Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

sábado, 19 de novembro de 2016

Flamengo evita falar em saída de Jorge, mas vê desequilíbrio na balança da Gávea


Jorge Botafogo x Flamengo (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)
Planejando gastar menos e com previsão de leve aumento de receitas ordinárias para o ano que vem, o Flamengo não foge da regra do mercado de grandes clubes brasileiros. Comprar é bom, mas vender é necessário. Até para fazer a roda girar. O lateral-esquerdo Jorge, de 20 anos, titular absoluto do Flamengo, hoje é o principal ativo rubro-negro. No meio do ano, o recado da diretoria era que nem queria ouvir propostas ou sondagens. Embora não se admita abertamente, a expectativa é de que se chegar oferta no valor desejado pelo Flamengo – o mercado sinaliza valores de € 8 milhões (R$ 28 milhões) a € 10 milhões (R$ 35 milhões) – a venda de uma das maiores revelações do clube nos últimos anos será opção.

A partir de dezembro o Flamengo se diz disposto a ouvir propostas oficiais por Jorge, que tem contrato até dezembro de 2019 e multa rescisória de € 30 milhões (cerca de R$ 105 milhões). As ofertas concretas ainda não chegaram, mas há clubes europeus fazendo consultas informais. Depois do fechamento da janela europeia de transferências, em agosto, o Manchester City foi um dos que procuraram saber a situação do lateral-esquerdo.

Há quase 10 anos o Flamengo não faz uma venda considerada expressiva de uma prata da casa. Em 2008, Renato Augusto foi para o Bayer Leverkusen, da Alemanha, por € 8 milhões. Em 2014, a ida de Caio Rangel para o Cagliari, da Itália, rendeu ao clube R$ 2,7 milhões. Em dezembro do ano passado, foi a vez de Samir ser transferido para a Udinese, e a fatia do Rubro-Negro foi de R$ 8 milhões.

"Não estamos contando com venda de nenhuma das nossas joias", diz vice
 
Na previsão orçamentária para o ano que vem, o Flamengo espera poucos recursos de venda de atletas. Como nos últimos anos, esta linha deve ficar em torno de R$ 10 milhões, expectativa ultrapassada em 2016 com as vendas do zagueiro Wallace (R$ 3,2 milhões) e Kayke (cerca de R$ 7 milhões). Na Gávea, porém, há discussão sobre retorno financeiro de outro porte. Para não falar do caso Gabriel Jesus, muito valorizado e que saiu do Palmeiras por mais de R$ 100 milhões, um exemplo é a venda de Douglas Santos por 6 milhões de euros (R$ 21 milhões).

Questionado sobre o assunto, o vice-presidente de finanças do Flamengo trata com cautela do tema. Mas deixa claro que o clube está dentro de um mercado do futebol de compras e vendas:

- Não estamos contando com isso (Jorge), mas mercado está aí. O dia que aparecer (proposta), analisamos. Não estamos contando com venda de nenhuma das nossas joias. Previsão genérica (de vendas) que fizemos é bem modesta, como tem todo ano, mas existe preocupação de comissão técnica, de dirigentes, de todos, de que o Flamengo tem que ser participante mais ativo e efetivo no mercado de transação do futebol. É fundamental para o clube a longo prazo. Hoje temos receita muito pequena de vendas. Isso tem que ser mais equilibrado, hoje está desequilibrado - comentou o vice de finanças.

Pracownik lembra os investimentos do Flamengo no Centro de Treinamento, nas melhorias nas divisões de base, como essenciais para a revelação de atletas visando retorno dentro de campo, no profissional, mas também em eventuais vendas.

