Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

sábado, 20 de julho de 2013

Léo Moura pede Flamengo inteligente e corajoso contra o Inter em Caxias

Inteligência e coragem. Para Léo Moura, essas deverão ser as características do Flamengo para vencer o Internacional neste domingo, em Caxias do Sul, pelo Brasileirão. Quinto colocado, com 12 pontos, o Colorado vem de duas vitórias diante de cariocas - Vasco e Fluminense - após a parada da competição para Copa das Confederações. O lateral, por sua vez, quer encerrar a série e aproveitar para colar no rival na tabela de classificação. Para isso, pede que o Rubro-Negro seja ofensivo, mesmo fora de seus domínios.

- É um jogo de seis pontos e dificílimo, mas ninguém é imbatível. Sabemos da força do Inter aqui no Sul, mas vamos buscar a vitória. Estamos procurando crescer no Brasileiro e vai ser importante vencer para encostar no pelotão. Não podemos só defender, temos que ir para cima também. Essas equipes grandes deixam espaços. Se apenas nos defendermos contra um time de qualidade, é pior. Vamos procurar jogar para frente com inteligência.

Léo moura Treino Flamengo (Foto: Cahê Mota) 
Léo Moura distribui autórgrafos após o treino do Fla em Caxias do Sul (Foto: Cahê Mota)

O capitão rubro-negro acredita que o fato do confronto estar marcado para o estádio Centenário não aumenta em nada o grau de dificuldade comum a todos os duelos com o Inter. As três vitórias consecutivas e a invencibilidade de seis partidas, entretanto, deixam Léo Moura animado e confiante em manter a evolução sob o comando de Mano Menezes.

- Jogar contra o Inter é sempre muito difícil, seja em Caxias ou no Rio. Para o Flamengo, é bom pegar adversários assim, que são candidatos ao título. Dá para saber o grau de dificuldade que enfrentaremos ao longo do Brasileiro. Temos evoluído jogo a jogo e temos que fazer nossa parte para vencer. Temos que ser inteligentes, ainda mais fora de casa.

O otimismo com o qual encara o duelo com o Inter vale também para enfrentar o forte frio que faz na Serra Gaúcha. De acordo com meteorologistas, há previsão de neve no início da próxima semana.

- Depois que a bola corre, tudo passa. O frio é só antes de começar o jogo. Nosso maior adversário é o Inter.

Com nove pontos , o Flamengo é o 11º colocado no Brasileirão. O confronto com o Colorado acontece domingo, às 16h (de Brasília), no Centenário, em Caxias do Sul, e é válido pela oitava rodada do Brasileirão.

Transmissões Internacional x Flamengo - Globo para RJ, MG, ES, RS (menos Porto Alegre), SC e Regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste (Foto: Editoria de Arte)

Volta para casa: Flamengo deve treinar na Gávea na véspera do clássico

A próxima semana não deve marcar somente a volta do Flamengo ao Maracanã. A tendência é que o clube reapareça também na Gávea. Essa é a ideia da diretoria para a véspera do clássico com o Botafogo, domingo, dia 28, pela nona rodada do Brasileirão. A expectativa é que a atividade do próximo sábado seja realizada na sede social e aberta ao público para aproximar o elenco da torcida. Há a possibilidade ainda de que a medida se torne comum nos dias que antecedem os jogos no Rio de Janeiro.

Desde que passou a usar o Ninho do Urubu para treinamentos em definitivo, em 2010, com Luxemburgo, aparições na Gávea são raríssimas. O diretor executivo, Paulo Pelaipe, no entanto, acha que a medida é válida para que o torcedor tenha contato com o time. Apesar do Flamengo não estar usando o local, as instalações seguem em boas condições têm sido utilizadas por visitantes. Antes da Copa das Confederações, a Seleção treinou no local e na última semana o Internacional, rival de domingo, se "hospedou" na preparação para o confronto com o América-MG, pela Copa do Brasil.

Mano fecha treinamento e mantém mistério sobre escalação do Flamengo


Mano Menezes levará para o vestiário do estádio Centenário o mistério sobre a escalação do Flamengo para pegar o Inter. Neste sábado, o treinador comandou um treinamento fechado para imprensa no centro de treinamento do Caxias e manteve a dúvida entre Val e Bruninho para substituir Gabriel. Marcado para às 10h (de Brasília), a atividade foi liberada para torcedores e jornalistas apenas uma hora depois, quando já acontecia o tradicional recreativo de véspera de jogos. O Rubro-Negro encara o Colorado na Serra Gaúcha no domingo, às 16h, pela oitava rodada do Brasileirão.

O comandante do Flamengo tem dois problemas para a partida: Cáceres e Gabriel, ambos com lesões na coxa direita, foram vetados pelo departamento médico. No lugar do volante, Diego Silva tem a entrada confirmada. Já a opção para o lugar do camisa 10 é guardada a sete chaves por Mano. Bruninho participou do treino tático na manhã de sexta-feira, no Ninho do Urubu. Entretanto, por se tratar de uma partida fora de casa, a tendência é que Val seja o escolhido para uma formação mais prudente.

No período aberto para o público, o elenco rubro-negro disputou um animado rachão no CT, que é, na verdade, um campo anexo ao próprio Centenário. Na parte final, alguns jogadores chegaram a treinar cobranças de pênaltis, enquanto o restante atendeu a torcedores e crianças a escolinha do Caxias, que tinham acabado uma atividade ao lado do espaço onde o Flamengo treinava. Com nove pontos, o clube é o 11º colocado no Brasileirão e deve enfrentar o Inter, quinto, com 12, com Felipe, Léo Moura, Wallace, González e João Paulo; Diego Silva, Elias, Val (Bruninho) e Paulinho; Carlos Eduardo e Marcelo Moreno.


Flamengo e Torcidas Organizadas

 
O Clube de Regatas do Flamengo, com o objetivo de dar esclarecimentos aos sócios e à torcida rubro-negra, informa que há mais de um mês vem realizando reuniões conjuntas com diversas torcidas organizadas no intuito de criar uma relação formal, transparente, com responsabilidade social, e que seja muito positiva tanto para o clube quanto para estas torcidas.
 
Como as bases deste acordo ainda não foram validadas por todas as partes, estávamos aguardando o acerto definitivo para maior divulgação. Devido à publicação na imprensa, achamos por bem adiantar os itens atualmente em discussão. Desde já deixamos claro que a diretoria não deu e nem dará ingressos para as torcidas organizadas.
 
1.      Termo de Compromisso de Conduta
 
- Manter a paz nos estádios
 
- Respeitar as torcidas adversárias
 
- Zelar pela imagem do Flamengo
 
- Respeitar os interesses comerciais do clube e seus patrocinadores
 
- Cumprir as obrigações do TAC (Termo de Ajustamento de Conduta - Ministério Público)
 
- Respeitar o Estatuto de Defesa do Torcedor

2.       Como  contrapartida,  o Clube de Regatas do Flamengo facilitará a compra de ingressos por parte das torcidas organizadas e iniciará um trabalho conjunto visando uma possível futura parceria, com o objetivo de dinamizar o Programa Sócio Torcedor e a comercialização de  itens que gerem receita para o Flamengo.
 
A diretoria do Flamengo acredita que este acordo, a ser realizado com as torcidas organizadas sérias e que se interessam tão somente no fortalecimento do clube, será muito positivo para o clube, para os torcedores e para o futebol brasileiro como um todo.

sexta-feira, 19 de julho de 2013

Com clima muito frio, delegação do Flamengo chega a Caxias do Sul

Frio. Muito frio. Foi diante desse clima que o Flamengo desembarcou em Caxias do Sul para encarar o Internacional, domingo, às 16h (de Brasília), no estádio Centenário, pela oitava rodada do Brasileirão. A temperatura fez, inclusive, com que o elenco estreasse o agasalho no estilo sobretudo do novo fornecedor – Mano Menezes usou o antigo nos dias de chuvas recentemente. Devidamente trajados, os jogadores chegaram à Serra Gaúcha por volta das 20h30m, após quase três horas de viagem de ônibus, e enfrentaram o frio de 6°C.

