Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

sábado, 10 de outubro de 2015

Flameguistas do ES preparam festa em escola de samba após amistoso


A festa da torcida rubro-negra no Espírito Santo vai além da partida amistosa diante da Desportiva Ferroviária, no estádio Kleber Andrade, domingo, às 16h. No entanto, torcedores se organizaram para um evento após o jogo, na quadra de uma tradicional escola de samba do estado, e anunciaram diversas atrações para angariar a participação do público.

Segundo os organizadores, o evento está marcado para 20h, e conta com eleição da 'musa' rubro-negra no ES, DJ do início ao fim com músicas do Flamengo e apresentação da bateria da Mocidade Unidade da Glória (MUG). Além das atrações, produtos oficiais de torcidas organizadas do Flamengo no Espírito Santo serão vendidos.

Torcedores do Flamengo no Espírito Santo se orgnizam para festa em escola de samba (Foto: Divulgação/Aben Marketing Esportivo) 
Torcedores do Flamengo no Espírito Santo se organizam para festa em escola de samba (Foto: Divulgação/Aben Marketing Esportivo)


Quem quiser participar precisa pode comprar o ingresso na hora do evento, na quadra da MUG. O bilhete custa R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). Além de idosos (a partir de 60 anos), estudantes e crianças de 7 a 12 anos (menores de 7 anos não pagam), acompanhadas de um adulto, o flamenguista que for ao evento com a camisa do clube tem direito à meia-entrada. O evento acontece na quadra da MUG (R. Mourisco, 10 - Glória, Vila Velha)

Desportiva Ferroviária x Flamengo
 
Desportiva Ferroviária e Flamengo se enfrentam na tarde deste domingo, no estádio Kleber Andrade, em Cariacica, em partida amistosa, às 16h. Os ingressos para o jogo estão sendo vendidos, em diversos pontos da Grande Vitória.

Tiva x Flamengo: histórico de confrontos dá ampla vantagem aos rubro-negros

Desportiva Ferroviária e Flamengo fazem um amistoso neste domingo, às 16h (de Brasília), no Estádio Kleber Andrade, em Cariacica, no Espírito Santo. Ao todo, as duas equipes disputaram 20 jogos desde a fundação dos grenás, em 1963. O rubro-negro leva uma ampla vantagem: são 12 vitórias contra apenas três da equipe capixaba e com cinco empates.

O domínio rubro-negro é visível, e em campeonatos fica ainda mais evidente. Foram seis partidas oficiais disputadas entre os times, com um empate, quatro vitórias da equipe carioca, e somente um triunfo da Desportiva Ferroviária.

Duelo marca encontro de estrelas das equipes, como Sheik, do Flamengo, e o ex-jogador da Desportiva, Léo Oliveira (Foto: Montagem/GloboEsporte.com, com fotos de Assessoria/Flamengo e Henrique Montovanelli/Desportiva) 
Duelo marca encontro de estrelas das equipes, como Sheik, do Flamengo, e o ex-jogador da Desportiva, Léo Oliveira (Foto: Montagem/GloboEsporte.com, com fotos de Assessoria/Flamengo e Henrique Montovanelli/Desportiva)

Quando o assunto é amistoso, a história mostra que a Desportiva pode ter mais esperanças. Até aqui foram 14 jogos amigáveis entre os times: oito vitórias do Flamengo, três vitórias da Desportiva e três empates. 

O Flamengo é a única equipe do confronto que já conseguiu emplacar sequências de vitórias. Em duas oportunidades, de 1974 a 1975, com quatro jogos disputados no período, e de 1977 a 1982, com também quatro partidas disputadas. A Desportiva Ferroviária, por outro lado, nunca comemorou vitórias seguidas, mas já ficou com três jogos de invencibilidade sobre o time carioca: foram dois empates por 1 a 1 (1973 e 1974), e uma vitória, por 1 a 0 (1973).

Números do confronto:
Jogos: 20
Vitórias do Flamengo: 12
Vitória da Desportiva Ferroviária: 3
Gols do Flamengo: 35
Gols da Desportiva: 13
Maior série invicta do Flamengo: 6 (1969 - 1973)
Maior série invicta da Desportiva Ferroviária: 3 (1973-1974)
Maior goleada: Flamengo 4 a 0 Desportiva - 24/04/1974

A última vitória do Flamengo sobre a equipe Grená no Espírito Santo foi em 1996, no estádio Engenheiro Araripe, por 1 a 0. Já a Desportiva Ferroviária venceu o adversário pela última vez dois anos antes, em 1994. Um dos gols foi marcado pelo ex-atacante Mário Matador, e ele deu a 'receita' para os atuais jogadores da Tiva para um bom papel no embate deste domingo.

Fora de casa, Flamengo supera o Jaraguá e quebra tabu diante do rival


O Flamengo FA conquistou uma importante vitória no Torneio Touchdown neste sábado. Jogando no estádio João Marcatto em Jaraguá do Sul (SC), o Rubro-negro bateu o Jaraguá Breakers por 13 a 10 pela primeira fase da competição. Esta foi a primeira vitória do time da Gávea diante do rival. Nas duas outras ocasiões em que as equipes se enfrentaram pelo Touchdown, o Jaraguá levou a melhor, sendo que uma delas valeu ao time catarinense o título da temporada 2013.

Jaraguá Flamengo futebol americano (Foto: Engetec Imobiliária/Sporto) 
Flamengo venceu o Jaraguá pela primeira vez na história (Foto: Engetec Imobiliária/Sporto)

O Flamengo volta a jogar somente no próximo dia 24, um sábado. O adversário é o Tubarões do Cerrado, mandante da partida em local a ser definido. O Jaraguá Breakers volta a campo na mesma data. O rival é o Corinthians, e o duelo será no Centro Olímpico de Moema, em São Paulo.

O Jaraguá começou melhor a partida deste sábado, e Everton Gnewuch fez o primeiro touchdown do jogo no primeiro quarto, após passe de Jackson Kestring - o extra point foi convertido pelo próprio Kestring. Na sequência, o time da casa aproveitou para anotar mais três pontos, após a conexão de field goal executada por Kestring.

O jogo passou a ficar truncado no segundo período, e o placar só voltou a ser alterado no terceiro quarto. Numa sequência de três corridas, com ganhos consideráveis de jardas, Yolandus Pratt deixou o ataque do Flamengo numa boa posição para marcar. Mais tarde, numa corrida para touchdown, anotado por KC Frost a equipe descontou - extra point convertido por Patrick.

A virada veio no último quarto, após outra bela jogada terrestre de Yolandus Pratt adentrando na endzone adversária - extra point não convertido. Tendo a chance de empatar o confronto, o Jaraguá Breakers, Kestring acabou desperdiçando um field goal no final da partida com Kestring, determinando assim a primeira vitória do Flamengo FA diante do rival em pleno João Marcatto.

*Com informações do site Touchdown.com.br

Golaço de Paulinho marca último treino antes do jogo com a Desportiva


Flamengo treino Ninho (Foto: Fred Gomes / GloboEsporte.com)
Em sábado de muito calor no Ninho do Urubu, Oswaldo de Oliveira começou o treino de véspera ao amistoso contra a Desportiva trabalhando a parte tática. Colocou o time titular para virar bolas e tentar finalizações. Na parte final, organizou um coletivo, que teve duração de aproximadamente 20 minutos. A equipe principal venceu por 2 a 0, com gols de Kayke e Paulinho.

O primeiro gol saiu em falha infantil de César. O goleiro tentou dominar no bico da área, deixou a bola passar por suas pernas, e Kayke aproveitou para mandar na rede. Pouco depois, Paulinho marcou um golaço, que, inclusive, foi o responsável por terminar a atividade. Alan Patrick pegou a bola na ponta direita, dominou na coxa e tocou de calcanhar. O camisa 26 deu um belo corte em Almir, puxou para dentro e tirou Marcelo da jogada. Encerrou com um chute cruzado de pé direito, sem chances para César.

Emerson Sheik não participou do treinamento. Ficou na academia fazendo reforço muscular, mas segue com o time para Cariacica, onde a equipe enfrenta a Desportiva em amistoso marcado para 16h deste domingo, no Estádio Kleber Andrade.

