gols que o trio líder do ranking de goleadores, o flamenguista tem mais jogos que os rivais na competição. Love esteve em 27 das 29 partidas do Fla neste Brasileirão e tem uma média de gols de 0,41 por jogo. Luis Fabiano, por exemplo, tem mais que o dobro de eficiência (tem média de 0,94 gol por partida).

Briga pela artilharia
Jogador Gols Partidas Média
Luis Fabiano 14 15 0,94
Bruno Mineiro 14 16 0,88
Fred 14 20 0,7
Vagner Love 11 27 0,41

Obs:  Vagner Love ganha 700mil/mês. Se tivesse feito pelo menos 10 gols dos 100 que perdeu, o Flamengo estaria entre os primeiros colocados.


 O atacante rubro-negro conhece o caminho para melhorar nesse quesito. Ele diz que tem de ser preciso nas poucas oportunidades que tiver para evitar ficar muito tempo sem balançar a rede. De quebra, Vagner Love espera contribuir para livrar o Flamengo de qualquer risco de rebaixamento - o time ocupa atualmente a 15ª posição, com 35 pontos.

- Minha fase está sendo boa. Só não posso ficar alguns períodos sem fazer gols como vinha ocorrendo. Espere ajudar para que a fase do Flamengo mude de figura e fique tão boa quanto a minha - disse o jogador.

A perseguição de Vagner Love aos líderes da artilharia terá novo capítulo neste sábado, quando o Flamengo enfrentará o Cruzeiro. A partida, válida pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro, está agendada para as 18h30m, no Engenhão.



Com desfalques, técnico confirma Fla com Frauches, Airton e Liedson

Após fazer mistério no rachão desta sexta-feira, Dorival Júnior não escondeu o time titular do Flamengo para encarar o Cruzeiro, neste sábado, às 18h30m (de Brasília), no Engenhão, na coletiva. Sem Renato, Amaral e Wellinton, suspensos pelo terceiro amarelo, e Cáceres e González, convocados para seleções de Paraguai e Chile, respectivamente, ele optou pelas entradas de Airton, Frauches e Liedson.

O volante está recuperado de lesão e joga ao lado de Ibson. O restante do meio de campo será composto por Léo Moura e Cleber Santana. Após ser barrado da partida contra o Corinthians, Frauches fecha a zaga com Renato Santos.

Dorival Junior no treino do Flamengo (Foto: Maurício Val / Vipcomm)Dorival não fez mistério e confirmou a escalação do Fla para este sábado (Foto: Maurício Val / Vipcomm)
 
O atacante Liedson, que reclamou de ficar no banco contra os paulistas, volta a ganhar uma chance, formando dupla de ataque com Vagner Love. Ele vinha jogando bem, mas Dorival optou por um time com um só centroavante na última partida.

- Não tem mistério. Jogam Frauches, Airton e Liedson. Além da volta do Ramon, que naturalmente aconteceria. O time é formado em cima disso - relatou.

Ramon estava há dois jogos fora. Contra o Bahia, por conta do terceiro cartão amarelo. Diante do Corinthians, por ter vínculo contratual.

Dorival Júnior ainda reclamou da falta de tempo para treinar a equipe, que jogou na quarta-feira, desembarcou no Rio na quinta, e voltou às atividades nesta manhã. Antes do treino, contudo, o vice de finanças Michel Levy se reuniu com os atletas, que depois participaram de um rachão.

- Tivemos a conversa com o Michel, depois foi aberta a atividade. Só fizemos o aquecimento e paramos para falar com ele. Não consegui fazer nada antes disso - concluiu.

O goleiro Felipe ficou em tratamento no clube. Ele não participou da atividade por conta de uma contusão no pé direito, mas segundo a assessoria de imprensa, não será problema para a partida de sábado.

Com a definição de Dorival Júnior, o time que vai a campo terá Felipe, Wellington Silva, Frauches, Renato Santos, Ramon; Aírton, Ibson, Léo Moura, Cleber Santana; Liedson e Vagner Love.


Vice de finanças explica atraso, e Dorival diz: ‘Não pode interferir'


O feriado de Nossa Senhora Aparecida não foi de preces no Flamengo, mas sim de explicações e justificativas. Dirigindo seu carro, o vice-presidente de finanças Michel Levy chegou ao Ninho do Urubu na companhia de Zinho depois do horário marcado para o início da atividade e deu uma arrancada no acesso ao CT. A pressa tinha explicação: Levy foi a campo explicar aos jogadores o motivo do atraso nos salários, dar garantia que o problema será resolvido e evitar maiores desdobramentos. Os atletas já faziam aquecimento e tiveram que interromper a atividade. O prazo para o depósito foi até a próxima quarta-feira.