Felipe desembarque Flamengo (Foto: Cahê Mota) 
O goleiro Felipe desembarca bem agasalhado em Caxias do Sul (Foto: Cahê Mota)

Após treinamento pela manhã no calor do Rio de Janeiro, no Ninho do Urubu, o elenco embarcou para Porto Alegre. Da capital gaúcha, pegou um ônibus até o palco da partida contra o Colorado. Na chegada a Caxias do Sul, a preocupação com a temperatura era evidente e quase todos os atletas estavam bem agasalhados – uns com dois casacos e outros com apenas um. O meia Bruninho, novidade na delegação em partidas do Brasileirão, porém, chamou a atenção e desceu do veículo com apenas uma camisa.

Mano Menezes desembarque Flamengo (Foto: Cahê Mota)
De Porto Alegre até Caxias do Sul, o grupo encarou cerca de três horas de estrada. Já no hotel, a reportagem do GLOBOESPORTE.COM brincou com Nixon perguntando se o ar condicionado estava ligado na cidade, e o atacante respondeu:

- Acho que é o freezer – dando a exata noção da diferença de clima do Rio de Janeiro para a cidade do interior do Rio Grande do Sul.

Já instalados, os jogadores seguiram diretamente para o jantar. Na manhã de sábado, o grupo participará de um trabalho no Centro de Treinamento do Caxias, ao lado do estádio Centenário. Sem Gabriel e Cáceres, a tendência é que Bruninho e Diego Silva sejam as apostas de Mano Menezes.



Vendas abertas para Flamengo x Botafogo apenas para sócios-torcedores



O clássico Flamengo x Botafogo terá trinta mil entradas reservadas para sócios-torcedores do clube. Clique aqui para adquirir o seu. A partida será no domingo da próxima semana (28.07), às 16h. A reserva é válida até o sábado (20.07), às 20h. A partir disso, torcedores já podem comprar ingressos para o jogo.

Idosos e estudantes tem meia-entrada. Sócios-torcedores tem direito a 50% no valor do ingresso e acumulam os descontos, podendo pagar a metade da meia-entrada. Os postos de troca e de venda abrem na quarta-feira (24.07). Confira os valores dos ingressos:

Cadeiras Superior (Torcida do Flamengo) para venda: 14.603
• Inteiras: R$  100,00 
• ½ entrada: R$ 50,00

Cadeiras Superior (Torcida do Botafogo) para venda: 14.479
• Inteiras: R$  100,00 
• ½ entrada: R$ 50,00

Cadeiras Inferior (Torcida do Flamengo) para venda: 5.747
• Inteiras: R$  120,00 
• ½ entrada: R$ 60,00

Cadeiras Inferior (Torcida do Botafogo) para venda: 5.919
• Inteiras: R$  120,00 
• ½ entrada: R$ 60,00

Cadeiras Central Belline (Setor Misto) para venda: 8.978
• Inteiras: R$  160,00 
• ½ entrada: R$ 80,00

Cadeiras Central UERJ (Setor Misto) para venda: 2.927
• Inteiras: R$  160,00 
• ½ entrada: R$ 80,00

Cadeiras VIP Belline (Setor Misto) para venda: 3.783
• Inteiras: R$  220,00 
• ½ entrada: R$ 110,00

Cadeiras VIP UERJ (Setor Misto) para venda: 3.882
• Inteiras: R$  220,00 
• ½ entrada: R$ 110,00

Cadeiras VIP PREMIUM  UERJ (Setor Misto) para venda: 2.886
• Inteiras: R$  350,00 (sendo R$150 de serviço de alimentação e bebida) 

Cadeiras VIP PREMIUM  Belline (Setor Misto) para venda: 3.076
• Inteiras: R$  350,00 (sendo R$150 de serviço de alimentação e bebida)

Camarotes (Setor Misto) para venda: 2.091
• Inteiras: R$  200,00 

Cadeira Cativa (Setor Misto) para venda: 4.961
• Venda Proibida

André Santos é regularizado e pode até estrear contra o Botafogo, dia 28



O nome de André Santos já consta no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF. Desta forma, o lateral-esquerdo está à disposição do técnico do Flamengo, Mano Menezes, para a partida do próximo dia 28, contra o Botafogo, no Maracanã, pela nona rodada do Brasileirão. O jogo marca a volta do time ao estádio.

André, de 30 anos, assinou contrato por duas temporadas com o Rubro-Negro e tem apresentação prevista para a próxima segunda-feira, pois passará o fim de semana em Biguaçu (SC), onde realizará um jogo beneficente. Ele vinha treinando em Florianópolis, cidade onde mora.

O jogador é o primeiro reforço da era Mano Menezes. Eles trabalharam juntos no Corinthians e na seleção brasileira. O lateral chega para assumir a posição, que hoje é ocupada por João Paulo. Ramon, ex-titular, ficará como terceira opção e é um dos cotados para deixar o clube.

Mano completa um mês no Flamengo e brinca: 'Tem que comemorar’


mano menezes FLAMENGO TREINO (Foto: Fabio Castro/Agif/Agência Estado)
Passou rápido, mas deu trabalho. Mano Menezes completou um mês no Flamengo na última quarta-feira sem saber o que é derrota. Em cinco partidas, sendo uma amistosa, foram quatro vitórias e um empate. No período, ganhou apenas um reforço: o lateral-esquerdo André Santos, que tem apresentação prevista para a próxima segunda. O técnico confia que receberá mais dois ou três nomes de peso, mas descartou outras contratações no exterior. A janela de transferências internacionais vai ser fechada neste sábado. Enquanto isso, Mano faz uma avaliação positiva do curto período. E deixa claro que não está totalmente satisfeito. Quer manter a equipe em evolução e tem pressa. Bem-humorado, brincou ao comentar o fato de ter sobrevivido a 30 dias no cargo.

- Hoje em dia, tem que comemorar (risos). Foi muito proveitoso, conseguimos iniciar bem o trabalho, a gente sabe que essas questões são importantes para a sequência. O time estava numa posição delicada na tabela, ainda está em termos de pontuação, mas já começou a ter uma produção de equipe em termos de resultado que aponta para outra direção. A sequência dos últimos jogos, o aproveitamento, é que vai colocar o Flamengo em outra turma. Precisamos manter e continuar evoluindo, manter o que se avançou, que é tão difícil quanto evoluir. Às  vezes, se pensar sempre para frente você perde o que conseguimos. Podemos dar passos menores, mas firmes, que realmente dão consistência para a gente poder melhorar logo ali na frente – disse.

Na rodada passada do Brasileirão, a sétima, o Flamengo começou o clássico com o Vasco, em Brasília, na 18ª posição, com seis pontos, na zona de rebaixamento. A vitória por 1 a 0 fez a equipe dar um salto. Hoje, é a 11ª na tabela, com nove pontos. Neste domingo, o Rubro-Negro enfrenta o Inter, em Caxias do Sul. O Colorado é o quinto, três pontos à frente.

- A gente sabe que o jogo vai ser muito duro. O Inter tem uma equipe mais trabalhada do que a nossa. Você não pode aceitar a situação sem lutar para reverter. É com esse pensamento que estamos indo. Sabemos que temos de nos superar, fazer mais sacrifício que os adversários, mas estamos preparados e comprometidos em fazer o melhor.

A partida será no estádio Centenário, em Caxias do Sul. Mano vai reencontrar o Inter. O técnico trabalhou na base colorada entre 2000 e 2001 e teve o time do Beira-Rio como principal adversário na passagem pelo Grêmio, entre 2005 e 2007. Em seis partidas contra os vermelhos, venceu duas, empatou três e perdeu uma. Pelo Corinthians, em 2009, Mano conquistou a Copa do Brasil justamente contra o Internacional. O confronto, no entanto, é tratado com naturalidade.

- Não é especial, não é diferente. Todos esses jogos contra grandes adversários, tradicionais, multicampeões, são especiais. Mas eu encaro como um adversário normal, com o mesmo respeito, a mesma ambição. E isso a gente não pode perder nunca.

Inter e Flamengo jogam às 16h (de Brasília).

