sábado, 11 de janeiro de 2014

Feijão assina contrato, e Léo chega na segunda-feira, afirma empresário



Feijão contrato Flamengo (Foto: Reprodução / Twitter)Um já assinou contrato. O outro chega na segunda-feira. O volante Feijão, trocado por empréstimo pelo atacante Rafinha, que seguiu para o Bahia, sacramentou no papel sua temporada no Flamengo até o fim de 2014. Pelo menos foi o que mostrou o empresário Antônio Gustavo no twitter de sua empresa, a Antoniu's. O post tem a foto de Feijão assinando com o Rubro-Negro e a frase "Tudo sacramentado! Boa sorte, Feijão!"

Se no fim da temporada o Flamengo quiser ficar com Feijão, já aprovado nos exames médicos, terá a opção de compra pelo valor de 5 milhões de euros, segundo já havia sido postado anteriormente no próprio twitter do empresário.

No mesmo post em que há uma foto de Feijão de caneta na mão, Antônio Gustavo manda um recado sobre a negociação com o lateral-direito Léo, um dos destaques do Atlético-PR no Brasileirão de 2013. E a notícia é animadora para o Flamengo.

- Léo se apresenta na segunda-feira - afirma o empresário, no twitter, sacramentando o negócio.


Com 35 pontos de Marcelinho e sob olhar do novo reforço, Flamengo bate Mogi

Marcelinho foi o destaque do jogo contra o Mogi (Foto: Fabio Leme)Na volta ao Tijuca depois da derrota acachapante para o São José, no último dia 18 de dezembro, o Flamengo mostrou que aquela partida foi um acidente de percurso. Sob os olhares do seu novo companheiro de clube, Tony Washam, que assistiu ao duelo na arquibancada do clube ao lado de Marquinhos e do presidente Eduardo Bandeira de Mello, Marcelinho só não fez chover na sauna que era o ginásio tijucano neste início de noite de sábado. Com 35 pontos e oito bolas de três, o camisa 4 comandou a quarta vitória consecutiva do Flamengo no NBB por diante de um combalido Mogi por 92 a 76 (46 a 30).

- Hoje, literalmente, caiu de tudo (os arremessos) quanto foi jeito. O bom do esporte é isso, e a cada dia você tem que provar para si mesmo que pode jogar em alto nível de novo. Foi o melhor jogo que fiz desde que voltei. Estou muito feliz, principalmente por mais uma vitória do Flamengo - afirmou Marcelinho, o cestinha da partida.

Além do capitão rubro-negro, que só saiu de quadra na metade do último período, o pivô americano Jerome Meyinsse foi o outro destaque dos donos da casa com 22 pontos e sete rebotes. Pelo lado dos paulistas, os americanos Jeff Agba, com 21 pontos, e Smith e Thomas Gehrke, cada um com 12, foram os que mais pontuaram.

Já nesta segunda-feira, os cariocas voltam à quadra, onde no mesmo local recebem o Basquete Cearense, às 21h15m, pela 16ª rodada. No mesmo dia, os paulistas encaram o Macaé, na casa do adversário, às 19h30m.

Tony Washam  (Foto: Fabio Leme) 
Tony Washam esteve no Tijuca para acompanhar a partida entre Flamengo e Tijuca. Na foto, o ala-pivô conversa com o supervisor André Guimarães e o presidente do clube, Eduardo Bandeira de Mello (Foto: Fabio Leme)
 
o jogo

Uma defesa agressiva e uma mão calibrada da linha dos três pontos, esta foi a receita que o Flamengo encontrou para dominar o Mogi no início de jogo. Bem postado atrás e com paciência na frente, os donos da casa foram abrindo vantagem. Muito por conta das bolas de longa distância. Foram cinco no quarto, sendo três de Marcelinho, que marcou 11 pontos. Os visitantes só começaram a reagir com a entrada do americano Jeff Agba, autor de sete pontos nos minutos finais e um aproveitamento de 75% nos arremessos (25 a 18).

O segundo quarto começou com mais uma bola de fora do camisa 4 rubro-negro, que no lance seguinte deu uma assistência espetacular para Shilton, levantando o público, que sofria com o desumano calor que fazia no ginásio. Sem dar bola para a estufa, os cariocas continuavam impondo seu ritmo e com uma defesa forte só permitiram aos paulistas um ponto nos primeiros seis minutos. Em mais um período inspirado ofensivamente, principalmente do capitão, que fez mais 11 pontos, o time de José Neto foi para o intervalo com uma vantagem de dezesseis (46 a 30).

Flamengo x Mogi das Cruzes NBB (Foto: Fabio Leme) 
Flamengo não tomou conhecimento do Mogi das Cruzes e atropelou os paulistas por (Foto: Fabio Leme)

O Mogi retornou para o segundo tempo com o claro objetivo de tentar parar os chutes de fora do Flamengo, especialmente os de Marcelinho. Ao perceber a postura dos adversários, os cariocas passaram a acionar mais o pivô Meyinsse, que cresceu na partida e marcou nove pontos na parcial. Mas a noite era de Marcelinho. Mesmo muito marcado, fez mais 11 pontos e ajudou a sua equipe a ir para o último período 27 pontos à frente (74 a 47).

A larga vantagem fez com que os rubro-negros relaxassem e vissem o rival viver seu melhor momento no jogo.  Com boa atuação de Thomas Gehrke, os paulistas esboçaram uma reação no último período, mas nada que ameaçassem a décima vitória do Flamengo, melhor cartão de visita que o reforço Tony Washam poderia querer.  O americano deverá fazer seu primeiro treino na segunda-feira, na Gávea.



Em sua quinta Libertadores pelo Flamengo, Léo Moura não abre mão do Carioca



Leo Moura no treino do Flamengo (Foto: Alexandre Vidal / Fla Imagem)Léo Moura já teve a chance de disputar quatro edições da Taça Libertadores e sabe como a competição gera ansiedade entre os torcedores do Flamengo. Mesmo assim, não abre mão da disputa do Campeonato Carioca, que acontecerá paralelamente, considerando a conquista do título uma forma de o time ganhar ainda mais confiança para o restante da temporada.

Em seu primeiro encontro com os jogadores este ano, Léo Moura revelou ter passado justamente esse pensamento para o grupo. No entanto, a comissão técnica já deixou claro que poupará o time principal para a disputa da Taça Libertadores.

- O grupo já está forte e começa o ano bem porque a base foi mantida. Quem está chegando é para dar um toque especial. Na apresentação, falei que apesar de as pessoas falarem que o Carioca não é tão importante, acho o contrário. Começar o ano com título dá mais confiança. Vamos tentar vencer o Carioca e a Libertadores juntos e temos elenco para isso - comentou Léo Moura.

Nas Libertadores que disputou com a camisa do Flamengo, Léo Moura não foi além das quartas de final de 2010, quando o time acabou sendo eliminado pelo Universidad do Chile. Agora, acredita que ganhou mais uma oportunidade de conquistar esse título.

- Deus me deu essa oportunidade e sei que esse ano vai fazer a diferença. Acredito que o Flamengo está montando um time para chegar. É o único título que falta para mim e ainda posso ajudar com minha experiência - disse o lateral.

Aos 35 anos de idade, Léo Moura se sente à vontade no Flamengo para encarar mais uma temporada. A promessa é de mais empenho ainda para terminar mais um ano com a camisa do clube.

- Vou dar o meu melhor para que seja um ano positivo. Os números falam tudo. Não sei quantos Cariocas joguei, mas sempre com muito orgulho e alegria - afirmou.


Na torcida pela felicidade de Hernane, Léo Moura espera que ele siga no Flamengo


Flamengo treino Léo Moura (Foto: Thales Soares)No Flamengo, a preocupação que ronda o clube é o caso do atacante Hernane. O Al Jazira, dos Emirados Árabes, fez uma proposta de seis milhões de euros (19,5 milhões) para contratá-lo. Todos os setores do departamento de futebol já sentem o impacto da situação.

