Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

sábado, 21 de março de 2015

Depois de vitória sobre Brasília, atletas do Flamengo tietam Romário no aeroporto


No embarque da equipe de basquete do Flamengo para o Rio de Janeiro, após a vitória deste sábado sobre o Brasília por 106 a 95, os jogadores do clube rubro-negro contaram com uma presença ilustre no aeroporto da capital federal. Os atletas se encontraram com o ex-atacante Romário e aproveitaram para tietar o agora senador. Olivinha e Laprovittola postaram fotos com o Baixinho nas redes sociais.

basquete olivinha romario brasilia (Foto: Reprodução / Instagram) 
Olivinha tira foto com Romário antes do voo de embarque para o Rio de Janeiro (Foto: Reprodução / Instagram)
 
- Voltando pra casa e no mesmo vôo nada mais nada menos que o baixinho Romário. 
#oreidapequenaarea #artilheiro #baixinho #matador #1994 - escreveu Olivinha.

- Craque - elogiou Laprovittola.

Com a vitória no clássico sobre o Brasília, o Flamengo assumiu a terceira colocação da tabela do NBB, com o mesmo aproveitamento do quarto colocado, o Mogi (19 vitórias e sete derrotas), mas com vantagem no confronto direto. Os dois times fazem um tira-teima na próxima quarta-feira, às 20h (de Brasília), no Ginásio do Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro. O Brasília segue na nona colocação, com 12 vitórias e 16 derrotas e volta a jogar apenas no dia 1º de abril, quando enfrenta a Liga Sorocabana, fora de casa.

nbb laprovittola romário brasília (Foto: Reprodução / Instagram) 
Laprovittola também tira foto ao lado de Romário (Foto: Reprodução / Instagram)
 
 
 
 

Flamengo x vasco: mais de 40 mil ingressos vendidos para o clássico


Os postos de venda para Flamengo x vasco, marcado para as 18h30 deste domingo, no Maracanã, fecharam este sábado com um total de 42.548 ingressos vendidos para o clássico – não há mais bilhetes para o Setor Norte, destinado à torcida rubro-negra, e também para o Maracanã Mais. A carga total colocada à disposição dos torcedores é 56.678, com 30,3% deste total destinados à venda pela internet. Há ainda 3.860 cortesias e 12.746 gratuidades. Neste domingo, sete das oito bilheterias – incluindo duas extras – estarão abertas a partir das 10h.

Com a expectativa de estádio lotado, foi preparada uma configuração especial de bilheterias para atender aos torcedores que forem comprar seu ingresso no dia do jogo. Outros dois contêineres foram instalados no entorno do Maracanã, facilitando a aquisição e a também a troca de ingressos. Um destes contêineres está no Portão 1, ao lado da bilheteria Maracanã Mais (Portão A, rampa da Uerj), e o outro, no Portão 5, entre a Bilheteria 1 e o Portão D (rampa do Bellini).

Além do Maracanã, as sedes do Flamengo, na Gávea, e do Vasco, em São Januário, funcionam das 10h às 13h para venda e troca de ingressos. Os portões do estádio abrem às 15h30, e a preliminar entre Flamengo e vasco pelo Campeonato Carioca Sub-20 terá início às 16h15. Confira mais abaixo a nova configuração das bilheterias.

Os flamenguistas que comprarem ingressos para o Nível 5 entrarão no Maracanã pelo portão D (rampa do Bellini). Os vascaínos, do Sul Nível 5, entrarão pelo Portão A (rampa da Uerj). Por questões de segurança, a distribuição das gratuidades garantidas por lei será efetuada a partir da abertura dos portões, no dia do jogo, às 15h30, e limitadas à capacidade física do setor. O torcedor que chegar momentos antes da partida corre o risco de não encontrar as gratuidades disponíveis.

Os setores Leste Inferior e Superior, Oeste Inferior e Maracanã Mais têm lugar marcado e não possuem gratuidade, e pelo site do Maracanã é possível escolher exatamente o local do assento – nos demais pontos de venda, o torcedor poderá escolher apenas o bloco. O sistema escolherá automaticamente o local dos assentos.

Os ingressos custam R$ 60 e R$ 100 para arquibancada e R$ 165 área vip - valores inteiros. Os preços são os mais altos do Campeonato Carioca. Os outros dois clássicos que aconteceram no Maracanã (Botafogo x Flamengo e Fluminense x Botafogo), tiveram ingressos para os mesmos setores a R$ 60 e R$ 80 e R$ 40 e R$ 60, respectivamente. Já o duelo Fluminense x vasco, no Engenhão, teve entradas nos valores de R$ 30 a R$ 60.

Neste domingo, o GloboEsporte.com transmite ao vivo, direto do Maracanã, a preliminar entre Flamengo e vasco. A transmissão começa às 15h45, e a bola rola às 16h15 (de Brasília). Não perca a chance de ver as joias dos rivais cariocas.

Confira as informações sobre a venda de ingressos:
Valores por setor
Norte - Flamengo (esgotado) /Sul: R$ 60
Leste Superior/Leste Inferior: R$ 100
Oeste Inferior: R$ 100
Maracanã Mais - Flamengo (esgotado): R$ 165

Vendas no dia da partida
. Bilheteria 1 – troca exclusiva dos ingressos do Setor Norte (Flamengo). Abertura às 10h;
. Bilheteria 2 – troca exclusiva dos ingressos do Setor Sul (vasco). Abertura às 10h;
. Bilheteria 3 – venda exclusiva para a torcida do vasco. Abertura às 10h;
. Bilheteria 4 – venda exclusiva dos setores mistos para a torcida do Flamengo. Abertura às 10h;
. Contêiner Portão 1 (rampa da Uerj) – troca exclusiva para os setores Leste e Oeste. Abertura às 10h;
. Contêiner Portão 5 (rampa do Bellini) – troca exclusiva para os setores Leste e Oeste. Abertura às 14h30;
. Contêiner Maracanã Mais – troca exclusiva para o setor Maracanã Mais. Abertura às 10h;
. Contêiner Mata Machado – atendimento ao sócio-torcedor e venda exclusiva dos setores mistos para a torcida do Flamengo. Abertura às 10h.

Luxa relaciona, e Everton e Arthur Maia ficam no banco no clássico


Um Flamengo mais encorpado para encarar o vasco sanitário , domingo, às 18h30m (de Brasília), no Maracanã, pela 11ª rodada do Campeonato Carioca. Se na equipe titular Vanderlei Luxemburgo não apresentou novidades em relação ao time que venceu o Brasil de Pelotas, pela Copa do Brasil, no banco de reservas o treinador terá duas caras novas: Arthur Maia e Everton. Fora da equipe há quase um mês por problemas musculares, os dois treinaram normalmente durante a semana e estão à disposição.

Bressan e Arthur maia treino Flamengo (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo) 
Arthur Maia treinou com o restante do grupo do Fla neste sábado e vai para o jogo (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)


Na lista de relacionados, as ausências dos jovens Matheus Sávio e Douglas Baggio também é novidade. Apesar de integrados ao profissional, ambos foram liberados até mesmo do treinamento de sábado, no Ninho do Urubu, e voltaram para base por conta do clássico sub-20, na preliminar de domingo. Do elenco profissional, apenas os lesionados Samir e Nixon não vão para concentração na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Com 23 pontos, o Flamengo é o terceiro colocado no Campeonato Carioca, mas pode terminar a rodada na liderança. Para isso, precisa derrotar o líder Vasco e torcer por um tropeço do Botafogo diante da Cabofriense, em Macaé.

Confira a lista de relacionados do Fla para o clássico:

Goleiros: César e Paulo Victor,
Laterais: Anderson Pico, Pará e Thallyson
Zagueiros:Bressan, Frauches, Marcelo e Wallace
Volantes: Cáceres, Canteros, Jonas, Luiz Antonio e Márcio Araújo
Meias: Arthur Maia, Everton, Gabriel e Lucas Mugni
Atacantes: Alecsandro, Eduardo da Silva, Marcelo Cirino e Paulinho


Neste domingo, o GloboEsporte.com transmite ao vivo, direto do Maracanã, a preliminar entre Flamengo e vasco. A transmissão começa às 15h45 e a bola rola às 16h15 (de Brasília). Não perca a chance de ver as joias dos rivais cariocas.

Flamengo derrota Brasília com 28 pontos de Benite e chega à oitava vitória seguida


Aquela história de que clássico não tem favorito não se aplicou ao confronto entre Brasília e Flamengo neste sábado, no Ginásio Nilson Nelson, pelo Novo Basquete Brasil (NBB). É verdade que o time candango, mesmo em uma temporada bastante irregular, equilibrou o confronto em alguns momentos. Mas deu a lógica. Em manhã inspirada de Benite, cestinha da partida com 28 pontos, o atual bicampeão mostrou a superioridade refletida na diferença de seis posições entre os dois na tabela e, mesmo fora de casa, venceu por 106 a 95, chegando ao oitavo triunfo consecutivo no campeonato. De quebra, o Fla ainda ampliou para quatro jogos a sequência de vitórias em cima do rival, para o qual não perde desde 2013.