- Temos visão conceitual: o Flamengo participa de um mercado de negócios com compras e vendas de jogadores. Para ser protagonista, tem que comprar e vender. Isso faz com que sejamos participantes ativo, que nos capacita a ter melhores negociações. Claro que isso não se dá instantaneamente. Somos um clube que arrecada bastante e vem investindo a mais tempo e de forma mais consistente na base - lembrou Pracownik, afirmando que o processo é importante até para atração de jogadores e empresários com gana de levar jogadores no Flamengo.


sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Ingressos para Flamengo e Santos começam a ser vendidos nesta sexta

Às 20h desta sexta-feira, começa a venda de ingressos para o último jogo do Flamengo no Maracanã em 2016. A comercialização será apenas para os sócios-torcedores do plano "+ Paixão". Nas horas seguintes, sócios dos outros planos poderão garantir a entrada na partida (veja mais abaixo). A venda exclusiva para sócios-torcedores vai até às 22h de terça, quando abre a venda online para os demais rubro-negros.

O setor Norte conta com os ingressos mais baratos. Para o público geral a meia custa R$ 40,00, enquanto os sócios-torcedores do plano Tradição terão que desembolsar R$ 30,00. Quem é membro dos planos Raça ou superiores pagam R$ 20,00 na meia-entrada. 

Confira abaixo os horários de abertura, valores e pontos de venda físicos

Horários de abertura:

18/11 - 20h - +Paixão; 21h - Paixão; 22h - +Amor; 23h - Amor
19/11, 0h - +Raça; 19/11, 10h - Raça; 11h - Tradição
22/11, 22h - Venda online para o público geral e sócio-torcedor Nação Jr
24/11, 10h - Abertura dos pontos de venda físicos
Venda online até a véspera do jogo (26/11), às 20h.
Site para compra online de sócios-torcedores: www.flamengo.com.br/ingresso
Site para compra online pelo público geral: www.futebolcard.com

Preços:

Norte

Público geral e sócio-torcedor Nação Jr: R$80 (R$40 meia)
Sócio-torcedor Tradição: R$60 (R$30 meia)
Sócio-torcedor Raça e superiores: R$40 (R$20 meia).

Leste Superior
Público geral e sócio-torcedor Nação Jr: R$120 (R$60 meia)
Sócio-torcedor Tradição: R$90 (R$45 meia)
Sócio-torcedor Raça e superiores: R$60 (R$30 meia).


Leste Inferior
Público geral e sócio-torcedor Nação Jr: R$160 (R$80 meia)
Sócio-torcedor Tradição: R$120 (R$60 meia)
Sócio-torcedor Raça e superiores: R$80 (R$40 meia).


Oeste inferior
Público geral e sócio-torcedor Nação Jr: R$160 (R$80 meia)
Sócio-torcedor Tradição: R$120 (R$60 meia)
Sócio-torcedor Raça e superiores: R$80 (R$40 meia).


Maracanã Mais
Público geral e sócio-torcedor Nação Jr: R$225 (R$135 meia)
Sócio-torcedor Tradição: R$180 (R$115 meia)
Sócio-torcedor Raça e superiores: R$135 (R$90 meia).

Pontos de venda físicos

Maracanã - Bilheteria 2 Rua Eurico Rabelo s/n – Maracanã - Do dia 24/11 ao dia 26/11, das 10h às 17h e dia 27/11, das 10hs até o final do 1º tempo
Sede do Flamengo (atendimento aos associados) - Av. Borges de Medeiros, 997 – Lagoa - Do dia 24/11 ao dia 26/11, das 10h às 17h e dia 27/11, das 10h às 13h
Sede do Flamengo (bilheteria externa) - Praça Nossa Senhora da Auxiliadora s/n – Gávea - Do dia 24/11 ao dia 26/11, das 10h às 17h, e dia 27/11, das 10h às 13h
Loja Nação Rubro Negra Shopping Downtown - Av. Das Américas 500 - Bloco 3, Loja 114 -  Barra da Tijuca - Do dia 24/11 ao dia 26/11, das 10h às 17h
Loja Nação Rubro Negra Madureira Shopping - Estrada do Portela 222 - 3º piso – Madureira - Do dia 24/11 ao dia 26/11, das 10h às 17h
Loja Estação Bar Shopping Bay Market - Av. Visconde do Rio Branco, 303 - 3º Andar - Centro - Niterói, RJ - Do dia 24/11  ao dia 26/11, das 10h às 17h
Loja Fanáticos - Av. Brasil, 10, Loja 112 - Araruama, RJ - Do dia 24/11 ao dia 26/11, das 10h às 17h