O técnico Jayme de Almeida já lamentou a possibilidade de a negociação acontecer e os dirigentes preferem não se alongar sobre o caso. O lateral-direito Léo Moura, capitão do time, torce pela felicidade do companheiro do time.

- A gente torce para que ele permaneça. É um grande jogador, parceiro, amigo, mas do outro lado tem que olhar para o futuro do jogador e há pessoas competentes do lado dele e no Flamengo para resolver a situação Vamos torcer sempre pelo melhor, vendo um amigo feliz - disse Léo Moura.

A negociação ainda está em curso e a decisão não tem prazo para sair. Por enquanto, Hernane segue treinando com o grupo e Alecsandro, do Atlético-MG, foi contratado para ser seu reserva direto.

Aos 27 anos, Hernane terminou 2013 como principal goleador do país, com 36 gols. Ele foi o artilheiro do Campeonato Carioca e da Copa do Brasil.

Torcedor da Lusa, advogado celebra liminar: 'Gritei como se fosse um gol'

 

A despeito de vestir roupa social e ainda sofrer com dores causadas pelo rompimento do ligamento cruzado do joelho direito, Daniel Neves conseguiu marcar um gol a favor da Portuguesa. Advogado, o torcedor da Lusa obteve na sexta-feira uma liminar na 42ª vara cível de São Paulo que obriga a CBF a manter o clube na Série A do Campeonato Brasileiro, revertendo decisão do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) que tirou quatro pontos da Portuguesa por conta da escalação irregular do meia Héverton na última rodada da competição nacional.

– Antes de ver a decisão do juiz, eu senti a perna um pouco bamba, como se eu fosse bater um pênalti. Quando eu abri o resultado, pela internet, e vi que o juiz tinha concedido a liminar, eu gritei como se fosse um gol. Eu tenho um filhinho de 4 anos, o Joaquim, que vai comigo no Canindé, e me viu gritando e perguntou o que estava acontecendo. Eu falei que era por causa da Portuguesa e ele perguntou quando estava o jogo. Eu disse que nós estávamos ganhando, que estava 1 a 0 para a Portuguesa – conta Daniel Neves.

O advogado, que participou da edição deste sábado do Globo Esporte, sabe que a partida está apenas começando. A Confederação Brasileira de Futebol tem dez dias para recorrer da decisão do juiz Marcello do Amaral Perino, o mesmo que havia obrigado a CBF a devolver ao Flamengo os quatro pontos perdidos em julgamento no STJD. Neves está preparado.

– Eu vou torcer e trabalhar muito para que a liminar seja mantida. Ganhamos a primeira partida do campeonato e todos os outros empataram. É como se agora nós fossemos os líderes absolutos do campeonato, mas ainda faltam muitas rodadas. Ainda que provisória, a decisão de manter a Portuguesa na Série A é muito importante. Ficar na Série A é um título para a Lusa. 

Daniel Neves advogado ação Portuguesa (Foto: David Abramvezt)Indagado sobre o fato de o STJD ter considerado as liminares obtidas na Justiça comum um "desserviço ao futebol", o advogado diz que apenas está se cumprindo a lei.

– Não adianta agora o STJD dizer que é um desserviço o que a Justiça comum está fazendo. É o direito, que é abstrato e subjetivo, sendo cumprido e levando a uma discussão que resolve a classificação final de um campeonato. Um soldado não pode mandar em um general. A Justiça comum está muito acima das decisões do STJD.

Depois da liminar que obriga a CBF a devolver a Lusa à Série A, muito se falou de que a Portuguesa pode ser punida pela Fifa. A entidade que rege o futebol mundial não vê com bons olhos a iniciativa de uma decisão desportiva ser levada por um clube filiado à Justiça comum. Quanto a isso, Daniel Neves está tranquilo, pois ele assegura não ter qualquer vínculo profissional com a Lusa.

– Eu não tenho ligação alguma profissional com o clube. Sou apenas um torcedor. Eu dei sorte de ter o conhecimento jurídico, ser advogado, entrar com uma ação e conseguir a liminar. Não existe um vínculo que a Fifa possa entender como uma ação da Portuguesa. Não teria porque acontecer uma punição.

Advogado há 16 anos e professor universitário, o mais novo torcedor ilustre da Portuguesa não vê a hora de a bola continuar rolando.

– Eu nunca tinha me envolvido com tanta paixão em um processo judicial. Já ganhei muitos processos e já perdi outros tantos. Vai ser um longo jogo e espero que eu e, consequentemente, a Portuguesa, possamos vencer no fim. 

Léo Moura já pensa em parceria com Elano pela direita: 'Vai facilitar. E muito'



léo moura flamengo treino (Foto: Thales Soares)A temporada do Flamengo terá quatro competições e a principal delas será a Taça Libertadores, logo no primeiro semestre, com estreia marcada para o dia 12 de fevereiro, contra o León, do México. Por isso, a contratação de reforços vem sendo bem vista pelo lateral-direito Léo Moura, capitão do time e jogador mais antigo do clube no atual elenco.

Na manhã deste sábado, Léo Moura teve a chance de encontrar Elano, ex-Grêmio, que iniciou os exames médicos para ser apresentado na segunda-feira. O lateral já trabalha pensando na parceria com o novo reforço.

- Vai facilitar. E muito. Ele sabe jogar pelos lados cria jogadas. Sinto falta de ter alguém ali para jogar comigo. Em alguns jogos, fiz isso com o Luiz Antonio. A presença do Elano vai me ajudar bastante - afirmou Léo Moura.

De uma forma geral, a contratação de Elano, de 32 anos, é encarada como a chance de ter um ponto de equilíbrio no time. O jogador tem experiência até de ter jogado a Copa do Mundo de 2010, na África do Sul, além de constar em seu currículo a conquista da Taça Libertadores de 2011.

- Elano dispensa comentários. É só olhar a carreira dele. Sempre jogou em time grande. O Flamengo precisa de grandes jogadores. Se está aqui é porque merece e vamos torcer para que desempenhe o seu melhor futebol - disse o lateral.

A chegada de Elano pode até ajudar o time em relação à perda de Elias, que teve que voltar para o Sporting, de Portugal. O Atlético-MG concorre pelo jogador e o jornal "A Bola" publicou que o seu destino pode ser definido neste sábado.

- Lógico que o grupo fica triste pela perda de um amigo, de um companheiro. Sabia da pressão que teria depois do bom futebol que desempenhou. Enquanto houver esperança, vamos torcer. Elano é um jogador que pode fazer o que ele fazia, tem o Muralha também - comentou Léo Moura.

Em Lisboa: Atlético-MG deve fechar com Elias, Flamengo fora da briga


Reprodução site A Bola Elias (Foto: Reprodução)O Atlético-MG está perto de fechar a contratação do volante Elias, informou, neste sábado, o site do jornal português "A Bola". De acordo com a publicação, as conversas do Sporting, de Portugal, om o Galo estão em andamento e podem ser fechadas em breve. O site informa que o Flamengo está fora da disputa pelo jogador, que deve defender o alvinegro de Minas Gerais em 2014.

O Sporting, que detém 50% dos direitos econômicos do jogador, está em negociações avançadas com o Galo. O clube brasileiro pagaria € 5 milhões (R$ 16 milhões) pela metade que cabe ao time português sobre os direitos do atleta. O restante pertence a um grupo de investidores.

Depois de uma boa temporada com o Flamengo, onde atuou por empréstimo, Elias se reapresentou ao Sporting no início deste ano. O Rubro-Negro demonstrou interesse em ficar com o jogador, mas achou alta a pedida dos portugueses. No último fim de semana, o presidente da agremiação lisboeta, Bruno de Carvalho, já havia informado que outros clubes brasileiros estão de olho no jogador. O Shandong Ludeng, equipe chinesa, que contratou o técnico Cuca e o atacante Aloísio, também teria interesse no jogador.

Elias tem compromisso até 2016 com o Sporting. Contratado pelos portugueses, em 2011, por € 8,8 milhões (R$ 26,8 milhões), o volante foi a maior negociação da história do time de Lisboa. O jogador recebe no Sporting € 1,3 milhão (R$ 3,9 milhões na cotação atual) por ano – cerca de R$ 330 mil mensais.


