Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

sábado, 28 de junho de 2014

Flamengo negocia empréstimo de jogador ao América-RN


Digão - Volta Redonda x Flamengo (Foto: Bruno de Lima/ LANCE!Press)
O Flamengo está negociando o empréstimo do lateral-direito Digão ao América-RN. As partes continuam discutindo os detalhes da transferência. Inicialmente, o jogador rubro-negro ficaria na equipe do Rio Grande do Norte até o fim da temporada. Vale destacar que este pode ser o primeiro jogador a ser negociado pelo Flamengo nesta paralisação do Campeonato Brasileiro.

Bola parada e finalizações: Flamengo fecha preparação para jogo-treino


Ney Franco chicão comanda treino do Flamengo (Foto: Divulgação/Flamengo)O Flamengo encerrou a preparação para enfrentar o Tupi-MG, em jogo-treino, neste domingo, no Ninho do Urubu, com um treino de bola parada e finalizações. Na manhã deste sábado, em trabalho fechado à imprensa, Ney Franco ainda exercitou o posicionamento da equipe no esquema 3-5-2. A atividade durou cerca de duas horas.  

Todos os jogadores participaram da sessão – à exceção do machucado Cáceres (fratura na mão esquerda) e de Hernane (ainda em recuperação física). Felipe, goleiro com fratura na região das costelas, continuou a rotina de treino em separado evitando contato com atletas e quedas ao chão.  

Desde o dia 16 de junho, o primeiro em Atibaia, na retomada da preparação ainda no recesso motivado pela Copa do Mundo, o Fla trabalha diariamente. Disputará o primeiro jogo-treino no domingo. A retomada do Brasileirão será contra o Atlético-PR, em 16 de julho, em Macaé.

pronto (Gilvan de Souza / Flamengo)

Sem temer falta de reforços, Ney fala em novo Flamengo: "Recuperamos atletas"


Ney Franco comanda treino do Flamengo (Foto: Divulgação/Flamengo)
A última vez que um jogador sentou à mesa da sala de imprensa do Ninho do Urubu, ganhou a camisa do Flamengo e falou como novo reforço foi em 26 de abril. À época, ainda na gestão de Paulo Pelaipe (diretor executivo) e Jayme de Almeida (treinador), o zagueiro Marcelo e o atacante Arthur foram apresentados após negociações, respectivamente, com Volta Redonda e Londrina. Felipe Ximenes e Ney Franco foram contratados, o Brasileirão acabou paralisado para a Copa do Mundo e a fotografia do grupo, atualmente na zona do rebaixamento, continuou a mesma. Preocupação? Negativo. Sem temer a falta de contratações, o técnico confia no trabalho que “recuperou” atletas. E promete novo time a começar pelo confronto com o Atlético-PR.  

Ney assumiu o clube em 14 de maio. Desde então, disputou cinco partidas pelo Nacional: soma três empates e duas derrotas. Desempenho que contribuiu para o Fla cair ao 19º lugar, com sete pontos. Há negociações em andamento, como com os argentinos Canteros, do Vélez, e Casco, do Newell's Old Boys.  

- Definimos um grupo de trabalho, então, não posso ficar refém de contratação. Temos a consciência de que este período, de 30 dias, é suficiente para preparar o time. Trabalho com quem eu tenho aqui. Recuperamos atletas dentro de treinamento. Vamos mostrar ao torcedor que, alguns jogadores, que poderiam ser descartados, estão em novo momento. Especialmente pela entrega e pela dedicação – comenta o técnico.

E quais são estes atletas? Ao preferir não falar em nomes, Ney sugere. Seriam os casos de André Santos e Elano, recentemente criticados pela torcida. Em Atibaia, palco da primeira semana de treinos, aliás, o comandante conversou separadamente com André Santos:  

- Prefiro não falar em nomes. Eles estão aí. É só ver o histórico de quem, após os jogos, são criticados. Esses atletas têm consciência disso. E já mudaram.  

O desempenho, nos treinos, realmente, chama atenção pelo aspecto positivo. Há dedicação e empenho em assimilar as novas ideias, especialmente o esquema 3-5-2. Ele, aliás, será testado em jogo-treino contra o Tupi-MG, domingo, no Ninho.  

Até a volta ao campeonato, o Fla fará mais dois jogos-treino. Tudo para chegar nas melhor das condições para encarar o Atlético-PR.


sexta-feira, 27 de junho de 2014

Flamengo e Atlético-PR será realizado em Macaé


Gramado do Estádio Moacyrzão, em Macaé, em junho de 2013 (3) (Foto: Júnior Costa)
A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou nesta sexta-feira que o estádio Moacyrzão, em Macaé, receberá a partida entre Flamengo e Atlético-PR, no dia 16 de julho, válida pela décima rodada do Campeonato Brasileiro, às 22h. O Rubro-Negro carioca não poderá mandar essa partida no Maracanã pelo fato de o estádio ainda estar entregue à Fifa na data.

O jogo acontecerá somente três dias depois da decisão da Copa do Mundo, que terá o estádio carioca como palco. As opções no Rio de Janeiro seriam Macaé ou Volta Redonda, mas a diretoria flamenguista optou pela cidade no Norte fluminense.

A equipe carioca é a penúltima do nacional, com apenas sete pontos em nove jogos. O Atlético-PR está em 12º lugar, com 13 pontos.

Depois de acertar com Vélez, Flamengo tenta diminuir pedida feita por Canteros


Canteros Vélez Sarsfield (Foto: Getty Images )Depois do Vélez, o empresário de Canteros. É assim que o Flamengo trabalha para anunciar o primeiro reforço visando a retomada do Brasileirão. A pedida inicial de Adrian Castellanos, representante do misto de volante e meia argentino, assustou a direção rubro-negra. As tratativas chegaram a ser encerradas. Porém, ao retomá-las, há a confiança de desfecho positivo na próxima semana.  

Na quarta-feira, Adrian Castellanos deu fim às conversas. Foi a maneira encontrada por ele de lidar com a recusa do Fla em pagar US$ 300 mil (R$ 660 mil) em comissão. No dia seguinte, com o acerto entre os clubes, ele voltou atrás. O time brasileiro tenta reduzir a pedida assim como definir salários com o jogador.  

- As negociações haviam sido encerradas na quarta. Não houve acerto. Mas, depois, com os clubes chegando a consenso, estamos conversando. Falta o Flamengo acertar com o jogador – explicou Adrian Castellanos.  

A agremiação brasileira pagará US$ 2,2 milhões (R$ 4,8 milhões) pelo meio-campista. Canteros, 25 anos, é desejo antigo dos dirigentes cariocas. No começo do ano, o Rubro-Negro fez proposta para tê-lo por empréstimo, recusada pelo Vélez, que só aceitava negociar em definitivo. No início de junho, Felipe Ximenes, diretor executivo do futebol flamenguista, viajou à Argentina e acelerou a negociação.  

O meio-campista no momento treina com o Vélez Sarsfield durante a paralisação das atividades no futebol argentino para a Copa do Mundo. Na quarta-feira, Canteros admitiu que tinha o desejo de atuar no futebol brasileiro. Além dele, a diretoria do Flamengo ainda sonha com a contratação do lateral Milton Casco, do Newell's Old Boys, também da Argentina.



Natal recebe terceira edição da Copa Flamengo Nordeste no mês de julho


Escolinha Flamengo Natal (Foto: Divulgação)
A escolinha de futebol do Flamengo vai realizar nos dias 19 e 20 de julho, em Natal, a terceira edição da Copa Fla Nordeste. O evento vai reunir 20 equipes de todos os estados nordestinos, que lutarão por uma vaga na final nacional, marcada para o mês de dezembro, no Rio de Janeiro.