Com ótima movimentação no ataque e uma defesa mais organizada, o Flamengo conseguiu dominar o Brasília na maior parte do jogo. Além de Benite, Marquinhos teve boa atuação, anotando um duplo-duplo, com 16 pontos, 12 rebotes, além de seis assistências. Pelo Brasília, Guilherme Giovannoni liderou o time, com 24 pontos.

Brasilia X Flamengo, NBB (Foto: Brito Junior)Para o técnico rubro-negro, José Neto, apesar da boa vitória sobre o rival, o time ainda mostrou algumas falhas, principalmente no setor defensivo. No entanto, acredita que há tempo de corrigir para brigar pelo tricampeonato.

- Nosso time fazer 100 pontos não me surpreende, pela qualidade do nosso ataque. Mas não gosto dos 95 pontos que tomamos. Abrimos uma diferença, mas relaxamos na defesa... Mas o time mostrou que tem brio, que tem compromisso com a vitória, independentemente da situação que a gente está. Estamos vindo de um duro golpe, que foi a derrota na Liga das Américas, e ainda temos que melhorar muita coisa para brigar pelo título da competição. Mas acho que estamos no caminho - avaliou Neto.

Referência do time candango, Guilherme Giovannoni reconheceu o momento melhor do Flamengo, mas se mostrou confiante em uma evolução da equipe para os playoffs.

- Eles estão bem. Têm aproveitado o entrosamento já de alguns anos e jogaram com muita inteligência para sair com a vitória. A gente tem que acreditar e trabalhar para ter uma melhora para os playoffs. Temos mais umas duas ou três semanas e dois jogos finais da fase de classificação para nos preparar, acho que é tempo suficiente para apresentar uma melhora - disse o capitão do Brasília.

Com a vitória, o Flamengo assumiu a terceira colocação da tabela do NBB, com o mesmo aproveitamento do quarto colocado, o Mogi (19 vitórias e sete derrotas), mas com vantagem no confronto direto. Os dois times fazem um tira-teima na próxima quarta-feira, às 20h, no Ginásio do Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro. O Brasília segue na nona colocação, com 12 vitórias e 16 derrotas e volta a jogar apenas no dia 1 de abril, quando enfrenta a Liga Sorocabana, fora de casa.


Escalações

Brasília: Fúlvio (6), LaMonte (15), Arthur (10), Guilherme Giovannoni (24) e Cipolini (10). Entraram: Ronald (17), Fred (11) e Alírio (2).

Flamengo: Laprovittola (9), Benite (28), Marquinhos (16), Hermann (13) e Meyinsse (5). Entraram: Marcelinho (13), Olivinha (7), Felício (15) e Gegê.

Flamengo troca o recreativo por um trabalho pesado na véspera do jogo com vasco



Em véspera de clássico, não há espaço para brincadeiras no Flamengo. Neste sábado, Vanderlei Luxemburgo não liberou o elenco para o tradicional recreativo dos dias anteriores aos jogos, no Ninho do Urubu. Com o duelo com o Vasco, domingo, às 18h30m (de Brasília), no Maracanã, pela frente, o treinador ignorou a chuva e trabalhou forte no centro de treinamento. Assim como na tarde de sexta-feira, os jogadores participaram de um coletivo muito paralisado para orientação de posicionamento e atenção nas jogadas de bola parada.

Luxemburgo, treino Flamengo (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo) 
Sob chuva, Luxemburgo comandou um treino coletivo no Ninho do Urubu neste sábado (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)


Luxa não realizou mudanças na equipe. Conforme já tinha antecipado, o Rubro-Negro entrará em campo com o mesmo time que iniciou o duelo com o Brasil de Pelotas, quarta-feira, pela Copa do Brasil: Paulo Victor, Pará, Bressan, Wallace e Anderson Pico; Jonas, Márcio Araújo e Canteros; Marcelo Cirino, Alecsandro e Gabriel. Recuperados de lesão, Arthur Maia e Everton treinaram normalmente entre os reservas e ficam no banco. Já os jovens Matheus Sávio e Douglas Baggio foram liberados para jogarem o clássico sub-20.

Durante a atividade que durou quase uma hora no Ninho do Urubu, Vanderlei Luxemburgo deixou evidente a preocupação com as jogadas aéreas do Vasco. Bastante participativo, o treinador corrigiu o posicionamento em bolas paradas ofensivas e defensivas e interrompia o coletivo a todo instante. Ao término do trabalho, os reservas realizaram um treino técnico em campo reduzido. No lado oposto do campo 1, Cáceres e Canteros treinaram cobranças de faltas à exaustão com o goleiro Daniel.

Com 23 pontos, o Flamengo é o terceiro colocado no Campeonato Carioca, mas pode terminar a rodada na liderança. Para isso, precisa derrotar o líder vasco e torcer por um tropeço do Botafogo diante da Cabofriense, em Macaé.

Antes do clássico, o GloboEsporte.com transmite ao vivo, direto do Maracanã, a preliminar entre Flamengo e vasco. A transmissão começa às 15h45 e a bola rola às 16h15 (de Brasília). Não perca a chance de ver as joias dos rivais cariocas.

Três em um, Márcio Araújo encanta Luxa: "Fundamental para nós"


Fundamental. É assim, de forma objetiva, que Vanderlei Luxemburgo define a importância de Márcio Araújo para o Flamengo. Invisível dentro de campo em muitos momentos, o volante está longe de ser o preferido do torcedor, raramente será o grande nome de uma partida - apesar de ter sido herói do título carioca do ano passado -, mas pergunte sobre ele ao treinador e tenha uma certeza: só ouvirá elogios. Reserva no início do ano, convenceu Luxa rapidamente que merecia estar entre os 11, e por um motivo principal: a versatilidade.

É difícil até mesmo definir a posição de Márcio Araújo no time. Escalado aberto pela direita na campanha para fugir da confusão no ano passado, se tornou peça mutante no esquema de Luxa. Inicialmente, barrou Cáceres na função de primeiro volante, mas passeia por todo meio-campo se necessário. E é exatamente isso que encanta o treinador:

- É um jogador que se encaixou muito bem no ano passado, em uma função diferente. Tivemos uma consistência. Pedimos a renovação pela versatilidade dele, que cresceu, limpando a frente, clareando as jogadas. Às vezes, eu trago até um prejuízo para ele, porque ele fica de costas, mas compensa por outra situação. É um jogador fundamental para nós. Acho que a carreira dele poderia ter sido melhor se fosse definida pela posição de trás. Não pode achar que o Márcio Araújo é um jogador de criação de uma equipe. A técnica dele não é de um jogador extremamente talentoso, mas acho que ele é um jogador extremamente útil para nós.

Humilde, Márcio Araújo se despe de qualquer tipo de vaidade e admite que a dedicação é uma maneira de compensar uma possível deficiência técnica em relação a alguns companheiros de time. Se o importante é estar em campo, o volante não se importa de se adaptar a novas funções até mesmo para que os jogadores que decidem tenham liberdade para jogar.

- Isso é normal. Existem jogadores mais qualificados em umas posições e tirá-los dali vai ser prejudicial. Há outros que podem atuar e manter a regularidade em outras posições. No Atlético-MG, eu já tinha feito uns jogos de lateral e isso começou a abrir a minha mente. Às vezes, temos que abrir mão de onde gostamos de jogar para ajudar o grupo. Fazer um gol e dar um passe é muito mais valorizado. Quando tenho oportunidade, tento isso, mas marcar, destruir, fazer com que a equipe tenha maior posse de bola também é gratificante - diz.

Um dos responsáveis por colocar essa mentalidade em Márcio Araújo foi Luiz Felipe Scolari nos tempos de Palmeiras. Pau para toda obra no time de Luxa, o jogador admite que via com desconfiança as constantes mudanças de posição no início da carreira:

- Quando mais jovem, tinha mais essa preocupação. Não tinha o amadurecimento que tenho hoje com a experiência que conquistei. Tudo é questão de tempo. Não vamos perder a posição por conta disso. É algo que valoriza, abre um leque maior para os treinadores.

Márcio Araújo - Flamengo - treino em Natal (Foto: Alexandre Lago/GloboEsporte.com) 
Márcio Araújo encaixou no Flamengo de Vanderlei Luxemburgo (Foto: Alexandre Lago/GloboEsporte.com)


A versatilidade de Márcio Araújo pode ser percebida dentro de uma mesma partida. Escalado juntamente com Jonas e Canteros no meio-campo rubro-negro, não são poucas as vezes que o volante troca de posição com os companheiros e surge até como elemento surpresa no ataque.