No quarto dia de pré-temporada do Flamengo, Jayme comanda treino técnico

Com a necessidade de colocar os jogadores em plena atividade, pensando principalmente na estreia do time na Taça Libertadores, o técnico Jayme de Almeida comandou treinamento técnico no Ninho do Urubu neste sábado. Trinta jogadores foram ao campo 1 do CT para o trabalho. O zagueiro Renato Santos sequer esteve no local e está liberado para negociar seu empréstimo com outro clube.

O restante do grupo foi todo ao campo, inclusive, o meia Everton, ex-Atlético-PR, único reforço anunciado oficialmente pelo clube até o momento. Jayme dividiu os jogadores em quatro times.

jogadores flamengo treino (Foto: Thales Soares) 
Jayme orienta os jogadores antes de treino técnico no Ninho do Urubu (Foto: Thales Soares)

À tarde, haverá apenas um treinamento físico no mesmo local e depois os jogadores seguem para a concentração em um hotel na Barra da Tijuca. O primeiro jogo na temporada é contra o Audax, dia 19, pelo Campeonato Carioca. Na Libertadores, a estreia é contra o León, do México, dia 12 de fevereiro, em León.

Além de Everton, já anunciado, o Flamengo ainda tem os reforços de Feijão e Elano, que devem ser apresentados segunda-feira, do zagueiro equatoriano Frickson Erazo, do lateral-direito Léo e do atacante Alecsandro.


Feijão tem apresentação no Flamengo adiada, e Elano faz exames no Ninho

A apresentação do segundo reforço do Flamengo foi adiada. Com exames pendentes, o volante Feijão teve sua apresentação adiada para segunda-feira. A programação previa que o evento ocorresse neste sábado, no Ninho do Urubu. A novidade no centro de treinamento foi o meia Elano, emprestado pelo Grêmio, que realizou os primeiros exames.

elano flamengo treino (Foto: Thales Soares) 
Elano passou por exames médicos no Ninho do Urubu (Foto: Thales Soares)

Feijão seria o segundo reforço apresentado oficialmente. O primeiro foi o meia Everton, ex-Atlético-PR. Já Elano desembarcou na sexta-feira no Rio de Janeiro e iniciou os exames para ser anunciado segunda-feira.

O Flamengo ainda espera a confirmação do lateral-direito Léo, do zagueiro equatoriano Frickson Erazo e do atacante Alecsandro. Todos já estão acertados e apenas com os exames pendentes.
publicidade

Flamengo exclui Luiz Antonio de seu elenco no site oficial


Luiz Antonio treino flamengo (Foto: Raphael Zarko)A primeira audiência da batalha judicial entre Flamengo e Luiz Antonio será realizada na quarta-feira. No entanto, o clube já retirou o nome do jogador do seu site oficial, assim como já aconteceu com Elias, que voltou ao Sporting, de Portugal. Outro que não aparece é o zagueiro Chicão, mas que segue no grupo.

Luiz Antonio entrou na Justiça pedindo a recisão de seu contrato com o Flamengo, alegando atraso nos vencimentos. O clube garante que os compromissos estão em dia e diz ter provas. O vice-presidente Wallim Vasconcelos já afirmou que o jogador embarcou em uma furada.

Outros jogadores ainda não foram incluídos na relação do elenco do clube, como o meia Everton, ex-Atlético-PR, e o volante Muralha, que voltou de empréstimo. Por enquanto, há apenas três volantes (Cáceres, Amaral e Val) e dois meias (Gabriel e Carlos Eduardo) disponíveis.

Negociado com o Cagliari por empréstimo, Adryan também já está fora desta listagem, que conta com 21 jogadores até o momento. O elenco que iniciou a pré-temporada tem 31 jogadores, sem contar Feijão, Elano, Léo, Alecsandro e Erazo.

Advogados divergem sobre risco de punição a Flamengo e Lusa por liminares



Michel Assef Filho advogado Flamengo STJD julgamento (Foto: Richard Souza)As liminares obtidas na sexta-feira por Flamengo e Portuguesa na 42ª Vara Cível de São Paulo podem causar punição aos clubes, segundo o advogado Carlos Portinho, especialista em direito desportivo. Ele sustenta que o artigo 231 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) prevê que as equipes não podem se beneficiar da ação de terceiros na Justiça Comum. Já outros advogados ouvidos pelo GloboEsporte.com discordam da leitura de Portinho. De acordo com eles, as ações judiciais que conseguiram liminares não discutem as normas do CBJD, e sim o desrespeito ao Estatuto do Torcedor.

O artigo 231 prevê pena máxima de exclusão do campeonato que estiver disputando e multa de até R$ 100 mil. Portinho lembra um caso de 2004 para ilustrar sua argumentação.

- Há o risco de punição para todo e qualquer clube que for se beneficiar por terceiros, de aplicação da pena do artigo 231. Em 2004, houve uma invasão de campo no último jogo do Brasiliense na Série B. O time subiu para a Série A e a CBF determinou que o clube jogasse contra o Vasco com portões fechados na primeira rodada. Houve uma ação do Ministério Público, uma ação civil pública, que determinava a venda de ingressos. Advoguei para o clube na época e fiquei na dúvida se cumpriríamos a decisão da Justiça Comum. Houve a partida, e logo depois o Vasco entrou com uma ação. Na ocasião, Luiz Zveiter era o presidente do Tribunal, anulou o jogo e fez valer a decisão da Justiça Desportiva. Mandou repetir a partida, ou o Brasiliense sofreria as sanções do 231. Por isso que os clubes devem se submeter ao que assinaram no regulamento - afirmou o advogado.

Ainda segundo Portinho, para escapar das punições previstas no artigo 231, Flamengo e Portuguesa deveriam se manifestar para a CBF e para o tribunal dizendo que "não pretendem se valer da decisão da Justiça Comum".

Já outros especialistas enxergam a questão de maneira diferente da de Portinho. De acordo com Luiz Roberto Martins Castro, presidente do Conselho Deliberativo do IBDD (Instituto Brasileiro de Direito Desportivo), Flamengo e Portuguesa não correm risco.

- Até existe essa previsão no Código, mas esta sim, está inquestionavelmente contrária à lei. Se a Justiça decidiu, acabou, Flamengo e Portuguesa não têm o que fazer, não há como o clube se recusar a cumprir. 

A alegação de que o advogado que conseguiu a liminar já trabalhou para o Flamengo também é frágil na avaliação de Martins Castro. 

- Só porque o advogado já prestou algum serviço ao clube, não significa que seja ligado ainda hoje, que tenha feito isso a mando do Flamengo. Se alguém tentar derrubar as liminares com essas alegações, a Justiça Comum provavelmente não vai aceitar.

Flamengo e Portuguesa perderam quatro pontos no STJD por causa da escalação irregular de André Santos e Heverton, respectivamente, na última rodada do Brasileirão. Na sexta-feira, o juiz Marcello do Amaral Perino, da 42ª Vara Cível de São Paulo, concedeu liminar a torcedores dos dois clubes obrigando a CBF a devolver os pontos. Assim, a Lusa se manteria na Série A, e o Fluminense seria rebaixado.

Torcedor da Lusa que entrou na Justiça vê Brasileirão 2014 em risco



Os minutos em que Héverton entrou em campo para enfrentar o Grêmio, na última rodada do Brasileirão 2013, parecem mesmo ter entrado para a história. Após um advogado conseguir uma liminar favorável ao Flamengo, que determina a recuperação dos quatro pontos perdidos em julgamento do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, foi a vez de Daniel Neves, torcedor da Portuguesa e também advogado por profissão, conseguir ação similar que atenda à Lusa. Em entrevista por telefone ao programa SporTV News, edição noite, Neves explicou que na ação não há envolvimento de nenhum clube, apenas de um sócio-torcedor contra a Confederação Brasileira de Futebol.