Os times participantes têm idade entre 4 anos - categoria Mamadeira - e 16 anos - categoria Infantil. Os interessados em participar da competição devem procurar a sede da escolinha Fla Natal, que fica na avenida Amintas Barros, no bairro Nova Descoberta, na zona Sul da capital potiguar. Outras informações podem ser obtidas no site da escolinha.

Escolinha

Uma das atividades da Escolinha do Fla são as excursões ao Rio de Janeiro que são realizadas anualmente. A primeira delas está agendada para os dias 26 e 27 de julho. Na ocasião, os alunos e seus convidados terão a oportunidade de conhecer o Rio de Janeiro, além de visitar a Gávea e todas as suas dependências. No dia 27, também irão ao Maracanã, onde o Flamengo enfrenta o Botafogo pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os alunos de Natal entrarão em campo de mãos dadas com os jogadores rubro-negros.

Dores cessam, e Everton espera render mais no Flamengo: "Estava debilitado"


Ney Franco comanda treino do Flamengo (Foto: Gilvan de Souza/Fla Imagem)A delicada situação na tabela exigia esforço. Então, com a ideia de ajudar o Flamengo, Everton entrou em campo apesar das dores na coxa direita. O recesso do Brasileirão, motivado pela Copa do Mundo, então, foi aproveitado para curar de vez a lesão sofrida na derrota para o Corinthians, no distante 27 de abril, logo no começo do campeonato. Agora, sem qualquer tipo de limitação no período de treinos, o meia espera poder render mais no Rubro-Negro.  

- Foi importante (ter a parada) para retomar o físico. Eu me recuperei, tive três semanas. Agora, não sinto mais dor. Antes, treinava e sentia. Estava debilitado. Com a vontade de ajudar, acaba voltando antes e sente. A postura agora vai ser diferente – disse o jogador, titular no esquema com três zagueiros montado por Ney Franco.  

O novo plano de jogo, aliás, é visto com bom olhos pelo atleta, que realizou treinos em separado, sob supervisão do preparador Alexandre Lopes no período em Atibaia. Para ele, os treinos indicam que o Fla irá deixar a zona do rebaixamento – é o 19º, com sete pontos:  

- Os defeitos aparecem quando as vitórias não acontecem. É normal no futebol. Estou vendo uma postura diferente, muita dedicação nos treinos. Estamos em posição indesejável pelo o que o Flamengo representa. Vamos dar a volta por cima, a partir do bom trabalho que está sendo realizado. É importante treinar para nos adaptarmos ao estilo de jogo que o Ney tenta implantar.  

Visando a partida contra o Atlético-PR, em 16 de julho, o Flamengo treina diariamente no Ninho do Urubu. Irá disputar jogo-treino, domingo, contra o Tupi-MG. Será o primeiro teste do novo esquema.

Depois de não repetir time, Ney define Flamengo com três zagueiros: "É o ideal"


Ney Franco comanda treino com três zagueiros no Flamengo (Foto: Hector Werlang)Os cinco primeiros jogos de Ney Franco à frente do Flamengo tiveram escalações diferentes. Seja por experiências, problemas de lesão e baixas por convocações, o treinador não repetiu a formação antes da parada do Brasileirão. Pois a retomada dos treinos, primeiro em Atibaia e depois no Rio, serviu para o comandante definir time e esquema: será com a base trabalhada no 3-5-2 que o Rubro-Negro tentará sair da zona do rebaixamento do Nacional, a começar pelo confronto com o Atlético-PR, em 16 de julho. É, na visão dele, o “ideal” para o Fla.  

Ney tem o entendimento de que o treinador precisa se adaptar ao elenco que dispõe. Então, especialmente pelas características ofensivas dos laterais Léo Moura e André Santos, escolheu a nova formação.  

- Futebol é cíclico. Em alguns momentos, não se pode bater o martelo em convicções. Tem de ficar atento. Meu perfil era montar as equipes com mais atacantes do que defensores. Mas o momento e o elenco do Flamengo pedem, na minha avaliação, e tomara que eu esteja no caminho certo, uma equipe mais sólida defensivamente e laterais que possam ser liberados. Qualquer esquema precisa de jogadores que o façam funcionar. Pelo que eu vejo nos treinamentos, essa forma vai dar resultado. Estou esperançoso de ter uma equipe mais competitiva para ver o Flamengo em situação melhor, no topo da tabela. É a forma ideal para a gente jogar, ao menos neste começo de campeonato – explicou o comandante em entrevista coletiva nesta sexta-feira.  

O novo esquema, então, será testado no jogo-treino contra o Tupi-MG, domingo, no Ninho. Ney está esperançoso:  

- Em qualquer sistema, além de tempo para trabalhar, você precisa de jogos para ajustar. Felizmente antes da nossa reestreia com o Atlético-PR teremos três jogos programados, jogos-treino, aliados a nossa programação de treinamentos. Creio que nossa equipe chegará muito bem contra o Atlético-PR, logicamente, com a sequência vai se ajustando, mas essa formação está me dando uma tranquilidade muito grande para recomeçarmos o Brasileiro, com uma equipe bem sólida.  

A escalação, então, é a seguinte: Paulo Victor; Wallace, Chicão e Samir; Léo Moura, Recife, Elano, Everton e André Santos; Paulinho e Alecsandro. Felipe, Cáceres e Hernane, com problemas físicos, podem ganhar posição ao se recuperarem. Afinal, eram titulares antes da parada por recomendação médica.  

Em 19º com sete pontos, o Flamengo está na zona do rebaixamento. Ney Franco soma três empates e duas derrotas. A primeira partida é contra o Atlético-PR em local ainda indefinido.





Cáceres sofre fratura na mão, e Recife ganha chance entre titulares do Flamengo


Cáceres  flamengo (Foto: Fla Imagem)O treinamento do Flamengo desta sexta-feira, no Ninho do Urubu, teve um desfalque de peso: Cáceres. Com fratura na mão esquerda, sofrida ao final do trabalho do dia anterior, porém, confirmada apenas nesta manhã pelo departamento médico rubro-negro, o volante está fora dos trabalhos, ao menos, até a próxima terça-feira. Deu lugar a Recife no time titular, preparado por Ney Franco, visando a retomada do Brasileirão.  

A lesão foi diagnosticada no quarto metacarpo da mão esquerda. Com a região engessada, Cáceres permanecerá em casa até terça, quando será reavaliado. Está fora, portanto, do jogo-treino de domingo, no Ninho, contra o Tupi-MG - Felipe e Hernane também não estarão presentes no teste. Esta é a segunda lesão do camisa 5 na temporada: deslocou ombro direito, ainda na Libertadores, e ficou parado por seis semanas. Será preparado, então, para enfrentar o Atlético-PR, em 16 de julho, ainda em local indefinido.  

Cáceres não atua desde o dia 21 de maio, o empate em 1 a 1 com o Bahia. Ficou de fora das últimas rodadas do Nacional por defender o Paraguai em amistosos contra França e Inglaterra. Vinha treinando entre os titulares com Ney desde o começo dos trabalhos, ainda em Atibaia. Agora...  

Recife, então, ocupou a posição de primeiro volante no 3-5-2 montado pelo treinador – sua última partida na temporada foi na vitória de 2 a 1 sobre o Emelec, no Equador, pela Libertadores ainda na gestão de Jayme de Almeida. Nesta manhã, Ney deu ênfase na defesa, posse de bola e velocidade nos contragolpes. O time titular ainda contou com Alecsandro, na vaga de Mattheus, totalmente recuperado de problema no tornozelo direito. A escalação: Paulo Victor; Wallace, Chicão e Samir; Léo Moura, Recife, Elano, Everton e André Santos; Paulinho e Alecsandro.  