- O professor tem cobrado isso para termos um meio-campo com maior mobilidade. Não dá só para marcar. Quando chegamos de trás, podemos surpreender os adversários. Temos liberdade entre os três para rodar, mas sem perder o poder de marcação - conta.

Neste domingo, Márcio Araújo tem lugar garantido no Flamengo que encara o Vasco, às 18h30m(de Brasília), no Maracanã, pela 11ª rodada do Carioca. Na mente, o versátil volante terá o dia em que exerceu uma função incomum: a de herói, com o gol decisivo do campeonato do ano passado, contra o mesmo rival e no mesmo local. 

Neste domingo, o GloboEsporte.com transmite ao vivo, direto do Maracanã, a preliminar entre Flamengo e Vasco. A transmissão começa às 15h45 e a bola rola às 16h15 (de Brasília). Não perca a chance de ver as joias dos rivais cariocas.

Sonhando com liderança, Flamengo sub-20 se prepara para clássico com o vasco


Neste domingo na preliminar do jogo principal, as equipes sub-20 de Flamengo e Vasco também jogarão no Maracanã com transmissão exclusiva do GloboEsporte.com a partir de 15h45 (de Brasília).  Comandados por Zé Ricardo, os garotos rubro-negros estão focados no desafio deste domingo contra o rival cruzmaltino e aguardam ansiosamente a chance de jogar com estádio repleto de torcedores nesta partida que pode até valer a liderança para a equipe da Gávea.

Nathan, técnico Zé Ricardo e Thiago Santos, todos do sub-20 do Flamengo (Foto: Reprodução TV Globo) 
Nathan, técnico Zé Ricardo e Thiago Santos, todos do sub-20 do Flamengo (Foto: Reprodução TV Globo)

Neste domingo, o GloboEsporte.com transmite ao vivo, direto do Maracanã, a preliminar entre Flamengo e Vasco. A transmissão começa às 15h45 e a bola rola às 16h15 (de Brasília). Não perca a chance de ver as joias dos rivais cariocas.

sexta-feira, 20 de março de 2015

Flamengo treina para o clássico contra o Brasília de olho na terceira colocação

Além do prazer de vencer um rival histórico fora de casa, o clássico deste sábado contra o Brasília tem um valor a mais para o Flamengo. Pode manter a sequência de sete vitórias seguidas e dar ao time a terceira colocação na tabela do NBB. De olho na folga na primeira rodada dos playoffs e o mando de quadra, o Rubro-Negro, quarto colocado, está a uma vitória do terceiro, Mogi. Mas também não pode relaxar, pois tem o Minas, quinto, na cola, com apenas uma vitória a menos - apesar de dois jogos a mais.

- Sabemos da importância de cada partida nessa reta final. Temos que encarar cada jogo como fundamental para nossa manutenção entre os quatro primeiros. Para que a gente tenha um tempo para se recuperar e treinar para o momento que importa mesmo, que são os playoffs, além de manter o mando de quadra. Em uma fase de mata-mata, é muito importante decidir em casa - afirmou o técnico José Neto após comandar treino de reconhecimento do time no ginásio Nilson Nelson na noite desta sexta-feira.

Treino do Flamengo em Brasília Basquete  (Foto: Fabrício Marques) 
Equipe do Flamengo faz treino de reconhecimento em Brasília antes de jogo neste sábado (Foto: Fabrício Marques)

De acordo com o regulamento do campeonato, os quatro primeiros colocados da fase de classificação não disputam as oitavas de final e avançam diretamente para as quartas. Também garantem o mando de quadra no primeiro confronto pelos playoffs.

- Estamos mirando lá em cima. A gente sabe que é difícil pegar a primeira e segunda colocações (Bauru e Limeira, respectivamente). Mas temos esse objetivo de terminar em terceiro e só depende da gente. É com esse pensamento que vamos entrar para esse jogo contra o Brasília, pensando apenas em dar mais um passo em direção ao nosso objetivo - disse o ala Marcelinho.

Apoio nas arquibancadas

Olivinha, Treino do Flamengo em Brasília (Foto: Fabricio Marques)Para conseguir manter a boa sequência de vitórias e alcançar a terceira colocação, os jogadores do Flamengo esperam contar com o apoio das arquibancadas. Mesmo jogando fora de casa, o Rubro-Negro tem uma enorme torcida no Distrito Federal, que costuma dividir e, em alguns casos, até superar a torcida do Brasília nos confrontos no Nilson Nelson.

- Sempre que a gente vem aqui, a recepção é maravilhosa. O Flamengo tem torcida no Brasil inteiro, mas Brasília é uma das cidades onde a torcida comparece bastante. Aqui tem muito rubro-negro. Todos os nossos jogos aqui no Nilson Nelson têm lotado, com maioria rubro-negra. Esperamos que nesse agora possa ser assim novamente. Que a torcida compareça e nos apoie até o final - afirmou Olivinha.

Brasília e Flamengo se enfrentam neste sábado, às 11h, no Ginásio Nilson Nelson. Os ingressos custam de R$ 10 (meia-entrada) a R$ 50. As bilheterias do ginásio estarão abertas a partir das 8h.


Luxemburgo alfineta e dá a entender que Eurico está no comando da Ferj


 
Coletiva Flamengo - Luxemburgo (Foto: Carlos Mota)O Clássico entre Flamengo e vasco já começou, e bem longe do Maracanã. Se a bola só vai rolar domingo, às 18h30m (de Brasília), pela 11ª rodada do Campeonato Carioca, nos bastidores a rivalidade ferve. No último domingo, o presidente da Ferj, Rubens Lopes, acompanhou a vitória vascaína sobre o Nova Iguaçu, em São Januário, no camarote de Eurico Miranda. A proximidade entre os dirigentes não repercutiu bem no Ninho do Urubu, e, nesta sexta-feira, Vanderlei Luxemburgo aproveitou uma descontraída entrevista coletiva para demonstrar sua insatisfação com a situação.

Depois de confirmar a escalação sem mudanças em relação ao time que venceu o Brasil de Pelotas, pela Copa do Brasil, e brincar com a maioria dos jornalistas, o treinador abordou o tema no meio de uma pergunta sobre a rivalidade entre vascaínos e rubro-negros. Antes mesmo que a polêmica da decisão do ano passado, quando o Fla foi campeão com um gol irregular de Márcio Araújo, entrasse em pauta, Luxa tratou como anormal a relação entre Rubinho e Eurico.
 
- Tudo o que está sendo falado faz parte de uma rivalidade muito grande de vasco e Flamengo. A única coisa que não faz parte é saber que o presidente da Ferj está frequentando o camarote do presidente do vasco. O que não faz parte é o presidente do vasco estar sentado na cadeira do presidente da Federação em algum momento. Isso tudo é que não faz parte do jogo do futebol. Eu não tenho nenhuma preocupação quanto ao árbitro. Eu reclamo, gesticulo. Antigamente, eu ofendia, agora não. O que me preocupa mesmo é essa relação.

Outro tema que não poderia passar batido na entrevista de Vanderlei Luxemburgo era o indiciamento de Luiz Antonio pela polícia por estelionato. Ao contrário do ano passado, quando o caso veio à tona, o volante não foi preservado, treinou normalmente no centro de treinamento e será relacionado para o clássico. O treinador tratou o episódio com naturalidade.

- Não é mais um fato novo. É algo que já tinha acontecido lá atrás e está trabalhada. Sabíamos que podia chegar ao indiciamento ou não. O Flamengo está dando toda assistência, toda atenção na parte jurídica e veio treinar normalmente. O assunto está sendo tratado com naturalidade. Da outra vez, era um fato novo. Agora, não tem motivo para preservá-lo. Tem nosso apoio. O que aconteceu lá atrás está repercutindo e vai continuar.

O confronto com o Vasco, no entanto, não passou batido. Luxa admitiu que ainda sente frio na barriga em partidas deste quilate e resumiu como o confronto mais importante do futebol carioca.

- O  vasco veio de um ano ruim. Subiu, mas ficou aquela desconfiança. Agora, chega na liderança da competição. É um clássico que mexe muito com as pessoas e com os torcedores. Estamos preparados para essa rivalidade. Encontro o porteiro do prédio que fala que não pode perder para o vasco. O presidente do Vasco se envolve muito. É a maior rivalidade do Rio de Janeiro.

Com 23 pontos, o Flamengo é o terceiro colocado no Campeonato Carioca e ultrapassa o líder vasco em caso de vitória. A diferença entre os clubes no momento é de três pontos e somente um gol de saldo: 16 a 15. Para terminar a rodada em primeiro, o Rubro-Negro tem que torcer por um tropeço do Botafogo diante da Cabofriense.

Treino Flamengo - Luxemburgo conversa jogadores (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo) 
Luxemburgo abre o treino e diz que pode colocar Everton e Arthur no clássico (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)
 

Antes do clássico, o GloboEsporte.com transmite ao vivo, direto do Maracanã, a preliminar entre Flamengo e vasco. A transmissão começa às 15h45 e a bola rola às 16h15 (de Brasília). Não perca a chance de ver as joias dos rivais cariocas.  