- A ação é de um sócio-torcedor contra a CBF, então não há clubes envolvidos. Não há Portuguesa, não há Fluminense, não há Flamengo. A tendência daqui para frente é a CBF entrar com recurso contra essa decisão. É um recurso chamado de 'agravo de instrumento'. Mas uma solução definitiva não se deslumbra a médio-prazo. O risco quanto ao campeonato existe. Dia 20 de fevereiro tem que divulgar o regulamento, dois meses antes do início da competição, por imposição do Estatuto de Torcedor - defendeu.

O advogado Daniel Neves também fez um alerta para possíveis problemas que a CBF pode enfrentar durante o Campeonato Brasileiro de 2014. Neves levantou a hipótese do Fluminense começar a disputa nacional na Série B por conta de liminares e conseguir revogar as decisões judiciais durante a competição.
 
Carrossel HEVERTON Estatuto Torcedor Portuguesa (Foto: Infoesporte)
- Vai ter alguma liminar vigente? Vai estar o Flamengo como rebaixado? Vai estar a Portuguesa como rebaixada? Vai estar o Fluminense como rebaixado? Isso eu não tenho como responder. E duvido que exista alguém que tenha. E a situação não pára por aí. Vamos supor que o Fluminense comece na Série B por conta de uma, duas ou três liminares. E se essas liminares forem revogadas durante o campeonato? Vai voltar? Faz de novo? É uma situação complicada - observou.

Daniel Neves obteve uma liminar na 42ª vara cível de São Paulo, com o juiz Marcello do Amaral Perino, o mesmo que havia obrigado a CBF a devolver os quatros pontos ao Flamengo por caso semelhante ao da Lusa - o Fla usou o lateral André Santos em jogo contra o Cruzeiro, também na última rodada, no Maracanã. A decisão foi publicada no site do Tribunal de Justiça de São Paulo. Neves explicou o fundamento utilizado na ação.

- Embora eu entenda que há outros fundamentos, que poderão ser utilizados para derrubar a decisão do STJD, nessa ação foi utilizado só a prevalência dos artigos 35 e 36 do Estatuto de Torcedor quando comparados com o artigo 133 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva.

A CBF se defendeu em nota no seu site oficial. A entidade divulgou 12 processos movidos por torcedores em que foi réu e as causas acabaram extintas, segundo a nota, por "indeferimento da inicial, ilegitimidade ativa da parte autora e por falta de interesse processual".

Jayme pensa Fla sem Elias e Luiz Antonio: 'Não adianta ficar chorando'



Jayme de Almeida treino do Flamengo (Foto: Cezar Loureiro / Agência O Globo)
Do time que conquistou a Copa do Brasil, o Flamengo perdeu dois de seus pilares no meio-campo. Elias e Luiz Antonio não estão no elenco do clube neste início de temporada, mas o técnico Jayme de Almeida parece imune ao fato. Preocupado em valorizar o grupo que tem em mãos, reconhece a importância da dupla, mas não faz do problema algo determinante para o seu trabalho.

Elias teve que voltar ao Sporting, dono de seus direitos. O clube português não aceitou a proposta do Flamengo para contar em definitivo com o jogador e existe a promessa do vice-presidente de futebol Wallim Vasconcelos de que esse dinheiro será investido em reforços.

- Perder jogador sempre é ruim. Elias foi decisivo muitas vezes. A gente torce pela sua volta, mas se não vier não adianta ficar sofrendo. É a minha função encontrar soluções. A torcida aprendeu a gostar dele e o tem como ídolo. Mas tenho uma filosofia, que não sei se agrada a todos, que é se não tem ele, vou procurar soluções. Não adianta ficar chorando. Vamos pensar no Flamengo sem o Elias - afirmou Jayme.

Já Luiz Antonio entrou com uma ação na Justiça do Trabalho na qual pede a rescisão do seu contrato. Ele alega estar com vencimentos em atraso, algo negado pelos dirigentes do Flamengo. A audiência está marcada para quarta-feira. Wallim já disse que o jogador vai perceber que entrou em uma furada.

- Conheço o Luiz Antonio desde os 13 anos. Ele, Negueba, Diego Maurício, todos da minha primeira passagem aqui. Quando voltei, falei com o Vanderlei Luxemburgo e ele o puxou. Nesse momento, ele tem pai, empresário e não é mais uma criança. Tem que assumir as coisas que quer. Isso não cabe a mim - comentou o treinador.

No momento, o Flamengo conta com Amaral, Muralha, Cáceres e Val como volantes. Dos reforços anunciados, Feijão é outro nome para a posição. O jogador foi envolvido na troca com o Bahia por Rafinha.

- Para essa posição (do Luiz Antonio), temos o Muralha que é um jogador de nível fantástico. Ele está voltando e tem um potencial grande - disse Jayme.

Jornal Meia Hora




Jornal Expresso


Jornal Extra

sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

Flamengo busca a décima vitória no NBB



Neto espera jogo duro contra o Mogi das CruzesNeste sábado (11.01), às 18h, o time Adulto de basquete enfrenta o Mogi das Cruzes em partida válida pela 15ª rodada do Novo Basquete Brasil (NBB). O elenco volta a entrar em quadra no Tijuca Tênis Clube e o treinador da equipe, José Neto, espera um jogo duro contra o clube do interior de São Paulo.

"Esse NBB tem sido um campeonato muito equilibrado. A cada jogo, temos que ter um cuidado especial com o adversário. O Mogi começou muito bem o campeonato, apesar do último jogo deles ter sido uma derrota; perderam para o líder, Limeira, em um jogo duro, alternando o placar. Eles têm bons jogadores e esperamos um jogo difícil. Espero que o time consiga impor o ritmo de jogo e chegar à vitória", disse.

Os ingressos para a partida já estão à venda pelo site www.guicheweb.com.br, por R$ 20,00 a inteira e R$ 10,00 a meia-entrada, que também valerá para sócios, sócios-torcedores e torcedores que forem ao jogo com camisa do Flamengo. Os rubro-negros também poderão comprar suas entradas na bilheteria do Tijuca Tênis Clube, Rua Desembargador Izidro, 76, aberta às 16h30. Os portões abrem às 17h.

Felipe chega a um milhão de fãs em rede social e agradece torcida


O goleiro Felipe comemorou nesta sexta-feira o fato de chegar a um milhão de fãs em uma página especial no Facebook. O jogador voltou de férias na quarta-feira para iniciar a pré-temporada com o grupo, visando a disputa da Libertadores nesta temporada.

- É com muita alegria e satisfação que venho agradecer a todos os meus fãs por esta marca! Um milhão de pessoas me seguindo no Facebook! Que orgulho saber que existe tanta gente que gosta do meu trabalho e me admira! Mas a grande verdade disso tudo é que eu sou fã de vocês! Agradeço demais o carinho de todos! A maior torcida do mundo fez novamente a diferença - escreveu.


felipe flamengo banner (Foto: Divulgação  ) 
 
 Um milhão: banner comemora número expressivo de fãs de Felipe no Facebook (Foto: Divulgação )
 
 
 

CBF se defende e divulga causas ganhas na Justiça contra a entidade

Antes de ser informada da decisão favorável à Portuguesa na Justiça comum, a Confederação Brasileira de Futebol se pronunciou no início da noite desta sexta-feira, dia em que torcedores de Flamengo e Lusa conseguiram liminares obrigando a entidade que comanda o futebol nacional a devolver os pontos tirados das equipes no último Campeonato Brasileiro, por terem escalados jogadores de forma irregular na última rodada - as liminares não promoveram mudanças na tabela de classificação pois são passíveis de cassação. Em seu site oficial, a CBF divulgou 12 processos movidos por torcedores em que foi réu e as causas acabaram extintas, segundo a nota, por "indeferimento da inicial, ilegitimidade ativa da parte autora e por falta de interesse processual".