Pontos de retirada dos ingressos comprados online e integrantes do pacote

Loja adidas - Sede do Flamengo - Av. Borges de Medeiros 997 – Lagoa - Do dia 24/11 ao dia 26/11, das 10h às 17h e dia 27/11, das 10h às 13h
Maracanã - Bilheteria 1 - Av. Maracanã s/n – Maracanã - Do dia 24/11  ao dia 26/11, das 10h às 17h e dia 27/11, das 10h até o final do 1º tempo

Flamengo x Coritiba

Flamengo x Coritiba: 33 mil ingressos vendidos. Venda para Fla x Santos já começou também.

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

AMÉRICA-MG 0 X 1 FLAMENGO

FICHA TÉCNICA:


Local: Mineirão, Belo Horizonte (MG)



Data-hora: 16/11/2016, às 21h45 (de Brasília)

Árbitro: Raphael Claus (SP - Fifa)
Auxiliares: Rogerio Pablos Zanardo - SP (ASP-FIFA) e Danilo Ricardo Simon Manis - SP (ASP-FIFA)

Cartão amarelo: Michael (AME)

Gol: 32'/1° T Everton (1-0)

América-MG: João Ricardo, Jonas, Messias, Alison e Ernandes; Leandro Guerrero (Guilherme Xavier, 41'/2°T), Juninho, Danilo Barcelos (Nilson, 26'/2°T) e Tony; Nixon (Sávio, intervalo) e Michael.
 Técnico: Enderson Moreira.

Flamengo: Paulo Victor, Pará, Donatti, Juan e Jorge; Márcio Araújo, Arão e Diego (Cuéllar, 45'/2°T); Everton (Gabriel, 20'/2°T), Fernandinho (Thiago Santos, 33'/2°T) e Leandro Damião.
 Técnico: Zé Ricardo.


LNB concorda com punição à CBB, mas não aceita veto a Flamengo e Bauru


Punida pela Federação Internacional de Basquete (Fiba), a Confederação Brasileira de Basketball (CBB) está fora de  qualquer competição até o dia 28 de janeiro. A suspensão, porém, não atinge apenas as seleções brasileiras. As equipes nacionais também terão que cumprir o período de veto e assim Flamengo e Bauru estão fora da Liga das Américas. Nesta terça-feira, a Liga Nacional de Basquete, entidade formada pelos clubes e que gere o Novo Basquete Brasil (NBB), se posicionou quanto a situação. Mostrando-se ao lado da Fiba, a LNB garantiu que "o ato é compreensível na medida que busque o caminho para a retomada do crescimento do basquetebol no Brasil". Porém, mostrou-se insatisfeita com o "respingo" nos clubes brasileiros.

Carlos Nunes durante a entrevista na CBB (Foto: Thales Soares) 
Carlos Nunes é o presidente da Confederação Brasileira de Basketball (Foto: Thales Soares)

Através de nota oficial, a Liga Nacional de Basquete disse não concordar com o impedimento de Flamengo e Bauru de participarem da Liga das Américas, direito adquirido no âmbito esportivo. Cita também que em reunião há duas semanas, a Fiba, através de José Luiz Saez, dirigente da mesma, não  mencionou que os clubes filiados à Liga receberiam punições. Por fim, cita que sempre contribuiu para o desenvolvimento do basquete brasileiro, com reconhecimento da própria Fiba.

Assim, a LNB afirma que trabalhará ao lado de órgãos como o Ministério do Esporte e do Comitê Olímpico do Brasil para que uma solução rápida seja encontrada para a modalidade no país e para que a esperança e o otimismo criados com o Novo Basquete Brasil (NBB) sejam ferramentas de solução definitiva.