O Flamengo volta a treinar na manhã deste sábado. Será o último trabalho antes do jogo-treino contra o Tupi-MG.

Léo Moura destaca competitividade em treinos que "há muito não via"

A situação ruim na tabela do Campeonato Brasileiro, amargando a penúltima colocação com apenas sete pontos em nove jogos, faz o período de treinos do Flamengo durante a pausa para a Copa do Mundo ficar ainda mais importante. Detalhes a serem acertados por Ney Franco, mudanças no esquema tático com a entrada do 3-5-2 e muita disposição por parte de quem vinha sendo pouco utilizado anteriormente. A disputa por posições e o empenho nos treinamentos realizados em Atibaia e no Ninho do Urubu recebem elogios do capitão Léo Moura.

- Há muito tempo eu não via semanas como as que fizemos em Atibaia e aqui. Os treinos estão competitivos, todo mundo está com outra cara, com vontade de tirar o Flamengo dessa situação. Acredito muito que essa vontade, se transferida para dentro de campo, vai dar resultado. O Ney tem procurado colocar um padrão diferente do que o que vínhamos jogando, com três zagueiros. Após o fim dessa mini pré-temporada o time já vai estar do jeito que ele quer – analisou o lateral-direito.

Leo Moura no treino do Flamengo (Foto: Thiago Benevenutte) 
Leo Moura em ação no treino tático do Flamengo na quinta-feira, no Ninho do Urubu (Foto: Thiago Benevenutte)


Além de adotar um esquema diferente, utilizando Samir, Wallace e Chicão como titulares e liberando Léo Moura e André Santos como alas, o treinador rubro-negro tem cobrado bastante a marcação sob pressão para dificultar a saída de bola dos rivais.

- Antes, estávamos deixando a defesa adversária jogar, e o Ney Franco tem priorizado isso de priorizar na frente – resumiu Léo, para depois citar o que disse na reunião com jogadores e comissão técnica, ainda em Atibaia – Falei como forma de incentivar esse tipo de competição sadia dentro da equipe. Se todos continuarem buscando espaço no dia a dia, o Flamengo não vai ter só os 11 titulares.



Com jogo-treino contra o Tupi-MG marcado para o domingo, às 10h (horário de Brasília), no Ninho do Urubu, o Flamengo só volta a jogar pelo Brasileiro no dia 16 de julho, contra o Atlético-PR, como mandante. O local ainda não foi definido.

quinta-feira, 26 de junho de 2014

Flavio Zveiter deixa presidência do STJD; Caio Rocha assume o cargo


O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) tem um novo presidente. Após dois anos no cargo, Flavio Zveiter deixou a função e voltará a ser apenas auditor. Em seu lugar assumiu o jurista Caio Rocha, que recebeu sete dos nove votos dos auditores do Pleno e já começou seu mandato, que terá a duração de dois anos.

Na mesma eleição, foi conhecido o vice de Caio Rocha, que será o auditor Ronaldo Botelho, eleito por unanimidade. Paulo Schmitt segue como procurador geral do Tribunal. Os procuradores William Figueiredo e Caio Medauar também foram indicados, mas o Pleno optou por manter Schmitt.

Com o recesso do Campeonato Brasileiro e das demais competições nacionais, ficou decidido que a próxima sessão do STJD acontecerá somente no dia 17 de julho, às 10h. A eleição ocorreu na sede da entidade, no Centro do Rio de Janeiro, e teve duração de três horas.

Caio Rocha STJD (Foto: Daniela Lameira / Site STJD) 
Caio Rocha (à direita), com Paulo Schmitt ao centro e Ronaldo Botelho à esquerda (Foto: Daniela Lameira / Site STJD)

Goleiro Bruno está impedido de acompanhar os jogos da Copa


Penitenciária de Francisco Sá (Foto: Valdivan Veloso/Globoesporte.com)Os advogados do goleiro Bruno Fernandes estiveram nesta quinta-feira,26, na Penitenciária de Segurança Máxima de Francisco Sá, para o primeiro contato com o jogador depois da sua transferência  de Contagem para o Norte de Minas. Eles afirmaram que Bruno está se alimentando bem, mas não está acompanhando os jogos da Copa do Mundo, uma vez que no local ele não tem acesso à televisão ou rádio. Como já haviam afirmando antes, os advogados voltaram a dizer que Bruno ainda sonha em jogar a Copa de 2018.

A defesa composta pelos advogados Francisco Simim, Wallace Simin e Tiago Lenoir pretende entrar com um novo pedido para que o jogador tenha direito ao trabalho externo ainda este ano, mesmo cumprindo a pena em regime fechado. O último no início deste mês foi negado, sob alegação de falta de segurança para o cumprimento.

- Não estamos pedindo um favor. Nos baseamos na lei para a requisição deste direito, assim como foi concedido ao ex-senador José Dirceu. Basta o juiz ser legalista. A Lei prevê esta condição - afirma o advogado Francisco Simin.

Os advogados do goleiro fizeram a primeira visita ao cliente nesta quinta-feira (26) depois de sua  de Francisco Sá, no Norte de Minas Gerais. O encontro durou cerca de 40 minutos.

Ville na Penitenciária (Foto: Valdivan Veloso/globoesporte.com)
Ville Mocellin, presidente do Montes Claros FC, time com quem Bruno assinou contrato, também esteve na portaria da Penitenciária  e diz estar disposto a levar o time para treinar em Francisco Sá, para facilitar o acesso de Bruno, assim que conseguir autorização.

- Faremos o possível para que o jogador se recupere fisicamente e socialmente - afirma Mocelin que não teve acesso ao interior da Penitenciária.

Ainda de acordo com o advogado de defesa, a esposa de Bruno, Ingrid Calheiros, está ainda no Rio de Janeiro onde cumpre agenda de trabalho, mas deve se mudar para a Montes Claros, que fica a 55 km de Francisco Sá, na próxima semana. Ingrid já possui um imóvel alugado na cidade e o advogado acredita que ela poderá exercer a profissão de dentista. Os advogados de defesa informaram também que farão um novo pedido de exame de DNA, visto que o goleiro nunca colheu material para comprovar a paternidade de Bruninho, filho de Eliza Samudio.

Entenda o caso 


Bruno Fernandes foi condenado pela Justiça de Minas, em março de 2013, a 17 anos e 6 meses em regime fechado por homicídio triplamente qualificado (por motivo torpe, asfixia e uso de recurso que dificultou a defesa da vítima), a outros 3 anos e 3 meses em regime aberto por sequestro e cárcere privado e ainda a mais 1 ano e 6 meses por ocultação de cadáver. A pena foi aumentada porque o goleiro foi considerado o mandante do crime, e reduzida pela confissão do jogador.

Eliza desapareceu em 2010 e seu corpo nunca foi achado. Ela tinha 25 anos e era mãe do filho recém-nascido do goleiro Bruno, de quem foi amante. Na época, o jogador era titular do Flamengo e não reconhecia a paternidade.