Veja abaixo a coletiva na íntegra

Treino tático aberto

É um trabalho de momento. Cada momento é um momento. Abrimos o treinamento hoje, e o time que vai jogar é esse. Também coloquei o Everton e o Arthur para analisarmos. Amanhã vamos avaliar novamente. Se tiverem tranquilos, vão para o jogo, relacionados para o banco de reservas. Vamos usar quando for necessário. Sobre o treino, quando tem que abrir, abre. Quando não tem que abrir, vocês têm que entender também.

Entrevistas exclusivas antes do clássico

Isso é uma coisa que nós trabalhamos e que tem que ter uma reciprocidade de respeito. Por que eu tenho que deixar um atleta meu fazer uma matéria em que o meu adversário pode ter uma vantagem por alguma informação? Lá no vasco, vocês nem entram no treinamento. Eu respeito isso. E tem que ser respeitado esse tipo de comportamento das pessoas. Eu estou atento para preservar meus jogadores. É um trabalho que tem que ser respeitado.

Campeonato à parte para Eurico Miranda

O outro lado não me interessa. Me interessa o lado de cá. Encaramos como um clássico que tem uma rivalidade tamanha. Queremos ganhar o Campeonato Carioca. Nesse campeonato, está inserido o vasco, o Fluminense, o Botafogo e times pequenos. Essa rivalidade vai existir, é claro, e não pode ficar morta. 

Treino Flamengo - Luxemburgo  (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo) 
Luxemburgo explica Paulinho na reserva: "Não está totalmente preparado" (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Paulinho na reserva

As pessoas não entendem o que acontece aqui dentro. O Paulinho não está totalmente preparado para iniciar jogando. Mais para frente, de repente, em outra situação. Com as lesões dos jogadores e a formação tática que eu quero, são as opções de momento. Não é preferência por esse ou aquele. É o momento da equipe.

Posição do Cirino e do Alecsandro

Eu já coloquei assim uma porção de vezes. Já disse algumas vezes que posso usar o Marcelo por dentro ou por fora. Eu prefiro o Marcelo por dentro, mas agora estou usando por fora. Venho fazendo isso alternadas vezes. Eu tenho um elenco que tem jogadores lesionados. Para o momento, a melhor situação é essa. 

 
 Números

Eu não me prendo aos números. Cada jogo é diferente. Acho legal esse tipo de discussão, de quanto tempo não vence e tudo mais, torcedor sacaneando o outro. Mas sabemos que futebol é dentro dos 90 minutos. Essas coisas não entram dentro de campo.

Doriva

Ele está começando bem para caramba. Já ganhou um paulista. Ele tem que começar novo mesmo. Quando comecei como técnico, na minha frente tinha Telê Santana, Evaristo... O cara que está começando não tem uma experiência como o mais velho, é claro. Mas ele pode ser jovem e competente. As pessoas confundem competência com experiência.

Jogo decisivo

Tem decisão sim. Se ganharmos, vamos encostar no vasco e a partir daí só dependemos de nós. Tem a Taça Guanabara também. Temos primeiro que buscar a classificação para disputar o quadrangular final.

vasco evoluiu nesse ano?


O vasco lá de Manaus já é um Vasco diferente hoje. É totalmente diferente, está liderando a competição. Tem jogos que o time joga bem, tem jogos que não. Contratou o Dagoberto, que é um jogador de referência, de conquista. O Vasco está preparado. Tudo o que está sendo falado faz parte de uma rivalidade muito grande de Vasco e Flamengo.

Sensações por causa do clássico

Mexe comigo. O dia que não mexer, eu tenho que me aposentar. Ainda sinto frio na barriga. Tudo isso faz parte do meu contexto. Um cara que vive um Vasco e Flamengo, um Atlético Mineiro e Cruzeiro, um Inter e Grêmio e não se sente diferente, não posso entender.

Importância do jogo

Envolve Vasco e Flamengo. O vasco veio de um ano ruim. Subiu, mas ficou aquela desconfiança. Agora chega na liderança da competição. É um clássico que mexe muito com as pessoas e com os torcedores. Estamos preparados para essa rivalidade.

Rivalidade no Rio

É a maior rivalidade. Encontro porteiro do prédio que fala que não pode perder para o vasco. O presidente do vasco se envolve muito. É a maior rivalidade do Rio de Janeiro. 

Luxa abre treino tático à imprensa e mantém time que venceu o Brasil

Diferentemente da preparação visando ao jogo de volta da Copa do Brasil, contra o Brasil de Pelotas, Vanderlei Luxemburgo deixou a imprensa assistir ao treino tático às vésperas do clássico contra o vasco. O time é o mesmo que entrou no Maracanã, quarta-feira, e venceu por 2 a 0: Paulo Victor, Pará, Wallace, Bressan e Anderson Pico; Jonas, Márcio Araújo e Canteros; Gabriel, Marcelo Cirino e Alecsandro.

Autor do primeiro gol na vitória passada, Paulinho treinou entre o time reserva. Luxa sabe da ansiedade da torcida para vê-lo na equipe titular, mas explicou que o atacante não está completamente preparado para iniciar uma partida. Desde a seu retorno aos gramados, após ficar afastado por seis meses, ele marcou dois gols - contra o Volta Redonda, um golaço, e contra o Brasil de Pelotas. 

Treino Flamengo (Foto: Carlos Mota) 
Treino do Flamengo tem Everton e Arthur Maia entre os reservas (Foto: Carlos Mota)


Everton e Arthur Maia, que se recuperam de problemas musculares, também participaram da atividade, no time reserva. O meia-atacante e o meio-campo serão analisados novamente neste sábado. A partir daí, será avaliada a possibilidade de os dois serem relacionados para o clássico de domingo. Luxemburgo afirmou que se houver condições, eles ficarão no banco de reservas.

- O Everton e o Arthur entraram no meio do treinamento para darmos uma analisada. Amanhã, analisaremos novamente. Se estiverem tranquilos, vão para o jogo, relacionados para o banco de reservas. Utilizaremos quando for necessário - disse Luxemburgo.

Imagens somente com a bola rolando

Treino Flamengo (Foto: Carlos Mota)Quando a bola rolava, os assessores do Flamengo autorizavam os cinegrafistas a fazerem imagens da atividade. Quando Vanderlei apitava para explicar um determinado posicionamento dos jogadores ou cobrar mais atenção em algum lance, o pedido era para que as câmeras fossem viradas. Em uma situação, Luxa pediu para que Marcelo Cirino aproximasse a marcação - tecla batida pelo treinador diversas vezes.

- É uma decisão nossa essa de pedir para não filmar. São detalhes nossos. Eu fiz o que tinha que fazer. Deixei verem o time, coloquei Everton e Arthur para treinar, coloquei as minhas situações para todos verem. Quando tem que abrir, abre. Quando tem que fechar, vocês têm que entender também - afirmou Luxa.

Flamengo e Vasco se enfrentam neste domingo, às 18h30 (de Brasília), no Maracanã. A partida é válida pela 11ª rodada do Campeonato Carioca. O Cruz-Maltino é o líder, com 26 pontos. Já o Rubro-Negro ocupa a terceira colocação, com três a menos.

Antes do Clássico, o GloboEsporte.com transmite ao vivo, direto do Maracanã, a preliminar entre os times sub-20 de Flamengo e vasco. A transmissão começa às 15h45 e a bola rola às 16h15 (de Brasília). Não perca a chance de ver as joias dos rivais cariocas.

Flamengo x vasco: clássico já tem mais de 35 mil ingressos vendidos



O Clássico dos Milhões vai fazendo jus ao título, ao menos para o duelo deste domingo. Os postos de venda para Flamengo x vasco, marcado para as 18h30, no Maracanã, fecharam esta sexta-feira com um total de 35.437 ingressos vendidos não há mais bilhetes para o Setor Norte, destinado à torcida rubro-negra. A carga total colocada à disposição dos torcedores é 56.678, com 30,3% deste total destinados à venda pela internet. Há ainda 3.860 cortesias e 12.746 gratuidades.

Por causa do jogo Fluminense x Tigres neste sábado, às 18h30, o horário de vendas no Maracanã será das 9h às 13h, com a seguinte divisão: a Bilheteria 4 atenderá aos torcedores do Flamengo, e a Bilheteria 1, aos do Vasco. Os demais pontos de venda funcionarão normalmente das 10h às 17h (confira a relação completa mais abaixo). Trocas de ingressos podem ser feitas no estádio e em todos os postos de venda.