Everton, com dores na parte anterior da coxa esquerda, novamente ficou fora do treino e não viaja para o Espírito Santo. 

O time titular no treino deste sábado foi formado por Paulo Victor, Ayrton, César Martins, Samir e Jajá; Márcio Araújo, Canteros e Alan Patrick; Paulinho, Gabriel e Kayke. Esta, aliás, deve ser a formação que iniciará o amistoso. A única alteração é que Emerson Sheik muito provavelmente substituirá Gabriel.

Os reservas foram a campo com César, Luiz Antonio, Marcelo, Wallace e Rafael Dumas; Jonas, Jorge, Paquetá e Almir; Cafu e Douglas Baggio.

Vice de marketing do Flamengo afirma que estádio próprio é "fundamental"

Clube de maior torcida do Brasil, o Flamengo ainda não conseguiu realizar o antigo desejo de ter um estádio próprio. Na opinião do vice-presidente de marketing do Fla, José Rodrigo Sabino, um estádio é "fundamental" para ampliar o potencial financeiro do Rubro-Negro. O assunto tem sido tratado com frequência por integrantes da atual diretoria do clube. Em agosto, o presidente Eduardo Bandeira de Mello afirmou em entrevista ao GloboEsporte.com que esse "não é um sonho distante".

- Hoje, infelizmente, a gente ainda tem uma situação que existe um consórcio administrando o estádio (Maracanã). E a nossa ideia é entender como chegar em uma melhor discussão. Seja com o consórcio ou viabilizar uma alternativa, que seria a questão de estádio próprio para o Flamengo em algum momento. Um estádio é fundamental nas ambições para conseguir alavancar todo o potencial que o clube tem - afirmou.


Flamengo tem o Maracanã como sua casa, mas diretoria do clube discute estádio próprio (Foto: Divulgação / Flamengo)


Na entrevista de agosto, o presidente do Flamengo afirmou que, na ocasião, já negociava com investidores do ramo imobiliário para construir um estádio junto com um conjunto habitacional em uma região distante do cento do Rio. A diretoria entende que o contrato firmado com o Maracanã não é tão vantajoso para o clube. Sabino confirmou que esse tema tem sido discutido internamente no clube, inclusive sob a perspectiva de aumento de receita.

- Do jeito que está, a gente realmente tem muitas discussões internas no clube. Não só para sócio-torcedor. Tem a possibilidade de fazer ativação com patrocínios. Um estádio, nesse momento, realmente é um diferencial muito grande. E a relação do Flamengo com o Maracanã é quase que umbilical por todo o histórico que o Fla tem com o estádio - disse o vice de marketing do Flamengo.

SAIBA MAIS

Oswaldo reserva atenção especial para Jajá e Jonas no jogo de domingo


O amistoso deste domingo com a Desportiva Ferroviária-ES, que será realizado em Cariacica, no Espírito Santo, vai servir para Oswaldo de Oliveira observar jogadores que vêm tendo pouca chance com ele. O treinador garantiu que vai levar força máxima, mas também já adiantou que fará todas as 11 substituições permitidas. O duelo está marcado para as 16h.

Entre os atletas que Oswaldo mais quer observar estão o jovem meio-campo Jajá e o volante Jonas. O primeiro entrou apenas uma vez com o técnico, na vitória por 2 a 0 sobre o Cruzeiro no Campeonato Brasileiro. O segundo, por sua vez, fez quatro partidas, apenas uma desde o início - ele era titular com Vanderlei Luxemburgo e na maioria das vezes com Cristóvão Borges. 

- Tem vários assim. O Jajá é um. Ele é um jogador que tem me empolgado em alguns momentos, porque tem muita técnica e tem mostrado que tem um futuro pela frente. Outro nessas condições é o Jonas. Comigo ele não teve tantas oportunidades. Entrou um pouquinho, jogou o tempo todo contra o Cruzeiro. Pontualmente existem outras jogadores com quem temos esse objetivo nessa partida. O fundamental é que todos tenham oportunidade de participar - disse Oswaldo.

Montagem jajá e Jonas Flamengo (Foto: Editoria de Arte)
 
Jajá e Jonas suando a camisa no Ninho do Urubu (Fotos: Gilvan de Souza / Flamengo)


Jajá, apesar de ser meio-campista de origem, vem treinando bastante como lateral esquerdo no time reserva, uma vez que Armero está lesionado. O comandante pode testá-lo nessa posição no amistoso, mas afirmou que não pretende mudá-lo de posição para sempre.

- O Jajá tem reagido muito bem. Claro que tem que se adaptar em muita coisa. Eu só o usaria ali numa emergência, o que pode acontecer. Há pouco tempo no Palmeiras tive que usar um zagueiro na lateral esquerda numa semifinal de Campeonato Paulista. Às vezes acontece, você é obrigado a passar por uma situação dessa. Eu ainda o conheço muito pouco, porque ainda não o vi jogar da maneira como gostaria de ver. Essa é uma oportunidade, por isso estou torcendo. É um jogador de muito talento, conteúdo e potencial. Ele precisa me surpreender agradavelmente.

Oswaldo de Oliveira se mostrou preocupado em dar atenção a todo o grupo e contou que gosta de se "surpreender agradavelmente" com jogadores nos clubes por onde passa.

- Não tem a menor dúvida. Eles sabem disso. Converso com eles e os estimulo o tempo todo. Sempre digo que adoro me surpreender agradavelmente, principalmente com jogadores jovens que ninguém conhece. Acho que a gente consegue detectar o talento e sentir que o jogador é promissor. Fiz isso muitas vezes ao longo da minha carreira. Gosto muito também de estimular jogadores que têm um decréscimo durante a temporada e que precisam se revigorar.

sexta-feira, 9 de outubro de 2015

Eduardo Bandeira de Mello diz que o Flamengo pode voltar ao ES, em 2016


Eduardo Bandeira de Mello, presidente do Flamengo, em coletiva no Espírito Santo (Foto: Richard Pinheiro/GloboEsporte.com)O Flamengo enfrenta a Desportiva Ferroviária, neste domingo, em um amistoso no Estádio Kleber Andrade, em Cariacica, no Espírito Santo. Além desta partida, o Rubro Negro pode retornar ao estado em 2016, segundo o presidente do clube, Eduardo Bandeira de Mello.

A utilização do Maracanã e do Engenhão para os jogos Olímpicos do Rio, ano que vem, e a proximidade do Rio de Janeiro com Vitória são as principais motivações. Nesse caso, o Kleber Andrade poderia receber jogos oficiais do rubro-negro, tanto no Rio-Sul-Minas quanto do Brasileirão 2016.

- O Espírito Santo é um Estado especialmente rubro-negro, todo mundo sabe disso, as estatísticas comprovam. Nós não podemos ficar longe dos nossos torcedores. O Flamengo ficou realmente muito tempo sem vir ao Espírito Santo e vamos começar a pagar essa dívida com esse primeiro amistoso. A ideia é trazer o Flamengo ano que vem em 2016 - disse Mello.

Em Vitória para compromissos comerciais, o dirigente também revelou que ainda não conhece as instalações do inacabado estádio, mas afirma que confia na organização para dizer que o Fla pode voltar ao Estado no ano que vem.

- Não vejo muito risco (de retornar em 2016). O que pode acontecer de ruim quando a gente vem jogar para a nossa torcida apaixonada como é a capixaba, e num estádio onde as informações que nós temos são de que está em plenas condições? Acho que tudo vai dar certo e será uma iniciativa bem sucedida em termos de segurança, termos técnicos e nós vamos ganhar o jogo também - declarou o presidente Rubro Negro.

 

CBF confirma aval à Liga Sul-Minas-Rio e não vê conflito com Estaduais


Secretário-geral da CBF, Walter Feldman (Foto: Felippe Costa)
A CBF confirmou que deu aval para que os organizadores da Liga Sul-Minas-Rio viabilizem a realização da competição em 2016. Segundo o secretário-geral da Confederação Brasileira de Futebol, Walter Feldman, a entidade vai realizar uma reunião técnica na próxima semana para definir detalhes sobre o torneio.