Dorival Júnior comentou o assunto, minimizou o problema e disse que o atraso não pode ter reflexo em campo.

Levy com Dorival Junior no treino do Flamengo (Foto: Globoesporte.com) 
Dorival Júnior e Michel Levy conversam durante treino do Flamengo (Foto: Globoesporte.com)

- É bom para a gente esclarecer. Dentro do futebol brasileiro, 10, 15 dias de atraso, não é motivo nenhum para que se coloque para fora e se conteste. Outros clubes vivem momentos mais difíceis, mas isso não deve interferir no rendimento dentro de campo. O atleta profissional deve ir a campo para fazer o melhor. Jamais vou deixar de abraçar os atletas, mas esse não seria o motivo para levantar após uma derrota. A diretoria do Flamengo tem pago salários em dia regularmente. O Michel (Levy) esteve aí para esclarecer. Já passamos situações piores, em diversos momentos, e não levamos isso para campo. Não pode ter interferência e ser decisivo em relação a resultado. A própria colocação do Liedson foi bem equilibrada. Ele apenas confirmou que havia atraso, mas que não teria interferência dentro de campo. A derrota aconteceu, mas não podemos levar a derrota para uma situação como essa. É natural que incomode o profissional, mas não é decisivo - disse o treinador.

O técnico disse ainda que o atraso salarial tem maiores consequências quando se torna recorrente:

- Desestabiliza a partir do momento em que acumula. Sempre vou estar do lado dos jogadores, independentemente do que acontecer. O que peço para a diretoria é salário em dia e condição de campo e bola. Se não puder me dar um jogador top, não tem problema. Só peço isso. Não podemos levar isso para dentro de campo em uma hora como essas. Temos que pensar no Flamengo, e não na nossa própria situação agora. Temos que recuperar o bom momento e não ficar preocupado com um fato como esse. Temos a certeza de que estão trabalhando para que isso seja resolvido. Terça ou quarta-feira, no mais tardar, estará resolvido.

Dorival Junior no treino do Flamengo (Foto: Janir Júnior / Globoesporte.com) 
Técnico diz que problema salarial não pode interferir dentro de campo (Foto: Janir Júnior / Globoesporte.com)
 
Depois da derrota por 3 a 2 para o Corinthians, na quarta-feira, Liedson comentou o assunto ainda no gramado do Pacaembu.

- Temos de ter consciência daquilo que estamos fazendo, uma hora tem que receber, os salários estão atrasados, mas se melhorar dentro de campo tem que melhorar fora. Alguns companheiros dependem do salário em dia, eu também dependo, mas temos de pensar dentro de campo - disse o atacante.

No desembarque do time na tarde desta quinta-feira, Levy disse que o salário de agosto poderia ser quitado em 24 horas. Questionado ainda no aeroporto sobre a declaração de Liedson e o atraso dos vencimentos, Zinho deu outro prazo e comentou a situação:

- Não ouvi a declaração do Liedson, então não vou fazer comentário. Mas não é motivo para os jogadores estarem insatisfeitos por alguns dias de salário atrasado. Até o dia 25 de setembro esteve em dia. O salário vai ser posto em dia no máximo até terça-feira. É um mês de atraso. Infelizmente houve um problema de bloqueio de uma verba do Flamengo. A parte financeira do clube já me prometeu e deixei os jogadores bem tranquilos. Não é um fato relevante em relação a desempenho de equipe. Em todos esses meses, tudo ficou rigorosamente em dia - disse o dirigente.

Segundo acordo interno no clube, os salários são depositados todo dia 25. Agosto não foi quitado, e setembro tem previsão de ser pago no início da segunda quinzena do mês corrente. O departamento de finanças do clube espera a liberação de algumas verbas que estavam previstas para entrarem na conta do Rubro-Negro na sexta-feira passada, o que não aconteceu.

O Flamengo está com uma penhora judicial devido ao não pagamento dos tributos de 2007, 2008 e 2009. O clube já fez a solicitação ao juiz para a liberação desse dinheiro e aguarda que isso ocorra nos próximos dias.

Love disse que o atraso não tem influência em campo, mas deixou claro que espera que a situação seja resolvida em breve.