Técnico do sub-20 está muito satisfeito com a evolução do grupo na pré-temporada


Cleber é o técnico dos juniores desde 2012 Neste sábado (20.07), o time sub-20 completa um mês de pré-temporada. Entre os jogos-treinos realizados, o que mais chamou atenção foi o disputado contra os reservas de Mano Menezes, na última quinta-feira (18.07). A atividade, dividida em dois tempos de 40 minutos, terminou com vitória dos juniores por 2 a 0. Mais que o resultado, a forma como a equipe jogou agradou muito o técnico Cleber dos Santos.

"O jogo-treino foi muito bom. A equipe tem evoluído bastante dentro da nossa proposta de jogo, principalmente na questão da organização da parte defensiva. Jogamos compactados, o que foi muito positivo, especialmente pelos dois gols, que foram marcados nos primeiros 40 minutos, pelos jogadores de frente Igor Sartori, Fernandinho e Romário (autor dos gols), que foram os principais destaques do ataque. Na defesa, o Fernando também vem evoluindo bastante, é o capitão da equipe e comandou o time com uma liderança positiva", explicou o treinador do sub-20.

O elogiado Fernando está no Flamengo há dez anos. Em 2003, ele chegou para jogar futsal no clube, e, dois anos depois, passou a atuar no campo. Pelo time de juniores, seu último título foi a Taça Rio 2013, já sob o comando de Cleber dos Santos.

"O Cleber dos Santos sempre me pede para puxar o grupo e chamar o pessoal. Ontem, jogamos contra os profissionais que não enfrentaram o ASA-AL e foi muito bom. Jogamos bem e tentaremos dar sequência. Depois do jogo-treino, o Cleber veio falar comigo para me elogiar. Procuro passar para o grupo aquilo que ele me pede. Confiamos um no outro e espero que tudo continue dando certo", falou Fernando.

O próximo jogo-treino será contra o Teresópolis, segunda-feira (22.07), no Ninho do Urubu. Depois, no sábado (27.07), o time de Cleber dos Santos fará o primeiro amistoso da pré-temporada, contra o Tigres, na casa do adversário. A temporada terá início em agosto, quando o Flamengo entrará na disputa da Taça BH.

Futebol 7: após duelo no Mundialito, Flamengo e Bota se enfrentam pelo Carioca


Botafogo Flamengo semifinal Mundial Futebol 7 (Foto: Davi Pereira/Jornal F7.com)
Depois de se enfrentarem nas semifinais do Mundialito de Futebol 7, Flamengo e Botafogo voltam a medir forças neste sábado, pela sétima rodada do Campeonato Carioca da modalidade. O clássico acontece no Iate Clube Jardim Guanabara, às 19h30.

Na semana passada, na decisão por uma vaga na final do Mundialito, após empate em 1 a 1 no tempo normal, o Flamengo levou a melhor no shoot-out e avançou para conquistar no domingo o título ao bater o Fluminense de Washington.

O rubro-negro não terá o sérvio Petkovic. O jogador se machucou na semifinal do Mundialito diante do Botafogo e deve ficar 30 dias parado. Além do clássico, outros sete confrontos completam a rodada e a briga por uma vaga no G-8 da competição.

Confira a rodada

Sábado - 20/07
Iate Clube Jardim Guanabara

Macaé x Fluminense – 16h
Ceres x Portuguesa – 17h10
Riostrense x Duque de Caxias – 18h20
Botafogo x Flamengo – 19h30

Domingo - 21/07
Arena Akxe

Madureira x Entrerriense – 10h
Olaria x Vasco – 11h10
America x Rio de Janeiro – 12h20
Boavista x São Cristóvão – 13h30

Arena Mauá
Serrano x Niterói – 15h30


André Santos se declara: 'Nunca é demais falar do orgulho em retornar'


Confirmado como novo reforço do Flamengo desde quinta-feira, o lateral-esquerdo André Santos voltou a externar a alegria de ser rubro-negro, desta vez via Instagram. Em seu perfil na rede social, declarou-se:

- Já estão todos ligados, mas nunca é demais falar do orgulho que sinto em retornar. #crflamengo #mengao #flamengo - escreveu.

Nas redes sociais, André ainda usa o 27, número usado por ele em seus últimos clubes e que no Flamengo atualmente está em posse do goleiro Paulo Victor. Vale destacar, porém, que Ramon perdeu a camisa 6 há duas semanas.

André Santos Flamengo retorno  (Foto: Reprodução / Instagram) 
André Santos fez questão de 'carimbar' a camisa rubro-negra (Foto: Reprodução / Instagram)

Aniversariante, Cadu é castigado em corredor polonês no Flamengo


O “presente” veio com um dia de atraso e foi doloroso. Aniversariante de quinta-feira, 18 de julho, Carlos Eduardo completou 26 anos. Nesta sexta, teve de passar pelo corredor polonês, tradição entre os jogadores do atual grupo do Flamengo. Apesar de ter disparado entre os companheiros, o meia-atacante não escapou dos tapas. O último deles foi o mais forte e chamou a atenção pelo barulho. Depois da brincadeira, o camisa 20 ficou por alguns segundos com a mão nas costas. Na sequência, participou normalmente do treino tático comandado por Mano Menezes e foi um dos destaques.

Carlos Eduardo vive seu melhor momento no Flamengo. Em forma e em evolução técnica, é titular de Mano e tem a confiança do treinador. Depois de ter sido poupado na quarta-feira passada, contra o ASA-AL, pela Copa do Brasil, Cadu está confirmado na equipe que enfrenta o Inter, neste domingo, pela oitava rodada do Brasileirão. Sem o Beira-Rio, em reforma para a Copa do Mundo, o Colorado manda seus jogos no estádio Centenário, em Caxias do Sul. A partida será às 16h (de Brasília).

 
Carlos Eduardo passa pelo corredor polonês (Foto: Richard Souza) 
Carlos Eduardo passa pelo corredor polonês antes do treino do Flamengo (Foto: Richard Souza)
 
Carlos Eduardo passa pelo corredor polonês (Foto: Richard Souza) 
O meia-atacante leva as mãos às costas após levar fortes tapas (Foto: Richard Souza)

Mano descarta outro reforço ‘internacional’ para o Flamengo: ‘Impossível’


Mano Menezes, Flamengo x Vasco' (Foto: Jorge William/Agência O Globo)
A partir de agora, o Flamengo passa a olhar exclusivamente para o mercado nacional. Foi o que disse o técnico Mano Menezes em entrevista coletiva no fim da manhã desta sexta-feira, no Ninho do Urubu. Segundo ele, não há tempo para concluir outra negociação do porte da que foi feita para ter o lateral-esquerdo André Santos. O jogador, que estava no Arsenal, da Inglaterra, assina por dois anos com o Rubro-Negro e tem apresentação prevista para a próxima segunda.

- Você não consegue fazer uma negociação internacional em 24 horas, é muito difícil, exige documentação, tem um prazo legal. Isso torna impossível uma outra negociação internacional. Em função disso, vamos direcionar os outros reforços para o mercado interno – disse.

Depois do acerto com André, Mano guarda pelo menos mais dois ou três reforços do mesmo nível e diz que há peças interessantes no mercado nacional. Além de encorpar o time, uma das preocupações do treinador é aquecer a concorrência por posições.

- Estou confiante, sim. Estamos trabalhando de forma muito criteriosa. Não temos capacidade de investimento alto, então temos que direcionar bem o investimento. Com o fechamento da janela internacional no fim de semana temos que nos direcionar no mercado interno. Ainda temos algumas boas opções, estamos trabalhando para que a gente consiga colocá-las num curto espaço de tempo aqui, dentro do perfil de dar referência, mais experiência em outros setores. Precisamos disso, no mínimo. No mínimo isso para melhorar a disputa interna pela titularidade. Se deixa acomodar, dá a entender que o nível está bom. E isso não queremos.

O Flamengo não teve o mesmo sucesso da negociação com André Santos em outras investidas. O clube tentou o zagueiro Leandro Castán, do Roma, o atacante Emerson Sheik, do Corinthians, e o zagueiro Rhodolfo, que deixou o São Paulo para jogar no Grêmio.



Flamengo x Botafogo no futebol americano será no Luso Brasileiro


Estádio Luso Brasileiro, na Ilha (Foto: Divulgação / Site Oficial da Portuguesa RJ)
No dia 28 de julho, Flamengo e Botafogo retornam ao Maracanã para um confronto pela nona rodada do Campeonato Brasileiro. Um dia antes, os dois clubes também vão se enfrentar, mas no futebol americano, em duelo pelo Torneio Touchdown. Nesta sexta-feira, o Estádio Luso Brasileiro, na Ilha do Governador, foi anunciado como palco do clássico na bola oval, e os ingressos antecipados começaram a ser vendidos. O duelo no dia 27 será disputado às 14h.