Duas nações entrelaçadas

 
A história do Flamengo se confunde com a da seleção brasileira nas Copas do Mundo. Logo na primeira participação do Brasil, em 1930, dois jogadores do Rubro-Negro estiveram presentes. Um deles, Moderato, entrou em campo e marcou dois gols na goleada por 4 a 0 sobre a Bolívia. Além disso, o treinador daquela equipe também foi um atleta do Mais Querido. Píndaro de Carvalho foi zagueiro da equipe campeã carioca de 1914, 1915 e 1920, os primeiros títulos da história do clube. Píndaro seria apenas o primeiro grande nome da história do Flamengo a ser técnico da Seleção Canarinho. O zagueiro abriu caminho para Flávio Costa (1950), Zagallo (1970, 1974 e 1998) e Cláudio Coutinho (1978).


Zagallo, Leônidas, Zico e Domingos da Guia(foto)

O Rubro-Negro carioca também foi responsável por ceder jogadores a algumas seleções campeãs do mundo. Só em 1958, foram quatro atletas atuando na Suécia. Joel, Moacir, Dida e Zagallo se juntam ao seleto grupo de atletas que foram campeões pelo Brasil enquanto atuavam pelo Flamengo. Além deles, Brito (1970), Gilmar (1994) e Juninho Paulista (2002) também conquistaram tal feito, honrando o Mais Querido.

Apesar disso, outros atletas do clube que também jogaram pelo Brasil e, mesmo sem terem sido campeões, marcaram a história da seleção em Copas do Mundo. Zico, por exemplo, disputou três campeonatos mundiais com a camisa amarelinha (1978, 1982 e 1986) e há quem diga que o Galinho fez parte da melhor seleção de todos os tempos (1982). Um dos maiores jogadores da história do futebol brasileiro e um dos grandes responsáveis pelo tamanho da Nação Rubro-Negra, Leônidas da Silva jogou a Copa de 1938, sendo eleito pela FIFA o melhor jogador  da competição, além de ter alcançado a artilharia com sete gols. No mesmo ano, Domingos da Guia foi eleito o melhor zagueiro da competição, também pela Federação Internacional de Futebol. Além dos dois premiados, o goleiro Wálter também era jogador do Flamengo. A conquista do trio rubro-negro junto à seleção brasileira foi decisiva para o clube da Gávea ser o clube Mais Querido do Brasil.


Confira todos os jogadores rubro-negros que estiveram nas edições da Copa do Mundo:

1930 - Benevenuto (lateral-direito) e Moderato (ponta-esquerda)

1938 - Wálter (goleiro), Domingos da Guia (zagueiro) e Leonidas (centroavante)

1950 - Juvenal (zagueiro) e Bigode (lateral-esquerdo)

1954 - Dequinha (volante), Rubens (meia-direita) e Índio (centroavante)

1958 - Joel (ponta-direita), Moacir (meia-direita), Dida (meia-esquerda) e Zagallo (ponta-esquerda) | BRASIL CAMPEÃO

1966 - Paulo Henrique (lateral-esquerdo) e Silva Batuta (atacante)

1970 - Brito (zagueiro) | BRASIL CAMPEÃO

1974  - Renato (goleiro) e Paulo César Caju (meia)

1978 - Toninho (lateral-direito) e Zico (meia)

1982 - Leandro (lateral-direito), Junior (lateral-esquerdo) e Zico (meia)

1986 - Sócrates (meia) e Zico (meia)

1990 - Zé Carlos (goleiro) e Renato Gaúcho (atacante)

1994 - Gilmar (goleiro) | BRASIL CAMPEÃO

1998 - Júnior Baiano (zagueiro) e Zé Roberto (lateral-esquerdo)

2002 - Juninho Paulista (meia) | BRASIL CAMPEÃO

2010 - Kléberson (meia) e Fierro (meia na seleção do Chile)

2014 - Erazo (zagueiro da seleção do Equador)

Autor: Comunicação
Fonte: Site Oficial do Clube

Em dia de retorno de Erazo, Ney Franco comanda treino tático no Flamengo

Pela primeira vez após o retorno aos trabalhos durante a paralisação do Campeonato Brasileiro, o elenco do Flamengo que trabalhou no Ninho do Urubu esteve completo. Nesta quinta-feira, Frickson Erazo voltou às atividades depois da eliminação do Equador da Copa do Mundo, após empate sem gols contra a França na quarta-feira. O zagueiro, no entanto, fez apenas trabalhos na academia do Centro de Treinamento e não deu as caras no campo.

As atividades físicas tiveram início por volta das 15h30. Às 17h, Ney Franco iniciou trabalho tático, que só teve fim quando a luz natural já era bem escassa, cerca de 40 minutos depois. O time titular foi formado por Paulo Victor, Samir, Chicão e Wallace; Léo Moura, Cáceres, Elano, Everton e André Santos; Paulinho e Alecsandro. O último, que ainda era dúvida para o jogo-treino de domingo, contra o Tupi-MG, não deve ser problema. Felipe e Hernane são os únicos vetados, em fase de recuperação.

jogadores no treino do Flamengo (Foto: Thiago Benevenutte) 
Ney Franco orienta o time durante treinamento coletivo no Ninho do Urubu (Foto: Thiago Benevenutte)


O treinador rubro-negro instrui seus comandados e cobrou bastante para que o ataque titular fizesse uma marcação sob pressão. Exigiu também movimentação do meio-campo, com Elano e Cáceres alternando de lados. O volante paraguaio foi elogiado pela disposição e empenho nas roubadas de bola.

A equipe reserva, que quase não levou perigo ao gol adversário, foi formada por Cesar, Léo, Marcelo, Fernando e João Paulo; Márcio Araújo, Luiz Antonio, Muralha e Gabriel; Negueba e Mattheus. Com dois gols de Everton, os titulares venceram por 2 a 0.

O jogo-treino entre Flamengo e Tupi-MG está marcado para as 10h de domingo. O Rubro-Negro volta a campo pelo Brasileiro apenas no dia 16 de julho, pela 10ª rodada, contra o Atlético-PR.


Flamengo acerta com Vélez e está perto de anunciar volante Canteros


Héctor Canteros na partida do Velez (Foto: Reprodução / Site Oficial do Velez)O Flamengo está muito perto de anunciar a contratação do volante Canteros, do Vélez Sarsfield, da Argentina. A diretoria rubro-negra acertou os valores com os dirigentes argentinos para adquirir os direitos econômicos do jogador e agora negocia com o atleta os salários. A agremiação brasileira pagará US$ 2,2 milhões (R$ 4,8 milhões) pelo meio-campista.

Para a contratação ser concluída, falta Flamengo e Canteros se entenderem sobre quanto o argentino receberá por mês. Os empresários do atleta, em um primeiro momento, fizeram uma pedida alta, o que assustou os brasileiros. Após um recuo no valor, o entendimento está perto.

Canteros, 25 anos, é desejo antigo dos dirigentes cariocas. No começo do ano, o Rubro-Negro fez proposta para tê-lo por empréstimo, recusada pelo Vélez, que só aceitava negociar em definitivo. No início de junho, Felipe Ximenes, diretor executivo do futebol flamenguista, viajou à Argentina e acelerou a negociação.

O meio-campista no momento treina com o Vélez Sarsfield durante a paralisação das atividades no futebol argentino para a Copa do Mundo. Na quarta-feira, Canteros admitiu que tinha o desejo de atuar no futebol brasileiro.

Após renovar com Neto, Benite, Gegê e Olivinha, Fla fecha com Laprovittola


nico laprovittola renovação com flamengo basquete (Foto: Reprodução/Instagram)Na última terça-feira, o Flamengo anunciou a renovação de contrato do técnico José Neto e dos jogadores Benite, Gegê e Olivinha. Dois dias depois, foi a vez de o tricampeão do NBB acertar a permanência do argentino Nico Laprovittola - mais um atleta que conquistou o Estadual, o Brasileiro e a Liga das Américas na última temporada.