- Olha, atrapalhar dentro de campo não atrapalha, porque é o que a gente gosta de fazer, que é representar o Flamengo bem e a gente não tem que pensar nisso. A diretoria tem que fazer o seu papel, nós somos os empregados e temos que receber. A diretoria vai trabalhar para resolver o mais rápido possível. Para mim não atrapalha, mas para quem está começando as contas não param de chegar. As pessoas têm família para sustentar, espero que possa resolver isso logo para todo mundo estar feliz, acordar e ir trabalhar 
tranquilamente - disse Love no “Arena SporTV”.

Neste sábado, o Flamengo enfrenta o Cruzeiro, às 18h30m, no Engenhão.

Tietado, Vagner Love faz a festa de dia das crianças no Altas Horas



Com a bola no pé, Vagner Love se sente à vontade. E o atacante do Flamengo mostrou que também tem desenvoltura com as crianças. O jogador fez a festa dos garotos e garotas que compuseram a plateia na gravação do programa Altas Horas, na última quinta-feira. Por algumas horas, Love deixou de lado as preocupações com a fase conturbada por que passa o Fla dentro e fora de campo. Tietado e “sabatinado”, ele teve de se virar para responder às perguntas dos meninos.

Vagner Love no Altas Horas (Foto: Marcos Guerra/Globoespote.com) 
Vagner Love é sabatinado por crianças no Altas Horas (Foto: Marcos Guerra/Globoespote.com)
 
Os garotos queriam saber de tudo, desde como é a vida de um jogador de futebol ao momento mais marcante da carreira do atacante. Até as características tranças de Vagner Love entraram em pauta, e ele fez questão de não deixar nenhuma criança desapontada.

- Ainda não ganhei um título pelo Flamengo. Acredito que será muito emocionante. Mas me emocionou muito quando consegui o acesso para a Série A com o Palmeiras (em 2003). Foi uma loucura no Aeroporto quando retornamos de Garanhuns, em Pernambuco - recordou o atacante, que também explicou seu visual.

Vagner Love conversa com garotos no Altas Horas (Foto: Marcos Guerra/Globoespote.com) 
- Quando eu era pequeno eu era careca. Um dia eu deixei o cabelo crescer e fiz essas traças. Ficou legal, então mantive. Sempre coloco a cor do time e que estou. Usava verde quando estava no Palmeiras, azul no CSKA, da Rússia, e vermelho no Flamengo.

Nem todas as perguntas, porém, foram fáceis de serem respondidas. O palmeirense João Gabriel Salomão é jovem, mas tem boa memória. Ele aproveitou a chance de ficar cara a cara com o atacante para questionar o pênalti perdido por Love quando ainda defendia o Palmeiras na reta final do Brasileirão de 2009, justamente diante do Flamengo, time de infância do jogador e que o contratou poucos meses depois. O jogador ficou meio sem jeito, mas deu uma satisfação ao pequeno torcedor.

- Só perde quem bate (risos). Achei que o goleiro iria para um lado, e ele foi para o outro. Acabei mandando a bola lá na piscina do Palestra Itália. Mas saí do Palmeiras porque tive problemas com alguns torcedores.

Vagner Love é tietado no Altas Horas (Foto: Marcos Guerra/Globoespote.com)
 Além de ter sido colocado contra a parede, Vagner Love também ganhou o apoio de algumas crianças no quadro púlpito, em que a plateia ganha voz para reclamar de qualquer coisa.

- Eu protesto contra o Mano Menezes que não chama o Vagner Love para a Seleção - disse Francisco Lima, que é botafoguense, mas se rende ao futebol do atacante flamenguista.

O jogador ainda se divertiu com uma foto sua de quando era um bebê gordinho e caiu na gargalhada ao rever a participação do já magrelo garoto Vagner no programa da Xuxa. Entre lembranças e ensinamentos no Altas Horas, o atacante renovou seu ânimo depois da derrota diante do Corinthians, na última quarta-feira. Ele se prepara para fazer a festa agora dos garotos flamenguistas, e o presente de dias das crianças pode vir atrasado, com gols e uma vitória sobre o Cruzeiro, neste sábado, às 18h30m, no Engenhão.


Presidente do STJD defende auditor que puniu Ronaldinho: 'Foi imparcial'


O desabafo do presidente do Atlético-MG, Alexandre Kalil, não passou batido no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Apesar de ter considerado infantil a atitude do autor da denúncia contra Ronaldinho Gaúcho, que foi suspenso e desfalcou o Galo contra o Internacional, o presidente do STJD, Flavio Zveiter, defendeu o auditor, em entrevista ao "SporTV News", e disse acreditar que Jonas Lopes de Carvalho Neto não levou em conta preferências pessoais na hora do julgamento - nas redes sociais, ele demonstra ser torcedor do Flamengo.