Os ingressos custam R$10 (meia-entrada ou com a apresentação do flyer que pode ser impresso no Facebook do Flamengo FA). As vendas antecipadas começaram nesta sexta em seis lojas Espaço Rubro Negro (Norte Shopping, Nova América, Ilha Plaza, Niterói Plaza, Centro e Downtown). As entradas também poderão ser compradas no estádio na hora da partida.

O clássico marca a estreia do recém-criado Flamengo Futebol Americano no Rio de Janeiro, depois de duas partidas e duas vitórias fora de casa. O Botafogo também está invicto no campeonato, com dois triunfos sem levar nenhum ponto.

- É a estreia do Flamengo FA no Rio de Janeiro e logo em um jogo que já tem título de clássico contra o Botafogo, por conta da história de ambos os times no futebol. Não vejo a hora de entrar em campo, com a torcida apoiando. A expectativa é de quebra de recorde de público no torneio e isso mexe com qualquer jogador – afirmou o cornerback Bruno Sapo, do Flamengo.




Arisco, Bruninho treina como titular do Flamengo e se destaca

Mudam as peças, mas a estrutura continua a mesma. Mano Menezes mantém a opção de mexer o mínimo possível no time titular do Flamengo e tudo indica que será assim na partida contra o Inter, domingo, pela oitava rodada do Brasileirão. Na manhã desta sexta-feira, o técnico realizou um treino tático no Ninho do Urubu e as duas mudanças que fez foram por problemas médicos. Sem o volante Cáceres e o meia-atacante Gabriel, machucados, Diego Silva e Bruninho foram os escolhidos. E o segundo foi o destaque com velocidade e disposição. Mano interrompeu a atividade em vários momentos para orientar a saída de bola e o posicionamento dos titulares. Poupados contra o ASA-AL, quarta-feira, pela Copa do Brasil, Léo Moura e Carlos Eduardo treinaram normalmente e também foram bem. Outro que se destacou foi Paulinho, autor do único gol. 

Bruninho, que estreou bem contra ASA e deu a assistência para o segundo gol da vitória por 2 a 1, foi escalado bem aberto pela direita. Os outros três homens de frente permaneceram em suas posições, com Paulinho aberto pela esquerda, Carlos Eduardo livre para se movimentar, e Marcelo Moreno como referência. Mano preocupou-se em orientar o volante Diego Silva, substituto de Cáceres. Ele fica responsável principalmente pela cobertura do lado direito, nas costas de Léo Moura. Léo, aliás, subiu várias vezes ao ataque durante o treino e tentou jogadas com Bruninho e Carlos Eduardo pela direita. Mano também deu atenção a João Paulo na lateral esquerda. Em breve, o setor será ocupado por André Santos, contratado por dois anos. Ele tem apresentação prevista para segunda-feira. 
   
Bruninho flamengo treino (Foto: Richard Souza) 
Bruninho foi bem em treino e deve ganhar a vaga no time titular do Flamengo (Foto: Richard Souza)

Assim como no jogo contra o ASA, Bruninho chamou a atenção pela correria e força física contra os marcadores. Em alguns momentos do treino, roubou bolas e iniciou contra-ataques. Também apareceu para concluir na área, mas o chute parou no pé direito de Paulo Victor, que fez bonita defesa. Outro que também teve chance durante o treinamento foi Paulinho. Lançado na entrada da área, driblou um marcador, ficou de frente para o goleiro, mas chutou para fora. Após a jogada, Mano deu um recado:

- Não teremos muitas oportunidades no domingo. Temos que aproveitá-las! É como no jogo – gritou, do centro do campo.

Em determinado momento, Mano conteve o ímpeto de Bruninho, que tocou para Léo Moura no meio-campo e disparou para receber na frente.   

- Calma, Bruninho, calma.
DIego Silva flamengo treino (Foto: Richard Souza)
Na sequência do lance, o camisa 28 foi liberado para atacar.

- Agora, Bruninho, faz o que tem que fazer!

Após uma boa jogada trabalhada do time, que terminou com um cruzamento muito forte de Carlos Eduardo, o treinador elogiou.

- Boa, Carlos! Boa! Mais dentro do gol só.

Pouco depois, Cadu achou a medida certa. Lançou Paulinho na esquerda, e o atacante não vacilou desta vez. Com calma, entrou na área e bateu colocado para fazer o gol.

O time titular treinou com Felipe, Léo Moura, Wallace, González e João Paulo; Diego Silva, Elias, Bruninho e Paulinho; Carlos Eduardo e Marcelo Moreno. Os reservas tiveram Paulo Victor, Digão, Renato Santos, Samir e Ramon; Amaral, Val, Mattheus e Rodolfo; Nixon e Hernane.

                                                    DIego Silva também deve ser titular contra o Inter (Foto: Richard Souza)

Na entrevista coletiva após o treino, Mano confirmou que Diego Silva será o substituto de Cáceres, mas disse que ainda tem dúvidas se escala Bruninho ou Val no lugar de Gabriel. Como já testou o volante mais vezes, decidiu observar melhor o meia-atacante. O técnico gostou, mas disse que ainda não se decidiu.

-  Ainda não saiu a escalação do jogo. No treinamento utilizei o Bruninho para manter muito do que a gente vem fazendo nessa esquematização tática. No jogo passado, trabalhamos com o Val por dentro, mudou o meio-campo. Dei mais sustentação para o tripé de meio-campo. Queria ver como a equipe se comportava com o Bruninho. É  a primeira vez que ele vai fazer essa função, é diferente do que foi no jogo. A gente precisa ver, temos poucas amostragens, no jogo a intensidade é diferente. Gostei do comportamento do treinamento, mas ainda vou tomar essa decisão amanhã.

A chance de escolher Bruninho é grande, já que Mano não precisaria mudar o posicionamento de Carlos Eduardo. É um ponto que o treinador vai levar em consideração.

- A escolha do Bruninho para treinar é porque mexe menos no jeito de jogar da equipe, na sistematização da equipe. Carlos Eduardo rende mais na função que fez contra o vasco, na aproximação de Moreno, sem que tenha de fazer tanto o flanco. Não é jogador com força física para pegar passagem lateral a todo momento. Se faço isso, perco a capacidade dele de trabalhar a bola, de armação de jogo.

Inter e Flamengo se enfrentam no estádio Centenário, em Caxias do Sul, às 16h (de Brasília). O Colorado tem 12 pontos e está em quinto na tabela. O Rubro-Negro, com nove, é o 11º.


Além de Gabriel, Cáceres está fora do jogo contra o Internacional


caceres flamengo musculação (Foto: Cahê Mota ) Mano Menezes tem mais um problema para a partida contra o Inter, neste domingo, pela oitava rodada do Brasileirão. Depois do meia-atacante Gabriel, o volante Victor Cáceres, com dores na coxa direita, está vetado pelo departamento médico. O jogador passou por exames médicos e não foi constatada lesão. No entanto, ele será preservado e vai tentar se recuperar para o jogo contra o Botafogo, no dia 28, na volta do Rubro-Negro ao Maracanã. Na ausência do paraguaio, Diego Silva é o provável substituto.

O problema de Gabriel também é na coxa direita. Ele tem uma lesão no músculo adutor. Na ausência do camisa 10, a tendência é que Val continue na equipe, e Elias seja novamente adiantado no meio-campo. É possível também que Nixon ocupe o lugar de Gabriel. O meia-atacante segue em tratamento intensivo para que esteja apto a encarar o Botafogo.

Por outro lado, Léo Moura e Carlos Eduardo, poupados no meio de semana, têm retorno garantido. A provável formação rubro-negra contra o Colorado: Felipe, Léo Moura, Wallace, González e João Paulo; Diego Silva, Val (Nixon), Elias, Paulinho e Carlos Eduardo; Marcelo Moreno.