Eleito o Craque da Galera do último NBB, Laprovittola se junta a Marcelinho, Marquinhos, Cristiano Felício, Olivinha, Vitor Benite e Gegê para compor o grupo que defenderá a equipe carioca na próxima temporada. O Flamengo se prepara para disputar o Mundial de Clubes, em setembro, no Maracanãzinho, contra o Maccabi, de Israel. A equipe também disputará dois jogos da pré-temporada da NBA - feito inédito para times da América Latina.

Além disso, a equipe rubro-negra se reforça para os campeonatos estadual e nacional, além de tentar o bi da Liga das Américas.

Nicolás Laprovittola troféu final basquete Flamengo NBB (Foto: André Durão / Globoesporte.com) 
Campeão do NBB 6, Nico posa com troféu do Craque da Galera (Foto: André Durão / Globoesporte.com)

Zico vê Holanda na Gávea e ganha camisa com seu nome: "Sou fã"


Zico holanda camisa Van persie (Foto: Alexandre Alliatti) 
Zico recebe a camisa com seu nome de Van Persie (Foto: Alexandre Alliatti)

O maior rei da Gávea abriu as portas de seu palácio para a Holanda. Na manhã desta quinta-feira, Zico foi à sede do Flamengo observar o treinamento da seleção laranja – preparatório para o jogo contra o México, pelas oitavas de final da Copa do Mundo - e até camiseta com seu nome ganhou. Mas a presença do Galinho por ali não foi mera curiosidade futebolística. Foi mais uma ação de vô coruja mesmo.

Zico levou seus netos ao treino. Eles adoram os craques holandeses. Um deles chegou a vestir uma camisa do Manchester United com o nome de Van Persie às costas.

- Sou fã também, mas os netos são ainda mais. Hoje é tudo com eles. Eles são os grandes ídolos dessa molecada – comentou o ex-camisa 10 rubro-negro.

zico treino holanda (Foto: Alexandre Alliatti) 
Zico tira foto com jogadores da Holanda: Van Persie, Kuyt e De Jong (Foto: Alexandre Alliatti)



Zico foi assediado por funcionários da Gávea, conversou com membros da comissão técnica da Holanda, deu entrevistas para TVs do país europeu e, majestade que é, viu o treino em local privilegiado, na beira do campo.

Zico treino holanda (Foto: Alexandre Alliatti)No final da atividade, virou a atração do local. Abraçou jogadores, conversou com eles e ganhou uma camisa da Holanda, autografada e com seu nome às costas, das mãos do técnico Louis van Gaal, que chegou a gritar o nome do Galinho quando posou para foto ao lado dele.

Os netos de Zico se deram bem. Encontraram os ídolos, correram para dentro do gramado e até bateram bola com De Vrij.

Foi o último treinamento da Holanda no Rio de Janeiro antes do duelo com o México. Na manhã desta sexta-feira, a vice-campeã mundial de 2010 viaja para Fortaleza, onde joga às 13h de domingo. Se passar, pega Costa Rica ou Grécia nas quartas de final.






Netos do Zico na Gávea (Foto: Alexandre Alliatti) 
Netos do Zico, um deles com a camisa de Van Persie, na Gávea (Foto: Alexandre Alliatti)


André Santos visita hotel da França e reencontra ex-colegas Sagna e Giroud


O lateral do Flamengo André Santos aproveitou a manhã livre para visitar a seleção da França no hotel em que a delegação está hospedada no Rio de Janeiro. O jogador brasileiro reencontrou os ex-colegas de Arsenal Bacary Sagna e Olivier Giroud. Em seu Instagram, André Santos publicou uma foto abraçado aos jogadores franceses.
.
- Sempre bom rever os amigos, valeu e boa sorte para vocês #Sagna e #Giroud - escreveu.

A França empatou por 0 a 0 com o Equador nesta quarta-feira, no Maracanã, no Rio. Com o resultado, se garantiu nas oitavas de final da Copa do Mundo. A equipe está de folga nesta quinta, e alguns jogadores, como, justamente, Sagna e Giroud, aproveitaram para passear na Praia da Barra da Tijuca, na Zona Oeste da cidade, com suas respectivas mulheres. No fim da tarde, a delegação retorna para Ribeirão Preto e segue a preparação às oitavas de final diante da Nigéria no dia 30 de junho.

Por sua vez, André Santos e o Flamengo treinam somente à tarde nesta quinta-feira, no Ninho do Urubu, a partir das 15h..

André Santos posa com ex-colegas de Arsenal, Sagna e Giroud (Foto: Reprodução/Instagram) 
André Santos posa com ex-colegas de Arsenal, Sagna e Giroud (Foto: Reprodução/Instagram)

O atacante uruguaio Luis Suárez é suspenso por 9 jogos, após morder zagueiro italiano




O atacante Luis Suárez foi suspenso pelo Comitê Disciplinar da Fifa por nove partidas oficiais da seleção uruguaia e por quatro meses de qualquer atividade relacionada ao futebol, inclusive de seu clube, o Liverpool, da Inglaterra, por causa da mordida que deu no zagueiro Giorgio Chiellini, da Itália, na partida da última terça-feira, em Natal, vencida pelo Uruguai por 1 a 0 e que garantiu a seleção uruguaia nas oitavas de final. O Comitê Disciplinar usou como base os artigos 48 e 57 do Código Disciplinar da Fifa, relacionados ao mau comportamento e ao comportamento antidesportivo. O primeiro jogo da suspensão a ser cumprido será o de sábado que vem entre Colômbia e Uruguai, no Maracanã, que valerá vaga nas quartas de final da Copa do Mundo. Segundo o Artigo 22 do código, Suárez não pode nem mesmo entrar no Maracanã ou em qualquer estádio da Copa do Mundo com sua seleção. Além da suspensão, o atacante foi multado em 100 mil francos suíços (R$ 247,2 mil).

Cabe apelação da decisão, mas não há efeito suspensivo, exceto do pagamento da multa. Segundo o Artigo 118, Suárez pode apelar, mas o Artigo 124 diz que a a apelação não tem efeito suspensivo, o que significa que a suspensão tem efeito imediato.

Hernane sente dor, perde jogo-treino e não tem prazo para treinar no Flamengo

O otimismo de Hernane contrasta com a cautela que o momento exige. Depois de estimar retomar os treinos em até oito dias, o centroavante voltou a sentir dores no tornozelo direito. Resultado: está fora do jogo-treino de domingo contra o Tupi-MG e não tem prazo para ser liberado aos treinamentos com o grupo do Flamengo. Ficar à disposição de Ney Franco para encarar o Atlético-PR, na retomada do Brasileirão, porém, é perfeitamente possível.  

Foi na derrota para o São Paulo, em 18 de maio, que o Brocador se machucou. Desde então, perdeu os quatro jogos seguintes até o recesso motivado pela Copa do Mundo. O tratamento avançou durante os 15 dias de férias e, na reapresentação seguida de treinos em Atibaia, ele foi liberado pelo departamento médico. Começou, então, a recuperação física, com trabalhos em separado. Musculação, corridas e atividades na caixa de areia marcaram o período. A volta ao Rio revelou um jogador restrito às sessões no vestiário do Ninho do Urubu. O que aconteceu?  

- Começamos os trabalhos com cinco jogadores com cuidados especiais. Nixon, Leo e Everton avançaram bem e se recuperaram. Treinam com o grupo. Mesma situação de Alecsandro, mas este ainda está em observação. O Hernane, porém, foi um passo atrás. Tinha dia que a gente soltava, tinha dia que ele tinha dor. Isso é normal. Agora, então, fica na academia. O retorno é sempre com dor. Cada um tem limite diferente, temos de respeitar. A individualidade permite fazer previsão, mas não nos dá a certeza. Agora, podemos dizer que não atuará no jogo-treino. A nossa prioridade é a retomada do Brasileirão – explica o preparador físico Alexandre Lopes.  