- Procede (que a CBF deu o aval). Vamos ter uma reunião técnica para ver todas questões que vão ser resolvidas. Tem todas as questões relacionadas a regulamento, arbitragem, competição, registro, porque no final é a CBF que toca a estrutura operacional. Se não há conflito com o calendário, aquilo que foi estabelecido, não tem problema - afirmou Feldman em entrevista ao SporTV.

O secretário-geral afirmou que a CBF recomendou que os dirigentes da Liga Sul-Minas-Rio procurem as federações para mostrar que "não haverá conflito" entre o novo torneio e os Estaduais.

- A recomendação nossa é que ele enfatize com todas as federações que não haverá conflito, como foi feito em relação à Liga do Nordeste - disse.

Após a reunião na sede da CBF no Rio, o executivo-chefe da Liga Sul-Minas-Rio, Alexandre Kalil, disse que a competição "foi abençoada pela CBF".

– É um dia histórico. Vi uma boa vontade muito grande da CBF. A competição é forte por si só, com mais da metade dos grandes clubes do Brasil. Não é uma liga regional. A união dos clubes foi espetacular. Sem ela a Liga não sairia – disse Kalil.

A Liga Sul-Minas-Rio é composta por 15 clubes. Treze considerados fundadores: Flamengo, Fluminense, Inter, Grêmio, Atlético-MG, Cruzeiro, Coritiba, Atlético-PR, Joinville, Chapecoense, Criciúma, Avaí e Figueirense. E mais América-MG e Paraná, que também ingressaram no grupo.

A tendência é que 12 clubes participem da primeira edição, com início marcado para fevereiro do ano que vem e a final em 30 de março. Segundo Kalil, os critérios que definirão os times que vão jogar, bem como o regulamento (arbitragem, acesso e descenso), serão decididos na próxima quinta-feira, durante reunião entre representantes dos clubes participantes, e serão baseados em ranking da CBF.

Wallace treina na equipe reserva, e César Martins é mantido entre titulares


O zagueiro Wallace se recuperou totalmente do estiramento na coxa esquerda após quase um mês e voltou a treinar com o grupo na quinta. Mas ele deve ter vida dura para retomar a posição de titular na equipe. Em coletivo comandado por Oswaldo de Oliveira na manhã desta sexta-feira no Ninho do Urubu, o camisa 14 trabalhou no time reserva, e César Martins, que o substituiu durante o período de ausência, foi mantido entre os titulares.

Oswaldo concedeu entrevista coletiva no CT logo após o treinamento e negou que Wallace tenha sido barrado. Ele preferiu fazer mistério, dizendo que a zaga ainda está não definida. O próximo compromisso é o amistoso com a Desportiva-ES no domingo, às 16h, em Cariacica-ES.

- Não. Estou observando os dois. O César Martins jogou muito bem. O Wallace tem treinado muito bem. Vou continuar observando - resumiu o treinador.

Wallace treinou com o colete do time reserva nesta sexta (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo) 
Wallace treinou com o colete do time reserva nesta sexta (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)
 
A equipe titular treinou com Paulo Victor, Ayrton, César Martins, Samir e Jajá; Márcio Araújo, Canteros e Alan Patrick; Paulinho, Emerson Sheik e Kayke. Os reservas trabalharam com César, Luiz Antonio, Marcelo, Wallace e Rafael Dumas; Jonas, Jorge e Almir; Gabriel, Marcelo Cirino e Douglas Baggio. Vale lembrar que Guerrero está com a seleção peruana.

Baggio faz belo gol em PV; Paulinho perde na cara da meta
 
Jorge ficou no time reserva por estar suspenso para o próximo jogo oficial do Flamengo, contra o Figueirense, na próxima quarta em Florianópolis, pelo Campeonato Brasileiro. E atuou improvisado no meio-campo por conta do alto número de zagueiros. Um deles, Dumas, ficou mais pelo lado esquerdo. Everton, provável substituto de Jorge, não treinou, ficou na fisioterapia e é dúvida para o amistoso no Espírito Santo. Pará, em fase final de recuperação, fez trabalho físico intenso junto de alguns juniores no campo anexo. E Ederson, ainda com dores no joelho direito, mais uma vez ficou na fisioterapia/academia.

Um dos principais momentos do treino teve um belo gol do garoto Douglas Baggio. Ele recebeu na área, fingiu o chute e deixou Paulo Victor caído. Na sequência, tocou alto na bola e marcou para os reservas. Paulinho, por sua vez, perdeu gol feito. De frente para a baliza, pegou rebote de César e mandou para fora. Em outro momento, César Martins fez bom desarme, mas errou lançamento para o ataque e levou chamada de Alan Patrick: "Calma, César!".

Oswaldo quer renovação de Sheik: "Um dos melhores jogadores do Brasil"


Oswaldo concedeu entrevista nesta sexta-feira, no Ninho (Foto: Ivan Raupp/GloboEsporte.com)Terminado o treino desta sexta-feira, Oswaldo de Oliveira concedeu coletiva no Ninho do Urubu. O tema principal foi a possível permanência de Emerson Sheik. Com contrato até dezembro, o atacante é alvo do futebol chinês. Mas, caso o desejo do treinador seja determinante, Sheik seguirá na Gávea.

- Muito importante a permanência dele. Jogador que, na minha opinião, é um dos melhores que estão atuando no futebol brasileiro. Se depender do meu aval, que permaneça - afirmou.

Em relação à semana cheia de treinos, Oswaldo mostrou-se muito satisfeito. Segundo ele, o espaço foi proveitoso tanto para descansar os atletas quanto para conhecê-los, já que está no clube há pouco mais de um mês.

- Muito bom, primeiro para dar uma quebrada no ritmo intenso. O time vem jogando varias consecutivas, e a gnt tem a oportunidade de conhecer melhor os jogadores, vê-los em atividades diferentes. É importante ter esse contato e conhecimento. É bom também para a aplicação de mais alguma coisas que a gente pretende incluir na preparação da equipe.

Sobre o amistoso de domingo, contra a Desportiva, às 16h, no Espírito Santo, Oswaldo adiantou que levará todos seus titulares. Também afirmou que fará 11 substituições, máximo permitido para o jogo em questão.


Kalil diz que tem aprovação da CBF para a Sul-Minas-Rio: "Dia histórico", fim do vasco, Botafogo e F E R J.


Daniel Nepomuceno e Alexandre Kalil visitam José Maria Marin e Marco Polo Del Nero na CBF (Foto: CBF)
"A Liga está abençoada pela CBF." Foi assim que Alexandre Kalil, executivo-chefe da Liga Sul-Minas-Rio, resumiu a reunião que teve na manhã desta sexta-feira com o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Marco Polo Del Nero, na sede da entidade, no Rio de Janeiro. O rápido encontro teve como objetivo receber o aval para que a nova competição seja realizada a partir do ano que vem – antes, a CBF havia pedido prazo para responder.

– É um dia histórico. Vi uma boa vontade muito grande da CBF. A competição é forte por si só, com mais da metade dos grandes clubes do Brasil. Não é uma liga regional. A união dos clubes foi espetacular. Sem ela a Liga não sairia – disse Kalil.

A Liga Sul-Minas-Rio é composta por 15 clubes, mas apenas 12 participarão da primeira edição, com início marcado para fevereiro do ano que vem – a decisão também já tem data: 30 de março. Segundo o executivo, os critérios que definirão os times que vão ficar fora, bem como o regulamento (arbitragem, acesso e descenso), serão decididos na próxima quinta-feira, durante reunião entre representantes dos clubes participantes, e serão baseados em ranking da CBF.

O calendário já está fechado e foi entregue nesta sexta-feira à CBF durante a reunião, que contou com a participação do secretário-geral Walter Feldman – a entidade ainda não se pronunciou oficialmente.

– Estamos apertados para fazer tudo isso. Estamos em outubro, e a competição vai começar no fim de fevereiro. Temos até janeiro para fechar tudo. O Marco Polo achou que foi um progresso, e estamos no caminho certo. Agora, temos que vender essa competição. Estou vendendo desde que ela foi criada – disse Kalil, revelando ter sido procurado por quatro emissoras de TV interessadas na transmissão da competição. As conversas, segundo o próprio, começam já nesta sexta.