Inter e Flamengo se enfrentam no estádio Centenário, às 16h (de Brasília), pela oitava rodada. O Colorado tem 12 pontos e está em quinto. O Rubro-Negro é o 11º, com nove.

Os relacionados para a viagem a Caxias de Sul:

Goleiros: Felipe, Paulo Victor e Luan
Zagueiros: González, Wallace e Samir
Laterais: Léo Moura, João Paulo, Digão e Ramon
Volantes: Elias, Val, Diego Silva e Amaral
Meias e atacantes: Marcelo Moreno, Paulinho, Carlos Eduardo, Nixon, Bruninho, Adryan, Hernane e Rafinha


Versátil, Elias emplaca série de boas atuações pelo Fla: 'Sempre fui regular'


elias flamengo (Foto: Cahe Mota)
Ora volante, ora armador, ora artilheiro. A versatilidade sempre foi a principal marca de Elias. Foi assim que o volante chamou a atenção na Ponte Preta, chegou ao Corinthians, rumou para a Europa e acabou convocado para a seleção brasileira. Agora, tem sido assim no Flamengo. Novamente sob o comando de Mano Menezes, seu treinador na época do Alvinegro paulista e da Seleção, o camisa 8 tem se destacado no Rubro-Negro pela importância tática e liderança. Contra o ASA de Arapiraca, quarta-feira passada, pela Copa do Brasil, usou a braçadeira de capitão na ausência de Léo Moura e fez um dos gols da vitória por 2 a 1. Um dos principais reforços da atual gestão do clube, ele garante tem a regularidade como característica marcante.

- Sempre fui regular por onde passei. Às vezes, faço um golzinho sem querer, às vezes, não, mas procuro manter a mesma batida. É uma característica minha. Fazer gol é sempre importante. Ainda mais em uma decisão, já que era uma eliminatória (jogo contra o ASA). É minha característica chegar (ao ataque). Às vezes, vou fazer. Outras, vou perder. Mas o mais importante é aparecer e abrir espaços para outros jogadores.

Contra o ASA, Mano decidiu poupar Gabriel e Carlos Eduardo. Desta forma, Elias jogou mais adiantado no meio de campo e ficou responsável pela criação. Mesmo fora de sua posição de origem, apareceu bem para concluir e esteve mais próximo dos atacantes. Assim como o treinador, o volante não gostou do desempenho do time, mas ficou satisfeito pela conquista da vaga nas oitavas de final da competição.

- Foi uma atuação abaixo do que estávamos apresentando. Jogamos mal e sabemos disso. Mas conseguimos a vitória e a classificação. Devemos levar em conta que foram quatro partidas seguidas. O importante é que vencemos. Agora, é descansar, que domingo é outra pedreira.

Após o treino da manhã desta sexta-feira, no Ninho do Urubu, a delegação rubro-negra viaja para o Rio Grande do Sul, onde encara o Internacional no domingo. O meia-atacante Gabriel, machucado, não joga. Ele deve ser substituído por Nixon. O volante Cáceres sente dores na coxa direita e é dúvida. Mas Elias vê os companheiros em evolução técnica e psicológica e aposta na maturidade do time para superar os eventuais desfalques.

- Na dificuldade (contra o ASA), mostramos uma certa maturidade que não existia em outros tempos. Jogávamos mal e perdíamos, sofríamos muito. Não sofremos dessa vez, estivemos bem postados. É um fator positivo. Vamos ter partidas difíceis pela frente e esperamos ter a mesma maturidade.

O Flamengo volta a campo neste domingo, às 16h (de Brasília), contra o Internacional no estádio Centenário, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. O Rubro-Negro está em 11º lugar com nove pontos, três atrás do Cruzeiro, último time do G-4.



quinta-feira, 18 de julho de 2013

Em jogo-treino, reservas do Flamengo são derrotados pelos juniores

Carlos Eduardo - Treino Flamengo (Foto: Alexandre Loureiro/LANCE!Press)Os reservas do Flamengo perderam para a equipe de juniores por 2 a 0, em jogo-treino realizado na tarde desta quinta-feira, no Ninho do Urubu. Um dos destaques da atividade foi o jovem Romário, que marcou dois gols, sendo um deles em um chute de longe, que encobriu Paulo Victor. Todos os gols foram feitos no segundo tempo.

Gabriel, durante o treino, passou por uma reavaliação. Já Léo Moura realizou uma atividade física separado do resto do grupo. A tendência é que o lateral-direito volte ao time contra o Internacional, neste fim de semana.

No primeiro tempo do jogo-treino, participaram os jogadores reservas. O Flamengo atuou com Paulo Victor, Amaral, Renato Santos, Samir e Ramon; Diego Silva, Luiz Antonio, Carlos Eduardo e Adryan; Rafinha e Hernane. Já na segunda etapa, entraram outros jogadores, como Frauches, Bruninho, Mattheus, Rodolfo e Thomás.

O Flamengo treina na manhã desta sexta-feira e sábado faz a última atividade já no Rio Grande do Sul.

Gabriel está fora da partida contra o Internacional, e Cáceres é dúvida




Gabriel Flamengo coletiva (Foto: Fabio Leme)
Gabriel desfalcará o Flamengo na partida contra o Internacional, domingo, às 16h (de Brasília), no estádio Centenário, em Caxias do Sul, pela oitava rodada do Brasileirão. A lesão no músculo adutor da coxa direita, que já o tirou do duelo com o ASA, ainda incomoda, e o camisa 10 está vetado pelo departamento médico. Já Cáceres é dúvida. O volante paraguaio deixou o confronto com os alagoanos queixando-se de dores também na coxa direita, realizou exames nesta quinta, e o departamento médico rubro-negro aguarda o resultado para tomar uma decisão.

Na ausência de Gabriel, a tendência é que Nixon entre na equipe, assim como ocorreu diante do ASA. O meia-atacante segue em tratamento intensivo para que esteja apto a encarar o Botafogo, dia 28, no Maracanã. Caso Cáceres seja vetado, Diego Silva entra na equipe. Por outro lado, Léo Moura e Carlos Eduardo, poupados no meio de semana, têm retorno garantido. Cadu participou normalmente da primeira parte do jogo-treino contra os juniores no Ninho do Urubu, enquanto Léo Moura fez uma atividade específica com a preparação física.


Divergências emperram rescisão de Alex Silva e jogador deve ir à Justiça

O desfecho da rescisão de contrato de Alex Silva com o Flamengo parece que vai acontecer apenas em litígio. Uma reunião na última quarta-feira selaria o acordo entre o clube e o jogador, porém, algumas divergência entre as partes emperraram a negociação. Com isso, Pirulito irá recorrer à Justiça para tentar receber o que lhe é de direito.

Como o LANCE!Net apurou, um dos fatores que emperraram o acordo foi de que o Flamengo pagaria cerca de R$ 100 mil mensais ao atleta até o fim do contrato (meio de 2014). Por outro lado, a diretoria queria tratar o valor como bruto, algo que em nenhum momento tinha sido tratado desta forma.

Outro ponto descordado pelas partes ligadas ao zagueiro foi uma cláusula incluída na rescisão como se Alex Silva tivesse pedido demissão do clube.

O zagueiro foi afastado do clube junto com Ibson - atualmente no Corinthians -, ainda sob os comandos de Jorginho. A alegação da diretoria foi por conta de opção técnica do ex-treinador. Por conta de não acertar o desligamento, Pirulito ainda não pode acertar com outro clube.

A reunião não contou com a presença de membros da diretoria nem do diretor executivo Paulo Pelaipe. Apenas membros do departamento jurídico do clube estiveram presentes.

Moreno marca pela quarta vez em cinco jogos e cai nas graças de Mano

Cinco jogos, quatro gols e a satisfação do técnico garantida. Marcelo Moreno está com a bola cheia com Mano Menezes. Se tem cinco gols em oito exibições com a camisa do Flamengo, sob o comando do treinador ele só não marcou diante do Vasco. Mais do que isso, foi substituído apenas no amistoso contra o São Paulo. Hernane ainda é o artilheiro rubro-negro na temporada, com 16 gols, mas é o boliviano quem encanta o comandante. Após a vitória por 2 a 1 sobre o ASA, quarta-feira, em Volta Redonda, ele fugiu até mesmo da característica de elogios comedidos ao comentar o momento do camisa 19. 