Hernane realiza trabalho na academia do Flamengo (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo) 
Hernane realiza treinos restritos à academia do Flamengo (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Hernane estimou, em entrevista em Atibaia, treinar com o grupo em oito dias. O prazo venceu na terça-feira, dia 24. Na ocasião, reconheceu a gravidade da lesão:  

- A lesão foi séria, então, tem de ter cuidado para fortalecer bem a musculatura. Logo, estarei com o grupo. O cuidado é para não ter nova lesão.  

Hernane vive o seu pior jejum de gol pelo Flamengo: seis partidas. A última vez que balançou a rede faz tempo, dia 1º de março, diante do Nova Iguaçu, ainda pelo Campeonato Carioca. Desde então, a seca inclui jogos contra Botafogo, Bolívar (dois jogos), Cabofriense (dois jogos) e São Paulo. Para piorar, foram duas lesões no currículo: a sofrida diante do São Paulo, e uma fratura nas costas. No total, soma 45 gols em 86 jogos pelo Flamengo.


quarta-feira, 25 de junho de 2014

Triste pelo Equador, Erazo brinca com seu nome gritado no Maracanã


A final do Campeonato Carioca deste ano foi marcante na vida do equatoriano Erazo. Responsável pelo pênalti marcado a favor do Vasco, foi salvo por um gol de Márcio Araújo nos acréscimos, que deu o título ao Flamengo no Maracanã. Dois meses depois, no mesmo palco, o zagueiro viveu um momento diferente, vestindo a camisa de seu país, disputando uma partida de Copa do Mundo.

Ainda que o Equador tenha sido eliminado na primeira fase da competição depois do empate em 0 a 0 com a França, nesta quarta-feira, Erazo se sentiu recompensado. Ele teve seu nome gritado no Maracanã e na reta final do jogo ganhou um confronto direto com Benzema, um dos destaques da Copa do Mundo até o momento.

- Foi a primeira vez que gritaram o meu nome no Maracanã, né (risos). Gostei! - brincou o zagueiro.

Apesar desse momento, Erazo sabe muito bem que esse jogo não deve ter influência no seu aproveitamento no Flamengo na sequência da temporada. Ele será reincorporado ao grupo e espera mudar a imagem criada depois de um início complicado no clube. 

- Quando se está mal, as pessoas falam mal. Quando se está bem, as pessoas falam bem. Tenho que voltar tranquilo, fazer uma boa preparação. No Flamengo, não tive muitas chances de jogar, a pressão é grande. Quando você não tem a confiança do técnico, é difícil jogar. Acredito que agora posso voltar com mais ritmo. Mas quero é estar bem de cabeça. Nos meus primeiros cinco meses, não estava bem. Estava muito mal por causa das críticas e da perda de confiança. Difícil estar no Brasil, não falar o idioma, agora quero ir bem - afirmou Erazo.

Sobre a eliminação, lamento apenas pelo resultado final, não pelo desempenho da seleção em campo. O Equador perdeu por 2 a 1 para a Suíça, venceu Honduras pelo mesmo placar e empatou com a França, parando um ataque que havia marcado oito gols até então.

- Acho que todo mundo correu, fez o que tinha que fazer, mas não foi suficiente. Todos estão chateados. Saímos da Copa de cabeça erguida, fizemos uma boa partida contra a França. Perdemos a classificação no primeiro jogo. Mas temos que pensar para frente agora - comentou Erazo.

Benzema e Erazo Equador x França (Foto: André Durão / Globoesporte) 
Erazo travou bom duelo com o craque Benzema no Maracanã (Foto: André Durão / Globoesporte)

Para se classificar, o Equador ainda dependia do resultado do outro jogo. Com a vitória por 3 a 0 da Suíça sobre Honduras, ainda seria necessário vencer por dois gols de diferença a França. Com um jogador a menos depois da expulsão de Antonio Valencia no começo do segundo tempo, a situação ficou ainda mais difícil.

- Não (Valencia não pediu desculpas). Foi uma pena a expulsão, precisávamos muito dele. É um jogador de grande qualidade. Se ele tivesse ficado no campo, teríamos mais chance de vencer. Mas agora temos que ficar tranquilo e pensar no futuro - disse.




Liberado, Alecsandro depende de "cuidados" para atuar em jogo-treino


Treino Flamengo alecsandro (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)Desde a tarde de terça-feira, Alecsandro é a novidade nos treinos do Flamengo. O centroavante, enfim, foi liberado para treinar com os demais companheiros após completar a recuperação física, iniciada em Atibaia, na última semana, depois de curar a lesão no tornozelo direito. Porém, a situação ainda exige cuidados, nas palavras do preparador físico Alexandre Lopes, a ponto de não garantir a presença do atleta no jogo-treino contra o Tupi-MG, domingo, no Ninho do Urubu.  

- Alecsandro tem chance de participar. Evoluiu de forma positiva. Hoje (quarta-feira) faltam três dias, então, a previsão é de que ele possa fazer este trabalho. Requer cuidados, mas deve estar. A prioridade não é o jogo contra o Tupi-MG, mas a retomada do Brasileirão no próximo dia 16 de julho – explicou o preparador físico.  

A última partida de Alecsandro foi a derrota para o Cruzeiro, a última rodada do Brasileirão antes da parada à Copa do Mundo. Desde então, no período de férias de 15 dias, passou por tratamento. Deu continuidade na retomada dos treinos. Em Atibaia, por exemplo, realizou trabalhos específicos em separado do grupo.  

Depois do Tupi, o Flamengo estuda disputar outros dois jogos-treino. Ainda não há data nem adversários definidos. A retomada do Brasileirão é em 16 de julho contra o Atlético-PR.



Ney pede nova observação, e Caio Rangel ganha chance no profissional


Caio Rangel Flamengo treina no Ninho do Urubu (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)“Caio!”, “toca, Caio” e “boa, moleque”, em referência, claro, a Caio, foram as expressões mais ouvidas no treino da tarde desta quarta-feira no Ninho do Urubu. Curinga no trabalho técnico de campo reduzido, ou seja, atuava a favor dos dois times, de acordo com a posse de bola, o meia de 18 anos passou a integrar o profissional do Flamengo a pedido do treinador Ney Franco. É mais uma chance de ser observado.  

A decisão foi tomada após o retorno do Rubro-Negro de Atibaia na última segunda-feira. Desde então, o atleta participa da preparação, no Rio, que visa a retomada do Brasileirão – enfrenta o Atlético-PR, em 16 de julho.  

Não é a primeira chance. Em maio, durante as férias da categoria sub-20, já havia treinado entre os profissionais. O jogador, com passagem pela seleção de base, passa por processo de renovação contratual, afinal, tem contrato até fevereiro do ano que vem. A ideia é que assine até o fim de 2019, mas o acordo ainda não foi finalizado.  

Este trabalho técnico foi a última etapa do treino da tarde. Antes, igualmente em campo reduzido, Ney Franco dividiu o elenco em três times, como nove jogadores. Em um deles, manteve a base titular, no 3-5-2, porém, sem a presença de Mattheus. Atuaram: Wallace, Chicão, Samir, Léo Moura, Cáceres, Elano, Everton, André Santos e Paulinho.  

O Flamengo volta a treinar na tarde desta quinta-feira. No domingo, tem jogo-treino contra o Tupi-MG.