De acordo com o anúncio da federação internacional, divulgado nesta segunda-feira, o Comitê Executivo da entidade alegou que a CBB não está cumprindo plenamente com suas obrigações como uma federação nacional nos termos dos estatutos gerais aplicáveis e ainda precisa de reestruturação. Em setembro, a principal entidade da modalidade no mundo havia anunciado a criação de uma força-tarefa comandada pelo espanhol José Luis Saez, ex-presidente da Federação Espanhola de Basquete (FEB), para analisar os problemas da CBB.

Dentre as falhas citadas no comunicado da Fiba, a principal refere-se às dívidas com a entidade por um longo período de tempo, apesar de vários períodos de carência concedidos. A ausência em competições internacionais, como torneios continentais de jovens e mundiais de 3x3 adulto, além de desistência de organizar a etapa brasileiro do 3x3 Mundial também pesaram na decisão anunciada nesta segunda-feira.

De acordo com o comunicado, o Comitê Executivo lamentou ainda a situação financeira do basquete brasileiro poucos meses depois dos Jogos Olímpicos. 

Confira a nota na íntegra
 
A Liga Nacional de Basquete (LNB) vem através desta manifestar sua posição em relação à decisão da Federação Internacional de Basquete (FIBA) em suspender a Confederação Brasileira de Basketball (CBB).

A LNB reitera o apoio que sempre prestou à FIBA e entende que tal ato é compreensível na medida em que se busque o caminho para a retomada do crescimento do basquetebol no Brasil. Esta ação, por mais dura que possa parecer, deve trazer consigo a esperança, o entendimento e a soma de esforços para que solucionemos os graves problemas que afligem a nossa Confederação.

Apesar de não fazermos parte dos problemas verificados pela FIBA, queremos e nos colocamos à disposição para fazer parte da solução, a qual certamente não passa pela punição aos clubes brasileiros. Por isso é importante registrarmos nossa insatisfação no impedimento de que nossas equipes, Clube de Regatas Flamengo e Bauru Basket, disputem a próxima edição da Liga das Américas, direito adquirido no mérito esportivo e que para tal competição já exigiu esforços específicos dessas equipes em todo o seu planejamento. Essa notícia surpreendeu à LNB já que há duas semanas o Sr. José Luiz Saez, dirigente da FIBA, se reuniu com a presidência da LNB, em São Paulo, e em nenhum momento mencionou que haveria quaisquer punições aos clubes filiados à Liga, uma vez que a entidade sempre contribuiu com a mesma e tem feito um papel incansável para o desenvolvimento do basquetebol brasileiro. Trabalho, inclusive, muitas vezes reconhecido pela própria FIBA. Uma medida como essa serve, apenas, para agravar a atual situação.

O NBB, como principal produto da LNB, tem se tornado a cada ano mais forte, atraindo novos fãs, novas equipes e patrocinadores. Desta forma, a LNB tem ciência de seu papel neste cenário e de maneira proativa estará, como sempre esteve, pronta para ajudar sob a liderança da FIBA e não medirá esforços para buscar junto às entidades que organizam o esporte no Brasil como Ministério do Esporte e Comitê Olímpico Brasileiro, uma solução rápida para que a modalidade no país continue sendo desenvolvida da melhor forma possível. A esperança e o otimismo existentes desde a criação da LNB, devem agora ser a grande ferramenta para a solução definitiva desta que é a segunda modalidade mais popular do mundo e que certamente voltará a ser no Brasil. 
 
Técnicos também se manifestam

Antes do jogo entre Vitória e Brasília os técnicos Bruno Savignani e Régis Marrelli também falaram sobre a punição da CBB e pediram que a nota com a posição dos treinadores que disputam o NBB 9 fosse lida durante a transmissão do SporTV. 