Os flamenguistas que comprarem ingressos para o Nível 5 entrarão no Maracanã pelo portão D (rampa do Bellini). Os vascaínos, do Sul Nível 5, entrarão pelo Portão A (rampa da Uerj). Por questões de segurança, a distribuição das gratuidades garantidas por lei será efetuada a partir da abertura dos portões, no dia do jogo, às 15h30, e limitadas à capacidade física do setor. O torcedor que chegar momentos antes da partida corre o risco de não encontrar as gratuidades disponíveis.

Os setores Leste Inferior e Superior, Oeste Inferior e Maracanã Mais têm lugar marcado e não possuem gratuidade, e pelo site do Maracanã é possível escolher exatamente o local do assento – nos demais pontos de venda, o torcedor poderá escolher apenas o bloco. O sistema escolherá automaticamente o local dos assentos.

Os ingressos custam R$ 60 e R$ 100 para arquibancada e R$ 165 área vip - valores inteiros. Os preços são os mais altos do Campeonato Carioca. Os outros dois clássicos que aconteceram no Maracanã (Botafogo x Flamengo e Fluminense x Botafogo), tiveram ingressos para os mesmos setores a R$ 60 e R$ 80 e R$ 40 e R$ 60, respectivamente. Já o duelo Fluminense x Vasco, no Engenhão, teve entradas nos valores de R$ 30 a R$ 60.

Neste domingo, o GloboEsporte.com transmite ao vivo, direto do Maracanã, a preliminar entre Flamengo e vasco. A transmissão começa às 15h45, e a bola rola às 16h15 (de Brasília). Não perca a chance de ver as joias dos rivais cariocas.

Confira as informações sobre a venda de ingressos:

Valores por setor
Norte Flamengo  (esgotado) /Sul: R$ 60 
Leste Superior/Leste Inferior: R$ 100
Oeste Inferior: R$ 100
Maracanã Mais: R$ 165

Pontos de venda para compra antecipada
. Galinheiro São Januário - Bilheteria 5 - Rua General Almério de Moura, 131
. Maracanã (Bilheteria 1) - Av. Maracanã, s/nº  (sábado a venda no local será até 13h devido ao jogo Fluminense x Tigres do Brasil)
. Engenhão - Bilheteria Oeste - Rua José dos Reis s/nº
. Estádio Caio Martins - Rua Presidente Backer, s/n, Icaraí - Niterói
. Cariocas FC – Shopping Nova América - Avenida Pastor Martin Luther King Jr, 126 - 1º piso
. Méier - Espaço Rubro Negro - Rua Dias da Cruz, 255, Shopping Méier
. Gávea - Sede do Flamengo - Avenida Borges de Medeiros, 997 (a partir desta sexta, das 10h às 17h)

Vendas no dia da partida
. Bilheteria 1 - venda mista - Flamengo e Vasco - 14h30 às 19h15
. Bilheteria 3 - Retirada compra Internet - 14h30 às 19h15
. Bilheteria 4 - venda geral - torcida Flamengo - 10h às 19h15
. Bilheteria 3A (container Maracanã Mais) - Venda exclusiva Maracanã Mais - 14h30 às 19h15
. Bilheteria 4A (container Mata Machado) - Atendimento sócio-torcedor Flamengo - 10h às 19h15

Flamengo anuncia autossuficiência de todos os seus esportes olímpicos


Basquete Cearense x Flamengo NBB Paulo Sarasate (Foto: LC Moreira/Divulgação)A vice-presidência de Esportes Olímpicos do Flamengo anunciou nesta sexta-feira, 20, uma notícia importante para modalidades como o judô, a natação, a ginástica e o basquete rubro-negros. Desde o último dia 4, todos os esportes subordinados à pasta conquistaram sua autossuficiência, ou seja, podem ser mantidas sem prejuízo ao clube através de patrocínios e parceiros.

A nova fase do esporte olímpico do time da Gávea foi possível graças a readequação, em Brasília, de projeto de Lei de Incentivo através do Imposto de Renda de pessoas físicas, pelo projeto Anjo da Guarda, e também entre várias empresas. O clube começou sua "missão" em janeiro de 2013 e conseguiu arrecadar financiamentos de R$ 1,5 milhão.

Em nota oficial, o Conselho Diretor rubro-negro anunciou que a equipe adulta de basquete é autossustentável até julho de 2015, com patrocínios diretos através de empresas da Lei de Incentivo de ICMS, bilheterias e cotas de partidas. O basquete de base está garantido com receitas próprias até fevereiro de 2016. O vôlei, a natação, o polo aquático e o nado sincronizado também têm recursos garantidos até esta data. A ginástica artística e o judô, até abril de 2015, enquanto o futsal é autossustentável até dezembro desse ano.

Até dezembro de 2015, o Flamengo pretende entregar algumas obras, todas com fontes oriundas de parcerias e financiamento dos esportes olímpicos. O Ginásio Hélio Maurício, reformado, foi o primeiro a ser inaugurado. O Centro de Treinamento de Força e Condicionamento dos Esportes Olímpicos também já foi entregue. O Ginásio Togo Renan Soares será reformado, com vestiários e programação visual, e será entregue através de parceria com o Comitê Olímpico dos EUA. A Arena de Judô e Lutas terá será totalmente nova depois de ficar décadas com o mesmo espaço. Ela também será refeita através de parceria com o Comitê americano e recursos da Lei Pelé.

Ginásio Hélio Maurício, na Gávea, recebeu bom público (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo) 
Ginásio Hélio Maurício, na Gávea, já foi entregue (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

O Ginásio Cláudio Coutinho será entregue totalmente reformado - ele está inutilizado desde o incêndio de 2012.  O ginásio será feito com recursos da Lei Pelé, Comitê EUA e Comitê Olímpico Brasileiro. A piscina olímpica também será inaugurada até o final do ano, com recursos de empresas através de Lei de Incentivo do ICMS e CBC e da Lei Pelé. A vice-presidência de remo ganhou uma academia moderna e 21 ergômetros, além da compra de uma flotilha com 45 barcos novos, que ainda vão chegar e vieram de projetos aprovados da CBC - Lei Pelé.

- Esse é apenas o começo. Recuperar a dignidade dos esportes olímpicos do C.R. Flamengo, com sua independência financeira, era o mínimo que qualquer gestor poderia almejar em um clube multiesportivo de nossa dimensão. Reafirmamos que os atletas e os profissionais não querem o favor de ninguém, apenas serem respeitados pela enorme agregação de valor que historicamente proveram ao Flamengo - diz o comunicado.

O rubro-negro encerra o comunicado dizendo que agora terá que passar por outro caminho espinhoso, que será consolidar esse processo autossustentável. O Flamengo fala em aproveitar o ciclo olímpico das Olimpíadas do Rio 2016 para mudar o panorama estrutural dos esportes olímpicos do clube. Em janeiro de 2013, de acordo com o Flamengo, as receitas eram de R$ 2 milhões e as despesas de R$ 19 milhões. Hoje, foram somados R$ 38 milhões de receitas e despesas contratadas no mesmo valor.

De acordo com Vido, o interditado ginásio Cláudio Coutinho irá reabrir ao fim deste mês de março ou iníco do de abril, tem d  (Foto: Fabio Leme)
Ginásio Cláudio Coutinho passa por obras na Gávea (Foto: Fabio Leme)

O Flamengo também fala em planejar o novo ciclo do time de basquete, que é autossustentável até julho de 2015, quando se encerra a temporada vigente. O clube espera usar o modelo vencedor do basquete, campeão das Américas, com três títulos do NBB e o Mundial, para fazer o mesmo com equipes de ponta nas demais modalidades. Atualmente, o rubro-negro tem 750 atletas olímpicos, 110 profissionais de direção e comissões técnicas, além de 2.500 alunos na Escola de Esportes Sempre Flamengo.

Presidente do Flamengo mantém cautela, mas confirma interesse em Armero


Enquanto o agente do jogador vê "chance boa", o presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, mantém a cautela em relação à contratação do lateral-esquerdo Armero. Mas admite que há interesse no jogador, que atuou com Vanderlei Luxemburgo no Palmeiras, defendeu a seleção da Colômbia na Copa do Mundo 2014 e atualmente está no Milan.

- Se tem uma coisa que a gente introduziu a partir de 2013 e eu tenho que manter, é que as negociações de futebol a gente só anuncia depois de absolutamente fechadas. Se existe alguma coisa em relação ao Armero, está sendo tratada pelo departamento de futebol. É uma possibilidade que pode se concretizar ou não. Vamos aguardar e quem sabe a gente não pode ter boas notícias? - afirmou o presidente.

O Flamengo teria que acertar a contratação de Armero até 16 de abril, quando fecha a janela de transferência para jogadores vindos de clubes do exterior. O lateral está no Milan por empréstimo e ainda tem contrato com a Udinese até junho.

Atualmente, o Flamengo conta com três jogadores para a lateral esquerda: o titular Anderson Pico, além dos jovens Thallyson (contratado no início do ano ao ASA de Arapiraca) e Jorge (formado nas categorias de base do clube).