- A resposta que ele está dando como atacante principal é muito boa, apesar de ser um jogador ainda jovem, está tendo uma maturidade grande. A bola chegou pouco, mas ele não saiu dali. Tem participado muito do tempo inteiro do jogo, disputa com zagueiros, no retorno com a marcação, muito completo. Acredito que quanto mais a equipe colocar bola para ele, mais vai melhorar esses números.

Ainda na saída de campo, Moreno também elogiou o crescimento da equipe com Mano Menezes. Após a terceira vitória consecutiva, o atacante disse que a confiança do elenco já é maior e colocou o foco no confronto com o Internacional, pelo Brasileirão.

Marcelo Moreno gol Flamengo x ASA (Foto: Fabio Castro / Ag. Estado) 
Moreno comemora gol diante do ASA, o quinto com a camisa do Flamengo (Foto: Fabio Castro / Ag. Estado)
 
- Acho que é a confiança que a gente estava precisando. Uma sequência de vitórias que foi proposta com a chegado do professor Mano. Vamos tentar manter, é bom ganhar, sentir mais confiança para poder jogar. Agora, temos essa semana para se preparar muito bem e encarar um grande time como o Inter.

Garantido nas oitavas de final da Copa do Brasil, o Flamengo aguarda sorteio na CBF para conhecer o adversário. Antes disso, pega o Colorado, domingo, às 16h (de Brasília), em Caxias do Sul, pela oitava rodada do Brasileirão.

André Santos é do Mengão

 
fechou (Jessica Mello/GLOBOESPORTE.COM)O primeiro reforço da era Mano Menezes no Flamengo está, enfim, fechado. O lateral-esquerdo André Santos resolveu as últimas pendências de seu contrato e assina com o Flamengo ainda nesta quinta-feira. Os exames médicos foram realizados pela manhã e a apresentação está prevista para acontecer na segunda. Antes, no entanto, o jogador viaja para Biguaçu, em Santa Catarina, onde organizará um 'Jogo das Estrelas' com diversos outros jogadores, entre eles o lateral Daniel Alves.

O compromisso de André Santos com o Flamengo deve ter duração até junho de 2015. O lateral, velho conhecido de Mano Menezes, vinha mantendo a forma em Florianópolis, onde mora, desde que deixou o Grêmio, no início de junho. Ele passou pelo Flamengo entre 2005 e 2006, mas foi muito pouco aproveitado e não teve destaque. Sob o comando de Mano, foi muito bem com a camisa do Corinthians, seguindo para o Fenerbahçe, da Turquia, e depois ao Arsenal.

Justiça do DF veta bebida em jogos do Brasileirão no Mané Garrincha



bares estádio mané garrincha santos x flamengo (Foto: Fabrício Marques)
A Justiça do Distrito Federal voltou a restringir a venda de bebida alcoólica no Estádio Mané Garrincha. Proibida pelo Estatuto do Torcedor, a comercialização chegou a ser liberada, por meio de liminar, para dois jogos do Brasileirão realizados na arena este ano.

Com a decisão, a venda de bebida no Mané Garrincha fica autorizada apenas para as partidas da Copa de 2014. A exceção foi aberta por conta da Lei Geral da Copa, que libera a comecialização de bebida nos jogos da Copa das Confederações deste ano e do Mundial do ano que vem.

Em maio, às vésperas da partida entre Santos e Flamengo - evento-teste do Estádio Mané Garrincha para a Copa das Confederações - a empresa contratada pela Federação Brasiliense de Futebol para gerir os bares da arena conseguiu uma liminar na justiça liberando a venda de bebida. O mesmo ocorreu no jogo entre Flamengo e Coritiba, no dia 6 de julho, pela sexta rodada do Brasileirão.

No entanto, na partida entre vasco e Flamengo, no último domingo, a liminar já não foi concedida. Nesta semana, a Justiça confirmou que, a pedido do Ministério Público do DF, não será mais liberada a comercialização de bebida em jogos do Brasileirão na cidade. A próxima partida marcada para o Mané Garrincha é Flamengo e Atlético-MG, no dia 4 de agosto, pela 11ª rodada.


Copa do Brasil já pode ter clássicos nas oitavas de final



Agora já com os clubes que disputaram a Libertadores e mais o Vasco, a Copa do Brasil pode contar com clássicos estaduais já nas oitavas de final. Após o fim da terceira fase do torneio haverá um sorteio, entretanto há restrições que inviabilizam duelos históricos como Fla-Flu, Gre-Nal e Flamengo x vasco. Os cinco clubes citados estão no mesmo bloco.

O regulamento da CBF divide as oitavas de final em dois blocos: A e B. No A, estão os cinco brasileiros (Atlético-MG, Corinthians, Fluminense, Grêmio e Palmeiras) que disputaram a Libertadores, o vasco (quinto colocado no Brasileiro passado e beneficiado pelo título do São Paulo na Sul-Americana), e mais os dois clubes mais bem colocados no ranking da CBF dentre os dez classificados na terceira fase: Internacional (sexto) e Flamengo (sétimo). Estes não podem se enfrentar. No B, os demais que avançaram na terceira fase.

Assim, caso passe pelo Figueirense, o Botafogo pode travar clássicos com Fluminense, Vasco ou Flamengo. Se triunfar diante do CRAC-GO, o Santos vive a mesma situação, podendo ter pela frente Corinthians ou Palmeiras.

Confira os blocos:

Bloco A:
Atlético-MG
Corinthians
Fluminense
Grêmio
Palmeiras
Vasco
Inter (6° no Ranking Nacional de Clubes)
Flamengo (7° no RNC)

Bloco B:
Goiás (16° no RNC)
Salgueiro (55º no RNC)
Cruzeiro (10° no RNC)
Ponte Preta (24º no RNC) ou Nacional-AM (82º)
Botafogo (14° no RNC) ou Figueirense (25º)
Paysandu (37º no RNC) ou Atlético-PR (13º)
Santos (9° no RNC) ou Crac (104º)
Fortaleza (32º no RNC) ou Luverdense (52º)

Após dois meses de espera, Bruninho estreia, agrada e abre espaço

 
agradou (Alexandre Vidal / Fla Imagem)Da apresentação até a estreia, Bruninho teve de esperar exatos dois meses. A primeira vez que vestiu a camisa do Flamengo foi em 17 de maio, mas só nesta quarta-feira, dia 17 de julho, entrou em campo. E foi bem. Em sua primeira atuação pelo Rubro-Negro, o meia-atacante de 23 anos mostrou vontade, velocidade e força física. Em 30 minutos, tentou 12 passes, sendo nove certos, incluindo a assistência para o gol de Marcelo Moreno, que definiu a vitória por 2 a 1.  Elogiado por Mano Menezes, Bruninho deixou boa impressão. Ainda não é possível apontá-lo como um potencial titular, mas o treinador gostou do que viu e vai observá-lo melhor de agora em diante.

- Não coloca interrogação. Coloca como mais uma opção, é importante que tenhamos mais jogadores com essa capacidade. Ora vão entrar bem, ora não vão entrar. É difícil entrarem 20, 30 minutos, e darem respostas. Uns não entram bem, outros entram e dão certo. Você vai conhecendo tudo isso, as características de cada um. Alguns acrescentam muito rápido. Bruninho entrou bem, tem uma explosão muito forte, apesar de não ser fisicamente tão alto, enfrenta bem jogadores mais fortes fisicamente. Fico feliz de ter ganho mais um.
Bruninho teve de esperar sete jogos do Rubro-Negro pelo Brasileiro e um pela Copa do Brasil para ter a primeira chance. Antes de defender o Flamengo, jogou por Atlético Sorocaba e Penapolense. Pelo primeiro, marcou seis gols no Campeonato Paulista deste ano e foi um dos destaques, com  atuações que o credenciaram a acertar com o clube da Gávea até 2016. Dos reforços do interior paulista, só ele não havia jogado. Paulinho, Val e Diego Silva têm recebido chances.

Mano promete que dará chances a todos os atletas do grupo. Um deles é Rodolfo. O meia, que chegou a ser titular e vestiu a camisa 10, está no fim da fila e aguarda uma brecha. Foi relacionado para o segundo jogo contra o ASA, mas não foi dessa vez que entrou.