"Nós, técnicos das 15 equipes do NBB, lamentamos profundamente a situação que chegou a CBB. A decisão da Fiba de segunda-feira só reforça o que todos já sabiam: uma administração incompetente, que levou a entidade máxima do basquete brasileiro ao fundo do poço. Contrariamente a tudo que deveria estar ocorrendo, exigimos transparência e participação dos clubes, técnicos e jogadores nas decisões, escolha de gestores e comando desta entidade. O basquetebol é um produtor que é supervalorizado e a cada dia ganha maior número de fãs e adeptos no nosso país. Portanto, nós profissionais, em sua maioria com décadas de dedicação e amor ao esporte da cesta, exigimos esta transformação e mudanças agora, hoje, sem procrastinar nem mais um minuto. Palavra de técnico".

Passou por cima! Fla faz 6 a 1 sobre o vasco sanitário e é campeão carioca sub-17



lincoln e vinicius flamengo sub-17 (Foto: gustavo rotstein)
Atropelamento rubro-negro na final da Taça Rio Sub-17. Depois não tomar conhecimento do vasco e fazer 4 a 0 no jogo de ida, em São Januário, o Flamengo voltou a golear nesta quarta-feira, conquistou o segundo turno e, por tabela, o título estadual da categoria: 6 a 1 - 10 a 1 no agregado. Principal nome dessa promissora geração, Vinícius fez dois gols - um deles olímpico -, assim como Lincoln. Bill e Wesley completaram, enquanto Robinho descontou.  

Com o título do Flamengo praticamente garantido pela vitória no jogo de ida, o primeiro tempo foi equilibrado e os donos da casa abriram 1 a 0 somente nos minutos finais, com Bill. Os rubro-negros, porém, voltaram avassaladores para etapa final e, de forma impressionante, marcaram quatro gols em 20 minutos: na parada técnica, o placar já apontava 5 a 0.   

A ampla desvantagem fez o vasco perder a cabeça. Miranda e Linnick receberam o segundo cartão amarelo e foram expulsos. Apesar do adversário fragilizado defensivamente, o Flamengo fez somente mais um, até que Robinho colocou números finais no placar descontando para os vascaínos em rebote de cobrança de pênalti. Campeão da Taça Guanabara, o Flamengo  repete a dose na Taça Rio e vence o Estadual sem a necessidade de uma final.

 Lincoln, o goleador, e Vinicius, o craque do time do Flamengo sub-17 (Foto: Gustavo Rotstein)

flamengo sub-17 (Foto: gustavo rotstein) 
Garotada do sub-17 do Flamengo comemora título sobre o Vasco no gramado da Gávea (Foto: Gustavo Rotstein)
flamengo, final, sub-17, carioca (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo) 
Jogadores do Flamengo comemoram título sobre o Vasco (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

flamengo, final, sub-17, carioca (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo) 
Jogadores do Flamengo posam para foto com medalhas e taças da competição (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)


Flamengo consegue efeito suspensivo de punição sofrida contra o marginais corinthianos


Torcida do Corinthians entra em conflito com policiais no Maracan (Foto: André Durão / GloboEsporte.com)
O Flamengo conseguiu um efeito suspensivo da punição recebida, há duas semanas, pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). A pena estipulada anteriormente previa que o clube teria 20% a menos de carga de ingressos por um jogo e multa de R$ 20 mil. Com isso, o Rubro-Negro poderá vender todos os setores para a partida deste domingo, diante do Coritiba, no Maracanã.

A punição aconteceu por conta da confusão na partida diante do Corinthians, dia 23 de outubro, no Maracanã. A equipe paulista foi punida com cinco jogos sem corintianos como visitantes e cinco partidas sem a presença das organizadas na Arena.

Apesar de seus torcedores não terem se envolvido em confusão com a PM, o Flamengo foi denunciado por ser mandante da partida, além do fato de um torcedor ter arremessado um copo plástico em campo. Alguns auditores disseram que o Rubro-Negro se omitiu ao não providenciar a segurança necessária dentro do Maracanã.

Cerca de 22 mil ingressos já foram vendidos antecipadamente para o jogo deste fim de semana. A venda para o público em geral começou na terça-feira. A partir de quinta-feira será aberta em pontos físicos.