No mesmo comunicado, a CBF questiona o argumento de que o caso fere o artigo 35 do Estatuto do Torcedor, que determina a divulgação das decisões antes de entrarem em vigor. Citando ainda a Lei Pelé, a entidade não vê incompatibilidade nem hierarquia com o artigo 133 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que fala em efeitos imediatos assim que proclamado o resultado de um julgamento. Como embasamento, a confederação usa como exemplo a decisão da Justiça num dos 12 processos em que foi réu, que diz: "Em tese, o Estatuto do Torcedor e o Código Brasileiro de Justiça Desportiva regulam relações jurídicas diversas. Com efeito, o primeiro disciplina os direitos do torcedor e o segundo regula a Justiça Desportiva e os procedimentos a ela inerentes. Não há portanto, em princípio, hierarquia entre estas duas normas que justifique a declaração de ilegalidade da segunda com fundamento na primeira".

Entenda o caso

A Justiça de São Paulo concedeu antecipação de tutela para suspender os efeitos da decisão do STJD, restabelecendo os quatro pontos que foram tirados de Portuguesa e Flamengo. Com a decisão, quem passaria a ser o rebaixado à Série B é o Fluminense. Segundo a assessoria do Tribunal de Justiça de São Paulo, o juiz Marcello do Amaral Perino entendeu que nos dois casos, a decisão da Justiça desportiva desrespeitou o artigo 35, “caput”, e parágrafo 2º do Estatuto do Torcedor.

Héverton foi suspenso em julgamento na sexta-feira, dia 6/12, e escalado no fim de semana (entrou aos 32 minutos do segundo tempo contra o Grêmio), o que acarretou uma notícia de infração feita pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ao tribunal. A Lusa foi denunciada no artigo 214 (Incluir na equipe, ou fazer constar da súmula ou documento equivalente, atleta em situação irregular para participar de partida, prova ou equivalente) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), com previsão de perda de três pontos, mais o que foi conquistado na partida em questão, no caso, um ponto, somando quatro pontos.

André Santos foi suspenso em julgamento na sexta-feira, no último dia 6, pela expulsão contra o Atlético-PR pela final da Copa do Brasil, e escalado no fim de semana contra o Cruzeiro, o que acarretou uma notícia de infração feita pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ao tribunal. O Flamengo foi denunciado no artigo 214 ("incluir na equipe, ou fazer constar da súmula ou documento equivalente, atleta em situação irregular para participar de partida, prova ou equivalente") do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD).

Justiça de SP determina que CBF devolva os quatro pontos à Lusa


Um torcedor da Portuguesa conseguiu uma vitória na Justiça contra a CBF, para que a Lusa seja mantida na Série A do Campeonato Brasileiro, revertendo decisão do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) que tirou quatro pontos do clube por conta da escalação irregular do meia Héverton em jogo contra o Grêmio, na última rodada da competição, no dia 8 de dezembro, no Canindé.

Daniel Neves, advogado, obteve uma liminar na 42ª vara cível de São Paulo, com o juiz Marcello do Amaral Perino, o mesmo que havia obrigado a CBF a devolver ao Flamengo os quatro pontos perdidos em julgamento no STJD por caso semelhante ao da Lusa - o Fla usou o lateral André Santos em jogo contra o Cruzeiro, também na última rodada, no Maracanã. A decisão foi publicada no site do Tribunal de Justiça de São Paulo.

A Justiça de São Paulo concedeu antecipação de tutela para suspender os efeitos da decisão do STJD) em relação à Portuguesa, restabelecendo os quatro pontos que lhe foram tirados. Com a decisão de devolver os pontos à Lusa e ao Fla, quem cai é o Fluminense. Cabe recurso da decisão.

Segundo a assessoria do Tribunal de Justiça de São Paulo, o juiz Marcello do Amaral Perino entendeu que nos dois casos, a decisão da Justiça desportiva desrespeitou o artigo 35, “caput”, e parágrafo 2º do Estatuto do Torcedor. No caso da Portuguesa, Perino afirmou que a data da publicidade da decisão da suspensão de Héverton “se deu em momento posterior ao jogo contra o Grêmio (9/12/2013), conforme demonstrado na exordial, de forma que o referido atleta estava em condições regulares para participar da partida contra o time gaúcho – 06/12/2013”. O número do processo é 1002020-50.2014.8.26.0100.

- Ações propostas são contra a CBF. O STJD é apenas um órgão da CBF. O Fluminense é afetado indiretamente pela decisão nos termos em que, devolvidos os pontos, o Fluminense volta a ser rebaixado. Mas a ação não é contra Fluminense, nada nesse sentido - disse Daniel Neves, o torcedor autor da ação, em entrevista à ESPN.

 Volte em instantes para mais informações

Elano chega ao Rio de Janeiro e encontra primeiros fãs rubro-negros


Elano desembarque Rio de Janeiro (Foto: Thales Soares)Elano desembarcou no fim da tarde desta sexta-feira no Aeroporto Internacional Tom Jobim no Rio de Janeiro como novo reforço do Flamengo. Mesmo sem ser anunciado oficialmente, ele já falou como jogador do clube e despertou o interesse de seus primeiros fãs logo na chegada.

Com uma camisa do projeto católico "Gente do Bem. Deus faz, Deus junta", Elano mostrou tranquilidade e entrou na brincadeira com torcedores. Uma família pediu para tirar foto, e o pai orientou a filha a dizer o seu time ao meia. A menina falou '"Flamengo", e o jogador respondeu: "Então, é o nosso".

Ainda não há previsão do anúncio oficial de Elano como jogador do Flamengo. Ele foi contratado por empréstimo até o fim do ano, quando termina o seu contrato com o Grêmio. Aos 32 anos, ele já tem um título da Libertadores, conquistado em 2011, com o Santos.

O Flamengo já anunciou oficialmente a contratação de Everton, ex-Atlético-PR, e Feijão, envolvido na troca com o Bahia por Rafinha. Além de Elano, o clube ainda espera confirmar Léo, do Vitória, Alecsandro, do Atlético-MG, e o zagueiro equatoriano Frickson Erazo, do Barcelona de Guayaquil, do Equador.



Elano desembarque Rio de Janeiro (Foto: Thales Soares) 
Família de rubro-negros recepciona e tieta o novo reforço do Flamengo no Aeroporto Tom Jobim (Foto: Thales Soares)

STJD critica ações de torcedores na Justiça: 'Desserviço ao futebol'


julgamento STJD (Foto: Edgard Maciel de Sá)Horas depois de a Justiça conceder liminar obrigando a CBF a devolver ao Flamengo os quatro pontos retirados pela escalação de André Santos na partida contra o Cruzeiro, válida pela última rodada do Brasileirão, o STJD emitiu na tarde desta sexta-feira uma nota oficial condenando as ações de torcedores do Rubro-Negro carioca, da Portuguesa e do Vasco na Justiça Comum. De acordo com a nota do STJD, as ações configuram um "desserviço ao futebol brasileiro".

A ação que causou a liminar da 42ª Vara Cível de São Paulo, nesta sexta, foi movida pelo advogado Luiz Paulo Pieruccetti Marques, sócio do Flamengo. Marques já defendeu o clube em caso envolvendo o jogador Felipe Melo, em 2008. O fundamento é o mesmo das ações de torcedores da Portuguesa e do inquérito aberto pelo Ministério Público de São Paulo: desrespeito ao Estatuto do Torcedor, que obriga a CBF e o STJD a publicar suas decisões - como a suspensão de atletas.

Na prática, a decisão desta sexta não afeta a classificação do Campeonato Brasileiro. Mas abre um precedente para que a Portuguesa também recupere os quatro pontos tirados pelo STJD. Aí, sim, poderia haver alguma mudança na classificação. Em tese, o Fluminense seria o maior prejudicado por essas decisões.

Confira a íntegra da nota oficial do STJD:

"A propositura de ações pulverizadas na Justiça Comum, questionando decisões unânimes tomadas pelo Pleno do STJD no dia 27/12/2013, é um desserviço ao futebol brasileiro. Pode gerar insegurança e instabilidade para a organização de competições, causando sérios prejuízos aos clubes e, sobretudo, aos milhões de torcedores, sem contar os efeitos negativos para a credibilidade do Brasil, às vésperas de sediar uma Copa do Mundo.