Pablo Armero Colômbia (Foto: Getty Images)
 
Pablo Armero comemora vitória da Colômbia na Copa do Mundo de 2014 (Foto: Getty Images)

Flamengo e Flu voltam a atirar contra a Ferj após ameaça de tirar jogos do Maraca

O racha no futebol do Rio de Janeiro está escancarado. Em meio ao Campeonato Carioca, Flamengo, Fluminense e a Concessionária Maracanã voltaram a se pronunciar contra a Federação de Futebol do Estado por meio de nota nesta sexta-feira. Desta vez, após a Ferj ameaçar tirar as partidas decisivas do Estadual do Maracanã, o trio respondeu destacando que a entidade não tem poder para interferir nos jogos do estádio. 

- Entendemos que eventual decisão de retirar, de forma injustificada, jogos do Maracanã, antes de nos atingir, prejudica a imagem do futebol carioca e pune a sua principal razão de ser: o torcedor - diz um trecho da nota assinada pelo trio.

Flamengo x Fluminense Maracanã (Foto: Buda Mendes / Getty Images)Flamengo, Fluminense e Maracanã deixam claro, mais uma vez, racha com a Ferj (Foto: Buda Mendes / Getty Images)


O capítulo mais recente da polêmica que se arrasta desde janeiro começou na terça-feira, dia em que o Conselho Arbitral da Ferj decidiu que o custo operacional dos jogos do Maracanã seria calculado nos mesmos moldes do contrato da concessionária com o Flamengo. Ou seja, com divisão de lucro e despesas, diferentemente do acertado com o Fluminense, no qual o clube não tem gasto algum e pode lucrar apenas com os setores Norte e Sul.

No dia seguinte, as direções do Tricolor e do Rubro-Negro, que não haviam mandado representantes à reunião do dia anterior, juntamente com o Consórcio Maracanã, divulgaram uma nota conjunta repudiando a decisão.

A briga continuou, e a Ferj cobrou o Flu um valor de R$ 400 mil, referente à taxa de 10% que a federação tem direito em cada jogo do Estadual. O clube rebateu e contestou a dívida. O presidente Peter Siemsen, ao "Jornal Extra", fez ainda críticas a Eurico Miranda e Carlos Eduardo Pereira, mandatários, respectivamente de Vasco e Botafogo, que se defenderam e rebateram as acusações.

Veja abaixo na íntegra:

"A Concessionária Maracanã, Clube de Regatas do Flamengo e Fluminense Football Club esclarecem que: 

1. Desde o início das operações da Concessionária Maracanã, em 2013, já foram realizados 137 jogos, sendo 30 de Campeonatos Cariocas, tendo como mandantes não só o Flamengo e o Fluminense, mas também Botafogo, Vasco da Gama e Cabofriense, sempre mediante contratos firmados diretamente com a Concessionária.

2. Nunca houve durante todo este período qualquer conflito com os regulamentos da Ferj ou com as decisões desportivas dos seus arbitrais.

3. Flamengo e Fluminense não reconhecem na Ferj poderes ou legitimidade para intermediar suas relações comerciais com o Maracanã.

4. O contrato da Concessionária com o Governo do Estado do Rio de Janeiro estabelece que os contratos para utilização do estádio sejam firmados diretamente com os clubes. Desta forma, o Maracanã não tem motivos para firmar qualquer tipo de contrato ou convênio com a Ferj. 

5. Entendemos que eventual decisão de retirar, de forma injustificada, jogos do Maracanã, antes de nos atingir, prejudica a imagem do futebol carioca e pune a sua principal razão de ser: o torcedor. 

6. O Maracanã, Flamengo e Fluminense seguem firmes no propósito de lutar por um futebol carioca forte e próspero, onde os contratos sejam respeitados. 

Concessionária Maracanã, Clube de Regatas do Flamengo e Fluminense Football Club"

Relatório do TCU: vasco tem que devolver R$ 73 milhões para Eletrobras





Um relatório do Tribunal de Contas da União aponta "recebimento indevido de recursos públicos" e má prestação de contas do Vasco, que teria que devolver R$ 73 milhões para a antiga parceira Eletrobras.  A reportagem do "Estado de S. Paulo" informa que o ministro do tribunal  Raimundo Carreiro, relator do caso, ainda vai ouvir o clube novamente, mas questiona a aplicação da verba - de cerca de R$ 56 milhões por quatro anos de contrato - e a apresentação de documentos pelo clube durante o período de patrocínio na camisa do Vasco.

Costurada no início da gestão Roberto Dinamite, com apoio do então governador Sergio Cabral, a parceria entre o Cruz-Maltino e a Eletrobras durou de 2009 a 2013. Nesse período, de acordo com o parecer do TCU, o Vasco teria usado verba da estatal para pagamentos de dívidas contraídas antes do compromisso firmado entre as partes - débitos trabalhistas, previdenciários e cívis. O contrato previa prestação de contas para comprovar a forma como o dinheiro era gasto, algo que, segundo os auditores, nunca ocorreu.

O contrato firmado entre o clube e estatal brasileira previa que o clube se comprometesse a usar R$ 1,3 milhão do total do patrocínio anual - de R$ 14 milhões - em ações de Responsabilidade Social e em esportes olímpicos. 

Os auditores, então, aconselharam que houvesse uma Tomada de Contas Especial (TCE). Este procedimento só pode ser feito quando o TCU cobra a devolução dos recursos. Para bater o martelo, o Tribunal quer voltar a ouvir a diretoria vascaína antes de adotar a TCE.

Procurado pela reportagem do GloboEsporte.com, o Vasco informou que só irá se manifestar quando for notificado.

Relembre o fim da parceria

O patrocínio da Eletrobras no Vasco durou quatro anos e foi encerrado em fevereiro de 2013, de forma nada amistosa. Na ocasião, a estatal rompeu admitindo insatisfação.

De acordo com a publicação no Diário Oficial na época, a Eletrobras alegou que o Vasco não cumpriu o dever de regularizar sua situação fiscal e, assim, a empresa decidiu instaurar um processo administrativo para a rescisão de contrato. Em comunicado oficial, a Eletrobras confirmou a rescisão e uma multa ao Vasco, de R$ 392 mil.

"Por determinação da Justiça, a Eletrobras depositou em juízo a última parcela do contrato de patrocínio com o C.R. Vasco da Gama, em favor do Sindicato dos Empregados em Clubes, Estabelecimentos de Cultura Física, Desportos e Similares no Estado do Rio de Janeiro. O valor do depósito foi de R$ 8.017.622,00 Deste valor já foi descontada a multa, 0,7% sobre o valor total do contrato, aplicada devido ao descumprimento de diversas obrigações contratuais, as quais também ensejaram a rescisão do contrato entre a empresa e o clube".

Agente vê "chance boa" de Armero ir pro Flamengo: "Desejo do atleta conta muito"

A negociação para contratar Pablo Armero está andando e tem "chance boa" de ter um final feliz para o Flamengo, que está interessado no jogador. Quem garante é o empresário do lateral-esquerdo colombiano e representante do Udinese no Brasil, Luciano Ramalho. O agente contou que vai viajar à Itália na semana que vem para dar um desfecho ao caso junto ao Udinese, dono do passe de Armero, e ao Milan, clube ao qual ele está emprestado.

- Estamos em fase de negociação. Realmente existe o interesse. Como são partes envolvidas como Udinese e Milan, vamos estar organizando para ver se temos um desfecho feliz. Vou viajar à Itália semana que vem e buscar alternativas contratuais para ver de que modo ele viria para o Flamengo. A Udinese não está colocando nenhum empecilho na condição de que o Flamengo tenha algum desconforto na negociação. A chance é boa, claro. Estamos trabalhando nisso - disse ao GloboEsporte.com.

Armero, Colômbia X El Salvador (Foto: Agência Reuters)Pablo Armero em ação pela seleção colombiana (Foto: Agência Reuters)

Ainda segundo Luciano Ramalho, a vontade de Armero é de se transferir para o Flamengo e de trabalhar novamente com Vanderlei Luxemburgo, por quem foi comandado no Palmeiras em 2009. O colombiano tem sido pouco aproveitado no Milan.

- O desejo do atleta numa situação como essa conta muito, por mais que ele tenha um contrato alto na Europa. O desejo é de vir para o Flamengo e trabalhar com o Vanderlei, com quem trabalhou lá atrás, quando veio para o Brasil, meio que desconhecido, do América (de Cali) para o Palmeiras, onde teve oportunidade e depois teve um upgrade para a Europa. Então, trabalhar com o Vanderlei foi um ponto muito positivo na carreira dele. Isso ajuda bastante. Dentro do aspecto todo, a vontade do jogador realmente é de vir, o que acaba facilitando uma negociação.