Pontos de vendas para Flamengo x Coritiba. Terão início nesta quinta-feira, às 10h:

Loja Nação Rubro Negra
Av. Das Américas 500 - Bloco 3 Loja 114 - Shopping Downtown -  Barra da Tijuca  -  (Do dia 17/11  ao dia 19/11 das 10hs às 17hs)

Loja Nação Rubro Negra
Estrada do Portela 222 - 3º piso - Madureira - Madureira Shopping -  (Do dia 17/11  ao dia 19/11 das 10hs às 17hs)

Shopping Bay Market
Centro Niterói – Shopping Bay Market Loja Estação Bar
Av. Visconde do Rio Branco Nº303 3º Andar.  (Do dia 17/11  ao dia 19/11 das 10hs às 17hs)

Loja Fanáticos
Araruama
Av. Brasil nº 10, Loja 112  (Do dia 17/11  ao dia 19/11 das 10hs às 17hs)

Sede Flamengo
Av. Borges de Medeiros 997  ( Atendimento Sócio)  -  (Do dia 17/11  ao dia 19/11 das 10hs às 17hs No dia 20/11 Das 10hs às 13hs)

Sede Flamengo
Praça Nossa Senhora da Auxiliadora s/n -Gávea  ( Bilheteria externa) (Do dia 17/11  ao dia 19/11 das 10hs às 17hs No dia 20/11 Das 10hs às 13hs)

Maracanã -  Bilheteria 2
Rua Eurico Rabelo s/n ( Maracanã)  (Do dia 17/11  ao dia 19/11 das 10hs às 17hs No dia 20/11 das 10hs até o final do 1º tempo)

Pontos de troca dos pacotes:

Sede Flamengo

Av. Borges de Medeiros 997  ( Loja Adidas)  -  (Do dia 17/11  ao dia 19/11 das 10hs às 17hs No dia 20/11 Das 10hs às 13hs)


Maracanã -  Bilheteria 1

Av, Maracanã s/n   (Do dia 17/11  ao dia 19/11 das 10hs às 17hs No dia 20/11 das 10hs até o final do 1º tempo)

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Flamengo poupa Muralha após viagem e vai de Paulo Victor contra o América-MG


Paulo Victor Flamengo treino (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)
Na reta final do Campeonato Brasileiro, o Flamengo tenta minimizar suas perdas. Mas no caso de Alex Muralha, não será possível. O clube analisou a possibilidade de contar com o goleiro na partida contra o América-MG, nesta quarta-feira, mas chegou à conclusão de que não será possível. Ele está com a seleção brasileira que na madrugada desta quarta-feira enfrenta o Peru, em Lima, pelas eliminatórias da Copa do Mundo.

A previsão é que Muralha desembarque no Rio de Janeiro por volta das 11h desta quarta-feira. O Flamengo joga com o América-MG às 21h45 no Mineirão. Mas embora possivelmente não entre em campo pela Seleção, o clube achou por bem preservar fisicamente o goleiro, que logo após a partida enfrentará um voo de cinco horas de duração de volta ao Brasil.

Internamente, o Flamengo lamentou estar em desvantagem nesse aspecto em relação aos seus três maiores concorrentes neste Campeonato Brasileiro. Isso porque Palmeiras, Santos e Atlético-MG jogam na quinta-feira, o que dá a possibilidade de os selecionáveis Gabriel Jesus, Lucas Lima e Lucas Pratto (Argentina), respectivamente, estarem em campo.

Dessa forma, Paulo Victor será mais uma vez titular do Flamengo. O goleiro disputou quatro partidas neste Campeonato Brasileiro, sendo a última em 9 de outubro – vitória por 3 a 0 sobre o Santa Cruz no Pacaembu.

Com a ausência de Alex Muralha, o Flamengo tem confirmados cinco desfalques contra o América-MG. Os demais são Réver, Rafael Vaz e Emerson Sheik, suspensos, e Guerrero, que joga contra o Brasil pelas eliminatórias.