Ao punir atletas e clubes que cometeram infrações previstas no Código Brasileiro de Justiça Desportiva, o STJD apenas cumpriu a lei, exercendo seu papel assegurado pela Constituição Federal.

Durante o Campeonato Brasileiro de 2013, em todas as suas séries, os clubes respeitaram as decisões do STJD, particularmente não escalando jogadores suspensos. Portanto, dar interpretação diversa à prevista na lei, para beneficiar alguns poucos clubes que escalaram irregularmente jogadores na rodada final da Série A, seria desequilibrar o campeonato, prejudicando a grande maioria, que agiu com lisura e respeitou as regras pré-estabelecidas por consenso.

Quanto a eventuais decisões judiciais, compete à CBF, entidade nacional de administração do futebol, organizadora das competições, cumpri-las ou recorrer delas."


Adryan embarca para a Itália e evita falar sobre Flamengo: 'Um recomeço'


Adryan Cagliari aeroporto Thales Soares (Foto: Thales Soares)
Os percalços não desanimaram Adryan na busca por provar que não se trata apenas de uma promessa. Na tarde desta sexta-feira, ele embarcou com pai, Antonio, e o empresário Rodrigo Pitta para a Itália, onde defenderá o Cagliari, da Série A, por empréstimo de 18 meses, com preço fixado de compra em cinco milhões de euros (R$ 16,25 milhões), mas com possibilidade de desconto caso o clube italiana exerça o direito até agosto.

Satisfeito com o desenrolar da negociação, Adryan mostrou segurança ao deixar o Brasil, mesmo ainda com 19 anos de idade. Ele deixou a mulher Natalia e a filha Laura, que viajam em 15 dias.

- Estou muito feliz, encarando como um recomeço na minha carreira. Quero chegar logo lá e começar a trabalhar - disse Adryan, que passará os primeiros seis meses como jogador extra comunitário até que seu passaporte português fique pronto.

Sem grandes oportunidades no Flamengo em 2013, Adryan não conseguiu comprovar no profissional o talento que apresentou nas categorias de base. No ano passado, inclusive, participou do Mundial Sub-20 da categoria. Ele já havia em 2011 no Mundial Sub-17.


Adryan passagens aérea (Foto: Reprodução / Instagram)Mesmo assim, Adryan não se incomoda com a situação. Ao fim do empréstimo com o Cagliari, caso não seja adquirido de forma definitiva, ele ainda terá contrato em vigor com o Flamengo. Por enquanto, prefere deixar o clube no passado e evitar falar sobre esse relacionamento.

- Não posso viajar pensando no que ficou para trás. Isso só me atrapalharia. Minha cabeça tem que estar no Cagliari e não no Flamengo - afirmou Adryan.

No trajeto para a Itália, Adryan precisou correr. No caminho, lembrou que havia esquecido o passaporte e voltou para buscar. Conseguiu chegar no Aeroporto Internacional Tom Jobim em tempo de embarcar. Mais um obstáculo vencido.



Adryan Cagliari aeroporto Thales Soares (Foto: Thales Soares) 
Adryan, família e empresário posam para foto antes do embarque rumo à Itália (Foto: Thales Soares)

Marcelinho 'tira folga' no NBB e ensina aos fãs do basquete as regras do 3x3


Acostumado a ser quase sempre o protagonista em quadra, Marcelinho Machado viverá uma experiência mais discreta e completamente diferente neste domingo. Mas nem tão distante assim da sua rotina habitual. Um dos destaques do Flamengo no NBB 6, o ala rubro-negro será o convidado especial da TV Globo durante a Copa América de Basquete 3x3, que será realizada a partir das 8h, no Parque dos Patins, na Lagoa Rodrigo de Freitas, no Rio de Janeiro. O torneio, que terá a participação do Brasil Quadra, Brasil 3x3, do Denver, dos Estados Unidos, campeão americano de 2013, e da equipe Tigre, da Argentina, vice-campeão do Tour argentino e quarto colocado no FIBA 3×3 World Tour do ano passado, será transmitido ao vivo no programa Esporte Espetacular.

Mas antes de encarar o microfone e assumir o posto de comentarista por um dia, Marcelinho aceitou o convite da TV Globo e foi até a Lagoa Rodrigo de Freitas apresentar a nova modalidade para os fãs do basquete. Se o objetivo básico de fazer cestas é o mesmo das quadras, as variações das regras são muitas. Quase que como um professor ao ar livre, o camisa 4 do Flamengo enumerou as mais importantes:

- Cada equipe atua com apenas três jogadores em quadra e um na reserva, as partidas duram dez minutos ou vão até 21 pontos, a posse de bola no ataque é de 12 segundos e os arremessos valem um e dois pontos em vez de dois e três. É um jogo mais intenso e que vem para agregar ao basquete. É uma modalidade que tem tudo para crescer e se tornar olímpica em breve. Acho que a Copa América tem tudo para despertar o interesse do público e ser um grande evento.

Marcelinho passa algumas dicas para Pedro Augusto, de 16 anos, e Jorge Emannuel, de 14 (Foto: Marcello Pires) 
Marcelinho passa algumas dicas para Pedro Augusto, de 16 anos, e Jorge Emannuel, de 14 (Foto: Marcello Pires)
 
Apesar de nunca ter participado de nenhuma competição oficial, Marcelinho aproveitou as "aulas" na Lagoa para lembrar das peladas dos tempos de moleque e de um momento especial na vida de qualquer jogador de basquete.

- Nunca disputei nenhum jogo oficial, mas treinamos muito a variação de 3x3 para ter mais espaço e exigir mais da parte defensiva durante os jogos. Essa quadra me traz boas lembranças, foi aqui que dei minha primeira enterrada - lembrou Marcelinho.

Alguns dos "alunos" do capitão do Flamengo, os amigos Pedro Augusto, de 16 anos, e Jorge Emannuel, de 14, ouviram atentamente as dicas de Marcelinho e ganharam o dia ao baterem uma bolinha com o ídolo rubro-negro. Federados nas categorias de base do Botafogo e Municipal, respectivamente, Pedro e Jorge pretendem seguir caminhos opostos.

- Viemos cedo para treinar e fomos surpreendidos com a presença do Marcelinho. Foi uma experiência maravilhosa e que jamais podíamos imaginar. Já joguei alguns torneios e achei a modalidade bastante interessante. Conheço alguns atletas até que optaram em iniciar no basquete no 3x3, e não descarto seguir esse caminho no futuro - disse Pedro Augusto.

- Eu nunca joguei e não penso em seguir o 3x3, prefiro mesmo a quadra - afirmou Jorge.

Marcelinho será o comentarista da Copa América de Basquete 3x3 (Foto: Marcello Pires)Independentemente da preferência ou não pelo basquete tradicional, Marcelinho aposta no crescimento da nova modalidade e aponta o vôlei de praia como exemplo a ser seguido.

- Acho que nesse início o 3x3 poderá até prolongar a carreira de alguns atletas, como o Rogério, por exemplo, que se aposentou na temporada passada e será uma das atrações da Copa América. Mas quando a coisa pegar mesmo acredito que muitos garotos irão se interessar diretamente pela modalidade antes mesmo de jogar na quadra como já acontece no vôlei. Já é normal observarmos promessas do vôlei de praia que começaram a jogar nas areias mesmo - destacou Marcelinho.



 

Jayme lamenta possível saída de Hernane, mas entende decisão


A proposta de seis milhões de euros (R$ 19,5 milhões) do Al Jazira, dos Emirados Árabes, por Hernane mexeu com todo o departamento de futebol do Flamengo. O jogador terminou 2013 como principal artilheiro do país, com 36 gols marcados, e idolatrado pela torcida do clube.

Pela sua importância para o time, o técnico Jayme de Almeida lamentou a possibilidade de Hernane deixar o Flamengo. Ele gostaria que o Brocador permanecesse, mas entende a possível decisão de deixar o clube por uma proposta milionária.

- Não existe a minha vontade, mas a do clube, o lado financeiro e o do atleta. Qualquer decisão vou respeitar. Quero que ele fique, mas fez por onde para receber essas propostas - disse Jayme de Almeida.