A chegada de Armero ao Flamengo a princípio seria por empréstimo até junho, quando ficaria livre para firmar um vínculo mais longo. O clube corre para finalizar a negociação até o dia 16 de abril, data de encerramento da janela de transferências para jogadores vindos do exterior no primeiro semestre.

Aos 28 anos, Armero não quer colocar em risco sua continuidade na seleção colombiana. Em uma temporada que conta com o início das eliminatórias para Copa do Mundo de 2018 e Copa América, o jogador sabe da importância de ser visto em campo para não perder espaço. Em 2015, foram apenas três jogos pelo Milan - o último em 24 de janeiro.

No Flamengo, o colombiano chegaria para disputar posição com Anderson Pico, que é o titular da lateral esquerda. Contratado como aposta junto ao ASA de Arapiraca, Thallyson não correspondeu nas oportunidades que teve e ligou o sinal de alerta nos bastidores do Ninho do Urubu. Além destes, o jovem Jorge, de 18 anos, está à disposição de Luxa para posição.

Jornalista diz que MP pode ser vista como "intervenção" estatal no futebol



A presidente Dilma Rousseff sancionou nesta quinta-feira a Medida Provisória que permite aos clubes refinanciarem as suas dívidas, mediante o cumprimento de vários termos. No o jornalista Carlos Eduardo Mansur levantou, durante o programa "Redação SporTV", que as regras impostas pelo governo podem ser interpretadas como uma "interferência" governamental na CBF. Algo que a Fifa não tolera.

- Se você pensar o futebol como um sistema federativo, comandado pela Fifa, a CBF dever incluir as sanções da lei, como o rebaixamento, nos seus regulamentos. Essa discussão houve muito menos em outros países porque a questão foi gerida através de suas entidades esportivas. Em tese, a CBF é uma entidade privada, e ela pode alegar que há uma interferência estatal em sua gestão. Algo que a Fifa não tolera - lembra o jornalista.
,
Dilma Rousseff dividas dos clubes (Foto: Roberto Stuckert Filho/PR) 
MP ainda precisará ser votada para virar lei. Parlamentares tem prazo de 45 dias (Foto: Roberto Stuckert Filho/PR)

O texto da Medida Provisória defende, entre outras coisas, a limitação do mandato dos dirigentes à frente das entidades esportivas pelo prazo máximo de oito anos. Os clubes também devem manter em dia todas as suas obrigações tributárias e trabalhistas, gastar no máximo 70% de sua receita brita com o futebol profissional, manter investimento mínimo nas categorias de base e no futebol feminino e não realizar antecipação de receitas previstas para mandatos anteriores. Os clubes que não cumprirem isso podem ser rebaixados.

Na opinião de Carlos Eduardo Mansur, a obrigação de limitar em 70% os gastos no futebol profissional é um exagero. Isso por conta dos diferentes perfis de clubes. Os que não possuem outras modalidades estão, portanto, impedidos de investir 100% de suas receitas no futebol.

- Você tem perfis de clubes diferentes. Uns poliesportivos, que possuem dez modalidades além do futebol, que naturalmente essas modalidades consomem recursos. Outros são exclusivamente do futebol, que naturalmente poderiam, sem comprometer a saúde financeira, investir mais do que 70% com os seus gastos no futebol. Além disso você poder ter, ao longo desse parcelamento, clubes que, por aderirem a esse refinanciamento em uma condição melhor do que outros, estejam saudáveis muito mais cedo do que outros. O programa de redução gradativa de déficits e a obrigatoriedade de não contraírem novas dividas, a parte do fair-play financeiro, já estaria contemplada. Acho que essa obrigação dos 70% é um exagero.

A Medida Provisória já vale como lei até 120 dias após a publicação no Diário Oficial da União, o que ocorreu nesta sexta-feira. Uma comissão formada por deputados e senadores analisará o texto e poderá fazer alterações. Se o Congresso não aprovar a MP em até 45 dias, a medida trancará a pauta até que seja votada. Em seguida, a presidente Dilma vetará ou sancionará a lei.

Luiz Antônio, do Flamengo, é indiciado por estelionato com falso roubo de carro

O jogador do Flamengo Luiz Antônio de Souza Soares, seu pai Luiz Carlos Francisco Soares e o policial civil, Alexander da Rocha, Antunes, conhecido como Sergio Preto, foram indiciados nesta sexta-feira (20) pela Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas e Inquéritos Especiais (DRACO/IE) e denunciados pelo Ministério Público pelos crimes de fraude securitária e organização criminosa. A informação foi divulgada pela Secretaria de Segurança do Rio nesta sexta-feira (20).

Luiz Antônio, do Flamengo, após prestar depoimento (Foto: Gabriel Barreira/G1) 
Luiz Antônio após prestar depoimento na delegacia da DRACO em agosto do ano passado (Foto: Gabriel Barreira/G1)


Segundo o órgão, a DRACO/IE comprovou que o jogador não teve seu carro roubado, como fora informado, comprovando assim o crime popularmente conhecido como "tombo de seguro", utilizando o amigo, então policial civil Alexander da Rocha para um falso registro de ocorrência. De acordo com as investigações, para dar sumiço ao veículo, Luiz Antônio com o auxílio de seu pai entregou o carro a milicianos da Zona Oeste.

Na manhã desta sexta, os agentes da DRACO/IE realizaram diligências de busca e apreensão na residência do jogador e em endereços onde Luiz Antônio também já morou.

Em um desses endereços, no Recreio dos Bandeirantes, na Zona Oeste do Rio, os agentes constataram que o jogador já havia deixado completamente aquele imóvel. No entanto, em posse dos novos moradores foram encontrados quantidade ainda não contabilizada de Ecstasy, maconha, cocaína, uma substância de nome metilenodioximetanfetamina, conhecida em raves e festas pelos usuários como MD ou MDMA, além de quantidade de Euro. As quatro pessoas encontradas no imóvel foram presas em flagrante e, entretanto, ficou constatado que não possui absoluta ligação entre elas e os indiciados no inquérito.

O G1 tentou contato com o empresário de Luiz Antônio, Jolden Vergete, mas não obteve resposta.

Entenda o caso

Segundo a policia, o meio-campo do Flamengo teria presenteado com um carro de luxo um dos chefes da maior milícia que atua no Rio de Janeiro. O pai do atleta, Luiz Carlos Francisco Soares, que fez registro de roubo do veículo em uma delegacia para que o filho recebesse o dinheiro do seguro, não compareceu à delegacia. Segundo o advogado do jogador, Luiz Carlos não chegou a ser intimado.

Se o fato for comprovado nas investigações, o jogador pode responder por estelionato e o pai, por falsa comunicação de crime. A acusação de formação de quadrilha também pode ser feita contra Luiz Antônio, caso fique provado que ele tinha elo com a quadrilha, que teve mais de 20 presos em agosto.

De acordo com os agentes, pesa na investigação, o fato de o policial Alexandre da Rocha Antunes ter sido o responsável pelo registro de roubo do carro do jogador na delegacia. Alexandre e mais 21 pessoas foram presas em operação da Polícia Civil. De acordo com a investigação, ele costumava dizer no trabalho que era "irmão de criação" de Luiz Antônio.

As investigações revelaram ainda que o miliciano ficou apenas três semanas com o veículo para não chamar atenção dos policiais. Ainda de acordo com a polícia, na ocasião, o pai do jogador disse que o carro foi roubado por dois homens em uma moto, em Guaratiba, na Zona Oeste.


Arthur Maia garante estar recuperado e quer "readquirir confiança de todos"

Um desgaste muscular tirou Arthur Maia dos últimos quatro jogos do Flamengo, somando Campeonato Carioca e Copa do Brasil. O meia foi encaminhado para o departamento médico do clube e acabou ficando por lá mais tempo do que se esperava. Mas ele enfim foi entregue à preparação física e está novamente à disposição de Vanderlei Luxemburgo, apesar de ter trabalhado pouco com bola. Arthur chegou a ser relacionado para o duelo da última quarta, contra o Brasil de Pelotas-RS, mas foi poupado junto de Everton, que se encontra em situação semelhante. O camisa 19 garante estar totalmente recuperado.

- Estou me sentindo muito bem, graças a Deus. É claro que essa situação de desgaste muscular é um pouco complicada, porque músculo às vezes engana. Você tem uma sensação de que está bem, e de repente pode ter certo cansaço e pode acabar piorando. Mas o trabalho está sendo feito com muita consciência junto do departamento médico e da fisioterapia. Graças a Deus já venho evoluindo fisicamente nos trabalhos de campo. Estou feliz e espero estar pronto para jogar o mais rápido possível - disse Arthur, dando mais detalhes do problema em seguida.

Arthur Maia Treino Flamengo (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo) 
Arthur Maia está recuperado e pode voltar a jogar no Flamengo (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

- Foi um desgaste. Não teve lance específico em que senti lesão ou coisa do tipo. Foi mais um desgaste pela sequência de jogos. Desde a pré-temporada eu estava num número grande de jogos, e cada corpo reage de uma maneira. Fiquei com a parte posterior da coxa um pouco dolorida, com certo desgaste. Aí foi melhor fazer esse trabalho para eu recuperar isso bem e depois voltar a ter uma sequência.