A Liga Sul-Minas-Rio conta com 15 clubes: América-MG, Avaí, Atlético-MG, Atlético-PR, Chapecoense, Coritiba, Criciúma, Cruzeiro, Figueirense, Fluminense, Flamengo, Internacional, Joinville, Grêmio e Paraná. A princípio, a primeira edição contaria apenas com 10 participantes – Paraná e América-MG, que se filiaram por último, se juntariam a Chapecoense, Criciúma e Joinville no grupo que ficaria fora em 2016.


Everton sente dores na coxa esquerda e vira dúvida para o jogo de domingo

Everton fez cara feia ao ser perguntado do horário das 11 da manhã (Foto: Gilvan de Souza/Fla Imagem)

O meia Everton passou a ser dúvida para o amistoso entre Flamengo e Desportiva, que será realizado no próximo domingo, no Estádio Kleber Andrade, em Cariacica (ES), às 16h (de Brasília). Com dores na parte anterior da coxa esquerda, o atleta foi poupado do treinamento desta sexta-feira, no Ninho do Urubu.
 
É bom destacar que Everton já havia deixado o treino de quinta-feira antes dos demais companheiros.

O Flamengo volta a jogar pelo Brasileiro na próxima quarta-feira, em Florianópolis, onde encara o Figueirense. O Rubro-Negro é o sétimo colocado, com 44 pontos.

Domingo tem Mengão na TV


Amistoso   
                               
 
16h Flamengo x Desportiva Ferroviária


Transmissão: SporTV (com Antero Neto e Carlos Eduardo Lino)

São José líder: veja análise do 1º turno do Brasileiro Feminino


Chegou ao fim o primeiro turno da segunda fase do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino 2015. O Flamengo está na lanterna do Grupo 6, com três pontos. O Rio Preto é o líder, com cinco, seguido de Tiradentes-PI e América-MG, com quatro. O Fla tropeçou na terceira rodada ao perder para o Tiradentes-PI por 3 a 1, jogando no Estádio da Gávea. A situação do Rubro-Negro não é para desespero, não. Mas o time precisa dar o troco no Tiradentes-PI neste domingo, 11, às 17h00, em Teresina, no Piauí. Se vencer, chega aos seis pontos e fica na torcida por uma vitória do líder Rio Preto contra o América-MG. Lembrando que os dois primeiros colocados, após as seis rodadas, avançam para a semifinal.

No Grupo 5, o São José é o líder. O time tem 100% de aproveitamento. Conseguiu vencer o Santos fora de casa por 1 a 0. Agora volta a enfrentar o Peixe, mas em São José dos Campos, neste sábado, 10, às 16h00, com entrada de graça no Martins Pereira. As Sereias da Vila estão com três pontos na classificação, em terceiro lugar. O Centro Olímpico, em segundo, tem seis. O Botafogo-PB ainda não pontuou nessa fase decisiva. Estaremos aqui sempre de olho nas últimas notícias do Brasileirão de futebol feminino. Fique ligado!



Personalidade de Jorge impressiona Júnior, que pede integração com base



Em tempos de crise econômica, nada melhor do que recorrer à base para superar a falta de opções viáveis financeiramente no mercado. E para o time que tem como lema "craque o Flamengo faz em casa", essa alternativa deve ser sempre uma busca constante. No entanto, no time titular rubro-negro atual, apenas o goleiro Paulo Victor, o zagueiro Samir e o lateral-esquerdo Jorge são absolutos em suas posições e oriundos das categorias de base do clube. 

De acordo com o comentarista Júnior, a maturidade que o jovem lateral de apenas 19 anos apresenta durante as partidas no Campeonato Brasileiro é impressionante. Para o ex-jogador, profundo conhecedor da posição, a entrada de Jorge no time do Flamengo encerrou uma busca de longo tempo. 

Jorge, Flamengo x Bangu (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)- O que mais me impressiona no Jorge é a personalidade que demonstra. Para ele, está jogando nos profissionais como jogava nos juniores, como na seleção sub-20, a mesma coisa. Ele faz as mesmas jogadas, é um cara que conhece a posição. Falo sempre que o jogador quando faz a cobertura em diagonal, nas costas, no quarto zagueiro, é porque o cara conhece a posição. Quem está improvisado, nunca jogou ali, fica esperando para ver o que vai acontecer. O Jorge faz essa cobertura com precisão - comentou o Maestro, no Seleção SporTV.

Também presente no programa, Milton Leite questionou a demora da comissão técnica do Flamengo em fazer a transição de Jorge da equipe sub-20 para o time profissional. Para o narrador, é difícil entender como o Flamengo perdeu tempo em experiências de risco na posição com Anderson Pico, Thallysson e até o colombiano Pablo Armero, quando havia a solução ideal na categoria de base. 

- O Flamengo trouxe o Armero porque acreditava que precisava de um lateral-esquerdo. Ninguém conhecia o Jorge? A minha questão é que o Jorge entrou, é titular absoluto e ninguém sabia do histórico dele na categoria de base? Não tem uma estrutura, um organograma, uma pessoa que passe a informação da base para o técnico dos profissionais? - questionou.

Formado nas categorias de base do Flamengo, Júnior concorda que parece não haver uma integração entre as comissões técnicas do profissional e time sub-20. Para o ex-jogador, a alegação de que há um "risco" em colocar um atleta tão novo não se sustenta, ainda mais levando-se em conta as contratações de qualidade duvidosa para a equipe.

- Pelo menos no caso do Jorge, não existe uma ligação muito forte entre a categoria de base e o futebol dos profissionais. A estreia do Jorge foi na despedida do Leonardo Moura, jogando 15, 20 minutos, e dava para ver no comportamento dele que tinha personalidade. E você não pode pegar um garoto e colocar nos profissionais para ser a solução. Tem que ser uma alternativa. Agora, se já testou tantos outros que não deram certo, por que não testar o garoto da base? Porque, nessa situação, você não está jogando o garoto na fogueira, mas sim, dando uma oportunidade a alguém que já fez alguma coisa nos juniores - concluiu.

 
 
 

Sheik e Flamengo têm interesse em renovar; alvo da China, atleta quer valorização


Uma das prioridades do Flamengo no planejamento para 2016 é a renovação de contrato com Emerson. O compromisso atual vai até 31 de dezembro, e tanto o clube quanto o jogador já manifestaram internamente interesse no prolongamento. O problema é que Sheik é alvo do interesse de clubes de fora, principalmente um time chinês - não revelado - que pretende fazer proposta no fim do ano. O atacante quer ficar, mas para isso espera uma valorização salarial no Rubro-Negro. As negociações entre as partes começarão em breve.

Emerson chegou ao Flamengo em junho com salário em torno de R$ 250 mil, metade do que ganhava no Corinthians. O atacante aceitou os valores porque entendeu que o clube da Gávea queria ver qual Sheik estava contratando. O desempenho em campo foi muito bom, assim como a dedicação e a postura nos treinamentos. Por isso, mesmo aos 37 anos, ele provou que ainda pode jogar em alto nível por mais algumas temporadas. Uma, ou quem sabe duas.

Emerson Sheik, Fluminense x Flamengo Maracanã Campeonato Brasileiro 2015 (Foto: LUCIANO BELFORD/FRAME/ESTADÃO CONTEÚDO) 
Sheik comemora um dos cinco gols que fez pelo Fla em 2015 (Foto: LUCIANO BELFORD/FRAME/ESTADÃO CONTEÚDO)
 
Feliz com o retorno que recebeu do jogador, o Flamengo quer contar com ele em 2016 e vai se empenhar na renovação. Com ou sem vaga na próxima Libertadores. Dentro de suas possibilidades, aceita negociar um aumento. Emerson, por sua vez, quer continuar jogando no seu time de coração e morando no Rio de Janeiro.

O que poderia pesar contra o Rubro-Negro seriam exatamente os prováveis altos valores que o time chinês ofereceria no fim do ano, por isso a valorização salarial do jogador no Ninho do Urubu será tão importante nas conversas sobre renovação. Esse time, por sinal, já havia procurado Sheik na época da saída do Corinthians. No entanto, ele e seu empresário, Reinaldo Pitta, já tinham acertado tudo verbalmente com o Flamengo e mantiveram a palavra. Os chineses não esqueceram o atacante e prometeram botar carga novamente para tentar levá-lo na reabertura da janela de transferências de lá, a partir do dia 1° de janeiro.