Suspensão da CBB pode tirar Flamengo e Bauru da Liga das Américas

A suspensão da Confederação Brasileira de Basquete (CBB) de todas as competições internacionais até o dia 28 de janeiro anunciada pela Federação Internacional nesta segunda-feira vai atingir também a programação dos clubes na Liga das Américas. Classificados para a competição organizada pela Fiba, Flamengo e Bauru não poderão disputar o torneio, a partir de janeiro. Após ter entrado em contato com Javier Otero (diretor de competições da Fiba Américas), André Guimarães, supervisor do time da Gávea, teve a confirmação de que a participação no momento estava afetada, mas que a situação ainda poderia ser mudada. 

Se o dirigente rubro-negro preferiu não fazer comentários sobre a suspensão, o gestor do Bauru, Vitinho Jacob, disse que o clube irá buscar seus direitos para poder participar.

- Nós recebemos a notícia pela imprensa, não recebemos nada nem da CBB, nem da Fiba. É uma coisa muito ruim, não depende dos clubes, não depende da gente. O trabalho dentro de quadra foi feito, conquistamos a vaga. Junto ao Flamengo e com a Liga Nacional, vamos procurar nosso direito, para que a gente não perca a oportunidade de jogar o campeonato. A Liga das Américas é o principal campeonato, sem dúvida, é a Libertadores do basquete, é quando podemos levar o nome da nossa cidade e do nosso clube para o mundo. E vamos fazer o máximo, até o final, para que a gente consiga disputar o campeonato - afirmou. 

Bauru Basket, Bauru x Flamengo, Panela de Pressão, NBB (Foto: Caio Casagrande / Bauru Basket) 
Flamengo e Bauru não podem disputar Liga das Américas (Foto: Caio Casagrande / Bauru Basket)


Por outro lado, o Mogi das Cruzes ainda poderá entrar em quadra para brigar pelo título da Liga Sul-Americana, a partir do dia 23 de novembro, já que o campeonato já está em andamento. A equipe comandada pelo técnico Guerrinha está invicta e irá enfrenta o Bahia Blanca (ARG) na decisão. A série será decidida em melhor de cinco jogos. Caso o representante brasileiro vença, também ficará impedido de participar da Liga das Américas.

De acordo com a nota divulgada pela Fiba, o Comitê Executivo alegou que a CBB não está cumprindo plenamente com suas obrigações como uma federação nacional nos termos dos estatutos gerais aplicáveis e ainda precisa de reestruturação. Em setembro, foi criada de uma força-tarefa comandada por José Luis Saez, ex-presidente da Federação Espanhola, para analisar os problemas. Por meio de um comunicado oficial publicado em seu site, a Confederação se disse surpresa com a decisão tomada pela Fiba e prometeu mais esclarecimentos para a próxima quarta-feira. A entidade máxima do basquete manterá contato com a CBB ainda este mês "para estipular planos concretos de reforma".

Primeira Liga fica fora do calendário oficial de 2017 e divulgará datas até fim do mês


Reunião da Primeira Liga A Primeira Liga não foi incluída pela CBF no calendário oficial de competições para 2017. O secretário-geral da entidade, Walter Feldman, explicou que, por se tratar de uma competição amistosa, não entra no calendário oficial O diretor jurídico da liga, Eduardo Carlezzo, avisou que o grupo ainda analisará o calendário divulgado nesta segunda-feira para anunciar as datas da disputa da Primeira Liga no próximo ano. A edição de 2016 foi realizada após intensas discussões entre os clubes, a CBF e a Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj), que se negava a permitir a participação de seus filiados. No fim, houve um acordo e o Fluminense foi campeão.

- Não tínhamos essa expectativa (de entrar no calendário oficial). Estamos analisando o calendário da CBF e até o fim do mês divulgará as datas que utilizará em 2017, sujeitas a ajustes posteriores decorrentes da participação dos clubes nas competições continentais - explicou Carlezzo.