Flamengo treino Hernane (Foto: Thales Soares) 
Jayme de Almeida não poupou elogios a Hernane (Foto: Thales Soares)

Antes auxiliar técnico, ele assumiu o cargo em setembro do ano passado, quando ajudou o time a conquistar o título da Copa do Brasil, tendo Hernane como destaque e artilheiro. Ele é só elogios para o Brocador.

- Pelo que o Hernane representou no ano passado é normal essa valorização Tenho o maior respeito e carinho por ele pela dedicação e empenho que sempre demonstrou, alcançando seus objetivos. Nesse tempo, aprendi a conhecer um sujeito homem, bom de trabalhar e desejo tudo de bom para um rapaz humilde que algumas vezes foi até ironizado. Pelo esforço dele, acreditou e deu certo - disse o treinador.

Caso Hernane seja realmente negociado com o Al Jazira, o Flamengo contará apenas com os jovens Nixon e Sartori, além de Alecsandro, que está sendo contratado depois da rescisão de seu contrato com o Atlético-MG.

CBF tentará cassar liminar que devolve os pontos ao Flamengo



O diretor jurídico da Confederação Brasileira de Futebol, Carlos Eugênio Lopes( Carlô, torcedor do Fluminense), garante que não vai jogar a toalha em relação à liminar que obriga a devolução dos quatro pontos do Flamengo no Brasileirão de 2013. Carlô, como é conhecido, tentará cassar a liminar assim que a CBF for notificada, o que ainda não aconteceu.

- Saí do dentista agora, não tomei conhecimento. A CBF não foi intimada e, como não conhece os termos, não se manifesta. Mas garanto que a CBF vai seguir os trâmites legais. Em qualquer decisão, há duplo grau de jurisdição. Essa decisão não é final - afirmou.

Carlô garantiu ainda que o Brasileirão de 2014 não terá mais do que 20 clubes. E criticou o promotor de Justiça do Consumidor Roberto Senise, pelo inquérito civil contra a CBF e o STJD.

- A CBF não cogita fazer campeonato com mais de 20 clubes. Isso é que é virada de mesa. Jamais passou pela cabeça da CBF - disse Carlô. - Desse jeito, não acaba mais nenhuma competição. Não só de futebol, mas também de vôlei, de basquete... A verdade é que os outros esportes não dão Ibope. Então, talvez não despertem o interesse do doutor Senise. Será que o doutor Senise vai querer também julgar os casos da Copa do Mundo? - acrescentou, irônico.

O diretor jurídico informou que vai pedir o afastamento do promotor Roberto Senise do caso:

- A CBF e sua direção jurídica têm o maior apreço por todo o Ministério Público do Brasil. Mas, de forma constrangida, vou arguir a suspeição do autor e pedir o afastamento do caso. E arguir a incompetência territorial. A CBF é aqui no Rio. Imagina se os promotores do Brasil inteiro fazem isso. Tem que ser no Rio. A procuradoria dele é de consumidor. Qual a relação da CBF com o consumdior? Ele vai agora ser julgador do julgamento?

Carlô criticou também os advogados que estão usando a internet para estimular a enxurrada de ações.

- Isso aí se chama assédio judicial. É ilícito, imoral, um abuso. A Ordem dos Advogados de SP já está atuando. Cabe perdas e danos. Um advogado que faz isso está excedendo seus limites. Quer inviabilizar a defesa. Quer cercear o amplo defesa de direito. A ideia é pulverizar ações, sabendo que é impossível oferecer defesa. Isso que estão fazendo é a falência do sistema desportivo nacional, a falência da justiça desportiva no Brasil e do sistema judiciário . O sistema judiciário já está sobrecarregado. Os juízes atolados vão agora cuidar disso?


Mesmo sem anúncio oficial de alguns nomes, Jayme analisa reforços do Flamengo

O Flamengo vem se reforçando para a disputa de uma temporada na qual terá quatro competições para disputar. No momento, apenas dois nomes foram confirmados pela diretoria: Everton, ex-Atlético-PR, e Feijão, envolvido na troca por Rafinha com o Bahia. No entanto, Elano, do Grêmio, Léo, do Vitória, o equatoriano Frickson Erazo, do Barcelona-EQU, e Alecsandro, do Atlético-MG, devem ser anunciados até segunda-feira.

O técnico Jayme de Almeida considera a montagem do elenco boa para a temporada que vem pela frente. Apesar de tratar a Taça Libertadores como competição principal do ano, que ainda terá Carioca, Brasileiro e Copa do Brasil, não descarta as outras possibilidades de título para o Flamengo.

Flamengo treino Jayme (Foto: Thales Soares) 
 
Jayme de Almeida está satisfeito com os reforços do Fla para a temporada (Foto: Thales Soares)

- A gente sabia que o fato de disputar essas competições aumentaria e qualificaria o elenco. Claro que todos falam da Libertadores, mas tem o Carioca, uma competição que tem muito a ver com a história do Flamengo. O clube não pode abrir mão de nenhuma delas e deve tentar vencer todas. Vamos brigar pelos titulos - disse Jayme.

O treinador espera que os jogadores contratados possam manter o clima criado no grupo durante a campanha da conquista da Copa do Brasil. Jayme acredita que só assim poderá manter a sequência do bom trabalho.

- O grupo vai ficar mais forte e teremos mais jogadores experientes. Espero que possam dar certo. Vão chegar em um ambiente muito bom de trabalho, de respeito e amizade. Isso é fundamental para o trabalho dar certo - comentou Jayme.

Confira a análise do treinador sobre cada reforço do Flamengo:

Elano

"É um jogador de seleção brasileira, profissional sério, trabalhador, com o qual podemos contar em várias posições. Ele joga no meio, na frente, na lateral, como segundo volante e tem uma bola parada muito boa. É experiente, já disputou Copa do Mundo e foi campeão da Libertadores".

Feijão

"É um menino do Bahia. A gente só tinha o Amaral como primeiro volante e fizemos essa aposta. Ele se portou bem no Brasileiro e houve essa possibilidade. Ele pode crescer e tem personalidade mesmo com apenas 19 anos".

Everton

"Já estava aqui e é outro que pode atuar em várias posições. Estamos escolhendo assim os profissionais. Falava-se muito dos atacantes e do Paulo Baier, mas toda vez que via o Atlético-PR jogar tinha uma formiguinha que ia de um lado para o outro, fazendo a ligação do meio com o ataque e ainda colaborava na marcação. Ele vai nos ajudar muito".

Erazo

"É da seleção equatoriana, já tem experiência, 1,90m de altura. É rapido, vai nos ajudar a melhorar a nossa bola alta. Já conhece os times da América do Sul, está acostumado com os campeonatos e, com 25 anos, pode virar um zagueiro aqui".

Léo 

"Ele fez um bom Campeonato Brasileiro. É jovem, tem 22 anos, e nosso Léo Mura, capitão, ícone e grande jogador, não é mais garoto. Sempre que possível, em 2013, a gente descansava o Léo Moura. Agora, temos um jogador à altura para revezar com ele. Serão muitos jogos. É um ganho que vai ter. Quando o Léo Moura parar, vai fazer uma grande carreira aqui".

Alecsandro

"Fez gols em todos os clubes pelos quais passou. É experiente e quando surgiu a oportunidade interessou. Ele vai nos ajudar. Precisava de alguém mais de peso para a posição depois da saída do Moreno. Quando o Hernane não jogar, ele vai ser utilizado. Às vezes, até junto".

Jogadores do Flamengo fazem primeiro treinamento físico no campo


Flamengo treino Jayme (Foto: Thales Soares)O Flamengo foi para o campo em seu terceiro dia de trabalho na pré-temporada. Em um treinamento físico realizado no campo 2 do Ninho do Urubu, o preparador Joelton Urtiga comandou a atividade, exigindo o máximo dos jogadores.

A atividade durou pouco mais de uma hora. Ao fim do trabalho, o grupo aproveitou uma das poucas sombras no centro de treinamento para descansar antes de voltar aos vestiários.