O GloboEsporte.com entrou em contato com Reinaldo Pitta, empresário de Emerson, e ouviu dele a confirmação de que o camisa 11 deseja permanecer no Fla.

- Posso te garantir que nossa intenção é ficar no Flamengo. Existe a possibilidade de ir para a China? Até pode existir. Mas não existe nada oficialmente definido. Pode surgir alguma coisa nos próximos meses, entre o fim de outubro e o início de novembro. Mas nossa prioridade é o Flamengo. Ele está feliz e muito bem no Flamengo - disse Pitta, por telefone.

A postura de Sheik nem sempre foi essa. Ciente do interesse chinês, ele chegou ao Flamengo meses atrás já cogitando nos bastidores a possibilidade de sair no fim do contrato e se mudar para a China. Mas ultimamente, de bem com a vida e constatando seu bom rendimento em campo, o papo interno no Ninho do Urubu tem tido outro tema: renovação com o clube. Assim espera a torcida rubro-negra, que está na torcida por um final feliz. A tendência é essa.

quinta-feira, 8 de outubro de 2015

Flamengo acerta amistoso de seus 120 anos contra o San Lorenzo, o time do Papa Francisco



O Flamengo já tem adversário para o amistoso em comemoração pelos seus 120 anos. No dia 15 de novembro, domingo, o Rubro-negro recebe o San Lorenzo, no Maracanã.

Para que o clube que tem o Papa Francisco como torcedor-símbolo venha ao Rio de Janeiro, o clube vai pagar uma cota fixa, despesas de hospedagem, 40 passagens aéreas e outras comodidades. O contrato ainda não foi assinado.

O clube tentou seduzir o River Plate, atual campeão da Libertadores, mas o adversário pediu muito dinheiro para fechar o acordo. Assim, o Flamengo partiu para as conversas com o San Lorenzo, que ganharam a penúltima principal competição de clubes da América do Sul.

O histórico deste confronto não traz boas lembranças para os rubro-negros. Na decisão da Copa Mercosul de 2001, os argentinos conquistaram a taça contra os cariocas. Após um empate sem gols no Maracanã, as equipes empataram em 1 a 1 no Nuevo Gasômetro. Nos pênaltis, os donos da casa levaram a melhor.

Flamengo Futebol Americano volta a campo pelo Torneio Touchdown




Foto: Jayson Braga
O Flamengo Futebol Americano (FFA) viaja neste final de semana para Jaraguá do Sul para enfrentar a equipe do Jaraguá Brakers, pelo campeonato nacional de Futebol Americano, o Torneio Touchdown. O confronto será no próximo sábado, às 14h, no Estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul.

O Mais Querido vem de uma vitória importante contra o Santos e precisa vencer o Jaraguá para seguir na luta por uma vaga nos playoffs. O head coach do Flamengo, Otavio Roichman, aposta no crescimento da equipe e no entrosamento dos norte-americanos Yolandus Pratt e KC Frost para volta ao Rio de Janeiro com um resultado positivo.

"Estamos treinando muito e a última partida foi uma prova da nossa evolução. Os nossos americanos estão totalmente entrosados e prontos para levar o Flamengo a mais uma vitória", declarou.
 

Jornal coloca Paolo Guerrero e Lucas Barrios na mira do Barcelona

Montagem - Guerrero x Barrios

Especulado na pré-lista da Bola de Ouro da Fifa, o atacante Paolo Guerrero, do Flamengo, despertou a atenção do Barcelona. Segundo o jornal "Sport", da Catalunha, o jogador rubro-negro está na lista de possíveis reforços do clube espanhol para 2016. Assim como outro atacante, Lucas Barrios, atualmente no Palmeiras. Os empresários dos dois jogadores teriam entrado em contato com a diretoria do Barcelona.
De acordo com informações publicadas pelo jornal, Robert Fernández, diretor esportivo do Barcelona, iniciou a busca no mercado por um novo centroavante, já que poderá voltar a contratar em janeiro, após o término da sanção imposta pela Fifa. A publicação também indica que o técnico Luis Enrique deseja um atacante experiente, mas que ainda jogue em alto nível.

Além de Guerrero e Barrios, o jornal citou também Álvaro Negredo (Valencia), Dirk Kuyt (Feyenoord), Jonathan Soriano (Red Bull Salzburg), Sergio García (Al Rayyan), Gomis (Swansea) e Defoe (Sunderland) como outros nomes na lista do Barcelona para 2016.

Vale destacar que a multa rescisória de Guerrero com o Flamengo é de cerca de R$ 70 milhões - contrato é válido até agosto de 2018. O LANCE! procurou a diretoria rubro-negra em busca de um posicionamento sobre o caso, que informou não ter sido procurado pelo Barcelona até o momento.

Jeep faz campanha para levar bandeira do Flamengo para fora do país


Presidente e VP de Futebol visitam Polo da Jeep (Foto: Divulgação/flamengo.com.br)

Patrocinadora do Flamengo, a Jeep está disposta a levar o nome do Rubro-Negro Brasil afora na promoção "Onde Estiver Estarei". Até o próximo dia 20, os rubro-negros podem entrar no site da montadora norte-americana e escolher entre China, Islândia, Egito ou Alaska, para a bandeira do Fla ser hasteada.

O vulcão Eyjafjallajökull será o local escolhido na Islândia, a Grande Muralha o destino na China, além do Deserto do Saara, no Egito, e a Península de Kenai, no Alaska. A divulgação do resultado acontecerá no dia 21 e a divulgação do vídeo com o local escolhido será feita no dia 11 de novembro.

Recentemente, a montadora realizou uma promoção onde sócios-torcedores foram sorteados e tiveram os nomes estampados nas camisas dos jogadores e puderam assistir ao jogo em um camarote no Maracanã.


Carolina Dieckman convoca torcida do Flamengo para confronto com o Magic


O confronto com o Orlando Magic, pela pré-temporada da NBA, a liga americana de basquete, vem sendo encarado com o Flamengo como a chance de conquistar uma vitória histórica. Por isso, vem convocando de todas as formas os torcedores para estarem presentes na Arena da Barra, no dia 17 de outubro.

Nesta quinta-feira, em sua conta oficial em uma rede social, o clube usou um vídeo feito pela atriz Carolina Dieckman para convocar os torcedores. Ela afirmou que já garantiu o seu ingresso para o jogo.

Carolina Dieckman em vídeo postado pelo Flamengo (Foto: Reprodução/Instagram) 
Carolina Dieckman em vídeo postado pelo Flamengo (Foto: Reprodução/Instagram)


- Fala galera, vamos mostrar que o nosso Mengão não é bom só no futebol, mas no basquete também. O NBA Global Games está chegando e eu já garanti o meu ingresso. Lá na Arena da Barra, no dia 17 de outubro, é Orlando Magic contra o Flamengo, só que agora é na nossa casa. Bora lá - disse.

O jogo faz parte do tour internacional feito pela NBA com jogos em vários países, como Itália, Espanha, China e Brasil. O time do Orlando Magic desembarca no Rio no dia 14. 



Com estiramento, Olivinha é dúvida no Flamengopara enfrentar o Orlando Magic


NBB - Flamengo x Macaé - Olivinha (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)Um dos jogadores mais identificados com a torcida do Flamengo virou dúvida para o confronto com o Orlando Magic, dia 17, pela pré-temporada da NBA, a liga americana de basquete. Com um estiramento de grau mais grave na coxa esquerda, Olivinha corre o risco de não participar da partida, que será realizada na Arena da Barra.

Olivinha sofreu o estiramento em um treinamento realizado na sexta-feira. O jogador iniciou o tratamento para um estiramento e fez exame de imagem na terça-feira para avaliar a gravidade da lesão, quando ficou constatado o seu quadro.

+Astro do Orlando convoca torcedores rivais do Flamengo para jogo no Rio


- Foi um estiramento até maior do que a gente imaginava inicialmente. Pelo menos até segunda vai ficar só tratando. Passou a ser dúvida para o jogo da NBA - disse médico Claudio Cardone, que trabalha com a equipe de basquete do clube.