- Ainda não tive oportunidade (de observá-lo). Cinco jogos é um universo pequeno. Disse que mexeria menos possível nesse primeiro momento. Na ânsia de observar jogadores, você pode criar oscilações ainda maiores na equipe. Fiz observações. É importante fazer o time crescer com o entrosamento. Vai valer para Rodolfo e para outros jogadores que ainda não tiveram oportunidade. Tive a oportunidade de observar mais um, que foi Bruninho, entrou bem no jogo, foi decisivo no 2 a 1. Todos vão ter oportunidades, com calma, estarão em observação. É importante que entrem, e a equipe possa sustentá-los.

O Flamengo está classificado para as oitavas de final da Copa do Brasil e aguarda o adversário da próxima fase. No domingo, o time volta a jogar pelo Brasileiro. Em Caxias do Sul, enfrenta o Inter, às 16h, no estádio Centenário.

Atenção torcida do Mengão: vasco é expulso do lado direito das arquibancadas



Essa história  de tradição que foi colocada por esses malditos, eurico miranda  e loureiro neto da rádio Globo vascaína  é medo.


Todos que frequentam o maracanã sabem que aquele lado da UERJ  era o  covil desses vagabundos.

Em grupos, sempre na covardia, roubavam e agrediam os outros torcedores, inclusive dentro do Metrô.

A casa caiu raça maldita, povo desgraçado.

Ô bacalhau pode esperar a tua hora vai chegar!!!




‘Só vamos dar presentinhos para a galera, depois de comprarmos os presentinhos’, disse o presidente do Flamengo se referindo à chegada de reforços

Ontem o presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, participou do programa Rádio e falou de um assunto que o torcedor rubro-negro quer muito saber, a chegada de reforços.

- A diretoria do Flamengo só fala de negociações quando estão concretizadas. Existem negociações em pulso, se vai dar certo ou não a gente só vai saber depois. Só vamos dar para galera presentinhos, depois que tivermos comprado presentes, mas as vitórias vamos batalhar muito para dar a torcida - destacou o presidente.

Faltam apenas quatro dias para o fechamento da janela de transferências para jogadores vindos do exterior. Eduardo Bandeira de Mello disse que está trabalhando para trazer reforços, o que não impede deles virem do futebol nacional.

- Vamos tentar o que for possível até o encerramento da janela internacional. Se tiver negociação concretizada vamos avisar à vocês. O que não for possível não vamos ficar parados porque o mercado nacional oferece outras alternativas.

O presidente falou ainda do Consórcio Maracanã e ressaltou que não assinou nenhum contrato, foi apenas um acordo.

- O Flamengo não fez contrato nenhum. Quando e se viermos assinar contrato com Maracanã, vamos levar ao conselho do Consórcio. Por enquanto o que fechamos foi um acordo com o Consórcio para jogar jogos do Flamengo ainda este ano. Nós tínhamos um acordo com o Botafogo para jogar no Engenhão, mas não seguiu por causa da interdição do estádio. Temos acordo com o governo de Brasília para jogar seis jogos lá. Já fizemos cinco, mas nada impede de fazer mais - completou Bandeira de Mello.

Negociação com André Santos não intimida João Paulo: ‘Tenho evoluído’

 

'bastante tranquilo' (Celso Pupo / Agência estado)A concorrência promete ser forte, mas João Paulo garante não se abalar. Atual dono da lateral esquerda do Flamengo, o camisa 16 acompanha o noticiário sobre a contratação de André Santos e tenta garantir em campo sua posição. Na vitória por 2 a 1 sobre o ASA, quarta-feira, em Volta Redonda, pela Copa do Brasil, deu uma assistência para o gol de Elias. E nem mesmo o prestígio do futuro “adversário” na briga por uma vaga de titular o preocupa.

Ciente de que André Santos chegará com o peso de quem defendeu a Seleção ainda este ano e é velho conhecido de Mano Menezes, João Paulo mantém a calma e, em autoanálise, acredita ter melhorado seu desempenho.

- Estou bastante tranquilo. O Mano tem apostado, tenho evoluído, como o grupo inteiro que tem feito bons jogos. Temos vencido, o que nos dá confiança. A respeito de contratação, deixamos com a diretoria.

Mano
do Chefe (Agência Getty Images)O Flamengo caminha bem para anunciar André Santos como primeiro reforço da Era Mano Menezes. Com as negociações avançadas, o lateral-esquerdo está no Rio de Janeiro para definir pessoalmente detalhes da transação que pode decretar em breve o retorno à Gávea depois de sete anos. Com o aval do Arsenal, clube com o qual o jogador tem contrato até o meio de 2015, para liberação, o clube aguarda a documentação que permitirá a assinatura de um contrato de empréstimo por uma temporada.

Prefeitura e consórcio apresentam mudanças no trânsito do Maracanã


Nesta quinta-feira pela manhã, a Prefeitura do Rio de Janeiro através da Secretaria de Transportes e da CET-Rio, apresentou a operação de trânsito que irá vigorar em dias de jogos realizados no Maracanã já a partir do clássico entre Fluminense e Vasco, no próximo domingo. Segundo o Secretário de Transportes Carlos Roberto Osório, o estudo feito em parceria com membros do Consórcio que administra o estádio tem como objetivo tentar adequar em jogos de grande porte do Brasileiro a mesma estrutura e esquema desenhado para a Copa das Confederações.

- Essa é nossa meta em termos de conceito. Sabemos que os jogos do Brasileiro possuem requerimentos diferentes, porém temos como desejo que o novo Maracanã se aproprie do que fizemos na Copa das Confederações. O torcedor precisa ter ganho de conforto, comodidade e segurança impactando da menor maneira possível a vida dos moradores - afirmou.

Ao lado de João Borba, presidente do Consórcio, o secretário mostrou as interdições no trânsito, que em jogos de grande porte como o clássico de domingo acontecerão três horas antes de a bola rolar, e em jogos com menos expressão, duas horas antes, além de proibições de estacionamento e alteração em linhas de ônibus. Além disso, apresentou uma novidade: uma interdição inédita de duas ruas, Professor Manoel de Abreu entre a São Francisco Xavier e a Radial Oeste, e Radialista Valdir Amaral, meia hora antes do término do jogo.

- Isso foi colocado em função do grande fluxo de pessoas na saída. O objetivo de todo o estudo é evitar conflito entre pessoas e veículos na chegada e na saída dos jogos - disse.

Em jogos de grande porte, o efetivo para organizar o trânsito contará com 180 agentes da Guarda Municipal e da CET-Rio, além de seis reboques, 17 motocicletas, 18 veículos e 15 painéis de mensagens móveis informando as mudanças. Segundo o secretário, o Consórcio irá dividir o custo em todos os jogos para garantir que este quadro seja repetido sempre sem prejudicar outros eventos que possam acontecer em paralelo. Já na parte interna do estádio serão 2.000 funcionários entre seguranças, orientadores, bares, limpeza, recepção e manutenção custeados pelo Consórcio.

- É uma parceria importante para nós garantirmos a qualidade do serviço sempre em jogos de grande porte. Em outros jogos menores o efetivo diminui - explicou o secretário, lembrando que o Gepe irá divulgar ainda o próprio esquema de segurança e que o Centro de Operações Rio irá ajudar qualquer pedido feito.

Em relação ao transporte, tanto o secretário como o presidente do Consórcio reafirmaram que os torcedores devem utilizar transporte público já que as proibições no entorno do estádio valem inclusive para os táxis. Já as proibições de bares e restaurantes do entorno de vender bebidas alcólicas duas horas antes do jogo continuam valendo como eram antes e durante a Copa das Confederações. Tudo, na visão de Borba, para garantir a nova filosofia do estádio.

- Queremos agradecer à Prefeitura. Sem esse apoio incondicional não iríamos conseguir garantir a segurança e o conforto. Queremos famílias no estádio e queremos também que todos se divirtam no estádio - disse Borba.

Bumbo, bandeiras, torcida em pé e sem camisa liberados no Maracanã

  vai rolar
a festa (Globoesporte.com) 

Em reunião realizada dentro do Maracanã entre torcidas organizadas, Suderj e Consórcio Maracanã, na manhã desta quinta-feira, foram liberados diversos elementos tradicionais observados nos estádios cariocas. O temor pela proibição de bandeiras, torcidas assistindo ao jogo em pé ou sem camisa foi liquidado após anúncio feito pelo secretário de Esporte e Lazer, André Lazaroni.