Valderrama "tieta" estátua de Zico na Gávea: "F**** o orgulho!"

A ótima fase da Colômbia na Copa do Mundo - foram três vitórias em três jogos e, por consequência, uma classificação para as oitavas de final em primeiro lugar na chave - parece ter deixado Carlos Valderrama de bom humor. Um dos maiores jogadores da história da seleção colombiana, o ex-atleta visitou a sede do Flamengo, na Gávea, na última segunda-feira. Ao se deparar com a estátua de Zico, não pensou duas vezes e tirou uma foto.

- Olhem com que estátua eu fotografei. F***** o orgulho! - postou o ex-jogador, em sua conta oficial no Twitter.

Valderrama tira foto com estátua do zico (Foto: Reprodução Twitter) 
Com a inconfundível cabeleira, Valderrama tira foto com a estátua do zico (Foto: Reprodução Twitter)

Valderrama foi levado ao local pela fornecedora de material esportivo do Fla e recebeu uma camisa personalizada, com seu nome e o número 10 às costas. O ex-meia, de 52 anos, está no Brasil acompanhando a Copa do Mundo. Ele disputou os mundiais de 1990, 1994 e 1998, sendo capitão em todos eles. Valderrama encerrou a carreira apenas em 2004, nos Estados Unidos.

Canteros admite conversa com Flamengo e aguarda fim de negociação com Vélez


Héctor Canteros na partida do Velez (Foto: Reprodução / Site Oficial do Velez)Se a direção do Flamengo mantém cautela, a ponto de não falar em nomes para reforçar a equipe, visando o restante do Brasileirão e a disputa da Copa do Brasil, coube a Canteros, meia do Vélez, da Argentina, falar da possibilidade de atuar no Rubro-Negro. Ao admitir negociação entre os clubes, o jogador de 25 anos disse que precisa aguardar o desfecho das tratativas. Porém, se mostrou animado com a transferência. A tendência é que tudo seja concluído, para o sim ou para o não, até o começo da próxima semana.  

Canteros deu entrevista à rádio Splendid AM 990, de Buenos Aires, nesta terça-feira, após o treino da sua equipe – há preparação para a retomada das competições na Argentina. Ele se mostrou satisfeito com o interesse do Flamengo:  

- Não tem nada confirmado, então, estou esperando. Meu contrato vai até 2016 e, por ora, penso apenas em treinar aqui no Vélez. Sempre tive um desejo de jogar no Brasil. Se for no Flamengo, será ótimo. Estou tranquilo quanto a esta negociação com o Flamengo, ainda não tem nada de concreto e sigo esperando um desfecho.  

De acordo com o empresário Adrian Castellanos, que cuida da carreira de Canteros, as negociações estão em andamento. Ele preferiu não dar muitos detalhes sobre o caso:  

- Estamos conversando e esperamos ter alguma definição até a próxima semana.  

A direção do Vélez deseja vender o jogador. O Fla propõe o empréstimo. Felipe Ximenes, diretor executivo de futebol, adota a política de não falar sobre nomes. Canteros interessa ao clube carioca desde o começo do ano. Porém, para a disputa da Libertadores, não houve acerto.



Treino diferenciado e papo com Ney: o primeiro dia de Felipe após a lesão


Felipe no treino do Flamengo (Foto: Hector Werlang)O primeiro dia de Felipe, após ter confirmada a lesão na região das costelas, foi de trabalho leve e conversa com o técnico Ney Franco. Na manhã desta quarta-feira, no Ninho do Urubu, o goleiro fez trabalho diferenciado dos demais colegas de posição e, antes de concluí-lo, bateu papo com o chefe. Mesmo sem previsão divulgada pelo departamento médico rubro-negro, a estimativa é de que ele esteja totalmente recuperado em, no máximo, três semanas.  

A fratura no arco costal direito, diagnosticada após exame feito na terça-feira, não o impedirá de treinar. Porém, a recomendação é evitar choques. Então, por ora, os treinamentos são para manter o mínimo de ritmo de jogo e a forma física. Nesta manhã, por exemplo, ele fez o aquecimento bom bola e, posteriormente, percorreu um circuito de corrida e giro de direção.  

- Fizemos um trabalho de velocidade e reação, e o Felipe respondeu muito bem – explicou o preparador de goleiro Wagner Miranda.  

Felipe só não acompanhou as atividades, feitas por Paulo Victor, Luan e Cesar, com queda no chão. Pois isto, não irá participar do jogo-treino de domingo, contra o Tupi-MG, no Ninho, o primeiro teste neste período de preparação visando o retorno do Brasileirão, em 16 de julho, diante do Atlético-PR.


  
Enquanto os goleiros trabalhavam com Wagner Miranda, os demais jogadores realizaram um treino técnico em campo reduzido. O Flamengo volta a treinar na tarde desta quarta-feira.

Ney Franco e Felipe no treino do Flamengo (Foto: Hector Werlang) 
Goleiro Felipe conversou com o técnico Ney Franco (Foto: Hector Werlang)

Camisa à la Flamengo estreia na Copa e aproxima a Alemanha de brasileiros


Um vídeo divulgado na véspera do sorteio da Copa do Mundo, ainda em dezembro, colocou alguns astros da seleção alemã ensaiando palavras em português. A ação da DFB (Federação Alemã de Futebol) espalhou-se como um vírus, e logo Manuel Neuer, Philipp Lahm e companhia caíam nas graças do brasileiro. Seria apenas o pontapé inicial para uma relação intensa, ao menos no Nordeste, durante esta fase de grupos, que terminará com a estreia da camisa inspirada no Flamengo, quinta-feira, contra os Estados Unidos, na Arena Pernambuco.

Tende a ser o ápice do “pouquinho de Brasil que existe dentro de nós”, frase lida pelos jogadores no vídeo em que o brasileiro naturalizado alemão Cacau ocupa o cargo de professor. Desde que chegou ao país, no dia 8 de junho, a Alemanha se transformou numa das seleções mais carismáticas do Mundial, conquistando o povo com a naturalidade de quem veste a camisa e canta o hino do Bahia, casos de Neuer e Bastian Schweinsteiger, ou com a meticulosidade de quem se planejou por três longos anos para acertar na escolha do uniforme.

Alemanha posada camisa rubro-negra Flamengo (Foto: DFB.de) 
Seleção usou uniforme nos amistosos contra Chile (vitória por 1 a 0) e Camarões (empate por 2 a 2) (Foto: DFB.de)

A jogada assumidamente de marketing envolveu três pilares: o Flamengo, a DFB e, claro, a fornecedora de material esportivo que está ligada aos dois. Já havia uma insatisfação com o modelo antigo, o verde utilizado na Eurocopa de 2012 e marcante na Copa de 1974. Então os responsáveis ligaram os pontos e chegaram à conclusão de que o time de maior torcida no Brasil seria o fator mais atraente.

Se na Alemanha não houve grande comoção com o lançamento da camisa, em fevereiro, no Rio de Janeiro, as lojas vendiam como água. Até o momento, a seleção já comercializou 2 milhões de unidades, contabilizando também o uniforme branco (os números são 30% maiores do que em 2006, quando o país sediou a Copa).

- A Adidas fez um estudo de marketing e tivemos algumas opções quando escolhemos o uniforme reserva. Em relação a ter vendido tanto, para algumas pessoas virou sinal de status. A camisa verde foi abolida porque não era muito popular. Eu mesmo não gostava – disse o manager Oliver Bierhoff.