Se a situação de Olivinha preocupa, a do armador Rafael Luz foi um alento. O jogador também estava com dores na coxa esquerda desde o jogo com o Macaé no dia 30 de setembro e havia uma suspeita de estiramento. No entanto, fez exame também na terça-feira e acabou sendo liberado.

- O Rafael teve apenas um edema no músculo. Ele já volta a treinar hoje (quinta-feira) e vai poder entrar em quadra domingo - explicou Cardone, referindo-se ao jogo contra o Macaé pelo Campeonato Estadual do Rio de Janeiro.

Olivinha e Rafael Luz não participaram dos dois amistosos com o Brasília, realizados no Ginásio Hélio Maurício, domingo e segunda-feira. O clube carioca, que contou com a estreia do americano Jason Robinson, perdeu o primeiro e venceu o segundo em preparação para o confronto com o Orlando Magic.

Gabriel se diz "na briga" por vaga e vibra com atuação: "Dei meu recado"


Foram praticamente dois meses sem entrar em campo entre o finzinho da passagem de Cristóvão Borges pelo Flamengo e o início do trabalho de Oswaldo de Oliveira no clube. Pois quando teve oportunidade, Gabriel aproveitou muito bem. O meia-atacante substituiu Paulinho no segundo tempo contra o Joinville, no último domingo, e precisou de um minuto para marcar o segundo gol da equipe e garantir a vitória por 2 a 0 pelo Campeonato Brasileiro.

- Voltar a jogar é sempre bom. Passei um bom tempo sem jogar, sem oportunidade. Tive lesão, uma torção de joelho (direito), depois voltei a ser opção, mas sem entrar. Graças a Deus entrei no último jogo e dei meu recado. Espero ter chance para ter uma sequência mais pra frente.

Gabriel domina a bola durante o treino desta quinta no Ninho do Urubu (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo) 
Gabriel domina a bola durante o treino desta quinta no Ninho do Urubu (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)
 
Gabriel ganhou confiança para tentar retomar o posto de titular, que ocupou durante toda a passagem de Vanderlei Luxemburgo pelo Rubro-Negro e parte do período em que Cristóvão foi o treinador. Ele sabe que a concorrência é forte nas pontas: Emerson Sheik, Paulinho, Everton, Marcelo Cirino, Ederson...

- Melhor, a concentração também é maior. Você tem concorrentes de alto nível. Consequentemente você vai fazer melhor. Eu me considero na briga - afirmou.

O meia-atacante deve ter nova oportunidade de atuar neste domingo, no amistoso com a Desportiva em Cariacica-ES, às 16h, em que serão permitidas 11 substituições. Ele se mostrou aliviado com o fim do jejum de jogos, que não pretende repetir nunca mais.

- Foi a primeira vez, principalmente aqui no Flamengo. Eu não passava três ou quatro jogos sem pelo menos entrar. Dessa vez foi uma fase ruim para mim, de não estar entrando e podendo ajudar. Mas acho que treinando forte você ajuda seus companheiros de qualquer forma. Mas nunca tive uma fase dessa não. E espero não ter nunca mais.

Em defesa de Guerrero
 
Na coletiva de imprensa que concedeu nesta quinta-feira no Ninho do Urubu, Gabriel foi questionado ainda sobre Guerrero. O peruano, que está com sua seleção nas Eliminatórias neste momento, marcou apenas um gol nos últimos 10 jogos pelo Flamengo, mas, segundo o companheiro baiano, contribuiu bastante com o time de outras maneiras. 

- Para ele, que é artilheiro, é difícil não fazer gol. Mas está ajudando bastante. Apanha, briga o jogo todo. Segura a bola na frente para a equipe chegar. Isso é muito difícil no futebol de hoje, porque a bola bate e volta. Ele segura a bola na frente, deixa nosso time descansar para chegar bem no ataque. Mesmo sem os gols, tem ajudado muito. Com os gols, vai ser melhor ainda.


Wallace volta a treinar com o grupo e fica à disposição de Oswaldo no Flamengo


Oswaldo de Oliveira ganhou um reforço na manhã desta quinta-feira. Totalmente recuperado de um estiramento na coxa esquerda, o zagueiro Wallace treinou pela primeira vez com o grupo desde que sofreu a lesão e voltou a ficar à disposição do técnico. Ele, que não joga desde a vitória por 2 a 0 sobre o Cruzeiro, há quase um mês - ou cinco partidas -, trabalhou normalmente nas atividades com bola e não mostrou qualquer limitação física.

Pará, que se recupera de torção do joelho e do tornozelo direitos, fez trabalho com bola à parte do grupo, enquanto Ederson, que levou recentemente uma pancada no joelho direito, mais uma vez ficou apenas na academia. O Flamengo espera que a dupla também volte a treinar normalmente com os demais companheiros ainda no decorrer desta semana.

Wallace passa por Marcelo Cirino no treino do Flamengo (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo) 
Wallace passa por Marcelo Cirino no treino do Flamengo (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)
Treino da tarde desta quinta cancelado
 

Treino da tarde desta quinta cancelado
 
Oswaldo comandou um treino técnico no Ninho do Urubu, com quatro balizas numa espécie de quadrado, uma em cada canto. Eram dois times, cada um podendo atacar em duas balizas. Os jogadores foram bastante exigidos fisicamente e deixaram a atividade bem cansados. Tanto que a comissão técnica optou por cancelar o treino que estava previsto para a parte da tarde, às 15h30, também no Ninho - a quinta-feira seria de trabalho integral. O elenco se reapresentará na manhã de sexta, às 9h30.

Com a volta de Wallace, a tendência é que o zagueiro e capitão retome sua vaga de titular no amistoso deste domingo com a Desportiva, em Cariacica, no Espírito Santo. O duelo será realizado às 16h. César Martins, portanto, deve voltar ao banco de reservas, com Samir fazendo dupla de zaga com o camisa 14.


Perto do jogo 100, Márcio Araújo se vê fazendo 200, 300: "Sempre foi assim"


Márcio Araújo - Flamengo (Foto: Fred Gomes)Márcio Araújo chegou ao Flamengo cercado de desconfiança. Foi contratado em fevereiro do ano passado, pouco depois de a direção desistir de Elias, que se tornara o principal jogador rubro-negro em 2013, quando, por empréstimo, atuou pelo clube. Márcio não mostrou estilo de jogar semelhante ao de Elias nem tampouco virou ídolo dos flamenguistas. Mas ganhou espaço. Primeiro porque, em dois meses de Gávea, fez gol em final contra o vasco que garantiu o 33º título Carioca ao Rubro-Negro. Além disso, tornou-se titular absoluto e conquistou o respeito da torcida. 

Atleta que mais entrou em campo pelo Flamengo na atual temporada (52 vezes), o maranhense de 31 anos viverá um domingo especial, contra a Desportiva, em Cariacica (ES). Lá, fará seu 100º jogo vestindo as cores que o acompanham desde pequeno. E vai além: pautado em suas passagens por Atlético-MG (224 partidas) e Palmeiras (252), acredita numa longa trajetória no Ninho do Urubu. Questionado se pensa em duplicar ou triplicar o número, não titubeou.

Márcio Araújo tem 99 jogos e três gols pelo Flamengo. Um deles deu ao clube seu último título, o Carioca em cima do vasco sanitário do ano passado

- Para mim, praticamente foi sempre assim. No Flamengo foi algo novo por ter feito contrato de um ano só (em 2014) e depois ter renovado. Por Palmeiras e Atlético sempre fiz de quatro (anos) para cima. Hoje em dia, mais experiente, a gente vive o dia a dia, não dá para pensar daqui dois ou três anos. Tenho que pensar nos próximos dois ou três meses, esperar até o ano que vem. Se puder permanecer, vou ficar muito feliz - torce o camisa 8 do Flamengo, cujo contrato com o clube se encerra em dezembro.

Márcio Araújo gol Flamengo jogo Vasco (Foto: Gilvan de Souza / FlaImagem) 
Márcio Araújo comemora gol do título Carioca em cima do Vasco em 2014 (Foto: Gilvan de Souza / FlaImagem)
 
A marca de 100 jogos será alcançada em um amistoso, mas o fato de o confronto com a Desportiva não valer três pontos é incapaz de tirar o peso da conquista, garante Márcio.