- Os elementos tradicionais serão liberados, o Gepe falará melhor sobre isso, mas serão permitidos bumbo, bandeira, torcida organizada assistindo ao jogo em pé, tirando camisa e rodando camisa como é tradição torcer aqui no Rio. No Sul, por exemplo, mantiveram a avalanche. Fogos não poderão mais, bandeirão terá restrições: só poderá ser aberto antes do jogo ou em comemoração de gols. Durante o jogo não será permitido. O tamanho dos mastros das bandeiras que entrarão nos estádios será definido pelo Gepe - afirmou.

Lazaroni ainda emitiu opinião sobre a inversão de lados das torcidas de Fluminense e vasco no Maracanã, confirmado na quarta-feira:

- Sou tradicionalista. Na minha visão, teria de manter a tradição, mas o acordo do Fluminense é legítimo e temos de respeitar, pois não conseguiram sensibilizar o Fluminense. Mas eu, como parlamentar e cidadão, sou a favor da tradição. Vale o escrito, o Fluminense botou no papel e isso tem de ser respeitado. Tenho certeza que tudo vai correr bem, as organizadas estão entendendo o novo espírito do Maracanã - completou.

Reunião Torcidas organizadas (Foto: Vicente Seda) 
André Lazaroni, ladeado por líderes de organizadas e Gepe, discursa no Maracanã (Foto: Vicente Seda)

O sub-comandante do Grupamento Especial de Policiamente nos Estádios (Gepe), Major Silvio Luís, reafirmou que a mudança dos acessos facilita o trabalho da Polícia Militar no Maracanã.

- O Gepe já realiza escoltas e essa configuração de fato facilita o trabalho, porque a torcida do vasco vem de São Cristóvão e a do Fluminense vem do lado oposto, então elas não têm como se encontrar. Mas independente dessa mudança o Gepe teria como fazer as escoltas sem que as torcidas se aproximassem. A gente solicita que a torcida se informe porque é um Maracanã diferente, mas a ordem será mantida - agregou.

Cáceres sente dores na coxa e vira dúvida para jogo contra o Inter

Ainda não se sabe a gravidade do problema, mas Victor Cáceres virou dúvida para a partida contra o Inter, domingo, em Caxias do Sul, pelo Brasileirão. O volante do Flamengo sentiu a coxa direita no segundo tempo da vitória por 2 a 1 sobre o ASA-AL, nesta quarta-feira, pela terceira fase da Copa do Brasil. Substituído, deixou o gramado do estádio Raulino de Oliveira caminhando com alguma dificuldade. Ele será examinado pelos médicos no treino da tarde desta quinta, no Ninho do Urubu. Caso não possa enfrentar o Colorado, Diego Silva deve ocupar seu lugar. 

Poupados contra o ASA, três titulares voltam contra o Colorado: Léo Moura, Gabriel e Carlos Eduardo. Sem o Beira-Rio, em obras para a Copa do Mundo, o Inter recebe o Flamengo no estádio Centenário, na serra gaúcha, às 16h (de Brasília).

Bruninho Flamengo e Asa (Foto: Alexandre Vidal / Fla Imagem) 
Cáceres se machucou no segundo tempo da vitória sobre o ASA (Foto: Alexandre Vidal / Fla Imagem)


Herói em Arapiraca, Nixon reclama de violência do ASA: 'Apanhei muito'

Satisfação pela vitória e reclamação pela postura do ASA. Ao mesmo tempo em que celebrou o triunfo por 2 a 1 sobre o time alagoano e a vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil, nesta quarta-feira, em Volta Redonda, o grupo rubro-negro não deixou de demonstrar insatisfação com a violência apresentada pelo rival durante os 90 minutos. Em coletiva, Mano Menezes admitiu uma marcação mais pesada em alguns momentos. Já Nixon foi mais longe e protestou contra pancadas que sofreu no Raulino de Oliveira, após a atuação decisiva na partida de ida, em Arapiraca.

Substituído por Bruninho aos 14 do segundo tempo, o atacante citou até mesmo um lance específico segundos antes de Elias abrir o placar:

- A atuação foi boa. Confesso que durante a partida eu apanhei muito, no lance do gol levei uma pancada no rosto e o árbitro não deu falta. Agora, é me esforçar ainda mais para aproveitar as oportunidades que aparecerem para ficar no time.

Paulinho não reclamou de violência e preferiu exaltar a exibição da equipe. Mesmo que Mano Menezes tenha confessado que o desempenho foi abaixo do esperado, o camisa 26 se mostrou satisfeito e agradeceu ainda os aplausos ao ser substituído por Adryan.

- Fomos bem e conseguimos um placar bom. Já tínhamos feito 2 a 0 lá em Alagoas e mantivemos o nível da partida contra o Vasco. Estou lutando ao máximo para conseguir o meu espaço no Flamengo. Tenho que agradecer ao torcedor, porque esse apoio é bem legal.

Classificado para as oitavas de final com seis vitórias em seis jogos, o Flamengo aguarda um sorteio na CBF para conhecer o próximo adversário. No domingo, às 16h (de Brasília), o rival pela oitava rodada do Brasileirão será o Internacional, no estádio Centenário, em Caxias do Sul.

Mano vê Flamengo pouco criativo, mas aprova resultado: ‘Valeu pela vaga’



Mano Menezes Flamengo x ASA (Foto: Celso Pupo / Ag. Estado)O rendimento não foi de encher os olhos, mas valeu pela classificação. Após a vitória por 2 a 1 sobre o ASA-AL, em Volta Redonda, que assegurou ao Flamengo a vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil, o técnico Mano Menezes mostrou-se satisfeito muito mais pelo resultado do que pelo desempenho rubro-negro. Sem três titulares, já que Léo Moura, Gabriel e Carlos Eduardo foram poupados, o time teve uma noite de pouca inspiração, mas ainda assim conseguiu nova vitória. A vaga, praticamente garantida com a vitória por 2 a 0 no jogo de ida, em Maceió, foi confirmada sem grandes sustos.

- Não dá para comemorar pelo rendimento. Dá para comemorar pelo resultado e pela classificação que alcançamos. Tínhamos encaminhado bem em Arapiraca, precisávamos confirmar. O adversário veio mais leve, jogou sem responsabilidade, mas esteve melhor postado. Nós tivemos as nossas dificuldades no jogo.

O treinador gostou da resposta da equipe diante de um adversário que entrou em campo em desvantagem.   

- O que é importante ressaltar é que jogos assim fazem parte de uma temporada. Às vezes, os jogadores não conseguem fazer uma boa partida. Vencer nessas circunstâncias tem valor para o amadurecimento da equipe. É o avanço que a gente tira de um jogo como esse. O torcedor exige atuação melhor, força a equipe a se atirar mais para cima do adversário. Na ânsia de fazer algo melhor, a equipe se desorganiza. Em nenhum momento a gente foi assim. Isso é o fator positivo. É o que a gente leva dessa passagem nesse último jogo.

Mano não enxergou acomodação no jogo sem brilho do Flamengo e identificou falhas pontuais, como nas duas laterais e a falta de um armador no meio. 

- Tivemos dificuldades pelos lados, com os laterais. O lado direito deles avançou mais, o que atrapalhou a passagem do João Paulo. Tínhamos uma estreia, que era o Digão pela direita. Isso influencia no rendimento. Faltou armação, bola de intermediária para frente. Tanto é verdade que nas duas ou três vezes que fizemos, marcamos os dois gols. Hoje, tínhamos peças importantes fora. Num mesmo setor, dois jogadores (Gabriel e Carlos Eduardo). O Paulinho ficou sobrecarregado, não repetiu as últimas atuações. Assim, a gente oscila um pouco. Temos que ter calma para essas avaliações.

Classificado para as oitavas da Copa do Brasil, o Flamengo agora espera o sorteio para conhecer seu próximo adversário. No próximo domingo, o time volta a campo pelo Brasileirão e enfrenta o Inter, em Caxias do Sul, no estádio Centenário, às 16h (de Brasília).