- A atitude dele, tenho certeza absoluta, foi um julgamento imparcial - afirmou Zveiter.

Apesar de demonstrar confiança no auditor, Zveiter revelou que haverá uma apuração devido as fotos postadas por ele na internet. No Facebook, por exemplo, Jonas Lopes publicou uma montagem do personagem Capitão Nascimento, personagem interpretado pelo autor Wagner Moura no filme Tropa de Elite, interpelando Ronaldinho Gaúcho na época em que deixou o Flamengo. Após a repercussão, ele resolveu deletar o perfil na rede social.

Ronaldinho Cap. Nascimento montagem Facebook (Foto: Reprodução / Facebook) 
Auditor postou uma montagem no Facebook que usa imagem de Ronaldinho (Foto: Reprodução / Facebook)

Segundo Zveiter, o auditor procurou o STJD e sugeriu que houvesse uma apuração. Quando isso aconteceu, já havia sido determinado um procedimento para verificar se houve ou não alguma infração.

- Ele me procurou para que a conduta dele fosse analisada, pois ele afirma que postou isso na internet há cinco meses e que o fato está totalmente dissociado do julgamento no qual ele foi o relator.

Se algo for constatado, Jonas Lopes pode ser punido. O presidente do STJD indica que não acredita em influência e lembra que a decisão de suspender de Ronaldinho Gaúcho não foi tomada apenas pelo envolvido na polêmica, embora ele defendesse pena maior. 

- A decisão que o auditor proferiu quando o julgamento foi voto vencido porque ele optou oor suspender o Ronaldinho por duas partidas e os demais puniram por uma partida.

Em nota, o auditor se defendeu. Ele afirmou que sempre pautou suas decisões sem levar em consideração o clube para o qual torce.



quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Flamengo e UNICEF em defesa dos direitos da criança


Flamengo x Corinthians (10.10) Durante o mês de outubro, mês das crianças, o Mengão entrará em campo, em todos os jogos, registrando o apoio do Flamengo e da UNICEF pelos direitos da criança. A parceria da instituição com o clube é única no Brasil. No mundo, só o Barcelona apóia a causa. 
 
 
 
 
 
 
 
 

Ramon será julgado no STJD por expulsão no Fla-Flu



Ramon - Flamengo (Foto: Cleber Mendes)O lateral-esquerdo Ramon pode ser suspenso por dois jogos pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Na próxima quarta-feira, o jogador do Flamengo será julgado pela expulsão no clássico contra o Fluminense, no dia 30 de setembro.

Ramon é acusado de praticar “ato desleal” na partida, conforme descrito no artigo 250 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD). A pena para tal infração varia de uma a três partidas de suspensão. Como já cumpriu a suspensão automática no jogo contra o Bahia, o lateral-esquerdo pode ficar apenas mais dois jogos fora, mesmo que pegue a pena máxima.

Antes de ser julgado, Ramon pode entrar em campo nos próximos dois jogos do Flamengo no Campeonato Brasileiro, contra o Cruzeiro, neste sábado, e contra a Portuguesa, na próxima quarta-feira.

Remadores buscam a invencibilidade na 5ª Regata


Foto: Leandra BenjaminAtual líder e campeão invicto do Campeonato Estadual de Remo, o Flamengo se prepara para encarar a quinta e penúltima etapa da competição, que conta com os principais clubes do Rio de Janeiro, e segue até o dia 11 de novembro. A 5ª Regata será disputada no próximo domingo (14.10), a partir das 9h, na Lagoa Rodrigo de Freitas, com a realização de 12 provas.

Com a garra e determinação de seus remadores e comissão técnica, o Rubro-Negro está na liderança da classificação geral, com um total de 322 pontos, seguido por Botafogo (279) e vasco (127), respectivamente.

A 5ª Regata será de boas e acirradas disputas. Um dos principais destaques será a prova do Double Skiff peso-leve, que terá a campeã mundial Fabiana Beltrame e sua companheira Luana Bartholo, o dueto que competiu em Londres, buscando a medalha de ouro em casa. Outra prova que merece atenção é a do 4 Com categoria aberta, que terá como arma, a experiência de Gibran Cunha, Santiago Fernandez, Marcelus Marcili, Sebastian Fernandez e do timoneiro Nilton Alonço, o Gauchinho.