- Vestir a camisa do Flamengo é muito especial. Para quem um dia sonhou ser atleta e viu o sonho de jogar num grande time distante, fazer o 100º jogo num amistoso ou não para mim vai ter o mesmo gostinho. Para qualquer jogador é muito importante fazer 100 jogos, mas só o fato de fazer parte do clube já é importante demais. Fico feliz pela regularidade que tenho tido e por aproveitar as chances que as pessoas têm me dado.
Irmão do vascaíno Paulinho, Márcio Araújo escolheu o Flamengo para chamar de seu por identificação e pelos muitos jogos do Rubro-Negro que eram transmitidos em São Luís, capital maranhense. A lembrança mais especial dele é compartilhada por flamenguistas da mesma geração: o gol de Pet que deu ao Fla o quatro tricampeonato de sua história, em 2001.

- Aquela final contra o Vasco, do gol do Pet nos últimos minutos. Tinha até já saído de casa, porque estava perdendo, e meu irmão me zoando. Acabei saindo de casa. Quando ouvi o grito, corri pra casa do vizinho pra dar uma olhada, vi que era gol do Flamengo e fiquei muito feliz. Meu irmão me atentava demais (risos), me zoava demais. Marcou muito não só porque foi bonita demais a cobrança de falta do Pet, mas por esse lance de ser zoado. Eu, por ser irmão mais novo, não aguentava muito a zoação e acabava apelando. Aí ouvi o grito, dei uma olhada na casa do vizinho e vi que era o gol - recorda.

Confira outros temas abordados por Márcio:
 
Todo mundo sabe, mas não custa perguntar: qual seu jogo mais especial pelo Flamengo? E qual o mais difícil de engolir?
O mais difícil foi a eliminação esse ano no Carioca (para o Vasco), em que a gente acabou tendo vacilo numa única jogada, e eles acabaram fazendo o gol. E o melhor foi a final do Carioca (de 2014) pelas circunstâncias, não só por ter feito o gol, mas por ter conquistado o título.  
 

Sua saída do Palmeiras foi pontuada por muita chateação por parte de torcedores. Alguns chegaram a fazer site com contagem regressiva pela sua saída. Isso mudou no Fla?
Chateação até certo ponto. Os caras botam o que querem. Ninguém que me apoiava fez nada. E se fizesse não teria valor algum. Infelizmente aqui no Brasil a notícia ruim vende muito mais. Isso que fizeram não vai apagar o que eu fiz pelo Palmeiras, a titularidade que mantive nos anos que passei. Acho que só aconteceu aquilo também porque eu não quis renovar, o Palmeiras queria que eu renovasse. Acabei optando por jogar em outro clube e viver outros ares. Isso é parte do passado e aquilo não influenciaria na minha vida. Aqui no Flamengo, não. Totalmente diferente. Sou muito feliz aqui, claro que existe contestação, como existiu em toda a minha carreira, mas isso não me atrapalha em nada.

O Flamengo é diferente?
Joguei por Atlético e Palmeiras, mas a dimensão do Flamengo é muito maior. Pessoas que não via há muito tempo se reconectaram, me ligaram e me deram parabéns pela minha vinda. Todo mundo ficou feliz, porque sabia que eu torcia pelo Flamengo.



Três patrocinadores não garantem renovação, e Flamengo prevê ano desafiador

INFO Valor dos patrocinios do FLAMENGO 2 (Foto: infoesporte)O destino de receitas que geram atualmente R$ 27 milhões ao Flamengo é incerto para 2016. Três dos quatro patrocinadores que possuem contrato perto do fim não garantiram extensão do vínculo com o Rubro-Negro. Procurados pelo GloboEsporte.com, Vitton 44, Jeep e Tim, embora elogiem a parceria, admitiram que ainda não definiram a estratégia para o próximo ano.

Dentre os investidores que ainda não definiram a renovação, o caso mais delicado é o da Vitton 44. A empresa tem contrato com o Flamengo até o fim do ano que soma R$ 20 milhões, terceira maior verba de patrocínio do clube. O presidente do grupo, Neville Proa, classificou a chance de extensão do vínculo como sendo "muito difícil". O empresário inclusive admite dificuldades na realização dos pagamentos das cotas mensais do compromisso em vigor.

- Muito difícil (renovar). Infelizmente, é uma realidade. Eu coloco uma parte muito grande do nosso recebimento (em patrocínios), mas não tenho em troca. Estou com muitas dificuldades. Parcelando tudo. Formalizei minha imagem como bom pagador. Preferi pagar parcelado, ao invés de ficar pagando mês a mês. Estou reavaliando tudo. A situação do país está caótica - disse o presidente da Vitton 44, que também tem parcerias com o Fluminense e com o Maracanã.

Com um contrato de R$ 2,5 milhões, a Tim informou que a estratégia para o próximo ano ainda está sob avaliação. Investidor do Flamengo desde 2011, a empresa de telefonia tem compromisso até março do próximo ano. O vínculo é atualmente o segundo mais longo do clube - a Adidas tem contrato até 2023. Fernanda Cozac, gerente de comunicação institucional da Tim, elogiou a parceria, mas preferiu não fazer nenhum prognóstico.

- O resultado tem sido excelente, com títulos para o clube e muito engajamento dos torcedores com os produtos e serviços que lançamos ao longo desses anos. A estratégia de patrocínio para 2016 está em definição - disse Fernanda Cozac.

A parceria mais recente do Flamengo é com a Jeep. Costurado em abril deste ano, o contrato tem duração de oito meses e valor de R$ 4,5 milhões, o segundo menor entre os patrocinadores que estampam marca na camisa do Flamengo. O vínculo termina em dezembro. Por e-mail, a assessoria de imprensa da empresa informou que a definição sobre uma possível renovação será feita em momento oportuno.

- Ainda não há uma definição sobre a continuidade da parceria atual, que vai até o final deste ano. Analisaremos isso no momento mais adequado - diz um trecho da nota.

Patrocinadora master do Flamengo, a Caixa Econômica Federal foi a única empresa que não respondeu aos questionamentos. A empresa tem contrato com o Rubro-Negro até o fim do ano - houve uma renovação feita em maio. Em valores anuais, a parceria com o banco estatal rende aos cofres do clube R$ 28 milhões.

O período eleitoral do Flamengo é mais um ingrediente no cenário já desenhado como instável. Na primeira quinzena de dezembro, o clube decide quem será o presidente pelos próximos três anos. Porém, dois investidores tem contrato com prazo de validade justamente para o mês do pleito - casos de Jeep e Caixa Econômica Fedral. Nenhum patrocinador quis comentar sobre uma hipotética interferência do período eleitoral na demora da definição de extensão de vínculo.

Fla mantém otimismo para ano considerado "desafiador"

Claudio Pracownik, vice do Flamengo (Foto: Divulgação)Vice-presidente de finanças do Flamengo, Cláudio Pracownik preferiu adotar um tom otimista ao avaliar a situação dos investidores do clube para o próximo ano. O dirigente lembra que nenhum patrocinador jogou a toalha até o momento e que existem outras empresas interessadas em negócios futuros.

- Estamos conversando com todos eles. Não tivemos ainda nenhuma comunicação de desistência. Todos estão satisfeitos e reconhecem a importância da parceria com o clube. Também há, por parte do Flamengo, o reconhecimento destes parceiros. Não há pessimismo. Estamos negociando. Inclusive, tivemos outras sondagens. Mas é claro que daremos absoluta prioridade para os parceiros atuais do Flamengo - afirmou.

O caso da Caixa Econômica Federal é tratado com cautela pela diretoria do Flamengo. O governo federal tem promovido corte de gastos e também não há uma definição de extensão.

- A Caixa (Econômica Federal) encontra-se na mesma situação. Por ser um valor maior, estamos tratando com o maior cuidado neste momento. O cenário para o próximo ano é desafiador. Nenhum deles vão abrir mão de mídia ou publicidade. Temos desafios, mas estamos otimistas - finalizou Pracownik.