Feldman disse que ainda aguarda as decisões da direção da Primeira Liga e que as últimas reuniões aconteceram há quatro meses:

- Não se coloca uma competição amistosa no calendário oficial. Tivemos longas conversas sobre onde seria possível, datas que seria possível, mas isso já faz uns quatro meses. Dissemos o que será possível, mas nunca mais houve um retorno. Então ainda não fomos informados de nenhuma decisão por parte deles. Como é uma competição amistosa, a gente fica mais tranquilo - afirmou o secretário-geral da CBF.

No 121° aniversário do Flamengo, jornalistas lançam livro sobre os 15 anos do tri


"Isso aqui é Flamengo" será lançado na Gávea, às 15h desta terça (Foto: Divulgação)

Aniversário do Flamengo é dia de celebrar a história rubro-negra, e nesta terça-feira, quando o clube completa 121 anos, uma série de eventos acontecerá na Gávea. Entre elas o lançamento de "Isso aqui é Flamengo", livro escrito pelos jornalistas Roberto Assaf e Claudio Portella.

Trata-se de uma homenagem aos 15 anos da conquista do tricampeonato estadual rubro-negro cujos protagonistas foram Petkovic, Edílson e Zagallo. No livro, os três dão depoimentos, assim como outras peças importantes da histórica vitória por 3 a 1 sobre o .  vasco sanitário.

Autor do gol que garantiu o terceiro título consecutivo em finais contra o arquirrival, Petkovic marcará presença. Outros campeões também estarão na Gávea.

LIVRO 2001 ISSO AQUI É FLAMENGO

LANÇAMENTO OFICIAL:
15/11/2016

LOCAL:
GÁVEA

HORÁRIO:
15H

domingo, 13 de novembro de 2016

Flamengo FA arrasa vasco sanitário e está na semifinal da Superliga Nacional

Rubro-Negro vence rivais por 43 a 3 e enfrenta o João Pessoa Espectros em busca da final Superliga Nacional. Outra semi será disputada entre Timbó Rex e Cuiabá Arsenal



Flamengo FA e Vasco Patriotas na semifinal da Superliga Nacional de futebol americano (Foto: Carlos Gregório Jr./Vasco.com.br) 
Flamengo FA e vasco sanitário na semifinal da Superliga Nacional de futebol americano (Foto: Carlos Gregório Jr./Vasco.com.br)

O Flamengo FA se sagrou campeão da Conferência Leste da Superliga Nacional de futebol americano, neste domingo, ao arrasar o vasco sanitário por 43 a 3, no campo do São Critóvão, zona norte do Rio de Janeiro. O adversário na semifinal da competição será o campeão da Conferência Nordeste, o Ceará Caçadores ou João Pessoa Espectros, que jogam neste domingo.

O vasco sanitário saiu na frente com um field goal: 3 a 0. Mas o Flamengo fez três touchdowns e dois extra points, terminando o primeiro tempo vencendo por 20 a 3. No terceiro quarto o rubro-negro fez mais três  touchdowns, um ponto extra e uma jogada para dois pontos, chegando a 43 a 3.

Também neste domingo, pela final da Conferência Sul, o Timbó Rex bateu o Coritiba Crocodiles por 16 x 0 e vai enfrentar o Cuibá Arsenal, que no sábado passou pela Lusa Lions por 32 a 3 e venceu a Conferência Oeste.

 Finais de Conferência - Superliga Nacional 2016
Timbó Rex 16 x 0 Coritiba Crocodiles (Sul)
Cuiabá Arsenal 32 x 3 Lusa Lions (Oeste)

Ceará Caçadores 20 x 27 João Pessoa Espectros (Nordeste)
Flamengo FA 43 x 3 Vasco Patriotas (Leste)

Fim de jogo! Flamengo FA campeão da Conferência Leste com uma esmagadora vitória de 43 x 3 em cima do vasco sanitário(vice).