"Considero essa regata como a mais dura da temporada, assim como todas que vierem pela frente, pois também está em disputa a invencibilidade do Flamengo que, vencendo as duas regatas que faltam, vai alcançar três anos de invencibilidade no Estadual. Os atletas se empenharam nos treinamentos a altura de quem defende não só a liderança como também a invencibilidade, seriamente comprometidos, buscando melhorar os barcos a cada treino, muita aplicação, simplicidade e humildade, uma vez que ainda não tem nada definido e os adversários têm investido pesado em suas equipes e trabalhado muito duro, assim como nós", disse o técnico Marcos Amorim.

Além das provas citadas acima, as disputas do Four peso leve e do Single Skiff Sub-23 peso-leve serão fundamentais para manter a invencibilidade rubro-negra no campeonato. Na A, o Flamengo será representado por João Hildebrando, Thiago Carvalho, Alisson Araújo e Renato Cataldo. Gabriel Rodrigues, Fernando Nunes, Maurílio Monteiro e Thiago Pereira vêm no barco B. William Giaretton, o Magrão, terá a responsabilidade de buscar o ouro na disputa individual do Skiff Sub-23 peso-leve.

Confira a programação da 5ª Regata:

1ª prova: 4 Sem Junior A
2ª prova: 2 Com Aspirante
3ª prova: Single Skiff Sub-23 Peso-leve
4ª prova: Four Skiff Junior B / Feminino
5ª prova: Four Skiff Infantil / Feminino
6ª prova: Single Skiff Junior B
7ª prova: Double Skiff Peso-leve / Feminino
8ª prova: 4 Com Aberto
9ª prova: Four Skiff Máster "D"
10ª prova: Double Skiff Junior B
11ª prova: Four Skiff Peso-leve
12ª prova: Oito Com Aspirante
 
 

Federação Paulista divulga sedes e grupos da Copa São Paulo 2013



A Federação Paulista de Futebol divulgou nesta quinta-feira os grupos e as sedes da Copa São Paulo de Juniores 2013. Assim como este ano, serão 24 cidades que sediarão os jogos das chaves, que contam com quatro clubes cada, totalizando 96 participantes.

Confira os grupos:

Em Presidente Prudente: Grêmio Prudente, Grêmio, Aquidauanense-MS e Espigão-RO.

Em Marília: Marília, Coritiba, Cruzeiro-DF e Mirassol.

Em Lins: Linense, Rio Preto, Noroeste e Atlético-MG.

Em Penápolis: Penapolense, Juventude, Náutico e Portuguesa.

Em Novo Horizonte: Novorizontino, Figueirense, Sport e Desportiva Ferroviária.

Em São José do Rio Preto: América-SP,  Flamengo, Santos-AP e Rondonópolis.

Em Monte Azul Paulista: Monte Azul, Vitória, ABC e Mogi Mirim.

Em Franca: Francana, Atlético-PR, Barras-PI e ASA.

Em Ribeirão Preto: Comercial-SP, vasco, Paysandu e Botafogo-SP.

Em São Carlos: São Carlos, São Paulo, União-MT e Guaicurus-MS.

Em Leme: Lemense, Goiás, Guarany-SE e Guarani.

Em Araras: União São João, Corinthians, XV de Piracicaba e Americano-MA.

Em Rio Claro: Velo Clube, Fluminense, Itaúna-MG e Atlético-AC.

Em Jaguariúna: Santos, São Mateus, Remo e Corinthians-AL.

Em Sumaré: Sumaré, Ceará, Santa Cruz e São Raimundo-RR.

Em Louveira: Audax São Paulo, Bahia, Criciúma e Botafogo-PB.

Em São José dos Campos: São José-SP, Cruzeiro, São Francisco-BA e São Caetano.

Em Taubaté: Taubaté, Botafogo, Gama e Santo André.

Em Porto Feliz: Desportivo Brasil, Avaí, Atlético-GO e América-RN.

Em Barueri: Barueri, Palmeiras, Fluminense-PI e Confiança.

Em Osasco: Osasco, Internacional, Nacional-AM e Paulista.

Em São Bernardo do Campo: São Bernardo, Fortaleza, Caxias e JV Lideral.

Em Guarulhos: Flamengo-SP, América-MG, Vila Nova e Juventus-SP.

Em São Paulo: Nacional-SP, Paraná, Tocantinópolis e Ponte Preta.