Por R$ 350 mil, Flamengo cumpre acordo e leva titulares para amistoso, mas Oswaldo de Oliveira fará testes

 
Oswaldo fará teste com o Flamengo no amistoso contra a Deportiva Ferroviária Flamengo vai mandar a campo o que tiver de melhor no domingo, no amistoso contra o Deportiva-ES, mas vai tirar de ação seus principais atletas assim que possível. Apesar de o contrato da partida prever a escalação de titulares, a comissão técnica fará testes e não deixará em campo por noventa minutos jogadores importantes. Serão permitidas onze substituições.

— Deverão ir todos que estiverem aptos — atestou o diretor de futebol Rodrigo Caetano.

 A reapresentação de hoje já vai deixar indicado quem deve participar do jogo festivo, vendido pelo clube por uma cota que inclui voo fretado para preservar o grupo. O bate e volta será para quem estiver apto, e nessa lista inclui-se jogadores voltando de lesão que podem reaparecer por alguns minutos, caso do zagueiro Wallace, do lateral direito Pará e do meia Ederson. A única ausência certa é da estrela principal, Paolo Guerrero, com a seleção peruana nas Eliminatórias.

Os demais “titulares” vão para o jogo. Emerson Sheik, que cumpriu suspensão contra o Joinville no último domingo, precisa readquirir ritmo de jogo depois de se curar de uma lesão muscular. Kayke deve substituir Guerrero com o mesmo propópsito, voltar ao ritmo de atuação. Alan Patrick, hoje organizador do meio-campo, também tem vaga certa.

Na defesa, além de Paulo Victor, que também ficou fora da última partida pelo terceiro cartão amarelo, Jorge deve reaparecer e começar o jogo, já que diante do Figueirense, na próxima quarta-feira, ele estará suspenso. O lateral-direiro Pará pode voltar de contusão e brigar pela vaga com Ayrton, que entrou bem e agradou o técnico Oswaldo de Oliveira.

O comandante vai observar ainda outros atletas em franca evolução, como Gabriel e Paulinho. E levar para a viagem algumas apostas, entre elas Jajá e outros garotos revelados no clube.

Além de ajudar a diretoria a levantar recursos para deixar os salários em dia, o amistoso, que renderá aos cofres do clube R$ 350 mil, servirá de treinamento para a reta final do Campeonato Brasileiro.

Futebol feminino: Flamengo perde mais uma no Campeonato Brasileiro



Flamengo feminino (Foto: Divulgação)Depois da vitória contra o América-MG, as meninas do Flamengo não conseguiram superar o Tiradentes-PI, nesta quarta-feira, na Gávea, pelo Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino. A derrota por 3 a 1 deixou as rubro-negras cariocas em terceiro lugar do Grupo 6, na segunda fase da competição.

O gol do time do Flamengo foi marcado por Larissa. O próximo adversário da equipe de futebol feminino do Rubro-Negro será de novo o clube piauiense, domingo, em Teresina.

quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Após gol parecido com o de Pet, Ayrton vislumbra dar título ao Flamengo


Ayrton Flamengo coletiva (Foto: Fred Gomes)
Ayrton foi o escolhido pelo Flamengo para falar nesta quarta-feira, no Ninho do Urubu. O lateral-direito repetiu muito o verbo "focar" ao abordar a semana de treinos sem jogos oficiais antes da partida do próximo dia 14, contra o Figueirense, em Florianópolis. Proveitosas mesmo foram as declarações referentes ao gol marcado no último domingo, contra o Joinville. Perguntado se o lance lembrou o que deu o quatro tricampeonato carioca ao clube, assinado por Petkovic, em 2001, apontou semelhanças e revelou o desejo de também garantir um caneco ao Rubro-Negro. 

- Tenho treinado bastante para isso. O gol do Pet tem muito mais peso, foi numa decisão e deu título. Foi parecido, mas quem sabe não eu possa dar um título com um golzinho de falta?

Embora o Flamengo tenha amistoso marcado para o próximo domingo, contra a Desportiva, em Cariacica (ES), o jogador não esconde que os treinos da semana estão todos voltados para o duelo com o Figueira. 

- O professor Oswaldo está passando que temos uma parada boa de 10 dias. Vamos trabalhar bastante, ver o que o professor pede e focar no Figueirense, que é nosso objetivo maior. Sabemos das dificuldades de jogar lá, mas temos de buscar a vitória para voltar o mais rapidamente ao G-4 - afirmou.

Perguntado se uma possível sequência de jogos possa ajudá-lo a vencer Pará na concorrência por uma vaga na lateral direita, desconversou. A respeito do relacionamento com o "rival" por posição, disse ter um convívio muito amistoso.

- Quando trabalhamos no dia a dia, todos querem ser titulares. Quem não quer vestir esse manto sagrado? Independentemente de quem vai jogar, o professor sabe quem está melhor. Minha convivência com o Pará é igual a que tenho com todos. Trato todo mundo igual. Nossa amizade é normal. Todo dia estamos juntos, estamos mais aqui do que em casa. Independentemente de quem jogar, a gente procura dar a melhor ajuda para a equipe - concluiu.

Pará em campo com os companheiros é a novidade do segundo treino do Flamengo


Pará - Flamengo - treino Ninho do Urubu (Foto: Fred Gomes)
O segundo trabalho da quarta-feira rubro-negra foi comandado pelo preparador físico Ricardo Henriques. Submeteu os jogadores a um treino funcional, cujo principal objetivo é preveni-los contra eventuais lesões. O programa passado por Henriques contou com 11 estações. O lateral-direito Pará foi a surpresa da atividade. Participou bem e fez o ciclo de exercícios sem apresentar desconforto.

Pará, que torceu o tornozelo e o joelho direito durante derrota para o Vasco (1x2), no último dia 27, já havia corrido no campo na semana passada, mas não ainda tinha trabalhado ao lado dos companheiros.

No treino da manhã desta quarta-feira, Oswaldo dividiu o elenco em três grupos. Alguns juniores reforçaram a atividade, que não foi muito reveladora em termos de escalação para as partidas contra Desportiva (domingo, amistoso) e Figueirense (próximo dia 14, em Florianópolis).

O zagueiro Wallace, em recuperação de problema na coxa esquerda, também foi a campo.

Os goleiros trabalharam separadamente, no campo 2 do Ninho do Urubu.

Do elenco principal, Ederson, Armero e Nixon não participaram do treino funcional. Guerrero está com a seleção peruana.

Após dois dias de folga, Oswaldo abre semana com longo treino no Ninho


Treino Flamengo Ninho do Urubu (Foto: Fred Gomes)
A vitória por 2 a 0 sobre o Joinville rendeu ao elenco rubro-negro dois de folga - a de segunda-feira já estava prevista. Nesta quarta, porém, Oswaldo de Oliveira resolveu tirar o couro de seus atletas e comandou treinamento cuja duração foi de aproximadamente duas horas e meia. Em relação a escalação de time para os jogos contra o Desportiva (amistoso, no domingo) e Figueirense (válido pela 30ª rodada do Brasileiro, na próxima quarta), as atividades, realizadas debaixo de muito sol, foram poucos reveladoras.

O lateral-direito Ayrton, que concedeu entrevista nesta quarta, não considerou tão longo o treino.

- Hoje (quarta-feira) tem dois períodos, e vamos treinar integralmente. Mas, com essa parada, o trabalho é assim: não tão longo, mas intenso, assim como nos jogos. Temos que nos preparar da melhor maneira para chegar bem às partidas.

Oswaldo dividiu o grupo em três. Um treinava passes rápidos e desarmes em uma roda de bobinho, e outros dois trabalhavam em campo reduzido com duas balizas. 

O curto espaço entre uma trave e outra possibilitava a marcação de muitos gols. Sheik e Marcelo fizeram alguns belíssimos. Durante esse tipo de treino, Oswaldo de Oliveira procurou dar muita força a Marcelo Cirino, que vem sendo muito cobrado pela torcida.

O Flamengo é sétimo colocado no Campeonato Brasileiro, com 44 pontos. Pela competição, o time volta a campo no próxima quarta-feira, às 21h, no Orlando Scarpelli, contra o Figueirense.