Os jogadores aprovaram o toque rubro-negro (cores que estão na bandeira do país, diga-se). O volante Schweinsteiger, patrocinado pela mesma empresa, chegou a posar com a camisa do Flamengo no CT do Bayern de Munique, em maio.

- Foi um prazer conhecer o Flamengo pessoalmente. Do Rio para o mundo. Espero vê-lo em breve no Brasil – disse em seu perfil nas redes sociais na época.

- Talvez a grande vantagem de jogar com o uniforme reserva é que teremos apoios não apenas dos alemães, como dos torcedores locais também – contou Müller, sem saber que o Sport, clube da cidade em que jogará, e o Vitória, time do palco da estreia, também têm camisas semelhantes.

Schweinsteiger camisa flamengo (Foto: Reprodução ) 
Schweinsteiger 'retribuiu' e posou com a camisa do Flamengo ainda na Alemanha (Foto: Reprodução )


Nos dois primeiros jogos (em Salvador e Fortaleza), a presença da blusa já foi notada, ainda que mais pelos brasileiros do que propriamente os alemães.

- Comprei assim que consegui, mas foi muito difícil. No Brasil não tinha mais, acabou muito rápido. Eu pedi para um amigo trazer de fora, porque não tinha nem na internet mais. Foi uma homenagem muito justa à nação e ao Brasil, e agradou ao público em cheio. É só você ver a quantidade de gente com essa camisa. Foi um acerto mais da fornecedora do que da Federação, na minha opinião, já que é a mesma que patrocina o Flamengo - afirmou Ricardo Vasconcelos, comerciante e rubro-negro.

Se tudo correr dentro do esperado, a Alemanha terá a oportunidade de jogar no Maracanã no dia 4 de julho, pelas quartas de final. Mas há quem imagine um cenário além, com uma decisão sem o Brasil sendo positiva.

- Eu nasci na Paraíba, moro no Recife desde pequeno, mas sou flamenguista. É meu único time. Eu tive a obrigação de comprar esta camisa e torcer para a Alemanha. Foi uma excelente jogada de marketing. Imagina se o Brasil não estiver na final e a Alemanha estiver? O Maracanã vai estar todo de vermelho e preto. Vai ser lindo de se ver – encerrou Leonardo Castro, de 32 anos.

Torcida Camisa Alemanha  (Foto: Helena Rebello) 
Rubro-negros não hesitam em comprar a camisa da Alemanha para a Copa do Mundo (Foto: Helena Rebello)

terça-feira, 24 de junho de 2014

Flamengo anuncia a renovação com Olivinha, Benite, Gegê e José Neto


A diretoria do Flamengo segue trabalhando para manter a equipe campeã do Novo Basquete Brasil (NBB) e da Liga das Américas para a próxima temporada. Nesta terça-feira, o clube anunciou a renovação com os jogadores Olivinha, Vitor Benite e Gegê e com o técnico José Neto. Também estão mantidos os atletas Marcelinho Machado, Marquinhos e Cristiano Felício, que já tinham contratos, os quais têm validade de mais um ano.

Olivinha Flamengo x Paulistano final NBB basquete (Foto: Luiz Pires / LNB) 
Olivinha renovou com o Flamengo por mais duas temporadas (Foto: Luiz Pires / LNB)

- O Flamengo monta um time forte para um calendário especial nessa temporada, com cinco grandes compromissos. Além dos campeonatos Estadual e Nacional e da Liga das Américas, já vamos começar com o Mundial Interclubes e com os dois jogos na pré-temporada da NBA. Estamos com um time competitivo e permanecemos com nossos patrocinadores, além da continuidade da parceira com a Secretaria do Governo do Estado - afirmou o diretor de esportes olímpicos do Fla, Marcelo Vido.

Por meio do Twitter, o ala-pivô Olivinha comemorou a renovação com o clube onde despontou no basquete profissional. Aos 30 anos, o jogador firmou compromisso por mais duas temporadas.

- Muito feliz em renovar meu contrato com o Flamengo por duas temporadas. Contando categoria de base e profissional, essa será a minha 10ª temporada - postou Olivinha.

Apesar da renovação com os seus principais atletas, a diretoria do Flamengo informou que busca ainda mais alguns reforços para completar o grupo. Os nomes, porém, são mantidos em sigilo pelos diretores.

Wall, Rubio e Barnes: atletas da NBA curtem o Rio e visitam o Flamengo




ricky rubio jogadores da nba no flamengo (Foto: Alex Braga)Os jovens atletas do time sub-14/15 do Flamengo tiveram uma surpresa nesta terça-feira. Eles receberam a visita surpresa de três jogadores da NBA: John Wall, companheiro do brasileiro Nenê no Washington Wizards, Ricky Rubio, armador do Minnesota Timberwolves e da seleção espanhola, e Harrison Barnes, do Golden State Warriors. Os craques do basquete americano estão no país para acompanhar a Copa do Mundo em uma turnê da patrocinadora do evento.

Barnes, inclusive, acompanhou o jogo entre Colômbia e Japão na Fifa Fan Fest, na Praia de Copacabana: "Colêmbia x Japão. Jogo na Fan Feste foi louco. Nunca entendi a paixão das pessoas pelo futebol até vir aqui", escreveu o jogador nas redes sociais.

Ricky Rubio ao lado de atleta do sub-14/15 do Flamengo, na Gávea (Foto: Alex Braga)

wall, barnes e rubio, jogadores da nba no flamengo (Foto: Alex Braga) 
Wall, Barnes e Rubio posam com o time sub-14/15 do Flamengo (Foto: Alex Braga)


wall jogadores da nba no flamengo (Foto: Alex Braga) 
John Wall e os atletas do Flamengo (Foto: Alex Braga)

wall, barnes e rubio, jogadores da nba no flamengo (Foto: Reprodução/Instagram) 
Jogadores da NBA visitam o Flamengo (Foto: Reprodução/Instagram)

jogadores da nba no flamengo harrison barnes (Foto: Reprodução/Instagram) 
Harrison Barnes posa no Flamengo com a Pedra da Gávea ao fundo (Foto: Reprodução/Instagram)

jogadores da nba no flamengo (Foto: Reprodução/Instagram) 
Barnes registra a escadaria da entrada do clube rubro-negro (Foto: Reprodução/Instagram)

Felipe tem fratura confirmada e está fora de jogo-treino do Flamengo


Felipe treino Flamengo (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)Felipe irá desfalcar o Flamengo em jogo-treino contra o Tupi-MG, domingo, no Ninho do Urubu. Na tarde desta terça-feira, o departamento médico rubro-negro confirmou fratura na região das costelas do goleiro. Sem tempo previsto de recuperação, o camisa 1 passará a treinar em separado para evitar choques. Como ocorreu no período da tarde.  

- Ele teve uma fratura no arco costal direito. Irá realizar tratamento a parte do grupo, sem impacto, até a consolidação da fratura – explicou o médico Márcio Tannure.  

Então, sob comando do preparador Wagner Miranda, Felipe realizou atividades especiais. Evitando choques e quedas bruscas. No período da manhã, ao ser poupado, foi a uma clínica realizar exames médicos. Ele não treina com o grupo desde a tarde de sábado, quando acusou dores na região.  

Desta forma, Paulo Victor larga na frente na disputa pela titularidade. Desde a partida contra o Cruzeiro, a última antes do recesso do Brasileirão, Ney Franco anunciou que usaria o período de treinos durante a Copa do Mundo para definir o titular.  

Enquanto Felipe treinava em separado, os demais jogadores do elenco realizaram um treino técnico de ataque contra defesa. O Flamengo volta a treinar, novamente em dois períodos, nesta quarta-feira.