O meia vinha sendo titular com frequência no time de Luxemburgo, mas perdeu espaço com sua saída, a entrada de Jonas e a escalação de três volantes no meio de campo - com Canteros e Márcio Araújo. Arthur quer voltar logo para "readquirir a confiança de todos".

- Ninguém quer ficar fora. Você tem que estar sempre jogando para mostrar seu potencial. Claro que, a partir do momento em que você fica fora, outros jogadores estão jogando, mostrando serviço e vão ganhando a confiança de todos. Mas estou tranquilo quanto a isso. Quando eu voltar a ter as oportunidades, vou fazer meu trabalho para readquirir a confiança de todos.

A torcida espera o retorno de Arthur Maia para o clássico com o Vasco, às 18h30 deste domingo, no Maracanã. Mas ele ainda não sabe se enfrentará o rival. Fica a critério da comissão técnica.

- A gente está evoluindo nos trabalhos físicos. É preciso fazer mais trabalhos com bola, mais perto do que é a realidade do jogo, para ter a certeza. Sigo no trabalho normalmente durante a semana e peço a Deus para que eu possa me sentir bem nos treinos e estar pronto para o jogo de domingo.

Neste domingo, o GloboEsporte.com transmite ao vivo, direto do Maracanã, a preliminar entre Flamengo e vasco. A transmissão começa às 15h45 e a bola rola às 16h15 (de Brasília). Não perca a chance de ver as joias dos rivais cariocas.

Feliz no Flamengo, Jonas se diz adaptado e aprova apelido de "Schweinsteiger"

Menos de dois meses de Flamengo foram suficientes para Jonas agradar Vanderlei Luxemburgo. Ele pode não ser titular absoluto, mas já figurou diversas vezes entre os 11 que iniciam a partida, formando o meio de campo ao lado de Márcio Araújo e Canteros. O volante acredita estar adaptado ao Rubro-Negro e é só emoção e elogios ao falar sobre o clube de coração.

- A gente sabe que o Flamengo é o maior do mundo, tanto de torcida quanto de grandeza. Estou muito feliz. O Flamengo é isso: raça, dedicação, trabalho. Estou dando o melhor a cada dia para ter resultados positivos e almejar coisas grandes.

Jonas ganhou o apelido de "Schweinsteiger do Maranhão" no período em que defendeu o Sampaio Corrêa por conta das características de seu futebol e também da parte física, e muitos torcedores do Flamengo o têm chamado assim. De bem com a vida, ele aprovou a brincadeira que o compara ao craque do Bayern de Munique.

- Isso aí é o folclore do futebol, a torcida bota. É legal isso, o carinho da torcida, e a gente acaba se enquadrando. Se Deus quiser vai dar tudo certo.

Jonas e Schweinsteiger flamengo (Foto: Editoria de Arte) 
Jonas aprova comparação com Schweinsteiger (Foto: Editoria de Arte)

Ao comentar seu esquema de meio de campo, Luxa tem dito que não dá para classificar os jogadores como três volantes, por conta da mobilidade que eles apresentam em campo. Na opinião de Jonas, o trio deixa a equipe mais forte de uma maneira geral.

- É a contenção. Fico ali atrás protegendo a zaga. Ele libera o Márcio e o Canteros, e eu fico protegendo. Fica uma equipe forte ofensivamente e também na parte defensiva.

Quanto ao futuro no Flamengo, Jonas se mostrou tranquilo e certo de que viverá algo grandioso.

- Nós, jogadores de futebol, sempre temos que almejar coisas grandes. Então, deixa as coisas acontecerem naturalmente. Elas vão dando certo. Só tenho a agradecer a Deus por tudo o que Ele tem feito. Quero conseguir muitas conquistas e vitórias no Flamengo.

O volante está à disposição para a próxima partida da equipe, contra o vasco, pelo Campeonato Carioca. O jogo será neste domingo, às 18h30, no Maracanã.

- Clássico é clássico. É dar o melhor em empenho e dedicação para sair com a vitória - disse.

Neste domingo, o GloboEsporte.com transmite ao vivo, direto do Maracanã, a preliminar entre Flamengo e vasco. A transmissão começa às 15h45 e a bola rola às 16h15 (de Brasília). Não perca a chance de ver as joias dos rivais cariocas.
 
 

quinta-feira, 19 de março de 2015

De volta ao NBB, Flamengo despacha cearenses e vence a sétima seguida

Marquinhos, basquete cearense x flamengo  (Foto: Reprodução / Instagram) O Flamengo não teve dificuldades para vencer o Basquete Cearense por 89 a 63, nesta quinta-feira (19), em Fortaleza, e chegar à sétima vitória seguida na competição. Nem mesmo o duplo-duplo de 18 pontos e 12 rebotes do jovem Davi Rossetto pelos donos da casa impediu a equipe carioca de vencer mais uma na competição nacional.

O Fla caprichou nas bolas de três pontos. Foram 12 no jogo. Quatro delas só de Marquinhos, que terminou a partida com 18 pontos. Benite, com 17, também teve bom desempenho. Olivinha fez um duplo-duplo com 12 pontos e 11 rebotes. Além de Davi Rossato, Fernando Fischer, com 13 pontos, também teve boa atuação pelo Basquete Cearense.

O Flamengo, que chegou à 18ª vitória em 25 jogos e segue na quarta posição, vai a Brasília encarar o time de Giovannoni e companhia neste sábado (21), às 11 horas.






Márcio Araújo defende Flamengo com três volantes: "Temos liberdade para sair"


 
Marcio Araujo, Treino Flamengo (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)Os últimos jogos do Flamengo têm mostrado um Márcio Araújo mais solto em campo, com liberdade para atacar. E ele tem ido à frente, encostando no setor ofensivo mais até do que os outros dois volantes da equipe titular, Canteros e Jonas. Ao defender essa formação de meio-campo, Vanderlei Luxemburgo afirma que não são três volantes por conta da movimentação deles dentro das quatro linhas, e é essa linha que segue o camisa 8. Márcio admite que existe uma queda de qualidade técnica, mas por outro lado o Fla ganha na criação de espaços.

- Claro que, se a gente comparar qualidade, é diferente de você colocar três atacantes ou dois meias. Não é a mesma qualidade. Mas, em termos de movimentação, de criar espaço, é uma forma diferente. Não são três volantes que vão ficar ali parados marcando, só esperando, como fez o time do Brasil de Pelotas. Eu e eles temos liberdade para sair. A gente acaba criando mais espaço do que se tivesse jogando com três volantes mais fixos ali atrás.

Sobre a vitória por 2 a 0 sobre o Brasil de Pelotas-RS, na noite de quarta-feira, pela primeira fase da Copa do Brasil, Márcio Araújo elogiou as orientações passadas por Luxemburgo. O adversário não atacou o Rubro-Negro, como era esperado por conta da necessidade de fazer gols para sonhar com a classificação.

- Isso mostra a experiência do nosso treinador. Antes do jogo ele já tinha falado com a gente que a postura deles não iria mudar, que jogariam por uma bola. Se tinha falta no meio de campo, ele já mandava todo mundo para a área, pois é a jogada forte deles. Mas eles não atacaram e se abriram em momento algum.

No próximo domingo, o Flamengo enfrenta o Vasco no Maracanã, às 18h30, pelo Campeonato Carioca. O clássico é marcante para Márcio, que no ano passado fez o gol (irregular) que garantiu o título estadual ao clube da Gávea sobre o rival. Ele considera aquele momento histórico em sua carreira.

- Jogar contra o Vasco vai ser especial por ser o nosso maior rival. Também é importante pela competição, pois eles estão liderando e a gente precisa da vitória para continuar na briga pela classificação.

O fato de o gol ter sido irregular foi tratado com normalidade por Márcio Araújo, principalmente pela dificuldade do lance.

- Arbitragem é assunto todo jogo, assim como nós também somos. A gente tem que parar de achar que existe alguma coisa contra algum time, porque aí já seria demais, teria que parar de jogar. Erros acontecem  por parte de arbitragem, diretoria, comissão técnica, jogadores, todo mundo que está envolvido no jogo.

Everton e Arthur Maia não treinam com bola

Márcio Araújo e os demais jogadores que foram titulares contra o Brasil de Pelotas, além de Paulinho, que entrou no segundo tempo, fizeram apenas trabalho regenerativo na academia nesta quinta-feira. Os reservas fizeram um treino físico no campo e depois treinaram com bola junto de alguns juniores. Everton e Arthur Maia, cujos retornos estão sendo tratados com calma pelo Fla, foram a campo para o trabalho físico e para uma corrida, mas não participaram da atividade com bola.