Os goleiros trabalharam à parte com o preparador Wagner Miranda. O técnico Jayme de Almeida observou tudo do centro do campo e ajudou a recolher o material de trabalho.

À tarde, o time volta a treinar no Ninho do Urubu.


Flamengo treino grupo na sombra (Foto: Thales Soares) 
Jogadores descansam na sombra após intensa atividade desta sexta-feira (Foto: Thales Soares)
 
 
 

Feijão faz exames e será apresentado pelo Flamengo neste sábado


feijao bahia (Foto: Thiago Pereira)
O volante Feijão já teve seu primeiro dia como jogador do Flamengo. Ele se apresentou na manhã desta sexta-feira, fez exames no Ninho do Urubu, em Vargem Grande, e já deixou o local para complementar a bateria de testes. O jogador será apresentado na manhã de sábado.

A contratação de Feijão passou por uma pequena novela com final feliz. O jogador foi envolvido em uma troca com Rafinha, que já foi anunciado pelo Bahia. Ambos ficam nos clubes por empréstimo de um ano.

O Flamengo já anunciou oficialmente o meia Everton, ex-Atlético-PR, e até segunda-feira espera confirmar os nomes do lateral-direito Léo, do Vitória, do zagueiro equatoriano Frickson Erazo, do Barcelona-EQU, Elano, do Grêmio, e Alecsandro, do Atlético-MG.

Justiça de São Paulo manda CBF devolver quatro pontos ao Flamengo


Saiu uma liminar na 42a. Vara Cível de São Paulo que obriga a CBF a devolver quatro pontos ao Flamengo no Campeonato Brasileiro de 2013. O fundamento é o mesmo das ações de torcedores da Portuguesa e do inquérito aberto pelo Ministério Público de São Paulo: desrespeito ao Estatuto do Torcedor, que obriga a CBF e o STJD a publicar suas decisões - como a suspensão de atletas.

A ação foi movida pelo advogado Luiz Paulo Pieruccetti Marques, sócio do Flamengo. Marques já defendeu o clube em caso envolvendo o jogador Felipe Melo, em 2008. Tal relação não configura nenhum impedimento no caso sobre a perda de pontos no Brasileiro de 2013.

- Efetivamente, a data da publicidade da referida decisão [suspensão de André Santos] se deu em momento posterior ao jogo contra o Cruzeiro, conforme demonstrado [...], de firma que o referido atleta estava em condições regulares para participar da partida da "entrega das faixas" - diz o texto da decisão.

O juiz Marcello do Amaral Perino aceitou a argumentação do advogado, segundo a qual o eventual rebaixamento do Flamengo causaria "dano irreparável" ao clube. A decisão diz ainda que "se mostra viável a modificação pelo Poder Judiciário da decisão que atingiu a Portuguesa de Desportos".

- Suspender os efeitos da decisão proferida pelo STJD em relação ao Clube de Regatas do Flamengo, com o restabelecimento dos quatro pontos que lhe foram retirados quando do debatido julgamento realizado em 27 de dezembro do ano passado.

Na prática, tal decisão não afeta a classificação do Campeonato Brasileiro. Mas abre um precedente para que a Portuguesa também recupere os quatro pontos tirados pelo STJD. Aí, sim, poderia haver alguma mudança na classificação.

O Fluminense, que em tese seria o maior prejudicado por essas decisões, não quis comentar o caso. O Flamengo publicou uma nota:

- O Flamengo agradece ao torcedor, reforçando apenas que nada tem a ver com essa ação jurídica, mas que o resultado corrobora a decisão acertada da escalação do lateral-esquerdo André Santos.

Reserva do Brocador, Sartori encara a missão: ‘Tenho que estar preparado


Igor Sartori em ação no primeiro jogo da final do Carioca Sub-20 (Foto: Fla Imagem)Alecsandro deve chegar, Hernane pode ir, e um jovem busca, sem alarde, seu espaço entre os atacantes do Flamengo para temporada 2014: Igor Sartori. Com 21 anos recém-completados, o filho do ex-jogador Alcindo não tem mais idade para as categorias de base e tem no Carioca a grande oportunidade de mostrar que merece seguir na Gávea para a sequência do ano. No momento, o jovem carrega consigo a responsabilidade de ser o único reserva do Brocador no elenco, e se diz pronto para isso - Nixon também pode jogar centralizado, mas tem o hábito de atuar pelas pontas.

Com três partidas entre os profissionais, todas no Estadual do ano passado, Sartori retornou para os juniores ainda no primeiro semestre e teve participação destacada nas campanhas dos vices do Carioca e da OPG. A missão agora é agradar Jayme de Almeida. O atacante não se intimida com a possibilidade de substituir o artilheiro do Brasil em 2013 nas primeiras partidas do ano. 

- Tenho que estar preparado. Ainda vou aprender muitas coisas com o passar do tempo no profissional, mas estou preparado e quero aproveitar as oportunidades. Também gosto de jogar pelos lados do campo. Estou em busca do meu espaço.

A estreia de Igor Sartori como profissional aconteceu na vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo, pela Taça Guanabara do ano passado. Na ocasião, sob o comando de Dorival Júnior, o atacante entrou no segundo tempo. Depois, ainda enfrentou Olaria e Macaé antes de retornar para base. O regresso, no entanto, foi encarado como positivo pelo jovem.

 - Foi importante fazer os jogos no Carioca, estreei em um clássico. Depois, o retorno para base foi importante para que eu seguisse jogando. Nunca é bom ficar parado. Atuei bastante. Fomos para final do Carioca, da OPG, passamos para segunda fase do Brasileiro sub-20, algo que o Flamengo nunca tinha conseguido.

Filho de Alcindo, campeão brasileiro pelo Flamengo em 87, da Copa do Brasil em 90 e que fez sucesso com Zico no Japão, Sartori tem o pai como principal referência no futebol. A associação natural, por sinal, não o incomoda, apesar de querer ser lembrado por seus próprios feitos.

- Minha inspiração é mesmo o meu pai. Desde pequeno, sempre acompanhei, vi os DVDs. É natural essa ligação, mas ele fez a história dele e quero fazer a minha história agora no Flamengo.

Com a camisa do Flamengo, Alcindo entrou em campo 213 e marcou 32 gols, entre 1986 e 1991.

Flamengo aguarda assinaturas para integrar Léo ao elenco o mais rápido possível



Léo atlético-pr atlético-mg (Foto: Joka Madruga / Agência Estado)O Flamengo já trata a negociação como sacramentada, assim como o Vitória, dono dos direitos econômicos de Léo, e também o Atlético-PR, clube que o jogador defendeu no último Brasileirão. Os documentos já foram recebidos pelo Rubro-Negro carioca e os departamentos jurídicos dos clubes já alinharam todas as cláusulas. Para que o lateral-direito seja oficialmente anunciado como novo reforço do time da Gávea faltam apenas as assinaturas das partes envolvidas, o último passo da transação.

A tendência é que o desfecho aconteça até segunda-feira e o jogador seja integrado ao grupo no início da próxima semana. Jayme de Almeida pretende contar com Léo a sua disposição o quanto antes para começar a esboçar os planos para utilização do jogador.

O Flamengo desembolsará  R$ 2 milhões para o Vitória para adquirir 50% dos direitos econômicos do lateral-direito.

Pela previsão inicial, o jogador poderia chegar ao Rio de Janeiro nesta sexta-feira para realizar exames e assinar. Mas, até a noite desta quinta-feira, o departamento de futebol do time carioca não teve a confirmação da chegada de Léo, e trabalha com prazo para os próximos dias. O jogador ainda não recebeu a passagem para voar rumo ao Rio de Janeiro.

Para fechar com o lateral-direito, que chega para revezar na posição com o xará Léo Moura, o Flamengo teve que superar a concorrência do Atlético-PR. O jogador defendeu o Furacão em 2013, que tinha preferência na aquisição de seus direitos. O clube de Curitiba até o exerceu, mas não cobriu a proposta feita pelos cariocas, conforme previsto em contrato, nem acertou as bases salariais com o atleta.

Flamengo 10 títulos nacionais

Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!